SlideShare uma empresa Scribd logo
Lição 7 A Oração da Igreja e o Trabalho do Espírito Santo 2010 4º Tri - O Poder e o Ministério da Oração
Lição 7 Verdade Prática A expansão contínua do evangelho completo é um distintivo da igreja que não se descuida da oração. 2010 4º Tri - O Poder e o Ministério da Oração
Introdução Você é batizado com o Espírito Santo? Vamos aprender O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? É uma promessa: Joel – “E há de ser que, depois derramarei o meu Espírito sobre toda a carne, e vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos velhos terão sonhos, os vossos jovens terão visões. E também sobre os servos e sobre as servas naqueles dias derramarei o meu Espírito.” (Jl2.28,29 ) ~800 aC João Batista – “E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; cujas alparcas não sou digno de levar; ele vos batizará com o Espírito Santo, e com fogo.” (Mt 3.11)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? É uma promessa: Jesus – “Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra.” (At 1.8) A promessa se cumpriu: “E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.”  (At 2.2-4)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? A promessa é para todos os cristãos: “E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe, a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar.” (At 2.38,39)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Os apóstolos encaminhavam os cristãos para isso: “Os apóstolos, pois, que estavam em Jerusalém, ouvindo que Samaria recebera a palavra de Deus, enviaram para lá Pedro e João. Os quais, tendo descido, oraram por eles para que recebessem o Espírito Santo (Porque sobre nenhum deles tinha ainda descido; mas somente eram batizados em nome do Senhor Jesus). Então lhes impuseram as mãos, e receberam o Espírito Santo.” (At 8.14-17)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Fatos: A experiência de Paulo – “E Ananias foi, e entrou na casa e, impondo-lhe as mãos, disse: Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou, para que tornes a ver e sejas cheio do Espírito Santo. E logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista; e, levantando-se, foi batizado.” (At 8.14-17)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Fatos: A experiência de Cornélio e sua família – “E, dizendo Pedro ainda estas palavras, caiu o Espírito Santo sobre todos os que ouviam a palavra. E os fiéis que eram da circuncisão, todos quantos tinham vindo com Pedro, maravilharam-se de que o dom do Espírito Santo se derramasse também sobre os gentios. Porque os ouviam falar línguas, e magnificar a Deus. Respondeu, então, Pedro: Pode alguém porventura recusar a água, para que não sejam batizados estes, que também receberam como nós o Espírito Santo?” (At 10.44-47)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Fatos: Os efésios – “E sucedeu que, enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo, tendo passado por todas as regiões superiores, chegou a Éfeso; e achando ali alguns discípulos, Disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo. Perguntou-lhes, então: Em que sois batizados então? E eles disseram: No batismo de João. Mas Paulo disse: Certamente João batizou com o batismo do arrependimento, dizendo ao povo que cresse no que após ele havia de vir, isto é, em Jesus Cristo. E os que ouviram foram batizados em nome do Senhor Jesus. E, impondo-lhes Paulo as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo; e falavam línguas, e profetizavam. E estes eram, ao todo, uns doze homens. ” (At 19.1-7)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. O que fazer para ser batizado com o Espírito Santo? Ter uma vida de oração: “Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas, com as mulheres, e Maria, mãe de Jesus, e com seus irmãos.” (At 1.14) Ser obediente: “E nós somos testemunhas acerca destas palavras, nós e também o Espírito Santo, que Deus deu àqueles que lhe obedecem.” (At 5.32)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Quem segura o agir do Espírito Santo por vergonha?
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Preparação para o serviço do Reino. Qual o proposito de Deus no batismo com o Espírito Santo? “E, servindo eles ao Senhor e jejuando, disse o Espírito Santo: Apartai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado.” (At 13.2) Uma vez batizado com o Espírito Santo, o crente pode realizar qualquer tarefa na igreja? “Mas um só e o mesmo Espírito opera todas essas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.” (1Co 12.11)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Evidências da ação do Espírito Santo. Orar em línguas é evidência do batismo com o Espírito Santo? A manifestação visível de falar em línguas, pode até ser vista pelas outras pessoas, mas o objetivo é confirmar para “nós mesmos” essa graça.  É uma prova que Deus dá para nós mesmos. “De sorte que as línguas constituem um sinal não para os crentes, mas para os incrédulos; mas a profecia não é para os incrédulos, e sim para os que crêem. Se, pois, toda a igreja se reunir no mesmo lugar, e todos se puserem a falar em outras línguas, no caso de entrarem indoutos ou incrédulos, não dirão, porventura, que estais loucos?” (1Co 14.22-23)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Evidências da ação do Espírito Santo. Qual é a principal evidência do batismo com o Espírito Santo? O batismo com Espírito Santo nos leva a mudança de vida (verdadeira conversão). A verdadeira conversão, não é uma simples mudança de religião, mas uma mudança de vida!  Muitas pessoas mudam de igrejas, mas continuam com os mesmos pecados e costumes. Não abandonam o “velho homem”. “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.”  (2Co 5.17) “Sabendo isto, que o nosso homem velho foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, para que não sirvamos mais ao pecado.” (Rom 6.6)
I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Evidências da ação do Espírito Santo. Qual é a principal evidência do batismo com o Espírito Santo? “Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano;” (Ef 4.22) “Não mintais uns aos outros, pois que já vos despistes do velho homem com os seus feitos, E vos vestistes do novo, que se renova para o conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou;” (Col 3.9)
II. A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA O Espírito Santo prepara pregadores. Revista: Esse mesmo Espírito continua a capacitar homens e mulheres para a obra da evangelização, do ensino e da literatura, a fim de proporcionar a expansão do Reino de Deus. A igreja deve orar sem cessar para que o Senhor a enriqueça com obreiros aprovados, que manejam bem a Palavra da Verdade (2 Tm 2.15) e sejam irrepreensíveis (1 Tm 3.1-13).
II. A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA O Espírito concede intrepidez. Intrepidez: Coragem que não hesita ante nenhum perigo. Ausência de temor, coragem, ousadia.
II. A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA Escolhendo e enviando homens para a obra missionária (At 13.1-5). A atividade missionária é originada pelo Espírito Santo, através de líderes espirituais que estão profundamente dedicados ao Senhor e ao seu reino, buscando-o com oração e jejum (At 13.2). “E, servindo eles ao Senhor e jejuando, disse o Espírito Santo: Apartai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado.” Reflexão da Revista: “Aprender a receber e a seguir a orientação do Espírito Santo na seleção e envio de obreiros de obreiros é essencial a um ministério missionário eficaz. O Espírito Santo é a fonte da orientação divina, independente dos meios que Ele venha a empregar. (Robert L. Brant e Zenas J. Bicket)”
III. O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA A igreja cresce (At 2.41,47). Cl 4.2,3.12 “Perseverai em oração, velando nela com ação de graças; orando também juntamente por nós, para que Deus nos abra a porta da palavra, a fim de falarmos do mistério de Cristo, pelo qual estou também preso; Saúda-vos Epafras, que é dos vossos, servo de Cristo, combatendo sempre por vós em orações,  para que vos conserveis firmes, perfeitos e consumados em toda a vontade de Deus.”
III. O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA Crescimento x Perseguição. “Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus.” (At 12.5) “O crescimento durante os tempos de opressão mostra que o cristianismo não é uma obra humana, mas de Deus.” (Bíblia Aplicação Pessoal)
III. O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA A integridade da igreja. “Quando o amor ao dinheiro e o aplauso dos homens tomam posse de uma pessoa, seu espírito fica vulnerável a todos os tipos de males satânicos (1Tm 6.10). Ninguém pode estar cheio de amor ao dinheiro e, ao mesmo tempo, amar e servir a Deus (Mt 6.24; Jo 5.41-44).” (Francisco A. Barbosa)
Correção do Questionário 1. Quando a Igreja foi instituída? R. No dia de Pentecoste. 2. Qual fator impulsionou o início da Igreja? R.  A descida do Espírito Santo no dia de Pentecoste. 3. Quem prepara e capacita os obreiros para a obra do Senhor? R. O Espírito Santo 4. Como a igreja pode se tornar poderosa em suas ações? R. Mediante a oração com propósito unânime. 5. O que leva o crente a ser generoso e solidário? R. O predomínio do Espírito Santo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Slide de-intercessao-01
Slide de-intercessao-01Slide de-intercessao-01
Slide de-intercessao-01
Minerva Souza
 
Formação de intercessão
Formação de intercessãoFormação de intercessão
Formação de intercessão
Cassio Felipe
 
Módulo serviço – apostila 2
Módulo serviço – apostila 2  Módulo serviço – apostila 2
Módulo serviço – apostila 2
Cassio Felipe
 
Estudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessãoEstudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessão
Edleusa Silva
 
Formação intercessão apóstila i
Formação intercessão apóstila iFormação intercessão apóstila i
Formação intercessão apóstila i
Tatiano Ribeiro Dos Santos
 
Lição 5 o poder da intercessão
Lição 5   o poder da intercessãoLição 5   o poder da intercessão
Lição 5 o poder da intercessão
prvladimir
 
Dons do espirito santo
Dons do espirito santoDons do espirito santo
Dons do espirito santo
WebExecutivo1
 
Simpósio Intercessão
Simpósio IntercessãoSimpósio Intercessão
Simpósio Intercessão
Jana Franpe
 
1. avivamento do odre novo
1. avivamento do odre novo1. avivamento do odre novo
1. avivamento do odre novo
Nicolas Panda
 
Modelo novo tempo da criação
Modelo novo tempo da criaçãoModelo novo tempo da criação
Modelo novo tempo da criação
LeonardoMoraisJr
 
Dons e talentos usados para a gloria de deus
Dons e talentos usados para a gloria de deusDons e talentos usados para a gloria de deus
Dons e talentos usados para a gloria de deus
Tiago Silveira
 
Os 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito SantoOs 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito Santo
Roberto Trindade
 
Intercessão no gou
Intercessão no gouIntercessão no gou
Intercessão no gou
Marcos Dias
 
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempoLição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
Erberson Pinheiro
 
Lição 4 - O perfil dos enviados de cristo
Lição 4 - O perfil dos enviados de cristoLição 4 - O perfil dos enviados de cristo
Lição 4 - O perfil dos enviados de cristo
Erberson Pinheiro
 
Slide dons espirituais
Slide dons espirituaisSlide dons espirituais
Slide dons espirituais
Nayane Oliveira
 
Estudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espíritoEstudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espírito
Reginaldo Pacheco
 
Lição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de Jesus
Lição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de JesusLição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de Jesus
Lição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de Jesus
Éder Tomé
 
Projeto Amigos de Deus
Projeto Amigos de DeusProjeto Amigos de Deus
Projeto Amigos de Deus
Lucas José Rodrigues Costa
 
Vinho novo odres_novos-03
Vinho novo odres_novos-03Vinho novo odres_novos-03
Vinho novo odres_novos-03
dulcy
 

Mais procurados (20)

Slide de-intercessao-01
Slide de-intercessao-01Slide de-intercessao-01
Slide de-intercessao-01
 
Formação de intercessão
Formação de intercessãoFormação de intercessão
Formação de intercessão
 
Módulo serviço – apostila 2
Módulo serviço – apostila 2  Módulo serviço – apostila 2
Módulo serviço – apostila 2
 
Estudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessãoEstudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessão
 
Formação intercessão apóstila i
Formação intercessão apóstila iFormação intercessão apóstila i
Formação intercessão apóstila i
 
Lição 5 o poder da intercessão
Lição 5   o poder da intercessãoLição 5   o poder da intercessão
Lição 5 o poder da intercessão
 
Dons do espirito santo
Dons do espirito santoDons do espirito santo
Dons do espirito santo
 
Simpósio Intercessão
Simpósio IntercessãoSimpósio Intercessão
Simpósio Intercessão
 
1. avivamento do odre novo
1. avivamento do odre novo1. avivamento do odre novo
1. avivamento do odre novo
 
Modelo novo tempo da criação
Modelo novo tempo da criaçãoModelo novo tempo da criação
Modelo novo tempo da criação
 
Dons e talentos usados para a gloria de deus
Dons e talentos usados para a gloria de deusDons e talentos usados para a gloria de deus
Dons e talentos usados para a gloria de deus
 
Os 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito SantoOs 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito Santo
 
Intercessão no gou
Intercessão no gouIntercessão no gou
Intercessão no gou
 
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempoLição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
 
Lição 4 - O perfil dos enviados de cristo
Lição 4 - O perfil dos enviados de cristoLição 4 - O perfil dos enviados de cristo
Lição 4 - O perfil dos enviados de cristo
 
Slide dons espirituais
Slide dons espirituaisSlide dons espirituais
Slide dons espirituais
 
Estudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espíritoEstudo sobre o fruto do espírito
Estudo sobre o fruto do espírito
 
Lição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de Jesus
Lição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de JesusLição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de Jesus
Lição 4 - Possessão Demoníaca e a Autoridade do Nome de Jesus
 
Projeto Amigos de Deus
Projeto Amigos de DeusProjeto Amigos de Deus
Projeto Amigos de Deus
 
Vinho novo odres_novos-03
Vinho novo odres_novos-03Vinho novo odres_novos-03
Vinho novo odres_novos-03
 

Destaque

O ministério de oração da igreja
O ministério de oração da igrejaO ministério de oração da igreja
O ministério de oração da igreja
Elsemara Alípio
 
EBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os Domingos
EBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os DomingosEBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os Domingos
EBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os Domingos
Fernando Mota
 
Batismo nas águas
Batismo nas águasBatismo nas águas
Batismo nas águas
Icm Bela Vista
 
[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...
[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...
[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...
José Carlos Polozi
 
Presença e Atuação do Espírito Santo no Antigo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Antigo TestamentoPresença e Atuação do Espírito Santo no Antigo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Antigo Testamento
Rogério Nunes
 
Presença e Atuação do Espírito Santo no Novo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Novo TestamentoPresença e Atuação do Espírito Santo no Novo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Novo Testamento
Rogério Nunes
 
Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)
ESTUDANTETEOLOGIA
 

Destaque (7)

O ministério de oração da igreja
O ministério de oração da igrejaO ministério de oração da igreja
O ministério de oração da igreja
 
EBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os Domingos
EBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os DomingosEBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os Domingos
EBD Revista Compromisso 9:00hs Todos os Domingos
 
Batismo nas águas
Batismo nas águasBatismo nas águas
Batismo nas águas
 
[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...
[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...
[EBD Maranata] Revista Profecias | Lição 6 - Profetas Maiores e Menores | 08/...
 
Presença e Atuação do Espírito Santo no Antigo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Antigo TestamentoPresença e Atuação do Espírito Santo no Antigo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Antigo Testamento
 
Presença e Atuação do Espírito Santo no Novo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Novo TestamentoPresença e Atuação do Espírito Santo no Novo Testamento
Presença e Atuação do Espírito Santo no Novo Testamento
 
Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)
 

Semelhante a [EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração da igreja e o trabalho do Espírito Santo | Aula 14/11/10

Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptxUma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
JorgeVieira668836
 
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...
José Carlos Polozi
 
A obra do espirito santo na igreja
A obra do espirito santo na igrejaA obra do espirito santo na igreja
A obra do espirito santo na igreja
Marconi Pacheco
 
A ação do Espírito Santo na evangelização.
A ação do Espírito Santo na evangelização.A ação do Espírito Santo na evangelização.
A ação do Espírito Santo na evangelização.
Quenia Damata
 
Conquistando vidas para o Reino de Deus
Conquistando vidas para o Reino de DeusConquistando vidas para o Reino de Deus
Conquistando vidas para o Reino de Deus
Quenia Damata
 
Lição 10 - As manifestações do espírito santo
Lição 10 - As manifestações do espírito santoLição 10 - As manifestações do espírito santo
Lição 10 - As manifestações do espírito santo
Erberson Pinheiro
 
O QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdfO QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdf
SEDUC-PA
 
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉHISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
joaquim2010_2011
 
01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt
01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt
01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt
Tiago Silva
 
Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Gerson G. Ramos
 
Batismo no Espírito santo
Batismo no Espírito santo Batismo no Espírito santo
Batismo no Espírito santo
Wilson Paulo de Santana Paulo
 
Apresentao batismo com esprito santo
Apresentao   batismo com esprito santoApresentao   batismo com esprito santo
Apresentao batismo com esprito santo
Jairosoliveira
 
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-SeminárioAula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
sebastiaoluzemboluz
 
Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa
Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa
Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa
Erberson Pinheiro
 
As Manifestações do Espírito Santo.
As Manifestações do Espírito Santo.As Manifestações do Espírito Santo.
As Manifestações do Espírito Santo.
Márcio Martins
 
As manifestaçoes do Espirito Santo
As manifestaçoes do Espirito SantoAs manifestaçoes do Espirito Santo
As manifestaçoes do Espirito Santo
Hamilton Souza
 
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Éder Tomé
 
Dons do Espírito Santo
Dons do Espírito SantoDons do Espírito Santo
Dons do Espírito Santo
Wilson Paulo de Santana Paulo
 
O que o Espírito Santo faz (2)
O que o Espírito Santo faz (2)O que o Espírito Santo faz (2)
O que o Espírito Santo faz (2)
Rovanildo Vieira Soares
 
4º módulo 4ª aula
4º módulo   4ª aula4º módulo   4ª aula
4º módulo 4ª aula
Joel Silva
 

Semelhante a [EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração da igreja e o trabalho do Espírito Santo | Aula 14/11/10 (20)

Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptxUma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
Uma perspectiva Pentecostal de Evangelismo e Missões.pptx
 
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 4 - A oração ...
 
A obra do espirito santo na igreja
A obra do espirito santo na igrejaA obra do espirito santo na igreja
A obra do espirito santo na igreja
 
A ação do Espírito Santo na evangelização.
A ação do Espírito Santo na evangelização.A ação do Espírito Santo na evangelização.
A ação do Espírito Santo na evangelização.
 
Conquistando vidas para o Reino de Deus
Conquistando vidas para o Reino de DeusConquistando vidas para o Reino de Deus
Conquistando vidas para o Reino de Deus
 
Lição 10 - As manifestações do espírito santo
Lição 10 - As manifestações do espírito santoLição 10 - As manifestações do espírito santo
Lição 10 - As manifestações do espírito santo
 
O QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdfO QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdf
 
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉHISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
HISTÓRIA DO MINISTÉRIO PENTECOSTAL ROMPENDO EM FÉ
 
01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt
01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt
01-histc3b3ria-eclesic3a1stica-a-igreja-no-perc3adodo-apostc3b3lic0.ppt
 
Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013Oração: a força do reavivamento resumo 232013
Oração: a força do reavivamento resumo 232013
 
Batismo no Espírito santo
Batismo no Espírito santo Batismo no Espírito santo
Batismo no Espírito santo
 
Apresentao batismo com esprito santo
Apresentao   batismo com esprito santoApresentao   batismo com esprito santo
Apresentao batismo com esprito santo
 
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-SeminárioAula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
Aula 6 Discipulado Cristão PDF.pdf-Seminário
 
Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa
Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa
Lição 9 - A necessidade de termos uma vida santa
 
As Manifestações do Espírito Santo.
As Manifestações do Espírito Santo.As Manifestações do Espírito Santo.
As Manifestações do Espírito Santo.
 
As manifestaçoes do Espirito Santo
As manifestaçoes do Espirito SantoAs manifestaçoes do Espirito Santo
As manifestaçoes do Espirito Santo
 
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
 
Dons do Espírito Santo
Dons do Espírito SantoDons do Espírito Santo
Dons do Espírito Santo
 
O que o Espírito Santo faz (2)
O que o Espírito Santo faz (2)O que o Espírito Santo faz (2)
O que o Espírito Santo faz (2)
 
4º módulo 4ª aula
4º módulo   4ª aula4º módulo   4ª aula
4º módulo 4ª aula
 

Mais de José Carlos Polozi

[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
José Carlos Polozi
 
O cachorro e o açougueiro
O cachorro e o açougueiroO cachorro e o açougueiro
O cachorro e o açougueiro
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...
[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...
[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12
[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12
[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...
[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...
[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12
[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12
[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12
[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12
[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...
[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...
[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...
[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...
[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...
[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...
[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...
[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...
[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...
[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...
[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...
[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...
[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...
[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...
[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7 - O ensino de Jesus sobre ...
[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7  - O ensino de Jesus sobre ...[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7  - O ensino de Jesus sobre ...
[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7 - O ensino de Jesus sobre ...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração...
 [EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração... [EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...
José Carlos Polozi
 
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...
José Carlos Polozi
 

Mais de José Carlos Polozi (20)

[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
[EBD Maranata] Lição 12 - Davi | Revista Heróis do Antigo Testamento | 01/04/12
 
O cachorro e o açougueiro
O cachorro e o açougueiroO cachorro e o açougueiro
O cachorro e o açougueiro
 
[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...
[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...
[EBD Maranata] Lição 08 - Moisés | Revista Heróis do Antigo Testamento | 26/0...
 
[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12
[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12
[EBD Maranata] Lição 06 - Jacó | Revista Heróis do Antigo Testamento | 12/02/12
 
[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...
[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...
[EBD Maranata] Lição 05 - Isaque | Revista Heróis do Antigo Testamento | 05/0...
 
[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12
[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12
[EBD Maranata] Lição 03 - Noé | Revista Heróis do Antigo Testamento | 22/01/12
 
[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12
[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12
[EBD Maranata] Lição 01 - Abel | Revista Heróis do Antigo Testamento | 08/01/12
 
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
 
[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...
[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...
[EBD Maranata] Lição 06 - Neemias lidera um genuíno avivamento | Revista: Nee...
 
[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...
[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...
[EBD Maranata] Lição 02 - Liderança em tempos de crise | Revista: Neemias (CP...
 
[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...
[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...
[EBD Maranata] Lição 12 - A justiça divina sempre prevalece | Revista A base ...
 
[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...
[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...
[EBD Maranata] Lição 11 - Os propósitos de Deus se cumprirão em nós | Revista...
 
[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...
[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...
[EBD Maranata] Lição 9 - A importância da experiência com Deus | Revista A ba...
 
[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...
[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...
[EBD Maranata] Lição 5 - A ação de Deus em nossa vida | Revista A base para u...
 
[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...
[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...
[EBD Maranata] Lição 1 - Uma vida de prosperidade | Revista A base para uma v...
 
[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7 - O ensino de Jesus sobre ...
[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7  - O ensino de Jesus sobre ...[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7  - O ensino de Jesus sobre ...
[EBD Maranata] Revista Ensinos de Jesus | Lição 7 - O ensino de Jesus sobre ...
 
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração...
 [EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração... [EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração...
[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 9 - A oração...
 
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 06 - A Importância da Disci...
 
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 04 - O Poder Irresistível d...
 
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...
[EBD Maranata] Revista Atos dos Apóstolos | Lição 10 - O Evangelho Propaga-se...
 

Último

Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
FernandoCavalcante48
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
HerverthRibeiro1
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
Nelson Pereira
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 

Último (10)

Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermosEnfermos - Unção para consagração dosa enfermos
Enfermos - Unção para consagração dosa enfermos
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
Aula do ESDE 2 - Penas e Gozos Futuros 2024
 
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdfPROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
PROFECIAS DE NOSTRADAMUS SÃO BÍBLICAS_.pdf
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 

[EBD Maranata] Revista O Poder e o Ministério da Oração | Lição 7 - A oração da igreja e o trabalho do Espírito Santo | Aula 14/11/10

  • 1. Lição 7 A Oração da Igreja e o Trabalho do Espírito Santo 2010 4º Tri - O Poder e o Ministério da Oração
  • 2. Lição 7 Verdade Prática A expansão contínua do evangelho completo é um distintivo da igreja que não se descuida da oração. 2010 4º Tri - O Poder e o Ministério da Oração
  • 3. Introdução Você é batizado com o Espírito Santo? Vamos aprender O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA
  • 4. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? É uma promessa: Joel – “E há de ser que, depois derramarei o meu Espírito sobre toda a carne, e vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos velhos terão sonhos, os vossos jovens terão visões. E também sobre os servos e sobre as servas naqueles dias derramarei o meu Espírito.” (Jl2.28,29 ) ~800 aC João Batista – “E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; cujas alparcas não sou digno de levar; ele vos batizará com o Espírito Santo, e com fogo.” (Mt 3.11)
  • 5. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? É uma promessa: Jesus – “Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra.” (At 1.8) A promessa se cumpriu: “E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.” (At 2.2-4)
  • 6. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? A promessa é para todos os cristãos: “E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe, a tantos quantos Deus nosso Senhor chamar.” (At 2.38,39)
  • 7. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Os apóstolos encaminhavam os cristãos para isso: “Os apóstolos, pois, que estavam em Jerusalém, ouvindo que Samaria recebera a palavra de Deus, enviaram para lá Pedro e João. Os quais, tendo descido, oraram por eles para que recebessem o Espírito Santo (Porque sobre nenhum deles tinha ainda descido; mas somente eram batizados em nome do Senhor Jesus). Então lhes impuseram as mãos, e receberam o Espírito Santo.” (At 8.14-17)
  • 8. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Fatos: A experiência de Paulo – “E Ananias foi, e entrou na casa e, impondo-lhe as mãos, disse: Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou, para que tornes a ver e sejas cheio do Espírito Santo. E logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista; e, levantando-se, foi batizado.” (At 8.14-17)
  • 9. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Fatos: A experiência de Cornélio e sua família – “E, dizendo Pedro ainda estas palavras, caiu o Espírito Santo sobre todos os que ouviam a palavra. E os fiéis que eram da circuncisão, todos quantos tinham vindo com Pedro, maravilharam-se de que o dom do Espírito Santo se derramasse também sobre os gentios. Porque os ouviam falar línguas, e magnificar a Deus. Respondeu, então, Pedro: Pode alguém porventura recusar a água, para que não sejam batizados estes, que também receberam como nós o Espírito Santo?” (At 10.44-47)
  • 10. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Por que devemos crer no batismo com o Espírito Santo? Fatos: Os efésios – “E sucedeu que, enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo, tendo passado por todas as regiões superiores, chegou a Éfeso; e achando ali alguns discípulos, Disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo. Perguntou-lhes, então: Em que sois batizados então? E eles disseram: No batismo de João. Mas Paulo disse: Certamente João batizou com o batismo do arrependimento, dizendo ao povo que cresse no que após ele havia de vir, isto é, em Jesus Cristo. E os que ouviram foram batizados em nome do Senhor Jesus. E, impondo-lhes Paulo as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo; e falavam línguas, e profetizavam. E estes eram, ao todo, uns doze homens. ” (At 19.1-7)
  • 11. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. O que fazer para ser batizado com o Espírito Santo? Ter uma vida de oração: “Todos estes perseveravam unanimemente em oração e súplicas, com as mulheres, e Maria, mãe de Jesus, e com seus irmãos.” (At 1.14) Ser obediente: “E nós somos testemunhas acerca destas palavras, nós e também o Espírito Santo, que Deus deu àqueles que lhe obedecem.” (At 5.32)
  • 12. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Derramamento do Espírito. Quem segura o agir do Espírito Santo por vergonha?
  • 13. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Preparação para o serviço do Reino. Qual o proposito de Deus no batismo com o Espírito Santo? “E, servindo eles ao Senhor e jejuando, disse o Espírito Santo: Apartai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado.” (At 13.2) Uma vez batizado com o Espírito Santo, o crente pode realizar qualquer tarefa na igreja? “Mas um só e o mesmo Espírito opera todas essas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.” (1Co 12.11)
  • 14. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Evidências da ação do Espírito Santo. Orar em línguas é evidência do batismo com o Espírito Santo? A manifestação visível de falar em línguas, pode até ser vista pelas outras pessoas, mas o objetivo é confirmar para “nós mesmos” essa graça. É uma prova que Deus dá para nós mesmos. “De sorte que as línguas constituem um sinal não para os crentes, mas para os incrédulos; mas a profecia não é para os incrédulos, e sim para os que crêem. Se, pois, toda a igreja se reunir no mesmo lugar, e todos se puserem a falar em outras línguas, no caso de entrarem indoutos ou incrédulos, não dirão, porventura, que estais loucos?” (1Co 14.22-23)
  • 15. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Evidências da ação do Espírito Santo. Qual é a principal evidência do batismo com o Espírito Santo? O batismo com Espírito Santo nos leva a mudança de vida (verdadeira conversão). A verdadeira conversão, não é uma simples mudança de religião, mas uma mudança de vida! Muitas pessoas mudam de igrejas, mas continuam com os mesmos pecados e costumes. Não abandonam o “velho homem”. “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.” (2Co 5.17) “Sabendo isto, que o nosso homem velho foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, para que não sirvamos mais ao pecado.” (Rom 6.6)
  • 16. I. O INÍCIO DA IGREJA CRISTÃ Evidências da ação do Espírito Santo. Qual é a principal evidência do batismo com o Espírito Santo? “Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano;” (Ef 4.22) “Não mintais uns aos outros, pois que já vos despistes do velho homem com os seus feitos, E vos vestistes do novo, que se renova para o conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou;” (Col 3.9)
  • 17. II. A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA O Espírito Santo prepara pregadores. Revista: Esse mesmo Espírito continua a capacitar homens e mulheres para a obra da evangelização, do ensino e da literatura, a fim de proporcionar a expansão do Reino de Deus. A igreja deve orar sem cessar para que o Senhor a enriqueça com obreiros aprovados, que manejam bem a Palavra da Verdade (2 Tm 2.15) e sejam irrepreensíveis (1 Tm 3.1-13).
  • 18. II. A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA O Espírito concede intrepidez. Intrepidez: Coragem que não hesita ante nenhum perigo. Ausência de temor, coragem, ousadia.
  • 19. II. A DISSEMINAÇÃO DA PALAVRA Escolhendo e enviando homens para a obra missionária (At 13.1-5). A atividade missionária é originada pelo Espírito Santo, através de líderes espirituais que estão profundamente dedicados ao Senhor e ao seu reino, buscando-o com oração e jejum (At 13.2). “E, servindo eles ao Senhor e jejuando, disse o Espírito Santo: Apartai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado.” Reflexão da Revista: “Aprender a receber e a seguir a orientação do Espírito Santo na seleção e envio de obreiros de obreiros é essencial a um ministério missionário eficaz. O Espírito Santo é a fonte da orientação divina, independente dos meios que Ele venha a empregar. (Robert L. Brant e Zenas J. Bicket)”
  • 20. III. O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA A igreja cresce (At 2.41,47). Cl 4.2,3.12 “Perseverai em oração, velando nela com ação de graças; orando também juntamente por nós, para que Deus nos abra a porta da palavra, a fim de falarmos do mistério de Cristo, pelo qual estou também preso; Saúda-vos Epafras, que é dos vossos, servo de Cristo, combatendo sempre por vós em orações, para que vos conserveis firmes, perfeitos e consumados em toda a vontade de Deus.”
  • 21. III. O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA Crescimento x Perseguição. “Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus.” (At 12.5) “O crescimento durante os tempos de opressão mostra que o cristianismo não é uma obra humana, mas de Deus.” (Bíblia Aplicação Pessoal)
  • 22. III. O ESPÍRITO E O CRESCIMENTO DA IGREJA A integridade da igreja. “Quando o amor ao dinheiro e o aplauso dos homens tomam posse de uma pessoa, seu espírito fica vulnerável a todos os tipos de males satânicos (1Tm 6.10). Ninguém pode estar cheio de amor ao dinheiro e, ao mesmo tempo, amar e servir a Deus (Mt 6.24; Jo 5.41-44).” (Francisco A. Barbosa)
  • 23. Correção do Questionário 1. Quando a Igreja foi instituída? R. No dia de Pentecoste. 2. Qual fator impulsionou o início da Igreja? R. A descida do Espírito Santo no dia de Pentecoste. 3. Quem prepara e capacita os obreiros para a obra do Senhor? R. O Espírito Santo 4. Como a igreja pode se tornar poderosa em suas ações? R. Mediante a oração com propósito unânime. 5. O que leva o crente a ser generoso e solidário? R. O predomínio do Espírito Santo.