SlideShare uma empresa Scribd logo
Linux e o modelo
Open Source

Frederico Madeira
LPIC­1, LPIC­2, CCNA
fred@madeira.eng.br
www.madeira.eng.br
3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Características Chave

➔

É livre (Open Source)

➔

Completo para ser utilizado no escritório

➔

Atualização sem Complicações

➔

Personalizável

➔

Segurança

➔

Super Computadores

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
É livre (Open Source)

➔

➔

➔

➔

Por “software livre” devemos entender: os usuários possuem a
liberdade de executar, copiar, distribuir, estudar, mudar e melhorar o
software.
Com essas liberdades, os usuários (tanto individualmente quanto
coletivamente) controlam o programa e o que ele faz por eles.
Quando os usuários não controlam o programa, o programa controla
os usuários. O desenvolvedor controla o programa e, por meio dele,
controla os usuários.
Assim sendo, “software livre” é uma questão de liberdade, não de
preço.
Fonte: O que é o software livre?

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
É livre (Open Source)

➔

Um programa é software livre se os usuários possuem as quatro
liberdades essenciais:
➔

➔

➔

➔

A liberdade de executar o programa, para qualquer propósito
A liberdade de estudar como o programa funciona, e adaptá-lo às
suas necessidades. Para tanto, acesso ao código-fonte é um prérequisito.
A liberdade de redistribuir cópias de modo que você possa ajudar ao
próximo.
A liberdade de distribuir cópias de suas versões modificadas a
outros. Desta forma, você pode dar a toda comunidade a chance de
beneficiar de suas mudanças. Para tanto, acesso ao código-fonte é
um pré-requisito.

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Completo para ser utilizado no escritório

➔

Uma estação Windows requer:
➔

➔

➔
➔

➔

Licença do Windows: WINDOWS 7 PROFESSIONAL 32BITS OEM R$
449,90
Licença do Pacote Office: OFFICE 2013 HOME AND BUSINESS 1 PC R$
589,00
Anti-virus: INTERNET SECURITY 2013 SYMANTEC 1 USUÁRIO R$ 99,00
Total por máquina: R$ 1.137,90/estação

Em uma estação Linux temos o SO+Pacote Office sem pagar
nada.

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Completo para ser utilizado no escritório

➔

O projeto Fedora inclui:
➔
➔
➔
➔
➔
➔
➔
➔
➔
➔
➔
➔
➔

LibreOffice
GScan2PDF
Editor de Imagens GIMP
Editor de gráficos vetoriais Inkscape
Estúdio 3D Blender
Editor de Vídeo PiTiVi
Editor de áudio Audacity
Totem Video Player
Player de Música e Podcast Rhythmbox
Gravador de som
Ripador de CD Sound Juicer
Criador de CD / DVD
Gerenciador de Fotos Shotwell

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Atualização sem Complicações

➔

Não é necessário atualizar o hardware a cada nova versão

➔

Normalmente ocorrem a cada 6 meses (ao invés de anos)

➔

Novas versões trazem novos recursos mais otimizados

➔

Atualizações/fixes podem ser liberados pela comunidade

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Atualização sem Complicações

Fonte: Microsoft cria página para solucionar problemas do Update KB 2823324 do Windows 7 32 Bits

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Personalizável

➔

➔

Se não gosta do Gnome, use o Kde, se não, use o XFCE, caso
contrário, use o Shell.
Existem diversas versões do Linux
➔
➔
➔
➔
➔

Para
Para
Para
Para
Para

segurança: Endian, Backtrack
designer gráficos: Spin do fedora
usuários: fedora, ubuntu
servidores: RedHat, Centos, Suse
Robótica: Spin do fedora

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Personalizável

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Segurança

➔

➔

➔

➔

➔

Acesso ao código fonte
➔ Sistema operacional
➔ Aplicações
➔ Serviços
A “Lei de Linus”: dada uma quantidade suficiente de olhos,
todos os bugs vêm à tona
Arquitetura Diferente
➔ Usuários já nascem limitados
➔ Alterações no sistema precisam ser feitos pelo root
Controle de acesso MAC e RBAC (SELinux)
Instalação de Softwares baseada em repositórios
➔ O
usuário aceita ou não as chaves de autenticação do
repositório.

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Super Computadores

➔

95% dos top500 super computadores rodam Linux (total de
476) (fonte: 41a Edição da lista Top500 Super Computadores)
➔

Melhor performance

➔

Melhor gerenciamento de energia

➔

Melhor estabilidade

➔

➔

Cada
Projeto/Supercomputador
necessitam
de
desenvolvimento de tarefas especializadas, otimizações
específicas
➔ Não é vantajoso desenvolver um SO específico
➔ O
Linux
oferece
esse
nível
de
customização/especialização requerido pelos projetos
O custo de licenciamento é o mesmo se o projeto usar 20
nós ou 20 milhões de nós.

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Super Computadores

Fonte: 95 Percent Of The World’s Top 500 Supercomputers Run Linux

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Dúvidas

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
Referências

●
●
●
●
●
●
●

Por que há mais vantagens em usar o Linux
A Definição de Software Livre
Qual sistema é mais seguro, Linux ou Windows?
Lei de Linus
94 Percent of the World's Top 500 Supercomputers Run Linux
95 Percent Of The World’s Top 500 Supercomputers Run Linux
20 great years of Linux and supercomputers

3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 3 (alta disponibilidade)
Aula 3 (alta disponibilidade)Aula 3 (alta disponibilidade)
Aula 3 (alta disponibilidade)
Evandro Júnior
 
SI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de Código
SI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de CódigoSI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de Código
SI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de Código
Frederico Madeira
 
Alta Disponibilidade
Alta DisponibilidadeAlta Disponibilidade
Alta Disponibilidade
elliando dias
 
O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014
O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014
O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014
Marcelo Dieder
 
Opennebula Introdução
Opennebula IntroduçãoOpennebula Introdução
Opennebula Introdução
Luís Eduardo
 
Administração de Redes Linux - I
Administração de Redes Linux - IAdministração de Redes Linux - I
Administração de Redes Linux - I
Marcelo Barros de Almeida
 
Tecnologia java para sockets
Tecnologia java para socketsTecnologia java para sockets
Tecnologia java para sockets
lucascsoliveira
 
Containers em produção!
Containers em produção!Containers em produção!
Containers em produção!
Evandro Couto
 
Sistemas Distribuídos - Clusters
Sistemas Distribuídos - ClustersSistemas Distribuídos - Clusters
Sistemas Distribuídos - Clusters
Adriano Teixeira de Souza
 
Redes NGN - Next Generation Networks
Redes NGN - Next Generation NetworksRedes NGN - Next Generation Networks
Redes NGN - Next Generation Networks
Frederico Madeira
 
Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...
Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...
Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...
Tchelinux
 
Aula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de Middleware
Aula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de MiddlewareAula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de Middleware
Aula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de Middleware
Victor Hazin da Rocha
 
Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)
Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)
Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)
Frederico Madeira
 
SI - Comunicação
SI - ComunicaçãoSI - Comunicação
SI - Comunicação
Frederico Madeira
 
SI - Introdução a Sistemas Distribuidos
SI - Introdução a Sistemas DistribuidosSI - Introdução a Sistemas Distribuidos
SI - Introdução a Sistemas Distribuidos
Frederico Madeira
 
Apresentação Openstack - FISL 2013
Apresentação Openstack - FISL 2013Apresentação Openstack - FISL 2013
Apresentação Openstack - FISL 2013
Marcelo Dieder
 
Sistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – Middleware
Sistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – MiddlewareSistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – Middleware
Sistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – Middleware
Adriano Teixeira de Souza
 
SI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplina
SI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplinaSI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplina
SI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplina
Frederico Madeira
 
Introdução à plataforma Docker
Introdução à plataforma DockerIntrodução à plataforma Docker
Introdução à plataforma Docker
MOSS Open Source Services
 
Apresentacao sobre o QNX Neutrino
Apresentacao sobre o QNX NeutrinoApresentacao sobre o QNX Neutrino
Apresentacao sobre o QNX Neutrino
Líus Fontenelle Carneiro
 

Mais procurados (20)

Aula 3 (alta disponibilidade)
Aula 3 (alta disponibilidade)Aula 3 (alta disponibilidade)
Aula 3 (alta disponibilidade)
 
SI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de Código
SI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de CódigoSI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de Código
SI - Processos, Threads, Virtualização e Migração de Código
 
Alta Disponibilidade
Alta DisponibilidadeAlta Disponibilidade
Alta Disponibilidade
 
O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014
O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014
O futuro do Openstack, NFV, SDN e Cloud Computing - FISL 2014
 
Opennebula Introdução
Opennebula IntroduçãoOpennebula Introdução
Opennebula Introdução
 
Administração de Redes Linux - I
Administração de Redes Linux - IAdministração de Redes Linux - I
Administração de Redes Linux - I
 
Tecnologia java para sockets
Tecnologia java para socketsTecnologia java para sockets
Tecnologia java para sockets
 
Containers em produção!
Containers em produção!Containers em produção!
Containers em produção!
 
Sistemas Distribuídos - Clusters
Sistemas Distribuídos - ClustersSistemas Distribuídos - Clusters
Sistemas Distribuídos - Clusters
 
Redes NGN - Next Generation Networks
Redes NGN - Next Generation NetworksRedes NGN - Next Generation Networks
Redes NGN - Next Generation Networks
 
Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...
Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...
Análise de segurança e hacking de containers Docker - Fernando Silva - Tcheli...
 
Aula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de Middleware
Aula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de MiddlewareAula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de Middleware
Aula de Sistemas Distribuídos - Padrões de Projeto de Middleware
 
Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)
Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)
Sistemas De Arquivos Distribuídos (SAD)
 
SI - Comunicação
SI - ComunicaçãoSI - Comunicação
SI - Comunicação
 
SI - Introdução a Sistemas Distribuidos
SI - Introdução a Sistemas DistribuidosSI - Introdução a Sistemas Distribuidos
SI - Introdução a Sistemas Distribuidos
 
Apresentação Openstack - FISL 2013
Apresentação Openstack - FISL 2013Apresentação Openstack - FISL 2013
Apresentação Openstack - FISL 2013
 
Sistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – Middleware
Sistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – MiddlewareSistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – Middleware
Sistemas Distribuídos - Comunicação Distribuída – Middleware
 
SI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplina
SI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplinaSI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplina
SI - Sistemas Distribuídos - Apresentação da disciplina
 
Introdução à plataforma Docker
Introdução à plataforma DockerIntrodução à plataforma Docker
Introdução à plataforma Docker
 
Apresentacao sobre o QNX Neutrino
Apresentacao sobre o QNX NeutrinoApresentacao sobre o QNX Neutrino
Apresentacao sobre o QNX Neutrino
 

Semelhante a Linux e o modelo open source

Ubuntu 14.04
Ubuntu 14.04Ubuntu 14.04
Ubuntu 14.04
Rafael Dos Santos
 
apresenta_linux_ceue
apresenta_linux_ceueapresenta_linux_ceue
apresenta_linux_ceue
Alexandre Otto Schwieder
 
Gisvm FLUC 2010
Gisvm FLUC 2010Gisvm FLUC 2010
Gisvm FLUC 2010
Ricardo Pinho
 
Microsoft Power Point Modulo 8 Software Livre
Microsoft Power Point   Modulo 8   Software LivreMicrosoft Power Point   Modulo 8   Software Livre
Microsoft Power Point Modulo 8 Software Livre
Walter Cunha
 
snto
sntosnto
Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1
Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1
Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1
diogomendes99
 
Cent-OS - Sistema Operacional
Cent-OS - Sistema OperacionalCent-OS - Sistema Operacional
Cent-OS - Sistema Operacional
Anderson Favaro
 
Projeto Mundo Livre: Introdução ao Linux
Projeto Mundo Livre: Introdução ao LinuxProjeto Mundo Livre: Introdução ao Linux
Projeto Mundo Livre: Introdução ao Linux
Elias Alves
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
djgsantos1981
 
Software livre para windows - Jerônimo Medina Madruga
Software livre para windows - Jerônimo Medina MadrugaSoftware livre para windows - Jerônimo Medina Madruga
Software livre para windows - Jerônimo Medina Madruga
Tchelinux
 
Bugs, DVCS e tools
Bugs, DVCS e toolsBugs, DVCS e tools
Bugs, DVCS e tools
Paulo Mattos
 
Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010
Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010
Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010
Jerônimo Medina Madruga
 
SoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral Aplicativos
SoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral AplicativosSoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral Aplicativos
SoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral Aplicativos
elciberpunk
 
Linux
LinuxLinux
Programas utilitários
Programas utilitáriosProgramas utilitários
Programas utilitários
simoesflavio
 
Software Livre nas Empresas
Software Livre nas EmpresasSoftware Livre nas Empresas
Software Livre nas Empresas
Klaibson Natal Ribeiro Borges
 
slidesuab
slidesuabslidesuab
slidesuab
givaldosp2001
 
FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre
FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre
FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre
Bruno Alexandre
 
Webinar: Desvendando o Yocto Project
Webinar: Desvendando o Yocto ProjectWebinar: Desvendando o Yocto Project
Webinar: Desvendando o Yocto Project
Embarcados
 
Revista programar 17
Revista programar 17Revista programar 17
Revista programar 17
Filipe Bezerra Sousa
 

Semelhante a Linux e o modelo open source (20)

Ubuntu 14.04
Ubuntu 14.04Ubuntu 14.04
Ubuntu 14.04
 
apresenta_linux_ceue
apresenta_linux_ceueapresenta_linux_ceue
apresenta_linux_ceue
 
Gisvm FLUC 2010
Gisvm FLUC 2010Gisvm FLUC 2010
Gisvm FLUC 2010
 
Microsoft Power Point Modulo 8 Software Livre
Microsoft Power Point   Modulo 8   Software LivreMicrosoft Power Point   Modulo 8   Software Livre
Microsoft Power Point Modulo 8 Software Livre
 
snto
sntosnto
snto
 
Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1
Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1
Tcvb2 diogo mendes_programas utilitários_v1
 
Cent-OS - Sistema Operacional
Cent-OS - Sistema OperacionalCent-OS - Sistema Operacional
Cent-OS - Sistema Operacional
 
Projeto Mundo Livre: Introdução ao Linux
Projeto Mundo Livre: Introdução ao LinuxProjeto Mundo Livre: Introdução ao Linux
Projeto Mundo Livre: Introdução ao Linux
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
 
Software livre para windows - Jerônimo Medina Madruga
Software livre para windows - Jerônimo Medina MadrugaSoftware livre para windows - Jerônimo Medina Madruga
Software livre para windows - Jerônimo Medina Madruga
 
Bugs, DVCS e tools
Bugs, DVCS e toolsBugs, DVCS e tools
Bugs, DVCS e tools
 
Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010
Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010
Software livre no windows - Tchelinux bagé 2010
 
SoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral Aplicativos
SoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral AplicativosSoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral Aplicativos
SoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral Aplicativos
 
Linux
LinuxLinux
Linux
 
Programas utilitários
Programas utilitáriosProgramas utilitários
Programas utilitários
 
Software Livre nas Empresas
Software Livre nas EmpresasSoftware Livre nas Empresas
Software Livre nas Empresas
 
slidesuab
slidesuabslidesuab
slidesuab
 
FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre
FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre
FLISoL 2014 Aquidauana - Porque usar Software Livre
 
Webinar: Desvendando o Yocto Project
Webinar: Desvendando o Yocto ProjectWebinar: Desvendando o Yocto Project
Webinar: Desvendando o Yocto Project
 
Revista programar 17
Revista programar 17Revista programar 17
Revista programar 17
 

Mais de Frederico Madeira

WebServices
WebServicesWebServices
WebServices
Frederico Madeira
 
IoT - Internet of Things
IoT -  Internet of ThingsIoT -  Internet of Things
IoT - Internet of Things
Frederico Madeira
 
Introdução a Cloud Computing
Introdução a Cloud ComputingIntrodução a Cloud Computing
Introdução a Cloud Computing
Frederico Madeira
 
SI - Arquiteturas
SI - ArquiteturasSI - Arquiteturas
SI - Arquiteturas
Frederico Madeira
 
SI - SAD - Sistemas de Arquivos Distribuídos
SI - SAD  - Sistemas de Arquivos DistribuídosSI - SAD  - Sistemas de Arquivos Distribuídos
SI - SAD - Sistemas de Arquivos Distribuídos
Frederico Madeira
 
Linux - Instalação de Programas
Linux - Instalação de ProgramasLinux - Instalação de Programas
Linux - Instalação de Programas
Frederico Madeira
 
Proteja seus dados em casa e na internet
Proteja seus dados em casa e na internetProteja seus dados em casa e na internet
Proteja seus dados em casa e na internet
Frederico Madeira
 
Redes VoIP - O Futuro da Telefonia
Redes VoIP - O Futuro da TelefoniaRedes VoIP - O Futuro da Telefonia
Redes VoIP - O Futuro da Telefonia
Frederico Madeira
 
MRTG - SNMP na Prática
MRTG - SNMP na PráticaMRTG - SNMP na Prática
MRTG - SNMP na Prática
Frederico Madeira
 
Introdução ao SNMP
Introdução ao SNMPIntrodução ao SNMP
Introdução ao SNMP
Frederico Madeira
 
Ferramentas para Detecção de Problemas em Redes
Ferramentas para Detecção de Problemas em RedesFerramentas para Detecção de Problemas em Redes
Ferramentas para Detecção de Problemas em Redes
Frederico Madeira
 
Arquiteturas de Gerência de Redes
Arquiteturas de Gerência de RedesArquiteturas de Gerência de Redes
Arquiteturas de Gerência de Redes
Frederico Madeira
 
Introdução a Gerência de Redes
Introdução a Gerência de RedesIntrodução a Gerência de Redes
Introdução a Gerência de Redes
Frederico Madeira
 
Apresentação da disciplina de Gerência de Redes
Apresentação da disciplina de Gerência de RedesApresentação da disciplina de Gerência de Redes
Apresentação da disciplina de Gerência de Redes
Frederico Madeira
 
O Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IP
O Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IPO Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IP
O Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IP
Frederico Madeira
 
Segurança em Redes de Voz Sobre IP
Segurança em Redes de Voz Sobre IPSegurança em Redes de Voz Sobre IP
Segurança em Redes de Voz Sobre IP
Frederico Madeira
 
Shell Script - Controle de fluxo
Shell Script - Controle de fluxoShell Script - Controle de fluxo
Shell Script - Controle de fluxo
Frederico Madeira
 
Linux Editor VI
Linux Editor VILinux Editor VI
Linux Editor VI
Frederico Madeira
 
Linux shell
Linux shellLinux shell
Linux shell
Frederico Madeira
 
Shell Scipt - Comandos
Shell Scipt - ComandosShell Scipt - Comandos
Shell Scipt - Comandos
Frederico Madeira
 

Mais de Frederico Madeira (20)

WebServices
WebServicesWebServices
WebServices
 
IoT - Internet of Things
IoT -  Internet of ThingsIoT -  Internet of Things
IoT - Internet of Things
 
Introdução a Cloud Computing
Introdução a Cloud ComputingIntrodução a Cloud Computing
Introdução a Cloud Computing
 
SI - Arquiteturas
SI - ArquiteturasSI - Arquiteturas
SI - Arquiteturas
 
SI - SAD - Sistemas de Arquivos Distribuídos
SI - SAD  - Sistemas de Arquivos DistribuídosSI - SAD  - Sistemas de Arquivos Distribuídos
SI - SAD - Sistemas de Arquivos Distribuídos
 
Linux - Instalação de Programas
Linux - Instalação de ProgramasLinux - Instalação de Programas
Linux - Instalação de Programas
 
Proteja seus dados em casa e na internet
Proteja seus dados em casa e na internetProteja seus dados em casa e na internet
Proteja seus dados em casa e na internet
 
Redes VoIP - O Futuro da Telefonia
Redes VoIP - O Futuro da TelefoniaRedes VoIP - O Futuro da Telefonia
Redes VoIP - O Futuro da Telefonia
 
MRTG - SNMP na Prática
MRTG - SNMP na PráticaMRTG - SNMP na Prática
MRTG - SNMP na Prática
 
Introdução ao SNMP
Introdução ao SNMPIntrodução ao SNMP
Introdução ao SNMP
 
Ferramentas para Detecção de Problemas em Redes
Ferramentas para Detecção de Problemas em RedesFerramentas para Detecção de Problemas em Redes
Ferramentas para Detecção de Problemas em Redes
 
Arquiteturas de Gerência de Redes
Arquiteturas de Gerência de RedesArquiteturas de Gerência de Redes
Arquiteturas de Gerência de Redes
 
Introdução a Gerência de Redes
Introdução a Gerência de RedesIntrodução a Gerência de Redes
Introdução a Gerência de Redes
 
Apresentação da disciplina de Gerência de Redes
Apresentação da disciplina de Gerência de RedesApresentação da disciplina de Gerência de Redes
Apresentação da disciplina de Gerência de Redes
 
O Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IP
O Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IPO Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IP
O Uso de Captchas de Áudio no Combate ao spam em Telefonia IP
 
Segurança em Redes de Voz Sobre IP
Segurança em Redes de Voz Sobre IPSegurança em Redes de Voz Sobre IP
Segurança em Redes de Voz Sobre IP
 
Shell Script - Controle de fluxo
Shell Script - Controle de fluxoShell Script - Controle de fluxo
Shell Script - Controle de fluxo
 
Linux Editor VI
Linux Editor VILinux Editor VI
Linux Editor VI
 
Linux shell
Linux shellLinux shell
Linux shell
 
Shell Scipt - Comandos
Shell Scipt - ComandosShell Scipt - Comandos
Shell Scipt - Comandos
 

Linux e o modelo open source

  • 1. Linux e o modelo Open Source Frederico Madeira LPIC­1, LPIC­2, CCNA fred@madeira.eng.br www.madeira.eng.br 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 2. Características Chave ➔ É livre (Open Source) ➔ Completo para ser utilizado no escritório ➔ Atualização sem Complicações ➔ Personalizável ➔ Segurança ➔ Super Computadores 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 3. É livre (Open Source) ➔ ➔ ➔ ➔ Por “software livre” devemos entender: os usuários possuem a liberdade de executar, copiar, distribuir, estudar, mudar e melhorar o software. Com essas liberdades, os usuários (tanto individualmente quanto coletivamente) controlam o programa e o que ele faz por eles. Quando os usuários não controlam o programa, o programa controla os usuários. O desenvolvedor controla o programa e, por meio dele, controla os usuários. Assim sendo, “software livre” é uma questão de liberdade, não de preço. Fonte: O que é o software livre? 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 4. É livre (Open Source) ➔ Um programa é software livre se os usuários possuem as quatro liberdades essenciais: ➔ ➔ ➔ ➔ A liberdade de executar o programa, para qualquer propósito A liberdade de estudar como o programa funciona, e adaptá-lo às suas necessidades. Para tanto, acesso ao código-fonte é um prérequisito. A liberdade de redistribuir cópias de modo que você possa ajudar ao próximo. A liberdade de distribuir cópias de suas versões modificadas a outros. Desta forma, você pode dar a toda comunidade a chance de beneficiar de suas mudanças. Para tanto, acesso ao código-fonte é um pré-requisito. 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 5. Completo para ser utilizado no escritório ➔ Uma estação Windows requer: ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ Licença do Windows: WINDOWS 7 PROFESSIONAL 32BITS OEM R$ 449,90 Licença do Pacote Office: OFFICE 2013 HOME AND BUSINESS 1 PC R$ 589,00 Anti-virus: INTERNET SECURITY 2013 SYMANTEC 1 USUÁRIO R$ 99,00 Total por máquina: R$ 1.137,90/estação Em uma estação Linux temos o SO+Pacote Office sem pagar nada. 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 6. Completo para ser utilizado no escritório ➔ O projeto Fedora inclui: ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ LibreOffice GScan2PDF Editor de Imagens GIMP Editor de gráficos vetoriais Inkscape Estúdio 3D Blender Editor de Vídeo PiTiVi Editor de áudio Audacity Totem Video Player Player de Música e Podcast Rhythmbox Gravador de som Ripador de CD Sound Juicer Criador de CD / DVD Gerenciador de Fotos Shotwell 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 7. Atualização sem Complicações ➔ Não é necessário atualizar o hardware a cada nova versão ➔ Normalmente ocorrem a cada 6 meses (ao invés de anos) ➔ Novas versões trazem novos recursos mais otimizados ➔ Atualizações/fixes podem ser liberados pela comunidade 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 8. Atualização sem Complicações Fonte: Microsoft cria página para solucionar problemas do Update KB 2823324 do Windows 7 32 Bits 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 9. Personalizável ➔ ➔ Se não gosta do Gnome, use o Kde, se não, use o XFCE, caso contrário, use o Shell. Existem diversas versões do Linux ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ Para Para Para Para Para segurança: Endian, Backtrack designer gráficos: Spin do fedora usuários: fedora, ubuntu servidores: RedHat, Centos, Suse Robótica: Spin do fedora 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 10. Personalizável 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 11. Segurança ➔ ➔ ➔ ➔ ➔ Acesso ao código fonte ➔ Sistema operacional ➔ Aplicações ➔ Serviços A “Lei de Linus”: dada uma quantidade suficiente de olhos, todos os bugs vêm à tona Arquitetura Diferente ➔ Usuários já nascem limitados ➔ Alterações no sistema precisam ser feitos pelo root Controle de acesso MAC e RBAC (SELinux) Instalação de Softwares baseada em repositórios ➔ O usuário aceita ou não as chaves de autenticação do repositório. 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 12. Super Computadores ➔ 95% dos top500 super computadores rodam Linux (total de 476) (fonte: 41a Edição da lista Top500 Super Computadores) ➔ Melhor performance ➔ Melhor gerenciamento de energia ➔ Melhor estabilidade ➔ ➔ Cada Projeto/Supercomputador necessitam de desenvolvimento de tarefas especializadas, otimizações específicas ➔ Não é vantajoso desenvolver um SO específico ➔ O Linux oferece esse nível de customização/especialização requerido pelos projetos O custo de licenciamento é o mesmo se o projeto usar 20 nós ou 20 milhões de nós. 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 13. Super Computadores Fonte: 95 Percent Of The World’s Top 500 Supercomputers Run Linux 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 14. Dúvidas 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013
  • 15. Referências ● ● ● ● ● ● ● Por que há mais vantagens em usar o Linux A Definição de Software Livre Qual sistema é mais seguro, Linux ou Windows? Lei de Linus 94 Percent of the World's Top 500 Supercomputers Run Linux 95 Percent Of The World’s Top 500 Supercomputers Run Linux 20 great years of Linux and supercomputers 3ª SETIC - Semana de Tecnologia da Informação e Comunicação, 2013