SlideShare uma empresa Scribd logo
GERENCIAMENTO ENXUTO
LEAN MANAGEMENT
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
1
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
2
Produção Enxuta: um modelo
Toyota de sucesso
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
3
Origens / História
 Sakichi Toyoda-final do séc. XIX-Tear
 Visita à Ford–1910–Produção em fluxo
 Cenário da Toyota pós-guerra
 Crise, sem crédito
 Baixa demanda e alto mix
 Produtividade 10x menor que a americana
 Início do STP (1945 - Implementação até os dias de hoje)
 Reconhecimento mundial veio em 1973 com a crise do
petróleo, quando a Toyota foi uma das poucas empresas a
sair ilesa.
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
4
Sinônimos
 Toyota Production System - TPS
 Sistema Toyota de Produção - STP
 Produção Lean
 Produção Enxuta
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
5
O que é a Produção Enxuta?
 É um modo coerente de pensar;
 é uma filosofia administrativa global;
 é o foco total na satisfação do cliente;
 é um ambiente de trabalho de equipe de
melhorias;
 é uma eterna procura de um modo melhor;
 é a qualidade incluída no processo;
 é um local de trabalho organizado,
disciplinado e evolutivo.
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
6
Sistema Toyota de Produção
É uma filosofia de gerenciamento que procura otimizar
a organização de forma a atender as necessidades do
cliente no menor prazo possível, na mais alta
qualidade e ao mais baixo custo, ao mesmo tempo em
que aumenta a segurança e a moral dos seus
colaboradores, envolvendo e integrando não só a
manufatura, mas todas as partes da organização.
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
7
Mas porquê cada vez mais as empresas querem
conhecer e adotar o Sistema Toyota de
Produção?
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
8
Visão Ocidental do STP
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
9
DESVENDANDO O STP
 Fluxo de valor
 Fundamentos do STP
– Os 7 Desperdícios (MUDAS)
– 5S
– Gestão Visual
– Gemba Kaizen
 Ferramentas do STP
– Fluxo Contínuo
– Sistema de Produção Puxada
– Qualidade na Fonte
– Confiabilidade e Estabilidade
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
10
Valor e Fluxo de Valor
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
11
Valor para o Cliente
 O ponto de partida para a Produção Enxuta é o conceito de valor,
percebido pelo cliente.
 Valor é definido em termos de produtos ou serviços específicos que
têm capacidades/funcionalidades específicas, oferecidos a preços
específicos para clientes específicos em intervalos de tempo
específicos e que devem ser isentos de defeitos.
 Valor deve ser visto sob o ponto de vista da sensação total do
cliente. A meta é surpreender o cliente com uma solução completa.
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
12
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
13
Fluxo de Valor
É a realização progressiva de tarefas ao longo da
cadeia de valor para que um produto passe da
concepção ao lançamento, do pedido à entrega e
da matéria-prima às mãos do cliente.
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
14
Mapeamento do Fluxo de Valor
 O que é uma análise do fluxo de valor?
 É a atividade de criticar o fluxo atual, identificar e eliminar os
desperdícios, propor uma situação futura, visando otimizar os
resultados deste fluxo de valor.
18/06/2015
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
ssobrinhoo@gmail.com
15
DÚVIDAS?

Mais conteúdo relacionado

Destaque

1 kanban conceitos
1    kanban conceitos1    kanban conceitos
1 kanban conceitos
Rodrigo Costa
 
Otimização de uma Catapulta Virtual
Otimização de uma Catapulta VirtualOtimização de uma Catapulta Virtual
Otimização de uma Catapulta Virtual
Franklin Arisson Rodrigues dos Santos
 
Takt time e pitch
Takt time e pitchTakt time e pitch
Takt time e pitch
Sandra Lisboa
 
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2
Lean Insight
 
DMAIC implementation
DMAIC implementationDMAIC implementation
DMAIC implementation
riyankadaga
 
Lean Six Sigma Course Training Part 5
Lean Six Sigma Course Training Part 5Lean Six Sigma Course Training Part 5
Lean Six Sigma Course Training Part 5
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Course Training Part 7
Lean Six Sigma Course Training Part 7Lean Six Sigma Course Training Part 7
Lean Six Sigma Course Training Part 7
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Course Training Part 18
Lean Six Sigma Course Training Part 18Lean Six Sigma Course Training Part 18
Lean Six Sigma Course Training Part 18
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Course Training Part 11
Lean Six Sigma Course Training Part 11Lean Six Sigma Course Training Part 11
Lean Six Sigma Course Training Part 11
Lean Insight
 
Pull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 Edicao
Pull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 EdicaoPull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 Edicao
Pull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 Edicao
CLT Valuebased Services
 
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene SeibelPrincípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Sustentare Escola de Negócios
 
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4
Lean Insight
 
CAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing Springer
CAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing SpringerCAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing Springer
CAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing Springer
Gustavo Dienstmann
 
Lean Six Sigma Course Training Part 13
Lean Six Sigma Course Training Part 13Lean Six Sigma Course Training Part 13
Lean Six Sigma Course Training Part 13
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Course Training Part 4
Lean Six Sigma Course Training Part 4Lean Six Sigma Course Training Part 4
Lean Six Sigma Course Training Part 4
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Course Training Part 17
Lean Six Sigma Course Training Part 17Lean Six Sigma Course Training Part 17
Lean Six Sigma Course Training Part 17
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Course Training Part 2
Lean Six Sigma Course Training Part 2Lean Six Sigma Course Training Part 2
Lean Six Sigma Course Training Part 2
Lean Insight
 
Lean Six Sigma Course Training Part 3
Lean Six Sigma Course Training Part 3Lean Six Sigma Course Training Part 3
Lean Six Sigma Course Training Part 3
Lean Insight
 

Destaque (19)

1 kanban conceitos
1    kanban conceitos1    kanban conceitos
1 kanban conceitos
 
Otimização de uma Catapulta Virtual
Otimização de uma Catapulta VirtualOtimização de uma Catapulta Virtual
Otimização de uma Catapulta Virtual
 
Takt time e pitch
Takt time e pitchTakt time e pitch
Takt time e pitch
 
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 3
 
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 2
 
DMAIC implementation
DMAIC implementationDMAIC implementation
DMAIC implementation
 
Lean Six Sigma Course Training Part 5
Lean Six Sigma Course Training Part 5Lean Six Sigma Course Training Part 5
Lean Six Sigma Course Training Part 5
 
Lean Six Sigma Course Training Part 7
Lean Six Sigma Course Training Part 7Lean Six Sigma Course Training Part 7
Lean Six Sigma Course Training Part 7
 
Lean Six Sigma Course Training Part 18
Lean Six Sigma Course Training Part 18Lean Six Sigma Course Training Part 18
Lean Six Sigma Course Training Part 18
 
Lean Six Sigma Course Training Part 11
Lean Six Sigma Course Training Part 11Lean Six Sigma Course Training Part 11
Lean Six Sigma Course Training Part 11
 
Pull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 Edicao
Pull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 EdicaoPull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 Edicao
Pull Flow Management PG Lean Mgt Porto 13 Edicao
 
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene SeibelPrincípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
Princípios da Filosofia Lean - Slides - Profª Silene Seibel
 
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4
Lean Six Sigma Black Belt Training Part 4
 
CAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing Springer
CAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing SpringerCAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing Springer
CAEMP - XIII SEMANA ACADÊMICA - Lean Manufacturing Springer
 
Lean Six Sigma Course Training Part 13
Lean Six Sigma Course Training Part 13Lean Six Sigma Course Training Part 13
Lean Six Sigma Course Training Part 13
 
Lean Six Sigma Course Training Part 4
Lean Six Sigma Course Training Part 4Lean Six Sigma Course Training Part 4
Lean Six Sigma Course Training Part 4
 
Lean Six Sigma Course Training Part 17
Lean Six Sigma Course Training Part 17Lean Six Sigma Course Training Part 17
Lean Six Sigma Course Training Part 17
 
Lean Six Sigma Course Training Part 2
Lean Six Sigma Course Training Part 2Lean Six Sigma Course Training Part 2
Lean Six Sigma Course Training Part 2
 
Lean Six Sigma Course Training Part 3
Lean Six Sigma Course Training Part 3Lean Six Sigma Course Training Part 3
Lean Six Sigma Course Training Part 3
 

Semelhante a Lean management GERENCIAMENTO ENXUTO

Apresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da China
Apresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da ChinaApresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da China
Apresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da China
China Link Trading
 
– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]
– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]
– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]
EloGroup
 
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
EloGroup
 
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...
Lecom Tecnologia
 
Café com bpm fortaleza introdução - ricardo avila - privado
Café com bpm fortaleza   introdução - ricardo avila - privadoCafé com bpm fortaleza   introdução - ricardo avila - privado
Café com bpm fortaleza introdução - ricardo avila - privado
EloGroup
 
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM Fortaleza
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM FortalezaDa Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM Fortaleza
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM Fortaleza
Lecom Tecnologia
 
Apresentação 2016 - Empresas que já compram da China e Ásia
Apresentação 2016 - Empresas que já compram da China e ÁsiaApresentação 2016 - Empresas que já compram da China e Ásia
Apresentação 2016 - Empresas que já compram da China e Ásia
China Link Trading
 
III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)
III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)
III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)
Atech S.A. | Embraer Group
 
Scrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise MundialScrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise Mundial
mgarridobr
 
Scrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise MundialScrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise Mundial
scrumability
 
Newsletter Maio 2010
Newsletter Maio 2010Newsletter Maio 2010
Newsletter Maio 2010
CLT Valuebased Services
 
PPPs DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITA
PPPs  DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITAPPPs  DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITA
PPPs DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITA
PLANORS
 
Espaço SINDIMETAL 46
Espaço SINDIMETAL 46Espaço SINDIMETAL 46
Espaço SINDIMETAL 46
SINDIMETAL RS
 
Clientes da China Link
Clientes da China LinkClientes da China Link
Clientes da China Link
China Link Trading
 
Café com bpm recife palestra transformação de processos - ricardo avila
Café com bpm recife   palestra transformação de processos - ricardo avilaCafé com bpm recife   palestra transformação de processos - ricardo avila
Café com bpm recife palestra transformação de processos - ricardo avila
EloGroup
 
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)
EloGroup
 
Webaula 51 Entendendo o Lean IT
Webaula 51   Entendendo o Lean ITWebaula 51   Entendendo o Lean IT
Webaula 51 Entendendo o Lean IT
Projetos e TI
 
Apresentação 2016 - Grandes empresas e Importadores
Apresentação 2016 - Grandes empresas e ImportadoresApresentação 2016 - Grandes empresas e Importadores
Apresentação 2016 - Grandes empresas e Importadores
China Link Trading
 
Apresentacao Futurecom All Year
Apresentacao Futurecom All YearApresentacao Futurecom All Year
Apresentacao Futurecom All Year
Futurecom
 
Introdução da melhoria contínua para grandes transformações - campinas
Introdução   da melhoria contínua para grandes transformações - campinasIntrodução   da melhoria contínua para grandes transformações - campinas
Introdução da melhoria contínua para grandes transformações - campinas
EloGroup
 

Semelhante a Lean management GERENCIAMENTO ENXUTO (20)

Apresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da China
Apresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da ChinaApresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da China
Apresentação 2016 - Empresas que ainda não compram da China
 
– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]
– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]
– Introdução: da Melhoria Contínua para Grandes Transformações [Setor Privado]
 
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
 
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Setor Privado - Café com B...
 
Café com bpm fortaleza introdução - ricardo avila - privado
Café com bpm fortaleza   introdução - ricardo avila - privadoCafé com bpm fortaleza   introdução - ricardo avila - privado
Café com bpm fortaleza introdução - ricardo avila - privado
 
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM Fortaleza
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM FortalezaDa Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM Fortaleza
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações - Café com BPM Fortaleza
 
Apresentação 2016 - Empresas que já compram da China e Ásia
Apresentação 2016 - Empresas que já compram da China e ÁsiaApresentação 2016 - Empresas que já compram da China e Ásia
Apresentação 2016 - Empresas que já compram da China e Ásia
 
III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)
III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)
III SDTA - Modelos Híbridos de Gestão de Projetos (SCRUM + PMBOK)
 
Scrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise MundialScrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise Mundial
 
Scrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise MundialScrum e a Crise Mundial
Scrum e a Crise Mundial
 
Newsletter Maio 2010
Newsletter Maio 2010Newsletter Maio 2010
Newsletter Maio 2010
 
PPPs DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITA
PPPs  DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITAPPPs  DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITA
PPPs DE INFRAESTRUTURA: VIABILIDADE RESTRITA
 
Espaço SINDIMETAL 46
Espaço SINDIMETAL 46Espaço SINDIMETAL 46
Espaço SINDIMETAL 46
 
Clientes da China Link
Clientes da China LinkClientes da China Link
Clientes da China Link
 
Café com bpm recife palestra transformação de processos - ricardo avila
Café com bpm recife   palestra transformação de processos - ricardo avilaCafé com bpm recife   palestra transformação de processos - ricardo avila
Café com bpm recife palestra transformação de processos - ricardo avila
 
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)
Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações (Ricardo Ávila – EloGroup)
 
Webaula 51 Entendendo o Lean IT
Webaula 51   Entendendo o Lean ITWebaula 51   Entendendo o Lean IT
Webaula 51 Entendendo o Lean IT
 
Apresentação 2016 - Grandes empresas e Importadores
Apresentação 2016 - Grandes empresas e ImportadoresApresentação 2016 - Grandes empresas e Importadores
Apresentação 2016 - Grandes empresas e Importadores
 
Apresentacao Futurecom All Year
Apresentacao Futurecom All YearApresentacao Futurecom All Year
Apresentacao Futurecom All Year
 
Introdução da melhoria contínua para grandes transformações - campinas
Introdução   da melhoria contínua para grandes transformações - campinasIntrodução   da melhoria contínua para grandes transformações - campinas
Introdução da melhoria contínua para grandes transformações - campinas
 

Mais de SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes

12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...
12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...
12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
21 Ederson Luiz de Souza Santos Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...
21 Ederson Luiz de Souza Santos  Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...21 Ederson Luiz de Souza Santos  Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...
21 Ederson Luiz de Souza Santos Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil Confecção de Rodeiro...
29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil  Confecção de Rodeiro...29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil  Confecção de Rodeiro...
29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil Confecção de Rodeiro...
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Revisão para a prova de Logística 2013
Revisão para a prova de Logística 2013Revisão para a prova de Logística 2013
Revisão para a prova de Logística 2013
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Números
NúmerosNúmeros
Aula de qualidade anhanguera
Aula de qualidade anhangueraAula de qualidade anhanguera
Aula de qualidade anhanguera
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
A evolução da qualidade anhanguera
A evolução da qualidade  anhangueraA evolução da qualidade  anhanguera
A evolução da qualidade anhanguera
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
A História da Logística.
A História da Logística.A História da Logística.
A História da Logística.
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM -
Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM - Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM -
Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM -
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Porque o 13º salário não existe
Porque o 13º salário não existePorque o 13º salário não existe
Porque o 13º salário não existe
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Revisão da área de Controle da Qualidade
Revisão da área de Controle da QualidadeRevisão da área de Controle da Qualidade
Revisão da área de Controle da Qualidade
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Curtigrama
CurtigramaCurtigrama
CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.
CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.
CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3
Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3
Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014
Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014
Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014
Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014
Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014
Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014
Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Steve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues Lopes
Steve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues LopesSteve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues Lopes
Steve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues Lopes
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com
8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com
8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 
Qualidade Samuel R.L Sobrinho
Qualidade Samuel R.L SobrinhoQualidade Samuel R.L Sobrinho
Qualidade Samuel R.L Sobrinho
SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes
 

Mais de SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes (20)

12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...
12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...
12 Rodrigo Debastiani Eng. Civil Artigo ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE ...
 
21 Ederson Luiz de Souza Santos Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...
21 Ederson Luiz de Souza Santos  Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...21 Ederson Luiz de Souza Santos  Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...
21 Ederson Luiz de Souza Santos Eng. Civil ARTIGO Atenuação de Ruído Propaga...
 
29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil Confecção de Rodeiro...
29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil  Confecção de Rodeiro...29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil  Confecção de Rodeiro...
29 Andrey Marcos Hubert - FERROVIAS - ARTIGO Eng. Civil Confecção de Rodeiro...
 
Revisão para a prova de Logística 2013
Revisão para a prova de Logística 2013Revisão para a prova de Logística 2013
Revisão para a prova de Logística 2013
 
Números
NúmerosNúmeros
Números
 
Aula de qualidade anhanguera
Aula de qualidade anhangueraAula de qualidade anhanguera
Aula de qualidade anhanguera
 
A evolução da qualidade anhanguera
A evolução da qualidade  anhangueraA evolução da qualidade  anhanguera
A evolução da qualidade anhanguera
 
A História da Logística.
A História da Logística.A História da Logística.
A História da Logística.
 
Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM -
Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM - Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM -
Logística - Cadeia de Suprimentos - SCM -
 
Porque o 13º salário não existe
Porque o 13º salário não existePorque o 13º salário não existe
Porque o 13º salário não existe
 
Revisão da área de Controle da Qualidade
Revisão da área de Controle da QualidadeRevisão da área de Controle da Qualidade
Revisão da área de Controle da Qualidade
 
Curtigrama
CurtigramaCurtigrama
Curtigrama
 
CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.
CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.
CHA - Conhecimento, Habilidade e Atitude.
 
Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3
Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3
Elementos de custos no processo produtivo cap 1 2 e 3
 
Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014
Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014
Combinando oferta e demanda logística 10.09.2014
 
Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014
Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014
Exercício furacão Katrina, na Califórnia Catrina mkt 2014
 
Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014
Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014
Catrina Logística com a aplicação do MKT 2014
 
Steve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues Lopes
Steve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues LopesSteve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues Lopes
Steve jobs Gestão de Pessoas. SOBRINHO,Samuel Rodrigues Lopes
 
8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com
8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com
8 p's do mkt Outras aulas é só solicitar ssobrinhoo@gmail.com
 
Qualidade Samuel R.L Sobrinho
Qualidade Samuel R.L SobrinhoQualidade Samuel R.L Sobrinho
Qualidade Samuel R.L Sobrinho
 

Último

05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 

Último (20)

05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 

Lean management GERENCIAMENTO ENXUTO

  • 1. GERENCIAMENTO ENXUTO LEAN MANAGEMENT 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 1
  • 2. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 2 Produção Enxuta: um modelo Toyota de sucesso
  • 3. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 3 Origens / História  Sakichi Toyoda-final do séc. XIX-Tear  Visita à Ford–1910–Produção em fluxo  Cenário da Toyota pós-guerra  Crise, sem crédito  Baixa demanda e alto mix  Produtividade 10x menor que a americana  Início do STP (1945 - Implementação até os dias de hoje)  Reconhecimento mundial veio em 1973 com a crise do petróleo, quando a Toyota foi uma das poucas empresas a sair ilesa.
  • 4. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 4 Sinônimos  Toyota Production System - TPS  Sistema Toyota de Produção - STP  Produção Lean  Produção Enxuta
  • 5. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 5 O que é a Produção Enxuta?  É um modo coerente de pensar;  é uma filosofia administrativa global;  é o foco total na satisfação do cliente;  é um ambiente de trabalho de equipe de melhorias;  é uma eterna procura de um modo melhor;  é a qualidade incluída no processo;  é um local de trabalho organizado, disciplinado e evolutivo.
  • 6. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 6 Sistema Toyota de Produção É uma filosofia de gerenciamento que procura otimizar a organização de forma a atender as necessidades do cliente no menor prazo possível, na mais alta qualidade e ao mais baixo custo, ao mesmo tempo em que aumenta a segurança e a moral dos seus colaboradores, envolvendo e integrando não só a manufatura, mas todas as partes da organização.
  • 7. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 7 Mas porquê cada vez mais as empresas querem conhecer e adotar o Sistema Toyota de Produção?
  • 8. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 8 Visão Ocidental do STP
  • 9. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 9 DESVENDANDO O STP  Fluxo de valor  Fundamentos do STP – Os 7 Desperdícios (MUDAS) – 5S – Gestão Visual – Gemba Kaizen  Ferramentas do STP – Fluxo Contínuo – Sistema de Produção Puxada – Qualidade na Fonte – Confiabilidade e Estabilidade
  • 10. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 10 Valor e Fluxo de Valor
  • 11. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 11 Valor para o Cliente  O ponto de partida para a Produção Enxuta é o conceito de valor, percebido pelo cliente.  Valor é definido em termos de produtos ou serviços específicos que têm capacidades/funcionalidades específicas, oferecidos a preços específicos para clientes específicos em intervalos de tempo específicos e que devem ser isentos de defeitos.  Valor deve ser visto sob o ponto de vista da sensação total do cliente. A meta é surpreender o cliente com uma solução completa.
  • 12. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 12
  • 13. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 13 Fluxo de Valor É a realização progressiva de tarefas ao longo da cadeia de valor para que um produto passe da concepção ao lançamento, do pedido à entrega e da matéria-prima às mãos do cliente.
  • 14. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 14 Mapeamento do Fluxo de Valor  O que é uma análise do fluxo de valor?  É a atividade de criticar o fluxo atual, identificar e eliminar os desperdícios, propor uma situação futura, visando otimizar os resultados deste fluxo de valor.
  • 15. 18/06/2015 SOBRINHO, Samuel Rodrigues Lopes ssobrinhoo@gmail.com 15 DÚVIDAS?