SlideShare uma empresa Scribd logo
União Nordeste Brasileira Apresenta
Ministério Jovem Uma Visão Geral do
Declaração de Missão “ Trabalhar em favor dos jovens, promovendo companheirismo e fortalecimento espiritual, capacitando-os para o serviço da igreja e comunidade” Alvo “ A mensagem do advento a todo o mundo em minha geração” Lema “ O amor de Cristo me constrange.” IDEAIS MINISTERIO JOVEM - UNeB
Voto ”  Amando o Senhor Jesus, prometo tomar parte ativa nos deveres da sociedade de jovens, fazendo tudo o que puder para ajudar a outros e para terminar a obra do evangelho em todo o mundo.” Objetivo “ Salvar do pecado e guiar no serviço” Propósito “ Os jovens pelos jovens, os jovens pela igreja e os jovens pelos semelhantes.” IDEAIS MINISTERIO JOVEM - UNeB
SÍMBOLO & BANDEIRA Globo    O alcance da mensagem Três Anjos    A mensagem para o fim Cruz    O centro da mensagem Amarelo    Excelência Azul    Lealdade Branco    Pureza Vermelho    O sangue de Cristo MINISTERIO JOVEM - UNeB
MINISTERIO JOVEM - UNeB 1852  Lições para jovens preparadas por Tiago White. 1879  Organização da primeira Sociedade J.A.   Harry Fenner - 17 anos e Luther Warren - 14 anos   Apenas para rapazes e na casa dos pais de Luther   Objetivos: - Promover Atividades Missionárias    - Reunir recursos para Literatura Missionária  - Promover a Causa da Temperança 1899    Associação de Ohio criou oficialmente o Departamento de Jovens. 1901 - 1907 O Deptº de Escola Sabatina da A.G. coordenou o trabalho com os jovens. 1907 Escolhido M. E. Kern como o 1º Diretor de Jovens da A.G. 1926 Realizado o primeiro acampamento MV oficial. 1928 Primeiro Congresso MV 1969 Primeiro Congresso Mundial 1978 Mudança do nome do Departamento para J.A. História
1. Liderança Organização do Departamento e Formação de Liderança 2. Discipulado   Crescimento pessoal dos jovens 3. Evangelismo Testemunho tradicional e métodos inovadores 4. Missão Serviço à comunidade e pregação indireta OS 4 MÓDULOS DE AÇÃO MINISTERIO JOVEM - UNeB
1. Clube de Aventureiros 06-09 anos 2. Clube de Desbravadores   10-15 anos 3. Clube de Jovens 16-35 anos 4. Clube de Líderes Jovens/Juvenis 16 anos em diante OS 4 NÍVEIS DE AÇÃO MINISTERIO JOVEM - UNeB
União Nordeste Brasileira

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tudo pelos jovens
Tudo pelos jovensTudo pelos jovens
Tudo pelos jovens
Edvan Mendes
 
Diada juventude
Diada juventudeDiada juventude
Diada juventude
Francisco De Assis
 
Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013
Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013
Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013
ipbjn
 
Lider05
Lider05Lider05
Boletim 384 - 08/08/14
Boletim 384 - 08/08/14Boletim 384 - 08/08/14
Boletim 384 - 08/08/14
stanaami
 
Como Organizar Uma Classe B
Como Organizar Uma Classe BComo Organizar Uma Classe B
Como Organizar Uma Classe B
Clube de Lideres Online
 
9 Classe Biblica Para Juvenis
9 Classe Biblica Para Juvenis9 Classe Biblica Para Juvenis
9 Classe Biblica Para Juvenis
Clube de Lideres Online
 
Classes Biblicas
Classes BiblicasClasses Biblicas
Classes Biblicas
Clube de Lideres Online
 
Pamp para cpp
Pamp para cppPamp para cpp
Pamp para cpp
psaocamilo
 
Boletim 431 - 17/05/15
Boletim 431 - 17/05/15Boletim 431 - 17/05/15
Boletim 431 - 17/05/15
stanaami
 
Aventu04
Aventu04Aventu04
Ebf 2012
Ebf 2012Ebf 2012
Ebf 2012
thiagovika2
 
2010 02 28 revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)
2010 02 28   revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)2010 02 28   revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)
2010 02 28 revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)
Paulo Dias Nogueira
 
28-08
28-0828-08
Avisos – igreja06052016
Avisos – igreja06052016Avisos – igreja06052016
Avisos – igreja06052016
Fabrizio Fuga
 
Boletim 487 - 10/06/16
Boletim 487 - 10/06/16Boletim 487 - 10/06/16
Boletim 487 - 10/06/16
stanaami
 
Subsídio 13º fecan 2015
Subsídio 13º fecan   2015Subsídio 13º fecan   2015
Subsídio 13º fecan 2015
williampr
 
Lição 11
Lição 11Lição 11
Lição 11
Silas Rodrigues
 
Boletim 105
Boletim 105Boletim 105
Boletim 105
prsergioipb
 
Aventu03
Aventu03Aventu03

Mais procurados (20)

Tudo pelos jovens
Tudo pelos jovensTudo pelos jovens
Tudo pelos jovens
 
Diada juventude
Diada juventudeDiada juventude
Diada juventude
 
Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013
Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013
Carta dos missionário Gerson e Veridiana 03/2013
 
Lider05
Lider05Lider05
Lider05
 
Boletim 384 - 08/08/14
Boletim 384 - 08/08/14Boletim 384 - 08/08/14
Boletim 384 - 08/08/14
 
Como Organizar Uma Classe B
Como Organizar Uma Classe BComo Organizar Uma Classe B
Como Organizar Uma Classe B
 
9 Classe Biblica Para Juvenis
9 Classe Biblica Para Juvenis9 Classe Biblica Para Juvenis
9 Classe Biblica Para Juvenis
 
Classes Biblicas
Classes BiblicasClasses Biblicas
Classes Biblicas
 
Pamp para cpp
Pamp para cppPamp para cpp
Pamp para cpp
 
Boletim 431 - 17/05/15
Boletim 431 - 17/05/15Boletim 431 - 17/05/15
Boletim 431 - 17/05/15
 
Aventu04
Aventu04Aventu04
Aventu04
 
Ebf 2012
Ebf 2012Ebf 2012
Ebf 2012
 
2010 02 28 revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)
2010 02 28   revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)2010 02 28   revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)
2010 02 28 revitalização - ação docente e comunicação (jpeg)
 
28-08
28-0828-08
28-08
 
Avisos – igreja06052016
Avisos – igreja06052016Avisos – igreja06052016
Avisos – igreja06052016
 
Boletim 487 - 10/06/16
Boletim 487 - 10/06/16Boletim 487 - 10/06/16
Boletim 487 - 10/06/16
 
Subsídio 13º fecan 2015
Subsídio 13º fecan   2015Subsídio 13º fecan   2015
Subsídio 13º fecan 2015
 
Lição 11
Lição 11Lição 11
Lição 11
 
Boletim 105
Boletim 105Boletim 105
Boletim 105
 
Aventu03
Aventu03Aventu03
Aventu03
 

Semelhante a Jov Aula13

Jov Aula22
Jov Aula22Jov Aula22
Ministério Jovem Adventista.pptx
Ministério Jovem Adventista.pptxMinistério Jovem Adventista.pptx
Ministério Jovem Adventista.pptx
Anesio2
 
Seminario-1-Introducao.pptx
Seminario-1-Introducao.pptxSeminario-1-Introducao.pptx
Seminario-1-Introducao.pptx
CrissantoMachadoCard
 
MinistéRio Jovem Algumas QuestõEs
MinistéRio Jovem   Algumas QuestõEsMinistéRio Jovem   Algumas QuestõEs
MinistéRio Jovem Algumas QuestõEs
Clube de Lideres Online
 
Revista Informativa da MNI-Brasil.pdf
Revista Informativa da MNI-Brasil.pdfRevista Informativa da MNI-Brasil.pdf
Revista Informativa da MNI-Brasil.pdf
Joel440732
 
Ministerio Jovem Adventista IASD MZ.pptx
Ministerio Jovem Adventista IASD MZ.pptxMinisterio Jovem Adventista IASD MZ.pptx
Ministerio Jovem Adventista IASD MZ.pptx
Anesio2
 
Civilização do Amor: Tarefa e Esperança
Civilização do Amor: Tarefa e EsperançaCivilização do Amor: Tarefa e Esperança
Civilização do Amor: Tarefa e Esperança
Serviço Social
 
Civilização do amor tarefa e esperança
Civilização do amor tarefa e esperançaCivilização do amor tarefa e esperança
Civilização do amor tarefa e esperança
Pejota2015
 
18 03 2012 frente
18 03 2012 frente18 03 2012 frente
18 03 2012 frente
Debora Teixeira
 
Relatório dsa apresentaçao everon
Relatório dsa apresentaçao everonRelatório dsa apresentaçao everon
Relatório dsa apresentaçao everon
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
Arykelson Nascimento
 
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
Arykelson Nascimento
 
DNJ 2013 - TEXTO BASE
DNJ 2013 - TEXTO BASEDNJ 2013 - TEXTO BASE
DNJ 2013 - TEXTO BASE
Manoel Nerys de Almeida
 
Uni02
Uni02Uni02
Documento 85 cnbb_
Documento 85 cnbb_Documento 85 cnbb_
Documento 85 cnbb_
Flávia Renata
 
Jov Aula11
Jov Aula11Jov Aula11
Grupo de oração da paz
Grupo de oração da pazGrupo de oração da paz
Grupo de oração da paz
Caroline de Melo
 
Seminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptx
Seminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptxSeminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptx
Seminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptx
Tiago Silva
 
História cronológica dos desbravadores
História cronológica dos desbravadoresHistória cronológica dos desbravadores
História cronológica dos desbravadores
Ismael Rosa
 
Dia da escola dominical
Dia da escola dominicalDia da escola dominical
Dia da escola dominical
Deivison Pereira
 

Semelhante a Jov Aula13 (20)

Jov Aula22
Jov Aula22Jov Aula22
Jov Aula22
 
Ministério Jovem Adventista.pptx
Ministério Jovem Adventista.pptxMinistério Jovem Adventista.pptx
Ministério Jovem Adventista.pptx
 
Seminario-1-Introducao.pptx
Seminario-1-Introducao.pptxSeminario-1-Introducao.pptx
Seminario-1-Introducao.pptx
 
MinistéRio Jovem Algumas QuestõEs
MinistéRio Jovem   Algumas QuestõEsMinistéRio Jovem   Algumas QuestõEs
MinistéRio Jovem Algumas QuestõEs
 
Revista Informativa da MNI-Brasil.pdf
Revista Informativa da MNI-Brasil.pdfRevista Informativa da MNI-Brasil.pdf
Revista Informativa da MNI-Brasil.pdf
 
Ministerio Jovem Adventista IASD MZ.pptx
Ministerio Jovem Adventista IASD MZ.pptxMinisterio Jovem Adventista IASD MZ.pptx
Ministerio Jovem Adventista IASD MZ.pptx
 
Civilização do Amor: Tarefa e Esperança
Civilização do Amor: Tarefa e EsperançaCivilização do Amor: Tarefa e Esperança
Civilização do Amor: Tarefa e Esperança
 
Civilização do amor tarefa e esperança
Civilização do amor tarefa e esperançaCivilização do amor tarefa e esperança
Civilização do amor tarefa e esperança
 
18 03 2012 frente
18 03 2012 frente18 03 2012 frente
18 03 2012 frente
 
Relatório dsa apresentaçao everon
Relatório dsa apresentaçao everonRelatório dsa apresentaçao everon
Relatório dsa apresentaçao everon
 
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
 
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
10 fatores de crescimento no min. jovem da unb
 
DNJ 2013 - TEXTO BASE
DNJ 2013 - TEXTO BASEDNJ 2013 - TEXTO BASE
DNJ 2013 - TEXTO BASE
 
Uni02
Uni02Uni02
Uni02
 
Documento 85 cnbb_
Documento 85 cnbb_Documento 85 cnbb_
Documento 85 cnbb_
 
Jov Aula11
Jov Aula11Jov Aula11
Jov Aula11
 
Grupo de oração da paz
Grupo de oração da pazGrupo de oração da paz
Grupo de oração da paz
 
Seminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptx
Seminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptxSeminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptx
Seminario-6-Planeamento-da-Igreja.pptx
 
História cronológica dos desbravadores
História cronológica dos desbravadoresHistória cronológica dos desbravadores
História cronológica dos desbravadores
 
Dia da escola dominical
Dia da escola dominicalDia da escola dominical
Dia da escola dominical
 

Mais de Clube de Lideres Online

Sobreviventes
SobreviventesSobreviventes
Avioes
AvioesAvioes
Perfil Do Instrutor
Perfil Do InstrutorPerfil Do Instrutor
Perfil Do Instrutor
Clube de Lideres Online
 
Ordem Unida
Ordem UnidaOrdem Unida
I SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem UnidaI SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem Unida
Clube de Lideres Online
 
Crescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De DesbravadoresCrescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De Desbravadores
Clube de Lideres Online
 
Autoridades E Prerrogativas
Autoridades E PrerrogativasAutoridades E Prerrogativas
Autoridades E Prerrogativas
Clube de Lideres Online
 
Comandos Por Gestos
Comandos Por GestosComandos Por Gestos
Comandos Por Gestos
Clube de Lideres Online
 
A Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRiaA Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRia
Clube de Lideres Online
 
Julian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na caladaJulian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na calada
Clube de Lideres Online
 
Tres
TresTres
Uma Nova Manha
Uma Nova ManhaUma Nova Manha
Uma Nova Manha
Clube de Lideres Online
 
Tosse Salvadora
Tosse SalvadoraTosse Salvadora
Tosse Salvadora
Clube de Lideres Online
 
Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)
Clube de Lideres Online
 
Sentido Do Matrimonio
Sentido Do MatrimonioSentido Do Matrimonio
Sentido Do Matrimonio
Clube de Lideres Online
 
Perguntas.
Perguntas.Perguntas.

Mais de Clube de Lideres Online (20)

Sobreviventes
SobreviventesSobreviventes
Sobreviventes
 
Avioes
AvioesAvioes
Avioes
 
Apresentação Dobrar Bandeiras
Apresentação Dobrar BandeirasApresentação Dobrar Bandeiras
Apresentação Dobrar Bandeiras
 
Perfil Do Instrutor
Perfil Do InstrutorPerfil Do Instrutor
Perfil Do Instrutor
 
Ordem Unida
Ordem UnidaOrdem Unida
Ordem Unida
 
I SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem UnidaI SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem Unida
 
Crescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De DesbravadoresCrescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De Desbravadores
 
Autoridades E Prerrogativas
Autoridades E PrerrogativasAutoridades E Prerrogativas
Autoridades E Prerrogativas
 
Comandos Por Gestos
Comandos Por GestosComandos Por Gestos
Comandos Por Gestos
 
A Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRiaA Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRia
 
ApresentaçãO Dobrar Bandeiras
ApresentaçãO Dobrar BandeirasApresentaçãO Dobrar Bandeiras
ApresentaçãO Dobrar Bandeiras
 
Bandeira Dobra
Bandeira DobraBandeira Dobra
Bandeira Dobra
 
Banderins unidade
Banderins unidadeBanderins unidade
Banderins unidade
 
Julian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na caladaJulian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na calada
 
Tres
TresTres
Tres
 
Uma Nova Manha
Uma Nova ManhaUma Nova Manha
Uma Nova Manha
 
Tosse Salvadora
Tosse SalvadoraTosse Salvadora
Tosse Salvadora
 
Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)
 
Sentido Do Matrimonio
Sentido Do MatrimonioSentido Do Matrimonio
Sentido Do Matrimonio
 
Perguntas.
Perguntas.Perguntas.
Perguntas.
 

Último

A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxFoi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
lindalva da cruz
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Dantas
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
AlfeuBuriti1
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
InsttLcioEvangelista
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applicationsIntroduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
João de Paula Ribeiro Neto
 

Último (8)

A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxFoi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applicationsIntroduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
 

Jov Aula13

  • 2. Ministério Jovem Uma Visão Geral do
  • 3. Declaração de Missão “ Trabalhar em favor dos jovens, promovendo companheirismo e fortalecimento espiritual, capacitando-os para o serviço da igreja e comunidade” Alvo “ A mensagem do advento a todo o mundo em minha geração” Lema “ O amor de Cristo me constrange.” IDEAIS MINISTERIO JOVEM - UNeB
  • 4. Voto ” Amando o Senhor Jesus, prometo tomar parte ativa nos deveres da sociedade de jovens, fazendo tudo o que puder para ajudar a outros e para terminar a obra do evangelho em todo o mundo.” Objetivo “ Salvar do pecado e guiar no serviço” Propósito “ Os jovens pelos jovens, os jovens pela igreja e os jovens pelos semelhantes.” IDEAIS MINISTERIO JOVEM - UNeB
  • 5. SÍMBOLO & BANDEIRA Globo  O alcance da mensagem Três Anjos  A mensagem para o fim Cruz  O centro da mensagem Amarelo  Excelência Azul  Lealdade Branco  Pureza Vermelho  O sangue de Cristo MINISTERIO JOVEM - UNeB
  • 6. MINISTERIO JOVEM - UNeB 1852 Lições para jovens preparadas por Tiago White. 1879 Organização da primeira Sociedade J.A. Harry Fenner - 17 anos e Luther Warren - 14 anos Apenas para rapazes e na casa dos pais de Luther Objetivos: - Promover Atividades Missionárias - Reunir recursos para Literatura Missionária - Promover a Causa da Temperança 1899 Associação de Ohio criou oficialmente o Departamento de Jovens. 1901 - 1907 O Deptº de Escola Sabatina da A.G. coordenou o trabalho com os jovens. 1907 Escolhido M. E. Kern como o 1º Diretor de Jovens da A.G. 1926 Realizado o primeiro acampamento MV oficial. 1928 Primeiro Congresso MV 1969 Primeiro Congresso Mundial 1978 Mudança do nome do Departamento para J.A. História
  • 7. 1. Liderança Organização do Departamento e Formação de Liderança 2. Discipulado Crescimento pessoal dos jovens 3. Evangelismo Testemunho tradicional e métodos inovadores 4. Missão Serviço à comunidade e pregação indireta OS 4 MÓDULOS DE AÇÃO MINISTERIO JOVEM - UNeB
  • 8. 1. Clube de Aventureiros 06-09 anos 2. Clube de Desbravadores 10-15 anos 3. Clube de Jovens 16-35 anos 4. Clube de Líderes Jovens/Juvenis 16 anos em diante OS 4 NÍVEIS DE AÇÃO MINISTERIO JOVEM - UNeB