SlideShare uma empresa Scribd logo
Edição Especial III
Referência: Julho de 2015
R$ 1,00
Atos Ofisicia da
Câmara Municipal
de Pádua. Pág: 06
e 07
Direto ao
Assunto:
Os assuntos
mais polêmicos
em foco!
4
3
3
2
Sessão Solene comomora os 133 anos de
Emancipação de Santo Antônio de Pádua
FIRJAN: 60,1% do PIB
do Noroeste Fluminense
está concentrado em
três municípios.Detalhes
pag 03
Clinica da
família será
instalada
em Pádua.
Detalhes Página 06
Policiais Militares
do 36º BPM
ganham gratificação
Página 07
Páginas 04 e 05
Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 2015
Expediente Jornal “O Bacamarte”
2
Rio Imagem em Miracema
O mamógrafo móvel do Rio Imagem
está em nossa região está em
Miracema .
Onde a partir do dia 17 estará em
pleno funcionamento, ficando
instalado em Miracema até dia 12 de
agosto..
Não percam tempo, procurem o
serviço social da secretaria de saúde
e se informem sobre seu exame.
Sistema FIRJAN lança Manual de
Licenciamento Ambiental para Construção Civil
O Sistema FIRJAN
lançou, nesta semana, o
primeiro Manual de
LicenciamentoAmbientalpara
ConstruçãoCivil.Apublicação
tem como objetivo auxiliar as
empresas no momento da
aquisição ou da renovação da
licença ambiental de seu
e m p r e e n d i m e n t o ,
esclarecendoesintetizandoos
principais passos a serem
dados antes e durante o
processo.
“Nosso esforço é no
sentido de tentar ajudar com
mais informações sobre o
passo a passo do
licenciamento, fazer o
empresário entender os
porquês, instruí-lo e, assim,
tornar todo o procedimento
mais célere”, explicou Luís
AugustoAzevedo, gerente de
MeioAmbientedaFederação.
Para apresentação do
manual foi promovida uma
mesa-redonda entre
empresários e representantes
dos governos estadual e
municipal, que discutiram as
dificuldades encontradas pelo
setor na obtenção da licença e
oscaminhosparasimplificá-la.
Durante o debate, foram
apresentados os principais
pontosdomanual,queaborda
os aspectos a serem avaliados
peloempresárioantesdeoptar
por um estabelecimento ou
reformar um imóvel, a
importância do licenciamento
ambiental e as consequências
de não fazê-lo e a
aplicabilidadedaslegislaçõese
normas.
O consultor técnico do
Sindicato da Indústria da
ConstruçãoCivilnoEstadodo
Rio de Janeiro (Sinduscon-
Rio),RobertoLiradestacouos
gargalos identificados pelas
empresas. “Nós percebemos
queháumaestruturadeficitária
em termos de mão de obra e
tecnologia. Esperamos que,
comessemanualeosesforços
conjuntos do setor privado e
do governo, tenhamos mais
dinamismoeproatividadenos
processos”, disse.
Já José Maria Mesquita
Junior, diretor de
LicenciamentoAmbiental do
INEA,ressaltouanecessidade
de modernizar os
procedimentos:“Paranósesse
lançamentoémuitoimportante
porque dá dimensão do que
deve ser trabalhado entre as
diversas instituições. Somos
muitoengessadosetemosque
repensar nossos critérios e a
forma de aplicá-los”. De
acordo com ele, o órgão
iniciará a implementação de
processos digitais já no
segundo semestre de 2015.
O secretário de Meio
AmbientedomunicípiodoRio
de Janeiro, Carlos Alberto
Muniz, apontou que a
desburocratização da
legislação e o planejamento
prévio das empresas
possibilitamqueaindústriada
construção civil supere
desafiosnaáreaambiental:“A
reflexãoconjuntavaifazercom
queavancemosesolucionemos
problemas pontuais. Por isso,
achofundamentalessemanual”.
Capítulos–Divididosem
três capítulos e anexos, o
Manual de Licenciamento
Ambiental para a Construção
Civilapresentaumalinguagem
simpleseumadiagramaçãoque
destaca pontos de interesse do
leitor, além de mostrar
exemplos de determinados
temas que estão sendo
apresentados pelo manual. No
primeiro capítulo – O que
avaliar antes de optar por um
empreendimento, reformar,
comprar ou alugar um imóvel
para construção -, destaca-se
as normas e regras do uso e
ocupação do solo.
O segundo capítulo é
dedicado ao tema do
licenciamentoambiental:como
obter, riscos de atuar sem
licença ambiental e quais as
atividades que necessitam de
licenciamento.Oúltimocapítulo
fala sobre o sistema de
licenciamentodoestadodoRio
de Janeiro (SLAM). A
publicação possui ainda anexo
com a lista de municípios
habilitados para promover o
licenciamento ambiental e a
fiscalizaçãodasatividades;além
deumcomplementocomsiglas,
abreviaturaseumglossário
Fonte: Firjam
Edição Especial IIIRef: Julho de 2015Jornal Opção 3
FIRJAN: 60,1% do PIB do Noroeste Fluminense
está concentrado em três municípiosOs municípios de
Itaperuna, Santo Antônio de
Pádua e Bom Jesus do
Itabapoana respondem por
60,1% do Produto Interno
Bruto (PIB) da região
Noroeste Fluminense. A
informação é do estudo
“Retratos Regionais”,
desenvolvido pela Federação
das Indústrias do Estado do
Rio de Janeiro (FIRJAN) com
o objetivo de apresentar um
panoramasocioeconômicodos
municípios da região. O
conteúdo foi apresentado aos
empresários que compõem a
Comissão Intermunicipal
FIRJAN/CIRJ de Santo
Antônio de Pádua, nesta
segunda-feira, dia 6, e aos
membros do Conselho da
Representação Regional
FIRJAN/CIRJ Noroeste
Fluminense, na terça-feira, 7,
pelo especialista em
Desenvolvimento Econômico
daFederação,MarceloNicoll.
Com dados de 2012, os
últimos disponíveis, o estudo
“Retratos Regionais” revela
que o PIB da região Noroeste
Fluminense era de R$ 4,7
bilhões naquele ano, o que
representa 0,9% do total
produzido no estado. De
acordo com o estudo,
Itaperuna garantiu a maior
parcela do PIB da região: um
totaldeR$1,7bilhão.JáSanto
AntôniodePáduaeBomJesus
do Itabapoana contribuíram
com R$ 655 milhões e R$ 472
milhões,respectivamente.Entre
2007 e 2012, a taxa de
crescimento da produção
regional foi de 20%, enquanto
noestadodoRiodeJaneirofoi
de 22%.
Juntas, as três cidades
concentram mais de 50% da
populaçãoregional,queerade
323 mil em 2014, segundo
estimativadoIBGE.Essetotal
representa 2% da população
do estado. Nos últimos quatro
anos, o número de habitantes
no Noroeste Fluminense
cresceu 1,8%, ficando abaixo
da média estadual, cujo
aumento foi de 2,9%. Dos 13
municípios da região, nove
tiveram crescimento, com
destaqueparaAperibé(+6,6%)
eVarre-Sai(+5,2%).Poroutro
lado, quatro cidades
apresentaram redução da
população no período, sendo
em Laje do Muriaé (-2%) a
quedamaissignificativa.
O setor que teve maior
participação na economia do
Noroeste Fluminense foi o de
Serviços e Comércio,
respondendo por 43,5% do
PIB regional. Já a produção da
Indústriacontribuiuem12,3%
no PIB da região e em 0,4%
no PIB industrial do estado.
Porém, entre 2007 e 2012, foi
o setor que apresentou a maior
taxadecrescimento(+26,8%).
A Agropecuária da região,
emboraocupeapenas4,8%do
PIB do Noroeste Fluminense,
representa 12% do valor
produzido pelo segmento no
estado.
Para o presidente da
Representação Regional
FIRJAN/CIRJ Noroeste
Fluminense, Antônio Carlos
Boechat, as informações
estratégicascontidasnoestudo
poderão ter impacto
significativo na tomada de
decisões em prol do
desenvolvimento do estado do
Rio.“Oestudoapresenta,com
detalhes, dados relacionados
ao perfil econômico de cada
região. Mais uma importante
contribuição do Sistema
FIRJAN para impulsionar a
expansão da economia
estadual”, destacou o
presidente.
Número de empregos
na região teve crescimento
superior ao do estado entre
2008 e 2013
As cerca de 7,4 mil
empresas da região Noroeste
Fluminense empregam 58 mil
trabalhadores com carteira
assinada, o que corresponde a
1,3%dosempregosformaisno
estado, segundo dados mais
recentes do Ministério do
Trabalho e Emprego. Os
setores de Serviços, Comércio
e Administração Pública
respondem, cada um, por um
quarto dos empregados na
região, enquanto a indústria
ocupa um quinto das vagas. Já
aAgropecuáriautilizamenosde
5% da mão de obra formal do
NoroesteFluminense.
Na Indústria, o subsetor
quegaranteomaiornúmerode
trabalhadores é a Indústria de
Transformação(16,9%dototal
de empregos formais na
região), à frente da
Construção (2,5%) e dos
Serviços industriais de
utilidade pública e da
Extraçãomineral,que,juntos,
ocupam menos de 1% dos
postos de trabalho. Os
segmentos da Indústria de
Transformação com mais
empregados são os de
Produtosalimentícios(4,9%),
Vestuárioeacessórios(2,6%)
e Produtos de minerais não
metálicos(2,6%).
Entre 2008 e 2013, o
númerodeempregosnaregião
Noroeste Fluminense teve
aumentode33,4%,enquanto
noestadoocrescimentofoide
23,6%.AIndústriafoiosetor
que mais evoluiu
regionalmente, alavancando
em 48,4% o número de
postos de trabalho. Em
seguida, aparecem os setores
de Serviços (+38,3%),
Administração Pública
(+29,4%) e Comércio
(+30,9%), que também
tiveram aumento acima do
estado.AAgropecuária foi o
únicosetorquereduziuototal
de empregados no período (-
6,8%).
O subsetor que ofertou
mais postos de trabalho entre
2008e2013foiodeServiços
industriaisdeutilidadepública
(+147,8%). No mesmo
período, a Indústria de
Transformação também
apresentou crescimento
expressivo na geração de
novosempregos(+50,7%).O
número de empregos na
Construção cresceu 36,9%,
enquanto a Extração mineral
(-2,6%) foi o único subsetor
que mostrou redução de
postos durante o período.
Contudo,aqualificação
dos trabalhadores industriais
no Noroeste Fluminense é
mais baixa que a média do
estado,sobretudopelamenor
proporção de empregados
comensinomédioesuperior:
46,6% na região contra 60,6%
no estado. Nos graus de
instruçãomaisbaixos,asituação
regionaltambémépiorqueado
estado, pois apresenta maiores
percentuaisdetrabalhadoresem
todas as faixas de menor
escolaridade.
Municípios se destacam em
Educação, mas gestão fiscal ainda é
difícil no Noroeste
Oito dos dez municípios
quemaisevoluíramemEducação
no estado do Rio de Janeiro
estão no Noroeste Fluminense,
conforme apontou a última
edição do Índice FIRJAN de
Desenvolvimento Municipal
(IFDM), com dados de 2011.
Entreoscritériosutilizadospara
avaliação da vertente estão os
resultados do Índice de
Desenvolvimento da Educação
Básica (Ideb), formação de
professores, evasão escolar e
atendimentos em creches e pré-
escolas.
Apesar dos bons
resultadosnestequesito,nenhum
município da região foi
classificado como de alto
desenvolvimento no resultado
geral do estudo, que também
avalia Saúde e Emprego e
Renda. Considerando as três
vertentes analisadas, Santo
Antônio de Pádua obteve o
melhordesempenhonaregiãoe
foia12ªcolocadanorankingdas
cidadesfluminenses.
Já o Índice FIRJAN de
Gestão Fiscal (IFGF), lançado
recentementecomdadosoficiais
de 2013, revelou que São José
de Ubá foi a única cidade da
região classificada com boa
gestão fiscal, sobretudo pelos
resultados apresentados nos
indicadoresLiquidezeCustoda
Dívida. O índice, composto
também pelos indicadores
Receita Própria, Gastos com
Pessoal e Investimentos, revela
queamaiorpartedosmunicípios
da região possuem gestão em
dificuldade.
Fomte:Firjan
Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 20154
Sessão Solene comomora os 133 anos de
Emancipação de Santo Antônio de Pádua
No último dia dia 3 deste mês,
aconteceunoCampestrePáduaClube,
a Sessão Solene da Câmara de
Vereadores de Santo Antônio de
Pádua, comemorando os 133 anos de
emancipaçãopolítico-administrativa
domunicípio.
Foram entregues as medalhas
honoríficas e Títulos de Cidadania
Paduana.
Dr.AntônioFernandoPinheiroda
Silva, diretor presidente da COPAPA,
Companhia Paduana de Papeis, foi o
grande homenageado da noite,
recebendo a Medalha Visconde da
Silva Figueira, maior honraria do
município.
Coube à empresária paduana,
JecildaPinheiroFonsecaPadilhaSilva,
receber a Medalha de Mérito
legislativoMariquinhaCebola,honraria
exclusiva para mulheres que se
destacam na sociedade Paduana.
Essas duas medalhas são únicas
e aprovadas pela mesa diretora da
Câmara de Vereadores de Pádua.
Na sessão solene também foram
conferidas 26 Medalhas Frederico de
Alvim Padilha às personalidades da
comunidadee13MedalhasDeputado
José Kezen, que são concedidas a
parlamentares e ex-parlamentares, na
esfera federal, estadual ou municipal,
respectivamente. Também foram
conferidos 38 Títulos de Cidadania
Paduana.
Além do prefeito municipal,
Josias Quintal de Oliveira, e o vice-
prefeito Otony Francisco de Faria,
diversas autoridades se fizeram
presentes ao evento e foram
homenageadas, entre elas, os
deputadosestaduaisNivaldoMulime
André Lazaroni, o deputado federal
Paulo Feijó, o vereador Wilson
Nogueira, Presidente da Câmara
MunicipaldeItalva.
Falando em nome da Câmara de
Pádua, o vereador Assef Nacif,
destacouquenestes133anosdePádua
muitaspessoasjáforamhomenageadas
e muitas outras ainda precisam ser
destacadaspelotrabalhorealizadoem
prol do município. Assef destacou a
importância dos grandes
homenageadosdanoitesolene,Doutor
Fernando Pinheiro e Dona Jecilda
Padilha.
Para o prefeito Josias Quintal a
Câmara foi muito feliz na escolha dos
homenageadosqueemsuamaioriasão
pessoas do povo, que tem papel
importante no desenvolvimento do
município.
Muito emocionado o doutor
Fernando Pinheiro fez agradecimento
a Mesa Diretora da Câmara pela
homenagem,asuafamíliaeaossócios
daCOPAPAporpermitirqueserealize
profissionalepessoalmente.
FernandoPinheirofezmençãoao
personagem que dá titulo a medalha
querecebeuViscondeFigueira,figura
importantíssimadahistóriaPaduanae
no final de suas palavras, declamou o
Hino à Pádua.
Finalizandooevento,opresidente
do legislativo, Paulinho da
Refrigeração, ao lado de sua esposa,
Claudinéia Valeria Cardoso Pinheiro,
agradeceu a todos que ajudaram na
realização da Sessão Solene e
apresentousuasrealizaçõesnoprimeiro
semestre, como o Portal da
Transparência, a Câmara Mirim e os
canais de interatividade do legislativo
como site e face book. Projetando o
segundo semestre, Paulinho anunciou
para breve o início da Câmara
Itinerante com sessão nos bairros e
distritos de Pádua.
Também fizeram uso da palavra
os deputados Nivaldo Mulim eAndré
Lazaroni.
A mesa diretora da Câmara de
Vereadores de Pádua aproveita para
parabenizar a todos os agraciados na
Sessão Solene.
Texto – ASCOM CÂMARA PÁDUA
Edição Especial IIIRef: Julho de 2015Jornal Opção 5
Anuncie Conosco
(22) 98121-3694
Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 20156
Jornal Opção do Noroeste
Clinica da família será
instalada em Pádua
Preocupado com a
saúde dos moradores de
SantoAntôniodePádua,
oprefeitoJosiasQuintal
deOliveiraconseguiudo
Governo Federal a
construçãodaClínicada
Família na cidade, e
juntamentecomaequipe
técnica e com o
SecretárioMunicipalde
Saúde,ÉneasChavesde
Oliveiras, visitou o
terreno, localizado no
bairro Mirante, onde já
começaram as obras.
Com investimento
de R$ 1,3 milhão para
obras e equipamentos, a
nova unidade terá
capacidadeparareceber
inicialmente duas
equipes da Estratégia da
Saúde da Família,
podendoacompanharem
média 12 mil moradores
da localidade.
A atenção básica é
fundamentalnocontexto
daredepúblicadesaúde.
Tal obra aumenta a
atenção do município e
qualifica o atendimento,
oferecendo sempre o
melhorparaapopulação.
As clínicas da
Família foram criadas
para trabalhar a
prevenção, a promoção
da saúde, o diagnostico
precoce de doenças e o
tratamento.
Seguindo sempre o
mesmo modelo, a
construção ocupa 362
metros quadrados de
área construída, com
cinco consultórios para
atendimento médico e
para consulta de
enfermagem, além de
dois consultórios para
a t e n d i m e n t o
odontológico. Cada
equipe da Estratégia de
Saúde da Família é
composta por médico,
enfermeiro, técnico de
enfermagem, dentista,
auxiliardesaúdebucale
agentescomunitáriosde
saúde.
Texto/Foto – Ascom
Pádua
Estacionamento rotativo é
implantado em Pádua
A n t i g a
reivindicação da
comunidade para
equalizar as vagas de
estacionamento na
cidade, o
E s t a c i o n a m e n t o
Rotativo, depois de
meses de estudos
técnicos teve seu inicio
no dia 06.
De acordo com o
diretor do
D e p a r t a m e n t o
Municipal de Trânsito
(DEMUT), Waldir
Peçanha Filho, a
implantação do
estacionamentorotativo
começará pela Rua dos
Leites, e servirá como
experimento para que
em breve outras ruas do
centro também tenham o
estacionamento. Haverá
uma semana de
adaptação, tanto para o
público como para os
novos trabalhadores,
período em que terá a
cobrança efetuada, mas
que não serão aplicadas
penalidades.
De início serão 14
vagas para o
EstacionamentoRotativo
e a compra poderá ser
feitanolocal,ondehaverá
fiscais responsáveis no
período das 7h às 18h.
Os valores dos cartões
são de R$ 2,00 para 1
hora, sendo que para
duas horas poderão ser
utilizados2cartões.
O não pagamento
do estacionamento ou
caso o usuário evadir-se
do local, acarretará em
notificação por infração
de transito, conforme
preconiza o artigo 181/
17§ do Código de
Trânsito Brasileiro
(CTB), no valor de 53
reais.
O dinheiro
arrecadado será
revertido para o fundo
municipal de trânsito, e
será utilizado em
melhorias no transito da
cidade, tais como
sinalizações verticais e
horizontais, semáforos,
entre outros.
Texto/Foto – Ascom
Pádua
Edição Especial IIIRef: Julho de 2015Jornal Opção 7
Campeonato
Municipal de futebol
Depoisdemuitaspartidaserecordesdepúblico
nosestádiosdomunicípio,estãodefinidasasequipes
finalistasdoCampeonatoMunicipaldeFutebol.Na
categoria “Aspirante”, as equipes do Campelo e
Mangueirãoseclassificaramparaadisputadotítulo,
já na categoria “Principal”, as equipes do
Independente e Marangatu disputarão o mais
importantetroféudofutebolpaduano.
De acordo com a Liga Paduana de Desportos,
as finais acontecerão no Estádio Manoel Bastos
Magalhães, no distrito de São Pedro, com início às
13h.
O Campeonato Municipal de Futebol é uma
realização da Liga Paduana de Desportos, com o
apoiototaldaPrefeituraMunicipaldeSantoAntônio
de Pádua.
Texto – Ascom Pádua
Programa “Estradas
da Produção”
O Prefeito Josias Quintal de Oliveira
acompanhou no inicio deste mês a chegada dos
primeiros caminhões de bica corrida do programa
“Estradas da Produção”. O município de Santo
AntôniodePádua,foicontempladocom2milmetros
cúbicos do material, sendo transportados desde a
cidade de Cardoso Moreira. De acordo com a
gerência do programa na cidade, todo material será
trazido em aproximadamente 500 viagens de
caminhões.
De acordo com o prefeito Josias Quintal, já na
próximasemanadiversospontosdeestradasvicinais
serão recapeadas, melhorando principalmente o
transportedeprodutosagrícolasnomunicípio.
Em seu programa de rádio, o prefeito
agradeceu ao governador Luiz Fernando Pezão por
atender seu pedido, e por sua vez, possibilitando
atender diversas solicitações de moradores de áreas
ruraisdomunicípio.
Texto/Foto – Ascom Pádua
Policiais Militares
ganham gratificação
Palavras do Ten Cel Eduardo Vaz Castelano
“Bom dia BRAVOS GUERREIROS DO
NOROESTEFLUMINENSE!Bemvindosàgaleria
daqueles que fizeram a diferença e vão deixar
marcada história no 36º BPM ! PARABÉNS a
cada Policial Militar do 36º BPM (Patamos, P/1,
P/2, P/3, P/4, P/5, GPRs, RPs, MPTrans, POG
Bike, Expediente Fecha Quartel, SOp, Rancho,
RUMB, Fiscais de dia, Supervisões de Oficiais e
Graduados,EquipesdosDPOsePPCs,...),enfim,
todosqueforamprimordiaisparaessaVITÓRIA!
UmaVitóriaéconstruídacomcapacidadetécnica,
qualificação,talento,muitosacrifícioededicação,
eessavitóriaseconsolidaquandoestáplenamente
orientadapelosprincípiosdaFÉemDEUS!Somos
uma EQUIPE coesa e unida e ombreados pelo
mesmo ideal: proporcionar a paz e a ordem para a
populaçãoeenaltecersempreanossaBriosaPolícia
Militar.Meusamigos,acreditamoseperseguimos
o VÁ E VENÇA! Com MUITA LUTA
conquistamos nossos objetivos e estamos agora
comosentimentofortedoDEVERCUMPRIDO.
É para mim motivo de bom orgulho poder fazer
parte desta PODEROSA equipe! Essa vitória só
noscomprovaumacoisa:queestamosNORUMO
CERTO! Como dizíamos, a nossa vitória
dependeria de trabalho dedicado e fé; Isso
aconteceu e hoje é realidade. Ganhou a população
comdiasdepazemaissegurançanoirevirdodia
a dia. E ganhamos nós em poder oferecer isso que
tantoperseguimos,DIASMELHORES.BRAVOS
GUERREIROS, podem comemorar porque o 36º
BPM, Batalhão que nós defendemos como nossa
casa e nossa família, é detentor do Título que
poderáostentarcomoumdosmaisgratificantesna
carreira de um profissional, o prêmio pelo
cumprimentoDAMISSÃOacontentoecomisso
conseguindo, com todas as dificuldades que
atravessam nosso caminho, REDUZIR TODOS
OS ÍNDICES DE CRIMINALIDADE da nossa
Área de responsabilidade de Policiamento
sagrando-nos no 1º Semestre de 2015 o 1º
COLOCADO NO SISTEMA INTEGRADO DE
METAS em TODO O ESTADO DO RIO DE
JANEIRO.Parabénspeloincontestávelebrilhante
trabalhorealizado.WEARETHECHAMPIONS!
Revigoremosnossasenergiasebolaprafrente,fiéis
aos nossos ideais! FORÇA E HONRA! PAZ E
BEM!”
Fonte: ASCOM Pádua
Jornal Opção do Noroeste
Não Basta ser bom tem que ser o
melhor!
(22) 3851-3882(Redação)
Anuncie Conosco
(22) 981213694(Ant. Americo)
Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 20158

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Jornal opção 175 ed online
Jornal opção 175 ed onlineJornal opção 175 ed online
Jornal opção 175 ed online
Alair Arruda
 
Jornal opção 179 colorido
Jornal opção 179 coloridoJornal opção 179 colorido
Jornal opção 179 colorido
Alair Arruda
 
Edição 215
Edição 215 Edição 215
Edição 215
Alair Arruda
 
Edição 156 online
Edição 156 onlineEdição 156 online
Edição 156 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 181 online
Jornal opção 181 onlineJornal opção 181 online
Jornal opção 181 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 187
Jornal opção 187Jornal opção 187
Jornal opção 187
Alair Arruda
 
Jornal opção 195 online
Jornal opção 195 onlineJornal opção 195 online
Jornal opção 195 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 199
Jornal opção 199Jornal opção 199
Jornal opção 199
Alair Arruda
 
Jornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed onlineJornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed online
Alair Arruda
 
Jornal opção 197 online
Jornal opção 197 onlineJornal opção 197 online
Jornal opção 197 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 174 ed online
Jornal opção 174 ed onlineJornal opção 174 ed online
Jornal opção 174 ed online
Alair Arruda
 
Jornal opção 198 online
Jornal opção 198 onlineJornal opção 198 online
Jornal opção 198 online
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 308
EDIÇÃO 308EDIÇÃO 308
EDIÇÃO 308
Afonso Pena
 
Jornal opção 202
Jornal opção 202Jornal opção 202
Jornal opção 202
Alair Arruda
 
Jornal opção 188 online
Jornal opção 188 onlineJornal opção 188 online
Jornal opção 188 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 189 online
Jornal opção 189 onlineJornal opção 189 online
Jornal opção 189 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 152 online
Jornal opção 152 onlineJornal opção 152 online
Jornal opção 152 online
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021
EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021 EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021
EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021
Afonso Pena
 
Jornal opção 167 ed online
Jornal opção 167 ed onlineJornal opção 167 ed online
Jornal opção 167 ed online
Alair Arruda
 
Jornal opção 205
Jornal opção 205Jornal opção 205
Jornal opção 205
Alair Arruda
 

Mais procurados (20)

Jornal opção 175 ed online
Jornal opção 175 ed onlineJornal opção 175 ed online
Jornal opção 175 ed online
 
Jornal opção 179 colorido
Jornal opção 179 coloridoJornal opção 179 colorido
Jornal opção 179 colorido
 
Edição 215
Edição 215 Edição 215
Edição 215
 
Edição 156 online
Edição 156 onlineEdição 156 online
Edição 156 online
 
Jornal opção 181 online
Jornal opção 181 onlineJornal opção 181 online
Jornal opção 181 online
 
Jornal opção 187
Jornal opção 187Jornal opção 187
Jornal opção 187
 
Jornal opção 195 online
Jornal opção 195 onlineJornal opção 195 online
Jornal opção 195 online
 
Jornal opção 199
Jornal opção 199Jornal opção 199
Jornal opção 199
 
Jornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed onlineJornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed online
 
Jornal opção 197 online
Jornal opção 197 onlineJornal opção 197 online
Jornal opção 197 online
 
Jornal opção 174 ed online
Jornal opção 174 ed onlineJornal opção 174 ed online
Jornal opção 174 ed online
 
Jornal opção 198 online
Jornal opção 198 onlineJornal opção 198 online
Jornal opção 198 online
 
EDIÇÃO 308
EDIÇÃO 308EDIÇÃO 308
EDIÇÃO 308
 
Jornal opção 202
Jornal opção 202Jornal opção 202
Jornal opção 202
 
Jornal opção 188 online
Jornal opção 188 onlineJornal opção 188 online
Jornal opção 188 online
 
Jornal opção 189 online
Jornal opção 189 onlineJornal opção 189 online
Jornal opção 189 online
 
Jornal opção 152 online
Jornal opção 152 onlineJornal opção 152 online
Jornal opção 152 online
 
EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021
EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021 EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021
EDIÇÃO 435 DE 21 DE MAIO DE 2021
 
Jornal opção 167 ed online
Jornal opção 167 ed onlineJornal opção 167 ed online
Jornal opção 167 ed online
 
Jornal opção 205
Jornal opção 205Jornal opção 205
Jornal opção 205
 

Destaque

Jornal opção 186 online
Jornal opção 186 onlineJornal opção 186 online
Jornal opção 186 online
Alair Arruda
 
Edição 210
Edição 210Edição 210
Edição 210
Alair Arruda
 
Edição 213
Edição 213Edição 213
Edição 213
Alair Arruda
 
Edição 212
Edição 212Edição 212
Edição 212
Alair Arruda
 
Edição 211
Edição 211Edição 211
Edição 211
Alair Arruda
 
Jornal opção 183 online
Jornal opção 183 onlineJornal opção 183 online
Jornal opção 183 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 185 online
Jornal opção 185 onlineJornal opção 185 online
Jornal opção 185 online
Alair Arruda
 
Edição 214
Edição 214Edição 214
Edição 214
Alair Arruda
 
Jornal opção 208
Jornal opção 208Jornal opção 208
Jornal opção 208
Alair Arruda
 
Edição 209
Edição 209Edição 209
Edição 209
Alair Arruda
 
Jornal opção 207
Jornal opção 207Jornal opção 207
Jornal opção 207
Alair Arruda
 
Edição 206
Edição 206Edição 206
Edição 206
Alair Arruda
 
Jornal opção 184 online
Jornal opção 184 onlineJornal opção 184 online
Jornal opção 184 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 177 colorido
Jornal opção 177 coloridoJornal opção 177 colorido
Jornal opção 177 colorido
Alair Arruda
 
Jornal opção 204
Jornal opção 204Jornal opção 204
Jornal opção 204
Alair Arruda
 
Edição 203
Edição 203Edição 203
Edição 203
Alair Arruda
 
Jornal opção 200 colorido
Jornal opção 200 coloridoJornal opção 200 colorido
Jornal opção 200 colorido
Alair Arruda
 
Jornal opção 178 online
Jornal opção 178 onlineJornal opção 178 online
Jornal opção 178 online
Alair Arruda
 
Jornal opção 169 ed online
Jornal opção 169 ed onlineJornal opção 169 ed online
Jornal opção 169 ed online
Alair Arruda
 

Destaque (19)

Jornal opção 186 online
Jornal opção 186 onlineJornal opção 186 online
Jornal opção 186 online
 
Edição 210
Edição 210Edição 210
Edição 210
 
Edição 213
Edição 213Edição 213
Edição 213
 
Edição 212
Edição 212Edição 212
Edição 212
 
Edição 211
Edição 211Edição 211
Edição 211
 
Jornal opção 183 online
Jornal opção 183 onlineJornal opção 183 online
Jornal opção 183 online
 
Jornal opção 185 online
Jornal opção 185 onlineJornal opção 185 online
Jornal opção 185 online
 
Edição 214
Edição 214Edição 214
Edição 214
 
Jornal opção 208
Jornal opção 208Jornal opção 208
Jornal opção 208
 
Edição 209
Edição 209Edição 209
Edição 209
 
Jornal opção 207
Jornal opção 207Jornal opção 207
Jornal opção 207
 
Edição 206
Edição 206Edição 206
Edição 206
 
Jornal opção 184 online
Jornal opção 184 onlineJornal opção 184 online
Jornal opção 184 online
 
Jornal opção 177 colorido
Jornal opção 177 coloridoJornal opção 177 colorido
Jornal opção 177 colorido
 
Jornal opção 204
Jornal opção 204Jornal opção 204
Jornal opção 204
 
Edição 203
Edição 203Edição 203
Edição 203
 
Jornal opção 200 colorido
Jornal opção 200 coloridoJornal opção 200 colorido
Jornal opção 200 colorido
 
Jornal opção 178 online
Jornal opção 178 onlineJornal opção 178 online
Jornal opção 178 online
 
Jornal opção 169 ed online
Jornal opção 169 ed onlineJornal opção 169 ed online
Jornal opção 169 ed online
 

Semelhante a Jornal opção especial online

Indicadores são paulo
Indicadores   são pauloIndicadores   são paulo
Indicadores são paulo
Pamela Lopes
 
Indicadores monte alto
Indicadores   monte altoIndicadores   monte alto
Indicadores monte alto
Pamela Lopes
 
Paraná Notícias
Paraná NotíciasParaná Notícias
Paraná Notícias
Ed Claudio Cruz
 
EDIÇÃO 249
EDIÇÃO 249 EDIÇÃO 249
EDIÇÃO 249
Afonso Pena
 
Sinais Vitais 2009 - ICom
Sinais Vitais 2009 - IComSinais Vitais 2009 - ICom
Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10
Florespi
 
Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10
Florespi
 
Clipping 17 a 30.10
Clipping 17 a 30.10Clipping 17 a 30.10
Clipping 17 a 30.10
Florespi
 
Setemi news dezembro
Setemi news dezembroSetemi news dezembro
Setemi news dezembro
Setemi News
 
Região norte
Região norteRegião norte
Região norte
Gabriel Gregorio
 
EDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 

Semelhante a Jornal opção especial online (11)

Indicadores são paulo
Indicadores   são pauloIndicadores   são paulo
Indicadores são paulo
 
Indicadores monte alto
Indicadores   monte altoIndicadores   monte alto
Indicadores monte alto
 
Paraná Notícias
Paraná NotíciasParaná Notícias
Paraná Notícias
 
EDIÇÃO 249
EDIÇÃO 249 EDIÇÃO 249
EDIÇÃO 249
 
Sinais Vitais 2009 - ICom
Sinais Vitais 2009 - IComSinais Vitais 2009 - ICom
Sinais Vitais 2009 - ICom
 
Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10
 
Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10Clipping 24 a 30.10
Clipping 24 a 30.10
 
Clipping 17 a 30.10
Clipping 17 a 30.10Clipping 17 a 30.10
Clipping 17 a 30.10
 
Setemi news dezembro
Setemi news dezembroSetemi news dezembro
Setemi news dezembro
 
Região norte
Região norteRegião norte
Região norte
 
EDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 219 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 

Mais de Alair Arruda

EDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
EDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
Alair Arruda
 
Edição 216
Edição 216Edição 216
Edição 216
Alair Arruda
 

Mais de Alair Arruda (14)

EDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 230 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 229 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 228 DO JORNAL OPCÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 227 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 226 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 225 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 224 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 223 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 222 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 221 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 220 JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 218 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
EDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTEEDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
EDIÇÃO 217 DO JORNAL OPÇÃO DO NOROESTE
 
Edição 216
Edição 216Edição 216
Edição 216
 

Jornal opção especial online

  • 1. Edição Especial III Referência: Julho de 2015 R$ 1,00 Atos Ofisicia da Câmara Municipal de Pádua. Pág: 06 e 07 Direto ao Assunto: Os assuntos mais polêmicos em foco! 4 3 3 2 Sessão Solene comomora os 133 anos de Emancipação de Santo Antônio de Pádua FIRJAN: 60,1% do PIB do Noroeste Fluminense está concentrado em três municípios.Detalhes pag 03 Clinica da família será instalada em Pádua. Detalhes Página 06 Policiais Militares do 36º BPM ganham gratificação Página 07 Páginas 04 e 05
  • 2. Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 2015 Expediente Jornal “O Bacamarte” 2 Rio Imagem em Miracema O mamógrafo móvel do Rio Imagem está em nossa região está em Miracema . Onde a partir do dia 17 estará em pleno funcionamento, ficando instalado em Miracema até dia 12 de agosto.. Não percam tempo, procurem o serviço social da secretaria de saúde e se informem sobre seu exame. Sistema FIRJAN lança Manual de Licenciamento Ambiental para Construção Civil O Sistema FIRJAN lançou, nesta semana, o primeiro Manual de LicenciamentoAmbientalpara ConstruçãoCivil.Apublicação tem como objetivo auxiliar as empresas no momento da aquisição ou da renovação da licença ambiental de seu e m p r e e n d i m e n t o , esclarecendoesintetizandoos principais passos a serem dados antes e durante o processo. “Nosso esforço é no sentido de tentar ajudar com mais informações sobre o passo a passo do licenciamento, fazer o empresário entender os porquês, instruí-lo e, assim, tornar todo o procedimento mais célere”, explicou Luís AugustoAzevedo, gerente de MeioAmbientedaFederação. Para apresentação do manual foi promovida uma mesa-redonda entre empresários e representantes dos governos estadual e municipal, que discutiram as dificuldades encontradas pelo setor na obtenção da licença e oscaminhosparasimplificá-la. Durante o debate, foram apresentados os principais pontosdomanual,queaborda os aspectos a serem avaliados peloempresárioantesdeoptar por um estabelecimento ou reformar um imóvel, a importância do licenciamento ambiental e as consequências de não fazê-lo e a aplicabilidadedaslegislaçõese normas. O consultor técnico do Sindicato da Indústria da ConstruçãoCivilnoEstadodo Rio de Janeiro (Sinduscon- Rio),RobertoLiradestacouos gargalos identificados pelas empresas. “Nós percebemos queháumaestruturadeficitária em termos de mão de obra e tecnologia. Esperamos que, comessemanualeosesforços conjuntos do setor privado e do governo, tenhamos mais dinamismoeproatividadenos processos”, disse. Já José Maria Mesquita Junior, diretor de LicenciamentoAmbiental do INEA,ressaltouanecessidade de modernizar os procedimentos:“Paranósesse lançamentoémuitoimportante porque dá dimensão do que deve ser trabalhado entre as diversas instituições. Somos muitoengessadosetemosque repensar nossos critérios e a forma de aplicá-los”. De acordo com ele, o órgão iniciará a implementação de processos digitais já no segundo semestre de 2015. O secretário de Meio AmbientedomunicípiodoRio de Janeiro, Carlos Alberto Muniz, apontou que a desburocratização da legislação e o planejamento prévio das empresas possibilitamqueaindústriada construção civil supere desafiosnaáreaambiental:“A reflexãoconjuntavaifazercom queavancemosesolucionemos problemas pontuais. Por isso, achofundamentalessemanual”. Capítulos–Divididosem três capítulos e anexos, o Manual de Licenciamento Ambiental para a Construção Civilapresentaumalinguagem simpleseumadiagramaçãoque destaca pontos de interesse do leitor, além de mostrar exemplos de determinados temas que estão sendo apresentados pelo manual. No primeiro capítulo – O que avaliar antes de optar por um empreendimento, reformar, comprar ou alugar um imóvel para construção -, destaca-se as normas e regras do uso e ocupação do solo. O segundo capítulo é dedicado ao tema do licenciamentoambiental:como obter, riscos de atuar sem licença ambiental e quais as atividades que necessitam de licenciamento.Oúltimocapítulo fala sobre o sistema de licenciamentodoestadodoRio de Janeiro (SLAM). A publicação possui ainda anexo com a lista de municípios habilitados para promover o licenciamento ambiental e a fiscalizaçãodasatividades;além deumcomplementocomsiglas, abreviaturaseumglossário Fonte: Firjam
  • 3. Edição Especial IIIRef: Julho de 2015Jornal Opção 3 FIRJAN: 60,1% do PIB do Noroeste Fluminense está concentrado em três municípiosOs municípios de Itaperuna, Santo Antônio de Pádua e Bom Jesus do Itabapoana respondem por 60,1% do Produto Interno Bruto (PIB) da região Noroeste Fluminense. A informação é do estudo “Retratos Regionais”, desenvolvido pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN) com o objetivo de apresentar um panoramasocioeconômicodos municípios da região. O conteúdo foi apresentado aos empresários que compõem a Comissão Intermunicipal FIRJAN/CIRJ de Santo Antônio de Pádua, nesta segunda-feira, dia 6, e aos membros do Conselho da Representação Regional FIRJAN/CIRJ Noroeste Fluminense, na terça-feira, 7, pelo especialista em Desenvolvimento Econômico daFederação,MarceloNicoll. Com dados de 2012, os últimos disponíveis, o estudo “Retratos Regionais” revela que o PIB da região Noroeste Fluminense era de R$ 4,7 bilhões naquele ano, o que representa 0,9% do total produzido no estado. De acordo com o estudo, Itaperuna garantiu a maior parcela do PIB da região: um totaldeR$1,7bilhão.JáSanto AntôniodePáduaeBomJesus do Itabapoana contribuíram com R$ 655 milhões e R$ 472 milhões,respectivamente.Entre 2007 e 2012, a taxa de crescimento da produção regional foi de 20%, enquanto noestadodoRiodeJaneirofoi de 22%. Juntas, as três cidades concentram mais de 50% da populaçãoregional,queerade 323 mil em 2014, segundo estimativadoIBGE.Essetotal representa 2% da população do estado. Nos últimos quatro anos, o número de habitantes no Noroeste Fluminense cresceu 1,8%, ficando abaixo da média estadual, cujo aumento foi de 2,9%. Dos 13 municípios da região, nove tiveram crescimento, com destaqueparaAperibé(+6,6%) eVarre-Sai(+5,2%).Poroutro lado, quatro cidades apresentaram redução da população no período, sendo em Laje do Muriaé (-2%) a quedamaissignificativa. O setor que teve maior participação na economia do Noroeste Fluminense foi o de Serviços e Comércio, respondendo por 43,5% do PIB regional. Já a produção da Indústriacontribuiuem12,3% no PIB da região e em 0,4% no PIB industrial do estado. Porém, entre 2007 e 2012, foi o setor que apresentou a maior taxadecrescimento(+26,8%). A Agropecuária da região, emboraocupeapenas4,8%do PIB do Noroeste Fluminense, representa 12% do valor produzido pelo segmento no estado. Para o presidente da Representação Regional FIRJAN/CIRJ Noroeste Fluminense, Antônio Carlos Boechat, as informações estratégicascontidasnoestudo poderão ter impacto significativo na tomada de decisões em prol do desenvolvimento do estado do Rio.“Oestudoapresenta,com detalhes, dados relacionados ao perfil econômico de cada região. Mais uma importante contribuição do Sistema FIRJAN para impulsionar a expansão da economia estadual”, destacou o presidente. Número de empregos na região teve crescimento superior ao do estado entre 2008 e 2013 As cerca de 7,4 mil empresas da região Noroeste Fluminense empregam 58 mil trabalhadores com carteira assinada, o que corresponde a 1,3%dosempregosformaisno estado, segundo dados mais recentes do Ministério do Trabalho e Emprego. Os setores de Serviços, Comércio e Administração Pública respondem, cada um, por um quarto dos empregados na região, enquanto a indústria ocupa um quinto das vagas. Já aAgropecuáriautilizamenosde 5% da mão de obra formal do NoroesteFluminense. Na Indústria, o subsetor quegaranteomaiornúmerode trabalhadores é a Indústria de Transformação(16,9%dototal de empregos formais na região), à frente da Construção (2,5%) e dos Serviços industriais de utilidade pública e da Extraçãomineral,que,juntos, ocupam menos de 1% dos postos de trabalho. Os segmentos da Indústria de Transformação com mais empregados são os de Produtosalimentícios(4,9%), Vestuárioeacessórios(2,6%) e Produtos de minerais não metálicos(2,6%). Entre 2008 e 2013, o númerodeempregosnaregião Noroeste Fluminense teve aumentode33,4%,enquanto noestadoocrescimentofoide 23,6%.AIndústriafoiosetor que mais evoluiu regionalmente, alavancando em 48,4% o número de postos de trabalho. Em seguida, aparecem os setores de Serviços (+38,3%), Administração Pública (+29,4%) e Comércio (+30,9%), que também tiveram aumento acima do estado.AAgropecuária foi o únicosetorquereduziuototal de empregados no período (- 6,8%). O subsetor que ofertou mais postos de trabalho entre 2008e2013foiodeServiços industriaisdeutilidadepública (+147,8%). No mesmo período, a Indústria de Transformação também apresentou crescimento expressivo na geração de novosempregos(+50,7%).O número de empregos na Construção cresceu 36,9%, enquanto a Extração mineral (-2,6%) foi o único subsetor que mostrou redução de postos durante o período. Contudo,aqualificação dos trabalhadores industriais no Noroeste Fluminense é mais baixa que a média do estado,sobretudopelamenor proporção de empregados comensinomédioesuperior: 46,6% na região contra 60,6% no estado. Nos graus de instruçãomaisbaixos,asituação regionaltambémépiorqueado estado, pois apresenta maiores percentuaisdetrabalhadoresem todas as faixas de menor escolaridade. Municípios se destacam em Educação, mas gestão fiscal ainda é difícil no Noroeste Oito dos dez municípios quemaisevoluíramemEducação no estado do Rio de Janeiro estão no Noroeste Fluminense, conforme apontou a última edição do Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM), com dados de 2011. Entreoscritériosutilizadospara avaliação da vertente estão os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), formação de professores, evasão escolar e atendimentos em creches e pré- escolas. Apesar dos bons resultadosnestequesito,nenhum município da região foi classificado como de alto desenvolvimento no resultado geral do estudo, que também avalia Saúde e Emprego e Renda. Considerando as três vertentes analisadas, Santo Antônio de Pádua obteve o melhordesempenhonaregiãoe foia12ªcolocadanorankingdas cidadesfluminenses. Já o Índice FIRJAN de Gestão Fiscal (IFGF), lançado recentementecomdadosoficiais de 2013, revelou que São José de Ubá foi a única cidade da região classificada com boa gestão fiscal, sobretudo pelos resultados apresentados nos indicadoresLiquidezeCustoda Dívida. O índice, composto também pelos indicadores Receita Própria, Gastos com Pessoal e Investimentos, revela queamaiorpartedosmunicípios da região possuem gestão em dificuldade. Fomte:Firjan
  • 4. Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 20154 Sessão Solene comomora os 133 anos de Emancipação de Santo Antônio de Pádua No último dia dia 3 deste mês, aconteceunoCampestrePáduaClube, a Sessão Solene da Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Pádua, comemorando os 133 anos de emancipaçãopolítico-administrativa domunicípio. Foram entregues as medalhas honoríficas e Títulos de Cidadania Paduana. Dr.AntônioFernandoPinheiroda Silva, diretor presidente da COPAPA, Companhia Paduana de Papeis, foi o grande homenageado da noite, recebendo a Medalha Visconde da Silva Figueira, maior honraria do município. Coube à empresária paduana, JecildaPinheiroFonsecaPadilhaSilva, receber a Medalha de Mérito legislativoMariquinhaCebola,honraria exclusiva para mulheres que se destacam na sociedade Paduana. Essas duas medalhas são únicas e aprovadas pela mesa diretora da Câmara de Vereadores de Pádua. Na sessão solene também foram conferidas 26 Medalhas Frederico de Alvim Padilha às personalidades da comunidadee13MedalhasDeputado José Kezen, que são concedidas a parlamentares e ex-parlamentares, na esfera federal, estadual ou municipal, respectivamente. Também foram conferidos 38 Títulos de Cidadania Paduana. Além do prefeito municipal, Josias Quintal de Oliveira, e o vice- prefeito Otony Francisco de Faria, diversas autoridades se fizeram presentes ao evento e foram homenageadas, entre elas, os deputadosestaduaisNivaldoMulime André Lazaroni, o deputado federal Paulo Feijó, o vereador Wilson Nogueira, Presidente da Câmara MunicipaldeItalva. Falando em nome da Câmara de Pádua, o vereador Assef Nacif, destacouquenestes133anosdePádua muitaspessoasjáforamhomenageadas e muitas outras ainda precisam ser destacadaspelotrabalhorealizadoem prol do município. Assef destacou a importância dos grandes homenageadosdanoitesolene,Doutor Fernando Pinheiro e Dona Jecilda Padilha. Para o prefeito Josias Quintal a Câmara foi muito feliz na escolha dos homenageadosqueemsuamaioriasão pessoas do povo, que tem papel importante no desenvolvimento do município. Muito emocionado o doutor Fernando Pinheiro fez agradecimento a Mesa Diretora da Câmara pela homenagem,asuafamíliaeaossócios daCOPAPAporpermitirqueserealize profissionalepessoalmente. FernandoPinheirofezmençãoao personagem que dá titulo a medalha querecebeuViscondeFigueira,figura importantíssimadahistóriaPaduanae no final de suas palavras, declamou o Hino à Pádua. Finalizandooevento,opresidente do legislativo, Paulinho da Refrigeração, ao lado de sua esposa, Claudinéia Valeria Cardoso Pinheiro, agradeceu a todos que ajudaram na realização da Sessão Solene e apresentousuasrealizaçõesnoprimeiro semestre, como o Portal da Transparência, a Câmara Mirim e os canais de interatividade do legislativo como site e face book. Projetando o segundo semestre, Paulinho anunciou para breve o início da Câmara Itinerante com sessão nos bairros e distritos de Pádua. Também fizeram uso da palavra os deputados Nivaldo Mulim eAndré Lazaroni. A mesa diretora da Câmara de Vereadores de Pádua aproveita para parabenizar a todos os agraciados na Sessão Solene. Texto – ASCOM CÂMARA PÁDUA
  • 5. Edição Especial IIIRef: Julho de 2015Jornal Opção 5 Anuncie Conosco (22) 98121-3694
  • 6. Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 20156 Jornal Opção do Noroeste Clinica da família será instalada em Pádua Preocupado com a saúde dos moradores de SantoAntôniodePádua, oprefeitoJosiasQuintal deOliveiraconseguiudo Governo Federal a construçãodaClínicada Família na cidade, e juntamentecomaequipe técnica e com o SecretárioMunicipalde Saúde,ÉneasChavesde Oliveiras, visitou o terreno, localizado no bairro Mirante, onde já começaram as obras. Com investimento de R$ 1,3 milhão para obras e equipamentos, a nova unidade terá capacidadeparareceber inicialmente duas equipes da Estratégia da Saúde da Família, podendoacompanharem média 12 mil moradores da localidade. A atenção básica é fundamentalnocontexto daredepúblicadesaúde. Tal obra aumenta a atenção do município e qualifica o atendimento, oferecendo sempre o melhorparaapopulação. As clínicas da Família foram criadas para trabalhar a prevenção, a promoção da saúde, o diagnostico precoce de doenças e o tratamento. Seguindo sempre o mesmo modelo, a construção ocupa 362 metros quadrados de área construída, com cinco consultórios para atendimento médico e para consulta de enfermagem, além de dois consultórios para a t e n d i m e n t o odontológico. Cada equipe da Estratégia de Saúde da Família é composta por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, dentista, auxiliardesaúdebucale agentescomunitáriosde saúde. Texto/Foto – Ascom Pádua Estacionamento rotativo é implantado em Pádua A n t i g a reivindicação da comunidade para equalizar as vagas de estacionamento na cidade, o E s t a c i o n a m e n t o Rotativo, depois de meses de estudos técnicos teve seu inicio no dia 06. De acordo com o diretor do D e p a r t a m e n t o Municipal de Trânsito (DEMUT), Waldir Peçanha Filho, a implantação do estacionamentorotativo começará pela Rua dos Leites, e servirá como experimento para que em breve outras ruas do centro também tenham o estacionamento. Haverá uma semana de adaptação, tanto para o público como para os novos trabalhadores, período em que terá a cobrança efetuada, mas que não serão aplicadas penalidades. De início serão 14 vagas para o EstacionamentoRotativo e a compra poderá ser feitanolocal,ondehaverá fiscais responsáveis no período das 7h às 18h. Os valores dos cartões são de R$ 2,00 para 1 hora, sendo que para duas horas poderão ser utilizados2cartões. O não pagamento do estacionamento ou caso o usuário evadir-se do local, acarretará em notificação por infração de transito, conforme preconiza o artigo 181/ 17§ do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), no valor de 53 reais. O dinheiro arrecadado será revertido para o fundo municipal de trânsito, e será utilizado em melhorias no transito da cidade, tais como sinalizações verticais e horizontais, semáforos, entre outros. Texto/Foto – Ascom Pádua
  • 7. Edição Especial IIIRef: Julho de 2015Jornal Opção 7 Campeonato Municipal de futebol Depoisdemuitaspartidaserecordesdepúblico nosestádiosdomunicípio,estãodefinidasasequipes finalistasdoCampeonatoMunicipaldeFutebol.Na categoria “Aspirante”, as equipes do Campelo e Mangueirãoseclassificaramparaadisputadotítulo, já na categoria “Principal”, as equipes do Independente e Marangatu disputarão o mais importantetroféudofutebolpaduano. De acordo com a Liga Paduana de Desportos, as finais acontecerão no Estádio Manoel Bastos Magalhães, no distrito de São Pedro, com início às 13h. O Campeonato Municipal de Futebol é uma realização da Liga Paduana de Desportos, com o apoiototaldaPrefeituraMunicipaldeSantoAntônio de Pádua. Texto – Ascom Pádua Programa “Estradas da Produção” O Prefeito Josias Quintal de Oliveira acompanhou no inicio deste mês a chegada dos primeiros caminhões de bica corrida do programa “Estradas da Produção”. O município de Santo AntôniodePádua,foicontempladocom2milmetros cúbicos do material, sendo transportados desde a cidade de Cardoso Moreira. De acordo com a gerência do programa na cidade, todo material será trazido em aproximadamente 500 viagens de caminhões. De acordo com o prefeito Josias Quintal, já na próximasemanadiversospontosdeestradasvicinais serão recapeadas, melhorando principalmente o transportedeprodutosagrícolasnomunicípio. Em seu programa de rádio, o prefeito agradeceu ao governador Luiz Fernando Pezão por atender seu pedido, e por sua vez, possibilitando atender diversas solicitações de moradores de áreas ruraisdomunicípio. Texto/Foto – Ascom Pádua Policiais Militares ganham gratificação Palavras do Ten Cel Eduardo Vaz Castelano “Bom dia BRAVOS GUERREIROS DO NOROESTEFLUMINENSE!Bemvindosàgaleria daqueles que fizeram a diferença e vão deixar marcada história no 36º BPM ! PARABÉNS a cada Policial Militar do 36º BPM (Patamos, P/1, P/2, P/3, P/4, P/5, GPRs, RPs, MPTrans, POG Bike, Expediente Fecha Quartel, SOp, Rancho, RUMB, Fiscais de dia, Supervisões de Oficiais e Graduados,EquipesdosDPOsePPCs,...),enfim, todosqueforamprimordiaisparaessaVITÓRIA! UmaVitóriaéconstruídacomcapacidadetécnica, qualificação,talento,muitosacrifícioededicação, eessavitóriaseconsolidaquandoestáplenamente orientadapelosprincípiosdaFÉemDEUS!Somos uma EQUIPE coesa e unida e ombreados pelo mesmo ideal: proporcionar a paz e a ordem para a populaçãoeenaltecersempreanossaBriosaPolícia Militar.Meusamigos,acreditamoseperseguimos o VÁ E VENÇA! Com MUITA LUTA conquistamos nossos objetivos e estamos agora comosentimentofortedoDEVERCUMPRIDO. É para mim motivo de bom orgulho poder fazer parte desta PODEROSA equipe! Essa vitória só noscomprovaumacoisa:queestamosNORUMO CERTO! Como dizíamos, a nossa vitória dependeria de trabalho dedicado e fé; Isso aconteceu e hoje é realidade. Ganhou a população comdiasdepazemaissegurançanoirevirdodia a dia. E ganhamos nós em poder oferecer isso que tantoperseguimos,DIASMELHORES.BRAVOS GUERREIROS, podem comemorar porque o 36º BPM, Batalhão que nós defendemos como nossa casa e nossa família, é detentor do Título que poderáostentarcomoumdosmaisgratificantesna carreira de um profissional, o prêmio pelo cumprimentoDAMISSÃOacontentoecomisso conseguindo, com todas as dificuldades que atravessam nosso caminho, REDUZIR TODOS OS ÍNDICES DE CRIMINALIDADE da nossa Área de responsabilidade de Policiamento sagrando-nos no 1º Semestre de 2015 o 1º COLOCADO NO SISTEMA INTEGRADO DE METAS em TODO O ESTADO DO RIO DE JANEIRO.Parabénspeloincontestávelebrilhante trabalhorealizado.WEARETHECHAMPIONS! Revigoremosnossasenergiasebolaprafrente,fiéis aos nossos ideais! FORÇA E HONRA! PAZ E BEM!” Fonte: ASCOM Pádua Jornal Opção do Noroeste Não Basta ser bom tem que ser o melhor! (22) 3851-3882(Redação) Anuncie Conosco (22) 981213694(Ant. Americo)
  • 8. Edição Especial III Jornal OpçãoRef:Julho de 20158