SlideShare uma empresa Scribd logo
ISLAMISMO
Robson Rosa Santana
Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação
Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação
Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação
Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação
Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação
• Muitos conhecem apenas o lado radical do
terrorismo islâmico.
• Nessa apresentação, iremos conhecer mais
do que essas coisas superficiais que passam
na mídia.
• Veremos a origem com Maomé, a expansão
do Islã, as principais divisões, os 5 pilares e
os meios de propagação.
MAOMÉ
O Contexto Árabe
Dois grandes
poderes da época:
Império BIZANTINO
(Constantinopla)
Asia Menor, Síria, Egito
e sudesta da Europa
Império PERSA (Iraque)
Iraque ao Afeganistão
Principais Tribos da Arábia no
tempo de Maomé
Meca
Medina
Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação
MAOMÉ
• Maomé nasce em 570 d.C.
• Filho de Mercadores, órfão aos 6 anos.
• Em 595 (25 anos) casa-se com Khadija (40
anos), mercadora rica, que vai financiar sua
vida religiosa.
• Tiveram 7 filhos.
• Todos morreram, exceto Fátima.
• Fátima casou-se com o Ali – primo de
Maomé.
MAOMÉ
• Em 610 (40 anos) – primeira revelação quando
meditava no Monte Hira
• Teve “revelações” por 22 anos em Meca e Medina.
• [Resultando no Corão ou Alcorão]
• 610-612 – mensagens privadas – grupo de
seguidores.
• Em 613, instruído por Allah, começa a pregar em
público – Surata 15.94; 26.214
“Proclama, pois, o que te tem sido ordenado e
afasta-te do idólatras.”
MAOMÉ
•Perseguido por artesãos e comerciantes de
artigos religiosos (politeístas), foge de Meca
para Medina (HÉGIRA) em 20/06/622.
•Medina: organiza exército para lutar contra os
“infiéis”.
•Reconquista Meca (627) e destrói todos os
360 ídolos que haviam na Caaba.
•Morre em 632 d.C. em Jerusalém (62 anos)
MAOMÉ
• ISLÃ  Submissão ou Rendição
• ALCORÃO  Duas famosas opiniões:
• Al-Qar = coletar
• Qara = recitar
Recitar parece ser a opinião mais
apropriada
MAOMÉ
• "AL MUZZÁMMIL” (O ACOBERTADO)
Revelada em Makka; 20 versículos, com exceção dos
versículos10, 11 e 20, que foram revelados em Madina.
73ª SURATA
Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso.
1 Ó tu, acobertado,
2 Levanta-te à noite (para rezar), porém não durante toda a
noite;
3 A metade dela ou pouco menos,
4 Ou pouco mais, e RECITA fervorosamente o Alcorão
MAOMÉ
Vídeo criança fazendo recitação
http://www.youtube.com/watch?v=uhHnmf02Dnw
A Mensagem:
A história do Islã
Quem substituiria Maomé após a sua morte?
Xiitas
Ali, genro de Maomé.
Ali chega a liderar, mas é
assinado.
(4° Califa)
Partidários de Ali = Shiat
Daí vem o termo Xiita
Descendentes de Maomé
são os aprovados por Alá.
Fieis são independentes.
Hoje são os mais radicais,
guiados por Alá.
Sunitas
Abu Bakr, amigo de
Maomé
(1° Califa = sucessor).
Escolhido pelo povo.
+ 2 Califas governaram
Seguem o Corão e a
Sunna.
 Sunna = caminho
Daí o termo Sunita
Hoje são os menos radicais
Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação
5 Pilares do Islamismo
http://images.ig.com.br/infograficos/MecaPT2311/index1.html
Shahada ‫الشهادة‬
http://images.ig.com.br/infograficos/MecaPT2311/index1.html
5 Pilares do Islamismo
http://images.ig.com.br/infograficos/MecaPT2311/index1.html
5 Pilares do Islamismo
http://images.ig.com.br/infograficos/MecaPT2311/index1.html
5 Pilares do Islamismo
http://images.ig.com.br/infograficos/MecaPT2311/index1.html
5 Pilares do Islamismo
http://images.ig.com.br/infograficos/MecaPT2311/index1.html
5 Pilares do Islamismo
Video Peregrinação a Meca de 2012
http://www.youtube.com/watch?v=U_uA0OL5ZwM
Peregrinação | Hajj de 2012
5 Pilares do Islamismo
Islamismo no Mundo
Islamismo no Mundo
SUNITAS
84% XIITAS
14%
OUTROS
2%
GRUPOS DENTRO DO ISLÃ
OUTROS:
WAHHABI (sunitas
radicais)
SUFI (místicos)
DRUZI (secretos,
Hamaz)
ALAWITES (Síria)
NUAIRIYYAH
(gnósticos cristãos
+ Islã – Síria)
AHAMDIYYA (Índia
e Paquistão)
SIKHIS (Islã +
hinduísmo)
• “Maomé foi um homem que foi
consumido por um profundo sendo da
dawah (‫)داعي‬ que significa no contexto
islâmico ‘propagar a fé pelo chamado
das pessoas para abraçar o Islã’. Seu
zelo inextinguível pela expansão do Islã
tem uma influência duradoura sobre seus
seguidores” (Bassam Chedid, p. 50).
OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ
“DAWAH” (CONVITE)
• CONQUISTAS MILITARES (JIHAD)
• MISSIONÁRIOS DE RUA
OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ
“DAWAH” (CONVITE)
VIDEO
Dawah (convite) de Rua na Austrália
http://www.youtube.com/watch?v=mkGw8lXVRUA
OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ
“DAWAH” (CONVITE)
• CONQUISTAS MILITARES (JIHAD)
• MISSIONÁRIOS DE RUA
• MIGRAÇÃO (Família e novos nascimentos)
• DIPLOMATAS (Embaixadas Islâmicas)
• DOAÇÕES PARA UNIVERSIDADES
• NEGÓCIOS (Petroleo, Banços, Investimentos)
• DIÁLOGOS INTERRELIGIOSOS
• REDES DE MIDIA SOCIAL (Sites, Facebook...)
OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ
“DAWAH” (CONVITE)
VIDEO
Mundo Árabe - APMT
http://www.youtube.com/watch?v=HlSjLKpppog
Mundo árabe
ISLAMISMO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Islamismo
IslamismoIslamismo
A Formação do Islamismo e do Mundo Árabe
A Formação do Islamismo e do Mundo ÁrabeA Formação do Islamismo e do Mundo Árabe
A Formação do Islamismo e do Mundo Árabe
seixasmarianas
 
Os Cinco Pilares do Islã
Os Cinco Pilares do IslãOs Cinco Pilares do Islã
O islamismo
O islamismoO islamismo
O islamismo
Victória Torres
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
Matheus Roger
 
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo
O Islamismo
Rosário
 
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo
O Islamismo
Diogo Gonçalves
 
Islamismo
Islamismo Islamismo
Islamismo
Laís Camargo
 
O islamismo
O islamismoO islamismo
O islamismo
16emerson
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Mundo árabe
Mundo árabeMundo árabe
Mundo árabe
Douglas Barraqui
 
Império islamico
Império islamicoImpério islamico
Império islamico
alinemaiahistoria
 
Islamismo Alá é o único Deus
Islamismo Alá é o único DeusIslamismo Alá é o único Deus
Islamismo Alá é o único Deus
Leandro Nazareth Souto
 
Islamismo - Filosofia
Islamismo - FilosofiaIslamismo - Filosofia
Islamismo - Filosofia
Bruna M
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
Thiago Oliveira
 
Cultura Islamica
Cultura IslamicaCultura Islamica
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo

Mais procurados (17)

Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
 
A Formação do Islamismo e do Mundo Árabe
A Formação do Islamismo e do Mundo ÁrabeA Formação do Islamismo e do Mundo Árabe
A Formação do Islamismo e do Mundo Árabe
 
Os Cinco Pilares do Islã
Os Cinco Pilares do IslãOs Cinco Pilares do Islã
Os Cinco Pilares do Islã
 
O islamismo
O islamismoO islamismo
O islamismo
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
 
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo
O Islamismo
 
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo
O Islamismo
 
Islamismo
Islamismo Islamismo
Islamismo
 
O islamismo
O islamismoO islamismo
O islamismo
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
 
Mundo árabe
Mundo árabeMundo árabe
Mundo árabe
 
Império islamico
Império islamicoImpério islamico
Império islamico
 
Islamismo Alá é o único Deus
Islamismo Alá é o único DeusIslamismo Alá é o único Deus
Islamismo Alá é o único Deus
 
Islamismo - Filosofia
Islamismo - FilosofiaIslamismo - Filosofia
Islamismo - Filosofia
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
 
Cultura Islamica
Cultura IslamicaCultura Islamica
Cultura Islamica
 
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo
O Islamismo
 

Destaque

Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...
Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...
Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...
Robson Santana
 
Como Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael Goheen
Como Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael GoheenComo Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael Goheen
Como Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael Goheen
Robson Santana
 
Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)
Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)
Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)
Robson Santana
 
Mundanismo - Parte 2 - Imoralidade e Idolatria
Mundanismo - Parte 2 - Imoralidade e IdolatriaMundanismo - Parte 2 - Imoralidade e Idolatria
Mundanismo - Parte 2 - Imoralidade e Idolatria
Robson Santana
 
O nascimento do islamismo e a expansão muçulmana
O nascimento do islamismo e a expansão muçulmanaO nascimento do islamismo e a expansão muçulmana
O nascimento do islamismo e a expansão muçulmana
HizqeelMajoka
 
Origem e expansão do islamismo
Origem e expansão do islamismoOrigem e expansão do islamismo
Origem e expansão do islamismo
Thiago Oliveira
 
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo
O Islamismo
Sílvia Mendonça
 
As origens e a expansão do islamismo
As origens e a expansão do islamismoAs origens e a expansão do islamismo
As origens e a expansão do islamismo
Lucas Degiovani
 
Disciplina: a terceira marca da igreja
Disciplina: a terceira marca da igrejaDisciplina: a terceira marca da igreja
Disciplina: a terceira marca da igreja
Robson Santana
 
Reforma e contra reforma
Reforma e contra reformaReforma e contra reforma
Reforma e contra reforma
vr1a2011
 
Slide islamismo
Slide islamismoSlide islamismo
Slide islamismo
Isabel Aguiar
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...
Robson Santana
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...
Robson Santana
 
Atos 11
Atos 11Atos 11
A palesti..2
A palesti..2A palesti..2
A palesti..2
ricardosantista
 
06 a imagem do sonho de nabucodonosor
06 a imagem do sonho de nabucodonosor06 a imagem do sonho de nabucodonosor
06 a imagem do sonho de nabucodonosor
Diego Fortunatto
 
Pecado e Disciplina na Igreja
Pecado e Disciplina na IgrejaPecado e Disciplina na Igreja
Pecado e Disciplina na Igreja
Rogério Nunes
 
Mesopotâmia
Mesopotâmia Mesopotâmia
Mesopotâmia
Magali Letícia
 
Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares
Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares
Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares
Antonio Fernandes
 
Rei Manassés
Rei ManassésRei Manassés

Destaque (20)

Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...
Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...
Estilos de paternidade: pais permissivos, negligentes, autoritários e com aut...
 
Como Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael Goheen
Como Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael GoheenComo Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael Goheen
Como Seria uma Igreja Missional Hoje? Michael Goheen
 
Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)
Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)
Mundanismo - Parte 1 - Dinheiro (dízimos e ofertas)
 
Mundanismo - Parte 2 - Imoralidade e Idolatria
Mundanismo - Parte 2 - Imoralidade e IdolatriaMundanismo - Parte 2 - Imoralidade e Idolatria
Mundanismo - Parte 2 - Imoralidade e Idolatria
 
O nascimento do islamismo e a expansão muçulmana
O nascimento do islamismo e a expansão muçulmanaO nascimento do islamismo e a expansão muçulmana
O nascimento do islamismo e a expansão muçulmana
 
Origem e expansão do islamismo
Origem e expansão do islamismoOrigem e expansão do islamismo
Origem e expansão do islamismo
 
O Islamismo
O IslamismoO Islamismo
O Islamismo
 
As origens e a expansão do islamismo
As origens e a expansão do islamismoAs origens e a expansão do islamismo
As origens e a expansão do islamismo
 
Disciplina: a terceira marca da igreja
Disciplina: a terceira marca da igrejaDisciplina: a terceira marca da igreja
Disciplina: a terceira marca da igreja
 
Reforma e contra reforma
Reforma e contra reformaReforma e contra reforma
Reforma e contra reforma
 
Slide islamismo
Slide islamismoSlide islamismo
Slide islamismo
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 1 - o escritório - ...
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 4 - a sala de recre...
 
Atos 11
Atos 11Atos 11
Atos 11
 
A palesti..2
A palesti..2A palesti..2
A palesti..2
 
06 a imagem do sonho de nabucodonosor
06 a imagem do sonho de nabucodonosor06 a imagem do sonho de nabucodonosor
06 a imagem do sonho de nabucodonosor
 
Pecado e Disciplina na Igreja
Pecado e Disciplina na IgrejaPecado e Disciplina na Igreja
Pecado e Disciplina na Igreja
 
Mesopotâmia
Mesopotâmia Mesopotâmia
Mesopotâmia
 
Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares
Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares
Moisés - Sua Liderança e Seus Auxiliares
 
Rei Manassés
Rei ManassésRei Manassés
Rei Manassés
 

Semelhante a Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação

revisao-7-ano-islamismo (1).pdf
revisao-7-ano-islamismo (1).pdfrevisao-7-ano-islamismo (1).pdf
revisao-7-ano-islamismo (1).pdf
RafaelyLeite1
 
História Idade Média Árabes
História Idade Média ÁrabesHistória Idade Média Árabes
História Idade Média Árabes
Giorgia Marrone
 
História idade média arábes
História idade média arábesHistória idade média arábes
História idade média arábes
Giorgia Marrone
 
O mundo islâmico
O mundo islâmicoO mundo islâmico
O mundo islâmico
Ramiro Bicca
 
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.pptO Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
Eduardo Sousa
 
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.pptO Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
HelderCastro22
 
O mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hojeO mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hoje
Mariana Andrade
 
O mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hojeO mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hoje
Mariana Andrade
 
Islamismo
Islamismo  Islamismo
Islamismo
Mary Alvarenga
 
Desmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismo
Desmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismoDesmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismo
Desmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismo
Leandro Nazareth Souto
 
Islamismo - finalizado.pptx
Islamismo - finalizado.pptxIslamismo - finalizado.pptx
Islamismo - finalizado.pptx
GabrielGonalvesNogue1
 
Islamismo2017
Islamismo2017Islamismo2017
ISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamental
ISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamentalISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamental
ISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamental
CarladeOliveira25
 
Fundamentalismos
FundamentalismosFundamentalismos
Fundamentalismos
rsaloes
 
Mundo islâmico: ontem e hoje
Mundo islâmico: ontem e hojeMundo islâmico: ontem e hoje
Mundo islâmico: ontem e hoje
Marilia Pimentel
 
09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt
09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt
09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt
MacswillinsSousaSilv1
 
capitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeui
capitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeuicapitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeui
capitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeui
estefanymiimille
 
Mundo islâmico
Mundo islâmicoMundo islâmico
Mundo islâmico
harlissoncarvalho
 
ISLAMISMO - LARA.ppt
ISLAMISMO - LARA.pptISLAMISMO - LARA.ppt
ISLAMISMO - LARA.ppt
Josimar Elias
 
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair AguilarIslamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 

Semelhante a Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação (20)

revisao-7-ano-islamismo (1).pdf
revisao-7-ano-islamismo (1).pdfrevisao-7-ano-islamismo (1).pdf
revisao-7-ano-islamismo (1).pdf
 
História Idade Média Árabes
História Idade Média ÁrabesHistória Idade Média Árabes
História Idade Média Árabes
 
História idade média arábes
História idade média arábesHistória idade média arábes
História idade média arábes
 
O mundo islâmico
O mundo islâmicoO mundo islâmico
O mundo islâmico
 
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.pptO Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
 
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.pptO Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
O Mundo Islâmico Ontem e Hoje.ppt
 
O mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hojeO mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hoje
 
O mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hojeO mundo islâmico ontem e hoje
O mundo islâmico ontem e hoje
 
Islamismo
Islamismo  Islamismo
Islamismo
 
Desmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismo
Desmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismoDesmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismo
Desmistificando o islamismo compreendendo o fundamentalismo
 
Islamismo - finalizado.pptx
Islamismo - finalizado.pptxIslamismo - finalizado.pptx
Islamismo - finalizado.pptx
 
Islamismo2017
Islamismo2017Islamismo2017
Islamismo2017
 
ISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamental
ISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamentalISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamental
ISLAMISMO 9 ANO.ppt aula ensino medio fundamental
 
Fundamentalismos
FundamentalismosFundamentalismos
Fundamentalismos
 
Mundo islâmico: ontem e hoje
Mundo islâmico: ontem e hojeMundo islâmico: ontem e hoje
Mundo islâmico: ontem e hoje
 
09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt
09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt
09062021205508Arabes e o Mundo Islâmico..ppt
 
capitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeui
capitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeuicapitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeui
capitulo 1.pptdfnweivnivbwoufbcuwbcubewvubeui
 
Mundo islâmico
Mundo islâmicoMundo islâmico
Mundo islâmico
 
ISLAMISMO - LARA.ppt
ISLAMISMO - LARA.pptISLAMISMO - LARA.ppt
ISLAMISMO - LARA.ppt
 
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair AguilarIslamismo - Prof. Altair Aguilar
Islamismo - Prof. Altair Aguilar
 

Mais de Robson Santana

Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Robson Santana
 
Como Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igreja
Como Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igrejaComo Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igreja
Como Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igreja
Robson Santana
 
Homossexualismo à luz da biblia
Homossexualismo à luz da bibliaHomossexualismo à luz da biblia
Homossexualismo à luz da biblia
Robson Santana
 
O que é livre arbitrio?
O que é livre arbitrio?O que é livre arbitrio?
O que é livre arbitrio?
Robson Santana
 
1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja
1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja
1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja
Robson Santana
 
A Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros ApócrifosA Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros Apócrifos
Robson Santana
 
Casamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de Westminster
Casamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de WestminsterCasamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de Westminster
Casamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de Westminster
Robson Santana
 
Lidando com as áreas escuras da liderança
Lidando com as áreas escuras da liderançaLidando com as áreas escuras da liderança
Lidando com as áreas escuras da liderança
Robson Santana
 
Curso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey Malphurs
Curso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey MalphursCurso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey Malphurs
Curso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey Malphurs
Robson Santana
 
A Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa Santana
A Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa SantanaA Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa Santana
A Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa Santana
Robson Santana
 
Como lidar com o sofrimento
Como lidar com o sofrimentoComo lidar com o sofrimento
Como lidar com o sofrimento
Robson Santana
 
Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus - Mt 3.13-4.11
Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus -  Mt 3.13-4.11Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus -  Mt 3.13-4.11
Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus - Mt 3.13-4.11
Robson Santana
 
Série pertencer a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...
Série pertencer   a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...Série pertencer   a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...
Série pertencer a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...
Robson Santana
 
50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper
50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper
50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper
Robson Santana
 
Meu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O Quarto
Meu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O QuartoMeu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O Quarto
Meu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O Quarto
Robson Santana
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estar
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estarSérie compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estar
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estar
Robson Santana
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantar
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantarSérie compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantar
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantar
Robson Santana
 
Milênio e suas doutrinas
Milênio e suas doutrinasMilênio e suas doutrinas
Milênio e suas doutrinas
Robson Santana
 
Introdução ao Livro de Isaías
Introdução ao Livro de IsaíasIntrodução ao Livro de Isaías
Introdução ao Livro de Isaías
Robson Santana
 
Uma benção chamada sexo - do pondo de vista de deus
Uma benção chamada sexo - do pondo de vista de deusUma benção chamada sexo - do pondo de vista de deus
Uma benção chamada sexo - do pondo de vista de deus
Robson Santana
 

Mais de Robson Santana (20)

Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
Evangelização - como criar uma cultura de evangelização na igreja local - J. ...
 
Como Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igreja
Como Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igrejaComo Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igreja
Como Levar sua Igreja para Frente: Revitalização de igreja
 
Homossexualismo à luz da biblia
Homossexualismo à luz da bibliaHomossexualismo à luz da biblia
Homossexualismo à luz da biblia
 
O que é livre arbitrio?
O que é livre arbitrio?O que é livre arbitrio?
O que é livre arbitrio?
 
1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja
1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja
1 Ts 5.12 13 - Como tratar os líderes da igreja
 
A Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros ApócrifosA Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros Apócrifos
 
Casamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de Westminster
Casamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de WestminsterCasamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de Westminster
Casamento e Divórcio - Adaptado do Cap. 24 da Confissão de Fé de Westminster
 
Lidando com as áreas escuras da liderança
Lidando com as áreas escuras da liderançaLidando com as áreas escuras da liderança
Lidando com as áreas escuras da liderança
 
Curso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey Malphurs
Curso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey MalphursCurso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey Malphurs
Curso Fazendo Discípulos Estrategicamente - Adaptado de Aubrey Malphurs
 
A Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa Santana
A Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa SantanaA Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa Santana
A Bíblia e a Copa do Mundo - Robson Rosa Santana
 
Como lidar com o sofrimento
Como lidar com o sofrimentoComo lidar com o sofrimento
Como lidar com o sofrimento
 
Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus - Mt 3.13-4.11
Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus -  Mt 3.13-4.11Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus -  Mt 3.13-4.11
Série QUESTOES DIFICEIS - Estudo 1 - Batismo e Tentação de Jesus - Mt 3.13-4.11
 
Série pertencer a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...
Série pertencer   a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...Série pertencer   a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...
Série pertencer a multidão errada - estudo 5 - aproximando-se - 2 coríntios...
 
50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper
50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper
50 razões por que Jesus veio morrer | John Piper
 
Meu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O Quarto
Meu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O QuartoMeu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O Quarto
Meu Coração, o Lar de Cristo - Estudo 5 - O Quarto
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estar
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estarSérie compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estar
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 3 - a sala de estar
 
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantar
Série compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantarSérie compromisso   meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantar
Série compromisso meu coração, o lar de cristo - estudo 2 - a sala de jantar
 
Milênio e suas doutrinas
Milênio e suas doutrinasMilênio e suas doutrinas
Milênio e suas doutrinas
 
Introdução ao Livro de Isaías
Introdução ao Livro de IsaíasIntrodução ao Livro de Isaías
Introdução ao Livro de Isaías
 
Uma benção chamada sexo - do pondo de vista de deus
Uma benção chamada sexo - do pondo de vista de deusUma benção chamada sexo - do pondo de vista de deus
Uma benção chamada sexo - do pondo de vista de deus
 

Último

A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.pptA VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
FranciscoAudisio2
 
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
PIB Penha
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
PIB Penha
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
EdimarEdigesso
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
OBrasilParaCristoRad
 
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdfauxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
EzeirAlvesdaSilva
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
AlexandreCarvalho858758
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
PIB Penha
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
FranciscoAudisio2
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
AntonioMugiba
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
OBrasilParaCristoRad
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
PIB Penha
 
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃOgrabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
luartfelt
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
Nilson Almeida
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 

Último (20)

A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.pptA VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
 
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
 
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdfauxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
 
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃOgrabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 

Islamismo: origem, divisões, expansão, pilares e meios de propagação

  • 7. • Muitos conhecem apenas o lado radical do terrorismo islâmico. • Nessa apresentação, iremos conhecer mais do que essas coisas superficiais que passam na mídia. • Veremos a origem com Maomé, a expansão do Islã, as principais divisões, os 5 pilares e os meios de propagação.
  • 8. MAOMÉ O Contexto Árabe Dois grandes poderes da época: Império BIZANTINO (Constantinopla) Asia Menor, Síria, Egito e sudesta da Europa Império PERSA (Iraque) Iraque ao Afeganistão
  • 9. Principais Tribos da Arábia no tempo de Maomé Meca Medina
  • 11. MAOMÉ • Maomé nasce em 570 d.C. • Filho de Mercadores, órfão aos 6 anos. • Em 595 (25 anos) casa-se com Khadija (40 anos), mercadora rica, que vai financiar sua vida religiosa. • Tiveram 7 filhos. • Todos morreram, exceto Fátima. • Fátima casou-se com o Ali – primo de Maomé.
  • 12. MAOMÉ • Em 610 (40 anos) – primeira revelação quando meditava no Monte Hira • Teve “revelações” por 22 anos em Meca e Medina. • [Resultando no Corão ou Alcorão] • 610-612 – mensagens privadas – grupo de seguidores. • Em 613, instruído por Allah, começa a pregar em público – Surata 15.94; 26.214 “Proclama, pois, o que te tem sido ordenado e afasta-te do idólatras.”
  • 13. MAOMÉ •Perseguido por artesãos e comerciantes de artigos religiosos (politeístas), foge de Meca para Medina (HÉGIRA) em 20/06/622. •Medina: organiza exército para lutar contra os “infiéis”. •Reconquista Meca (627) e destrói todos os 360 ídolos que haviam na Caaba. •Morre em 632 d.C. em Jerusalém (62 anos)
  • 14. MAOMÉ • ISLÃ  Submissão ou Rendição • ALCORÃO  Duas famosas opiniões: • Al-Qar = coletar • Qara = recitar Recitar parece ser a opinião mais apropriada
  • 15. MAOMÉ • "AL MUZZÁMMIL” (O ACOBERTADO) Revelada em Makka; 20 versículos, com exceção dos versículos10, 11 e 20, que foram revelados em Madina. 73ª SURATA Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso. 1 Ó tu, acobertado, 2 Levanta-te à noite (para rezar), porém não durante toda a noite; 3 A metade dela ou pouco menos, 4 Ou pouco mais, e RECITA fervorosamente o Alcorão
  • 16. MAOMÉ Vídeo criança fazendo recitação http://www.youtube.com/watch?v=uhHnmf02Dnw
  • 18. Quem substituiria Maomé após a sua morte? Xiitas Ali, genro de Maomé. Ali chega a liderar, mas é assinado. (4° Califa) Partidários de Ali = Shiat Daí vem o termo Xiita Descendentes de Maomé são os aprovados por Alá. Fieis são independentes. Hoje são os mais radicais, guiados por Alá. Sunitas Abu Bakr, amigo de Maomé (1° Califa = sucessor). Escolhido pelo povo. + 2 Califas governaram Seguem o Corão e a Sunna.  Sunna = caminho Daí o termo Sunita Hoje são os menos radicais
  • 20. 5 Pilares do Islamismo http://images.ig.com.br/infograficos/MecaPT2311/index1.html Shahada ‫الشهادة‬
  • 26. Video Peregrinação a Meca de 2012 http://www.youtube.com/watch?v=U_uA0OL5ZwM Peregrinação | Hajj de 2012 5 Pilares do Islamismo
  • 28. Islamismo no Mundo SUNITAS 84% XIITAS 14% OUTROS 2% GRUPOS DENTRO DO ISLÃ OUTROS: WAHHABI (sunitas radicais) SUFI (místicos) DRUZI (secretos, Hamaz) ALAWITES (Síria) NUAIRIYYAH (gnósticos cristãos + Islã – Síria) AHAMDIYYA (Índia e Paquistão) SIKHIS (Islã + hinduísmo)
  • 29. • “Maomé foi um homem que foi consumido por um profundo sendo da dawah (‫)داعي‬ que significa no contexto islâmico ‘propagar a fé pelo chamado das pessoas para abraçar o Islã’. Seu zelo inextinguível pela expansão do Islã tem uma influência duradoura sobre seus seguidores” (Bassam Chedid, p. 50). OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ “DAWAH” (CONVITE)
  • 30. • CONQUISTAS MILITARES (JIHAD) • MISSIONÁRIOS DE RUA OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ “DAWAH” (CONVITE)
  • 31. VIDEO Dawah (convite) de Rua na Austrália http://www.youtube.com/watch?v=mkGw8lXVRUA OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ “DAWAH” (CONVITE)
  • 32. • CONQUISTAS MILITARES (JIHAD) • MISSIONÁRIOS DE RUA • MIGRAÇÃO (Família e novos nascimentos) • DIPLOMATAS (Embaixadas Islâmicas) • DOAÇÕES PARA UNIVERSIDADES • NEGÓCIOS (Petroleo, Banços, Investimentos) • DIÁLOGOS INTERRELIGIOSOS • REDES DE MIDIA SOCIAL (Sites, Facebook...) OS MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ “DAWAH” (CONVITE)
  • 33. VIDEO Mundo Árabe - APMT http://www.youtube.com/watch?v=HlSjLKpppog Mundo árabe

Notas do Editor

  1. Foto da mesquita de Al-Haram – Grande Mesquita Prox. Extremistas Islamicos: ESTADO ISLAMICO 2) BOKO HARAM 3) HAMAS 4) AL QAEDA – Torres Gemeas atacadas
  2. Prox. Extremistas Islamicos: ESTADO ISLAMICO 2) BOKO HARAM 3) HAMAS 4) AL QAEDA – Torres Gemeas atacadas
  3. Prox. Extremistas Islamicos: ESTADO ISLAMICO 2) BOKO HARAM 3) HAMAS 4) AL QAEDA – Torres Gemeas atacadas
  4. Prox. Extremistas Islamicos: ESTADO ISLAMICO 2) BOKO HARAM 3) HAMAS 4) AL QAEDA – Torres Gemeas atacadas
  5. Muitos conhecem apenas o lado radical do terrorismo islamico. Nessa apresentação, iremos conhecer mais do que essas coisas superficiais que passam na midia. Veremos a origem com Maomé, a expansão do Islã, as principais divisões, os 5 pilares e os meios de propagação.
  6. Dois grandes poderes do mundo: Império Bizantino (Constantinopla) Asia Menor, Síria, Egito e sudesta da Europa Império Persa (Iraque) Iraque ao Afeganistão (Comunidades Judaicas ao redor de Medina)
  7. Não havia unidade entre as tribos árabes Havia grande comércio de caravanas cruzando todo o território. Meca: A tribo QURAISH governava e guardava a Caaba. Caaba: centro comercial e de periegrinação – anualmente havia peregrinação religiosa. Havia o monoteísmo (judeus e cristaos) e religiões idolatras tradicionais.
  8. 3 batalhas contra Meca. Raiding caravans from Mecca and Three Battles 624 The Battle of Badr (Meccans defeated) Change in Qibla (Direction of Prayer) A Jewish tribe expelled—Banu (sons of) Qaynuqa 625 The Battle of Uhud (Muslims defeated [?]) Another Jewish tribe expelled—Banu Nadir 627 The Battle of the Ditch or Trench The massacre of the Jewish of Banu Qurayza—600 men beheaded and women and children sold into slavery Prox. Slide : Significados de Islã e Alcorão
  9. About the meaning of the term `Quran`, there are two famous opinions: 1) it is driven from al-Qar` meaning `to collect`. 2) It is driven from `Qara` (to recite). Thus, it is called `the Quran` for it is a Book to be recited (73:4), or because the revelation began by `Read` (96:1). The second opinion (driven from the root ‘to recite’) seems more accurate. "AL ‘ALAC" (O COÁGULO) Revelada em Makka; 19 versículos. Foi a primeira surata, revelada ao Profeta. 96ª SURATA Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso. 1 Lê, em nome do teu Senhor Que criou; Sheikh Mansour Leghaei http://www.askthesheikh.com/ PROX. SLIDE – ISLÃ E CORÃO
  10. "AL MUZZÁMMIL” (O ACOBERTADO) Revelada em Makka; 20 versículos, com exceção dos versículos10, 11 e 20, que foram revelados em Madina. 73ª SURATA Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso. 1 Ó tu, acobertado, 2 Levanta-te à noite (para rezar), porém não durante toda a noite; 3 A metade dela ou pouco menos, 4 Ou pouco mais, e RECITA fervorosamente o Alcorão PROX. SLIDE – VIDEO RECITAÇÃO
  11. PROX. SLIDE – filme ISLÃ
  12. Filme no youtube – parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=aaMc86gp8Ac Prox. Slide – QUEM SUBSTITUIRIA MAOMÉ - Xiitas e Sunitas
  13. Sunna = caminho – Práticas religiosas estabelecidas por Maomé entre seus companheiros e foi passando para as gerações. XIITAS Ali, genro de Maomé. Ali chega a liderar, mas é assinado. Partidários de Ali = Shiat Daí vem o termo Xiita. Descendentes de Maomé são os aprovados por Alá. Fieis são independentes. Hoje são os mais radicais, guiados por Alá. SUNITAS Abu Bakr, amigo de Maomé (maioria). Escolhido pelo povo. + 2 Califas governaram Seguem o Corão e a Sunna. Sunna = caminho Daí o termo Sunita Hoje são os menos radicais Prox. Slide – MAPA DA EXPANSÃO DESDE MAOMÉ
  14. PROX. SLIDE – CAPA DO FILME
  15. Charrada - Profissão
  16. A Caaba entre com o CLICAR Prox. Slide VIDEO - MECA
  17. A Caaba entre com o CLICAR Prox. Slide Islã no mundo hoje – divididos por Sunitas e Xiitas
  18. Prox. Slide MEIOS DE EXPANSÃO DO ISLÃ
  19. Porx. Slide – VIDEO APMT 2014 – MUNDO ÁRABE
  20. Prox. Slide PERGUNTAS??
  21. Foto da mesquita de Al-Haram