SlideShare uma empresa Scribd logo
ESCOLA DE AVIAÇÃO
ASAS DE SOCORRO
MÓDULO CÉLULA
PROVA DE INSTRUMENTO
NOME:____________________
DATA:___/___/___.
AVALIAÇÃO:______________
___________________________
1- Os primeiros instrumentos da aviação foram:
a) Pressão óleo e temperatura óleo.
b) Pressão combustivel e pressão óleo.
c) Quantidade combustível e pressão óleo.
d) RPM e pressão de combustivel.
(B)
2 – De acordo com o principio de
funcionamento o giro-direcional pode se
classificar como:
a) Instrumento de vôo.
b) Instrumento de Motor.
c) Instrumento de navegação.
d) Instrumento Aéreo.
(B)
3- Sobre o instrumento indicador de
temperatura de cabeça de cilidro.
Podemos afirmar:
a) Mede a RPM do motor.
b) É um instrumento medidor de
pressão.
c) É um instrumento de navegação.
d) Só existe em motores
convencionais.
(D)
4- A radial vermelha, utilizada nas
pinturas de instrumentos, serve para
indicar:
a) Faixa de operação.
b) Cautela.
c) Limites máxima ou mínimo.
d) Operação em situação especial.
(C)
5- A marca branca entre o vidro e a
caixa do instrumento serve para indicar:
a) Operação em determinadas
circustâncias.
b) Faixa de operação.
c) Limite máximo de operação.
d) Se o vidro não teve movimento.
(D)
06- Para indicar a temperatura de óleo
do motor, utilizamos:
a) Uma resistência elétrica.
b) Um tubo de venturi.
c) Um termopar.
d) Um manômetro.
(A)
07- Quando o motor convencional não
está funcionando, o indicador de
pressão de admissão deverá marcar:
a) Zero.
b) 30 Pol Hg.
c) Pressão atmosférica estática.
d) Máxima pressão.
(C)
08- Que instrumentos são ligados a
linha de estática?
a) o Altímetro e o climb.
b) Só o velocímetro.
c) O altímetro, o velocímetro e o
climb.
d) Os instrumentos giroscópicos.
(C)
09- O menor ponteiro de um altímetro
de 3 ponteiros indica:
a) 20 pés.
b) 100 pés.
c) 1.000 pés.
d) 10.000 pés.
(D)
10- O climb também é chamado de:
a) Altímetro.
b) Velocímetro.
c) Indicador de razão de subida.
d) Indicador de curva.
(C)
11- Os velocímetros são alimentados
por:
a) Pressão dinâmica e estática.
b) Pressão do pitor e dinâmica.
c) Pressão anaeróbica.
d) Pressão da bomba de vácuo.
(A)
12-O indicador de MACH é uma
relação da velocidade do avião com:
a) a velocidade de decolagem.
b) A velocidade do som.
c) A velocidade da luz.
d) A razão de subida e descida.
(B)
13- Qual a razão de graus por minuto
em uma curva padrão.
a) 180º 4 min
b) 360º 1 min
c) 180º 2 min
d) 360º 2 min
(D)
14- Qualquer dispositivo elétrico capaz
de medir e indicar uma deflexão
angular, é um:
a) Sincro.
b) Fluxômetro.
c) Resistômetro.
d) Servo.
15- O sistema de indicação de ângulo de
ataque manda sinal elétrico para:
a) Compensador profundor.
b) Atirador dos pedais do leme.
c) Atuador aileron.
d) Estabilizador horizontal.
(B)
16- O indicador tacômetro em um avião
com motor a pistão serve para:
a) velocidade do pistão.
b) Velocidade do eixo de
manivelas.
c) Velocidade do eixo da turbina.
d) Velocidade do avião.
(B)
17- O sincroscópio serve para:
a) Comparar a velocidade do avião.
b) Estabilizar a RPM
c) Medir ângulo do flap.
d) Comparar RPM de dois ou ais
motores.
(D)
18- O bulbo sensor de um indicador de
temperatura bimetálico, é:
a) Um gerador de milivoltagem.
b) Um resistor variável por calor.
c) Bulbo com liquido volátil.
d) Um selsyn.
(a)
19- A temperatura de turbina TIT é
medida:
a) Entrada da turbina.
b) Câmara de combustão.
c) Ponto de T5
d) No escapamento.
(A)
20-O sistema de Fuel-Flow serve para
indicar:
a) Temperatura do combustível.
b) Quantidade do combustível.
c) Densidaade do combustivel.
d) Fluxo de combustível.
(D)
21- A rigidez giroscópica depende de
que?
a) Tensão da bateria.
b) Velocidade angular.
c) Balanceamento.
d) Material Usado.
(B)
22- O tubo de venturi é uma fonte de
sucção para:
a) substituir o tubo pitot.
b) Operar os sistemas giroscópicos.
c) Substituir a tomada estática.
d) Auxiliar a bomba hidráulica.
(B)
23- A sucção excessiva da linha de
succção é aliviada pela:
a) Separador ar óleo.
b) Válvula unidirecional.
c) Válvula de alíviu.
d) Válvula restritora.
(C)
24- Nos giroscópiocos o “Cage” serve
para:
a) Colocar rapidamente o rotor na
posição normal de vôo.
b) Travar o rotor.
c) Fechar a passagem de ar.
d) Limitar o ângulo de ação.
(A)
25- Um rotor giroscópico é movido por
corrente alternada, de__________volts,
__________ ciclos e com rotação de
_______ RPM.
a) 26, 400, 60.000
b) 28, 60, 21.000
c) 115, 400, 21.000
d) 60, 400, 60.000
(C )
26- Para corrigir as influências
magnéticas dentre do avião, usamos:
a) Dispositivo de compresação.
b) Sistema magnético.
c) Cartão defasado.
d) Desvio Magnético.
(A)
27- Sistema utilizado para reduzir o
trabalho o esforço e fadiga no controle
do avião, durante voes longos:
a) sistema giroscópico.
b) Sistem de pilo automático.
c) Barras de compensação.
d) Estabilizadores principais.
(B)
28- O canal do aileron, recebe
informação de um transmissor
localizado no:
a) Altímetro.
b) Turn Bank
c) Giro direcional.
d) Horizontal.
( D )
29- São considerados elementos de
atuação em UM “ PA”
a) Turn-Bank
b) Controle do PA
c) Servos.
d) Computador.
(C)
30- Se resetarmos a luz mestre de alerta
ela:
a) Estará pronta para avisar de
outra pane.
b) Ficará piscando até consertar a
pane eu a acendeu.
c) Não há como resetar.
d) Não acende mais.
(A)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ch 5
Ch 5Ch 5
Teste de instrumentos
Teste de instrumentosTeste de instrumentos
Teste de instrumentos
Evanildo Leal
 
Prova de instrumento de paula-gab
Prova de instrumento de paula-gabProva de instrumento de paula-gab
Prova de instrumento de paula-gab
Evanildo Leal
 
Prova de instrumento de paula
Prova de instrumento de paulaProva de instrumento de paula
Prova de instrumento de paula
Evanildo Leal
 
Bombas e Máquinas Hidráulicas
Bombas e Máquinas HidráulicasBombas e Máquinas Hidráulicas
Bombas e Máquinas Hidráulicas
Danilo Max
 
Resumo bombas
Resumo bombasResumo bombas
Resumo bombas
Mateus Dezotti
 
Capitulo4 bombascentrifugas[1]
Capitulo4 bombascentrifugas[1]Capitulo4 bombascentrifugas[1]
Capitulo4 bombascentrifugas[1]
bvoxx
 
Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in
  Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in  Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in
Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in
Edimilson Alves
 
Apostila petrobras-bombas
Apostila petrobras-bombasApostila petrobras-bombas
Apostila petrobras-bombas
tabVlae
 
Selecao bombas
Selecao bombasSelecao bombas
Selecao bombas
João Rafael Rodrigues
 
Experiencia medidores de vazao
Experiencia medidores de vazaoExperiencia medidores de vazao
Experiencia medidores de vazao
DANIELLE BORGES
 
Estac3a7c3b5es elevatc3b3rias
Estac3a7c3b5es elevatc3b3riasEstac3a7c3b5es elevatc3b3rias
Estac3a7c3b5es elevatc3b3rias
Wesley Alvarenga
 
Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...
Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...
Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...
Raimundo Ignacio
 
Tambor
TamborTambor

Mais procurados (14)

Ch 5
Ch 5Ch 5
Ch 5
 
Teste de instrumentos
Teste de instrumentosTeste de instrumentos
Teste de instrumentos
 
Prova de instrumento de paula-gab
Prova de instrumento de paula-gabProva de instrumento de paula-gab
Prova de instrumento de paula-gab
 
Prova de instrumento de paula
Prova de instrumento de paulaProva de instrumento de paula
Prova de instrumento de paula
 
Bombas e Máquinas Hidráulicas
Bombas e Máquinas HidráulicasBombas e Máquinas Hidráulicas
Bombas e Máquinas Hidráulicas
 
Resumo bombas
Resumo bombasResumo bombas
Resumo bombas
 
Capitulo4 bombascentrifugas[1]
Capitulo4 bombascentrifugas[1]Capitulo4 bombascentrifugas[1]
Capitulo4 bombascentrifugas[1]
 
Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in
  Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in  Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in
Www.cbmerj.rj.gov.br_index.php_view=article&catid=7%3_a_in
 
Apostila petrobras-bombas
Apostila petrobras-bombasApostila petrobras-bombas
Apostila petrobras-bombas
 
Selecao bombas
Selecao bombasSelecao bombas
Selecao bombas
 
Experiencia medidores de vazao
Experiencia medidores de vazaoExperiencia medidores de vazao
Experiencia medidores de vazao
 
Estac3a7c3b5es elevatc3b3rias
Estac3a7c3b5es elevatc3b3riasEstac3a7c3b5es elevatc3b3rias
Estac3a7c3b5es elevatc3b3rias
 
Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...
Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...
Mecânica dos Fluidos para Engenharia Química: o estudo de instalações de bomb...
 
Tambor
TamborTambor
Tambor
 

Semelhante a Instrumentos (2)

Instrumentos (1)
Instrumentos  (1)Instrumentos  (1)
Instrumentos (1)
Evanildo Leal
 
Instrumentos (3)
Instrumentos  (3)Instrumentos  (3)
Instrumentos (3)
Evanildo Leal
 
Instrumentos (4)
Instrumentos  (4)Instrumentos  (4)
Instrumentos (4)
Evanildo Leal
 
Instrumentos (8)
Instrumentos  (8)Instrumentos  (8)
Instrumentos (8)
Evanildo Leal
 
Instrumento depaula-gab
Instrumento depaula-gabInstrumento depaula-gab
Instrumento depaula-gab
Evanildo Leal
 
Instrumentos (5)
Instrumentos  (5)Instrumentos  (5)
Instrumentos (5)
Evanildo Leal
 
Instrumentos (7)
Instrumentos  (7)Instrumentos  (7)
Instrumentos (7)
Evanildo Leal
 
Instrumentos (6)
Instrumentos  (6)Instrumentos  (6)
Instrumentos (6)
Evanildo Leal
 
Parte de avi simulado ws.docx
Parte de avi simulado ws.docxParte de avi simulado ws.docx
Parte de avi simulado ws.docx
Evanildo Leal
 
Eletricidade 40 questoes
Eletricidade   40 questoesEletricidade   40 questoes
Eletricidade 40 questoes
Evanildo Leal
 
Acionamentos elétricos ventiladores
Acionamentos elétricos   ventiladoresAcionamentos elétricos   ventiladores
Acionamentos elétricos ventiladores
Angelo Hafner
 
Sistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docx
Sistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docxSistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docx
Sistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docx
Evanildo Leal
 
Prova simulada mec
Prova simulada mecProva simulada mec
Prova simulada mec
Cicero Lacerda
 
Eletricidade 02 gabarito
Eletricidade 02 gabaritoEletricidade 02 gabarito
Eletricidade 02 gabarito
Evanildo Leal
 
01072009 093713 mecanica_de_aeronaves
01072009 093713 mecanica_de_aeronaves01072009 093713 mecanica_de_aeronaves
01072009 093713 mecanica_de_aeronaves
Tarcisio Lopes
 
Sistema eletrico gmp
Sistema eletrico gmpSistema eletrico gmp
Sistema eletrico gmp
Evanildo Leal
 
Tev 3
Tev 3Tev 3
Tev 3
Drimithi
 
Aula 8 Hidraulica Bomas Rotativas Industriais
Aula 8 Hidraulica Bomas Rotativas IndustriaisAula 8 Hidraulica Bomas Rotativas Industriais
Aula 8 Hidraulica Bomas Rotativas Industriais
João Vitor Santos Silva
 

Semelhante a Instrumentos (2) (18)

Instrumentos (1)
Instrumentos  (1)Instrumentos  (1)
Instrumentos (1)
 
Instrumentos (3)
Instrumentos  (3)Instrumentos  (3)
Instrumentos (3)
 
Instrumentos (4)
Instrumentos  (4)Instrumentos  (4)
Instrumentos (4)
 
Instrumentos (8)
Instrumentos  (8)Instrumentos  (8)
Instrumentos (8)
 
Instrumento depaula-gab
Instrumento depaula-gabInstrumento depaula-gab
Instrumento depaula-gab
 
Instrumentos (5)
Instrumentos  (5)Instrumentos  (5)
Instrumentos (5)
 
Instrumentos (7)
Instrumentos  (7)Instrumentos  (7)
Instrumentos (7)
 
Instrumentos (6)
Instrumentos  (6)Instrumentos  (6)
Instrumentos (6)
 
Parte de avi simulado ws.docx
Parte de avi simulado ws.docxParte de avi simulado ws.docx
Parte de avi simulado ws.docx
 
Eletricidade 40 questoes
Eletricidade   40 questoesEletricidade   40 questoes
Eletricidade 40 questoes
 
Acionamentos elétricos ventiladores
Acionamentos elétricos   ventiladoresAcionamentos elétricos   ventiladores
Acionamentos elétricos ventiladores
 
Sistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docx
Sistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docxSistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docx
Sistemas eletricos protecao_contra_efeitos_chuva_gelo_fogo.docx
 
Prova simulada mec
Prova simulada mecProva simulada mec
Prova simulada mec
 
Eletricidade 02 gabarito
Eletricidade 02 gabaritoEletricidade 02 gabarito
Eletricidade 02 gabarito
 
01072009 093713 mecanica_de_aeronaves
01072009 093713 mecanica_de_aeronaves01072009 093713 mecanica_de_aeronaves
01072009 093713 mecanica_de_aeronaves
 
Sistema eletrico gmp
Sistema eletrico gmpSistema eletrico gmp
Sistema eletrico gmp
 
Tev 3
Tev 3Tev 3
Tev 3
 
Aula 8 Hidraulica Bomas Rotativas Industriais
Aula 8 Hidraulica Bomas Rotativas IndustriaisAula 8 Hidraulica Bomas Rotativas Industriais
Aula 8 Hidraulica Bomas Rotativas Industriais
 

Mais de Evanildo Leal

Sistema de oxigênio2
Sistema  de oxigênio2Sistema  de oxigênio2
Sistema de oxigênio2
Evanildo Leal
 
35 oxygen
35 oxygen35 oxygen
35 oxygen
Evanildo Leal
 
Sistema de oxigênio
Sistema de oxigênioSistema de oxigênio
Sistema de oxigênio
Evanildo Leal
 
Tabela de conversão de unidades
Tabela de conversão de unidadesTabela de conversão de unidades
Tabela de conversão de unidades
Evanildo Leal
 
Hc ttremdepouso lg30ago04.doc
Hc ttremdepouso lg30ago04.docHc ttremdepouso lg30ago04.doc
Hc ttremdepouso lg30ago04.doc
Evanildo Leal
 
Contexto estruturas aprofundado.doc
Contexto estruturas aprofundado.docContexto estruturas aprofundado.doc
Contexto estruturas aprofundado.doc
Evanildo Leal
 
Básico helicoptero
Básico helicopteroBásico helicoptero
Básico helicoptero
Evanildo Leal
 
Noções de eletricidade
Noções de eletricidadeNoções de eletricidade
Noções de eletricidade
Evanildo Leal
 
Eletricidade básica & motores e geradores gab
Eletricidade básica & motores e geradores   gabEletricidade básica & motores e geradores   gab
Eletricidade básica & motores e geradores gab
Evanildo Leal
 
Atividade de eletricidade básica
Atividade de eletricidade básicaAtividade de eletricidade básica
Atividade de eletricidade básica
Evanildo Leal
 
Eletricidade básica & motores e geradores
Eletricidade básica & motores e geradoresEletricidade básica & motores e geradores
Eletricidade básica & motores e geradores
Evanildo Leal
 
07 sist de partida e ignicao
07 sist de partida e ignicao07 sist de partida e ignicao
07 sist de partida e ignicao
Evanildo Leal
 
06 materiais eletricos
06 materiais eletricos06 materiais eletricos
06 materiais eletricos
Evanildo Leal
 
05 instrumentos diversos
05 instrumentos diversos05 instrumentos diversos
05 instrumentos diversos
Evanildo Leal
 
04 instrumentos do motor
04 instrumentos do motor04 instrumentos do motor
04 instrumentos do motor
Evanildo Leal
 
03 instrumentos de navegacao
03 instrumentos de navegacao03 instrumentos de navegacao
03 instrumentos de navegacao
Evanildo Leal
 
02 instrumentos de voo
02 instrumentos de voo02 instrumentos de voo
02 instrumentos de voo
Evanildo Leal
 
01 generalidades sobre instrumentos
01 generalidades sobre instrumentos01 generalidades sobre instrumentos
01 generalidades sobre instrumentos
Evanildo Leal
 
00 conteudo
00 conteudo00 conteudo
00 conteudo
Evanildo Leal
 
08 sistemas de protecao
08 sistemas de protecao08 sistemas de protecao
08 sistemas de protecao
Evanildo Leal
 

Mais de Evanildo Leal (20)

Sistema de oxigênio2
Sistema  de oxigênio2Sistema  de oxigênio2
Sistema de oxigênio2
 
35 oxygen
35 oxygen35 oxygen
35 oxygen
 
Sistema de oxigênio
Sistema de oxigênioSistema de oxigênio
Sistema de oxigênio
 
Tabela de conversão de unidades
Tabela de conversão de unidadesTabela de conversão de unidades
Tabela de conversão de unidades
 
Hc ttremdepouso lg30ago04.doc
Hc ttremdepouso lg30ago04.docHc ttremdepouso lg30ago04.doc
Hc ttremdepouso lg30ago04.doc
 
Contexto estruturas aprofundado.doc
Contexto estruturas aprofundado.docContexto estruturas aprofundado.doc
Contexto estruturas aprofundado.doc
 
Básico helicoptero
Básico helicopteroBásico helicoptero
Básico helicoptero
 
Noções de eletricidade
Noções de eletricidadeNoções de eletricidade
Noções de eletricidade
 
Eletricidade básica & motores e geradores gab
Eletricidade básica & motores e geradores   gabEletricidade básica & motores e geradores   gab
Eletricidade básica & motores e geradores gab
 
Atividade de eletricidade básica
Atividade de eletricidade básicaAtividade de eletricidade básica
Atividade de eletricidade básica
 
Eletricidade básica & motores e geradores
Eletricidade básica & motores e geradoresEletricidade básica & motores e geradores
Eletricidade básica & motores e geradores
 
07 sist de partida e ignicao
07 sist de partida e ignicao07 sist de partida e ignicao
07 sist de partida e ignicao
 
06 materiais eletricos
06 materiais eletricos06 materiais eletricos
06 materiais eletricos
 
05 instrumentos diversos
05 instrumentos diversos05 instrumentos diversos
05 instrumentos diversos
 
04 instrumentos do motor
04 instrumentos do motor04 instrumentos do motor
04 instrumentos do motor
 
03 instrumentos de navegacao
03 instrumentos de navegacao03 instrumentos de navegacao
03 instrumentos de navegacao
 
02 instrumentos de voo
02 instrumentos de voo02 instrumentos de voo
02 instrumentos de voo
 
01 generalidades sobre instrumentos
01 generalidades sobre instrumentos01 generalidades sobre instrumentos
01 generalidades sobre instrumentos
 
00 conteudo
00 conteudo00 conteudo
00 conteudo
 
08 sistemas de protecao
08 sistemas de protecao08 sistemas de protecao
08 sistemas de protecao
 

Último

Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Falcão Brasil
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
ProfessoraSilmaraArg
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
 

Instrumentos (2)

  • 1. ESCOLA DE AVIAÇÃO ASAS DE SOCORRO MÓDULO CÉLULA PROVA DE INSTRUMENTO NOME:____________________ DATA:___/___/___. AVALIAÇÃO:______________ ___________________________ 1- Os primeiros instrumentos da aviação foram: a) Pressão óleo e temperatura óleo. b) Pressão combustivel e pressão óleo. c) Quantidade combustível e pressão óleo. d) RPM e pressão de combustivel. (B) 2 – De acordo com o principio de funcionamento o giro-direcional pode se classificar como: a) Instrumento de vôo. b) Instrumento de Motor. c) Instrumento de navegação. d) Instrumento Aéreo. (B) 3- Sobre o instrumento indicador de temperatura de cabeça de cilidro. Podemos afirmar: a) Mede a RPM do motor. b) É um instrumento medidor de pressão. c) É um instrumento de navegação. d) Só existe em motores convencionais. (D) 4- A radial vermelha, utilizada nas pinturas de instrumentos, serve para indicar: a) Faixa de operação. b) Cautela. c) Limites máxima ou mínimo. d) Operação em situação especial. (C) 5- A marca branca entre o vidro e a caixa do instrumento serve para indicar: a) Operação em determinadas circustâncias. b) Faixa de operação. c) Limite máximo de operação. d) Se o vidro não teve movimento. (D) 06- Para indicar a temperatura de óleo do motor, utilizamos: a) Uma resistência elétrica. b) Um tubo de venturi. c) Um termopar. d) Um manômetro. (A) 07- Quando o motor convencional não está funcionando, o indicador de pressão de admissão deverá marcar: a) Zero. b) 30 Pol Hg. c) Pressão atmosférica estática. d) Máxima pressão. (C) 08- Que instrumentos são ligados a linha de estática? a) o Altímetro e o climb. b) Só o velocímetro. c) O altímetro, o velocímetro e o climb. d) Os instrumentos giroscópicos. (C) 09- O menor ponteiro de um altímetro de 3 ponteiros indica: a) 20 pés. b) 100 pés. c) 1.000 pés. d) 10.000 pés. (D) 10- O climb também é chamado de: a) Altímetro. b) Velocímetro. c) Indicador de razão de subida. d) Indicador de curva. (C)
  • 2. 11- Os velocímetros são alimentados por: a) Pressão dinâmica e estática. b) Pressão do pitor e dinâmica. c) Pressão anaeróbica. d) Pressão da bomba de vácuo. (A) 12-O indicador de MACH é uma relação da velocidade do avião com: a) a velocidade de decolagem. b) A velocidade do som. c) A velocidade da luz. d) A razão de subida e descida. (B) 13- Qual a razão de graus por minuto em uma curva padrão. a) 180º 4 min b) 360º 1 min c) 180º 2 min d) 360º 2 min (D) 14- Qualquer dispositivo elétrico capaz de medir e indicar uma deflexão angular, é um: a) Sincro. b) Fluxômetro. c) Resistômetro. d) Servo. 15- O sistema de indicação de ângulo de ataque manda sinal elétrico para: a) Compensador profundor. b) Atirador dos pedais do leme. c) Atuador aileron. d) Estabilizador horizontal. (B) 16- O indicador tacômetro em um avião com motor a pistão serve para: a) velocidade do pistão. b) Velocidade do eixo de manivelas. c) Velocidade do eixo da turbina. d) Velocidade do avião. (B) 17- O sincroscópio serve para: a) Comparar a velocidade do avião. b) Estabilizar a RPM c) Medir ângulo do flap. d) Comparar RPM de dois ou ais motores. (D) 18- O bulbo sensor de um indicador de temperatura bimetálico, é: a) Um gerador de milivoltagem. b) Um resistor variável por calor. c) Bulbo com liquido volátil. d) Um selsyn. (a) 19- A temperatura de turbina TIT é medida: a) Entrada da turbina. b) Câmara de combustão. c) Ponto de T5 d) No escapamento. (A) 20-O sistema de Fuel-Flow serve para indicar: a) Temperatura do combustível. b) Quantidade do combustível. c) Densidaade do combustivel. d) Fluxo de combustível. (D) 21- A rigidez giroscópica depende de que? a) Tensão da bateria. b) Velocidade angular. c) Balanceamento. d) Material Usado. (B) 22- O tubo de venturi é uma fonte de sucção para: a) substituir o tubo pitot. b) Operar os sistemas giroscópicos. c) Substituir a tomada estática. d) Auxiliar a bomba hidráulica. (B) 23- A sucção excessiva da linha de succção é aliviada pela: a) Separador ar óleo.
  • 3. b) Válvula unidirecional. c) Válvula de alíviu. d) Válvula restritora. (C) 24- Nos giroscópiocos o “Cage” serve para: a) Colocar rapidamente o rotor na posição normal de vôo. b) Travar o rotor. c) Fechar a passagem de ar. d) Limitar o ângulo de ação. (A) 25- Um rotor giroscópico é movido por corrente alternada, de__________volts, __________ ciclos e com rotação de _______ RPM. a) 26, 400, 60.000 b) 28, 60, 21.000 c) 115, 400, 21.000 d) 60, 400, 60.000 (C ) 26- Para corrigir as influências magnéticas dentre do avião, usamos: a) Dispositivo de compresação. b) Sistema magnético. c) Cartão defasado. d) Desvio Magnético. (A) 27- Sistema utilizado para reduzir o trabalho o esforço e fadiga no controle do avião, durante voes longos: a) sistema giroscópico. b) Sistem de pilo automático. c) Barras de compensação. d) Estabilizadores principais. (B) 28- O canal do aileron, recebe informação de um transmissor localizado no: a) Altímetro. b) Turn Bank c) Giro direcional. d) Horizontal. ( D ) 29- São considerados elementos de atuação em UM “ PA” a) Turn-Bank b) Controle do PA c) Servos. d) Computador. (C) 30- Se resetarmos a luz mestre de alerta ela: a) Estará pronta para avisar de outra pane. b) Ficará piscando até consertar a pane eu a acendeu. c) Não há como resetar. d) Não acende mais. (A)