SlideShare uma empresa Scribd logo
INIMIGOS OCULTOS Maurício Santini
Sofre de reumatismo, quem percorre os caminhos tortuosos; quem se destina aos escombros da tristeza; quem vive tropeçando no egoísmo. Sofre de artrite, quem jamais abre mão; quem sempre aponta  os defeitos dos outros; quem nunca oferece uma rosa.
Sofre de bursite, quem não oferta seu ombro amigo; quem retesa, permanentemente, os músculos. Quem cuida, excessivamente, das questões alheias. Sofre da coluna, quem nunca se curva diante da vida; quem carrega o mundo nas costas; quem não anda com retidão.
Sofre dos rins, quem tem medo de enfrentar problemas; quem não filtra seus ideais; quem não separa o joio do trigo.  Sofre de gastrite, quem vive de paixões avassaladoras; quem costuma agir na emoção; quem reage somente com impulsos; quem sempre chora o leite derramado.
Sofre de prisão de ventre, quem aprisiona seus sentidos; quem detém suas mágoas; quem endurece em demasia. Sofre dos pulmões, quem se intoxica de raiva e de ódio; quem sufoca, permanentemente, os outros; quem não respira aliviado pelo dever cumprido; quem não muda de ares; quem não expele os maus fluidos.
Sofre do coração, quem guarda ressentimentos; quem vive do passado; quem não segue as batidas do tempo; quem não se ama e, portanto, não tem coração para amar alguém. Sofre da garganta, quem fala mal dos outros; quem vocifera; quem não solta o verbo; quem repudia; quem omite; quem usa sua espada afiada para ferir outrem; quem subjuga; quem reclama o tempo todo; quem não fala com Deus.
Sofre do ouvido, quem prejulga os atos dos outros; quem não se escuta; quem costuma escutar a conversa dos outros; quem ensurdece ao chamado divino. Sofre dos olhos, quem não se enxerga; quem distorce os fatos; quem não amplia sua visão; quem vê tudo em duplo sentido; quem não quer ver.
Sofre de distúrbios da mente,  quem mente para si mesmo; quem não tem o mínimo de lucidez; quem preza a inconsciência; quem menospreza a intuição; quem não vigia seus pensamentos; quem embota seu canal com a Criação; quem não se volta para o Universo; quem vive no mundo da lua; quem não pensa na vida; quem vive sonhando; quem se ilude; quem alimenta a ilusão dos outros; quem mascara a realidade; quem não areja a cabeça; quem tem cabeça de vento.
Causa e efeito. Ação e reação. Tudo está intrinsecamente ligado. Tudo se conecta o tempo todo. E assim, sucessivamente, passam os anos sem que o ser humano conheça a si mesmo.
Somos, certamente, o maior amor  das nossas vidas! Assim como o nosso maior inimigo  é aquele que está  oculto e que habita, inexoravelmente,  no interior de nós mesmos.
Créditos: Texto: Maurício Santini – Inimigos Ocultos Imagens: Internet Música: Ernesto Cortazar – Maria Elena Formatação:  Beth  Norling www.mensagensvirtuais.com.br

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Inimigos ocultos

Inimigos Ocultos
Inimigos OcultosInimigos Ocultos
Inimigos Ocultos
Grupo Fraternal Ramatis
 
Som Tantra Nepal S
Som Tantra Nepal SSom Tantra Nepal S
Som Tantra Nepal S
eronpasa
 
Da gente que eu gosto
Da gente que eu gosto Da gente que eu gosto
Da gente que eu gosto
pietra bravo
 
Apresentação rotary
Apresentação rotaryApresentação rotary
Apresentação rotary
Claodemir Balotin
 
Da gente que eu gosto
Da gente que eu gostoDa gente que eu gosto
Da gente que eu gosto
Sylvio Bazote
 
Adoecer nunca
Adoecer nuncaAdoecer nunca
Adoecer nunca
hellebrandt
 
Adoecer nunca
Adoecer nuncaAdoecer nunca
Adoecer nunca
felaveso
 
SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*
SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*
SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*
Cristiane Freitas
 
A ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLA
A ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLAA ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLA
A ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLA
Daniel Deusdete
 
Aartedenaoadoecer
AartedenaoadoecerAartedenaoadoecer
Aartedenaoadoecer
Jose Pinto Cardoso
 
Se não quiser adoecer
Se não quiser adoecerSe não quiser adoecer
Se não quiser adoecer
Luís Fernando Richter
 
Adoecer nunca
Adoecer nuncaAdoecer nunca
Adoecer nunca
GLAUCIA CASTRO
 
A arte de nao adoecer 2
A arte de nao adoecer 2A arte de nao adoecer 2
A arte de nao adoecer 2
pietra bravo
 
A arte de não adoecer
A arte de não adoecerA arte de não adoecer
A arte de não adoecer
nicolasdantas
 
Arte n adoecer
Arte n adoecerArte n adoecer
Arte n adoecer
Notícia Web
 
A arte de_nao_adoecer
A arte de_nao_adoecerA arte de_nao_adoecer
A arte de_nao_adoecer
aposentada
 
A arte de não adoecer
A arte de não adoecerA arte de não adoecer
A arte de não adoecer
Atitude Profissional
 
A arte de_nao_adoecer - v
A arte de_nao_adoecer - vA arte de_nao_adoecer - v
A arte de_nao_adoecer - v
Jhow132
 
Dr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecer
Dr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecerDr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecer
Dr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecer
ProfCalazans
 
Da gente que eu gosto
Da gente que eu gostoDa gente que eu gosto
Da gente que eu gosto
Mensagens Virtuais
 

Semelhante a Inimigos ocultos (20)

Inimigos Ocultos
Inimigos OcultosInimigos Ocultos
Inimigos Ocultos
 
Som Tantra Nepal S
Som Tantra Nepal SSom Tantra Nepal S
Som Tantra Nepal S
 
Da gente que eu gosto
Da gente que eu gosto Da gente que eu gosto
Da gente que eu gosto
 
Apresentação rotary
Apresentação rotaryApresentação rotary
Apresentação rotary
 
Da gente que eu gosto
Da gente que eu gostoDa gente que eu gosto
Da gente que eu gosto
 
Adoecer nunca
Adoecer nuncaAdoecer nunca
Adoecer nunca
 
Adoecer nunca
Adoecer nuncaAdoecer nunca
Adoecer nunca
 
SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*
SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*
SAUDE - Adoecer nunca - Drauzio Varella*
 
A ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLA
A ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLAA ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLA
A ARTE DE NÃO ADOECER C/ DRAUSIO VARELLA
 
Aartedenaoadoecer
AartedenaoadoecerAartedenaoadoecer
Aartedenaoadoecer
 
Se não quiser adoecer
Se não quiser adoecerSe não quiser adoecer
Se não quiser adoecer
 
Adoecer nunca
Adoecer nuncaAdoecer nunca
Adoecer nunca
 
A arte de nao adoecer 2
A arte de nao adoecer 2A arte de nao adoecer 2
A arte de nao adoecer 2
 
A arte de não adoecer
A arte de não adoecerA arte de não adoecer
A arte de não adoecer
 
Arte n adoecer
Arte n adoecerArte n adoecer
Arte n adoecer
 
A arte de_nao_adoecer
A arte de_nao_adoecerA arte de_nao_adoecer
A arte de_nao_adoecer
 
A arte de não adoecer
A arte de não adoecerA arte de não adoecer
A arte de não adoecer
 
A arte de_nao_adoecer - v
A arte de_nao_adoecer - vA arte de_nao_adoecer - v
A arte de_nao_adoecer - v
 
Dr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecer
Dr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecerDr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecer
Dr. Dráuzio Varella - A arte de não adoecer
 
Da gente que eu gosto
Da gente que eu gostoDa gente que eu gosto
Da gente que eu gosto
 

Mais de Mensagens Virtuais

Borboletas 1
Borboletas 1Borboletas 1
Borboletas 1
Mensagens Virtuais
 
Minha arvore de amigos
Minha arvore de amigosMinha arvore de amigos
Minha arvore de amigos
Mensagens Virtuais
 
O verbo no infinito
O verbo no infinitoO verbo no infinito
O verbo no infinito
Mensagens Virtuais
 
A arte de Janene Grende
A arte de Janene GrendeA arte de Janene Grende
A arte de Janene Grende
Mensagens Virtuais
 
Doce verao florido
Doce verao floridoDoce verao florido
Doce verao florido
Mensagens Virtuais
 
Delicadas flores de verao
Delicadas flores de veraoDelicadas flores de verao
Delicadas flores de verao
Mensagens Virtuais
 
Ainda que o vendaval
Ainda que o vendavalAinda que o vendaval
Ainda que o vendaval
Mensagens Virtuais
 
Hoje eu posso escolher
Hoje eu posso escolherHoje eu posso escolher
Hoje eu posso escolher
Mensagens Virtuais
 
Virtudes e defeitos
Virtudes e defeitosVirtudes e defeitos
Virtudes e defeitos
Mensagens Virtuais
 
O voo
O vooO voo
Viver despenteada
Viver despenteadaViver despenteada
Viver despenteada
Mensagens Virtuais
 
Animais que fazem a cabeca
Animais que fazem a cabecaAnimais que fazem a cabeca
Animais que fazem a cabeca
Mensagens Virtuais
 
A arte de Genise Marwedel
A arte de Genise MarwedelA arte de Genise Marwedel
A arte de Genise Marwedel
Mensagens Virtuais
 
A arte surreal
A arte surrealA arte surreal
A arte surreal
Mensagens Virtuais
 
Desenganos
DesenganosDesenganos
Desenganos
Mensagens Virtuais
 
Ressuscita me
Ressuscita meRessuscita me
Ressuscita me
Mensagens Virtuais
 
Bandejas pintadas
Bandejas pintadasBandejas pintadas
Bandejas pintadas
Mensagens Virtuais
 
Vitoria Regia
Vitoria RegiaVitoria Regia
Vitoria Regia
Mensagens Virtuais
 
Bocas em flor
Bocas em florBocas em flor
Bocas em flor
Mensagens Virtuais
 

Mais de Mensagens Virtuais (20)

Borboletas 1
Borboletas 1Borboletas 1
Borboletas 1
 
Minha arvore de amigos
Minha arvore de amigosMinha arvore de amigos
Minha arvore de amigos
 
O verbo no infinito
O verbo no infinitoO verbo no infinito
O verbo no infinito
 
A arte de Janene Grende
A arte de Janene GrendeA arte de Janene Grende
A arte de Janene Grende
 
Doce verao florido
Doce verao floridoDoce verao florido
Doce verao florido
 
Flores de verao
Flores de veraoFlores de verao
Flores de verao
 
Delicadas flores de verao
Delicadas flores de veraoDelicadas flores de verao
Delicadas flores de verao
 
Ainda que o vendaval
Ainda que o vendavalAinda que o vendaval
Ainda que o vendaval
 
Hoje eu posso escolher
Hoje eu posso escolherHoje eu posso escolher
Hoje eu posso escolher
 
Virtudes e defeitos
Virtudes e defeitosVirtudes e defeitos
Virtudes e defeitos
 
O voo
O vooO voo
O voo
 
Viver despenteada
Viver despenteadaViver despenteada
Viver despenteada
 
Animais que fazem a cabeca
Animais que fazem a cabecaAnimais que fazem a cabeca
Animais que fazem a cabeca
 
A arte de Genise Marwedel
A arte de Genise MarwedelA arte de Genise Marwedel
A arte de Genise Marwedel
 
A arte surreal
A arte surrealA arte surreal
A arte surreal
 
Desenganos
DesenganosDesenganos
Desenganos
 
Ressuscita me
Ressuscita meRessuscita me
Ressuscita me
 
Bandejas pintadas
Bandejas pintadasBandejas pintadas
Bandejas pintadas
 
Vitoria Regia
Vitoria RegiaVitoria Regia
Vitoria Regia
 
Bocas em flor
Bocas em florBocas em flor
Bocas em flor
 

Inimigos ocultos

  • 2. Sofre de reumatismo, quem percorre os caminhos tortuosos; quem se destina aos escombros da tristeza; quem vive tropeçando no egoísmo. Sofre de artrite, quem jamais abre mão; quem sempre aponta os defeitos dos outros; quem nunca oferece uma rosa.
  • 3. Sofre de bursite, quem não oferta seu ombro amigo; quem retesa, permanentemente, os músculos. Quem cuida, excessivamente, das questões alheias. Sofre da coluna, quem nunca se curva diante da vida; quem carrega o mundo nas costas; quem não anda com retidão.
  • 4. Sofre dos rins, quem tem medo de enfrentar problemas; quem não filtra seus ideais; quem não separa o joio do trigo. Sofre de gastrite, quem vive de paixões avassaladoras; quem costuma agir na emoção; quem reage somente com impulsos; quem sempre chora o leite derramado.
  • 5. Sofre de prisão de ventre, quem aprisiona seus sentidos; quem detém suas mágoas; quem endurece em demasia. Sofre dos pulmões, quem se intoxica de raiva e de ódio; quem sufoca, permanentemente, os outros; quem não respira aliviado pelo dever cumprido; quem não muda de ares; quem não expele os maus fluidos.
  • 6. Sofre do coração, quem guarda ressentimentos; quem vive do passado; quem não segue as batidas do tempo; quem não se ama e, portanto, não tem coração para amar alguém. Sofre da garganta, quem fala mal dos outros; quem vocifera; quem não solta o verbo; quem repudia; quem omite; quem usa sua espada afiada para ferir outrem; quem subjuga; quem reclama o tempo todo; quem não fala com Deus.
  • 7. Sofre do ouvido, quem prejulga os atos dos outros; quem não se escuta; quem costuma escutar a conversa dos outros; quem ensurdece ao chamado divino. Sofre dos olhos, quem não se enxerga; quem distorce os fatos; quem não amplia sua visão; quem vê tudo em duplo sentido; quem não quer ver.
  • 8. Sofre de distúrbios da mente, quem mente para si mesmo; quem não tem o mínimo de lucidez; quem preza a inconsciência; quem menospreza a intuição; quem não vigia seus pensamentos; quem embota seu canal com a Criação; quem não se volta para o Universo; quem vive no mundo da lua; quem não pensa na vida; quem vive sonhando; quem se ilude; quem alimenta a ilusão dos outros; quem mascara a realidade; quem não areja a cabeça; quem tem cabeça de vento.
  • 9. Causa e efeito. Ação e reação. Tudo está intrinsecamente ligado. Tudo se conecta o tempo todo. E assim, sucessivamente, passam os anos sem que o ser humano conheça a si mesmo.
  • 10. Somos, certamente, o maior amor das nossas vidas! Assim como o nosso maior inimigo é aquele que está oculto e que habita, inexoravelmente, no interior de nós mesmos.
  • 11. Créditos: Texto: Maurício Santini – Inimigos Ocultos Imagens: Internet Música: Ernesto Cortazar – Maria Elena Formatação: Beth Norling www.mensagensvirtuais.com.br