SlideShare uma empresa Scribd logo
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
 Consultor Sênior da Ideia Consultoria Empresarial
 Administrador com Especialização em Gestão e Administração

Industrial.
 Professor das disciplinas de O&M, Planejamento Estratégico, RH e
Gestão de Projetos.

 Atuação como Gerente nas áreas de Qualidade, Produção, Recursos
Humanos e Administrativa.
 Credenciado no Sistema Sebrae e SESCOOP/PR.

 Certificado Auditor Líder da Qualidade pela BVQI.
 MBA Finanças, Auditoria e Controladoria na FGV.
 Consultor certificado pela ABPMP®
1.
2.
3.
4.

Ato de desempenhar.
Cumprimento.
Resgate.
Modo de representar.
Fonte:Dicionário Priberam
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Não se gerencia o que não se mede,

não se mede o que não se define,
não se define o que não se entende.
Não há sucesso no que não se

gerencia.

W. E. Deming
Onde queremos chegar

Formalizam uma estratégia a ser
seguida para alcance da visão
Métricas que acompanham o
progresso frente aos objetivos

Definem o sucesso e/ou
fracasso dos objetivos

Buscam o atingimento das metas.
• O que deve ser medido?
• Por que medir o desempenho?
• Como medi-lo?

• Fazer a medição a cada quanto tempo?
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Indicadores de Tendência
situações que podem vir a
ocorrer
permitem a ação

Indicadores de Ocorrência
 descrevem situações que não
podem ser alteradas
1. Alinhar o desempenho do
processo com os objetivos
da organização.

2. Conectar a operação à
estratégia.
Essa é a razão de se

gerenciar o desempenho
dos processos
TEMPO

CUSTO

CAPACIDADE

QUALIDADE

É uma métrica

É uma métrica

É o montante ou É geralmente

da duração do

do valor

volume de uma

expressa como

processo, mede

monetário

saída, produto

percentual do real

o tempo que leva associado a um

ou serviço viável

entre o início e o processo.

associado a um

fim do processo

processo.

Pode ser:
• Custo do
recurso
• Custo de
oportunidade

em relação ao
ótimo ou máximo
de processo e
pode ter várias
formas:
• Satisfação
• Variação
• Erro ou taxa de
defeito
• Crédito
• Diretoria

• Administrativo

• Financeiro

• Almoxarifado

• Logística

• Assistência Técnica

• Marketing

• Auditoria

• Produção

• Cobrança

• Projeto e Obras

• Departamento Comercial

• RH

• Compras

• TI

• Controladoria
S
M
A
R
T

• ESPECÍFICOS
• MENSURÁVEIS

• ATINGÍVEIS
• RELEVANTES

• TEMPORAIS
1.

Estabeleça suas metas usando o método SMART

2.

Estabeleça Indicadores para os processos que representam esta meta

3.

Estabeleça Indicadores Outcome e Driver

4.

Integre a Tecnologia da Informação para gerar os resultados em tempo
real

5.

Implemente os indicadores nos departamentos

6.

Treine as pessoas

7.

Execute a gestão por indicadores diariamente

8.

Monitore diária e semanalmente

9.

Avalie os resultados

10. Monte uma sala de Gestão de Resultados dentro de um programa de
Gestão a Vista.
1. Adequação das competências
2. Papéis e responsabilidades
3. Estrutura organizacional

4. Ganho de poder com prestação de conta
5. Objetivos e medições de desempenho
6. Oportunidade de crescimento pessoal
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Indicadores Chave de Desempenho
Item
1

Métrica
Alinhamento

2

Prestação de Contas

3

Previsibilidade

Característica
KPIs estão sempre alinhados com objetivos e estratégias
corporativas.
Todo KPI "pertence" a um indivíduo ou grupo da área de
negócio que é responsável pelo seu resultado.
KPIs medem valores de negócio e desempenho desejado.
KPIs são populados com dados atuais e acionáveis de

4

Acionável

modo que usuários possam intervir e melhorar o
desempenho antes que seja tarde demais.

KPIs deveriam focar em usuários e em algumas poucas
5

Poucos em número

atividades de alto valor ou na efetividade geral do
processo.
KPIs deveriam ser diretos, não baseados em índices

6

Fácil de entender

complexos que gerentes não sabem como influenciar
diretamente.
Indicadores Chave de Desempenho
Métrica

Item
7

Equilibrada e conectada

Característica
KPIs devem equilibrar e reforçar um ao outro e não competir e

confundir. Do contrário, irá degradar desempenho de processo.
Um KPI deve provocar uma reação em cadeia de mudanças

8

Transformativa

positivas na organização, especialmente quando é monitorado por
um gestor de processo ou dono de processo.
KPIs são geralmente mais efetivos quando estão baseados em
definições, regras e cálculos padronizados, de modo que possam

9

Padronizada

ser integrados em diferentes painéis ao longo da organização
utilizados para benchmarking dentro do segmento de negócio e
entre segmentos de negócio.

10

Orientada a contexto

11

Reforçada

12

Relevante

KPIs colocam desempenho no contexto ao aplicar alvos e limites
de modo que usuários podem medir seu progresso no tempo.
O impacto de KPIs pode ser aumentado quando associados com
remuneração e incentivos.
KPIs gradualmente perdem seu impacto ao longo do tempo e, por
isso, devem ser revisados e renovados periodicamente.
Exemplo – Indicador de Produtividade

Mede a quantidade de atividades realizadas numa

operação, por exemplo:
• Número de peças produzidas
• Quantidade de cobranças executadas
• Quantidade de correspondência emitida etc.
Este indicador serve de base para medição de outros.
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Ferramentas de Apoio
1. Foco em pessoas tanto quanto em processo
2. Educação
3. Mesmo entendimento do “processo”
4. Todos entendendo porque o processo é importante

5. Pessoas que desenham e aprovam atividades são as
mesmas pessoas que executam as atividades

6. Atenção para o “excesso de comunicação”
CONCLUSÃO
• Premiar a equipe não somente pelo resultado atingido, mas sim
por todo o esforço realizado.

• Implantar os indicadores de Desempenho e não mudar os
resultados da empresa.
• Envolver a Tecnologia da Informação para automação do
processo.
• Envolver o RH para mudança na cultura e comportamento.
• Atinja metas e faça a diferença
Mais de 5.000
colaboradores
atendidos.

Mais de 2.000
pessoas
treinadas.
Maiores
empresas do
Norte e
Noroeste do
Paraná
A Ideia Consultoria
desenvolve
soluções de
acordo com a
necessidade da
sua empresa.
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade
Em Londrina.PR
Rua Senador Souza Naves, 1255 – Sala 502

Centro – Londrina. PR – CEP 86010 -160
Fones: 43 | 3322-2110

–

43 | 9182-5367

Em Maringá.PR
Av. Horácio Racanello Filho, 5570 – Sala 1303
Centro – Maringá. PR – CEP 87020 - 035
Fone: 44 | 3247-1990

–

44 | 9912-9293
Nossos Contatos

• Consultor Maicon Putti
maicon@ideiaconsultoria.com.br
• Marketing e Negócios – Eglair Amaral
comercial@ideiaconsultoria.com.br
• Contato Comercial – Carla Fantin
vendas@ideiaconsultoria.com.br
Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
81 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 201381 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 2013
81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
delano chaves gurgel do amaral
 
Aula de controle de estoques
Aula de controle de estoquesAula de controle de estoques
Aula de controle de estoques
Moises Ribeiro
 
Gestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentaçãoGestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentação
Charles Rebouças
 
Planejamento estrategico, tático e operacional
Planejamento estrategico, tático e operacionalPlanejamento estrategico, tático e operacional
Planejamento estrategico, tático e operacional
PMY TECNOLOGIA LTDA
 
01 aula introdução a logística
01 aula introdução a logística01 aula introdução a logística
01 aula introdução a logística
Homero Alves de Lima
 
Aula planejamento de carreira
Aula planejamento de carreiraAula planejamento de carreira
Aula planejamento de carreira
André Boaratti
 
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICAAula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Silva Jorge R Gonçalves
 
Slide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégicoSlide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégico
Larissa_cog
 
Aula 1 planejamento estratégico
Aula 1   planejamento estratégicoAula 1   planejamento estratégico
Aula 1 planejamento estratégico
Kesia Rozzett Oliveira
 
Aula 1 - Comércio Exterior
Aula 1 - Comércio ExteriorAula 1 - Comércio Exterior
Aula 1 - Comércio Exterior
Relações Internacionais
 
administração da producão
administração da producãoadministração da producão
administração da producão
Melquiades Pereira
 
Ciclo pdca
Ciclo pdcaCiclo pdca
Ciclo pdca
Carci
 
Ferramentas da qualidade
Ferramentas da qualidadeFerramentas da qualidade
Ferramentas da qualidade
Fabricio Pangoni
 
Gestao De Projetos
Gestao De ProjetosGestao De Projetos
Aula21082020 ferramentas de estoque
Aula21082020 ferramentas de estoqueAula21082020 ferramentas de estoque
Aula21082020 ferramentas de estoque
RicardoSilva562385
 
Mapeamento de Processos
Mapeamento de ProcessosMapeamento de Processos
Mapeamento de Processos
Templum Consultoria Online
 
Gestão de Projetos
Gestão de ProjetosGestão de Projetos
Gestão de Projetos
HealthMinds Academy
 
Plano de negocios
Plano de negociosPlano de negocios
Plano de negocios
Angela Nardelli
 
7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade
Virginia Gonçalves
 
Eras da qualidade
Eras da qualidadeEras da qualidade
Eras da qualidade
Renato Bottini
 

Mais procurados (20)

81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
81 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 201381 slids  planejamento e  projeto do processo  logístico  02 jul 2013
81 slids planejamento e projeto do processo logístico 02 jul 2013
 
Aula de controle de estoques
Aula de controle de estoquesAula de controle de estoques
Aula de controle de estoques
 
Gestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentaçãoGestao estoques apresentação
Gestao estoques apresentação
 
Planejamento estrategico, tático e operacional
Planejamento estrategico, tático e operacionalPlanejamento estrategico, tático e operacional
Planejamento estrategico, tático e operacional
 
01 aula introdução a logística
01 aula introdução a logística01 aula introdução a logística
01 aula introdução a logística
 
Aula planejamento de carreira
Aula planejamento de carreiraAula planejamento de carreira
Aula planejamento de carreira
 
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICAAula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
Aula FUNDAMENTOS DA LOGISTICA
 
Slide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégicoSlide planejamento estratégico
Slide planejamento estratégico
 
Aula 1 planejamento estratégico
Aula 1   planejamento estratégicoAula 1   planejamento estratégico
Aula 1 planejamento estratégico
 
Aula 1 - Comércio Exterior
Aula 1 - Comércio ExteriorAula 1 - Comércio Exterior
Aula 1 - Comércio Exterior
 
administração da producão
administração da producãoadministração da producão
administração da producão
 
Ciclo pdca
Ciclo pdcaCiclo pdca
Ciclo pdca
 
Ferramentas da qualidade
Ferramentas da qualidadeFerramentas da qualidade
Ferramentas da qualidade
 
Gestao De Projetos
Gestao De ProjetosGestao De Projetos
Gestao De Projetos
 
Aula21082020 ferramentas de estoque
Aula21082020 ferramentas de estoqueAula21082020 ferramentas de estoque
Aula21082020 ferramentas de estoque
 
Mapeamento de Processos
Mapeamento de ProcessosMapeamento de Processos
Mapeamento de Processos
 
Gestão de Projetos
Gestão de ProjetosGestão de Projetos
Gestão de Projetos
 
Plano de negocios
Plano de negociosPlano de negocios
Plano de negocios
 
7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade
 
Eras da qualidade
Eras da qualidadeEras da qualidade
Eras da qualidade
 

Destaque

Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)
Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)
Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)
FabricioFalcao.com
 
Passo a passo para definir Indicadores
Passo a passo para definir IndicadoresPasso a passo para definir Indicadores
Passo a passo para definir Indicadores
Felipe Goulart
 
KPIs - Indicadores Chave de Performance
KPIs - Indicadores Chave de PerformanceKPIs - Indicadores Chave de Performance
KPIs - Indicadores Chave de Performance
Fábio Póvoa
 
Aula 7 a necessidade de foco no cliente aula 10
Aula 7 a necessidade de foco no cliente   aula 10Aula 7 a necessidade de foco no cliente   aula 10
Aula 7 a necessidade de foco no cliente aula 10
José Paulo Alves Fusco
 
Criação e gestão de indicadores processo 2a parte
Criação e gestão de indicadores processo   2a parteCriação e gestão de indicadores processo   2a parte
Criação e gestão de indicadores processo 2a parte
Priscila Nogueira
 
Como aumentar o ticket médio da sua loja
Como aumentar o ticket médio da sua lojaComo aumentar o ticket médio da sua loja
Como aumentar o ticket médio da sua loja
Senior Consultoria em Gestão e Marketing
 
Merchandising no varejo pet
Merchandising no varejo petMerchandising no varejo pet
Merchandising no varejo pet
sandrapalmeida
 
Indicadores de desempenho
Indicadores de desempenhoIndicadores de desempenho
Indicadores de desempenho
Templum Consultoria Online
 
Gestão de pessoas por competências
Gestão de pessoas por competênciasGestão de pessoas por competências
Gestão de pessoas por competências
Lilian Melo
 
Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte
Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte
Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte
Stratec Informática
 
Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?
Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?
Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?
MASSI Consultoria e Treinamento
 
Ampliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel Nepomuceno
Ampliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel NepomucenoAmpliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel Nepomuceno
Ampliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel Nepomuceno
E-Commerce Brasil
 
7 treinamento gestão de vendas
7 treinamento gestão de vendas7 treinamento gestão de vendas
7 treinamento gestão de vendas
Afins Cosméticos
 
Absenteismo e Indicadores
Absenteismo  e  IndicadoresAbsenteismo  e  Indicadores
Absenteismo e Indicadores
HuggardCaine
 
Apresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGECApresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGEC
Renata Pacheco
 
Desdobramento de metas
Desdobramento de metasDesdobramento de metas
Desdobramento de metas
Stratec Informática
 
Indicadores de Recursos Humanos (RH)
Indicadores de Recursos Humanos (RH)Indicadores de Recursos Humanos (RH)
Indicadores de Recursos Humanos (RH)
Kenneth Corrêa
 
Aula 7 b qualidade em servicos fusco
Aula 7 b qualidade em servicos fuscoAula 7 b qualidade em servicos fusco
Aula 7 b qualidade em servicos fusco
José Paulo Alves Fusco
 
Slides defesa diego lima
Slides defesa   diego limaSlides defesa   diego lima
Slides defesa diego lima
Diego Gomes de Lima
 
Tcc daniel 2015 mapeamento processos celulose
Tcc daniel 2015   mapeamento processos celuloseTcc daniel 2015   mapeamento processos celulose
Tcc daniel 2015 mapeamento processos celulose
José Paulo Alves Fusco
 

Destaque (20)

Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)
Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)
Excelência em Gestão (Indicadores Desempenho)
 
Passo a passo para definir Indicadores
Passo a passo para definir IndicadoresPasso a passo para definir Indicadores
Passo a passo para definir Indicadores
 
KPIs - Indicadores Chave de Performance
KPIs - Indicadores Chave de PerformanceKPIs - Indicadores Chave de Performance
KPIs - Indicadores Chave de Performance
 
Aula 7 a necessidade de foco no cliente aula 10
Aula 7 a necessidade de foco no cliente   aula 10Aula 7 a necessidade de foco no cliente   aula 10
Aula 7 a necessidade de foco no cliente aula 10
 
Criação e gestão de indicadores processo 2a parte
Criação e gestão de indicadores processo   2a parteCriação e gestão de indicadores processo   2a parte
Criação e gestão de indicadores processo 2a parte
 
Como aumentar o ticket médio da sua loja
Como aumentar o ticket médio da sua lojaComo aumentar o ticket médio da sua loja
Como aumentar o ticket médio da sua loja
 
Merchandising no varejo pet
Merchandising no varejo petMerchandising no varejo pet
Merchandising no varejo pet
 
Indicadores de desempenho
Indicadores de desempenhoIndicadores de desempenho
Indicadores de desempenho
 
Gestão de pessoas por competências
Gestão de pessoas por competênciasGestão de pessoas por competências
Gestão de pessoas por competências
 
Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte
Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte
Criação e gestão de indicadores processo - 2a parte
 
Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?
Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?
Controladoria, controles internos e riscos: estamos preparados?
 
Ampliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel Nepomuceno
Ampliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel NepomucenoAmpliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel Nepomuceno
Ampliando ticket médio com venda de produtos agregados - Daniel Nepomuceno
 
7 treinamento gestão de vendas
7 treinamento gestão de vendas7 treinamento gestão de vendas
7 treinamento gestão de vendas
 
Absenteismo e Indicadores
Absenteismo  e  IndicadoresAbsenteismo  e  Indicadores
Absenteismo e Indicadores
 
Apresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGECApresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGEC
 
Desdobramento de metas
Desdobramento de metasDesdobramento de metas
Desdobramento de metas
 
Indicadores de Recursos Humanos (RH)
Indicadores de Recursos Humanos (RH)Indicadores de Recursos Humanos (RH)
Indicadores de Recursos Humanos (RH)
 
Aula 7 b qualidade em servicos fusco
Aula 7 b qualidade em servicos fuscoAula 7 b qualidade em servicos fusco
Aula 7 b qualidade em servicos fusco
 
Slides defesa diego lima
Slides defesa   diego limaSlides defesa   diego lima
Slides defesa diego lima
 
Tcc daniel 2015 mapeamento processos celulose
Tcc daniel 2015   mapeamento processos celuloseTcc daniel 2015   mapeamento processos celulose
Tcc daniel 2015 mapeamento processos celulose
 

Semelhante a Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade

Ta10
Ta10Ta10
As 18 etapas da avaliação de Competências
As 18 etapas da avaliação de CompetênciasAs 18 etapas da avaliação de Competências
As 18 etapas da avaliação de Competências
Alvaro Mello
 
Noções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada Ibiraçu
Noções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada IbiraçuNoções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada Ibiraçu
Noções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada Ibiraçu
Milton Henrique do Couto Neto
 
Gestão administrativa de pessoal
Gestão administrativa de pessoalGestão administrativa de pessoal
Gestão administrativa de pessoal
Rodrigo Cristóvão
 
Ar indicadores desempenho descritivo conceitual v05
Ar indicadores desempenho    descritivo conceitual v05Ar indicadores desempenho    descritivo conceitual v05
Ar indicadores desempenho descritivo conceitual v05
João Carlos Domanski
 
MBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas Gerenciais
MBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas GerenciaisMBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas Gerenciais
MBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas Gerenciais
Marco Viveiros
 
BSC - Balance Score Card
BSC - Balance Score CardBSC - Balance Score Card
BSC - Balance Score Card
Wagner Gonsalez
 
Aula 8 Avaliação de Desempenho.pdf
Aula 8 Avaliação de Desempenho.pdfAula 8 Avaliação de Desempenho.pdf
Aula 8 Avaliação de Desempenho.pdf
Z3tyyTV
 
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
Odé Lonim
 
Institucional_FM2S_
Institucional_FM2S_Institucional_FM2S_
Sisflorestal - Gestão da Qualidade
Sisflorestal - Gestão da QualidadeSisflorestal - Gestão da Qualidade
Sisflorestal - Gestão da Qualidade
Luis Henrique
 
Apresentação apply human strategic
Apresentação apply human strategicApresentação apply human strategic
Apresentação apply human strategic
Renata Rodrigues Apply
 
Planejamento estratégico
Planejamento estratégicoPlanejamento estratégico
Planejamento estratégico
MatheusLopes587455
 
Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...
Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...
Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...
Jackson Cruz
 
Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)
Vanessa Godoi
 
Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)
Vanessa Godoi
 
Unp mba - pmo - indicadores
Unp   mba - pmo - indicadoresUnp   mba - pmo - indicadores
Unp mba - pmo - indicadores
UNP
 
Pin 2020
Pin 2020Pin 2020
Pin 2020
Fabio Felix
 
Aula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptx
Aula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptxAula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptx
Aula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptx
julianocorrea17
 
Conheça a Supply
Conheça a SupplyConheça a Supply
Conheça a Supply
Dora Machado Consultoria
 

Semelhante a Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade (20)

Ta10
Ta10Ta10
Ta10
 
As 18 etapas da avaliação de Competências
As 18 etapas da avaliação de CompetênciasAs 18 etapas da avaliação de Competências
As 18 etapas da avaliação de Competências
 
Noções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada Ibiraçu
Noções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada IbiraçuNoções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada Ibiraçu
Noções Básicas de Administração para Franquias - 1 Convenção da Parada Ibiraçu
 
Gestão administrativa de pessoal
Gestão administrativa de pessoalGestão administrativa de pessoal
Gestão administrativa de pessoal
 
Ar indicadores desempenho descritivo conceitual v05
Ar indicadores desempenho    descritivo conceitual v05Ar indicadores desempenho    descritivo conceitual v05
Ar indicadores desempenho descritivo conceitual v05
 
MBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas Gerenciais
MBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas GerenciaisMBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas Gerenciais
MBA SGI UNISANTA - Disciplina: Ferramentas Gerenciais
 
BSC - Balance Score Card
BSC - Balance Score CardBSC - Balance Score Card
BSC - Balance Score Card
 
Aula 8 Avaliação de Desempenho.pdf
Aula 8 Avaliação de Desempenho.pdfAula 8 Avaliação de Desempenho.pdf
Aula 8 Avaliação de Desempenho.pdf
 
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
97802804 gerenciamento-da-rotina-falconi
 
Institucional_FM2S_
Institucional_FM2S_Institucional_FM2S_
Institucional_FM2S_
 
Sisflorestal - Gestão da Qualidade
Sisflorestal - Gestão da QualidadeSisflorestal - Gestão da Qualidade
Sisflorestal - Gestão da Qualidade
 
Apresentação apply human strategic
Apresentação apply human strategicApresentação apply human strategic
Apresentação apply human strategic
 
Planejamento estratégico
Planejamento estratégicoPlanejamento estratégico
Planejamento estratégico
 
Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...
Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...
Métricas para Planejamento de Marketing - Construção de Indicadores e Formas ...
 
Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)
 
Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)Estruturação de um rh (1)
Estruturação de um rh (1)
 
Unp mba - pmo - indicadores
Unp   mba - pmo - indicadoresUnp   mba - pmo - indicadores
Unp mba - pmo - indicadores
 
Pin 2020
Pin 2020Pin 2020
Pin 2020
 
Aula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptx
Aula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptxAula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptx
Aula 05 - Gestão de equipes de manutenção.pptx
 
Conheça a Supply
Conheça a SupplyConheça a Supply
Conheça a Supply
 

Mais de Ideia Consultoria

"Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016"
"Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016""Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016"
"Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016"
Ideia Consultoria
 
Palestra capital de giro
Palestra capital de giroPalestra capital de giro
Palestra capital de giro
Ideia Consultoria
 
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de NegócioApresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Ideia Consultoria
 
E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.
E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.
E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.
Ideia Consultoria
 
E book Executando Ações de Sucesso
E book Executando Ações de SucessoE book Executando Ações de Sucesso
E book Executando Ações de Sucesso
Ideia Consultoria
 
Ebook Planejamento
Ebook PlanejamentoEbook Planejamento
Ebook Planejamento
Ideia Consultoria
 
Ebook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de NegóciosEbook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de Negócios
Ideia Consultoria
 
Palestra finanças pessoais Ideia Consultoria
Palestra finanças pessoais Ideia ConsultoriaPalestra finanças pessoais Ideia Consultoria
Palestra finanças pessoais Ideia Consultoria
Ideia Consultoria
 

Mais de Ideia Consultoria (8)

"Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016"
"Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016""Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016"
"Webinar 10 Estratégias Para Sua Empresa Crescer em 2016"
 
Palestra capital de giro
Palestra capital de giroPalestra capital de giro
Palestra capital de giro
 
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de NegócioApresentação Gerenciamento Processos de Negócio
Apresentação Gerenciamento Processos de Negócio
 
E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.
E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.
E-book - Como planejar o futuro da sua empresa.
 
E book Executando Ações de Sucesso
E book Executando Ações de SucessoE book Executando Ações de Sucesso
E book Executando Ações de Sucesso
 
Ebook Planejamento
Ebook PlanejamentoEbook Planejamento
Ebook Planejamento
 
Ebook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de NegóciosEbook Processos Poderosos de Negócios
Ebook Processos Poderosos de Negócios
 
Palestra finanças pessoais Ideia Consultoria
Palestra finanças pessoais Ideia ConsultoriaPalestra finanças pessoais Ideia Consultoria
Palestra finanças pessoais Ideia Consultoria
 

Último

Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Carlos Eduardo Coan Junior
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Dantas
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
AlfeuBuriti1
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Renan Batista Bitcoin
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
InsttLcioEvangelista
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 

Último (8)

Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 

Indicadores de Desempenho - Ferramenta da Qualidade

  • 3.  Consultor Sênior da Ideia Consultoria Empresarial  Administrador com Especialização em Gestão e Administração Industrial.  Professor das disciplinas de O&M, Planejamento Estratégico, RH e Gestão de Projetos.  Atuação como Gerente nas áreas de Qualidade, Produção, Recursos Humanos e Administrativa.  Credenciado no Sistema Sebrae e SESCOOP/PR.  Certificado Auditor Líder da Qualidade pela BVQI.  MBA Finanças, Auditoria e Controladoria na FGV.  Consultor certificado pela ABPMP®
  • 4. 1. 2. 3. 4. Ato de desempenhar. Cumprimento. Resgate. Modo de representar. Fonte:Dicionário Priberam
  • 8. Não se gerencia o que não se mede, não se mede o que não se define, não se define o que não se entende. Não há sucesso no que não se gerencia. W. E. Deming
  • 9. Onde queremos chegar Formalizam uma estratégia a ser seguida para alcance da visão
  • 10. Métricas que acompanham o progresso frente aos objetivos Definem o sucesso e/ou fracasso dos objetivos Buscam o atingimento das metas.
  • 11. • O que deve ser medido? • Por que medir o desempenho? • Como medi-lo? • Fazer a medição a cada quanto tempo?
  • 14. Indicadores de Tendência situações que podem vir a ocorrer permitem a ação Indicadores de Ocorrência  descrevem situações que não podem ser alteradas
  • 15. 1. Alinhar o desempenho do processo com os objetivos da organização. 2. Conectar a operação à estratégia. Essa é a razão de se gerenciar o desempenho dos processos
  • 16. TEMPO CUSTO CAPACIDADE QUALIDADE É uma métrica É uma métrica É o montante ou É geralmente da duração do do valor volume de uma expressa como processo, mede monetário saída, produto percentual do real o tempo que leva associado a um ou serviço viável entre o início e o processo. associado a um fim do processo processo. Pode ser: • Custo do recurso • Custo de oportunidade em relação ao ótimo ou máximo de processo e pode ter várias formas: • Satisfação • Variação • Erro ou taxa de defeito
  • 17. • Crédito • Diretoria • Administrativo • Financeiro • Almoxarifado • Logística • Assistência Técnica • Marketing • Auditoria • Produção • Cobrança • Projeto e Obras • Departamento Comercial • RH • Compras • TI • Controladoria
  • 18. S M A R T • ESPECÍFICOS • MENSURÁVEIS • ATINGÍVEIS • RELEVANTES • TEMPORAIS
  • 19. 1. Estabeleça suas metas usando o método SMART 2. Estabeleça Indicadores para os processos que representam esta meta 3. Estabeleça Indicadores Outcome e Driver 4. Integre a Tecnologia da Informação para gerar os resultados em tempo real 5. Implemente os indicadores nos departamentos 6. Treine as pessoas 7. Execute a gestão por indicadores diariamente 8. Monitore diária e semanalmente 9. Avalie os resultados 10. Monte uma sala de Gestão de Resultados dentro de um programa de Gestão a Vista.
  • 20. 1. Adequação das competências 2. Papéis e responsabilidades 3. Estrutura organizacional 4. Ganho de poder com prestação de conta 5. Objetivos e medições de desempenho 6. Oportunidade de crescimento pessoal
  • 22. Indicadores Chave de Desempenho Item 1 Métrica Alinhamento 2 Prestação de Contas 3 Previsibilidade Característica KPIs estão sempre alinhados com objetivos e estratégias corporativas. Todo KPI "pertence" a um indivíduo ou grupo da área de negócio que é responsável pelo seu resultado. KPIs medem valores de negócio e desempenho desejado. KPIs são populados com dados atuais e acionáveis de 4 Acionável modo que usuários possam intervir e melhorar o desempenho antes que seja tarde demais. KPIs deveriam focar em usuários e em algumas poucas 5 Poucos em número atividades de alto valor ou na efetividade geral do processo. KPIs deveriam ser diretos, não baseados em índices 6 Fácil de entender complexos que gerentes não sabem como influenciar diretamente.
  • 23. Indicadores Chave de Desempenho Métrica Item 7 Equilibrada e conectada Característica KPIs devem equilibrar e reforçar um ao outro e não competir e confundir. Do contrário, irá degradar desempenho de processo. Um KPI deve provocar uma reação em cadeia de mudanças 8 Transformativa positivas na organização, especialmente quando é monitorado por um gestor de processo ou dono de processo. KPIs são geralmente mais efetivos quando estão baseados em definições, regras e cálculos padronizados, de modo que possam 9 Padronizada ser integrados em diferentes painéis ao longo da organização utilizados para benchmarking dentro do segmento de negócio e entre segmentos de negócio. 10 Orientada a contexto 11 Reforçada 12 Relevante KPIs colocam desempenho no contexto ao aplicar alvos e limites de modo que usuários podem medir seu progresso no tempo. O impacto de KPIs pode ser aumentado quando associados com remuneração e incentivos. KPIs gradualmente perdem seu impacto ao longo do tempo e, por isso, devem ser revisados e renovados periodicamente.
  • 24. Exemplo – Indicador de Produtividade Mede a quantidade de atividades realizadas numa operação, por exemplo: • Número de peças produzidas • Quantidade de cobranças executadas • Quantidade de correspondência emitida etc. Este indicador serve de base para medição de outros.
  • 27. 1. Foco em pessoas tanto quanto em processo 2. Educação 3. Mesmo entendimento do “processo” 4. Todos entendendo porque o processo é importante 5. Pessoas que desenham e aprovam atividades são as mesmas pessoas que executam as atividades 6. Atenção para o “excesso de comunicação”
  • 28. CONCLUSÃO • Premiar a equipe não somente pelo resultado atingido, mas sim por todo o esforço realizado. • Implantar os indicadores de Desempenho e não mudar os resultados da empresa. • Envolver a Tecnologia da Informação para automação do processo. • Envolver o RH para mudança na cultura e comportamento. • Atinja metas e faça a diferença
  • 29. Mais de 5.000 colaboradores atendidos. Mais de 2.000 pessoas treinadas. Maiores empresas do Norte e Noroeste do Paraná
  • 30. A Ideia Consultoria desenvolve soluções de acordo com a necessidade da sua empresa.
  • 32. Em Londrina.PR Rua Senador Souza Naves, 1255 – Sala 502 Centro – Londrina. PR – CEP 86010 -160 Fones: 43 | 3322-2110 – 43 | 9182-5367 Em Maringá.PR Av. Horácio Racanello Filho, 5570 – Sala 1303 Centro – Maringá. PR – CEP 87020 - 035 Fone: 44 | 3247-1990 – 44 | 9912-9293
  • 33. Nossos Contatos • Consultor Maicon Putti maicon@ideiaconsultoria.com.br • Marketing e Negócios – Eglair Amaral comercial@ideiaconsultoria.com.br • Contato Comercial – Carla Fantin vendas@ideiaconsultoria.com.br