SlideShare uma empresa Scribd logo
IMUNOLOGIA
DOCENTE : VANESSA SANTOS FROES
MÉDICA VETERINARIA
PÓS-GRADUANDA EM INSPEÇÃO DE POA
TÉCNICA EM MEDICINA EQUINA
TECNICA EM VIGILÂNCIA SANITARIA
TECNOLOGA EM LOGISTICA
INTRODUÇÃO DA IMUNOLOGIA
 MECANISMOS de AGRESSÃO
e DEFESA (MAD)
 OBJETIVOS :
 Abordagem do processo saúde
doença do indivíduo e da
população, em seus múltiplos
aspectos de determinação,
ocorrência e intervenção.
Componentes
MAD
PARASITOLOGIA
PATOLOGIA
IMUNOLOGI
A
MICROBIOLOGI
A
Imunologia
Conteúdo programático
DATA CONTEUDO
09/08/2022 APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA, INTRODUÇÃO DA
IMUNOLOGIA
09/08/2022 IMUNOLOGIA – ASPECTOS GERAIS / O SISTEMA
IMUNOLÓGICO
23/08/2022 PRIMEIRA LINHA DE DEFESA (Fatores mecânicas ,
Fatores Quimicos,Fatores Biológicos)
23/08/2022 SEGUNDA LINHA DE DEFESA ( O Sistema Imune Inato )
TERCEIRA LINHA DE DEFESA ( O Sistema Adaptativo)
06/09/2022 Seminário – LINHA DE DEFESA
04/10/2022 LABORATORIO – PRATICA
18/10/2022 TECIDOS DO SISTEMA IMUNOLÓGICO
18/10/2022 DESENVOLVIMENTO DO LINFÓCITO T COMPLEXO PRINCIPAL DE
HISTOCOMPATIBILIDADE
01/11/2022 IMUNIDADE CELULAR/ IMUNIDADE HUMORAL
01/11/2022 HIPERSENSIBILIDADES/VACINAS
29/11/2022 SEMINARIO
Imunologia
 Avaliação complementar
 Participação e assiduidade
 Estudos em sala
 Atividades de pesquisa
 Grupos de discussão de artigos científicos
 Aulas praticas
 Visita Técnica
 Obs.: Serão computados como atividades práticas em cada unidade.
INTRODUÇÃO A IMUNOLOGIA
IMUNOLOGIA
 Conceito
 “Estudo dos eventos celulares e moleculares decorrentes da exposição o
de um organismo à agentes infecciosos e/ou macromoléculas estranhas.”
 Definição clássica : proteção contra doenças infecciosas.
 Imunidade: conjunto de processos mediados por células e moléculas
que resultam na proteção de indivíduos contra partículas estranhas
(microrganismos, toxinas, etc...) sejam patogênicas ou não.
RESPOSTA IMUNOLÓGICA
SISTEMA IMUNOLÓGICO
Conjunto de órgãos, tecidos e moléculas solúveis com a função de defender
o organismo contra patógenos e células tumorais.
 Imunidade inata (não-
específica)
1. Barreiras anatômicas (pele,
mucosas, membranas)
2. Barreiras fisiológicas
(temperatura, pH)
3. Barreiras fagocitárias
(macrófagos, neutrófilos)
4. Barreiras inflamatórias
5. Reconhecimento próprio/não
próprio
 Imunidade adaptativa
(específica)
1. Especificidade antigênica
2. Diversidade
3. Memória imunológica
4. Reconhecimento próprio/não-
próprio
Conceito
 Imunidade: reação a substâncias estranhas ( microrganismos e
macromoléculas) independentemente das consequências
fisiológicas ou patológicas .
 Sistema imune: constituído das células e moléculas
responsáveis pela imunidade e proteção do nosso organismo.
 Imunologia: estudo da imunidade (eventos celulares e
moleculares que ocorrem durante a resposta imune)
 Antígeno: molécula capaz de ativar resposta imunológica. Vírus,
bactérias, fungos, parasitas, células .
 Anticorpo: molécula protéica com alto grau de especificidade e
afinidade ao antígeno. Células produtoras – Linfócitos B
(plasmócitos).
 Imunógeno: antígeno que induz resposta imune. Nem todos
os antígenos são imunógenos.
 Determinante antigênico/epitopo: Parte específica de um
antígeno a qual o anticorpo se liga.
Breve histórico da imunidade
 Sec. V a.C. – Tucídides (Atenas) e o início do termo imunidade.
 • Sec. I a.C. – Immunitas: Proteção legal aos senadores romanos.
 • Sec. XV – Uso de crostas da pele de pessoas com varíola e início da
imunização.
 • 1798 – Edward Jenner e o surgimento da vacinação
 • 1876, 1878 – R. Koch, L. Pasteur: ”Teoria do germe da doença”
 • Sec XX – Início da imunologia moderna
Histórico
 Séc XV - chineses e turcos: tentativa de imunização por
variolação
 1546 - Girolamo Fracastoro: "O contágio é uma infecção que
passa de um para outro...a infecção se origina de partículas
muito pequenas – imperceptíveis”
 1798 - Edward Jenner: Observou que os fazendeiros que
contraíram varíola bovina ficavam protegidos da varíola
humana. Inoculou então um menino de 8 anos com a varíola
bovina e POR SORTE funcionou!! – 1 a. vacina!
Vacina: do latim vaccinus (= das vacas)
1ª observação:
Varíola bovina
1ª Vacina
Edward
Jenner 1798
Proteção Varíola
humana grave
 1879-1881 – Louis Pasteur: vacinas atenuadas
 1883 – Elie Metchnikoff: teoria dos fagócitos; imunidade celular
 1888 – George Nuttall: anticorpos bactericidas
 1890 – Emil von Behring: imunidade humoral
 1900 – Karl Landsteiner: Descoberta dos antígenos para grupo
sangüíneos e respectivas aglutininas. TRANSFUSÃO DE SANGUE.
 1980 – VARÍOLA: 1o. agente etiológico erradicado por um programa
mundial de vacinação! (OMS)
Louis Pasteur
Introdução das vacinas mais comuns
 1798 – varíola
 1885 – raiva
 1897 – peste
 1923 – difteria
 1927 – tuberculose
 1927 – tétano
 1935 – febre amarela
 1955 – pólio injetável (VIP)
 1962 – pólio oral (VAP)
 1964 – sarampo
 1970 – rubéola
 1981 – hepatite B Louis Pateur em seu laboratório
“Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha
opinião formada sobre tudo ... “

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a IMUNOLOGIA.pptx

Imunização em saúde do trabalhador
Imunização em saúde do trabalhadorImunização em saúde do trabalhador
Imunização em saúde do trabalhador
Ismael Costa
 
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema Imunológico
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema ImunológicoSlides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema Imunológico
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema Imunológico
Turma Olímpica
 
Introducao Imunobiotecnologia
Introducao ImunobiotecnologiaIntroducao Imunobiotecnologia
Introducao Imunobiotecnologia
LABIMUNO UFBA
 
Slide imuno
Slide imunoSlide imuno
Slide imuno
Lucas Almeida Sá
 
Sistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúde
Sistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúdeSistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúde
Sistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúde
ParaSempreNB
 
Medresumos 2016 mad ii
Medresumos 2016   mad iiMedresumos 2016   mad ii
Medresumos 2016 mad ii
Jucie Vasconcelos
 
Leitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia IILeitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia II
emanuel
 
E-book - Processos Patológicos.pdf
E-book - Processos Patológicos.pdfE-book - Processos Patológicos.pdf
E-book - Processos Patológicos.pdf
Inara Lima
 
ICSA32 - História da vacinologia
ICSA32 - História da vacinologiaICSA32 - História da vacinologia
ICSA32 - História da vacinologia
Ricardo Portela
 
Biossegurança (2)
Biossegurança (2)Biossegurança (2)
Biossegurança (2)
Marcilene Onorio
 
Mapa Sistema Imune.pdf
Mapa Sistema Imune.pdfMapa Sistema Imune.pdf
Mapa Sistema Imune.pdf
WilliamGriloFarias
 
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
mfernandamb
 
Sistema Imunitário II
Sistema Imunitário IISistema Imunitário II
Sistema Imunitário II
Artur Melo
 
Importancia dos Microorganismos na Medicina
Importancia dos Microorganismos na MedicinaImportancia dos Microorganismos na Medicina
Importancia dos Microorganismos na Medicina
Jéssica Tamara
 
Imunologia i completa - arlindo
Imunologia i   completa - arlindoImunologia i   completa - arlindo
Imunologia i completa - arlindo
00net
 
1 BIOSSEGURANÇA.pptx
1 BIOSSEGURANÇA.pptx1 BIOSSEGURANÇA.pptx
1 BIOSSEGURANÇA.pptx
CURSO TÉCNICO CEPRAMED
 
Imunologia
ImunologiaImunologia
Imunologia
CristinaBrandao
 
Fundamentos da Microbiologia.pptx
Fundamentos da Microbiologia.pptxFundamentos da Microbiologia.pptx
Fundamentos da Microbiologia.pptx
SalvinoHenrique
 
Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01
Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01
Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01
Salie Rodrigues
 
Caso clínico Furúnculo
Caso clínico FurúnculoCaso clínico Furúnculo
Caso clínico Furúnculo
Thiago Henrique
 

Semelhante a IMUNOLOGIA.pptx (20)

Imunização em saúde do trabalhador
Imunização em saúde do trabalhadorImunização em saúde do trabalhador
Imunização em saúde do trabalhador
 
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema Imunológico
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema ImunológicoSlides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema Imunológico
Slides da aula de Biologia (Marcelo) sobre Sistema Imunológico
 
Introducao Imunobiotecnologia
Introducao ImunobiotecnologiaIntroducao Imunobiotecnologia
Introducao Imunobiotecnologia
 
Slide imuno
Slide imunoSlide imuno
Slide imuno
 
Sistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúde
Sistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúdeSistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúde
Sistema imunológico e suas implicações para a manutenção da saúde
 
Medresumos 2016 mad ii
Medresumos 2016   mad iiMedresumos 2016   mad ii
Medresumos 2016 mad ii
 
Leitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia IILeitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia II
 
E-book - Processos Patológicos.pdf
E-book - Processos Patológicos.pdfE-book - Processos Patológicos.pdf
E-book - Processos Patológicos.pdf
 
ICSA32 - História da vacinologia
ICSA32 - História da vacinologiaICSA32 - História da vacinologia
ICSA32 - História da vacinologia
 
Biossegurança (2)
Biossegurança (2)Biossegurança (2)
Biossegurança (2)
 
Mapa Sistema Imune.pdf
Mapa Sistema Imune.pdfMapa Sistema Imune.pdf
Mapa Sistema Imune.pdf
 
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
 
Sistema Imunitário II
Sistema Imunitário IISistema Imunitário II
Sistema Imunitário II
 
Importancia dos Microorganismos na Medicina
Importancia dos Microorganismos na MedicinaImportancia dos Microorganismos na Medicina
Importancia dos Microorganismos na Medicina
 
Imunologia i completa - arlindo
Imunologia i   completa - arlindoImunologia i   completa - arlindo
Imunologia i completa - arlindo
 
1 BIOSSEGURANÇA.pptx
1 BIOSSEGURANÇA.pptx1 BIOSSEGURANÇA.pptx
1 BIOSSEGURANÇA.pptx
 
Imunologia
ImunologiaImunologia
Imunologia
 
Fundamentos da Microbiologia.pptx
Fundamentos da Microbiologia.pptxFundamentos da Microbiologia.pptx
Fundamentos da Microbiologia.pptx
 
Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01
Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01
Imunologiai completa-arlindo-121204134907-phpapp01
 
Caso clínico Furúnculo
Caso clínico FurúnculoCaso clínico Furúnculo
Caso clínico Furúnculo
 

Último

Conferência de saúde - Fpolis.pptx01fabi
Conferência de saúde - Fpolis.pptx01fabiConferência de saúde - Fpolis.pptx01fabi
Conferência de saúde - Fpolis.pptx01fabi
FabianeOlegario2
 
Tuberculose manual modulo 1 micobacterias
Tuberculose manual modulo 1 micobacteriasTuberculose manual modulo 1 micobacterias
Tuberculose manual modulo 1 micobacterias
CarolLopes74
 
Seminário para saúde: Sistema Tegumentar
Seminário para saúde: Sistema TegumentarSeminário para saúde: Sistema Tegumentar
Seminário para saúde: Sistema Tegumentar
PatrciaOliveiraPat
 
Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...
Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...
Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...
balmeida871
 
02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf
02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf
02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf
NanandorMacosso
 
Aula PNAB.... curso técnico de enfermagem
Aula PNAB.... curso técnico de enfermagemAula PNAB.... curso técnico de enfermagem
Aula PNAB.... curso técnico de enfermagem
Jssica597589
 

Último (6)

Conferência de saúde - Fpolis.pptx01fabi
Conferência de saúde - Fpolis.pptx01fabiConferência de saúde - Fpolis.pptx01fabi
Conferência de saúde - Fpolis.pptx01fabi
 
Tuberculose manual modulo 1 micobacterias
Tuberculose manual modulo 1 micobacteriasTuberculose manual modulo 1 micobacterias
Tuberculose manual modulo 1 micobacterias
 
Seminário para saúde: Sistema Tegumentar
Seminário para saúde: Sistema TegumentarSeminário para saúde: Sistema Tegumentar
Seminário para saúde: Sistema Tegumentar
 
Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...
Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...
Vitamina K2 e a Pele Saudável: Descubra os Segredos para uma Aparência Jovem ...
 
02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf
02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf
02. Alimentação saudável Autor Biblioteca Virtual em Saúde MS.pdf
 
Aula PNAB.... curso técnico de enfermagem
Aula PNAB.... curso técnico de enfermagemAula PNAB.... curso técnico de enfermagem
Aula PNAB.... curso técnico de enfermagem
 

IMUNOLOGIA.pptx

  • 1. IMUNOLOGIA DOCENTE : VANESSA SANTOS FROES MÉDICA VETERINARIA PÓS-GRADUANDA EM INSPEÇÃO DE POA TÉCNICA EM MEDICINA EQUINA TECNICA EM VIGILÂNCIA SANITARIA TECNOLOGA EM LOGISTICA
  • 2. INTRODUÇÃO DA IMUNOLOGIA  MECANISMOS de AGRESSÃO e DEFESA (MAD)  OBJETIVOS :  Abordagem do processo saúde doença do indivíduo e da população, em seus múltiplos aspectos de determinação, ocorrência e intervenção.
  • 4. Imunologia Conteúdo programático DATA CONTEUDO 09/08/2022 APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA, INTRODUÇÃO DA IMUNOLOGIA 09/08/2022 IMUNOLOGIA – ASPECTOS GERAIS / O SISTEMA IMUNOLÓGICO 23/08/2022 PRIMEIRA LINHA DE DEFESA (Fatores mecânicas , Fatores Quimicos,Fatores Biológicos) 23/08/2022 SEGUNDA LINHA DE DEFESA ( O Sistema Imune Inato ) TERCEIRA LINHA DE DEFESA ( O Sistema Adaptativo) 06/09/2022 Seminário – LINHA DE DEFESA 04/10/2022 LABORATORIO – PRATICA 18/10/2022 TECIDOS DO SISTEMA IMUNOLÓGICO 18/10/2022 DESENVOLVIMENTO DO LINFÓCITO T COMPLEXO PRINCIPAL DE HISTOCOMPATIBILIDADE 01/11/2022 IMUNIDADE CELULAR/ IMUNIDADE HUMORAL 01/11/2022 HIPERSENSIBILIDADES/VACINAS 29/11/2022 SEMINARIO
  • 5. Imunologia  Avaliação complementar  Participação e assiduidade  Estudos em sala  Atividades de pesquisa  Grupos de discussão de artigos científicos  Aulas praticas  Visita Técnica  Obs.: Serão computados como atividades práticas em cada unidade.
  • 7. IMUNOLOGIA  Conceito  “Estudo dos eventos celulares e moleculares decorrentes da exposição o de um organismo à agentes infecciosos e/ou macromoléculas estranhas.”  Definição clássica : proteção contra doenças infecciosas.  Imunidade: conjunto de processos mediados por células e moléculas que resultam na proteção de indivíduos contra partículas estranhas (microrganismos, toxinas, etc...) sejam patogênicas ou não. RESPOSTA IMUNOLÓGICA
  • 8. SISTEMA IMUNOLÓGICO Conjunto de órgãos, tecidos e moléculas solúveis com a função de defender o organismo contra patógenos e células tumorais.  Imunidade inata (não- específica) 1. Barreiras anatômicas (pele, mucosas, membranas) 2. Barreiras fisiológicas (temperatura, pH) 3. Barreiras fagocitárias (macrófagos, neutrófilos) 4. Barreiras inflamatórias 5. Reconhecimento próprio/não próprio  Imunidade adaptativa (específica) 1. Especificidade antigênica 2. Diversidade 3. Memória imunológica 4. Reconhecimento próprio/não- próprio
  • 9. Conceito  Imunidade: reação a substâncias estranhas ( microrganismos e macromoléculas) independentemente das consequências fisiológicas ou patológicas .  Sistema imune: constituído das células e moléculas responsáveis pela imunidade e proteção do nosso organismo.  Imunologia: estudo da imunidade (eventos celulares e moleculares que ocorrem durante a resposta imune)
  • 10.  Antígeno: molécula capaz de ativar resposta imunológica. Vírus, bactérias, fungos, parasitas, células .  Anticorpo: molécula protéica com alto grau de especificidade e afinidade ao antígeno. Células produtoras – Linfócitos B (plasmócitos).  Imunógeno: antígeno que induz resposta imune. Nem todos os antígenos são imunógenos.  Determinante antigênico/epitopo: Parte específica de um antígeno a qual o anticorpo se liga.
  • 11. Breve histórico da imunidade  Sec. V a.C. – Tucídides (Atenas) e o início do termo imunidade.  • Sec. I a.C. – Immunitas: Proteção legal aos senadores romanos.  • Sec. XV – Uso de crostas da pele de pessoas com varíola e início da imunização.  • 1798 – Edward Jenner e o surgimento da vacinação  • 1876, 1878 – R. Koch, L. Pasteur: ”Teoria do germe da doença”  • Sec XX – Início da imunologia moderna
  • 12. Histórico  Séc XV - chineses e turcos: tentativa de imunização por variolação  1546 - Girolamo Fracastoro: "O contágio é uma infecção que passa de um para outro...a infecção se origina de partículas muito pequenas – imperceptíveis”  1798 - Edward Jenner: Observou que os fazendeiros que contraíram varíola bovina ficavam protegidos da varíola humana. Inoculou então um menino de 8 anos com a varíola bovina e POR SORTE funcionou!! – 1 a. vacina! Vacina: do latim vaccinus (= das vacas)
  • 13. 1ª observação: Varíola bovina 1ª Vacina Edward Jenner 1798 Proteção Varíola humana grave
  • 14.  1879-1881 – Louis Pasteur: vacinas atenuadas  1883 – Elie Metchnikoff: teoria dos fagócitos; imunidade celular  1888 – George Nuttall: anticorpos bactericidas  1890 – Emil von Behring: imunidade humoral  1900 – Karl Landsteiner: Descoberta dos antígenos para grupo sangüíneos e respectivas aglutininas. TRANSFUSÃO DE SANGUE.  1980 – VARÍOLA: 1o. agente etiológico erradicado por um programa mundial de vacinação! (OMS) Louis Pasteur
  • 15. Introdução das vacinas mais comuns  1798 – varíola  1885 – raiva  1897 – peste  1923 – difteria  1927 – tuberculose  1927 – tétano  1935 – febre amarela  1955 – pólio injetável (VIP)  1962 – pólio oral (VAP)  1964 – sarampo  1970 – rubéola  1981 – hepatite B Louis Pateur em seu laboratório
  • 16. “Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo ... “