SlideShare uma empresa Scribd logo
GUIA PRÁTICO DA NOVA
     ORTOGRAFIA
           Douglas Tufano
    Editora Melhoramento Ltda
ACORDO ORTOGRÁFICO
   O objetivo deste guia é expor ao leitor, de maneira
objetiva, as alterações introduzidas na ortografia da Língua
Portuguesa pelo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa,
assinado em Lisboa, em 16 de dezembro de 1990, por
Portugal, Brasil, Angola, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde,
Guiné-Bissau, Moçambique e, posteriormente, por Timor
Leste. No Brasil, o Acordo foi aprovado pelo Decreto
Legislativo n 54, de 18 de abril de 1995.
   Esse acordo é meramente ortográfico, portanto, restringe-
se a língua escrita, não a língua falada. Ele não elimina todas
as diferenças ortográficas desses países que têm a Língua
Portuguesa como idioma oficial, mas é um passo em direção
a unificação ortográfica desses países.
Mudanças no alfabeto
O alfabeto passa a ter 26 letras. Foram reintroduzidas as letras
K, W e Y. O alfabeto completo passa a ser:
 A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T
U V W X Y Z.
 As letras k, w e y, que na verdade não tinham
desaparecido da maioria dos dicionários da nossa língua,
são usadas em várias situações. Por exemplo:
      na escrita de símbolos de unidades de medida: Km
(quilômetro), Kg (quilograma), W (watt);
     na escrita de palavras e nomes estrangeiros (e seus
derivados): show, playground, playboy, Kaiser, kung fu,
windsurf.
TREMA


Não se usa mais o trema ( ), sinal colocado
sobre o U para indicar que ela deve ser
pronunciada nos grupos gue, gui que, qui.
 Como era: agüentar, bilíngüe, lingüiça.
 Como fica: aguentar, bilíngue. linguiça.
Mudanças nas regras de acentuação

 1-Não se usa mais o acento dos ditongos
 abertos éi e ói das palavras paroxítonas (
 palavras que têm acento tônico na penúltima
 sílaba).
  Como era: alcatéia, andróide, odisséia, geléia,
 colméia, apóia (verbo apoiar)...
  Como fica: alcateia, androide, odisseia, geleia,
 colmeia, apoia (verbo apoiar)...
Essa regra é válida somente para as palavras
paroxítonas. Assim, continuam a ser
acentuadas as palavras oxítonas terminadas
em éis, éu, éus, ói, óis. Exemplo: papéis, herói,
lençóis, heróis, troféu, troféus.
2- Nas palavras paroxítonas, não se usa mais o
acento no i e no u tônicos quando vierem depois
de ditongo.
Como era: feiúra, baiúca..
Como fica: feiura, baiuca.
ATENÇÃO: se a palavra for oxítona e o i ou o u
estiverem em posição final ( ou seguidos de s ), o
acento permanece. Ex.: tuiuiú, Piauí.
3- Não seu usa mais o acento das palavras terminadas
em êem e ôo (s).
Como era: abençôo, crêem, enjôo, lêem, vôos...
Como fica: abençoo, creem, enjoo, leem, voos..
4- Não se usa mais o acento que diferenciava os
pares pára/ para, péla(s)/pela(s), pêlo(s)/pelo(s),
pólo(s)/polo(s), e pêra/ pera.
             Permanece o acento diferencial de pôde
                           ( forma do passado do
verbo                     verbo poder) e pode ( a
                          forma do presente).
5- Permanece o acento diferencial em pôr (verbo)/
por (preposição).
6- Permanece os acentos que diferenciam o singular
do plural dos verbos ter e vir, assim de seus
derivados (manter, deter, reter, conter, convir,
intervir, etc).
Exemplo: Ele tem dois carros. Eles têm dois carros.
Ele vem de Sorocaba. Eles vêm de Sorocaba.
7- É facultativo o uso do acento circunflexo para
diferenciar as palavras forma/ fôrma. Em alguns
casos, o uso do acento deixa a frase mais clara.
Exemplo: Qual a forma da fôrma de bolo?
8- Não seu usa mais o acento agudo no u tônico das
formas (tu) arguis, (ele) argui, (eles) arguem, do
presente do indicativo dos verbos arguir e redarguir.
9- Há uma variação na pronúncia dos verbos
terminados em guar, quar, quir, como aguar,
averiguar, apaziguar, desaguar, enxaguar, delinquir,
etc. Esses verbos admitem duas pronúncias em
algumas formas do presente.
A- se forem pronunciadas com a ou i tônicos, essas
formas devem ser acentuadas.
Exemplo: verbo enxaguar: enxáguo, enxáguas,
enxágua, enxáguam, enxágue, enxáguem.
USO DO HÍFEN
USA-SE HÍFEN
1- DIANTE DA PALAVRA INICIADA POR H.
EX.: anti-higiênico, mini-hotel, sobre- humano.
(Exceções: subumano).
2- Quando o prefixo termina por vogal e o segundo
elemento começa pela mesma vogal.
EX.: anti-ibérico, anti-inflamatório, micro-ondas,
auto-observação, contra-ataque, etc.
3- Quando o prefixo termina por consoante e o segundo
elemento começa pela mesma consoante.
EX.: inter-racial, super-realista, sub-bibliotecário, etc.

4-Com o prefixo SUB também diante da palavra iniciada por R .
EX.: sub-região, sub-raça.

5- Com os prefixos CIRCUM e PAN diante da palavra iniciada
por M , N e VOGAL .
EX.: Circum-navegação, pan-americano.
6- Para ligar duas ou mais palavras que
ocasionalmente se combinam, formando não
propriamente vocábulos, mas encadeamentos
vocabulares.
EX.: Rio-Niterói, eixo-Rio-São Paulo.
NÃO SE USA O HÍFEN



1- Quando o prefixo termina em vogal diferente da
vogal com que se inicia o segundo elemento.
EX.: autoestima, autoescola, coedição, extraescolar,
agroindustrial, antiaéreo, etc.
(EXCEÇÃO: o prefixo CO aglutina-se em geral com o
segundo elemento. EX.: coobrigar, cooperar,
cooptar).
2- Quando o prefixo termina em vogal e o segundo
elemento começa por consoante diferente de R ou S .
EX.: anteprojeto, antipedagógico, autopeça,
microcomputador, seminovo, pseudoprofessor, etc.

3- Quando o prefixo termina em vogal e o segundo
elemento começa por R ou S. Nesse caso, duplicam-se
essas letras.
EX.: antirrábico, contrassenso, antirracismo,
antirreligioso, antirrugas, ultrassom, semirreta, etc.
4- Quando o prefixo termina por consoante e o segundo
elemento começa por consoante diferente.
EX.: hipermercado, superproteção, superinteressante,
intermunicipal.

5- Quando o prefixo termina por consoante e o segundo
elemento começa por vogal .
EX.: hiperacidez, hiperativo, interescolar, interestadual,
superamigo, supereconômico, superaquecimento.
6- Em palavras que perderam a noção de
composição.
EX.: girassol, pontapé, mandachuva, paraquedista.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Acordo ortografico
Acordo ortograficoAcordo ortografico
Acordo ortografico
Kamilla Borges
 
Apresentação nova ortografia
Apresentação nova ortografiaApresentação nova ortografia
Apresentação nova ortografia
Bianca Dias
 
Slides Novo Acordo OrtográFico
Slides Novo Acordo OrtográFicoSlides Novo Acordo OrtográFico
Slides Novo Acordo OrtográFico
Flaviacristina74
 
Acordo ortográfico ppt
Acordo ortográfico pptAcordo ortográfico ppt
Acordo ortográfico ppt
carminda machado
 
Novo Acordo Ortografico 1
Novo Acordo Ortografico 1Novo Acordo Ortografico 1
Novo Acordo Ortografico 1
Newton Campos
 
Novo acordo ortográfico
Novo acordo ortográficoNovo acordo ortográfico
Novo acordo ortográfico
Ramilson Saldanha
 
Português sem complicação dominando a nova ortografia
Português sem complicação   dominando a nova ortografiaPortuguês sem complicação   dominando a nova ortografia
Português sem complicação dominando a nova ortografia
Paulo Vitor Carneiro
 
Guia da Nova Ortografia 2015
Guia da Nova Ortografia 2015Guia da Nova Ortografia 2015
Guia da Nova Ortografia 2015
Rômulo Giacome
 
Reforma ortográfica
Reforma ortográficaReforma ortográfica
Reforma ortográfica
Rebeca Kaus
 
Nova ortografia 3 D Noturno
Nova ortografia 3 D NoturnoNova ortografia 3 D Noturno
Nova ortografia 3 D Noturno
Carlos André
 
Nova Ortografia
Nova OrtografiaNova Ortografia
Nova Ortografia
dilsoncatarino
 
Novoacordoortografico
NovoacordoortograficoNovoacordoortografico
Novoacordoortografico
Kênia Machado
 
Power point acordo ortográfico
Power point acordo ortográficoPower point acordo ortográfico
Power point acordo ortográfico
margaridafonseca63
 
Novo Acordo Ortográfico
Novo Acordo OrtográficoNovo Acordo Ortográfico
Novo Acordo Ortográfico
Escolanelda
 
Novo acordo ortográfico
Novo acordo ortográficoNovo acordo ortográfico
Novo acordo ortográfico
Claudia Pinheiro
 
Nova Ortografia
Nova OrtografiaNova Ortografia
Nova Ortografia
Valeria Bortoluzzi
 
O acordo ortográfico da língua portuguesa
O acordo ortográfico da língua portuguesaO acordo ortográfico da língua portuguesa
O acordo ortográfico da língua portuguesa
Rita Teixeira d'Azevedo
 
Acentuação gráfica andréa
Acentuação gráfica andréaAcentuação gráfica andréa
Acentuação gráfica andréa
Andréa Calazans
 
Nova Ortografia - Aula 01
Nova Ortografia - Aula 01Nova Ortografia - Aula 01
Nova Ortografia - Aula 01
estudecomevandro
 
Novo acordo ortografico
Novo acordo ortograficoNovo acordo ortografico
Novo acordo ortografico
Flávio Ferreira
 

Mais procurados (20)

Acordo ortografico
Acordo ortograficoAcordo ortografico
Acordo ortografico
 
Apresentação nova ortografia
Apresentação nova ortografiaApresentação nova ortografia
Apresentação nova ortografia
 
Slides Novo Acordo OrtográFico
Slides Novo Acordo OrtográFicoSlides Novo Acordo OrtográFico
Slides Novo Acordo OrtográFico
 
Acordo ortográfico ppt
Acordo ortográfico pptAcordo ortográfico ppt
Acordo ortográfico ppt
 
Novo Acordo Ortografico 1
Novo Acordo Ortografico 1Novo Acordo Ortografico 1
Novo Acordo Ortografico 1
 
Novo acordo ortográfico
Novo acordo ortográficoNovo acordo ortográfico
Novo acordo ortográfico
 
Português sem complicação dominando a nova ortografia
Português sem complicação   dominando a nova ortografiaPortuguês sem complicação   dominando a nova ortografia
Português sem complicação dominando a nova ortografia
 
Guia da Nova Ortografia 2015
Guia da Nova Ortografia 2015Guia da Nova Ortografia 2015
Guia da Nova Ortografia 2015
 
Reforma ortográfica
Reforma ortográficaReforma ortográfica
Reforma ortográfica
 
Nova ortografia 3 D Noturno
Nova ortografia 3 D NoturnoNova ortografia 3 D Noturno
Nova ortografia 3 D Noturno
 
Nova Ortografia
Nova OrtografiaNova Ortografia
Nova Ortografia
 
Novoacordoortografico
NovoacordoortograficoNovoacordoortografico
Novoacordoortografico
 
Power point acordo ortográfico
Power point acordo ortográficoPower point acordo ortográfico
Power point acordo ortográfico
 
Novo Acordo Ortográfico
Novo Acordo OrtográficoNovo Acordo Ortográfico
Novo Acordo Ortográfico
 
Novo acordo ortográfico
Novo acordo ortográficoNovo acordo ortográfico
Novo acordo ortográfico
 
Nova Ortografia
Nova OrtografiaNova Ortografia
Nova Ortografia
 
O acordo ortográfico da língua portuguesa
O acordo ortográfico da língua portuguesaO acordo ortográfico da língua portuguesa
O acordo ortográfico da língua portuguesa
 
Acentuação gráfica andréa
Acentuação gráfica andréaAcentuação gráfica andréa
Acentuação gráfica andréa
 
Nova Ortografia - Aula 01
Nova Ortografia - Aula 01Nova Ortografia - Aula 01
Nova Ortografia - Aula 01
 
Novo acordo ortografico
Novo acordo ortograficoNovo acordo ortografico
Novo acordo ortografico
 

Destaque

Figuras de pensamento
Figuras de pensamentoFiguras de pensamento
Figuras de pensamento
rosangelajoao
 
Frase oração período - Operadores
Frase oração período - Operadores Frase oração período - Operadores
Frase oração período - Operadores
eliana farias
 
A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990
A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990
A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990
Elisabete Tavares
 
Acentuação nova ortografia
Acentuação nova ortografiaAcentuação nova ortografia
Acentuação nova ortografia
rainha1968
 
Figuras de pensamento
Figuras de pensamentoFiguras de pensamento
Figuras de pensamento
Rita Cunha
 
Conhecendo a nova ortografia
Conhecendo a nova ortografiaConhecendo a nova ortografia
Conhecendo a nova ortografia
corelmr
 
Figuras de pensamento
Figuras de pensamentoFiguras de pensamento
Figuras de pensamento
Ana Paula
 
Quiz Geografico 2012
Quiz Geografico 2012Quiz Geografico 2012
Quiz Geografico 2012
Isabella Silva
 
Figura de Linguagem: Pensamento
Figura de Linguagem: PensamentoFigura de Linguagem: Pensamento
Figura de Linguagem: Pensamento
William Santos
 
A nova ortografia
A nova ortografia A nova ortografia
A nova ortografia
Maria Camila dos Santos Rocha
 
Trovadorismo e humanismo
Trovadorismo e humanismoTrovadorismo e humanismo
Trovadorismo e humanismo
rosangelajoao
 
REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL
REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL
Classes gramaticais
Classes gramaticaisClasses gramaticais
Classes gramaticais
Peterson Silva
 
Introdução à anatomia do sistema locomotor
Introdução à anatomia do sistema locomotorIntrodução à anatomia do sistema locomotor
Introdução à anatomia do sistema locomotor
Caio Maximino
 
Regência verbal e nominal
Regência verbal e nominalRegência verbal e nominal
Regência verbal e nominal
Simone Peixoto
 
Polissemia
PolissemiaPolissemia
Polissemia
Josélio Rodrigues
 
Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
ISJ
 
A PontuaçãO De Um Texto
A PontuaçãO De Um TextoA PontuaçãO De Um Texto
A PontuaçãO De Um Texto
guest27dd184
 
Pontuação e regras de acentuação gráfica
Pontuação e regras de acentuação gráficaPontuação e regras de acentuação gráfica
Pontuação e regras de acentuação gráfica
Wlademyr Alves
 
Pronomes Pessoais
Pronomes PessoaisPronomes Pessoais
Pronomes Pessoais
LeYa
 

Destaque (20)

Figuras de pensamento
Figuras de pensamentoFiguras de pensamento
Figuras de pensamento
 
Frase oração período - Operadores
Frase oração período - Operadores Frase oração período - Operadores
Frase oração período - Operadores
 
A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990
A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990
A Nova Ortografia pós Acordo Ortográfico de 1990
 
Acentuação nova ortografia
Acentuação nova ortografiaAcentuação nova ortografia
Acentuação nova ortografia
 
Figuras de pensamento
Figuras de pensamentoFiguras de pensamento
Figuras de pensamento
 
Conhecendo a nova ortografia
Conhecendo a nova ortografiaConhecendo a nova ortografia
Conhecendo a nova ortografia
 
Figuras de pensamento
Figuras de pensamentoFiguras de pensamento
Figuras de pensamento
 
Quiz Geografico 2012
Quiz Geografico 2012Quiz Geografico 2012
Quiz Geografico 2012
 
Figura de Linguagem: Pensamento
Figura de Linguagem: PensamentoFigura de Linguagem: Pensamento
Figura de Linguagem: Pensamento
 
A nova ortografia
A nova ortografia A nova ortografia
A nova ortografia
 
Trovadorismo e humanismo
Trovadorismo e humanismoTrovadorismo e humanismo
Trovadorismo e humanismo
 
REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL
REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL
REGÊNCIA VERBAL E NOMINAL
 
Classes gramaticais
Classes gramaticaisClasses gramaticais
Classes gramaticais
 
Introdução à anatomia do sistema locomotor
Introdução à anatomia do sistema locomotorIntrodução à anatomia do sistema locomotor
Introdução à anatomia do sistema locomotor
 
Regência verbal e nominal
Regência verbal e nominalRegência verbal e nominal
Regência verbal e nominal
 
Polissemia
PolissemiaPolissemia
Polissemia
 
Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
 
A PontuaçãO De Um Texto
A PontuaçãO De Um TextoA PontuaçãO De Um Texto
A PontuaçãO De Um Texto
 
Pontuação e regras de acentuação gráfica
Pontuação e regras de acentuação gráficaPontuação e regras de acentuação gráfica
Pontuação e regras de acentuação gráfica
 
Pronomes Pessoais
Pronomes PessoaisPronomes Pessoais
Pronomes Pessoais
 

Semelhante a Guia prático da nova ortografia

Reforma ortográfica
Reforma ortográficaReforma ortográfica
Reforma ortográfica
mfmpafatima
 
Guia prático da nova ortografia
Guia prático da nova ortografiaGuia prático da nova ortografia
Guia prático da nova ortografia
Pastor Juscelino Freitas
 
Acordo ortográfico slides
Acordo ortográfico slidesAcordo ortográfico slides
Acordo ortográfico slides
homago
 
Guia prático nova ortografia
Guia prático   nova ortografiaGuia prático   nova ortografia
Guia prático nova ortografia
Patricia Fernandes
 
Guia.pratico.da.reforma.ortografica
Guia.pratico.da.reforma.ortograficaGuia.pratico.da.reforma.ortografica
Guia.pratico.da.reforma.ortografica
Glaucia Janine
 
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesaApresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
robioprof
 
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesaApresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
robioprof
 
Guia prático da nova ortografia Michaelis
Guia prático da nova ortografia Michaelis Guia prático da nova ortografia Michaelis
Guia prático da nova ortografia Michaelis
Elizete Santos
 
Guia prático nova ortografia pg10
Guia prático   nova ortografia pg10Guia prático   nova ortografia pg10
Guia prático nova ortografia pg10
kisb1337
 
Reforma ortográfica
Reforma ortográficaReforma ortográfica
Reforma ortográfica
Adalziraaguinafabiana
 
Reforma ortográfica adalzira
Reforma ortográfica  adalziraReforma ortográfica  adalzira
Reforma ortográfica adalzira
Adalziraaguinafabiana
 
Oficina ana
Oficina anaOficina ana
Oficina ana
Ana Cristina sousa
 
Reforma ortográfica -Enem-Neo
Reforma ortográfica -Enem-NeoReforma ortográfica -Enem-Neo
Reforma ortográfica -Enem-Neo
neocontextual
 
Mudanças no alfabeto
Mudanças no alfabetoMudanças no alfabeto
Mudanças no alfabeto
Jorgelgl
 
Língua portuguesa 1
Língua portuguesa 1Língua portuguesa 1
Língua portuguesa 1
Fabioarslonga
 
2 novo acordo - sílvia
2 novo acordo - sílvia2 novo acordo - sílvia
2 novo acordo - sílvia
Sadrak Silva
 
Reforma OrtográFica
Reforma OrtográFicaReforma OrtográFica
Reforma OrtográFica
guest5a4e95d
 
Novo acordo
Novo acordoNovo acordo
Novo acordo
Amelia Barros
 
Reforma ortografica
Reforma ortograficaReforma ortografica
Reforma ortografica
pamdocinho1987
 
Reforma ortografica
Reforma ortograficaReforma ortografica
Reforma ortografica
Carlos Alberto Monteiro
 

Semelhante a Guia prático da nova ortografia (20)

Reforma ortográfica
Reforma ortográficaReforma ortográfica
Reforma ortográfica
 
Guia prático da nova ortografia
Guia prático da nova ortografiaGuia prático da nova ortografia
Guia prático da nova ortografia
 
Acordo ortográfico slides
Acordo ortográfico slidesAcordo ortográfico slides
Acordo ortográfico slides
 
Guia prático nova ortografia
Guia prático   nova ortografiaGuia prático   nova ortografia
Guia prático nova ortografia
 
Guia.pratico.da.reforma.ortografica
Guia.pratico.da.reforma.ortograficaGuia.pratico.da.reforma.ortografica
Guia.pratico.da.reforma.ortografica
 
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesaApresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
 
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesaApresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
Apresentaçao acordo ortográfico da língua portuguesa
 
Guia prático da nova ortografia Michaelis
Guia prático da nova ortografia Michaelis Guia prático da nova ortografia Michaelis
Guia prático da nova ortografia Michaelis
 
Guia prático nova ortografia pg10
Guia prático   nova ortografia pg10Guia prático   nova ortografia pg10
Guia prático nova ortografia pg10
 
Reforma ortográfica
Reforma ortográficaReforma ortográfica
Reforma ortográfica
 
Reforma ortográfica adalzira
Reforma ortográfica  adalziraReforma ortográfica  adalzira
Reforma ortográfica adalzira
 
Oficina ana
Oficina anaOficina ana
Oficina ana
 
Reforma ortográfica -Enem-Neo
Reforma ortográfica -Enem-NeoReforma ortográfica -Enem-Neo
Reforma ortográfica -Enem-Neo
 
Mudanças no alfabeto
Mudanças no alfabetoMudanças no alfabeto
Mudanças no alfabeto
 
Língua portuguesa 1
Língua portuguesa 1Língua portuguesa 1
Língua portuguesa 1
 
2 novo acordo - sílvia
2 novo acordo - sílvia2 novo acordo - sílvia
2 novo acordo - sílvia
 
Reforma OrtográFica
Reforma OrtográFicaReforma OrtográFica
Reforma OrtográFica
 
Novo acordo
Novo acordoNovo acordo
Novo acordo
 
Reforma ortografica
Reforma ortograficaReforma ortografica
Reforma ortografica
 
Reforma ortografica
Reforma ortograficaReforma ortografica
Reforma ortografica
 

Último

Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 

Último (20)

Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 

Guia prático da nova ortografia

  • 1. GUIA PRÁTICO DA NOVA ORTOGRAFIA Douglas Tufano Editora Melhoramento Ltda
  • 2. ACORDO ORTOGRÁFICO O objetivo deste guia é expor ao leitor, de maneira objetiva, as alterações introduzidas na ortografia da Língua Portuguesa pelo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, assinado em Lisboa, em 16 de dezembro de 1990, por Portugal, Brasil, Angola, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e, posteriormente, por Timor Leste. No Brasil, o Acordo foi aprovado pelo Decreto Legislativo n 54, de 18 de abril de 1995. Esse acordo é meramente ortográfico, portanto, restringe- se a língua escrita, não a língua falada. Ele não elimina todas as diferenças ortográficas desses países que têm a Língua Portuguesa como idioma oficial, mas é um passo em direção a unificação ortográfica desses países.
  • 3. Mudanças no alfabeto O alfabeto passa a ter 26 letras. Foram reintroduzidas as letras K, W e Y. O alfabeto completo passa a ser: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z. As letras k, w e y, que na verdade não tinham desaparecido da maioria dos dicionários da nossa língua, são usadas em várias situações. Por exemplo: na escrita de símbolos de unidades de medida: Km (quilômetro), Kg (quilograma), W (watt); na escrita de palavras e nomes estrangeiros (e seus derivados): show, playground, playboy, Kaiser, kung fu, windsurf.
  • 4. TREMA Não se usa mais o trema ( ), sinal colocado sobre o U para indicar que ela deve ser pronunciada nos grupos gue, gui que, qui. Como era: agüentar, bilíngüe, lingüiça. Como fica: aguentar, bilíngue. linguiça.
  • 5. Mudanças nas regras de acentuação 1-Não se usa mais o acento dos ditongos abertos éi e ói das palavras paroxítonas ( palavras que têm acento tônico na penúltima sílaba). Como era: alcatéia, andróide, odisséia, geléia, colméia, apóia (verbo apoiar)... Como fica: alcateia, androide, odisseia, geleia, colmeia, apoia (verbo apoiar)...
  • 6. Essa regra é válida somente para as palavras paroxítonas. Assim, continuam a ser acentuadas as palavras oxítonas terminadas em éis, éu, éus, ói, óis. Exemplo: papéis, herói, lençóis, heróis, troféu, troféus.
  • 7. 2- Nas palavras paroxítonas, não se usa mais o acento no i e no u tônicos quando vierem depois de ditongo. Como era: feiúra, baiúca.. Como fica: feiura, baiuca. ATENÇÃO: se a palavra for oxítona e o i ou o u estiverem em posição final ( ou seguidos de s ), o acento permanece. Ex.: tuiuiú, Piauí.
  • 8. 3- Não seu usa mais o acento das palavras terminadas em êem e ôo (s). Como era: abençôo, crêem, enjôo, lêem, vôos... Como fica: abençoo, creem, enjoo, leem, voos..
  • 9. 4- Não se usa mais o acento que diferenciava os pares pára/ para, péla(s)/pela(s), pêlo(s)/pelo(s), pólo(s)/polo(s), e pêra/ pera. Permanece o acento diferencial de pôde ( forma do passado do verbo verbo poder) e pode ( a forma do presente).
  • 10. 5- Permanece o acento diferencial em pôr (verbo)/ por (preposição). 6- Permanece os acentos que diferenciam o singular do plural dos verbos ter e vir, assim de seus derivados (manter, deter, reter, conter, convir, intervir, etc). Exemplo: Ele tem dois carros. Eles têm dois carros. Ele vem de Sorocaba. Eles vêm de Sorocaba.
  • 11. 7- É facultativo o uso do acento circunflexo para diferenciar as palavras forma/ fôrma. Em alguns casos, o uso do acento deixa a frase mais clara. Exemplo: Qual a forma da fôrma de bolo?
  • 12. 8- Não seu usa mais o acento agudo no u tônico das formas (tu) arguis, (ele) argui, (eles) arguem, do presente do indicativo dos verbos arguir e redarguir.
  • 13. 9- Há uma variação na pronúncia dos verbos terminados em guar, quar, quir, como aguar, averiguar, apaziguar, desaguar, enxaguar, delinquir, etc. Esses verbos admitem duas pronúncias em algumas formas do presente. A- se forem pronunciadas com a ou i tônicos, essas formas devem ser acentuadas. Exemplo: verbo enxaguar: enxáguo, enxáguas, enxágua, enxáguam, enxágue, enxáguem.
  • 14. USO DO HÍFEN USA-SE HÍFEN 1- DIANTE DA PALAVRA INICIADA POR H. EX.: anti-higiênico, mini-hotel, sobre- humano. (Exceções: subumano). 2- Quando o prefixo termina por vogal e o segundo elemento começa pela mesma vogal. EX.: anti-ibérico, anti-inflamatório, micro-ondas, auto-observação, contra-ataque, etc.
  • 15. 3- Quando o prefixo termina por consoante e o segundo elemento começa pela mesma consoante. EX.: inter-racial, super-realista, sub-bibliotecário, etc. 4-Com o prefixo SUB também diante da palavra iniciada por R . EX.: sub-região, sub-raça. 5- Com os prefixos CIRCUM e PAN diante da palavra iniciada por M , N e VOGAL . EX.: Circum-navegação, pan-americano.
  • 16. 6- Para ligar duas ou mais palavras que ocasionalmente se combinam, formando não propriamente vocábulos, mas encadeamentos vocabulares. EX.: Rio-Niterói, eixo-Rio-São Paulo.
  • 17. NÃO SE USA O HÍFEN 1- Quando o prefixo termina em vogal diferente da vogal com que se inicia o segundo elemento. EX.: autoestima, autoescola, coedição, extraescolar, agroindustrial, antiaéreo, etc. (EXCEÇÃO: o prefixo CO aglutina-se em geral com o segundo elemento. EX.: coobrigar, cooperar, cooptar).
  • 18. 2- Quando o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por consoante diferente de R ou S . EX.: anteprojeto, antipedagógico, autopeça, microcomputador, seminovo, pseudoprofessor, etc. 3- Quando o prefixo termina em vogal e o segundo elemento começa por R ou S. Nesse caso, duplicam-se essas letras. EX.: antirrábico, contrassenso, antirracismo, antirreligioso, antirrugas, ultrassom, semirreta, etc.
  • 19. 4- Quando o prefixo termina por consoante e o segundo elemento começa por consoante diferente. EX.: hipermercado, superproteção, superinteressante, intermunicipal. 5- Quando o prefixo termina por consoante e o segundo elemento começa por vogal . EX.: hiperacidez, hiperativo, interescolar, interestadual, superamigo, supereconômico, superaquecimento.
  • 20. 6- Em palavras que perderam a noção de composição. EX.: girassol, pontapé, mandachuva, paraquedista.