SlideShare uma empresa Scribd logo
Mudança em Pauta – 04.10.2017
Marcelo Zardo
Diretor dos Grupos de Usuários da SUCESU
- Apresentação institucional da SUCESU-RS.
- Palestra “Inovar ou não inovar, eis a questão”.
- Debate “Mudança em Pauta”.
Agenda do Evento
A Associação dos Usuários de Informática e
Telecomunicações do RS (SUCESU RS) foi criada
em 1968 e é uma associação sem fins lucrativos
e sem caráter político-partidário, de
representação política dos seus associados e de
coordenação, promoção, execução e indução de
atividades no setor de informática e
telecomunicações.
Visão
Representar, qualificar e
congregar as áreas de
Tecnologia da Informação e
Comunicação das
organizações e seus
profissionais, contribuindo
para que se tornem um
importante diferencial para o
negócio.
Ser reconhecida, junto a
sociedade, como a
legítima representante dos
assuntos de Tecnologia da
Informação e
Comunicação das
organizações e de seus
profissionais.
Missão
Congrega usuários e
interessados Busca Inovações
Promove Discussões Atividades para a
comunidade
GU
Suporte às Atividades
Busca de Membros
Divulgação de Eventos
• GUAN – Grupo de Usuários Análise de
Negócios
• DUG-RS – Delphi Users Group – RS
• GUBI – Grupo de Usuários Business
Intelligence
• GUGC&I – Grupo de Usuários Gestão
do Conhecimento e Inovação
• GUGMO – Grupo de Usuários
Gestão da Mudança Organizacional
• GUGP – Grupo de Usuários
Gerenciamento de Projetos
• GUGRC – Grupo de Usuários em
Governança, Risco e Compliance
• GUINFRA – Grupo de Usuários de
Infraestrutura
• GUIX– Grupo de Usuários de UI/UX
• GUMA – Grupo de Usuários de
Métodos Ágeis
• GUMIT – Grupo de Usuários –
Management IT
• GUMOBILE-RS – Grupo de Usuários
Mobile
• GUO-RS – Grupo de Usuários Oracle
• GUProtheus – Grupo de Usuários
Protheus
• GUSAP – Grupo de Usuários SAP
• GUTS – Grupo de Usuários de Testes de
Software
• GUSegurança – Grupo de Usuários de
Segurança
• RSJUG – Grupo de Usuários da
linguagem Java do Rio Grande do Sul
_Inovar ou não Inovar, eis a questão.
Daniel Scherer
CIO na Sabemi e Presidente na SUCESU-RS
daniel.scherer@sucesurs.org.br
_Mudança em Pauta.
Vivemos um momento de muitas e rápidas
transformações, um tempo de grandes mudanças.
As organizações, para garantirem sua perenidade no
mercado, devem melhorar sua performance empresarial
fazendo uso mais sistemático da Gestão da Mudança
Organizacional.
Silvia Somenzi
Diretora Presidente da Soluzzione Gestão e Consultoria, eleita na Categoria
Personalidade de TI em 2011 no Prêmio SUCESU-RS, integrante do Grupo
Gurias da TI.
_Mudança em Pauta.
Carlos Giovani Rodrigues
Gerador de conhecimento e resultado para as organizações através da consultoria, treinamento e
workshops em Análise de Negócios, Gestão de Projetos e Gestão da Mudança Organizacional pela
W4BA. Profissional certificado PMP® e HCMP®.
Agostino Carletti
Formado em Administração de Empresas, tem forte atuação na área de Tecnologia da Informação
com larga experiência em Gestão de Projetos, Gestão de Mudanças Organizacionais e Coaching
para Gestores de Projetos.
Beatriz Benezra
Human Change Management Profissional (HCMP®), Estrategista em Gestão do Conhecimento e
Inovação, coordenadora do Grupo de Usuários de Gestão do Conhecimento e Inovação(Sucesu-RS),
consultora organizacional.
Ana Paula Michel
Especialista de projetos na Unicred do Brasil, Coordenadora de eventos no grupo de usuários
gerenciamento de projetos (Sucesu-rs)
Isabel Degrazia
Sócia-Consultora da RESOLUTION Inteligência Humana. Consolidada vivência na liderança da área
de Recursos Humanos.
_Motivando a Mudança.
Crenças e Propósitos individuais além da tecnologia.
Carlos Giovani Rodrigues da W4BA Consultoria
carlos.giovani@w4ba.com.br
_Motivando a Mudança.
_Motivando a Mudança.
https://home.kpmg.com/content/dam/kpmg/no/pdf/2017/cio-survey-2017.pdf
_Motivando a Mudança.
_Por que é tão difícil a Mudança Organizacional ?
Quais os fatores que dificultam os processos de mudanças organizacionais?
Agostino Carletti da Dynamica Consultoria
agostino@dynamicaconsultoria.com.br
*É qualquer alteração, planejada ou não, ocorrida na
organização, decorrente de fatores internos e/ou
externos que traz algum impacto nos resultados e/ou
nas relações entre as pessoas no trabalho.
Projeto Rotina
*Bruno - Faria, M. F. F. (2000)
Por que é tão difícil a Mudança
Organizacional ?
Wilfried Kruger
Gestão de crenças
e percepções
Comportamento
Aceitação
Atitude Gestão de poder
e políticas
Cultura da
Organização
Promotores
Oponentes
Oponentes
Ocultos
Promotores
Potenciais
+
-
Gestão de
problemas
Qualidade
PrazoCusto
Por que é tão difícil a Mudança
Organizacional ?
Falta de entendimento de todos para a necessidade da
mudança
Falta comunicação entre as pessoas
Falta colaboração
Perda de poder e autonomia
As pessoas se sentem controladas
Dificuldade de abandonar o conhecimento, crenças e
pressupostos
Por que é tão difícil a Mudança
Organizacional ?
Por crença que a mudança é auto gerida e que não precisa de planejamento.
Por falta de ações que garantam que o novo modelo esteja inserido no
contexto da empresa.
Por minimizar a importância da comunicação segmentada e adaptada aos
públicos mapeados.
Por postergar a informação de boas e más notícias, gerando o ambiente de
falta de credibilidade e transparência.
Por negligenciar a importância das pessoas e dos seus conhecimentos, como
forma de garantir o ambiente empresarial engajado e participativo.
Por não monitorar a receptividade e adesão ao modelo, compreensão das
informações emitidas, as ações das lideranças frente à transformação desejada.
Por que é tão difícil a Mudança
Organizacional ?
_Onde a Mudança realmente acontece.
O papel do conhecimento na efetiva implantação da mudança.
Treinar é suficiente?
Beatriz Benezra da Beatriz Dehter KM Consultoria.
beatriz_benezra@Hotmail.com
_Onde a Mudança realmente acontece
_Onde a Mudança realmente acontece
_Onde a Mudança realmente acontece
_Onde a Mudança realmente acontece
_Onde a Mudança realmente acontece
_Gestão da Mudança em Projetos.
O desafio da aplicação e os fatores críticos para o sucesso da Gestão da Mudança
na execução dos projetos.
Ana Paula Michel – Especialista em projetos na Unicred do Brasil.
paulamichel@gmail.com
Identificação e Análise
dos Stakeholders
Visão
Estratégia
Percepção
de Valor
Comunicação
Gestão de Riscos
Engajamento dos
Stakeholders
Gestão
Conhecimento
_Gestão da Mudança em Projetos –
O desafio da Aplicação
PRÉ PROJETO
PROJETO
Construção contínua
realizada junto aos
principais interessados e
impactados pela mudança
_Liderando a Mudança.
Como a Liderança define um ambiente que impulsiona o engajamento das
pessoas e impacta no processo de mudança.
Isabel Degrazia da RESOLUTION Inteligência Humana.
isabel@resolution.com.br
_Liderando a Mudança.
Liderança é a arte de mobilizar os outros para que
estes queiram lutar por aspirações compartilhadas
Kouzes e Posne
O Desafio da Liderança
Como aperfeiçoar sua capacidade de liderar
_Liderando a Mudança.
ENGAJAMENTO =
CONEXÃO EMOCIONAL
_Liderando a Mudança.
(1)
Admiração
(6) ENGAJAMENTO
_Liderando a Mudança.
_Mudança em Pauta.
_Motivando a Mudança.
Crenças e propósitos individuais além da tecnologia.
Carlos Giovani Rodrigues
_Por que é tão difícil a Mudança Organizacional?
Quais os fatores que dificultam os processos de mudanças organizacionais?
Agostino Carletti
_Onde a mudança realmente acontece.
O papel do conhecimento na efetiva implementação da mudança. Treinar é suficiente?
Beatriz Benezra
_Gestão da Mudança em Projetos – o desafio da aplicação.
Fatores críticos para o sucesso da gestão de mudanças na execução dos projetos.
Ana Paula Michel
_Liderando a Mudança
Como a liderança define um ambiente que impulsiona o engajamento das pessoas e
impacta no processo de mudança.
Isabel Degrazia
Silvia Somenzi
Objetivos
Promover um ambiente de troca de informações,
obtenção de conhecimento, práticas e experiências sobre
a Gestão da Mudança Organizacional em todos os níveis
da organização.
https://www.facebook.com/gugmo.sucesu.rs/
gugmo@sucesurs.org.br
Contato

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

White Paper: Jogos da Mudanca - Bruno Medina
White Paper: Jogos da Mudanca - Bruno MedinaWhite Paper: Jogos da Mudanca - Bruno Medina
White Paper: Jogos da Mudanca - Bruno Medina
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Gestao de Mudanças
Gestao de MudançasGestao de Mudanças
Gestao de Mudanças
Jairo Siqueira
 
Muito mais que um gestor, um líder transformador
Muito mais que um gestor, um líder transformadorMuito mais que um gestor, um líder transformador
Muito mais que um gestor, um líder transformador
Luiz C. Parzianello
 
ACMP BRASIL Institucional
ACMP BRASIL InstitucionalACMP BRASIL Institucional
Níveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida Profissional
Níveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida ProfissionalNíveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida Profissional
Níveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida Profissional
Luiz C. Parzianello
 
A Análise de Negócios como Modelo de Competências para o HR Business Partner
A Análise de Negócios como Modelo deCompetências para o HR Business PartnerA Análise de Negócios como Modelo deCompetências para o HR Business Partner
A Análise de Negócios como Modelo de Competências para o HR Business Partner
Luiz C. Parzianello
 
Comunicação Interna nas Organizações, por Priscyla Caldas
Comunicação Interna nas Organizações, por Priscyla CaldasComunicação Interna nas Organizações, por Priscyla Caldas
Comunicação Interna nas Organizações, por Priscyla Caldas
Priscyla Caldas
 
Gestão de Mudança - Change Management
Gestão de Mudança - Change ManagementGestão de Mudança - Change Management
Gestão de Mudança - Change Management
INSTITUTO MVC
 
Gestão de mudança
Gestão de mudançaGestão de mudança
Administrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no Brasil
Administrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no BrasilAdministrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no Brasil
Administrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no Brasil
Conselho Regional de Administração de São Paulo
 
RH Ágil
RH ÁgilRH Ágil
RH Ágil
UNIMEP
 
Teoria do Desenvolvimento Organizacional
Teoria do Desenvolvimento OrganizacionalTeoria do Desenvolvimento Organizacional
Teoria do Desenvolvimento Organizacional
Milton Henrique do Couto Neto
 
Mudanças Organizacionais e Liderança Final
Mudanças Organizacionais e Liderança  Final Mudanças Organizacionais e Liderança  Final
Mudanças Organizacionais e Liderança Final
Eduardo Cesar
 
Organização a gestão
Organização a gestãoOrganização a gestão
Organização a gestão
SilvacambundoPomboss
 
O Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação Organizacional
O Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação OrganizacionalO Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação Organizacional
O Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação Organizacional
Luiz C. Parzianello
 
As 3 fases do design thinking
As 3 fases do design thinkingAs 3 fases do design thinking
As 3 fases do design thinking
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Gestão de Mudança | Pessoas, Processos e Produtos
Gestão de Mudança | Pessoas, Processos e ProdutosGestão de Mudança | Pessoas, Processos e Produtos
Gestão de Mudança | Pessoas, Processos e Produtos
CompanyWeb
 
Como participar de comunidades pode impulsionar sua carreira
Como participar de comunidades pode impulsionar sua carreiraComo participar de comunidades pode impulsionar sua carreira
Como participar de comunidades pode impulsionar sua carreira
Mariana Graf
 
1.gestão de mudanças change management
1.gestão de mudanças  change management1.gestão de mudanças  change management
1.gestão de mudanças change management
Daniel de Carvalho Luz
 
Mudança da Cultura Ágil HGLatam
Mudança da Cultura Ágil HGLatamMudança da Cultura Ágil HGLatam
Mudança da Cultura Ágil HGLatam
Dieine Silva
 

Mais procurados (20)

White Paper: Jogos da Mudanca - Bruno Medina
White Paper: Jogos da Mudanca - Bruno MedinaWhite Paper: Jogos da Mudanca - Bruno Medina
White Paper: Jogos da Mudanca - Bruno Medina
 
Gestao de Mudanças
Gestao de MudançasGestao de Mudanças
Gestao de Mudanças
 
Muito mais que um gestor, um líder transformador
Muito mais que um gestor, um líder transformadorMuito mais que um gestor, um líder transformador
Muito mais que um gestor, um líder transformador
 
ACMP BRASIL Institucional
ACMP BRASIL InstitucionalACMP BRASIL Institucional
ACMP BRASIL Institucional
 
Níveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida Profissional
Níveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida ProfissionalNíveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida Profissional
Níveis Lógicos de Aprendizagem e Mudança na Vida Profissional
 
A Análise de Negócios como Modelo de Competências para o HR Business Partner
A Análise de Negócios como Modelo deCompetências para o HR Business PartnerA Análise de Negócios como Modelo deCompetências para o HR Business Partner
A Análise de Negócios como Modelo de Competências para o HR Business Partner
 
Comunicação Interna nas Organizações, por Priscyla Caldas
Comunicação Interna nas Organizações, por Priscyla CaldasComunicação Interna nas Organizações, por Priscyla Caldas
Comunicação Interna nas Organizações, por Priscyla Caldas
 
Gestão de Mudança - Change Management
Gestão de Mudança - Change ManagementGestão de Mudança - Change Management
Gestão de Mudança - Change Management
 
Gestão de mudança
Gestão de mudançaGestão de mudança
Gestão de mudança
 
Administrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no Brasil
Administrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no BrasilAdministrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no Brasil
Administrador 5.0: Protagonista da Transformação Digital no Brasil
 
RH Ágil
RH ÁgilRH Ágil
RH Ágil
 
Teoria do Desenvolvimento Organizacional
Teoria do Desenvolvimento OrganizacionalTeoria do Desenvolvimento Organizacional
Teoria do Desenvolvimento Organizacional
 
Mudanças Organizacionais e Liderança Final
Mudanças Organizacionais e Liderança  Final Mudanças Organizacionais e Liderança  Final
Mudanças Organizacionais e Liderança Final
 
Organização a gestão
Organização a gestãoOrganização a gestão
Organização a gestão
 
O Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação Organizacional
O Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação OrganizacionalO Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação Organizacional
O Modelo "Full Stack Agile Business Analysis" na Transformação Organizacional
 
As 3 fases do design thinking
As 3 fases do design thinkingAs 3 fases do design thinking
As 3 fases do design thinking
 
Gestão de Mudança | Pessoas, Processos e Produtos
Gestão de Mudança | Pessoas, Processos e ProdutosGestão de Mudança | Pessoas, Processos e Produtos
Gestão de Mudança | Pessoas, Processos e Produtos
 
Como participar de comunidades pode impulsionar sua carreira
Como participar de comunidades pode impulsionar sua carreiraComo participar de comunidades pode impulsionar sua carreira
Como participar de comunidades pode impulsionar sua carreira
 
1.gestão de mudanças change management
1.gestão de mudanças  change management1.gestão de mudanças  change management
1.gestão de mudanças change management
 
Mudança da Cultura Ágil HGLatam
Mudança da Cultura Ágil HGLatamMudança da Cultura Ágil HGLatam
Mudança da Cultura Ágil HGLatam
 

Semelhante a Gugmo mudança em pauta - 04.10.2017

Folder flip
Folder flipFolder flip
Planejamento empresarial e arquitetura organizacional
Planejamento empresarial e arquitetura organizacionalPlanejamento empresarial e arquitetura organizacional
Planejamento empresarial e arquitetura organizacional
Fundação Dom Cabral - FDC
 
Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011
quicas
 
Atps tecnologia da gestãoo
Atps tecnologia da gestãooAtps tecnologia da gestãoo
Atps tecnologia da gestãoo
erminbazu
 
Pragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de Negócios
Pragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de NegóciosPragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de Negócios
Pragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de Negócios
Luiz C. Parzianello
 
O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...
O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...
O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...
Silvio Melo Liborio
 
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Mayra de Souza
 
TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...
TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...
TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...
tdc-globalcode
 
Criatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdf
Criatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdfCriatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdf
Criatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdf
Silas Serpa
 
106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao
106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao
106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao
Carolina Silva Cleto
 
Estratégia para adoção ágil - diário de um coach
Estratégia para adoção ágil - diário de um coachEstratégia para adoção ágil - diário de um coach
Estratégia para adoção ágil - diário de um coach
João Paulo Novais
 
Motiva Dh ApresentaçãO Portfolio
Motiva Dh ApresentaçãO PortfolioMotiva Dh ApresentaçãO Portfolio
Motiva Dh ApresentaçãO Portfolio
rmuraro
 
Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014
Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014
Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014
SV_Partners
 
Seminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico DígitroSeminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico Dígitro
Andrei Cavalheiro
 
Apresentação comunicare 2013
Apresentação comunicare 2013Apresentação comunicare 2013
Apresentação comunicare 2013
Claudio Starec
 
Apresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptx
Apresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptxApresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptx
Apresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptx
RicardodeQueirozMach1
 
Gestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seci
Gestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seciGestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seci
Gestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seci
Mario Nascimento
 
RH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASIL
RH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASILRH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASIL
RH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASIL
OBERDANHENRIQUEFIORE
 
Dimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoasDimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoas
Jéssica Silveira
 
Lideranca desafios tendencias em lideranca
Lideranca desafios tendencias em liderancaLideranca desafios tendencias em lideranca
Lideranca desafios tendencias em lideranca
Aldo Bianco
 

Semelhante a Gugmo mudança em pauta - 04.10.2017 (20)

Folder flip
Folder flipFolder flip
Folder flip
 
Planejamento empresarial e arquitetura organizacional
Planejamento empresarial e arquitetura organizacionalPlanejamento empresarial e arquitetura organizacional
Planejamento empresarial e arquitetura organizacional
 
Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011Blink Consulting Apresentacao 2011
Blink Consulting Apresentacao 2011
 
Atps tecnologia da gestãoo
Atps tecnologia da gestãooAtps tecnologia da gestãoo
Atps tecnologia da gestãoo
 
Pragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de Negócios
Pragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de NegóciosPragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de Negócios
Pragmatismo, Agilidade e Resultados na Gestão de Negócios
 
O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...
O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...
O PROFISSIONAL INTELIGENTE EM B.I. De onde vem? Quem são? Como deve ser um pr...
 
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
Como sua organização inova? Como a gestão influencia?
 
TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...
TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...
TDC2018SP | Trilha Agile Coaching - Os desafios da transformacao Agil e o pap...
 
Criatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdf
Criatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdfCriatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdf
Criatividade e Design Thinking na Gestao de Projetos - FIA - 26-10-23.pdf
 
106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao
106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao
106026810 desafio-de-aprendizagem-tecnologia-em-gestao
 
Estratégia para adoção ágil - diário de um coach
Estratégia para adoção ágil - diário de um coachEstratégia para adoção ágil - diário de um coach
Estratégia para adoção ágil - diário de um coach
 
Motiva Dh ApresentaçãO Portfolio
Motiva Dh ApresentaçãO PortfolioMotiva Dh ApresentaçãO Portfolio
Motiva Dh ApresentaçãO Portfolio
 
Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014
Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014
Sebrae SP Escola Empreendedor 16-09-2014
 
Seminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico DígitroSeminário Planejamento Estratégico Dígitro
Seminário Planejamento Estratégico Dígitro
 
Apresentação comunicare 2013
Apresentação comunicare 2013Apresentação comunicare 2013
Apresentação comunicare 2013
 
Apresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptx
Apresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptxApresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptx
Apresentação Webinário 1 - Cultura Ágil_0.pptx
 
Gestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seci
Gestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seciGestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seci
Gestão do conhecimento, Fatores críticos e modelo seci
 
RH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASIL
RH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASILRH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASIL
RH AGIL - AS EVOLUÇÕES INDUSTRIAIS NO BRASIL
 
Dimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoasDimensão de governança de tic pessoas
Dimensão de governança de tic pessoas
 
Lideranca desafios tendencias em lideranca
Lideranca desafios tendencias em liderancaLideranca desafios tendencias em lideranca
Lideranca desafios tendencias em lideranca
 

Gugmo mudança em pauta - 04.10.2017

  • 1. Mudança em Pauta – 04.10.2017
  • 2. Marcelo Zardo Diretor dos Grupos de Usuários da SUCESU - Apresentação institucional da SUCESU-RS. - Palestra “Inovar ou não inovar, eis a questão”. - Debate “Mudança em Pauta”. Agenda do Evento
  • 3. A Associação dos Usuários de Informática e Telecomunicações do RS (SUCESU RS) foi criada em 1968 e é uma associação sem fins lucrativos e sem caráter político-partidário, de representação política dos seus associados e de coordenação, promoção, execução e indução de atividades no setor de informática e telecomunicações.
  • 4. Visão Representar, qualificar e congregar as áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação das organizações e seus profissionais, contribuindo para que se tornem um importante diferencial para o negócio. Ser reconhecida, junto a sociedade, como a legítima representante dos assuntos de Tecnologia da Informação e Comunicação das organizações e de seus profissionais. Missão
  • 5. Congrega usuários e interessados Busca Inovações Promove Discussões Atividades para a comunidade GU
  • 6. Suporte às Atividades Busca de Membros Divulgação de Eventos
  • 7. • GUAN – Grupo de Usuários Análise de Negócios • DUG-RS – Delphi Users Group – RS • GUBI – Grupo de Usuários Business Intelligence • GUGC&I – Grupo de Usuários Gestão do Conhecimento e Inovação • GUGMO – Grupo de Usuários Gestão da Mudança Organizacional • GUGP – Grupo de Usuários Gerenciamento de Projetos • GUGRC – Grupo de Usuários em Governança, Risco e Compliance • GUINFRA – Grupo de Usuários de Infraestrutura • GUIX– Grupo de Usuários de UI/UX • GUMA – Grupo de Usuários de Métodos Ágeis • GUMIT – Grupo de Usuários – Management IT • GUMOBILE-RS – Grupo de Usuários Mobile • GUO-RS – Grupo de Usuários Oracle • GUProtheus – Grupo de Usuários Protheus • GUSAP – Grupo de Usuários SAP • GUTS – Grupo de Usuários de Testes de Software • GUSegurança – Grupo de Usuários de Segurança • RSJUG – Grupo de Usuários da linguagem Java do Rio Grande do Sul
  • 8. _Inovar ou não Inovar, eis a questão. Daniel Scherer CIO na Sabemi e Presidente na SUCESU-RS daniel.scherer@sucesurs.org.br
  • 9. _Mudança em Pauta. Vivemos um momento de muitas e rápidas transformações, um tempo de grandes mudanças. As organizações, para garantirem sua perenidade no mercado, devem melhorar sua performance empresarial fazendo uso mais sistemático da Gestão da Mudança Organizacional. Silvia Somenzi Diretora Presidente da Soluzzione Gestão e Consultoria, eleita na Categoria Personalidade de TI em 2011 no Prêmio SUCESU-RS, integrante do Grupo Gurias da TI.
  • 10. _Mudança em Pauta. Carlos Giovani Rodrigues Gerador de conhecimento e resultado para as organizações através da consultoria, treinamento e workshops em Análise de Negócios, Gestão de Projetos e Gestão da Mudança Organizacional pela W4BA. Profissional certificado PMP® e HCMP®. Agostino Carletti Formado em Administração de Empresas, tem forte atuação na área de Tecnologia da Informação com larga experiência em Gestão de Projetos, Gestão de Mudanças Organizacionais e Coaching para Gestores de Projetos. Beatriz Benezra Human Change Management Profissional (HCMP®), Estrategista em Gestão do Conhecimento e Inovação, coordenadora do Grupo de Usuários de Gestão do Conhecimento e Inovação(Sucesu-RS), consultora organizacional. Ana Paula Michel Especialista de projetos na Unicred do Brasil, Coordenadora de eventos no grupo de usuários gerenciamento de projetos (Sucesu-rs) Isabel Degrazia Sócia-Consultora da RESOLUTION Inteligência Humana. Consolidada vivência na liderança da área de Recursos Humanos.
  • 11. _Motivando a Mudança. Crenças e Propósitos individuais além da tecnologia. Carlos Giovani Rodrigues da W4BA Consultoria carlos.giovani@w4ba.com.br
  • 15. _Por que é tão difícil a Mudança Organizacional ? Quais os fatores que dificultam os processos de mudanças organizacionais? Agostino Carletti da Dynamica Consultoria agostino@dynamicaconsultoria.com.br
  • 16. *É qualquer alteração, planejada ou não, ocorrida na organização, decorrente de fatores internos e/ou externos que traz algum impacto nos resultados e/ou nas relações entre as pessoas no trabalho. Projeto Rotina *Bruno - Faria, M. F. F. (2000) Por que é tão difícil a Mudança Organizacional ?
  • 17. Wilfried Kruger Gestão de crenças e percepções Comportamento Aceitação Atitude Gestão de poder e políticas Cultura da Organização Promotores Oponentes Oponentes Ocultos Promotores Potenciais + - Gestão de problemas Qualidade PrazoCusto Por que é tão difícil a Mudança Organizacional ?
  • 18. Falta de entendimento de todos para a necessidade da mudança Falta comunicação entre as pessoas Falta colaboração Perda de poder e autonomia As pessoas se sentem controladas Dificuldade de abandonar o conhecimento, crenças e pressupostos Por que é tão difícil a Mudança Organizacional ?
  • 19. Por crença que a mudança é auto gerida e que não precisa de planejamento. Por falta de ações que garantam que o novo modelo esteja inserido no contexto da empresa. Por minimizar a importância da comunicação segmentada e adaptada aos públicos mapeados. Por postergar a informação de boas e más notícias, gerando o ambiente de falta de credibilidade e transparência. Por negligenciar a importância das pessoas e dos seus conhecimentos, como forma de garantir o ambiente empresarial engajado e participativo. Por não monitorar a receptividade e adesão ao modelo, compreensão das informações emitidas, as ações das lideranças frente à transformação desejada. Por que é tão difícil a Mudança Organizacional ?
  • 20. _Onde a Mudança realmente acontece. O papel do conhecimento na efetiva implantação da mudança. Treinar é suficiente? Beatriz Benezra da Beatriz Dehter KM Consultoria. beatriz_benezra@Hotmail.com
  • 21. _Onde a Mudança realmente acontece
  • 22. _Onde a Mudança realmente acontece
  • 23. _Onde a Mudança realmente acontece
  • 24. _Onde a Mudança realmente acontece
  • 25. _Onde a Mudança realmente acontece
  • 26. _Gestão da Mudança em Projetos. O desafio da aplicação e os fatores críticos para o sucesso da Gestão da Mudança na execução dos projetos. Ana Paula Michel – Especialista em projetos na Unicred do Brasil. paulamichel@gmail.com
  • 27. Identificação e Análise dos Stakeholders Visão Estratégia Percepção de Valor Comunicação Gestão de Riscos Engajamento dos Stakeholders Gestão Conhecimento _Gestão da Mudança em Projetos – O desafio da Aplicação PRÉ PROJETO PROJETO Construção contínua realizada junto aos principais interessados e impactados pela mudança
  • 28. _Liderando a Mudança. Como a Liderança define um ambiente que impulsiona o engajamento das pessoas e impacta no processo de mudança. Isabel Degrazia da RESOLUTION Inteligência Humana. isabel@resolution.com.br
  • 30. Liderança é a arte de mobilizar os outros para que estes queiram lutar por aspirações compartilhadas Kouzes e Posne O Desafio da Liderança Como aperfeiçoar sua capacidade de liderar _Liderando a Mudança.
  • 33. _Mudança em Pauta. _Motivando a Mudança. Crenças e propósitos individuais além da tecnologia. Carlos Giovani Rodrigues _Por que é tão difícil a Mudança Organizacional? Quais os fatores que dificultam os processos de mudanças organizacionais? Agostino Carletti _Onde a mudança realmente acontece. O papel do conhecimento na efetiva implementação da mudança. Treinar é suficiente? Beatriz Benezra _Gestão da Mudança em Projetos – o desafio da aplicação. Fatores críticos para o sucesso da gestão de mudanças na execução dos projetos. Ana Paula Michel _Liderando a Mudança Como a liderança define um ambiente que impulsiona o engajamento das pessoas e impacta no processo de mudança. Isabel Degrazia Silvia Somenzi
  • 34. Objetivos Promover um ambiente de troca de informações, obtenção de conhecimento, práticas e experiências sobre a Gestão da Mudança Organizacional em todos os níveis da organização. https://www.facebook.com/gugmo.sucesu.rs/ gugmo@sucesurs.org.br Contato

Notas do Editor

  1. Os Grupos de Usuários — ou GUs — são o grande destaque da atuação de SUCESU-RS. Os GUs têm como objetivo congregar usuários e demais interessados nas diversas tecnologias e metodologias tratadas através da troca de experiências e conhecimentos técnicos em encontros realizados periodicamente, além da divulgação de novos produtos.
  2. A iniciativa de aproximação em grupos de interesse é incentivada pela SUCESU-RS, tanto pela busca de integrantes para o grupo, como para suporte às suas atividades, e divulgação das mesmas.