SlideShare uma empresa Scribd logo
BIBLIOTECAS DE
ENSINO SUPERIOR
Resumo da atividade 2017
Reunião Geral do GT-BES
Lisboa – 26 de janeiro de 2018
Pedro Príncipe
1
GRUPO DE TRABALHO
26/01/2018 Pedro Príncipe 2
2017 = INOVAÇÃO & AMADURECIMENTO
OBJETIVOS ALCANÇADOS & NOVOS DESAFIOS ABRAÇADOS
O GRUPO
GT-BES
26/01/2018 Pedro Príncipe 3
GT-BES: EIXOS DE INTERVENÇÃO
Segue-se desde 2012 uma estrutura baseada em 3 eixos de intervenção.
Funcionam como os pilares da ação e organização dos projetos do GT:
26/01/2018 4
Intervenção política e
institucional
Transferência de saberes
Desenvolvimento e
Inovação das
comunidades BES
OBJETIVOS DO GT-BES
Fundamentam a ação do grupo os seguintes objetivos:
1. Potenciar formas de COOPERAÇÃO ENTRE PROFISSIONAIS e instituições das BES;
2. Gerar TRANSFERÊNCIA DE SABERES para um conhecimento mais aprofundado no
domínio das bibliotecas de ensino superior;
3. Promover projetos de DESENVOLVIMENTO TÉCNICO na comunidade;
4. Acompanhar de forma atenta e critica os PROJETOS RELEVANTES no campo da ciência
e ensino;
5. Melhorar o contributo das bibliotecas de ensino superior e a sua RELEVÂNCIA SOCIAL;
6. Procurar novas oportunidades e projetos inovadores de INTERVENÇÃO PÚBLICA.
26/01/2018 5
GT-BES: ADESÃO E CONSTITUIÇÃO
Participação aberta, flexível… plural 
30 participantes no grupo:
 40 já tiveram alguma participação ativa,
 20 a 25 são frequentes participantes.
 Desde dezembro de 2011 já se inscreveram participaram 60
 10-15 nunca chegaram a participar,
 5 novos inscritos no último semestre.
Inscrição aberta a todos os associados, mas também a todos os profissionais
das Bibliotecas de Ensino Superior e investigação (formulário site da BAD)
26/01/2018 6
REUNIÕES E ORGANIZAÇÃO
Reuniões realizadas em 2017:
Reunião presencial – 20 de janeiro (Lisboa)
Reuniões online – 10 (mensalmente – última 5ªfeira de cada mês)
Em 2016: 8 reuniões online, 2 reuniões presenciais.
Em 2015 fizemos uma reunião aberta no 12º Congresso BAD
Ferramentas & recursos de apoio:
- Partilha de documentos via dropbox (mudar para Google DRIVE)
- Reuniões online via hangouts/zoom.
- Comunicação email via mailing list da BAD.
26/01/2018 7
ORGANIZAÇÃO: SUB-GRUPOS
Todos os elementos do grupo participam nas atividades, mas existem sub-grupos
que operacionalizam determinadas iniciativas – foi assim em 2017:
 Programa de mobilidade:
 Ana Alves Pereira, Maria Antónia Correia, Pedro Principe, Susana Lopes…
 Diretório:
 André Vieira, Cátia Carvalho, Elvira Costa, Madalena Carvalho, Paula Saraiva, Pedro Principe (no
arranque também Tatiana Sanches, Teresa Costa).
Atividades de formação (webinars e seminários):
 Antónia Correia, Diana Silva, Tatiana Sanches…
Indicadores Estatísticos:
 Luisa Baptista, Maria João Amante, Maria João Pinto, Pedro Principe, Susana Lopes + Pedro Estácio,
Manuel Moreno (org. do workshop) + Margarida Vargues; Margarida Carvalho… ?... (para o grupo de
arranque do piloto)…
 Estudo prospetivo do Catálogo Coletivo (FCCN – GT-BES)
Thiago Cunha, Pedro Principe, Teresa Costa, Natacha Mesquita.
26/01/2018 8
AS ATIVIDADES
2017
10/8/2016 Pedro Príncipe 9
O MOMENTO DO ANO!
1º WORKSHOP DAS BES
• Realizou-se no dia 30 de março de 2017, NA
Faculdade de Letras da Univ. de Lisboa.
• TEMA: “Indicadores estatísticos para as Bibliotecas de Ensino
Superior em Portugal: avaliação, prospetiva e planeamento”.
•
26/01/2018 Pedro Príncipe 10
O MOMENTO DO ANO! 1º WORKSHOP DAS BES
ORADORES CONVIDADOS
CAROL TENOPIR RAMÓN ABAD HIRALDO
10/8/2016 Pedro Príncipe 11
Slides
https://drive.google.com/open?id=0BylH9UFdHl4
wY1pXMW1sSGdRcEE
Slides
https://drive.google.com/open?id=0BylH9UFdHl4
wY1pXMW1sSGdRcEE
O MOMENTO DO ANO!
1º WORKSHOP DAS BES
Conclusões e considerações finais
 Considera-se pertinente a criação de indicadores estatísticos de aplicação transversal e de âmbito
nacional.
 Destaca-se o potencial prospetivo dos indicadores e ainda para suporte à decisão e formulação de
políticas.
 Identificaram-se um conjunto de indicadores com necessidade de adaptação à realidade nacional e
outros já relativamente datados, pelo que deve proceder-se a algumas retificações e refletir sobre o
nível de detalhe de alguns dos indicadores.
 Assume-se que os indicadores puramente quantitativos não são suficientes, pelo que devem
desenvolver-se iniciativas que capitalizem trabalho de avaliação qualitativa e desempenho já
realizado em BES portuguesas.
 Perspetivam-se iniciativas de âmbito nacional credíveis que procurem desenvolver mais a
componente qualitativa.
 Assume-se para o futuro a objetivo de desenvolver atividades de colaboração com a REBIUN
perspetivando a dinamização de um projeto piloto que aplique os indicadores no contexto nacional.
26/01/2018 Pedro Príncipe 12
O MOMENTO DO ANO!
1º WORKSHOP DAS BES
No encerramento do workshop o GT-BES assumiu os seguintes compromissos:
 Elaborar e publicar o relatório deste 1º Workshop.
 Manter os participantes deste workshop devidamente informados sobre as
próximas iniciativas do grupo neste âmbito.
 Desenvolver com os contributos recolhidos no workshop a 1ª versão dos
indicadores para aplicação de um projeto-piloto em algumas BES.
 Trabalhar no desenvolvimento de indicadores que apontem na medição do Valor
das bibliotecas para as nossas comunidades científicas e académicas.
26/01/2018 Pedro Príncipe 13
TEMOS RELATÓRIO
26/01/2018 14
https://doi.org/10.5281/zenodo.1041007
26/01/2018 Pedro Príncipe 15
Tivemos o
reforço da
divulgação!
Artigos e
apresentações
internacionais.
Disponibilizado
na coleção do
Zenodo e com
DOI
https://doi.org/10.5281/zenodo.835758
CONSEGUIMOS REALIZAR 4 WEBINARS!
OS ÚNICOS NO PROGRAMA DA FORMAÇÃO DA BAD
26/01/2018 16
PROJETO CONSOLIDADO!
PROGRAMA DE MOBILIDADE
Promover a colaboração e o conhecimento das BES, entre os
profissionais da área, através da realização de visitas de
trabalho de curta duração, para troca de experiências e o
contacto in loco e hands on com boas práticas, dos quais
poderão igualmente resultar parcerias e projetos em rede.
17
2014: 13 programas em 7 instituições
2015: 17 programas em 10 instituições
2016: 19 programas em 16 instituições
2017: 21 programas em 18 instituições
26/01/2018 Pedro Príncipe 18
htt//www.apbad.pt/Seccoes/gtbes_programamobilidade.htm
2017
19
 Nº de programas propostos - 21
 Programas realizados 15 (cancelados 6)
 Inscritos – 79
 Participantes – 57
DIRETÓRIO DAS BES
FORCING FINAL E CONSEGUIMOS!
172 bibliotecas registadas (Dez. 2017)
26/01/2018 20
OUTRAS INICIATIVAS E ATIVIDADES DE REPRESENTAÇÃO
Estudo Prospetivo Catálogo das BES
FCCN + GT-BES
Em fase de redação e recolha de dados
final.
Para concluir em Fevereiro/Março.
Representação:
 Grupo de definição da estratégia
para o Plano Nacional de Leitura
(Ciência e Ensino Superior).
 Grupo de redação da proposta
para criação da Rede de Biblioteca
de Ensono Superior
26/01/2018 21
COMUNIDADE NO REPOSITÓRIO ZENODO
10/8/2016 Pedro Príncipe 22
Todas as publicações e relatórios:
https://zenodo.org/communities/bad-gt-bes/
ALGUMAS LIGAÇÕES ÚTEIS
 Comunidade no Zenodo (publicações e relatórios com DOI)
 https://zenodo.org/communities/bad-gt-bes/
 Recomendações das BES para Portugal
 http://www.bad.pt/noticia/2015/12/31/recomendacoes-para-as-bibliotecas-de-ensino-superior-em-portugal-2016/
 NOVO https://doi.org/10.5281/zenodo.835758
 Diretório BAD – http://www.bad.pt/diretorio
 Programa de mobilidade "a minha biblioteca é a tua biblioteca“
 http://apbad.pt/Seccoes/gtbes_programamobilidade.htm
Pedro Príncipe 23
https://doi.org/10.5281/zenodo.835758

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Grupo de Trabalho das Bibliotecas de Ensino Superior da BAD - resumo da atividade 2017

Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...
Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...
Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...
Pedro Príncipe
 
Apresentação - Planejamento Estratégico
Apresentação - Planejamento EstratégicoApresentação - Planejamento Estratégico
Apresentação - Planejamento Estratégico
marcoadetec
 
1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais
1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais
1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais
Pedro Príncipe
 
Jornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte II
Jornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte IIJornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte II
Jornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte II
João Mendes Moreira
 
Subsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distrito
Subsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distritoSubsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distrito
Subsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distrito
Rotary International
 
Apresentação Proposta GUGP
Apresentação Proposta GUGPApresentação Proposta GUGP
Apresentação Proposta GUGP
Luiz Henrique Rauber Rodrigues
 
Gestão de projetos módulo 1
Gestão de projetos   módulo 1Gestão de projetos   módulo 1
Gestão de projetos módulo 1
Jefferson Heraclito
 
Gestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCC
Gestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCCGestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCC
Gestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCC
Alessandro Almeida
 
Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014
Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014
Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014
Universidade-Federal-Fluminense
 
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientaisManual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Fernanda Carneiro Leão Goncalves
 
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientaisManual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
GAVOLUNTARIA
 
Apresentação do Cidades na Câmara de Extensão do Ifes
Apresentação do Cidades na Câmara de Extensão do IfesApresentação do Cidades na Câmara de Extensão do Ifes
Apresentação do Cidades na Câmara de Extensão do Ifes
Hugo Cristo
 
Balanced scorecard
Balanced scorecardBalanced scorecard
Balanced scorecard
IDIS
 
Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...
Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...
Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...
Rodrigo Alvarez
 
Relatorio semestral 2010-2011
Relatorio semestral 2010-2011Relatorio semestral 2010-2011
Relatorio semestral 2010-2011
luke9999
 
Resultados do Programa DI 2012/13
Resultados do Programa DI 2012/13Resultados do Programa DI 2012/13
Resultados do Programa DI 2012/13
ICom - Instituto Comunitário Grande Florianópolis
 
Censo: Redes de Conhecimento
Censo: Redes de ConhecimentoCenso: Redes de Conhecimento
Censo: Redes de Conhecimento
Simposio Internacional Network Science
 
Newsletter março - 2018
Newsletter março - 2018Newsletter março - 2018
Newsletter março - 2018
Felipe Pontes
 
Apresentacao-Plano-ODS-final.pdf
Apresentacao-Plano-ODS-final.pdfApresentacao-Plano-ODS-final.pdf
Apresentacao-Plano-ODS-final.pdf
AdrianaNunesAlecrin
 
10 instituições que fornecem cursos gratuitos!
10 instituições que fornecem cursos gratuitos!10 instituições que fornecem cursos gratuitos!
10 instituições que fornecem cursos gratuitos!
Tamires da Silva
 

Semelhante a Grupo de Trabalho das Bibliotecas de Ensino Superior da BAD - resumo da atividade 2017 (20)

Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...
Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...
Cooperação e Redes de Bibliotecas - Apresentação do Grupo de Trabalho das Bib...
 
Apresentação - Planejamento Estratégico
Apresentação - Planejamento EstratégicoApresentação - Planejamento Estratégico
Apresentação - Planejamento Estratégico
 
1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais
1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais
1º Workshop das Bibliotecas de Ensino Superior: considerações finais
 
Jornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte II
Jornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte IIJornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte II
Jornadas FCCN 2015: RCAAP: Parte II
 
Subsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distrito
Subsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distritoSubsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distrito
Subsídios globais: dicas para desenvolver seu projeto e mobilizar seu distrito
 
Apresentação Proposta GUGP
Apresentação Proposta GUGPApresentação Proposta GUGP
Apresentação Proposta GUGP
 
Gestão de projetos módulo 1
Gestão de projetos   módulo 1Gestão de projetos   módulo 1
Gestão de projetos módulo 1
 
Gestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCC
Gestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCCGestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCC
Gestão da Tecnologia da Informação (04/03/2014): Status Report do TCC
 
Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014
Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014
Encontro de Gestores - Set/2013 PROEX - Metas 2014
 
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientaisManual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
 
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientaisManual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
Manual para elaboracao_administracao_e_avaliacao_de_projetos_socioambientais
 
Apresentação do Cidades na Câmara de Extensão do Ifes
Apresentação do Cidades na Câmara de Extensão do IfesApresentação do Cidades na Câmara de Extensão do Ifes
Apresentação do Cidades na Câmara de Extensão do Ifes
 
Balanced scorecard
Balanced scorecardBalanced scorecard
Balanced scorecard
 
Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...
Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...
Balanced scorecard como ferramenta de planejamento para Organizações da Socie...
 
Relatorio semestral 2010-2011
Relatorio semestral 2010-2011Relatorio semestral 2010-2011
Relatorio semestral 2010-2011
 
Resultados do Programa DI 2012/13
Resultados do Programa DI 2012/13Resultados do Programa DI 2012/13
Resultados do Programa DI 2012/13
 
Censo: Redes de Conhecimento
Censo: Redes de ConhecimentoCenso: Redes de Conhecimento
Censo: Redes de Conhecimento
 
Newsletter março - 2018
Newsletter março - 2018Newsletter março - 2018
Newsletter março - 2018
 
Apresentacao-Plano-ODS-final.pdf
Apresentacao-Plano-ODS-final.pdfApresentacao-Plano-ODS-final.pdf
Apresentacao-Plano-ODS-final.pdf
 
10 instituições que fornecem cursos gratuitos!
10 instituições que fornecem cursos gratuitos!10 instituições que fornecem cursos gratuitos!
10 instituições que fornecem cursos gratuitos!
 

Grupo de Trabalho das Bibliotecas de Ensino Superior da BAD - resumo da atividade 2017

  • 1. BIBLIOTECAS DE ENSINO SUPERIOR Resumo da atividade 2017 Reunião Geral do GT-BES Lisboa – 26 de janeiro de 2018 Pedro Príncipe 1 GRUPO DE TRABALHO
  • 2. 26/01/2018 Pedro Príncipe 2 2017 = INOVAÇÃO & AMADURECIMENTO OBJETIVOS ALCANÇADOS & NOVOS DESAFIOS ABRAÇADOS
  • 4. GT-BES: EIXOS DE INTERVENÇÃO Segue-se desde 2012 uma estrutura baseada em 3 eixos de intervenção. Funcionam como os pilares da ação e organização dos projetos do GT: 26/01/2018 4 Intervenção política e institucional Transferência de saberes Desenvolvimento e Inovação das comunidades BES
  • 5. OBJETIVOS DO GT-BES Fundamentam a ação do grupo os seguintes objetivos: 1. Potenciar formas de COOPERAÇÃO ENTRE PROFISSIONAIS e instituições das BES; 2. Gerar TRANSFERÊNCIA DE SABERES para um conhecimento mais aprofundado no domínio das bibliotecas de ensino superior; 3. Promover projetos de DESENVOLVIMENTO TÉCNICO na comunidade; 4. Acompanhar de forma atenta e critica os PROJETOS RELEVANTES no campo da ciência e ensino; 5. Melhorar o contributo das bibliotecas de ensino superior e a sua RELEVÂNCIA SOCIAL; 6. Procurar novas oportunidades e projetos inovadores de INTERVENÇÃO PÚBLICA. 26/01/2018 5
  • 6. GT-BES: ADESÃO E CONSTITUIÇÃO Participação aberta, flexível… plural  30 participantes no grupo:  40 já tiveram alguma participação ativa,  20 a 25 são frequentes participantes.  Desde dezembro de 2011 já se inscreveram participaram 60  10-15 nunca chegaram a participar,  5 novos inscritos no último semestre. Inscrição aberta a todos os associados, mas também a todos os profissionais das Bibliotecas de Ensino Superior e investigação (formulário site da BAD) 26/01/2018 6
  • 7. REUNIÕES E ORGANIZAÇÃO Reuniões realizadas em 2017: Reunião presencial – 20 de janeiro (Lisboa) Reuniões online – 10 (mensalmente – última 5ªfeira de cada mês) Em 2016: 8 reuniões online, 2 reuniões presenciais. Em 2015 fizemos uma reunião aberta no 12º Congresso BAD Ferramentas & recursos de apoio: - Partilha de documentos via dropbox (mudar para Google DRIVE) - Reuniões online via hangouts/zoom. - Comunicação email via mailing list da BAD. 26/01/2018 7
  • 8. ORGANIZAÇÃO: SUB-GRUPOS Todos os elementos do grupo participam nas atividades, mas existem sub-grupos que operacionalizam determinadas iniciativas – foi assim em 2017:  Programa de mobilidade:  Ana Alves Pereira, Maria Antónia Correia, Pedro Principe, Susana Lopes…  Diretório:  André Vieira, Cátia Carvalho, Elvira Costa, Madalena Carvalho, Paula Saraiva, Pedro Principe (no arranque também Tatiana Sanches, Teresa Costa). Atividades de formação (webinars e seminários):  Antónia Correia, Diana Silva, Tatiana Sanches… Indicadores Estatísticos:  Luisa Baptista, Maria João Amante, Maria João Pinto, Pedro Principe, Susana Lopes + Pedro Estácio, Manuel Moreno (org. do workshop) + Margarida Vargues; Margarida Carvalho… ?... (para o grupo de arranque do piloto)…  Estudo prospetivo do Catálogo Coletivo (FCCN – GT-BES) Thiago Cunha, Pedro Principe, Teresa Costa, Natacha Mesquita. 26/01/2018 8
  • 10. O MOMENTO DO ANO! 1º WORKSHOP DAS BES • Realizou-se no dia 30 de março de 2017, NA Faculdade de Letras da Univ. de Lisboa. • TEMA: “Indicadores estatísticos para as Bibliotecas de Ensino Superior em Portugal: avaliação, prospetiva e planeamento”. • 26/01/2018 Pedro Príncipe 10
  • 11. O MOMENTO DO ANO! 1º WORKSHOP DAS BES ORADORES CONVIDADOS CAROL TENOPIR RAMÓN ABAD HIRALDO 10/8/2016 Pedro Príncipe 11 Slides https://drive.google.com/open?id=0BylH9UFdHl4 wY1pXMW1sSGdRcEE Slides https://drive.google.com/open?id=0BylH9UFdHl4 wY1pXMW1sSGdRcEE
  • 12. O MOMENTO DO ANO! 1º WORKSHOP DAS BES Conclusões e considerações finais  Considera-se pertinente a criação de indicadores estatísticos de aplicação transversal e de âmbito nacional.  Destaca-se o potencial prospetivo dos indicadores e ainda para suporte à decisão e formulação de políticas.  Identificaram-se um conjunto de indicadores com necessidade de adaptação à realidade nacional e outros já relativamente datados, pelo que deve proceder-se a algumas retificações e refletir sobre o nível de detalhe de alguns dos indicadores.  Assume-se que os indicadores puramente quantitativos não são suficientes, pelo que devem desenvolver-se iniciativas que capitalizem trabalho de avaliação qualitativa e desempenho já realizado em BES portuguesas.  Perspetivam-se iniciativas de âmbito nacional credíveis que procurem desenvolver mais a componente qualitativa.  Assume-se para o futuro a objetivo de desenvolver atividades de colaboração com a REBIUN perspetivando a dinamização de um projeto piloto que aplique os indicadores no contexto nacional. 26/01/2018 Pedro Príncipe 12
  • 13. O MOMENTO DO ANO! 1º WORKSHOP DAS BES No encerramento do workshop o GT-BES assumiu os seguintes compromissos:  Elaborar e publicar o relatório deste 1º Workshop.  Manter os participantes deste workshop devidamente informados sobre as próximas iniciativas do grupo neste âmbito.  Desenvolver com os contributos recolhidos no workshop a 1ª versão dos indicadores para aplicação de um projeto-piloto em algumas BES.  Trabalhar no desenvolvimento de indicadores que apontem na medição do Valor das bibliotecas para as nossas comunidades científicas e académicas. 26/01/2018 Pedro Príncipe 13
  • 15. 26/01/2018 Pedro Príncipe 15 Tivemos o reforço da divulgação! Artigos e apresentações internacionais. Disponibilizado na coleção do Zenodo e com DOI https://doi.org/10.5281/zenodo.835758
  • 16. CONSEGUIMOS REALIZAR 4 WEBINARS! OS ÚNICOS NO PROGRAMA DA FORMAÇÃO DA BAD 26/01/2018 16
  • 17. PROJETO CONSOLIDADO! PROGRAMA DE MOBILIDADE Promover a colaboração e o conhecimento das BES, entre os profissionais da área, através da realização de visitas de trabalho de curta duração, para troca de experiências e o contacto in loco e hands on com boas práticas, dos quais poderão igualmente resultar parcerias e projetos em rede. 17
  • 18. 2014: 13 programas em 7 instituições 2015: 17 programas em 10 instituições 2016: 19 programas em 16 instituições 2017: 21 programas em 18 instituições 26/01/2018 Pedro Príncipe 18
  • 19. htt//www.apbad.pt/Seccoes/gtbes_programamobilidade.htm 2017 19  Nº de programas propostos - 21  Programas realizados 15 (cancelados 6)  Inscritos – 79  Participantes – 57
  • 20. DIRETÓRIO DAS BES FORCING FINAL E CONSEGUIMOS! 172 bibliotecas registadas (Dez. 2017) 26/01/2018 20
  • 21. OUTRAS INICIATIVAS E ATIVIDADES DE REPRESENTAÇÃO Estudo Prospetivo Catálogo das BES FCCN + GT-BES Em fase de redação e recolha de dados final. Para concluir em Fevereiro/Março. Representação:  Grupo de definição da estratégia para o Plano Nacional de Leitura (Ciência e Ensino Superior).  Grupo de redação da proposta para criação da Rede de Biblioteca de Ensono Superior 26/01/2018 21
  • 22. COMUNIDADE NO REPOSITÓRIO ZENODO 10/8/2016 Pedro Príncipe 22 Todas as publicações e relatórios: https://zenodo.org/communities/bad-gt-bes/
  • 23. ALGUMAS LIGAÇÕES ÚTEIS  Comunidade no Zenodo (publicações e relatórios com DOI)  https://zenodo.org/communities/bad-gt-bes/  Recomendações das BES para Portugal  http://www.bad.pt/noticia/2015/12/31/recomendacoes-para-as-bibliotecas-de-ensino-superior-em-portugal-2016/  NOVO https://doi.org/10.5281/zenodo.835758  Diretório BAD – http://www.bad.pt/diretorio  Programa de mobilidade "a minha biblioteca é a tua biblioteca“  http://apbad.pt/Seccoes/gtbes_programamobilidade.htm Pedro Príncipe 23 https://doi.org/10.5281/zenodo.835758