SlideShare uma empresa Scribd logo
GLP ou GPT?
A revolução
Ozempic
A criação
Ozempic conquistou o mundo graças à forma como pode ajudar as pessoas a perder peso, mas também pode
signi
fi
car muito mais para a economia.
Há um século, August Krogh, um
fi
siologista dinamarquês que acabara de ganhar o Prémio Nobel, embarcou
numa viagem pelos Estados Unidos e Canada para compreender os estudos e experiências sobre o “extrato
de pâncreas”, que parecia transferir o açúcar da corrente sanguínea para os músculos e outros órgãos.
Krogh voltou para a Dinamarca com permissão para vender o produto. Ele e alguns colegas fundaram o
Nordisk Insulinlaboratorium e, na primavera de 1923, injetaram em seus primeiros pacientes uma droga
milagrosa: a insulina.
Em 1989, A Novo e a Nordisk se fundiram para explorar outros possíveis remédios para o diabetes, incluindo
um hormônio natural, o GLP-1, que parecia exercer um excelente controle sobre o açúcar no sangue.
Acabaria por constituir a base de um dos medicamentos mais lucrativos do mundo que salva vidas não só
para pessoas com obesidade, mas também para aquelas com doenças cardiovasculares – a principal causa
de morte nos EUA.
Em 2010, lançaram uma injeção diária que imitam os hormônios intestinais naturais – de GLP-1 a Ozempic.
Em breve, milhões de pessoas poderão acordar, escovar os dentes e tomar um remedio GLP-1 na fronteira
chamada “A busca da juventude."
O Impacto Econômico
A Novo Nordisk é agora a empresa cotada mais valiosa da Europa, é responsável por essencialmente todo o
crescimento económico recente da Dinamarca.
Em 2023 e 2024, a procura ultrapassou completamente a capacidade de fabricação da Novo Nordisk.
Algumas das novas fábricas só serão inauguradas em 2029.
Supostas canetas Ozempic falsas se espalharam pela Europa e causaram a hospitalização de várias pessoas
na Áustria;
Enormes danos colaterais na indústria de bebidas e alimentos,
as ações das empresas de cerveja, snacks e fast-food caíram, em antecipação à mudança nos hábitos de
consumo de dezenas de milhões de americanos.
Passageiros mais leves pouparão milhões às companhias aéreas em custos de combustível
Fabricantes de dispositivos médicos estão a esforçar-se para garantir aos investidores que as pessoas ainda
precisarão de monitores de glicose e próteses de joelho.
O Walmart, que vende Ozempic e outros medicamentos GLP-1, descobriu que os clientes que compram esses
medicamentos gastam menos com alimentação ano após ano, mas mais com estilo de vida e boa forma. As
pessoas não estão gastando menos. Eles estão apenas comprando produtos diferentes.
Uma pesquisa realizada pela Morgan Stanley com 300 pessoas que usavam medicamentos GLP-1 para perda
de peso descobriu que 77% dos entrevistados relataram visitar restaurantes fast-food “com menos
frequência”, enquanto 61% disseram o mesmo sobre restaurantes casuais e cafeterias.
Ozempic Mania
As pessoas usaram as drogas para entrar em forma para o casamento e recorreram a cartões de crédito
ou a um segundo emprego para pagá-las;
No Oscar, Jimmy Kimmel re
fl
etiu: “Quando olho para esta sala, não posso deixar de me perguntar:
Ozempic é certo para mim?”
Estudos clínicos
O GLP-1 produz todos os tipos de efeitos em cascata, Os estudos clínicos continuam a revelar surpresas:
O corpo humano possui receptores não apenas no intestino, mas também no fígado, nos músculos e no
cérebro.
Uma pessoa de noventa quilos pode facilmente perder quinze quilos com a medicação em seis meses.
Pessoas que lutaram para perder peso desde a infância de repente conseguiram.
Reduz a incidência de ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais, retardar a progressão da
doença renal e diminuir os perigosos depósitos de gordura no fígado.
As pessoas que os tomam relataram diminuição do desejo por álcool e tabaco; alguns relataram sentir-se
menos compelidos a jogar, cutucar a pele compulsivamente e se envolver em outros comportamentos
viciantes.
O FDA aprovou o uso desta classe de medicamento para reduzir o risco de ataque cardíaco, acidente
vascular cerebral e morte em adultos com sobrepeso e doenças cardiovasculares.
Para um grupo pequeno, causam náusea, prisão de ventre, diarréia e outros sintomas gastrointestinais.
Um homem de cinquenta e poucos anos a
fi
rmou que tem experimentado esses efeitos colaterais
persistentemente desde que começou o Ozempic, há seis meses.
Ele disse que convive com essa compensação na esperança de evitar a obesidade na velhice, quando ela
é mais prejudicial. “Aceitei que os efeitos colaterais são como os medicamentos funcionam”, disse ele. “É
o preço que você paga para adquirir a capacidade de não comer demais.”
E as concorrentes estão chegando Wegovy, Zepbound, Mounjaro, Zepbound, Saxenda …
A guerra contra a obesidade
A obesidade existe de alguma forma desde a antiguidade. As chamadas estatuetas de Vênus, que datam
de dezenas de milhares de anos, retratam mulheres com quadris e barrigas largas que, em tempos de
escassez de alimentos, poderiam signi
fi
car riqueza e bem-estar.
De acordo com um estudo, entre 1922 e 1999, período em que muitos americanos ganharam peso, o peso
médio de uma vencedora de concurso de beleza diminuiu 12%. Um ideal de beleza irrealista e muitas
vezes prejudicial estava a consolidar-se, mesmo quando os empregos sedentários, a publicidade
direccionada e os alimentos ultraprocessados
 ​​
o tornavam menos alcançável.
A obesidade foi medicalizada devido às suas ligações com diabetes, hipertensão e azia; artrite, derrames e
doenças cardíacas; cirrose, apneia do sono e insu
fi
ciência renal; depressão, infertilidade e câncer.
Mesmo assim, a percentagem da população com excesso de peso tem aumentado praticamente todos os
anos desde a década de setenta.
Globalmente, há duas vezes mais pessoas com excesso de peso do que havia humanos no planeta há um
século atrás.
A obesidade é um problema que a nossa sociedade de alta tecnologia inventou; agora estamos
descobrindo se a tecnologia também pode ser a solução.
A industria de cuidados pessoais
O entusiasmo em torno dos medicamentos para a obesidade centrou-se no futuro, os novos
medicamentos para perda de peso irão remodelar a sociedade quase tão profundamente como o
fi
zeram
os alimentos processados, levando a uma saúde melhor, a um humor elevado, a mais sexo, a uma
criatividade mais profunda e até a uma reorientação dos impulsos capitalistas que fabricou nossa epidemia
de obesidade.
“Todo mundo quer ser aquela pessoa que vê no TikTok ou no Instagram que perdeu cinquenta quilos …
Algumas pessoas enfrentarão os efeitos colaterais e outras terão di
fi
culdade para pagar por eles. Mas,
para muitos milhões de pessoas, o nosso mundo pós-Ozempic será melhor do que aquele em que
vivíamos antes. Pela primeira vez em anos, estou lendo um novo roteiro. Este tem um
fi
nal mais
esperançoso.” A
fi
rmou Fatima Cody Stanford, médica especialista em obesidade do Massachusetts
General Hospital.
Fontes:
Duke University , Stanford University, New Nordisk, Business Insider, CNBC, The Atlantic, TrendWatching,
State News e New Yorker
Links
https://globalhealth.duke.edu/news/sarah-armstrong-big-shot-ozempic-revolution
https://www.businessinsider.com/category/ozempic
https://www.cnbc.com/big-shot-the-ozempic-revolution/
https://www.theatlantic.com/health/archive/2024/03/ozempic-revolution-stuck/677736/
https://www.newyorker.com/culture/2023-in-review/the-year-of-ozempic
https://www.statnews.com/category/the-obesity-revolution/
Material de apoio
Ozempic é a marca registrada da semaglutida, um medicamento para diabetes que também tem efeitos na
perda de peso. Os pacientes injetam semanalmente e reduz o apetite. A semaglutida também é vendida
para perda de peso sob a marca Wegovy.6
A Columbia Threadneedle Investments informou que a indústria de medicamentos para perda de peso
poderia tornar-se um mercado anual de 1,7 biliões de dólares se 100 milhões de americanos tomassem
GLP-1 ao seu preço actual.
Para efeito de comparação, a indústria de medicamentos para o controle da dor – que inclui
antidepressivos, opioides, paracetamol e ibuprofeno – valia US$ 72,3 bilhões em 2022.
os trabalhadores poderiam ser mais produtivos porque vivem vidas mais longas, mais saudáveis
 ​​
e mais
felizes.
enormes ganhos em termos de felicidade pessoal: bem mais de cem milhões de americanos que lutaram
durante toda a vida para controlar o peso,
fi
nalmente conseguirão isso, e de uma forma que não envolva
muito esforço mental ou sacrifício percebido.”
Isto poderia aumentar a auto-estima das pessoas, a
fi
rma Barro, e poderia permitir que as pessoas
redireccionassem energia e recursos da dieta para outras actividades, bem como alterassem o seu
consumo. Além disso, a produtividade dos funcionários poderá aumentar à medida que os americanos
virem os benefícios a longo prazo da perda de peso e permanecerem no mercado de trabalho por mais
tempo.
Enquanto isso, os GLP-1 poderiam ajudar indiretamente outras empresas, como as companhias aéreas.
Um analista da Je
ff
eries Financial usou dados da United Airlines e calculou que a empresa poderia
economizar 27,6 milhões de galões de combustível por ano, a um custo de US$ 80 milhões, se o
passageiro médio pesasse 10 quilos a menos.
O aumento da saúde e da longevidade poderia colocar mais dinheiro no bolso das pessoas através de
coisas como custos mais baixos de saúde, prémios de seguro, compras e menos idas a restaurantes,
além de potencialmente ganharem mais ao longo da vida ao permanecerem no mercado de trabalho por
mais tempo.
Muito obrigao
GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico

Informe Chega de Diabetes
Informe Chega de DiabetesInforme Chega de Diabetes
Informe Chega de Diabetes
m4rc10siqueira
 
Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...
Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...
Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...
Conrado Alvarenga
 
Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir; dr. caio jr., joão...
Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir;  dr. caio jr., joão...Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir;  dr. caio jr., joão...
Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir; dr. caio jr., joão...
Van Der Häägen Brazil
 
Obesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento Multidisciplinar
Obesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento MultidisciplinarObesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento Multidisciplinar
Obesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento Multidisciplinar
Van Der Häägen Brazil
 
Obesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinar
Obesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinarObesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinar
Obesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinar
Van Der Häägen Brazil
 
PESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADE
PESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADEPESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADE
PESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADE
Van Der Häägen Brazil
 
461 an 05_fevereiro_2014.ok
461 an 05_fevereiro_2014.ok461 an 05_fevereiro_2014.ok
461 an 05_fevereiro_2014.ok
Roberto Rabat Chame
 
1ª série reda cem - 10.3
1ª série   reda cem -  10.31ª série   reda cem -  10.3
1ª série reda cem - 10.3
MatheusMesquitaMelo
 
1ª série reda cem - 10.3
1ª série   reda cem -  10.31ª série   reda cem -  10.3
1ª série reda cem - 10.3
MatheusMesquitaMelo
 
Como aumentar minha vida útil?
Como aumentar minha vida útil?Como aumentar minha vida útil?
Como aumentar minha vida útil?
Tookmed
 
Efeitos da Obesidade
Efeitos da ObesidadeEfeitos da Obesidade
Efeitos da Obesidade
Van Der Häägen Brazil
 
EMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTE
EMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTEEMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTE
EMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTE
Marciano R. Santos
 
Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...
Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...
Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...
Van Der Häägen Brazil
 
Sindrome metabólica
Sindrome metabólicaSindrome metabólica
Sindrome metabólica
luiz carlos henrique
 
OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!
OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!
OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!
Van Der Häägen Brazil
 
Diabetes Mellitus
Diabetes MellitusDiabetes Mellitus
Diabetes Mellitus
Van Der Häägen Brazil
 
Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...
Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...
Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...
Van Der Häägen Brazil
 
Obesidade
ObesidadeObesidade
Mitos alimentares
Mitos alimentaresMitos alimentares
Mitos alimentares
Teresa Castilho
 
10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS
10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS
10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS
ControledaDiabetesBr
 

Semelhante a GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico (20)

Informe Chega de Diabetes
Informe Chega de DiabetesInforme Chega de Diabetes
Informe Chega de Diabetes
 
Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...
Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...
Revista da ABESO 2016 - Obesidade e Infertilidade - Evidências clinicas - Dr ...
 
Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir; dr. caio jr., joão...
Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir;  dr. caio jr., joão...Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir;  dr. caio jr., joão...
Preciso perder alguns kg. qual a melhor conduta a seguir; dr. caio jr., joão...
 
Obesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento Multidisciplinar
Obesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento MultidisciplinarObesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento Multidisciplinar
Obesidade é uma Doença Multifatorial e exige Tratamento Multidisciplinar
 
Obesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinar
Obesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinarObesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinar
Obesidade é uma doença multifatorial e exige tratamento multidisciplinar
 
PESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADE
PESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADEPESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADE
PESO DESEQUILIBRADO; SOBREPESO, OBESIDADE
 
461 an 05_fevereiro_2014.ok
461 an 05_fevereiro_2014.ok461 an 05_fevereiro_2014.ok
461 an 05_fevereiro_2014.ok
 
1ª série reda cem - 10.3
1ª série   reda cem -  10.31ª série   reda cem -  10.3
1ª série reda cem - 10.3
 
1ª série reda cem - 10.3
1ª série   reda cem -  10.31ª série   reda cem -  10.3
1ª série reda cem - 10.3
 
Como aumentar minha vida útil?
Como aumentar minha vida útil?Como aumentar minha vida útil?
Como aumentar minha vida útil?
 
Efeitos da Obesidade
Efeitos da ObesidadeEfeitos da Obesidade
Efeitos da Obesidade
 
EMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTE
EMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTEEMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTE
EMAGRECER | O CAMINHO MAIS SIMPLES E EFICIENTE
 
Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...
Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...
Obesidade abdominal é considerada um órgão facilitador de doenças graves e de...
 
Sindrome metabólica
Sindrome metabólicaSindrome metabólica
Sindrome metabólica
 
OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!
OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!
OBESIDADE INTRA ABDOMINAL VISCERAL; PODE MATAR!!!
 
Diabetes Mellitus
Diabetes MellitusDiabetes Mellitus
Diabetes Mellitus
 
Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...
Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...
Aqui veremos o que é obesidade, quais os tipos que existem e suas consequênci...
 
Obesidade
ObesidadeObesidade
Obesidade
 
Mitos alimentares
Mitos alimentaresMitos alimentares
Mitos alimentares
 
10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS
10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS
10 SUPERALIMENTOS PARA DIABÉTICOS
 

Mais de Gil Giardelli

Case Disney Prof. gil giardelli
Case Disney Prof. gil giardelli Case Disney Prof. gil giardelli
Case Disney Prof. gil giardelli
Gil Giardelli
 
10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil
10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil
10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil
Gil Giardelli
 
Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"
Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"
Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"
Gil Giardelli
 
E-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelli
E-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelliE-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelli
E-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelli
Gil Giardelli
 
Bem-vindos a era do big data por gil giardelli
Bem-vindos a era do big data por gil giardelliBem-vindos a era do big data por gil giardelli
Bem-vindos a era do big data por gil giardelli
Gil Giardelli
 
O Futuro do Mobile no Brasil
O Futuro do Mobile no BrasilO Futuro do Mobile no Brasil
O Futuro do Mobile no Brasil
Gil Giardelli
 
Muito além do Facebook e Twitter
Muito além do Facebook e TwitterMuito além do Facebook e Twitter
Muito além do Facebook e Twitter
Gil Giardelli
 
Geração C
Geração CGeração C
Geração C
Gil Giardelli
 
110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...
110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...
110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...
Gil Giardelli
 
Empreendedorismo na Era Digital
Empreendedorismo na Era DigitalEmpreendedorismo na Era Digital
Empreendedorismo na Era Digital
Gil Giardelli
 
Web 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termo
Web 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termoWeb 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termo
Web 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termo
Gil Giardelli
 
Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011
Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011
Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011
Gil Giardelli
 
Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011
Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011
Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011
Gil Giardelli
 
Cases e Tendências na área de Transporte - 2011
Cases e Tendências na área de Transporte - 2011Cases e Tendências na área de Transporte - 2011
Cases e Tendências na área de Transporte - 2011
Gil Giardelli
 
A sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil Giardelli
A sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil GiardelliA sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil Giardelli
A sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil Giardelli
Gil Giardelli
 
A globalização dos protestos
A globalização dos protestosA globalização dos protestos
A globalização dos protestos
Gil Giardelli
 
Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011
Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011 Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011
Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011
Gil Giardelli
 
Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011
Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011 Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011
Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011
Gil Giardelli
 
Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011
Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011
Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011
Gil Giardelli
 
Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011
Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011
Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011
Gil Giardelli
 

Mais de Gil Giardelli (20)

Case Disney Prof. gil giardelli
Case Disney Prof. gil giardelli Case Disney Prof. gil giardelli
Case Disney Prof. gil giardelli
 
10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil
10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil
10.017 dados nas mídias sociais/redes sociais da Revolta do Vinagre no Brasil
 
Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"
Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"
Pesquisa global da Telefônica sobre "Generation Millennial"
 
E-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelli
E-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelliE-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelli
E-commerce, social commerce e o contágio emocional por gil giardelli
 
Bem-vindos a era do big data por gil giardelli
Bem-vindos a era do big data por gil giardelliBem-vindos a era do big data por gil giardelli
Bem-vindos a era do big data por gil giardelli
 
O Futuro do Mobile no Brasil
O Futuro do Mobile no BrasilO Futuro do Mobile no Brasil
O Futuro do Mobile no Brasil
 
Muito além do Facebook e Twitter
Muito além do Facebook e TwitterMuito além do Facebook e Twitter
Muito além do Facebook e Twitter
 
Geração C
Geração CGeração C
Geração C
 
110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...
110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...
110 cases de Crowdsourcing, Colaboração humana, co-criação, inovação coletiva...
 
Empreendedorismo na Era Digital
Empreendedorismo na Era DigitalEmpreendedorismo na Era Digital
Empreendedorismo na Era Digital
 
Web 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termo
Web 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termoWeb 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termo
Web 2.0 report o relly - Quando cunhou-se o termo
 
Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011
Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011
Cases e Tendências na área de Transportes II - 2011
 
Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011
Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011
Cases e Tendências do Mercado de Luxo - 2011
 
Cases e Tendências na área de Transporte - 2011
Cases e Tendências na área de Transporte - 2011Cases e Tendências na área de Transporte - 2011
Cases e Tendências na área de Transporte - 2011
 
A sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil Giardelli
A sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil GiardelliA sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil Giardelli
A sociedade em rede TEDXCuritiba com Gil Giardelli
 
A globalização dos protestos
A globalização dos protestosA globalização dos protestos
A globalização dos protestos
 
Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011
Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011 Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011
Cases & Tendências - Inovações na área de Educação II - 2011
 
Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011
Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011 Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011
Cases & Tendências - Inovações no Mercado Automobilístico - 2011
 
Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011
Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011
Cases e Tendências - Cervejas e Consumo Responsável 2011
 
Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011
Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011
Cases e Tendências no Mercado de Moda 2011
 

GLP ou GPT? A revolução Ozempic - O Impacto Economico

  • 1. GLP ou GPT? A revolução Ozempic
  • 2. A criação Ozempic conquistou o mundo graças à forma como pode ajudar as pessoas a perder peso, mas também pode signi fi car muito mais para a economia. Há um século, August Krogh, um fi siologista dinamarquês que acabara de ganhar o Prémio Nobel, embarcou numa viagem pelos Estados Unidos e Canada para compreender os estudos e experiências sobre o “extrato de pâncreas”, que parecia transferir o açúcar da corrente sanguínea para os músculos e outros órgãos. Krogh voltou para a Dinamarca com permissão para vender o produto. Ele e alguns colegas fundaram o Nordisk Insulinlaboratorium e, na primavera de 1923, injetaram em seus primeiros pacientes uma droga milagrosa: a insulina. Em 1989, A Novo e a Nordisk se fundiram para explorar outros possíveis remédios para o diabetes, incluindo um hormônio natural, o GLP-1, que parecia exercer um excelente controle sobre o açúcar no sangue. Acabaria por constituir a base de um dos medicamentos mais lucrativos do mundo que salva vidas não só para pessoas com obesidade, mas também para aquelas com doenças cardiovasculares – a principal causa de morte nos EUA. Em 2010, lançaram uma injeção diária que imitam os hormônios intestinais naturais – de GLP-1 a Ozempic. Em breve, milhões de pessoas poderão acordar, escovar os dentes e tomar um remedio GLP-1 na fronteira chamada “A busca da juventude." O Impacto Econômico A Novo Nordisk é agora a empresa cotada mais valiosa da Europa, é responsável por essencialmente todo o crescimento económico recente da Dinamarca. Em 2023 e 2024, a procura ultrapassou completamente a capacidade de fabricação da Novo Nordisk. Algumas das novas fábricas só serão inauguradas em 2029. Supostas canetas Ozempic falsas se espalharam pela Europa e causaram a hospitalização de várias pessoas na Áustria; Enormes danos colaterais na indústria de bebidas e alimentos, as ações das empresas de cerveja, snacks e fast-food caíram, em antecipação à mudança nos hábitos de consumo de dezenas de milhões de americanos. Passageiros mais leves pouparão milhões às companhias aéreas em custos de combustível Fabricantes de dispositivos médicos estão a esforçar-se para garantir aos investidores que as pessoas ainda precisarão de monitores de glicose e próteses de joelho. O Walmart, que vende Ozempic e outros medicamentos GLP-1, descobriu que os clientes que compram esses medicamentos gastam menos com alimentação ano após ano, mas mais com estilo de vida e boa forma. As pessoas não estão gastando menos. Eles estão apenas comprando produtos diferentes. Uma pesquisa realizada pela Morgan Stanley com 300 pessoas que usavam medicamentos GLP-1 para perda de peso descobriu que 77% dos entrevistados relataram visitar restaurantes fast-food “com menos frequência”, enquanto 61% disseram o mesmo sobre restaurantes casuais e cafeterias.
  • 3. Ozempic Mania As pessoas usaram as drogas para entrar em forma para o casamento e recorreram a cartões de crédito ou a um segundo emprego para pagá-las; No Oscar, Jimmy Kimmel re fl etiu: “Quando olho para esta sala, não posso deixar de me perguntar: Ozempic é certo para mim?” Estudos clínicos O GLP-1 produz todos os tipos de efeitos em cascata, Os estudos clínicos continuam a revelar surpresas: O corpo humano possui receptores não apenas no intestino, mas também no fígado, nos músculos e no cérebro. Uma pessoa de noventa quilos pode facilmente perder quinze quilos com a medicação em seis meses. Pessoas que lutaram para perder peso desde a infância de repente conseguiram. Reduz a incidência de ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais, retardar a progressão da doença renal e diminuir os perigosos depósitos de gordura no fígado. As pessoas que os tomam relataram diminuição do desejo por álcool e tabaco; alguns relataram sentir-se menos compelidos a jogar, cutucar a pele compulsivamente e se envolver em outros comportamentos viciantes. O FDA aprovou o uso desta classe de medicamento para reduzir o risco de ataque cardíaco, acidente vascular cerebral e morte em adultos com sobrepeso e doenças cardiovasculares. Para um grupo pequeno, causam náusea, prisão de ventre, diarréia e outros sintomas gastrointestinais. Um homem de cinquenta e poucos anos a fi rmou que tem experimentado esses efeitos colaterais persistentemente desde que começou o Ozempic, há seis meses. Ele disse que convive com essa compensação na esperança de evitar a obesidade na velhice, quando ela é mais prejudicial. “Aceitei que os efeitos colaterais são como os medicamentos funcionam”, disse ele. “É o preço que você paga para adquirir a capacidade de não comer demais.” E as concorrentes estão chegando Wegovy, Zepbound, Mounjaro, Zepbound, Saxenda …
  • 4. A guerra contra a obesidade A obesidade existe de alguma forma desde a antiguidade. As chamadas estatuetas de Vênus, que datam de dezenas de milhares de anos, retratam mulheres com quadris e barrigas largas que, em tempos de escassez de alimentos, poderiam signi fi car riqueza e bem-estar. De acordo com um estudo, entre 1922 e 1999, período em que muitos americanos ganharam peso, o peso médio de uma vencedora de concurso de beleza diminuiu 12%. Um ideal de beleza irrealista e muitas vezes prejudicial estava a consolidar-se, mesmo quando os empregos sedentários, a publicidade direccionada e os alimentos ultraprocessados ​​ o tornavam menos alcançável. A obesidade foi medicalizada devido às suas ligações com diabetes, hipertensão e azia; artrite, derrames e doenças cardíacas; cirrose, apneia do sono e insu fi ciência renal; depressão, infertilidade e câncer. Mesmo assim, a percentagem da população com excesso de peso tem aumentado praticamente todos os anos desde a década de setenta. Globalmente, há duas vezes mais pessoas com excesso de peso do que havia humanos no planeta há um século atrás. A obesidade é um problema que a nossa sociedade de alta tecnologia inventou; agora estamos descobrindo se a tecnologia também pode ser a solução. A industria de cuidados pessoais O entusiasmo em torno dos medicamentos para a obesidade centrou-se no futuro, os novos medicamentos para perda de peso irão remodelar a sociedade quase tão profundamente como o fi zeram os alimentos processados, levando a uma saúde melhor, a um humor elevado, a mais sexo, a uma criatividade mais profunda e até a uma reorientação dos impulsos capitalistas que fabricou nossa epidemia de obesidade. “Todo mundo quer ser aquela pessoa que vê no TikTok ou no Instagram que perdeu cinquenta quilos … Algumas pessoas enfrentarão os efeitos colaterais e outras terão di fi culdade para pagar por eles. Mas, para muitos milhões de pessoas, o nosso mundo pós-Ozempic será melhor do que aquele em que vivíamos antes. Pela primeira vez em anos, estou lendo um novo roteiro. Este tem um fi nal mais esperançoso.” A fi rmou Fatima Cody Stanford, médica especialista em obesidade do Massachusetts General Hospital.
  • 5. Fontes: Duke University , Stanford University, New Nordisk, Business Insider, CNBC, The Atlantic, TrendWatching, State News e New Yorker Links https://globalhealth.duke.edu/news/sarah-armstrong-big-shot-ozempic-revolution https://www.businessinsider.com/category/ozempic https://www.cnbc.com/big-shot-the-ozempic-revolution/ https://www.theatlantic.com/health/archive/2024/03/ozempic-revolution-stuck/677736/ https://www.newyorker.com/culture/2023-in-review/the-year-of-ozempic https://www.statnews.com/category/the-obesity-revolution/
  • 6. Material de apoio Ozempic é a marca registrada da semaglutida, um medicamento para diabetes que também tem efeitos na perda de peso. Os pacientes injetam semanalmente e reduz o apetite. A semaglutida também é vendida para perda de peso sob a marca Wegovy.6 A Columbia Threadneedle Investments informou que a indústria de medicamentos para perda de peso poderia tornar-se um mercado anual de 1,7 biliões de dólares se 100 milhões de americanos tomassem GLP-1 ao seu preço actual. Para efeito de comparação, a indústria de medicamentos para o controle da dor – que inclui antidepressivos, opioides, paracetamol e ibuprofeno – valia US$ 72,3 bilhões em 2022. os trabalhadores poderiam ser mais produtivos porque vivem vidas mais longas, mais saudáveis ​​ e mais felizes. enormes ganhos em termos de felicidade pessoal: bem mais de cem milhões de americanos que lutaram durante toda a vida para controlar o peso, fi nalmente conseguirão isso, e de uma forma que não envolva muito esforço mental ou sacrifício percebido.” Isto poderia aumentar a auto-estima das pessoas, a fi rma Barro, e poderia permitir que as pessoas redireccionassem energia e recursos da dieta para outras actividades, bem como alterassem o seu consumo. Além disso, a produtividade dos funcionários poderá aumentar à medida que os americanos virem os benefícios a longo prazo da perda de peso e permanecerem no mercado de trabalho por mais tempo. Enquanto isso, os GLP-1 poderiam ajudar indiretamente outras empresas, como as companhias aéreas. Um analista da Je ff eries Financial usou dados da United Airlines e calculou que a empresa poderia economizar 27,6 milhões de galões de combustível por ano, a um custo de US$ 80 milhões, se o passageiro médio pesasse 10 quilos a menos. O aumento da saúde e da longevidade poderia colocar mais dinheiro no bolso das pessoas através de coisas como custos mais baixos de saúde, prémios de seguro, compras e menos idas a restaurantes, além de potencialmente ganharem mais ao longo da vida ao permanecerem no mercado de trabalho por mais tempo.