SlideShare uma empresa Scribd logo
   O tratamento de Gestão de
    Reclamações é uma ferramenta
    importante ao nível da imagem
    corporativa das organizações e
    fidelização de clientes.
 1-Pedir desculpa
 2-Restabelecimento urgente
 3-Empatia
 4-Restituição
 5-Follow up
 Caixa de Sugestões
 Inquérito de opinião
 Entrevista
 Sondagens
 DECO- Associação Portuguesa para
  Defesa do Consumidor;
 Instituto Nacional de Defesa do
  Consumidor
   Por vezes, a abordagem passiva é mesmo a
    melhor. Afinal, quando estamos a responder em
    nome de uma empresa, e não em nome
    próprio, pode ser necessário morder a língua para
    não dar ao cliente a resposta que achamos que
    ele na realidade mereceria.
   -A abordagem agressiva deve ser sempre
    evitada, até porque geralmente resulta numa
    situação negativa para o empregado e não para
    o cliente. Deverá seguir sempre a velha máxima “o
    cliente tem sempre razão”.
   A abordagem mais correta, e que as empresas
    cada vez mais procuram implementar, é a
    assertiva. É provavelmente a forma menos
    intuitiva, e que por isso necessita ser aprendida.
   Nos primeiros minutos, deixe o cliente falar e expor
    os seus argumentos. Ouça o que ele tem a
    dizer, sem interrupções nem comentários.
   Não encare a reclamação de forma pessoal. Esta
    reclamação dirige-se à empresa e não à sua
    pessoa. Mesmo que a reclamação se dirija ao seu
    desempenho profissional, deve saber distinguir
    estas críticas de ataques pessoais.
 Procure separar o comportamento do cliente, do
  problema. Apesar do comportamento do cliente
  estar a ser inaceitável, o problema apresentado
  poderá ser pertinente.
 Nunca diga que o cliente não tem razão, por
  maior que seja a sua vontade de fazê-lo. Mostre
  compreensão. É importante que o cliente
  perceba que está disponível para o ajudar.
 Poderá usar o nome do cliente, personalizando o
  contacto, mas evite faze-lo de forma repetitiva,
  para não se tornar irritante.
   Se apesar de estar a lidar com a situação “como
    mandam os manuais”, o cliente continuar furioso,
    crie um limite, explique que o seu comportamento
    está a ser inaceitável e que, enquanto ele estiver
    aos berros ou a interrompê-lo, não poderá ajudá-
    lo.
   Não perca a sua calma, e mantenha sempre a
    educação e um tom de voz apaziguador. Não se
    esqueça de ir pedindo desculpa pelo incómodo
    causado e lamentar toda a situação.
   Nunca culpe a sua empresa. Deverá dar razão ao
    cliente sem, no entanto, pôr em causa o bom
    nome da empresa.
   Depois de ouvir atentamente, procure tomar o
    controlo da situação. Faça um pequeno resumo,
    para que o cliente entenda que ouviu
    atentamente e percebeu corretamente a
    reclamação. Se não estiver totalmente
    esclarecido, coloque as questões que achar
    necessárias.
   Se estiver na presença do cliente, não cruze os
    braços enquanto fala com ele, e procure manter
    o contacto visual. Durante uma conversa
    telefónica, vá demonstrando que continua atento
    e não recorra a silêncios muito prolongados como
    se estivesse sem atenção.
   Se tiver recebido a “reclamação furiosa” por
    email, analise a situação exposta com cuidado.
    Certifique-se de que dispõe da informação
    necessária para resolver o problema. Faça um
    rascunho com a sua mensagem e verifique se tem
    erros. Se a situação o exigir, e se tiver o
    contacto, poderá optar por telefonar para o
    cliente.
   Depois de devidamente analisado, indique as
    soluções possíveis para a resolução da
    situação, fazendo tudo o que estiver ao seu
    alcance que tudo fique devidamente
    encaminhado.
   Antes de apresentar uma solução, pergunte qual
    seria, para o cliente, a solução ideal para esta
    situação. Veja o que é possível fazer a partir
    evitando, no entanto, fazer promessas que não vai
    poder cumprir.
   Após enfrentar uma situação deste género faça
    uma pequena pausa. É normal que a pessoa que
    está a receber a reclamação nestes termos,
    acabe por passar por uma situação de stress.
 Se o problema reportado acontece com muita
  frequência, procure tomar medidas para resolver
  a sua origem, e não apenas para resolver aquele
  caso concreto.
 Se possível, faça um follow-up para averiguar se a
  forma como a situação foi resolvida foi do agrado
  do cliente.
 Vantagens da assertividade
 O comportamento assertivo acarreta
  vantagens, tais como, o aumento da
  autoestima- e confiança em si
  próprio, reconhecimento das suas
  capacidades e das suas
  limitações, assim como as dos
  outros, maior sentido de
  responsabilidade pelas suas opiniões e
  desejos, maior sentido
 Princípios da assertividade
 Existem vários princípios básicos para quem
  comunica assertivamente, tais como, a
  reflexãode como vai agir antes de o fazer,
  o respeito, a sinceridade, expressar o seu
  direito de dizer nãoquando necessário sem
  se sentir culpabilizado, assumir as suas
  responsabilidades, e as suas falhaspedindo
  desculpa por ter errado. E principalmente
  este é quando um indivíduo controla as
  suasemoções com constante inteligência

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Atendimento
AtendimentoAtendimento
Atendimento
Helena Fonseca
 
Ficha de trabalho nº39 spv-gestão de reclamações
Ficha de trabalho nº39  spv-gestão de reclamaçõesFicha de trabalho nº39  spv-gestão de reclamações
Ficha de trabalho nº39 spv-gestão de reclamações
Leonor Alves
 
Ficha de trabalho nº10 exercicios atendimento - imagem
Ficha de trabalho nº10    exercicios atendimento - imagemFicha de trabalho nº10    exercicios atendimento - imagem
Ficha de trabalho nº10 exercicios atendimento - imagem
Leonor Alves
 
Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14
Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14
Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14
Prof. Randes Enes
 
Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes
Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes
Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes
sandrabacky
 
Gestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeu
Gestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeuGestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeu
Gestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeu
Claudy Ferreira
 
Qualidade no Atendimento
Qualidade no AtendimentoQualidade no Atendimento
Qualidade no Atendimento
Nyedson Barbosa
 
Atendimento telefónico[1]
Atendimento telefónico[1]Atendimento telefónico[1]
Atendimento telefónico[1]
Gabriela Ferreira
 
Trabalho de metodologia de resolução de reclamações
Trabalho de metodologia de resolução de reclamaçõesTrabalho de metodologia de resolução de reclamações
Trabalho de metodologia de resolução de reclamações
Mário Laranjeira
 
Atendimento Telefónico
Atendimento TelefónicoAtendimento Telefónico
Atendimento Telefónico
Beatriz123Letras
 
Treinamento comportamental 1 mundo callcenter
Treinamento comportamental 1   mundo callcenterTreinamento comportamental 1   mundo callcenter
Treinamento comportamental 1 mundo callcenter
Aldrey Moreno Vendramini
 
Atendimento telefónico
Atendimento telefónicoAtendimento telefónico
Atendimento telefónico
lilianassantos
 
ATENDIMENTO AO CLIENTE
ATENDIMENTO AO CLIENTEATENDIMENTO AO CLIENTE
ATENDIMENTO AO CLIENTE
Fidel Torquato
 
Estilos comunicacionais
Estilos comunicacionaisEstilos comunicacionais
Estilos comunicacionais
Ana Fernandes
 
Ficha de trabalho nº13 spv-introdução ao estudo das reclamações
Ficha de trabalho nº13  spv-introdução ao estudo das reclamaçõesFicha de trabalho nº13  spv-introdução ao estudo das reclamações
Ficha de trabalho nº13 spv-introdução ao estudo das reclamações
Leonor Alves
 
Atendimento de alta qualidade
Atendimento de alta qualidadeAtendimento de alta qualidade
Atendimento de alta qualidade
Nível 10 Consultoria Empresarial
 
Treinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à ClientesTreinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à Clientes
aavbatista
 
Tecnicas de Vendas
Tecnicas de VendasTecnicas de Vendas
Tecnicas de Vendas
Simone Chiaretto
 
Atendimento telefônico
Atendimento telefônicoAtendimento telefônico
Atendimento telefônico
Guilherme E Cruz Silva
 
Ficha de trabalho nº3 assertividade e escuta ativa-1º ano
Ficha de trabalho nº3   assertividade e escuta ativa-1º anoFicha de trabalho nº3   assertividade e escuta ativa-1º ano
Ficha de trabalho nº3 assertividade e escuta ativa-1º ano
Leonor Alves
 

Mais procurados (20)

Atendimento
AtendimentoAtendimento
Atendimento
 
Ficha de trabalho nº39 spv-gestão de reclamações
Ficha de trabalho nº39  spv-gestão de reclamaçõesFicha de trabalho nº39  spv-gestão de reclamações
Ficha de trabalho nº39 spv-gestão de reclamações
 
Ficha de trabalho nº10 exercicios atendimento - imagem
Ficha de trabalho nº10    exercicios atendimento - imagemFicha de trabalho nº10    exercicios atendimento - imagem
Ficha de trabalho nº10 exercicios atendimento - imagem
 
Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14
Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14
Ppt aula fgv_excelência_no_atendimento_ao_cliente_prof. randes_12.02.14
 
Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes
Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes
Tratamento e encaminhamento das reclamações dos clientes
 
Gestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeu
Gestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeuGestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeu
Gestão de reclamação e técnicas de acolhimento europeu
 
Qualidade no Atendimento
Qualidade no AtendimentoQualidade no Atendimento
Qualidade no Atendimento
 
Atendimento telefónico[1]
Atendimento telefónico[1]Atendimento telefónico[1]
Atendimento telefónico[1]
 
Trabalho de metodologia de resolução de reclamações
Trabalho de metodologia de resolução de reclamaçõesTrabalho de metodologia de resolução de reclamações
Trabalho de metodologia de resolução de reclamações
 
Atendimento Telefónico
Atendimento TelefónicoAtendimento Telefónico
Atendimento Telefónico
 
Treinamento comportamental 1 mundo callcenter
Treinamento comportamental 1   mundo callcenterTreinamento comportamental 1   mundo callcenter
Treinamento comportamental 1 mundo callcenter
 
Atendimento telefónico
Atendimento telefónicoAtendimento telefónico
Atendimento telefónico
 
ATENDIMENTO AO CLIENTE
ATENDIMENTO AO CLIENTEATENDIMENTO AO CLIENTE
ATENDIMENTO AO CLIENTE
 
Estilos comunicacionais
Estilos comunicacionaisEstilos comunicacionais
Estilos comunicacionais
 
Ficha de trabalho nº13 spv-introdução ao estudo das reclamações
Ficha de trabalho nº13  spv-introdução ao estudo das reclamaçõesFicha de trabalho nº13  spv-introdução ao estudo das reclamações
Ficha de trabalho nº13 spv-introdução ao estudo das reclamações
 
Atendimento de alta qualidade
Atendimento de alta qualidadeAtendimento de alta qualidade
Atendimento de alta qualidade
 
Treinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à ClientesTreinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à Clientes
 
Tecnicas de Vendas
Tecnicas de VendasTecnicas de Vendas
Tecnicas de Vendas
 
Atendimento telefônico
Atendimento telefônicoAtendimento telefônico
Atendimento telefônico
 
Ficha de trabalho nº3 assertividade e escuta ativa-1º ano
Ficha de trabalho nº3   assertividade e escuta ativa-1º anoFicha de trabalho nº3   assertividade e escuta ativa-1º ano
Ficha de trabalho nº3 assertividade e escuta ativa-1º ano
 

Destaque

Legislação comercial jorge
Legislação comercial   jorgeLegislação comercial   jorge
Legislação comercial jorge
Ines Soares
 
Gestao stock4º trabalho
Gestao stock4º trabalhoGestao stock4º trabalho
Gestao stock4º trabalho
jorgecs6
 
Armazenagem3º trabalho
Armazenagem3º trabalhoArmazenagem3º trabalho
Armazenagem3º trabalho
jorgecs6
 
Comunicação inter pessoal
Comunicação inter pessoalComunicação inter pessoal
Comunicação inter pessoal
Jorge Dias
 
Estratégia de fidelização da empresa sports wheel
Estratégia de fidelização da empresa sports wheelEstratégia de fidelização da empresa sports wheel
Estratégia de fidelização da empresa sports wheel
Jorge Dias
 
Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02
Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02
Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02
Ines Soares
 
A evolução da moeda
A evolução da moedaA evolução da moeda
A evolução da moeda
Ines Soares
 
A actividade de distribuição
A actividade de distribuiçãoA actividade de distribuição
A actividade de distribuição
Jorge Dias
 
Estratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientesEstratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientes
Jorge Dias
 
Slides comunicação
Slides comunicaçãoSlides comunicação
Slides comunicação
ciro79
 
Barreiras a comunicação
Barreiras a comunicaçãoBarreiras a comunicação
Barreiras a comunicação
Martinha Vilaça
 
Ficha informativa 1 formativa barreiras ao processo de comunicação
Ficha informativa 1 formativa   barreiras ao processo de comunicaçãoFicha informativa 1 formativa   barreiras ao processo de comunicação
Ficha informativa 1 formativa barreiras ao processo de comunicação
Ana Pereira
 

Destaque (12)

Legislação comercial jorge
Legislação comercial   jorgeLegislação comercial   jorge
Legislação comercial jorge
 
Gestao stock4º trabalho
Gestao stock4º trabalhoGestao stock4º trabalho
Gestao stock4º trabalho
 
Armazenagem3º trabalho
Armazenagem3º trabalhoArmazenagem3º trabalho
Armazenagem3º trabalho
 
Comunicação inter pessoal
Comunicação inter pessoalComunicação inter pessoal
Comunicação inter pessoal
 
Estratégia de fidelização da empresa sports wheel
Estratégia de fidelização da empresa sports wheelEstratégia de fidelização da empresa sports wheel
Estratégia de fidelização da empresa sports wheel
 
Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02
Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02
Atendimentotelefonico 090717132426-phpapp02
 
A evolução da moeda
A evolução da moedaA evolução da moeda
A evolução da moeda
 
A actividade de distribuição
A actividade de distribuiçãoA actividade de distribuição
A actividade de distribuição
 
Estratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientesEstratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientes
 
Slides comunicação
Slides comunicaçãoSlides comunicação
Slides comunicação
 
Barreiras a comunicação
Barreiras a comunicaçãoBarreiras a comunicação
Barreiras a comunicação
 
Ficha informativa 1 formativa barreiras ao processo de comunicação
Ficha informativa 1 formativa   barreiras ao processo de comunicaçãoFicha informativa 1 formativa   barreiras ao processo de comunicação
Ficha informativa 1 formativa barreiras ao processo de comunicação
 

Semelhante a Gestão de reclamação

Gestodereclamao 130314060631-phpapp01
Gestodereclamao 130314060631-phpapp01Gestodereclamao 130314060631-phpapp01
Gestodereclamao 130314060631-phpapp01
Ana A. Costa
 
Curso de Atendimento ao Cliente
Curso de Atendimento ao ClienteCurso de Atendimento ao Cliente
Curso de Atendimento ao Cliente
Liberty Ensino
 
Ficha de trabalho nº37 spv- saber gerir situações de tensões nas reclamações
Ficha de trabalho nº37  spv-  saber gerir situações de tensões nas reclamaçõesFicha de trabalho nº37  spv-  saber gerir situações de tensões nas reclamações
Ficha de trabalho nº37 spv- saber gerir situações de tensões nas reclamações
Leonor Alves
 
Qualidade No Atendimento 201008
Qualidade No Atendimento 201008Qualidade No Atendimento 201008
Qualidade No Atendimento 201008
Alexsandro Rebello Bonatto
 
Qualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresa
Qualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresaQualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresa
Qualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresa
JCS_Consultoria
 
Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...
Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...
Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...
Mara Muniz
 
VENDAS POR TELEFONE.pdf
VENDAS POR TELEFONE.pdfVENDAS POR TELEFONE.pdf
VENDAS POR TELEFONE.pdf
caroline670594
 
Ficha de trabalho nº34 como tratar um cliente que reclama
Ficha de trabalho nº34   como tratar um cliente que reclamaFicha de trabalho nº34   como tratar um cliente que reclama
Ficha de trabalho nº34 como tratar um cliente que reclama
Leonor Alves
 
Trabalho cursinho recepção '
Trabalho cursinho recepção 'Trabalho cursinho recepção '
Trabalho cursinho recepção '
Brenda Nascimento
 
Como superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendasComo superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendas
Marcos Luthero
 
Como superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendasComo superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendas
marcoslutherodeoliveira
 
Manual de boas práticas de atendimento ao cliente
Manual de boas práticas de atendimento ao clienteManual de boas práticas de atendimento ao cliente
Manual de boas práticas de atendimento ao cliente
thaisalbuquerqueee
 
Gerir situações agressivas
Gerir situações agressivasGerir situações agressivas
Gerir situações agressivas
Mário Laranjeira
 
COMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptx
COMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptxCOMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptx
COMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptx
RuiMarceloGoncalves
 
Cartilha de orientação e treinamento
Cartilha de orientação e treinamentoCartilha de orientação e treinamento
Cartilha de orientação e treinamento
AlessandraPeixoto1978
 
Relacionamento com o cliente - aula 1
Relacionamento com o cliente - aula 1Relacionamento com o cliente - aula 1
Relacionamento com o cliente - aula 1
Ângela Cardoso
 
Rd dicas aten
Rd dicas atenRd dicas aten
Rd dicas aten
Rose Souza
 
Atendimento Já
Atendimento JáAtendimento Já
Atendimento Já
jessicaslv
 
Objeções em vendas
Objeções em vendasObjeções em vendas
Objeções em vendas
Júnior Marques
 
Revisoe smódulo 5 comércio
Revisoe smódulo 5   comércioRevisoe smódulo 5   comércio
Revisoe smódulo 5 comércio
Leonor Alves
 

Semelhante a Gestão de reclamação (20)

Gestodereclamao 130314060631-phpapp01
Gestodereclamao 130314060631-phpapp01Gestodereclamao 130314060631-phpapp01
Gestodereclamao 130314060631-phpapp01
 
Curso de Atendimento ao Cliente
Curso de Atendimento ao ClienteCurso de Atendimento ao Cliente
Curso de Atendimento ao Cliente
 
Ficha de trabalho nº37 spv- saber gerir situações de tensões nas reclamações
Ficha de trabalho nº37  spv-  saber gerir situações de tensões nas reclamaçõesFicha de trabalho nº37  spv-  saber gerir situações de tensões nas reclamações
Ficha de trabalho nº37 spv- saber gerir situações de tensões nas reclamações
 
Qualidade No Atendimento 201008
Qualidade No Atendimento 201008Qualidade No Atendimento 201008
Qualidade No Atendimento 201008
 
Qualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresa
Qualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresaQualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresa
Qualidade no atendmento, um diferencial competitivo para empresa
 
Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...
Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...
Qualidadenoatendmentoumdiferencialcompetitivoparaempresa 140403192056-phpapp0...
 
VENDAS POR TELEFONE.pdf
VENDAS POR TELEFONE.pdfVENDAS POR TELEFONE.pdf
VENDAS POR TELEFONE.pdf
 
Ficha de trabalho nº34 como tratar um cliente que reclama
Ficha de trabalho nº34   como tratar um cliente que reclamaFicha de trabalho nº34   como tratar um cliente que reclama
Ficha de trabalho nº34 como tratar um cliente que reclama
 
Trabalho cursinho recepção '
Trabalho cursinho recepção 'Trabalho cursinho recepção '
Trabalho cursinho recepção '
 
Como superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendasComo superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendas
 
Como superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendasComo superar as objeções em vendas
Como superar as objeções em vendas
 
Manual de boas práticas de atendimento ao cliente
Manual de boas práticas de atendimento ao clienteManual de boas práticas de atendimento ao cliente
Manual de boas práticas de atendimento ao cliente
 
Gerir situações agressivas
Gerir situações agressivasGerir situações agressivas
Gerir situações agressivas
 
COMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptx
COMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptxCOMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptx
COMO CONTORNAR OBJEÇÕES.pptx
 
Cartilha de orientação e treinamento
Cartilha de orientação e treinamentoCartilha de orientação e treinamento
Cartilha de orientação e treinamento
 
Relacionamento com o cliente - aula 1
Relacionamento com o cliente - aula 1Relacionamento com o cliente - aula 1
Relacionamento com o cliente - aula 1
 
Rd dicas aten
Rd dicas atenRd dicas aten
Rd dicas aten
 
Atendimento Já
Atendimento JáAtendimento Já
Atendimento Já
 
Objeções em vendas
Objeções em vendasObjeções em vendas
Objeções em vendas
 
Revisoe smódulo 5 comércio
Revisoe smódulo 5   comércioRevisoe smódulo 5   comércio
Revisoe smódulo 5 comércio
 

Mais de Ines Soares

Preço joao passarinho
Preço  joao passarinhoPreço  joao passarinho
Preço joao passarinho
Ines Soares
 
Consumidor joao passarinho
Consumidor   joao passarinhoConsumidor   joao passarinho
Consumidor joao passarinho
Ines Soares
 
Consumidor joao passarinho
Consumidor   joao passarinhoConsumidor   joao passarinho
Consumidor joao passarinho
Ines Soares
 
Técnicas de atendimento ines soares
Técnicas de atendimento   ines soaresTécnicas de atendimento   ines soares
Técnicas de atendimento ines soares
Ines Soares
 
Consumidor ines soares 1
Consumidor   ines soares 1Consumidor   ines soares 1
Consumidor ines soares 1
Ines Soares
 
Preço ines soares
Preço   ines soaresPreço   ines soares
Preço ines soares
Ines Soares
 
Estratégia de fidelizaçao de clientes
Estratégia de fidelizaçao de clientesEstratégia de fidelizaçao de clientes
Estratégia de fidelizaçao de clientes
Ines Soares
 
Moeda inesoares
Moeda   inesoaresMoeda   inesoares
Moeda inesoares
Ines Soares
 
Legislação comercial
Legislação comercialLegislação comercial
Legislação comercial
Ines Soares
 
Moeda
MoedaMoeda
Atendimento telefónico
Atendimento telefónicoAtendimento telefónico
Atendimento telefónico
Ines Soares
 
Evolução da moeda jorge
Evolução da moeda   jorgeEvolução da moeda   jorge
Evolução da moeda jorge
Ines Soares
 
Legislação comercial jorge
Legislação comercial   jorgeLegislação comercial   jorge
Legislação comercial jorge
Ines Soares
 
Legislação comercial 2º periodo
Legislação comercial 2º periodoLegislação comercial 2º periodo
Legislação comercial 2º periodo
Ines Soares
 
Legislação comercial
Legislação comercialLegislação comercial
Legislação comercial
Ines Soares
 
Moeda
MoedaMoeda
Aatividadededistribuiçãobalelaslelas
AatividadededistribuiçãobalelaslelasAatividadededistribuiçãobalelaslelas
Aatividadededistribuiçãobalelaslelas
Ines Soares
 
Estratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientesEstratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientes
Ines Soares
 
Estratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientesEstratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientes
Ines Soares
 
Distribuição ines soares
Distribuição   ines soaresDistribuição   ines soares
Distribuição ines soares
Ines Soares
 

Mais de Ines Soares (20)

Preço joao passarinho
Preço  joao passarinhoPreço  joao passarinho
Preço joao passarinho
 
Consumidor joao passarinho
Consumidor   joao passarinhoConsumidor   joao passarinho
Consumidor joao passarinho
 
Consumidor joao passarinho
Consumidor   joao passarinhoConsumidor   joao passarinho
Consumidor joao passarinho
 
Técnicas de atendimento ines soares
Técnicas de atendimento   ines soaresTécnicas de atendimento   ines soares
Técnicas de atendimento ines soares
 
Consumidor ines soares 1
Consumidor   ines soares 1Consumidor   ines soares 1
Consumidor ines soares 1
 
Preço ines soares
Preço   ines soaresPreço   ines soares
Preço ines soares
 
Estratégia de fidelizaçao de clientes
Estratégia de fidelizaçao de clientesEstratégia de fidelizaçao de clientes
Estratégia de fidelizaçao de clientes
 
Moeda inesoares
Moeda   inesoaresMoeda   inesoares
Moeda inesoares
 
Legislação comercial
Legislação comercialLegislação comercial
Legislação comercial
 
Moeda
MoedaMoeda
Moeda
 
Atendimento telefónico
Atendimento telefónicoAtendimento telefónico
Atendimento telefónico
 
Evolução da moeda jorge
Evolução da moeda   jorgeEvolução da moeda   jorge
Evolução da moeda jorge
 
Legislação comercial jorge
Legislação comercial   jorgeLegislação comercial   jorge
Legislação comercial jorge
 
Legislação comercial 2º periodo
Legislação comercial 2º periodoLegislação comercial 2º periodo
Legislação comercial 2º periodo
 
Legislação comercial
Legislação comercialLegislação comercial
Legislação comercial
 
Moeda
MoedaMoeda
Moeda
 
Aatividadededistribuiçãobalelaslelas
AatividadededistribuiçãobalelaslelasAatividadededistribuiçãobalelaslelas
Aatividadededistribuiçãobalelaslelas
 
Estratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientesEstratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientes
 
Estratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientesEstratégia de fidelização de clientes
Estratégia de fidelização de clientes
 
Distribuição ines soares
Distribuição   ines soaresDistribuição   ines soares
Distribuição ines soares
 

Gestão de reclamação

  • 1.
  • 2. O tratamento de Gestão de Reclamações é uma ferramenta importante ao nível da imagem corporativa das organizações e fidelização de clientes.
  • 3.  1-Pedir desculpa  2-Restabelecimento urgente  3-Empatia  4-Restituição  5-Follow up
  • 4.
  • 5.  Caixa de Sugestões  Inquérito de opinião  Entrevista  Sondagens  DECO- Associação Portuguesa para Defesa do Consumidor;  Instituto Nacional de Defesa do Consumidor
  • 6.
  • 7. Por vezes, a abordagem passiva é mesmo a melhor. Afinal, quando estamos a responder em nome de uma empresa, e não em nome próprio, pode ser necessário morder a língua para não dar ao cliente a resposta que achamos que ele na realidade mereceria.  -A abordagem agressiva deve ser sempre evitada, até porque geralmente resulta numa situação negativa para o empregado e não para o cliente. Deverá seguir sempre a velha máxima “o cliente tem sempre razão”.
  • 8. A abordagem mais correta, e que as empresas cada vez mais procuram implementar, é a assertiva. É provavelmente a forma menos intuitiva, e que por isso necessita ser aprendida.  Nos primeiros minutos, deixe o cliente falar e expor os seus argumentos. Ouça o que ele tem a dizer, sem interrupções nem comentários.  Não encare a reclamação de forma pessoal. Esta reclamação dirige-se à empresa e não à sua pessoa. Mesmo que a reclamação se dirija ao seu desempenho profissional, deve saber distinguir estas críticas de ataques pessoais.
  • 9.  Procure separar o comportamento do cliente, do problema. Apesar do comportamento do cliente estar a ser inaceitável, o problema apresentado poderá ser pertinente.  Nunca diga que o cliente não tem razão, por maior que seja a sua vontade de fazê-lo. Mostre compreensão. É importante que o cliente perceba que está disponível para o ajudar.  Poderá usar o nome do cliente, personalizando o contacto, mas evite faze-lo de forma repetitiva, para não se tornar irritante.
  • 10. Se apesar de estar a lidar com a situação “como mandam os manuais”, o cliente continuar furioso, crie um limite, explique que o seu comportamento está a ser inaceitável e que, enquanto ele estiver aos berros ou a interrompê-lo, não poderá ajudá- lo.  Não perca a sua calma, e mantenha sempre a educação e um tom de voz apaziguador. Não se esqueça de ir pedindo desculpa pelo incómodo causado e lamentar toda a situação.  Nunca culpe a sua empresa. Deverá dar razão ao cliente sem, no entanto, pôr em causa o bom nome da empresa.
  • 11. Depois de ouvir atentamente, procure tomar o controlo da situação. Faça um pequeno resumo, para que o cliente entenda que ouviu atentamente e percebeu corretamente a reclamação. Se não estiver totalmente esclarecido, coloque as questões que achar necessárias.  Se estiver na presença do cliente, não cruze os braços enquanto fala com ele, e procure manter o contacto visual. Durante uma conversa telefónica, vá demonstrando que continua atento e não recorra a silêncios muito prolongados como se estivesse sem atenção.
  • 12. Se tiver recebido a “reclamação furiosa” por email, analise a situação exposta com cuidado. Certifique-se de que dispõe da informação necessária para resolver o problema. Faça um rascunho com a sua mensagem e verifique se tem erros. Se a situação o exigir, e se tiver o contacto, poderá optar por telefonar para o cliente.  Depois de devidamente analisado, indique as soluções possíveis para a resolução da situação, fazendo tudo o que estiver ao seu alcance que tudo fique devidamente encaminhado.
  • 13. Antes de apresentar uma solução, pergunte qual seria, para o cliente, a solução ideal para esta situação. Veja o que é possível fazer a partir evitando, no entanto, fazer promessas que não vai poder cumprir.  Após enfrentar uma situação deste género faça uma pequena pausa. É normal que a pessoa que está a receber a reclamação nestes termos, acabe por passar por uma situação de stress.
  • 14.  Se o problema reportado acontece com muita frequência, procure tomar medidas para resolver a sua origem, e não apenas para resolver aquele caso concreto.  Se possível, faça um follow-up para averiguar se a forma como a situação foi resolvida foi do agrado do cliente.
  • 15.  Vantagens da assertividade  O comportamento assertivo acarreta vantagens, tais como, o aumento da autoestima- e confiança em si próprio, reconhecimento das suas capacidades e das suas limitações, assim como as dos outros, maior sentido de responsabilidade pelas suas opiniões e desejos, maior sentido
  • 16.  Princípios da assertividade  Existem vários princípios básicos para quem comunica assertivamente, tais como, a reflexãode como vai agir antes de o fazer, o respeito, a sinceridade, expressar o seu direito de dizer nãoquando necessário sem se sentir culpabilizado, assumir as suas responsabilidades, e as suas falhaspedindo desculpa por ter errado. E principalmente este é quando um indivíduo controla as suasemoções com constante inteligência