SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Permito-me insistir na importância do santeiro
como exemplo primeiro e divulgador para o
artista popular contemporâneo. (...) é artista do
Povo, mas também, e caracteristicamente, um
medieval, um escultor dos tempos das
catedrais
góticas, com os Cristos alongados, de feições
semitas, as mãos fechadas num espasmo de
dor,
sem a comunicabilidade bonita dos Santos de
porcelana, de pasta e de biscuit. (Cascudo,
“A pessoa nasce com aquele dom de fazer o trabalho. Foi Deus que me deu” (Mestre
Antonio dos Santos,
Mestre Expedito, nasce
em 15 de fevereiro de
1932 em Olho D’Água
Grande, município
de Pedro II, a 200 km
de Teresina-PI. Artista
autodidata, iniciou no
ofício de entalhar a
madeira por conta da
religiosidade da sua
mãe, Raimunda Maria
dos Santos, sua
inspiração da talha
religiosa desde menino.
Costumava
confeccionar ex-
votos e, desde
criança, sonhava um
dia também fazer
aquelas imagens que
observava na
paróquia e nas
procissões. “O
pessoal até dizia que
era pecado fazer
santo”, mas
Expedito, depois de
ter feito a figura de
Santo Antônio, não
parou mais.
“Então eu fui convidado pelo governo de
Teresina pra vir à cidade ensinar um grupo
de meninos a minha arte. Veja aí: me criei
na roça e vim ensinar aqui em Teresina.”
Os efeitos plásticos em suas esculturas não deixam
os vestígios dos talhes conseguidos com formões
ou goivas, como também instrumentos cortantes,
adaptados pelos mestres de ofício da madeira.
Mestre Expedito, Sagrada Família, madeira.
Mestre Expedito, S. Francisco,
madeira.
Utilizando imburana de cheiro (imbuana-
de-cheiro ou imburana-de-espinho), cedro
amarelo ou vermelho, o Santeiro Expedito
faz magníficos exemplares da arte
imaginária.
Nª Srª da Conceição, Expedito Santeiro
Sto Antônio, de Expedito Santeiro
Esculpido em Cedro
Sagrada famíliaPresépio
Igreja de Nossa Senhora de Lourdes
Mestre Expedito
trabalhou
com Mestre
Dezinho na igreja
Nossa Senhora
da Lourdes ou
igreja da
Vermelha, sendo
de sua autoria as
molduras da Via-
Sacra, uma pia
batismal
e uma estante
trabalhada em
altos e baixos
relevos.
Tem esculturas na
Igreja das Irmãs, em
Teresina, e em acervos
de colecionadores. A
partir de 1972 sua arte
universalizou-se.
Participou de várias
exposições que lhe
deram projeção e
fama.
Dentre elas:
Milão/Itália – 1972
Bruxelas/Bélgica-
1973
 Santiago/Chile –
1978, 80 e 88
Vaticano – 1989
Um olhar mais
cuidadoso é capaz de
revelar que a expressão
facial dos anjos do
Mestre Expedito
assumem uma
expressão mais
humana, principalmente
dos anjos da igreja de N.
Srª de Lourdes, na
Vermelha. Enquanto o
corte celestial do Mestre
Dezinho nos revela um
semblante mais divino e
superior que nunca
deixa transparecer a
expressão humana de
seus santos.
Hoje, Mestre Expedito diz ter feito mais de dez mil esculturas,
especialmente São Francisco, Nossa Senhora da Conceição, Santo Antônio
e anjos, sendo que muitas delas estão em cerca de 50 igrejas ornamentadas por suas peças,
não só no Estado do Piauí, como também no Rio de Janeiro, e em outros países, como
Santiago do Chile, por exemplo.
O Mestre não seguiu
com o ofício de
ensinar. Hoje,
participa como
presidente da
Cooperativa de
Artesanato, que
funciona na
Cooperativa de
Artesanato Mestre
Dezinho.
O espaço,
cuja gestão é do Prodart – Programa de Desenvolvimento do Artesanato do
Piauí, do Governo do Estado, foi originalmente pensado para oferecer um local
para os escultores e artesãos trabalharem e comercializarem suas peças.
Cooperativa de Artesanato Mestre
Dezinho.
Vivendo somente de suas esculturas, formou
todos os filhos e hoje começa a pintar telas.
“Pintura primitivista. Eu pintava algumas
peças, mas as pessoas pediam que
mantivesse a madeira natural. Então só pinto
as peças que são minhas”, diz ele.
”E o que mais me orgulha é saber
que minhas peças estão por aí, em
mais de 50 igrejas, fora as outras
compradas pelas pessoas que
gostam do que faço.”
Adão e Eva
Cidade
Família
Cabeças
Seu atelier é muito procurado por turistas estrangeiros. Tem peças nos Estados
Unidas, Canadá, Suíça e outros países. Com 78 anos trabalha todos os dias.
Turismo Básico Noite – Turma 04
Viviane Araújo
Rodrigo
Diego Menezes
Luciana

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Expedito – O mestre santeiro

Trabalho Giovanni Fiesole
Trabalho Giovanni FiesoleTrabalho Giovanni Fiesole
Trabalho Giovanni Fiesole
Tércia Harry
 
Aula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiênciaAula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiência
Elizeu Nascimento Silva
 
Aula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologias
Aula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologiasAula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologias
Aula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologias
Homero Alves de Lima
 
A_arte_npj_leia[1]
A_arte_npj_leia[1]A_arte_npj_leia[1]
A_arte_npj_leia[1]
fguarany
 
1 o que é arte- Texto-
1 o que é arte- Texto-1 o que é arte- Texto-
1 o que é arte- Texto-
ArtesElisa
 
Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1 Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1
lucas_12
 
Revelando o sacrado de Christian Boltanski
Revelando o sacrado de Christian BoltanskiRevelando o sacrado de Christian Boltanski
Revelando o sacrado de Christian Boltanski
mabrigato
 

Semelhante a Expedito – O mestre santeiro (20)

História da Arte - A Última ceia
História da Arte - A Última ceiaHistória da Arte - A Última ceia
História da Arte - A Última ceia
 
Trabalho Giovanni Fiesole
Trabalho Giovanni FiesoleTrabalho Giovanni Fiesole
Trabalho Giovanni Fiesole
 
Retábulo - Casa de Santos, 2014
Retábulo - Casa de Santos, 2014Retábulo - Casa de Santos, 2014
Retábulo - Casa de Santos, 2014
 
Aula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiênciaAula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiência
 
O que é a arte e outros
O que é a arte e outrosO que é a arte e outros
O que é a arte e outros
 
Arte renascentista
Arte renascentistaArte renascentista
Arte renascentista
 
Aula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologias
Aula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologiasAula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologias
Aula 04 de linguagens e códigos e suas tecnologias
 
A_arte_npj_leia[1]
A_arte_npj_leia[1]A_arte_npj_leia[1]
A_arte_npj_leia[1]
 
1 o que é arte- Texto-
1 o que é arte- Texto-1 o que é arte- Texto-
1 o que é arte- Texto-
 
O que é arte?
O que é arte?O que é arte?
O que é arte?
 
Arte Barroco
Arte Barroco Arte Barroco
Arte Barroco
 
Arte popular brasileira na arte contemporanea
Arte popular brasileira na arte contemporaneaArte popular brasileira na arte contemporanea
Arte popular brasileira na arte contemporanea
 
0 arte pra que
0 arte pra que0 arte pra que
0 arte pra que
 
Renascimento 2018
Renascimento 2018Renascimento 2018
Renascimento 2018
 
Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1 Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1
 
6 renascimento 2020
6 renascimento 20206 renascimento 2020
6 renascimento 2020
 
Renascimento 2020
Renascimento 2020Renascimento 2020
Renascimento 2020
 
Renascimento 1
Renascimento 1Renascimento 1
Renascimento 1
 
Revelando o sacrado de Christian Boltanski
Revelando o sacrado de Christian BoltanskiRevelando o sacrado de Christian Boltanski
Revelando o sacrado de Christian Boltanski
 
Renascimento moderna I
Renascimento moderna IRenascimento moderna I
Renascimento moderna I
 

Mais de Vivi Araújo (8)

Paraguai
ParaguaiParaguai
Paraguai
 
Mato Grosso do Sul
Mato Grosso do SulMato Grosso do Sul
Mato Grosso do Sul
 
Mato Grosso
Mato GrossoMato Grosso
Mato Grosso
 
PERU TURÍSTICO
PERU TURÍSTICOPERU TURÍSTICO
PERU TURÍSTICO
 
Roteiro Manaus
Roteiro ManausRoteiro Manaus
Roteiro Manaus
 
Roteiro manaus
Roteiro manausRoteiro manaus
Roteiro manaus
 
Parque nacional da serra dos órgãos - Atrativos turísticos Naturais - Guia Vi...
Parque nacional da serra dos órgãos - Atrativos turísticos Naturais - Guia Vi...Parque nacional da serra dos órgãos - Atrativos turísticos Naturais - Guia Vi...
Parque nacional da serra dos órgãos - Atrativos turísticos Naturais - Guia Vi...
 
Roteiro natal - 7 dias e 6 noites - Guia Viviane Araujo
Roteiro natal - 7 dias e 6 noites - Guia Viviane AraujoRoteiro natal - 7 dias e 6 noites - Guia Viviane Araujo
Roteiro natal - 7 dias e 6 noites - Guia Viviane Araujo
 

Expedito – O mestre santeiro

  • 1. Permito-me insistir na importância do santeiro como exemplo primeiro e divulgador para o artista popular contemporâneo. (...) é artista do Povo, mas também, e caracteristicamente, um medieval, um escultor dos tempos das catedrais góticas, com os Cristos alongados, de feições semitas, as mãos fechadas num espasmo de dor, sem a comunicabilidade bonita dos Santos de porcelana, de pasta e de biscuit. (Cascudo,
  • 2. “A pessoa nasce com aquele dom de fazer o trabalho. Foi Deus que me deu” (Mestre Antonio dos Santos, Mestre Expedito, nasce em 15 de fevereiro de 1932 em Olho D’Água Grande, município de Pedro II, a 200 km de Teresina-PI. Artista autodidata, iniciou no ofício de entalhar a madeira por conta da religiosidade da sua mãe, Raimunda Maria dos Santos, sua inspiração da talha religiosa desde menino.
  • 3. Costumava confeccionar ex- votos e, desde criança, sonhava um dia também fazer aquelas imagens que observava na paróquia e nas procissões. “O pessoal até dizia que era pecado fazer santo”, mas Expedito, depois de ter feito a figura de Santo Antônio, não parou mais.
  • 4. “Então eu fui convidado pelo governo de Teresina pra vir à cidade ensinar um grupo de meninos a minha arte. Veja aí: me criei na roça e vim ensinar aqui em Teresina.”
  • 5. Os efeitos plásticos em suas esculturas não deixam os vestígios dos talhes conseguidos com formões ou goivas, como também instrumentos cortantes, adaptados pelos mestres de ofício da madeira.
  • 6. Mestre Expedito, Sagrada Família, madeira. Mestre Expedito, S. Francisco, madeira.
  • 7. Utilizando imburana de cheiro (imbuana- de-cheiro ou imburana-de-espinho), cedro amarelo ou vermelho, o Santeiro Expedito faz magníficos exemplares da arte imaginária. Nª Srª da Conceição, Expedito Santeiro
  • 8. Sto Antônio, de Expedito Santeiro Esculpido em Cedro
  • 10. Igreja de Nossa Senhora de Lourdes Mestre Expedito trabalhou com Mestre Dezinho na igreja Nossa Senhora da Lourdes ou igreja da Vermelha, sendo de sua autoria as molduras da Via- Sacra, uma pia batismal e uma estante trabalhada em altos e baixos relevos.
  • 11. Tem esculturas na Igreja das Irmãs, em Teresina, e em acervos de colecionadores. A partir de 1972 sua arte universalizou-se. Participou de várias exposições que lhe deram projeção e fama. Dentre elas: Milão/Itália – 1972 Bruxelas/Bélgica- 1973  Santiago/Chile – 1978, 80 e 88 Vaticano – 1989
  • 12. Um olhar mais cuidadoso é capaz de revelar que a expressão facial dos anjos do Mestre Expedito assumem uma expressão mais humana, principalmente dos anjos da igreja de N. Srª de Lourdes, na Vermelha. Enquanto o corte celestial do Mestre Dezinho nos revela um semblante mais divino e superior que nunca deixa transparecer a expressão humana de seus santos.
  • 13. Hoje, Mestre Expedito diz ter feito mais de dez mil esculturas, especialmente São Francisco, Nossa Senhora da Conceição, Santo Antônio e anjos, sendo que muitas delas estão em cerca de 50 igrejas ornamentadas por suas peças, não só no Estado do Piauí, como também no Rio de Janeiro, e em outros países, como Santiago do Chile, por exemplo.
  • 14. O Mestre não seguiu com o ofício de ensinar. Hoje, participa como presidente da Cooperativa de Artesanato, que funciona na Cooperativa de Artesanato Mestre Dezinho. O espaço, cuja gestão é do Prodart – Programa de Desenvolvimento do Artesanato do Piauí, do Governo do Estado, foi originalmente pensado para oferecer um local para os escultores e artesãos trabalharem e comercializarem suas peças. Cooperativa de Artesanato Mestre Dezinho.
  • 15. Vivendo somente de suas esculturas, formou todos os filhos e hoje começa a pintar telas. “Pintura primitivista. Eu pintava algumas peças, mas as pessoas pediam que mantivesse a madeira natural. Então só pinto as peças que são minhas”, diz ele.
  • 16. ”E o que mais me orgulha é saber que minhas peças estão por aí, em mais de 50 igrejas, fora as outras compradas pelas pessoas que gostam do que faço.”
  • 18. Seu atelier é muito procurado por turistas estrangeiros. Tem peças nos Estados Unidas, Canadá, Suíça e outros países. Com 78 anos trabalha todos os dias.
  • 19. Turismo Básico Noite – Turma 04 Viviane Araújo Rodrigo Diego Menezes Luciana