SlideShare uma empresa Scribd logo
Revisão Física – 2º Certificação
Atrito e Trabalho
Mecânico
http://aprendendofisica.net/rede/
Prof. Sérgio Lima
@apfisica
http://aprendendofisica.net/rede/
(UFAC – 2009) Um carro se desloca com velocidade
de 72km/h na Avenida Ceará. O motorista observa a
presença de um radar a 300 m e aciona imediatamente os
freios. Ele passa pelo radar com velocidade de 36km/h.
Considere a massa do carro igual a 1.000 kg. O módulo da
intensidade do trabalho realizado durante a frenagem, em
kJ, vale:
a) 50 b) 100 c) 150 d) 200 e) 250
http://aprendendofisica.net/rede
Um corpo de massa m = 2 kg é abandonado
de uma altura h = 20 m. Observa-se que,
durante a queda, é gerada uma quantidade de
calor igual a 100 J, em virtude do atrito com o ar.
Considerando g = 10 m/s², calcule a velocidade
(em m/s) do corpo no instante em que ele toca o
solo.
(UEL) Uma mola, submetida à ação de uma força de
intensidade 10 N, está deformada de 2,0 cm. O
módulo do trabalho realizado pela força elástica na
deformação de 0 a 2,0 cm foi, em joules, de:
a) 0,1 b) 0,2 c) 0,5 d) 1,0 e) 2,0
http://aprendendofisica.net/rede
(FUVEST) No rótulo de uma lata de leite em pó lê-se:
"Valor energético: 1 509 kJ por 100 g (361 kcal)".
Se toda energia armazenada em uma lata contendo 400 g de leite
fosse utilizada para levantar um objeto de 10 kg, a altura atingida
seria de aproximadamente:
Dado: g = 10 m/s².
a) 25 cm. b)15 m. c)400 m. d)2 km e)60 km.
http://aprendendofisica.net/rede
(UNICAMP) Sob a ação de uma força constante, um corpo de
massa m = 4,0 kg adquire, a partir do repouso, a velocidade
de 10 m/s.
a) Qual é o trabalho realizado por essa força?
b) Se o corpo se deslocou 25 m, qual o valor da força
aplicada?
http://aprendendofisica.net/rede
http://aprendendofisica.net/rede
(PUC MG) No sistema mecânico da figura, os corpos A e B têm
massas mA = 8,0 kg e mB = 4,0 kg, respectivamente.
O fio que os une e a polia são ideais. O coeficiente de atrito
entre o plano horizontal e o corpo A é µ.
A resistência do ar é desprezível e, no local, a aceleração da
gravidade é g = 10m/s2. Quando o sistema é abandonado
do repouso da posição indicada na figura, a aceleração
por ele adquirida tem módulo de 1,0 m/s2.
Calcule:
a)a intensidade da força que traciona o fio;
b)o valor de µ.
http://aprendendofisica.net/rede
A figura mostra o gráfico da intensidade da força de atrito que um
plano horizontal exerce sobre um corpo, versus a intensidade da força
externa aplicada horizontalmente para arrastar este corpo, suposto
inicialmente em repouso sobre o plano horizontal.
Sendo o coeficiente de atrito estático entre o plano e o corpo igual a
0,4, é verdadeiro afirmar que:
a)a força de atrito estático máxima que o plano faz sobre o corpo é 80 N;
b)o peso do corpo é 100 N;
c)o coeficiente de atrito cinético entre o corpo e o plano é 0,32;
d)a intensidade da força de atrito cinético varia linearmente com a
intensidade da força aplicada ao corpo.
http://aprendendofisica.net/rede
http://aprendendofisica.net/rede

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

M3 gabarito
M3 gabaritoM3 gabarito
M3 gabarito
Rildo Borges
 
Miscelânia leis de newton
Miscelânia leis de newtonMiscelânia leis de newton
Miscelânia leis de newton
Professorfranciscosimao
 
Física i
Física iFísica i
Física i
Jones Fagundes
 
Aula 6 força e movimento iii
Aula 6 força e movimento iiiAula 6 força e movimento iii
Aula 6 força e movimento iii
Weslley Murdock
 
Dinâmica e leis de newton
Dinâmica e leis de newtonDinâmica e leis de newton
Dinâmica e leis de newton
Jorge Costa
 
Questoes de-fisica-resolvidas 1
Questoes de-fisica-resolvidas 1Questoes de-fisica-resolvidas 1
Questoes de-fisica-resolvidas 1
Giovani Lazarini
 
Leis de newton exercícios
Leis de newton exercíciosLeis de newton exercícios
Leis de newton exercícios
fisica_prefederal
 
2 exatas cssa exercícios sobre mhs prof waldir montenegro
2 exatas cssa  exercícios sobre mhs prof waldir montenegro2 exatas cssa  exercícios sobre mhs prof waldir montenegro
2 exatas cssa exercícios sobre mhs prof waldir montenegro
Waldir Montenegro
 
V1 c8 (2)
V1 c8 (2)V1 c8 (2)
Blocos
BlocosBlocos
Blocos
flavio moura
 
Dinâmica 2
Dinâmica 2Dinâmica 2
Dinâmica 2
Jorge Costa
 
Fisica exercicios gabarito 003
Fisica exercicios gabarito  003Fisica exercicios gabarito  003
Fisica exercicios gabarito 003
comentada
 
005 dinamica leis_de_newton_exercicios
005 dinamica leis_de_newton_exercicios005 dinamica leis_de_newton_exercicios
005 dinamica leis_de_newton_exercicios
andryellebatista
 
Impulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisão
Impulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisãoImpulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisão
Impulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisão
Marco Antonio Sanches
 
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)
afpinto
 
Aplicação das leis de newton
Aplicação das leis de newtonAplicação das leis de newton
Aplicação das leis de newton
Reinaldo Massayuki
 
1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações prof waldir montenegro
1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações  prof waldir montenegro1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações  prof waldir montenegro
1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações prof waldir montenegro
Waldir Montenegro
 
Exercícios sobre as aplicações das leis de newton
Exercícios sobre as aplicações das leis de newtonExercícios sobre as aplicações das leis de newton
Exercícios sobre as aplicações das leis de newton
Brenda Carvalho
 
Basica vetores e força
Basica vetores e forçaBasica vetores e força
Basica vetores e força
rodrigoateneu
 

Mais procurados (19)

M3 gabarito
M3 gabaritoM3 gabarito
M3 gabarito
 
Miscelânia leis de newton
Miscelânia leis de newtonMiscelânia leis de newton
Miscelânia leis de newton
 
Física i
Física iFísica i
Física i
 
Aula 6 força e movimento iii
Aula 6 força e movimento iiiAula 6 força e movimento iii
Aula 6 força e movimento iii
 
Dinâmica e leis de newton
Dinâmica e leis de newtonDinâmica e leis de newton
Dinâmica e leis de newton
 
Questoes de-fisica-resolvidas 1
Questoes de-fisica-resolvidas 1Questoes de-fisica-resolvidas 1
Questoes de-fisica-resolvidas 1
 
Leis de newton exercícios
Leis de newton exercíciosLeis de newton exercícios
Leis de newton exercícios
 
2 exatas cssa exercícios sobre mhs prof waldir montenegro
2 exatas cssa  exercícios sobre mhs prof waldir montenegro2 exatas cssa  exercícios sobre mhs prof waldir montenegro
2 exatas cssa exercícios sobre mhs prof waldir montenegro
 
V1 c8 (2)
V1 c8 (2)V1 c8 (2)
V1 c8 (2)
 
Blocos
BlocosBlocos
Blocos
 
Dinâmica 2
Dinâmica 2Dinâmica 2
Dinâmica 2
 
Fisica exercicios gabarito 003
Fisica exercicios gabarito  003Fisica exercicios gabarito  003
Fisica exercicios gabarito 003
 
005 dinamica leis_de_newton_exercicios
005 dinamica leis_de_newton_exercicios005 dinamica leis_de_newton_exercicios
005 dinamica leis_de_newton_exercicios
 
Impulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisão
Impulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisãoImpulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisão
Impulso e Quantidade de Movimento - Exercícios de revisão
 
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito (1)
 
Aplicação das leis de newton
Aplicação das leis de newtonAplicação das leis de newton
Aplicação das leis de newton
 
1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações prof waldir montenegro
1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações  prof waldir montenegro1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações  prof waldir montenegro
1º ano cssa as leis de newton e suas aplicações prof waldir montenegro
 
Exercícios sobre as aplicações das leis de newton
Exercícios sobre as aplicações das leis de newtonExercícios sobre as aplicações das leis de newton
Exercícios sobre as aplicações das leis de newton
 
Basica vetores e força
Basica vetores e forçaBasica vetores e força
Basica vetores e força
 

Destaque

Força g
Força gForça g
Força g
Jomar Trabalho
 
Módulo 02
Módulo 02Módulo 02
Módulo 02
Rildo Borges
 
Cap11p trabalho potencia
Cap11p trabalho potenciaCap11p trabalho potencia
Cap11p trabalho potencia
Ulisses Porto
 
Trabalho e Energia.
Trabalho e Energia.Trabalho e Energia.
Trabalho e Energia.
Lara Lídia
 
Satélites estacionários
Satélites estacionáriosSatélites estacionários
Satélites estacionários
Elisa Mitye Akiyama
 
Cosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas características
Cosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas característicasCosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas características
Cosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas características
Wesley Germano Otávio
 
Cosmologia - o Universo
Cosmologia - o UniversoCosmologia - o Universo
Cosmologia - o Universo
Wesley Germano Otávio
 
Histologia vegetal
Histologia vegetalHistologia vegetal
Histologia vegetal
Elisa Mitye Akiyama
 
A física do “muito grande”
A física do “muito grande”A física do “muito grande”
A física do “muito grande”
Vitor Morais
 
Cosmologia sistema solar - os planetas
Cosmologia   sistema solar - os planetasCosmologia   sistema solar - os planetas
Cosmologia sistema solar - os planetas
Wesley Germano Otávio
 
Introdução à teoria de relavitivdade
Introdução à teoria de relavitivdade Introdução à teoria de relavitivdade
Introdução à teoria de relavitivdade
Emidia Maria
 
Cinemática mru (frente 1)
Cinemática mru (frente 1)Cinemática mru (frente 1)
Cinemática mru (frente 1)
Gilberto Rocha
 
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia IAula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Ronaldo Santana
 
Cinemática vetores (frente 1)
Cinemática vetores (frente 1)Cinemática vetores (frente 1)
Cinemática vetores (frente 1)
Gilberto Rocha
 
Cinemática mruv (frente 1)
Cinemática mruv (frente 1)Cinemática mruv (frente 1)
Cinemática mruv (frente 1)
Gilberto Rocha
 
Física - Módulo 01
Física  - Módulo 01Física  - Módulo 01
Física - Módulo 01
Everton Moraes
 
FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016
FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016
FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016
Ronaldo Santana
 
Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...
Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...
Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...
Lara Lídia
 
Física 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidades
Física 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidadesFísica 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidades
Física 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidades
Ronaldo Santana
 
Aceleración uniforme
Aceleración uniformeAceleración uniforme
Aceleración uniforme
gilberto umanzor
 

Destaque (20)

Força g
Força gForça g
Força g
 
Módulo 02
Módulo 02Módulo 02
Módulo 02
 
Cap11p trabalho potencia
Cap11p trabalho potenciaCap11p trabalho potencia
Cap11p trabalho potencia
 
Trabalho e Energia.
Trabalho e Energia.Trabalho e Energia.
Trabalho e Energia.
 
Satélites estacionários
Satélites estacionáriosSatélites estacionários
Satélites estacionários
 
Cosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas características
Cosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas característicasCosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas características
Cosmologia - Sistema Solar - Origem do sol e suas características
 
Cosmologia - o Universo
Cosmologia - o UniversoCosmologia - o Universo
Cosmologia - o Universo
 
Histologia vegetal
Histologia vegetalHistologia vegetal
Histologia vegetal
 
A física do “muito grande”
A física do “muito grande”A física do “muito grande”
A física do “muito grande”
 
Cosmologia sistema solar - os planetas
Cosmologia   sistema solar - os planetasCosmologia   sistema solar - os planetas
Cosmologia sistema solar - os planetas
 
Introdução à teoria de relavitivdade
Introdução à teoria de relavitivdade Introdução à teoria de relavitivdade
Introdução à teoria de relavitivdade
 
Cinemática mru (frente 1)
Cinemática mru (frente 1)Cinemática mru (frente 1)
Cinemática mru (frente 1)
 
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia IAula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
Aula de Física (Ensino Fundamental) - Trabalho, potência, máquinas e energia I
 
Cinemática vetores (frente 1)
Cinemática vetores (frente 1)Cinemática vetores (frente 1)
Cinemática vetores (frente 1)
 
Cinemática mruv (frente 1)
Cinemática mruv (frente 1)Cinemática mruv (frente 1)
Cinemática mruv (frente 1)
 
Física - Módulo 01
Física  - Módulo 01Física  - Módulo 01
Física - Módulo 01
 
FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016
FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016
FÍSICA 9º Ano (Ciências) EF UNASP Velocidade média 01/2016
 
Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...
Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...
Cinemática: Movimento Retilíneo Uniforme e Movimento Uniformemente Variado - ...
 
Física 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidades
Física 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidadesFísica 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidades
Física 9° Ano (Ciências) EF UNASP Transformação das unidades
 
Aceleración uniforme
Aceleración uniformeAceleración uniforme
Aceleración uniforme
 

Semelhante a Exercícios de Trabalho Mecânico e Força de Atrito

Simulado trabalho e energia
Simulado trabalho e energiaSimulado trabalho e energia
Simulado trabalho e energia
Marco Antonio Sanches
 
Atividade derecuperacao1ano2014
Atividade derecuperacao1ano2014Atividade derecuperacao1ano2014
Atividade derecuperacao1ano2014
Andre De Sena Pinheiro
 
energia
energiaenergia
Plano inclinado exercícios
Plano inclinado exercíciosPlano inclinado exercícios
Plano inclinado exercícios
tiowans
 
Simulado junho1403809923 exercicio
Simulado junho1403809923 exercicioSimulado junho1403809923 exercicio
Simulado junho1403809923 exercicio
ROBSONVINAS
 
Conservacao de energia pre gabarito
Conservacao de energia pre   gabaritoConservacao de energia pre   gabarito
Conservacao de energia pre gabarito
Marcelo Alano
 
Dinâmica parte 3
Dinâmica parte 3Dinâmica parte 3
Dinâmica parte 3
Jorge Costa
 
Energia fisica 10 ano
Energia fisica 10 anoEnergia fisica 10 ano
Energia fisica 10 ano
Maria De Fatima Maria Rodrigues
 
21655210 exercicios-de-dinamica
21655210 exercicios-de-dinamica21655210 exercicios-de-dinamica
21655210 exercicios-de-dinamica
afpinto
 
Oa estudos de-revisao
Oa estudos de-revisaoOa estudos de-revisao
Oa estudos de-revisao
Pedrosa Matheus
 
94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)
94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)
94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)
Emerson Assis
 
Revisao2 extensivo a_fisica_tarefa
Revisao2 extensivo a_fisica_tarefaRevisao2 extensivo a_fisica_tarefa
Revisao2 extensivo a_fisica_tarefa
Vismael Santos
 
dinâmica fisica
dinâmica fisicadinâmica fisica
dinâmica fisica
aliny costa
 
Lista de exercícios aplicações das leis de newton
Lista de exercícios   aplicações das leis de newtonLista de exercícios   aplicações das leis de newton
Lista de exercícios aplicações das leis de newton
Matheus Leal
 
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
Anni Carolini Santos
 
Fisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
Fisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabaritoFisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
Fisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
Ildo Jose
 
Lista de colisões
Lista de colisõesLista de colisões
Lista de colisões
fontouramail
 
1 em conservacao-de_energia
1 em conservacao-de_energia1 em conservacao-de_energia
1 em conservacao-de_energia
Thalles Baraky Tavares
 
Atividade 3 ° ano 04 10-13
Atividade 3 ° ano   04 10-13Atividade 3 ° ano   04 10-13
Atividade 3 ° ano 04 10-13
tiowans
 
Simulado 31400787239 exercicio
Simulado 31400787239 exercicioSimulado 31400787239 exercicio
Simulado 31400787239 exercicio
ROBSONVINAS
 

Semelhante a Exercícios de Trabalho Mecânico e Força de Atrito (20)

Simulado trabalho e energia
Simulado trabalho e energiaSimulado trabalho e energia
Simulado trabalho e energia
 
Atividade derecuperacao1ano2014
Atividade derecuperacao1ano2014Atividade derecuperacao1ano2014
Atividade derecuperacao1ano2014
 
energia
energiaenergia
energia
 
Plano inclinado exercícios
Plano inclinado exercíciosPlano inclinado exercícios
Plano inclinado exercícios
 
Simulado junho1403809923 exercicio
Simulado junho1403809923 exercicioSimulado junho1403809923 exercicio
Simulado junho1403809923 exercicio
 
Conservacao de energia pre gabarito
Conservacao de energia pre   gabaritoConservacao de energia pre   gabarito
Conservacao de energia pre gabarito
 
Dinâmica parte 3
Dinâmica parte 3Dinâmica parte 3
Dinâmica parte 3
 
Energia fisica 10 ano
Energia fisica 10 anoEnergia fisica 10 ano
Energia fisica 10 ano
 
21655210 exercicios-de-dinamica
21655210 exercicios-de-dinamica21655210 exercicios-de-dinamica
21655210 exercicios-de-dinamica
 
Oa estudos de-revisao
Oa estudos de-revisaoOa estudos de-revisao
Oa estudos de-revisao
 
94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)
94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)
94225931 2º-bim-3º-em-exercicios(1)
 
Revisao2 extensivo a_fisica_tarefa
Revisao2 extensivo a_fisica_tarefaRevisao2 extensivo a_fisica_tarefa
Revisao2 extensivo a_fisica_tarefa
 
dinâmica fisica
dinâmica fisicadinâmica fisica
dinâmica fisica
 
Lista de exercícios aplicações das leis de newton
Lista de exercícios   aplicações das leis de newtonLista de exercícios   aplicações das leis de newton
Lista de exercícios aplicações das leis de newton
 
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
558 fisica dinamica_leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
 
Fisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
Fisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabaritoFisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
Fisica dinamica leis_de_newton_aplicacoes_blocos_gabarito
 
Lista de colisões
Lista de colisõesLista de colisões
Lista de colisões
 
1 em conservacao-de_energia
1 em conservacao-de_energia1 em conservacao-de_energia
1 em conservacao-de_energia
 
Atividade 3 ° ano 04 10-13
Atividade 3 ° ano   04 10-13Atividade 3 ° ano   04 10-13
Atividade 3 ° ano 04 10-13
 
Simulado 31400787239 exercicio
Simulado 31400787239 exercicioSimulado 31400787239 exercicio
Simulado 31400787239 exercicio
 

Mais de Sérgio F. de Lima

Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016
Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016
Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016
Sérgio F. de Lima
 
AualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estática
AualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estáticaAualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estática
AualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estática
Sérgio F. de Lima
 
Pré análise laboratório de física
Pré análise  laboratório de físicaPré análise  laboratório de física
Pré análise laboratório de física
Sérgio F. de Lima
 
Oficina projetos-aprendizagem-prd2015
Oficina projetos-aprendizagem-prd2015Oficina projetos-aprendizagem-prd2015
Oficina projetos-aprendizagem-prd2015
Sérgio F. de Lima
 
Aula aprofundamento-01-analise- dimensional
Aula aprofundamento-01-analise- dimensionalAula aprofundamento-01-analise- dimensional
Aula aprofundamento-01-analise- dimensional
Sérgio F. de Lima
 
Projetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro II
Projetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro IIProjetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro II
Projetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro II
Sérgio F. de Lima
 
Lançamentos oblíquos
Lançamentos oblíquosLançamentos oblíquos
Lançamentos oblíquos
Sérgio F. de Lima
 
Apresentação lentes esféricas e instrumentos ópticos
Apresentação lentes esféricas e instrumentos ópticosApresentação lentes esféricas e instrumentos ópticos
Apresentação lentes esféricas e instrumentos ópticos
Sérgio F. de Lima
 
Gabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - Centro
Gabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - CentroGabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - Centro
Gabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - Centro
Sérgio F. de Lima
 
Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016
Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016
Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016
Sérgio F. de Lima
 
Apresentacao primeiro-dia-2014
Apresentacao primeiro-dia-2014Apresentacao primeiro-dia-2014
Apresentacao primeiro-dia-2014
Sérgio F. de Lima
 
Tics ensino-fisica-uberaba-2013
Tics ensino-fisica-uberaba-2013Tics ensino-fisica-uberaba-2013
Tics ensino-fisica-uberaba-2013
Sérgio F. de Lima
 
Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?
Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?
Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?
Sérgio F. de Lima
 
TICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola Disrutiva
TICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola DisrutivaTICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola Disrutiva
TICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola Disrutiva
Sérgio F. de Lima
 
Dissertação Mestrado Sergio-Ferreira-Lima
Dissertação Mestrado Sergio-Ferreira-LimaDissertação Mestrado Sergio-Ferreira-Lima
Dissertação Mestrado Sergio-Ferreira-Lima
Sérgio F. de Lima
 
Software Livre na Educação
Software Livre na EducaçãoSoftware Livre na Educação
Software Livre na Educação
Sérgio F. de Lima
 
Ferramentas Livres no Ensino de Física
Ferramentas Livres no Ensino de FísicaFerramentas Livres no Ensino de Física
Ferramentas Livres no Ensino de Física
Sérgio F. de Lima
 
Oficina blogues no ensino de Física
Oficina blogues no ensino de FísicaOficina blogues no ensino de Física
Oficina blogues no ensino de Física
Sérgio F. de Lima
 
Apresentação primeiro-dia-aula 2011
Apresentação primeiro-dia-aula 2011Apresentação primeiro-dia-aula 2011
Apresentação primeiro-dia-aula 2011
Sérgio F. de Lima
 
Ferramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXI
Ferramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXIFerramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXI
Ferramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXI
Sérgio F. de Lima
 

Mais de Sérgio F. de Lima (20)

Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016
Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016
Uso midia digitiais em educacao - Curso de extensao em Ensino de Física - 2016
 
AualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estática
AualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estáticaAualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estática
AualAula aprofundamento-02-gases-ideias-estática
 
Pré análise laboratório de física
Pré análise  laboratório de físicaPré análise  laboratório de física
Pré análise laboratório de física
 
Oficina projetos-aprendizagem-prd2015
Oficina projetos-aprendizagem-prd2015Oficina projetos-aprendizagem-prd2015
Oficina projetos-aprendizagem-prd2015
 
Aula aprofundamento-01-analise- dimensional
Aula aprofundamento-01-analise- dimensionalAula aprofundamento-01-analise- dimensional
Aula aprofundamento-01-analise- dimensional
 
Projetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro II
Projetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro IIProjetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro II
Projetos de Aprendizagem de Física no Colégio Pedro II
 
Lançamentos oblíquos
Lançamentos oblíquosLançamentos oblíquos
Lançamentos oblíquos
 
Apresentação lentes esféricas e instrumentos ópticos
Apresentação lentes esféricas e instrumentos ópticosApresentação lentes esféricas e instrumentos ópticos
Apresentação lentes esféricas e instrumentos ópticos
 
Gabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - Centro
Gabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - CentroGabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - Centro
Gabarito Prova Física 1 ano Ensino Médio Colégio Pedro II - Centro
 
Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016
Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016
Projeto Dedicação Exclusiva 2014-2016
 
Apresentacao primeiro-dia-2014
Apresentacao primeiro-dia-2014Apresentacao primeiro-dia-2014
Apresentacao primeiro-dia-2014
 
Tics ensino-fisica-uberaba-2013
Tics ensino-fisica-uberaba-2013Tics ensino-fisica-uberaba-2013
Tics ensino-fisica-uberaba-2013
 
Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?
Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?
Especialistas e Amadores um encontro através do conhecimento?
 
TICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola Disrutiva
TICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola DisrutivaTICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola Disrutiva
TICs e Ensino de Física: Limites e Possibilidades para uma Escola Disrutiva
 
Dissertação Mestrado Sergio-Ferreira-Lima
Dissertação Mestrado Sergio-Ferreira-LimaDissertação Mestrado Sergio-Ferreira-Lima
Dissertação Mestrado Sergio-Ferreira-Lima
 
Software Livre na Educação
Software Livre na EducaçãoSoftware Livre na Educação
Software Livre na Educação
 
Ferramentas Livres no Ensino de Física
Ferramentas Livres no Ensino de FísicaFerramentas Livres no Ensino de Física
Ferramentas Livres no Ensino de Física
 
Oficina blogues no ensino de Física
Oficina blogues no ensino de FísicaOficina blogues no ensino de Física
Oficina blogues no ensino de Física
 
Apresentação primeiro-dia-aula 2011
Apresentação primeiro-dia-aula 2011Apresentação primeiro-dia-aula 2011
Apresentação primeiro-dia-aula 2011
 
Ferramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXI
Ferramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXIFerramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXI
Ferramentas Livres e Colaboração: Possibilidades para Educação do Séc. XXI
 

Último

IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFVRegistros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Yan Kayk da Cruz Ferreira
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da químicaTEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
VictorEmanoel37
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 

Último (20)

IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFVRegistros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da químicaTEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 

Exercícios de Trabalho Mecânico e Força de Atrito

  • 1. Revisão Física – 2º Certificação Atrito e Trabalho Mecânico http://aprendendofisica.net/rede/ Prof. Sérgio Lima @apfisica
  • 2. http://aprendendofisica.net/rede/ (UFAC – 2009) Um carro se desloca com velocidade de 72km/h na Avenida Ceará. O motorista observa a presença de um radar a 300 m e aciona imediatamente os freios. Ele passa pelo radar com velocidade de 36km/h. Considere a massa do carro igual a 1.000 kg. O módulo da intensidade do trabalho realizado durante a frenagem, em kJ, vale: a) 50 b) 100 c) 150 d) 200 e) 250
  • 3. http://aprendendofisica.net/rede Um corpo de massa m = 2 kg é abandonado de uma altura h = 20 m. Observa-se que, durante a queda, é gerada uma quantidade de calor igual a 100 J, em virtude do atrito com o ar. Considerando g = 10 m/s², calcule a velocidade (em m/s) do corpo no instante em que ele toca o solo.
  • 4. (UEL) Uma mola, submetida à ação de uma força de intensidade 10 N, está deformada de 2,0 cm. O módulo do trabalho realizado pela força elástica na deformação de 0 a 2,0 cm foi, em joules, de: a) 0,1 b) 0,2 c) 0,5 d) 1,0 e) 2,0 http://aprendendofisica.net/rede
  • 5. (FUVEST) No rótulo de uma lata de leite em pó lê-se: "Valor energético: 1 509 kJ por 100 g (361 kcal)". Se toda energia armazenada em uma lata contendo 400 g de leite fosse utilizada para levantar um objeto de 10 kg, a altura atingida seria de aproximadamente: Dado: g = 10 m/s². a) 25 cm. b)15 m. c)400 m. d)2 km e)60 km. http://aprendendofisica.net/rede
  • 6. (UNICAMP) Sob a ação de uma força constante, um corpo de massa m = 4,0 kg adquire, a partir do repouso, a velocidade de 10 m/s. a) Qual é o trabalho realizado por essa força? b) Se o corpo se deslocou 25 m, qual o valor da força aplicada? http://aprendendofisica.net/rede
  • 7. http://aprendendofisica.net/rede (PUC MG) No sistema mecânico da figura, os corpos A e B têm massas mA = 8,0 kg e mB = 4,0 kg, respectivamente. O fio que os une e a polia são ideais. O coeficiente de atrito entre o plano horizontal e o corpo A é µ. A resistência do ar é desprezível e, no local, a aceleração da gravidade é g = 10m/s2. Quando o sistema é abandonado do repouso da posição indicada na figura, a aceleração por ele adquirida tem módulo de 1,0 m/s2. Calcule: a)a intensidade da força que traciona o fio; b)o valor de µ.
  • 8. http://aprendendofisica.net/rede A figura mostra o gráfico da intensidade da força de atrito que um plano horizontal exerce sobre um corpo, versus a intensidade da força externa aplicada horizontalmente para arrastar este corpo, suposto inicialmente em repouso sobre o plano horizontal. Sendo o coeficiente de atrito estático entre o plano e o corpo igual a 0,4, é verdadeiro afirmar que: a)a força de atrito estático máxima que o plano faz sobre o corpo é 80 N; b)o peso do corpo é 100 N; c)o coeficiente de atrito cinético entre o corpo e o plano é 0,32; d)a intensidade da força de atrito cinético varia linearmente com a intensidade da força aplicada ao corpo.