SlideShare uma empresa Scribd logo
Evangelho e Alegria
                            Emmanuel / Chico Xavier

 “Grande injustiça comete quem afirma
   encontrar no Evangelho a religião
      da tristeza e da amargura.
       Indubitavelmente, o sacerdócio
    muita vez impregnou o horizonte
        cristão de nuvens sombrias,
 com certas etiquetas do culto exterior,
  mas o Cristianismo, em sua essência,
é a revelação da profunda alegria do Céu
         entre as sombras da Terra.
Evangelho e Alegria

            A vinda do Mestre é
               precedida pela
            visitação dos anjos.
              Maria, jubilosa,
             conversa com um
             mensageiro divino
              que a esclarece
            sobre a chegada do
           Embaixador Celestial.
Evangelho e Alegria
             Nasce Jesus
           na manjedoura
           humilde, que se
            deslumbra ao
              clarão de
             inesperada
               estrela.
Evangelho e Alegria




  Tratadores rústicos são chamados
     por um emissário espiritual,
   repentinamente materializado à
frente deles, declarando-se portador
    de “notícias de grande alegria”
         para todo o povo.
Evangelho e Alegria

No mesmo instante,
vozes cristalinas entoam
cânticos na Altura,
glorificando o Criador e
exaltando a paz e
a boa vontade
entre os homens.
Evangelho e Alegria




Jesus: A Alegria dos Homens – Bach – Celtic Woman
Clique aqui para ver a apresentação musical no youtube
Evangelho e Alegria
    Começa a reinar o
    contentamento e a
    esperança...
    Mais tarde, o Mestre
    inicia o seu apostolado
    numa festa nupcial,
    assinalando os júbilos
    da família.
Evangelho e Alegria
    Como que percebendo
    limitação e estreiteza em
    qualquer templo de pedra para
    a sua palavra no mundo, o
    Senhor principia as suas
    pregações à beira do lago, em
    pleno santuário da natureza.

    Flores e pássaros, luz e perfume
    representam a moldura de sua
    doutrinação.
Evangelho e Alegria
     Multidões ouvem-lhe a voz
     balsamizante.
     Doentes e aleijados tocam-
     se de infinitas consolações.
     Pobres e aflitos entrevêem
     novos horizontes no futuro.
     Mulheres e crianças
     acompanham-no,
     alegremente.
Evangelho e Alegria




O Sermão da Montanha é o hino das bem-
aventuranças, suprimindo a aflição e o desespero.
Por onde passa o Divino Amigo, estabelece-se o
contentamento contagiante.
Evangelho e Alegria
    Em pleno campo, multiplica-
    se o pão destinado aos
    famintos.
    O tratamento dispensado
    pelo Mestre aos sofredores,
    considerados inúteis ou
    desprezíveis, cria novos
    padrões de confiança no
    mundo.
Evangelho e Alegria
     Desdobra-se o apostolado
     da Boa Nova, no clima da
     alegria perfeita.
     Cada criatura que registra
     as notas consoladoras do
     Evangelho começa a
     contemplar o mundo e a
     vida, através de prisma
     diferente.
Evangelho e Alegria
       Surge-lhe a Terra por
       bendita escola de
       preparação espiritual,
       com serviço
       santificante para todos.
Evangelho e Alegria
       Cada enfermo que se
    refaz para a saúde é
    veículo de bom ânimo
    para a comunidade
    inteira.
       Cada sofredor que se
    reconforta constitui
    edificação moral para a
    turba imensa.
Evangelho e Alegria

     Madalena, que se
     engrandece no amor, é a
     beleza que renasce eterna,
     e Lázaro, que se ergue do
     sepulcro, é a vida
     triunfante que ressurge
     imortal.
Evangelho e Alegria
    E, ainda, do suor sangrento das
    lágrimas da cruz, o Senhor faz
    que flua o manancial da vida
    vitoriosa para o mundo inteiro,
    com o sol da ressurreição a
    irradiar-se para a Humanidade,
    sustentando-lhe o crescimento
    espiritual na direção dos
    séculos sem fim.”
                Livro: Antologia Mediúnica do Natal
                  Francisco Cândido Xavier - Ed. FEB

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VIIBem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
NatyMadeira
 
Influência do Espiritismo no Progresso
Influência do Espiritismo no ProgressoInfluência do Espiritismo no Progresso
Influência do Espiritismo no Progresso
igmateus
 
Evangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueire
Evangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueireEvangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueire
Evangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueire
grupodepaisceb
 
A felicidade na visão espírita
A felicidade na visão espírita A felicidade na visão espírita
A felicidade na visão espírita
grupodepaisceb
 
O CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDOO CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDO
Jorge Luiz dos Santos
 
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptxRetorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Rosimeire Alves
 
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Marcos Antônio Alves
 
Programa de estudo - As Leis Morais em Nossas Vidas
Programa de estudo - As Leis Morais em Nossas VidasPrograma de estudo - As Leis Morais em Nossas Vidas
Programa de estudo - As Leis Morais em Nossas Vidas
Departamento Comunicação Social SER
 
Codigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futuraCodigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futura
Marcelo Bomfim de Aguiar
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildadeCapítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
alice martins
 
Palestra ESE 21 Falsos cristos e profetas
Palestra ESE 21 Falsos cristos e profetasPalestra ESE 21 Falsos cristos e profetas
Palestra ESE 21 Falsos cristos e profetas
Tiburcio Santos
 
A terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiaçõesA terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiações
Graça Maciel
 
Falsos profetas
Falsos profetasFalsos profetas
Falsos profetas
Luciane Belchior
 
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon pptNão se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
Silvânio Barcelos
 
Provas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riquezaProvas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riqueza
Graça Maciel
 
O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"
O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"
O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"
Jorge Luiz dos Santos
 
Trabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima HoraTrabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima Hora
Sergio Menezes
 
Observai os Pássaros
Observai os PássarosObservai os Pássaros
Observai os Pássaros
igmateus
 
Palestra ESE25 buscai e achareis
Palestra ESE25   buscai e achareis Palestra ESE25   buscai e achareis
Palestra ESE25 buscai e achareis
Tiburcio Santos
 

Mais procurados (20)

Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VIIBem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
 
Influência do Espiritismo no Progresso
Influência do Espiritismo no ProgressoInfluência do Espiritismo no Progresso
Influência do Espiritismo no Progresso
 
Evangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueire
Evangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueireEvangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueire
Evangelho Capítulo XXIV - Não por a candeia debaixo do alqueire
 
A felicidade na visão espírita
A felicidade na visão espírita A felicidade na visão espírita
A felicidade na visão espírita
 
O CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDOO CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDO
 
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptxRetorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
 
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
 
Programa de estudo - As Leis Morais em Nossas Vidas
Programa de estudo - As Leis Morais em Nossas VidasPrograma de estudo - As Leis Morais em Nossas Vidas
Programa de estudo - As Leis Morais em Nossas Vidas
 
Codigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futuraCodigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futura
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
 
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildadeCapítulo vii – o orgulho e a humildade
Capítulo vii – o orgulho e a humildade
 
Palestra ESE 21 Falsos cristos e profetas
Palestra ESE 21 Falsos cristos e profetasPalestra ESE 21 Falsos cristos e profetas
Palestra ESE 21 Falsos cristos e profetas
 
A terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiaçõesA terra planeta de provas e expiações
A terra planeta de provas e expiações
 
Falsos profetas
Falsos profetasFalsos profetas
Falsos profetas
 
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon pptNão se pode servir a deus e a mamon ppt
Não se pode servir a deus e a mamon ppt
 
Provas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riquezaProvas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riqueza
 
O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"
O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"
O CÉU E O INFERNO "Visão Espírita"
 
Trabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima HoraTrabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima Hora
 
Observai os Pássaros
Observai os PássarosObservai os Pássaros
Observai os Pássaros
 
Palestra ESE25 buscai e achareis
Palestra ESE25   buscai e achareis Palestra ESE25   buscai e achareis
Palestra ESE25 buscai e achareis
 

Destaque

Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Nazareno Feitosa
 
Alegria de Viver
Alegria de Viver Alegria de Viver
Alegria de Viver
Ricardo Azevedo
 
Instituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viver
Instituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viverInstituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viver
Instituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viver
Instituto Espírita de Educação
 
Com Alegria
Com AlegriaCom Alegria
Com Alegria
luiscandido
 
Roteiro emmanuel
Roteiro emmanuelRoteiro emmanuel
Roteiro emmanuel
Gevluz de Luz
 
A Alegria de Jesus Cristo
A Alegria de Jesus CristoA Alegria de Jesus Cristo
A Alegria de Jesus Cristo
Ezequiel Gomes
 
O Mapa da Felicidade
O Mapa da FelicidadeO Mapa da Felicidade
O Mapa da Felicidade
Eid Marques
 
O conforto das dores da alma
O conforto das dores da almaO conforto das dores da alma
O conforto das dores da alma
carlos freire
 
Os seguidores de Jesus - n.14
Os seguidores de Jesus - n.14Os seguidores de Jesus - n.14
Os seguidores de Jesus - n.14
Graça Maciel
 
Saude integral
Saude integralSaude integral
Saude integral
Andre Luiz Campos
 
Os mensageiros
Os mensageirosOs mensageiros
Os mensageiros
Antonio SSantos
 
Pássaros - Emanuel
Pássaros  - EmanuelPássaros  - Emanuel
Pássaros - Emanuel
elizacouto
 
Gratidao alegria
Gratidao alegriaGratidao alegria
Gratidao alegria
Grupo Espírita Mensageiros
 
O que pedes ao teu coração
O que pedes ao teu coraçãoO que pedes ao teu coração
O que pedes ao teu coração
Grupo Espírita Mensageiros
 
MENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCO
MENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCOMENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCO
MENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCO
Grupo Espírita Mensageiros
 
Alegriae triunfo resumo
Alegriae triunfo resumoAlegriae triunfo resumo
Alegriae triunfo resumo
rosana carvalho
 
O Espiritismo e o Dia das Mães
O Espiritismo e o Dia das MãesO Espiritismo e o Dia das Mães
O Espiritismo e o Dia das Mães
Carlos Correa
 
Cantata ALEGRIA - 2014
Cantata ALEGRIA - 2014Cantata ALEGRIA - 2014
Cantata ALEGRIA - 2014
Lucia Silveira
 
Evolucão em dois Mundos
 Evolucão em dois Mundos Evolucão em dois Mundos
Evolucão em dois Mundos
Alessandra F. Torres
 
Aula M1 (21/07/2011) - Caridade
Aula M1 (21/07/2011) - CaridadeAula M1 (21/07/2011) - Caridade
Aula M1 (21/07/2011) - Caridade
Mocidade Espírita União Fraternal
 

Destaque (20)

Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
Jesus e a Alegria de Viver - Nazareno Feitosa v.6
 
Alegria de Viver
Alegria de Viver Alegria de Viver
Alegria de Viver
 
Instituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viver
Instituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viverInstituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viver
Instituto Espírita de Educação - Depressão e alegria de viver
 
Com Alegria
Com AlegriaCom Alegria
Com Alegria
 
Roteiro emmanuel
Roteiro emmanuelRoteiro emmanuel
Roteiro emmanuel
 
A Alegria de Jesus Cristo
A Alegria de Jesus CristoA Alegria de Jesus Cristo
A Alegria de Jesus Cristo
 
O Mapa da Felicidade
O Mapa da FelicidadeO Mapa da Felicidade
O Mapa da Felicidade
 
O conforto das dores da alma
O conforto das dores da almaO conforto das dores da alma
O conforto das dores da alma
 
Os seguidores de Jesus - n.14
Os seguidores de Jesus - n.14Os seguidores de Jesus - n.14
Os seguidores de Jesus - n.14
 
Saude integral
Saude integralSaude integral
Saude integral
 
Os mensageiros
Os mensageirosOs mensageiros
Os mensageiros
 
Pássaros - Emanuel
Pássaros  - EmanuelPássaros  - Emanuel
Pássaros - Emanuel
 
Gratidao alegria
Gratidao alegriaGratidao alegria
Gratidao alegria
 
O que pedes ao teu coração
O que pedes ao teu coraçãoO que pedes ao teu coração
O que pedes ao teu coração
 
MENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCO
MENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCOMENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCO
MENSAGEM DE FRANCISCO DE ASSIS PARA DIVALDO FRANCO
 
Alegriae triunfo resumo
Alegriae triunfo resumoAlegriae triunfo resumo
Alegriae triunfo resumo
 
O Espiritismo e o Dia das Mães
O Espiritismo e o Dia das MãesO Espiritismo e o Dia das Mães
O Espiritismo e o Dia das Mães
 
Cantata ALEGRIA - 2014
Cantata ALEGRIA - 2014Cantata ALEGRIA - 2014
Cantata ALEGRIA - 2014
 
Evolucão em dois Mundos
 Evolucão em dois Mundos Evolucão em dois Mundos
Evolucão em dois Mundos
 
Aula M1 (21/07/2011) - Caridade
Aula M1 (21/07/2011) - CaridadeAula M1 (21/07/2011) - Caridade
Aula M1 (21/07/2011) - Caridade
 

Semelhante a Evangelho e Alegria - Emmanuel - Chico Xavier - Livro Roteiro

Desespero
DesesperoDesespero
Desespero
welingtonjh
 
4 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-19464 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-1946
paulasa pin
 
Obreiros da vida eterna chico xavier
Obreiros da vida eterna  chico xavierObreiros da vida eterna  chico xavier
Obreiros da vida eterna chico xavier
havatar
 
Natal 2016
Natal 2016Natal 2016
Natal 2016
Patricia Farias
 
Hinario Episcopal
Hinario EpiscopalHinario Episcopal
Hinario Episcopal
Diocese Anglicana do Paraná
 
Estudo do livro Roteiro lição 14
Estudo do livro Roteiro lição 14Estudo do livro Roteiro lição 14
Estudo do livro Roteiro lição 14
Candice Gunther
 
MISSA 3DADVENTO.pptx
MISSA 3DADVENTO.pptxMISSA 3DADVENTO.pptx
MISSA 3DADVENTO.pptx
DanielleHashimoto
 
Terco Missionário
Terco MissionárioTerco Missionário
Terco Missionário
Bernadetecebs .
 
2006 03 26 culto matutino - batismo da luísa
2006 03 26   culto matutino - batismo da luísa2006 03 26   culto matutino - batismo da luísa
2006 03 26 culto matutino - batismo da luísa
Paulo Dias Nogueira
 
2006 03 26 luiza biazotto maia
2006 03 26   luiza biazotto maia2006 03 26   luiza biazotto maia
2006 03 26 luiza biazotto maia
Paulo Dias Nogueira
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...
ParoquiaDeSaoPedro
 
Ecovida Set-Out2017
Ecovida Set-Out2017Ecovida Set-Out2017
Ecovida Set-Out2017
Lada vitorino
 
11 12 11
11 12 1111 12 11
Livro Preces Apelos E Invocações
Livro Preces Apelos E InvocaçõesLivro Preces Apelos E Invocações
Livro Preces Apelos E Invocações
Nilson Almeida
 
Ave Cristo
Ave CristoAve Cristo
17 02-2013 (1)
17 02-2013 (1)17 02-2013 (1)
17 02-2013 (1)
Nuno Bessa
 
Ave Cristo
Ave CristoAve Cristo
Ave Cristo
celulaespirita
 
Terço Missionário
Terço MissionárioTerço Missionário
Terço Missionário
Bernadetecebs .
 
Missa do 16 Domingo Tempo Comum Ano B
Missa do 16 Domingo Tempo Comum Ano BMissa do 16 Domingo Tempo Comum Ano B
Missa do 16 Domingo Tempo Comum Ano B
Laurentino Lucio Filho
 
Andre luiz 04_obreiros_da_vida_eterna
Andre luiz 04_obreiros_da_vida_eternaAndre luiz 04_obreiros_da_vida_eterna
Andre luiz 04_obreiros_da_vida_eterna
Kátia Xavier Da Silva Rigo
 

Semelhante a Evangelho e Alegria - Emmanuel - Chico Xavier - Livro Roteiro (20)

Desespero
DesesperoDesespero
Desespero
 
4 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-19464 obreiros da-vida_eterna-1946
4 obreiros da-vida_eterna-1946
 
Obreiros da vida eterna chico xavier
Obreiros da vida eterna  chico xavierObreiros da vida eterna  chico xavier
Obreiros da vida eterna chico xavier
 
Natal 2016
Natal 2016Natal 2016
Natal 2016
 
Hinario Episcopal
Hinario EpiscopalHinario Episcopal
Hinario Episcopal
 
Estudo do livro Roteiro lição 14
Estudo do livro Roteiro lição 14Estudo do livro Roteiro lição 14
Estudo do livro Roteiro lição 14
 
MISSA 3DADVENTO.pptx
MISSA 3DADVENTO.pptxMISSA 3DADVENTO.pptx
MISSA 3DADVENTO.pptx
 
Terco Missionário
Terco MissionárioTerco Missionário
Terco Missionário
 
2006 03 26 culto matutino - batismo da luísa
2006 03 26   culto matutino - batismo da luísa2006 03 26   culto matutino - batismo da luísa
2006 03 26 culto matutino - batismo da luísa
 
2006 03 26 luiza biazotto maia
2006 03 26   luiza biazotto maia2006 03 26   luiza biazotto maia
2006 03 26 luiza biazotto maia
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Janeir...
 
Ecovida Set-Out2017
Ecovida Set-Out2017Ecovida Set-Out2017
Ecovida Set-Out2017
 
11 12 11
11 12 1111 12 11
11 12 11
 
Livro Preces Apelos E Invocações
Livro Preces Apelos E InvocaçõesLivro Preces Apelos E Invocações
Livro Preces Apelos E Invocações
 
Ave Cristo
Ave CristoAve Cristo
Ave Cristo
 
17 02-2013 (1)
17 02-2013 (1)17 02-2013 (1)
17 02-2013 (1)
 
Ave Cristo
Ave CristoAve Cristo
Ave Cristo
 
Terço Missionário
Terço MissionárioTerço Missionário
Terço Missionário
 
Missa do 16 Domingo Tempo Comum Ano B
Missa do 16 Domingo Tempo Comum Ano BMissa do 16 Domingo Tempo Comum Ano B
Missa do 16 Domingo Tempo Comum Ano B
 
Andre luiz 04_obreiros_da_vida_eterna
Andre luiz 04_obreiros_da_vida_eternaAndre luiz 04_obreiros_da_vida_eterna
Andre luiz 04_obreiros_da_vida_eterna
 

Último

Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
carla983678
 
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
SanturioTacararu
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptxBatismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
nadeclarice
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
AlexandreCarvalho858758
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
AntonioMugiba
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
Nilson Almeida
 

Último (14)

Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
 
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptxBatismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
 

Evangelho e Alegria - Emmanuel - Chico Xavier - Livro Roteiro

  • 1. Evangelho e Alegria Emmanuel / Chico Xavier “Grande injustiça comete quem afirma encontrar no Evangelho a religião da tristeza e da amargura. Indubitavelmente, o sacerdócio muita vez impregnou o horizonte cristão de nuvens sombrias, com certas etiquetas do culto exterior, mas o Cristianismo, em sua essência, é a revelação da profunda alegria do Céu entre as sombras da Terra.
  • 2. Evangelho e Alegria A vinda do Mestre é precedida pela visitação dos anjos. Maria, jubilosa, conversa com um mensageiro divino que a esclarece sobre a chegada do Embaixador Celestial.
  • 3. Evangelho e Alegria Nasce Jesus na manjedoura humilde, que se deslumbra ao clarão de inesperada estrela.
  • 4. Evangelho e Alegria Tratadores rústicos são chamados por um emissário espiritual, repentinamente materializado à frente deles, declarando-se portador de “notícias de grande alegria” para todo o povo.
  • 5. Evangelho e Alegria No mesmo instante, vozes cristalinas entoam cânticos na Altura, glorificando o Criador e exaltando a paz e a boa vontade entre os homens.
  • 6. Evangelho e Alegria Jesus: A Alegria dos Homens – Bach – Celtic Woman Clique aqui para ver a apresentação musical no youtube
  • 7. Evangelho e Alegria Começa a reinar o contentamento e a esperança... Mais tarde, o Mestre inicia o seu apostolado numa festa nupcial, assinalando os júbilos da família.
  • 8. Evangelho e Alegria Como que percebendo limitação e estreiteza em qualquer templo de pedra para a sua palavra no mundo, o Senhor principia as suas pregações à beira do lago, em pleno santuário da natureza. Flores e pássaros, luz e perfume representam a moldura de sua doutrinação.
  • 9. Evangelho e Alegria Multidões ouvem-lhe a voz balsamizante. Doentes e aleijados tocam- se de infinitas consolações. Pobres e aflitos entrevêem novos horizontes no futuro. Mulheres e crianças acompanham-no, alegremente.
  • 10. Evangelho e Alegria O Sermão da Montanha é o hino das bem- aventuranças, suprimindo a aflição e o desespero. Por onde passa o Divino Amigo, estabelece-se o contentamento contagiante.
  • 11. Evangelho e Alegria Em pleno campo, multiplica- se o pão destinado aos famintos. O tratamento dispensado pelo Mestre aos sofredores, considerados inúteis ou desprezíveis, cria novos padrões de confiança no mundo.
  • 12. Evangelho e Alegria Desdobra-se o apostolado da Boa Nova, no clima da alegria perfeita. Cada criatura que registra as notas consoladoras do Evangelho começa a contemplar o mundo e a vida, através de prisma diferente.
  • 13. Evangelho e Alegria Surge-lhe a Terra por bendita escola de preparação espiritual, com serviço santificante para todos.
  • 14. Evangelho e Alegria Cada enfermo que se refaz para a saúde é veículo de bom ânimo para a comunidade inteira. Cada sofredor que se reconforta constitui edificação moral para a turba imensa.
  • 15. Evangelho e Alegria Madalena, que se engrandece no amor, é a beleza que renasce eterna, e Lázaro, que se ergue do sepulcro, é a vida triunfante que ressurge imortal.
  • 16. Evangelho e Alegria E, ainda, do suor sangrento das lágrimas da cruz, o Senhor faz que flua o manancial da vida vitoriosa para o mundo inteiro, com o sol da ressurreição a irradiar-se para a Humanidade, sustentando-lhe o crescimento espiritual na direção dos séculos sem fim.” Livro: Antologia Mediúnica do Natal Francisco Cândido Xavier - Ed. FEB