SlideShare uma empresa Scribd logo
ESTUDOS NA CONFISSÃO DE FÉ DE WESTMINSTER - 3
Capítulo 10 - Da Vocação Eficaz.
Seção – 1:"Todos aqueles que Deus predestinou para a vida, e só esses, é ele
servido, no tempo por ele determinado e aceito, chamar eficazmente pela sua
palavra e pelo seu Espírito, tirando-os por Jesus Cristo daquele estado de pecado e
morte em que estão por natureza, e transpondo-os para a graça e salvação. Isto
ele o faz, iluminando os seus entendimentos espiritualmente a fim de
compreenderem as coisas de Deus para a salvação, tirando-lhes os seus corações
de pedra e dando lhes corações de carne, renovando as suas vontades e
determinando-as pela sua onipotência para aquilo que é bom e atraindo-os
eficazmente a Jesus Cristo, mas de maneira que eles vêm mui livremente, sendo
para isso dispostos pela sua graça."
Introdução: A nossa Confissão passa agora a afirmar uma das grandes doutrinas
presbiterianas, conhecida como a Vocação eficaz. Esta doutrina tem sido
negligenciada em muitos púlpitos modernos em nossas Igrejas, e precisamos
trazê-la mais uma vez para o nosso bojo teológico.
O que esta doutrina significa para cada um de nós? Esta é uma grande pergunta
que precisa ser considerada. Ela significa que toda a obra da salvação está
vinculada a ação de Deus na vida do pecador. Deus soberanamente decide atrair
para si os seus eleitos por meio da ação amorosa e soberana do seu Espírito Santo.
É diante desta doutrina que nos encontramos no presente momento. Então, o que
podemos de fato aprender sobre isso nesta manhã?
I – APRENDEMOS QUE A VOCAÇÃO EFICAZ É DESTINADA SOMENTE AOS
PREDESTINADOS.
Isso nos diz que apenas aqueles a quem o Pai desde toda a eternidade escolheu
para encontrar a vida em Cristo. Daqui temos duas grandes verdades:
1. Que essa vocação ocorre no tempo devido de Deus: O criador do universo
decidiu o mês, ano e tempo no qual ele chamaria os seus eleitos no tempo para
encontrar vida.
2. Que esse chamado, na vida do eleito, é sempre eficaz no tempo estabelecido
por Deus.
Mas, antes de tudo isso ocorrer se percebe, segundo nossa Confissão de Fé, que
tal vocação ou chamado ocorre após a predestinação. Isso fica claro na passagens
que vemos nas Escrituras; destacamos algumas delas:
Romanos 8.30 – o que está envolvido aqui?
a. Está envolvido uma perspectiva escatológica: Ou seja, Deus nos predestinou e
nos chamou e o fim último – que é a glorificação – é contemplada neste texto
como algo já acontecido; ou seja, apenas os que foram eleitos e chamados têm a
esperança escatológica de que já estão glorificados em Cristo.
b. Também está envolvido uma realidade já consumada: Pois, os que foram
conhecidos e predestinados são contemplados como chamados – o já e o ainda-
não da salvação sendo vivenciado pela Igreja de Cristo, está presente na
perspectiva soteriológica de Paulo.
Aprendemos , por várias passagens das Escrituras, que a salvação torna-se real na
vida daqueles são chamados. Romanos 11.7 nos ensina que vida salvadora é
possível por causa da eleição de Deus.
Também vemos que a eficácia do chamado eficaz tem como base a vontade
predestinadora de Deus conforme aprendemos em Efésios 1.10,11.
II –APRENDEMOS QUE A VOCAÇÃO EFICAZ ACONTECE PELA UNIDADE ENTRE O
ESPÍRITO E A PALAVRA.
Há algumas pessoas que defendem uma regeneração (sinônimo de vocação eficaz
segundo a nossa Confissão de Fé) que pode acontecer sem a instrumentalidade da
Palavra –e essa perspectiva é chamada de regeneração imediata – onde apenas o
Espírito Santo opera tal ação vivificadora. Essa foi a posição de Zwínglio o grande
reformador de Zurique, mas tal concepção ignora a relação existente entre a
Palavra de Deus (tanto pregada quanto manifestada de forma visível pelos
sacramentos) e o Espírito Santo; e ainda, tal visão está longe do ensino claro das
Escrituras. O que a nossa Confissão afirma é que tal vocação deve acontecer pelo
Espírito e pela Proclamação da Palavra. O que isso implica para nós?
1. Implica que não existe vocação sem a Palavra escrita e pregada de Deus.
2. E que o Espírito nunca opera sem a Palavra e nem contra a Palavra.
A harmonia entre o Espírito e a Palavra deve ser preservada dentro da Igreja, por
isso, não há nada mais perigoso para a Igreja do que uma pneumatologia que
ignora a Palavra de Deus. Veja essa unidade em dois textos fundamentais:
2 Tessalonicenses. 2.13,14 “Entretanto, devemos sempre dar graças a Deus por
vós, irmãos amados pelos Senhor, porque Deus vos escolheu desde o princípio
para a salvação, pela santificação do Espírito e fé na verdade, para o que também
vos chamou mediante o nosso evangelho, para alcançardes a glória de nosso
Senhor Jesus Cristo”. Perceberam a relação existente entre a santificação do
Espírito e o chamado feito pela Palavra de Deus - chamada aqui de evangelho.
O segundo texto é Romanos 10.17 : “E, assim, a fé vem pela pregação, e a
pregação pela Palavra de Cristo”. Perceberam que há uma relação entre a fé e a
pregação? A primeira só é gerada por causa da Segunda.
III – APRENDEMOS QUE CRISTO É O MEIO EFICAZ DA AÇÃO DA PALAVRA E DO
ESPÍRITO PARA A CONCRETIZAÇÃO DA SALVAÇÃO.
A nossa Confissão nos ensina que Cristo nos chama pela obra do Espírito e da
Palavra nos seguintes termos:
1. Somos salvos do estado de Pecado morte no qual por natureza nos
encontramos – isso é chamado de regeneração (Ef.2.1-5).
2. A autêntica vida espiritual tem a sua base na Pessoa de Cristo. (Rm.8.1-2).
3. A vida que encotramos em Cristo é manifestada na vocação eficaz e no poder
do Evangelho que revela a justiça de Deus.( 2 Tm. 1.9,10; Rm.1.16-17).
IV – APRENDEMOS COMO ESSA VOCAÇÃO É OPERADA NO HOMEM.
Como é operada tal vocação eficaz na vida do homem? Como o homem é chamado
eficazmente para Cristo?
Ela operada da seguinte forma:
1. Mediante a iluminação da mente e do coração mediante a obra do Espírito Santo
e da Pregação: A Escritura nos ensina que a vocação é operada na vida do homem
por meio da obra iluminadora do Espírito Santo. Paulo diante de Agripa coloca-nos
exatamente este ensino de forma cristalina em Atos 26.18; Ef.1.17-18 somos
informados que os olhos do coração do homem é iluminado pela atividade do
Espírito Santo.
2. O Remover do Coração de Pedra: Essa vocação torna-se uma realidade na vida
do homem quando Deus, soberanamente, remove o coração de Pedra dos
pecadores e coloca um coração sensível ao seu Espírito (Ez.36.26)
Surge-nos uma pergunta: Qual é o propósito disso tudo? Podemos oferecer duas
respostas singulares a essa questão.
a. Humilhá-los por sua incapacidade: A doutrina da vocação eficaz mostra a
incapacidade do homem de se mover sozinho para a vida; e mostra, que o homem
não pode se auto-vivificar.
b. Para indicar a plena manifestação da graça na vida dos eleitos: A graça da
salvação é mostrada aos eleitos de forma muito clara. Pois, Deus fez de tudo para
trazê-los à fé em Cristo Jesus.
V – APRENDEMOS QUE A VOCAÇÃO EFICAZ NÃO ELIMINA A VONTADE DO HOMEM.
Se a vocação eficaz opera tudo isso. Então, ela elimina a vontade do homem? Será
que haverá pessoas salvas de forma forçada? A resposta é não. Aprendemos em
nossa Confissão que a vontade do homem é:
1. Renovada a querer o bem salvador: É exatamente isso que aprendemos no texto
de Fp.2.13, Deus opera em nossa vontade para querermos o que é bom e
agradável aos seus olhos, ou seja, a nossa vontade é renovada por Deus.
2. Determinada e ordenada a fazer o que é bom: Dois texto nos mostram isso de
forma clara. Em Dt. 30.6 – Deus determina o povo que escolham a vida! – e o outro
texto que temos em Ez.36.27 a vontade do homem é ordenada a cumprir os
decretos de Deus.
3. É atraída para Cristo: Somos iluminados e atraídos segundo a eficácia do poder
de Deus em Efésios 1.18-19; e Deus é autor dessa atração somos arrastados a
Cristo por meio de Deus, isso é muito claro em João 6.44,45.
4. Mas são livremente achegados a graça de Deus; ou seja eles vêm livre até a
graça de Deus revelada em Cristo.
Por: João Ricardo Ferreira de França

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Joanilson França Garcia
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
Márcio Martins
 
Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.
Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.
Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.
Márcio Martins
 
Plano de-salvação
Plano de-salvaçãoPlano de-salvação
Plano de-salvação
Davi Leite
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Alexandre Santos
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Éder Tomé
 
As Cartas de Paulo
As Cartas de PauloAs Cartas de Paulo
As Cartas de Paulo
Egmon Pereira
 
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novoLição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Éder Tomé
 
Lição 6 - A Abrangência Universal da Salvação
Lição 6 - A Abrangência Universal da SalvaçãoLição 6 - A Abrangência Universal da Salvação
Lição 6 - A Abrangência Universal da Salvação
Éder Tomé
 
LIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃOLIBERTAÇÃO
Evangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de Jesus
Evangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de JesusEvangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de Jesus
Evangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de Jesus
jonasfreitasdejesus
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Éder Tomé
 
Lição 3 - Vivendo em Santidade e Integridade
Lição 3 - Vivendo em Santidade e IntegridadeLição 3 - Vivendo em Santidade e Integridade
Lição 3 - Vivendo em Santidade e Integridade
Éder Tomé
 
Lição 6 - Jesus Cristo o Filho de Deus
Lição 6 - Jesus Cristo o Filho de DeusLição 6 - Jesus Cristo o Filho de Deus
Lição 6 - Jesus Cristo o Filho de Deus
Éder Tomé
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
BispoAlberto
 
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
Felicio Araujo
 
Lição 3 - A Cura do Coxo e seus Efeitos
Lição 3 - A Cura do Coxo e seus EfeitosLição 3 - A Cura do Coxo e seus Efeitos
Lição 3 - A Cura do Coxo e seus Efeitos
Éder Tomé
 
Amplia o lugar da tua tenda
Amplia o lugar da tua tendaAmplia o lugar da tua tenda
Amplia o lugar da tua tenda
Edson Santtos
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
valmarques
 
Estudo batismo oficialmontesinai
Estudo batismo oficialmontesinaiEstudo batismo oficialmontesinai
Estudo batismo oficialmontesinai
Elisa Schenk
 

Mais procurados (20)

Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
 
Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.
Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.
Maria, Mãe de Jesus uma Serva Humilde.
 
Plano de-salvação
Plano de-salvaçãoPlano de-salvação
Plano de-salvação
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
 
As Cartas de Paulo
As Cartas de PauloAs Cartas de Paulo
As Cartas de Paulo
 
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novoLição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novo
 
Lição 6 - A Abrangência Universal da Salvação
Lição 6 - A Abrangência Universal da SalvaçãoLição 6 - A Abrangência Universal da Salvação
Lição 6 - A Abrangência Universal da Salvação
 
LIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃOLIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃO
 
Evangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de Jesus
Evangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de JesusEvangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de Jesus
Evangelismo e Discipulado - Pr. Jonas Freitas de Jesus
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
 
Lição 3 - Vivendo em Santidade e Integridade
Lição 3 - Vivendo em Santidade e IntegridadeLição 3 - Vivendo em Santidade e Integridade
Lição 3 - Vivendo em Santidade e Integridade
 
Lição 6 - Jesus Cristo o Filho de Deus
Lição 6 - Jesus Cristo o Filho de DeusLição 6 - Jesus Cristo o Filho de Deus
Lição 6 - Jesus Cristo o Filho de Deus
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
 
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,O desafio de ser um cristão contemporâneo,
O desafio de ser um cristão contemporâneo,
 
Lição 3 - A Cura do Coxo e seus Efeitos
Lição 3 - A Cura do Coxo e seus EfeitosLição 3 - A Cura do Coxo e seus Efeitos
Lição 3 - A Cura do Coxo e seus Efeitos
 
Amplia o lugar da tua tenda
Amplia o lugar da tua tendaAmplia o lugar da tua tenda
Amplia o lugar da tua tenda
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
 
Estudo batismo oficialmontesinai
Estudo batismo oficialmontesinaiEstudo batismo oficialmontesinai
Estudo batismo oficialmontesinai
 

Destaque

Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Eli Vieira
 
Leonard ravenhil
Leonard ravenhilLeonard ravenhil
Leonard ravenhil
Eli Vieira
 
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTOAPOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
Eli Vieira
 
A diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na famíliaA diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na família
Eli Vieira
 
A mensagem da seca
A mensagem da secaA mensagem da seca
A mensagem da seca
Eli Vieira
 
Confissão de Fé de Westminster
Confissão de Fé de WestminsterConfissão de Fé de Westminster
Confissão de Fé de Westminster
Robson Santana
 
001 conhecimento de deus - j.i.packer-vf
001   conhecimento de deus - j.i.packer-vf001   conhecimento de deus - j.i.packer-vf
001 conhecimento de deus - j.i.packer-vf
airtonbatista
 
Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza
Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza
Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza
galaxygroup11
 
Untitled Graphics - Profile (1)
Untitled Graphics - Profile (1)Untitled Graphics - Profile (1)
Untitled Graphics - Profile (1)
Untitled Graphics
 
Keslow Camera 'New Gear'
Keslow Camera 'New Gear' Keslow Camera 'New Gear'
Keslow Camera 'New Gear'
Juli Kanner
 
14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정
14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정
14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정
jsy101212
 
RE Market Cycle Research
RE Market Cycle ResearchRE Market Cycle Research
RE Market Cycle Research
Rob Moriarty
 
Candy Buybacks are Happening Now!
Candy Buybacks are Happening Now!Candy Buybacks are Happening Now!
Candy Buybacks are Happening Now!
Robin T. Hobbs
 
Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West
 Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West
Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West
galaxygroup11
 
Trabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin PalaciosTrabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin Palacios
Kevin Palacios
 
brisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapau
brisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapaubrisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapau
brisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapau
competic2torina
 

Destaque (16)

Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
Hernandesdiaslopes.com.br prontos a morrer não a pecar-1
 
Leonard ravenhil
Leonard ravenhilLeonard ravenhil
Leonard ravenhil
 
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTOAPOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
APOSTILA DO NOVO TESTAMENTO
 
A diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na famíliaA diferença que jesus faz na família
A diferença que jesus faz na família
 
A mensagem da seca
A mensagem da secaA mensagem da seca
A mensagem da seca
 
Confissão de Fé de Westminster
Confissão de Fé de WestminsterConfissão de Fé de Westminster
Confissão de Fé de Westminster
 
001 conhecimento de deus - j.i.packer-vf
001   conhecimento de deus - j.i.packer-vf001   conhecimento de deus - j.i.packer-vf
001 conhecimento de deus - j.i.packer-vf
 
Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza
Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza
Branded retail Shops Galaxy Blue Sapphire Plaza
 
Untitled Graphics - Profile (1)
Untitled Graphics - Profile (1)Untitled Graphics - Profile (1)
Untitled Graphics - Profile (1)
 
Keslow Camera 'New Gear'
Keslow Camera 'New Gear' Keslow Camera 'New Gear'
Keslow Camera 'New Gear'
 
14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정
14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정
14115340 전선영 창발 컬러배쓰 수정
 
RE Market Cycle Research
RE Market Cycle ResearchRE Market Cycle Research
RE Market Cycle Research
 
Candy Buybacks are Happening Now!
Candy Buybacks are Happening Now!Candy Buybacks are Happening Now!
Candy Buybacks are Happening Now!
 
Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West
 Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West
Galaxy North Avenue 2 affordable plans at Greater Noida West
 
Trabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin PalaciosTrabajo Kevin Palacios
Trabajo Kevin Palacios
 
brisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapau
brisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapaubrisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapau
brisa_catalina_presentació_COMPETIC2_CFA_Lapau
 

Semelhante a Estudos na confissão de fé de westminster

Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
Claudio Marcio
 
Aplicação da redenção
Aplicação da redençãoAplicação da redenção
Aplicação da redenção
Pr. Ladislau Rodrigues de Jesus
 
Lição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus Cristo
Lição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus CristoLição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus Cristo
Lição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus Cristo
Éder Tomé
 
Lição 3
Lição 3Lição 3
Lição 3 - A vida do Novo Convertido
Lição 3 - A vida do Novo ConvertidoLição 3 - A vida do Novo Convertido
Lição 3 - A vida do Novo Convertido
Nilton Cesar Marcelino
 
Os meios da graça
Os meios da graçaOs meios da graça
Os meios da graça
Guilherme Souza Oliveira
 
A obra do espírito santo na salvação arthur walkington pink
A obra do espírito santo na salvação   arthur walkington pinkA obra do espírito santo na salvação   arthur walkington pink
A obra do espírito santo na salvação arthur walkington pink
puritanosdf
 
Apostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguasApostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguas
Pedro Henrique
 
Andrew murray-espirito-de-habitacao
Andrew murray-espirito-de-habitacaoAndrew murray-espirito-de-habitacao
Andrew murray-espirito-de-habitacao
Francisco Deuzilene
 
Poder
PoderPoder
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Éder Tomé
 
A Conversão
A ConversãoA Conversão
A Conversão
mcredentorista
 
A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...
A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...
A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...
MiltonCesarAquino
 
Filipi mensagem
Filipi   mensagemFilipi   mensagem
Filipi mensagem
Filipi Rosálio da Silva
 
Filipi mensagem
Filipi   mensagemFilipi   mensagem
Filipi mensagem
Filipi Rosálio da Silva
 
Filipi mensagem
Filipi   mensagemFilipi   mensagem
Filipi mensagem
Filipi Rosálio da Silva
 
Lição 6 o batismo - folha grande
Lição 6   o batismo - folha grandeLição 6   o batismo - folha grande
Lição 6 o batismo - folha grande
csssss2012
 
Preparação para o Crisma.pptx
Preparação para o Crisma.pptxPreparação para o Crisma.pptx
Preparação para o Crisma.pptx
Adão Silva
 
Iluminados Pelo Espírito Santo
Iluminados Pelo Espírito SantoIluminados Pelo Espírito Santo
Iluminados Pelo Espírito Santo
guestb234a7
 
Lição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus Cristo
Lição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus CristoLição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus Cristo
Lição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus Cristo
Éder Tomé
 

Semelhante a Estudos na confissão de fé de westminster (20)

Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
 
Aplicação da redenção
Aplicação da redençãoAplicação da redenção
Aplicação da redenção
 
Lição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus Cristo
Lição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus CristoLição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus Cristo
Lição 9 - A Salvação Ofertada por Jesus Cristo
 
Lição 3
Lição 3Lição 3
Lição 3
 
Lição 3 - A vida do Novo Convertido
Lição 3 - A vida do Novo ConvertidoLição 3 - A vida do Novo Convertido
Lição 3 - A vida do Novo Convertido
 
Os meios da graça
Os meios da graçaOs meios da graça
Os meios da graça
 
A obra do espírito santo na salvação arthur walkington pink
A obra do espírito santo na salvação   arthur walkington pinkA obra do espírito santo na salvação   arthur walkington pink
A obra do espírito santo na salvação arthur walkington pink
 
Apostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguasApostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguas
 
Andrew murray-espirito-de-habitacao
Andrew murray-espirito-de-habitacaoAndrew murray-espirito-de-habitacao
Andrew murray-espirito-de-habitacao
 
Poder
PoderPoder
Poder
 
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
 
A Conversão
A ConversãoA Conversão
A Conversão
 
A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...
A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...
A DOUTRINA DA CRIAÇÃO.A Constatação de um princípio claramente definido, tant...
 
Filipi mensagem
Filipi   mensagemFilipi   mensagem
Filipi mensagem
 
Filipi mensagem
Filipi   mensagemFilipi   mensagem
Filipi mensagem
 
Filipi mensagem
Filipi   mensagemFilipi   mensagem
Filipi mensagem
 
Lição 6 o batismo - folha grande
Lição 6   o batismo - folha grandeLição 6   o batismo - folha grande
Lição 6 o batismo - folha grande
 
Preparação para o Crisma.pptx
Preparação para o Crisma.pptxPreparação para o Crisma.pptx
Preparação para o Crisma.pptx
 
Iluminados Pelo Espírito Santo
Iluminados Pelo Espírito SantoIluminados Pelo Espírito Santo
Iluminados Pelo Espírito Santo
 
Lição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus Cristo
Lição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus CristoLição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus Cristo
Lição 10 - Aspectos da Obra Redentora de Jesus Cristo
 

Mais de Eli Vieira

Catecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminsterCatecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminster
Eli Vieira
 
Credo dos apóstolos
Credo dos apóstolosCredo dos apóstolos
Credo dos apóstolos
Eli Vieira
 
Os propósitos da providência no sofrimento do crente
Os propósitos da providência no sofrimento do crenteOs propósitos da providência no sofrimento do crente
Os propósitos da providência no sofrimento do crente
Eli Vieira
 
O chamado à cidade
O chamado à cidadeO chamado à cidade
O chamado à cidade
Eli Vieira
 
Igreja centrada
Igreja  centradaIgreja  centrada
Igreja centrada
Eli Vieira
 
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃOAS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
Eli Vieira
 
OS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUSOS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUS
Eli Vieira
 
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMOESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
Eli Vieira
 
O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO
Eli Vieira
 

Mais de Eli Vieira (9)

Catecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminsterCatecismo maior-de-westminster
Catecismo maior-de-westminster
 
Credo dos apóstolos
Credo dos apóstolosCredo dos apóstolos
Credo dos apóstolos
 
Os propósitos da providência no sofrimento do crente
Os propósitos da providência no sofrimento do crenteOs propósitos da providência no sofrimento do crente
Os propósitos da providência no sofrimento do crente
 
O chamado à cidade
O chamado à cidadeO chamado à cidade
O chamado à cidade
 
Igreja centrada
Igreja  centradaIgreja  centrada
Igreja centrada
 
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃOAS OBRAS DA CRIAÇÃO
AS OBRAS DA CRIAÇÃO
 
OS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUSOS DECRETOS DE DEUS
OS DECRETOS DE DEUS
 
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMOESTUDO NO BREVE CATECISMO
ESTUDO NO BREVE CATECISMO
 
O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO O NOVO TESTAMENTO
O NOVO TESTAMENTO
 

Último

16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 

Último (14)

16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 

Estudos na confissão de fé de westminster

  • 1. ESTUDOS NA CONFISSÃO DE FÉ DE WESTMINSTER - 3 Capítulo 10 - Da Vocação Eficaz. Seção – 1:"Todos aqueles que Deus predestinou para a vida, e só esses, é ele servido, no tempo por ele determinado e aceito, chamar eficazmente pela sua palavra e pelo seu Espírito, tirando-os por Jesus Cristo daquele estado de pecado e morte em que estão por natureza, e transpondo-os para a graça e salvação. Isto ele o faz, iluminando os seus entendimentos espiritualmente a fim de compreenderem as coisas de Deus para a salvação, tirando-lhes os seus corações de pedra e dando lhes corações de carne, renovando as suas vontades e determinando-as pela sua onipotência para aquilo que é bom e atraindo-os eficazmente a Jesus Cristo, mas de maneira que eles vêm mui livremente, sendo para isso dispostos pela sua graça." Introdução: A nossa Confissão passa agora a afirmar uma das grandes doutrinas presbiterianas, conhecida como a Vocação eficaz. Esta doutrina tem sido negligenciada em muitos púlpitos modernos em nossas Igrejas, e precisamos trazê-la mais uma vez para o nosso bojo teológico. O que esta doutrina significa para cada um de nós? Esta é uma grande pergunta que precisa ser considerada. Ela significa que toda a obra da salvação está vinculada a ação de Deus na vida do pecador. Deus soberanamente decide atrair para si os seus eleitos por meio da ação amorosa e soberana do seu Espírito Santo. É diante desta doutrina que nos encontramos no presente momento. Então, o que podemos de fato aprender sobre isso nesta manhã? I – APRENDEMOS QUE A VOCAÇÃO EFICAZ É DESTINADA SOMENTE AOS PREDESTINADOS. Isso nos diz que apenas aqueles a quem o Pai desde toda a eternidade escolheu para encontrar a vida em Cristo. Daqui temos duas grandes verdades: 1. Que essa vocação ocorre no tempo devido de Deus: O criador do universo
  • 2. decidiu o mês, ano e tempo no qual ele chamaria os seus eleitos no tempo para encontrar vida. 2. Que esse chamado, na vida do eleito, é sempre eficaz no tempo estabelecido por Deus. Mas, antes de tudo isso ocorrer se percebe, segundo nossa Confissão de Fé, que tal vocação ou chamado ocorre após a predestinação. Isso fica claro na passagens que vemos nas Escrituras; destacamos algumas delas: Romanos 8.30 – o que está envolvido aqui? a. Está envolvido uma perspectiva escatológica: Ou seja, Deus nos predestinou e nos chamou e o fim último – que é a glorificação – é contemplada neste texto como algo já acontecido; ou seja, apenas os que foram eleitos e chamados têm a esperança escatológica de que já estão glorificados em Cristo. b. Também está envolvido uma realidade já consumada: Pois, os que foram conhecidos e predestinados são contemplados como chamados – o já e o ainda- não da salvação sendo vivenciado pela Igreja de Cristo, está presente na perspectiva soteriológica de Paulo. Aprendemos , por várias passagens das Escrituras, que a salvação torna-se real na vida daqueles são chamados. Romanos 11.7 nos ensina que vida salvadora é possível por causa da eleição de Deus. Também vemos que a eficácia do chamado eficaz tem como base a vontade predestinadora de Deus conforme aprendemos em Efésios 1.10,11. II –APRENDEMOS QUE A VOCAÇÃO EFICAZ ACONTECE PELA UNIDADE ENTRE O ESPÍRITO E A PALAVRA. Há algumas pessoas que defendem uma regeneração (sinônimo de vocação eficaz segundo a nossa Confissão de Fé) que pode acontecer sem a instrumentalidade da Palavra –e essa perspectiva é chamada de regeneração imediata – onde apenas o Espírito Santo opera tal ação vivificadora. Essa foi a posição de Zwínglio o grande reformador de Zurique, mas tal concepção ignora a relação existente entre a Palavra de Deus (tanto pregada quanto manifestada de forma visível pelos sacramentos) e o Espírito Santo; e ainda, tal visão está longe do ensino claro das Escrituras. O que a nossa Confissão afirma é que tal vocação deve acontecer pelo Espírito e pela Proclamação da Palavra. O que isso implica para nós? 1. Implica que não existe vocação sem a Palavra escrita e pregada de Deus. 2. E que o Espírito nunca opera sem a Palavra e nem contra a Palavra.
  • 3. A harmonia entre o Espírito e a Palavra deve ser preservada dentro da Igreja, por isso, não há nada mais perigoso para a Igreja do que uma pneumatologia que ignora a Palavra de Deus. Veja essa unidade em dois textos fundamentais: 2 Tessalonicenses. 2.13,14 “Entretanto, devemos sempre dar graças a Deus por vós, irmãos amados pelos Senhor, porque Deus vos escolheu desde o princípio para a salvação, pela santificação do Espírito e fé na verdade, para o que também vos chamou mediante o nosso evangelho, para alcançardes a glória de nosso Senhor Jesus Cristo”. Perceberam a relação existente entre a santificação do Espírito e o chamado feito pela Palavra de Deus - chamada aqui de evangelho. O segundo texto é Romanos 10.17 : “E, assim, a fé vem pela pregação, e a pregação pela Palavra de Cristo”. Perceberam que há uma relação entre a fé e a pregação? A primeira só é gerada por causa da Segunda. III – APRENDEMOS QUE CRISTO É O MEIO EFICAZ DA AÇÃO DA PALAVRA E DO ESPÍRITO PARA A CONCRETIZAÇÃO DA SALVAÇÃO. A nossa Confissão nos ensina que Cristo nos chama pela obra do Espírito e da Palavra nos seguintes termos: 1. Somos salvos do estado de Pecado morte no qual por natureza nos encontramos – isso é chamado de regeneração (Ef.2.1-5). 2. A autêntica vida espiritual tem a sua base na Pessoa de Cristo. (Rm.8.1-2). 3. A vida que encotramos em Cristo é manifestada na vocação eficaz e no poder do Evangelho que revela a justiça de Deus.( 2 Tm. 1.9,10; Rm.1.16-17). IV – APRENDEMOS COMO ESSA VOCAÇÃO É OPERADA NO HOMEM. Como é operada tal vocação eficaz na vida do homem? Como o homem é chamado eficazmente para Cristo? Ela operada da seguinte forma: 1. Mediante a iluminação da mente e do coração mediante a obra do Espírito Santo e da Pregação: A Escritura nos ensina que a vocação é operada na vida do homem por meio da obra iluminadora do Espírito Santo. Paulo diante de Agripa coloca-nos exatamente este ensino de forma cristalina em Atos 26.18; Ef.1.17-18 somos informados que os olhos do coração do homem é iluminado pela atividade do
  • 4. Espírito Santo. 2. O Remover do Coração de Pedra: Essa vocação torna-se uma realidade na vida do homem quando Deus, soberanamente, remove o coração de Pedra dos pecadores e coloca um coração sensível ao seu Espírito (Ez.36.26) Surge-nos uma pergunta: Qual é o propósito disso tudo? Podemos oferecer duas respostas singulares a essa questão. a. Humilhá-los por sua incapacidade: A doutrina da vocação eficaz mostra a incapacidade do homem de se mover sozinho para a vida; e mostra, que o homem não pode se auto-vivificar. b. Para indicar a plena manifestação da graça na vida dos eleitos: A graça da salvação é mostrada aos eleitos de forma muito clara. Pois, Deus fez de tudo para trazê-los à fé em Cristo Jesus. V – APRENDEMOS QUE A VOCAÇÃO EFICAZ NÃO ELIMINA A VONTADE DO HOMEM. Se a vocação eficaz opera tudo isso. Então, ela elimina a vontade do homem? Será que haverá pessoas salvas de forma forçada? A resposta é não. Aprendemos em nossa Confissão que a vontade do homem é: 1. Renovada a querer o bem salvador: É exatamente isso que aprendemos no texto de Fp.2.13, Deus opera em nossa vontade para querermos o que é bom e agradável aos seus olhos, ou seja, a nossa vontade é renovada por Deus. 2. Determinada e ordenada a fazer o que é bom: Dois texto nos mostram isso de forma clara. Em Dt. 30.6 – Deus determina o povo que escolham a vida! – e o outro texto que temos em Ez.36.27 a vontade do homem é ordenada a cumprir os decretos de Deus. 3. É atraída para Cristo: Somos iluminados e atraídos segundo a eficácia do poder de Deus em Efésios 1.18-19; e Deus é autor dessa atração somos arrastados a Cristo por meio de Deus, isso é muito claro em João 6.44,45. 4. Mas são livremente achegados a graça de Deus; ou seja eles vêm livre até a graça de Deus revelada em Cristo. Por: João Ricardo Ferreira de França