SlideShare uma empresa Scribd logo
ESTRUTURA SOCIAL
1. Viver em sociedade
o Nossas vidas, conectadas numa complexa rede de
relações e interações, tornam a vida em sociedade
mais importante que os interesses individuais.
o A dependência mútua influencia nossas escolhas
individuais e nossa visão de mundo.
o Indivíduos formam grupos, compartilham ideias
e impõem crenças/ideologias semelhantes.
Sociedade e as redes sociais
Cada vez mais interagimos pelas redes sociais,
excelente espaço de cooperação, expressão,
manifestação e comunicação de ideias, opiniões e
sentimentos: posicionamentos político/ideológicos,
amor e ódio. Ao mesmo tempo que expandimos
nossos círculos sociais, temos a impressão que
regredimos à Idade Média e ao tribalismo.
2. Estrutura social
o Compreender a estrutura social é fundamental
para perceber – se como indivíduo e ser social.
o O gênero homo sobreviveu e evoluiu porque
desenvolveu a imaginação e aprendizagem,
tornando – se produtor e transmissor de Cultura.
o Viver em grupo foi essencial à produção da vida:
ferramentas, alimentos, símbolos, linguagem.
Seres sociais e políticos:
o Produtores de Cultura homens e mulheres criaram
mitos, religiões e sistemas políticos.
o Aristóteles, filósofo grego, defendeu que o ser
humano só se realiza como cidadão, pensante,
racional na pólis (espaço comum), na vida política.
o Para Cícero, filósofo romano, o ser político é
essencialmente um ser social.
Estruturas de poder:
o A complexidade da vida social fez surgirem regras
e padrões de convivência mais elaborados.
o Grupos e lideranças assumiram o controle social e
político estabelecendo relações de poder.
o No Antigo Egito o Faraó representava um regime
teocrático inibindo contestações à sua autoridade.
o Novos interesses em estruturas mais complexas.
Estrutura:
o Corpo articulado com partes interligadas.
Estrutura social:
o Organização social formada por partes interligadas.
o Cidadãos, classes, grupos, profissionais,
governantes, normas, regras, leis.
o A estrutura forma a previsibilidade e regularidade
do comportamento social.
Estrutura social X liberdade:
o Viver em sociedade: aceitação de regras e leis.
o A coerção (pressão social) atua de forma punitiva
quando não há coesão (união) social.
Consciência coletiva:
o Crenças, sentimentos, ações compartilhados.
Fato social e coerção social:
o Instituições que se impõem sobre os indivíduos.
o Constituição, religião, padrões.
Mudanças estruturais:
o Ações individuais podem pressionar as estruturas.
o Mudanças estruturais podem ser lentas ou rápidas.
o Estruturas primitivas se transformaram e foram
criadas estruturas mais elaboradas: das tribos aos
regimes democráticos.
o Problemas estruturais mudam lentamente:
machismo, racismo.
Karl Marx e a dialética:
Dialética na Grécia:
o Diálogo, raciocínio, sustentação lógica.
Dialética para Hegel:
o A realidade nos contrários; tese, antítese, síntese.
Marx: materialismo histórico e dialético:
o Burguesia (tese) x proletariado (antítese).
o Revolução, ditadura, Socialismo, Comunismo.
3. Status social:
o Posição assumida num grupo social que confere
condições de ação individual no coletivo.
o Identidade social como a pessoa é reconhecida.
o Todos têm status social num grupo social.
o Cada status representa a função de cada um no
funcionamento da estrutura social.
o Exemplo: Escola e os atores que nela atuam.
Status dominantes:
o Liderança, patrimônio, função no grupo, etc.
Status gerais (vários):
o Negra, homem, pai, nerd, solteiro, casado, demitido.
Status adquiridos (mérito):
o Universitário, estagiário, concursado, empregado.
Status atribuídos (rótulos – estereótipos – estigmas):
o Negro, gay, pobre, favelado, sexista, fascista.
4. Papel social
o O papel (função) social depende do status social.
o O papel social implica nas expectativas sobre
comportamento e ação de dados atores sociais.
o O que se espera de um médico ou advogado.
o O papel desempenhado nem sempre corresponde
às expectativas sobre aquele ator social.
o Papéis sociais são construções sociais.
Papéis em conflito:
o A sociedade e a Cultura são dinâmicas.
o Papéis sociais e status podem mudar conforme
as expectativas não sejam satisfeitas.
o Múltiplos papéis (status) podem gerar tensões,
conflitos, expectativas, realidades.
o Status atribuídos em conflito com adquiridos.
o Exemplo: homens e mulheres no mundo atual
5. Grupos, categorias, agregados sociais
Grupos sociais:
o Conjunto de pessoas que compartilham normas,
valores, crenças, ideologias, interesses, expectativas.
o Mantêm interação regular e organização:
família, escola, time, banda, equipe, rede social.
Categorias sociais (apoiadores de um político):
o Compartilham status e papéis sem interação
constante ou consciência de pertencimento.
Agregados sociais:
o Compartilham crenças, interesses, valores, normas
e emoções sem interações constantes/duradouras.
o Grupos transitórios que se desfazem rapidamente.
o Podem se transformar em grupo social.
o Protestos, motim, show, espetáculos.
o Cultura de massa: pessoas são manipuladas pelas
mídias e consomem produtos culturais.
Grupos sociais primários:
o Status e papéis sociais definidos e aceitos.
o Interação pessoal, emoção, cooperação.
o Longa duração: família (papel de pai, mãe).
Grupos sociais secundários:
o Interações formais, superficiais, impessoais.
o Maiores, vínculos frágeis, pouca ação mútua.
o Escola: relação com as estruturas.
In – group e Out – group:
o Ênfase no pertencimento de um grupo e o não
pertencimento em outro grupo.
o Amigos da escola, sexo, gênero, profissão, classe.
Grupos e prestígio social:
o As desigualdades criam situações de inclusão,
exclusão, acesso, descenso, prestígio e poder
econômicos, políticos, sociais.
Grupos estabelecidos:
o Maior prestígio, poder econômico, político.
o Valorizados interesses, valores, normas e crenças.
o Exemplos: Ricos, magistrados, ricos, pastores.
Grupos marginalizados (outsiders):
o Vítimas de preconceito, discriminação, exclusão.
o Inferioridade econômica, política, social.
o Exemplos: homossexuais, favelados, drogados.
Estrutura social: conceitos básicos.
Estrutura social: conceitos básicos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Processo de socialização
Processo de socializaçãoProcesso de socialização
Processo de socialização
homago
 
Cidadania e democracia
Cidadania e democraciaCidadania e democracia
Cidadania e democracia
Lucas Justino
 
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOSSOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
Uniceuma
 
Banco de questões de sociologia
Banco de questões de sociologiaBanco de questões de sociologia
Banco de questões de sociologia
José Luiz Costa
 
Sociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduoSociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduo
Pedro Zito
 
Slide sociologia 1
Slide sociologia 1Slide sociologia 1
Slide sociologia 1
Over Lane
 
01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia
Claudio Henrique Ramos Sales
 
O Homem é Um Ser Social
O Homem é Um Ser SocialO Homem é Um Ser Social
O Homem é Um Ser Social
Patrícia Ventura
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do Tomazi
pascoalnaib
 
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - ObjetivaQuestões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
Darlan Campos
 
Indivíduo e sociedade
Indivíduo e sociedadeIndivíduo e sociedade
Indivíduo e sociedade
Silvia Cintra
 
Estratificação social
Estratificação socialEstratificação social
Estratificação social
Beatriz cerqueira frança
 
Indivíduo e Sociedade
Indivíduo e SociedadeIndivíduo e Sociedade
Indivíduo e Sociedade
carlosbidu
 
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do Trabalho
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do TrabalhoSlides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do Trabalho
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do Trabalho
Turma Olímpica
 
história da sociologia
   história da sociologia   história da sociologia
história da sociologia
Colégio Basic e Colégio Imperatrice
 
Sociologia - Sociabilidade e socialização
Sociologia - Sociabilidade e socializaçãoSociologia - Sociabilidade e socialização
Sociologia - Sociabilidade e socialização
Paulo Alexandre
 
Trabalho e Sociedade
Trabalho e SociedadeTrabalho e Sociedade
Trabalho e Sociedade
Portal do Vestibulando
 
Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas
Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas
Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas
Paula Meyer Piagentini
 
Mudanças sociais
Mudanças sociaisMudanças sociais
Mudanças sociais
Colegio GGE
 
INDIVÍDUO E SOCIEDADE
INDIVÍDUO E SOCIEDADEINDIVÍDUO E SOCIEDADE

Mais procurados (20)

Processo de socialização
Processo de socializaçãoProcesso de socialização
Processo de socialização
 
Cidadania e democracia
Cidadania e democraciaCidadania e democracia
Cidadania e democracia
 
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOSSOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
SOCIOLOGIA CONCEITOS BASICOS
 
Banco de questões de sociologia
Banco de questões de sociologiaBanco de questões de sociologia
Banco de questões de sociologia
 
Sociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduoSociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduo
 
Slide sociologia 1
Slide sociologia 1Slide sociologia 1
Slide sociologia 1
 
01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia
 
O Homem é Um Ser Social
O Homem é Um Ser SocialO Homem é Um Ser Social
O Homem é Um Ser Social
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 01 do Tomazi
 
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - ObjetivaQuestões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
 
Indivíduo e sociedade
Indivíduo e sociedadeIndivíduo e sociedade
Indivíduo e sociedade
 
Estratificação social
Estratificação socialEstratificação social
Estratificação social
 
Indivíduo e Sociedade
Indivíduo e SociedadeIndivíduo e Sociedade
Indivíduo e Sociedade
 
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do Trabalho
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do TrabalhoSlides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do Trabalho
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Divisão Social do Trabalho
 
história da sociologia
   história da sociologia   história da sociologia
história da sociologia
 
Sociologia - Sociabilidade e socialização
Sociologia - Sociabilidade e socializaçãoSociologia - Sociabilidade e socialização
Sociologia - Sociabilidade e socialização
 
Trabalho e Sociedade
Trabalho e SociedadeTrabalho e Sociedade
Trabalho e Sociedade
 
Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas
Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas
Jogo de Tabuleiro Sociologia - Correntes Sociológicas
 
Mudanças sociais
Mudanças sociaisMudanças sociais
Mudanças sociais
 
INDIVÍDUO E SOCIEDADE
INDIVÍDUO E SOCIEDADEINDIVÍDUO E SOCIEDADE
INDIVÍDUO E SOCIEDADE
 

Semelhante a Estrutura social: conceitos básicos.

Material de sociologia i
Material de sociologia iMaterial de sociologia i
Material de sociologia i
gabriela_eiras
 
Revisão Conceitual de SOCIOLOGIA
Revisão Conceitual de SOCIOLOGIARevisão Conceitual de SOCIOLOGIA
Revisão Conceitual de SOCIOLOGIA
Carlos Benjoino Bidu
 
Conceitos sociologia
Conceitos sociologiaConceitos sociologia
Conceitos sociologia
passsgc
 
Introdução à sociologia
Introdução à sociologiaIntrodução à sociologia
Introdução à sociologia
Alexandre Von Réstio
 
Althusser resenha
Althusser   resenhaAlthusser   resenha
Althusser resenha
Esser99
 
CLÁSSICOS DA SOCIOLOGIA
CLÁSSICOS DA SOCIOLOGIACLÁSSICOS DA SOCIOLOGIA
CLÁSSICOS DA SOCIOLOGIA
HisrelBlog
 
O que é e como surgiu a sociologia?
O que é e como surgiu a sociologia?O que é e como surgiu a sociologia?
O que é e como surgiu a sociologia?
Roberto Izoton
 
Antrop. contêmp
Antrop. contêmpAntrop. contêmp
Antrop. contêmp
roberto mosca junior
 
Moda, Opinião e Estetização do Mundo
Moda, Opinião e Estetização do MundoModa, Opinião e Estetização do Mundo
Moda, Opinião e Estetização do Mundo
emilianapomarico
 
Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...
Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...
Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...
jeanmsgomes
 
Principais sociólogos.pdf
Principais sociólogos.pdfPrincipais sociólogos.pdf
Principais sociólogos.pdf
LidianeLill2
 
Sociologia: Revisando os Primeiros Conceitos
Sociologia: Revisando os Primeiros ConceitosSociologia: Revisando os Primeiros Conceitos
Sociologia: Revisando os Primeiros Conceitos
Carlos Benjoino Bidu
 
Teorias Sociológicas
Teorias SociológicasTeorias Sociológicas
Teorias Sociológicas
Camila Carvalho
 
Resumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociaisResumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociais
Osnildo Francisco Kretzer
 
Sociologia uma ciência da modernidade
Sociologia uma ciência da modernidadeSociologia uma ciência da modernidade
Sociologia uma ciência da modernidade
Jaqueline Lira
 
Émile Durkheim
Émile DurkheimÉmile Durkheim
Emile Durkheim
Emile DurkheimEmile Durkheim
2 Slide - Sociologia da Educação.pdf
2 Slide - Sociologia da Educação.pdf2 Slide - Sociologia da Educação.pdf
2 Slide - Sociologia da Educação.pdf
LilianeBA
 
Cultura e Sociedade
Cultura e SociedadeCultura e Sociedade
Cultura e Sociedade
Lucas Origuela
 
Apostila classicos-sociologia
Apostila classicos-sociologiaApostila classicos-sociologia
Apostila classicos-sociologia
Cristina Bentes
 

Semelhante a Estrutura social: conceitos básicos. (20)

Material de sociologia i
Material de sociologia iMaterial de sociologia i
Material de sociologia i
 
Revisão Conceitual de SOCIOLOGIA
Revisão Conceitual de SOCIOLOGIARevisão Conceitual de SOCIOLOGIA
Revisão Conceitual de SOCIOLOGIA
 
Conceitos sociologia
Conceitos sociologiaConceitos sociologia
Conceitos sociologia
 
Introdução à sociologia
Introdução à sociologiaIntrodução à sociologia
Introdução à sociologia
 
Althusser resenha
Althusser   resenhaAlthusser   resenha
Althusser resenha
 
CLÁSSICOS DA SOCIOLOGIA
CLÁSSICOS DA SOCIOLOGIACLÁSSICOS DA SOCIOLOGIA
CLÁSSICOS DA SOCIOLOGIA
 
O que é e como surgiu a sociologia?
O que é e como surgiu a sociologia?O que é e como surgiu a sociologia?
O que é e como surgiu a sociologia?
 
Antrop. contêmp
Antrop. contêmpAntrop. contêmp
Antrop. contêmp
 
Moda, Opinião e Estetização do Mundo
Moda, Opinião e Estetização do MundoModa, Opinião e Estetização do Mundo
Moda, Opinião e Estetização do Mundo
 
Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...
Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...
Aula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_1_HOMEM E SOCIEDADEAula_...
 
Principais sociólogos.pdf
Principais sociólogos.pdfPrincipais sociólogos.pdf
Principais sociólogos.pdf
 
Sociologia: Revisando os Primeiros Conceitos
Sociologia: Revisando os Primeiros ConceitosSociologia: Revisando os Primeiros Conceitos
Sociologia: Revisando os Primeiros Conceitos
 
Teorias Sociológicas
Teorias SociológicasTeorias Sociológicas
Teorias Sociológicas
 
Resumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociaisResumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociais
 
Sociologia uma ciência da modernidade
Sociologia uma ciência da modernidadeSociologia uma ciência da modernidade
Sociologia uma ciência da modernidade
 
Émile Durkheim
Émile DurkheimÉmile Durkheim
Émile Durkheim
 
Emile Durkheim
Emile DurkheimEmile Durkheim
Emile Durkheim
 
2 Slide - Sociologia da Educação.pdf
2 Slide - Sociologia da Educação.pdf2 Slide - Sociologia da Educação.pdf
2 Slide - Sociologia da Educação.pdf
 
Cultura e Sociedade
Cultura e SociedadeCultura e Sociedade
Cultura e Sociedade
 
Apostila classicos-sociologia
Apostila classicos-sociologiaApostila classicos-sociologia
Apostila classicos-sociologia
 

Mais de Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia

Iluminismo 2021
Iluminismo 2021Iluminismo 2021
GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...
GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...
GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021
Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021
Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Expansão marítima e comercial 2021
Expansão marítima e comercial 2021Expansão marítima e comercial 2021
Expansão marítima e comercial 2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Brasil: República Oligárquica (estruturas e questões sociais e políticas)
Brasil: República Oligárquica   (estruturas e questões sociais e políticas)Brasil: República Oligárquica   (estruturas e questões sociais e políticas)
Brasil: República Oligárquica (estruturas e questões sociais e políticas)
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Cidadania e direitos humanos 2021
Cidadania e direitos humanos 2021Cidadania e direitos humanos 2021
Cidadania e direitos humanos 2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021
Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021
Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Brasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistas
Brasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistasBrasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistas
Brasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistas
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Revolução Russa de 1917
Revolução Russa de 1917Revolução Russa de 1917
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Islamismo 2021
Islamismo 2021Islamismo 2021
1ª Guerra Mundial (1914-1918)
1ª Guerra Mundial (1914-1918)1ª Guerra Mundial (1914-1918)
1ª Guerra Mundial (1914-1918)
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Brasil Mineração (século XVIII)
Brasil  Mineração (século XVIII)Brasil  Mineração (século XVIII)
Brasil Mineração (século XVIII)
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Neocolonialismo ou Imperialismo
Neocolonialismo ou ImperialismoNeocolonialismo ou Imperialismo
Neocolonialismo ou Imperialismo
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.
Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.
Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Expansão Marítima e Comercial-2021
Expansão Marítima e Comercial-2021Expansão Marítima e Comercial-2021
Expansão Marítima e Comercial-2021
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Ideologias do século XIX
Ideologias do século XIXIdeologias do século XIX
Brasil pré-colonial e colonial.
Brasil pré-colonial e colonial.Brasil pré-colonial e colonial.
Brasil pré-colonial e colonial.
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 

Mais de Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia (20)

Iluminismo 2021
Iluminismo 2021Iluminismo 2021
Iluminismo 2021
 
GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...
GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...
GUERRA FRIA I, BASES, BIPOLARIDADE, MURO DE BERLIM, CORRIDAS ESPACIAL E ARMAM...
 
Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021
Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021
Brasil era vargas (1930 - 1945) 2021
 
Expansão marítima e comercial 2021
Expansão marítima e comercial 2021Expansão marítima e comercial 2021
Expansão marítima e comercial 2021
 
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
Brasil república velha (crise e queda do império república da espada) 2021
 
Brasil: República Oligárquica (estruturas e questões sociais e políticas)
Brasil: República Oligárquica   (estruturas e questões sociais e políticas)Brasil: República Oligárquica   (estruturas e questões sociais e políticas)
Brasil: República Oligárquica (estruturas e questões sociais e políticas)
 
Cidadania e direitos humanos 2021
Cidadania e direitos humanos 2021Cidadania e direitos humanos 2021
Cidadania e direitos humanos 2021
 
Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021
Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021
Monarquias nacionais frança e inglaterra 2021
 
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
 
Brasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistas
Brasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistasBrasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistas
Brasil: crise do sistema colonial e movimentos emancipacipacionistas
 
Revolução Russa de 1917
Revolução Russa de 1917Revolução Russa de 1917
Revolução Russa de 1917
 
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
Crise de1929: Entreguerras (1918-1939)
 
Islamismo 2021
Islamismo 2021Islamismo 2021
Islamismo 2021
 
1ª Guerra Mundial (1914-1918)
1ª Guerra Mundial (1914-1918)1ª Guerra Mundial (1914-1918)
1ª Guerra Mundial (1914-1918)
 
Brasil Mineração (século XVIII)
Brasil  Mineração (século XVIII)Brasil  Mineração (século XVIII)
Brasil Mineração (século XVIII)
 
Neocolonialismo ou Imperialismo
Neocolonialismo ou ImperialismoNeocolonialismo ou Imperialismo
Neocolonialismo ou Imperialismo
 
Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.
Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.
Civilizações do extremo Oriente: Índia, China, Japão.
 
Expansão Marítima e Comercial-2021
Expansão Marítima e Comercial-2021Expansão Marítima e Comercial-2021
Expansão Marítima e Comercial-2021
 
Ideologias do século XIX
Ideologias do século XIXIdeologias do século XIX
Ideologias do século XIX
 
Brasil pré-colonial e colonial.
Brasil pré-colonial e colonial.Brasil pré-colonial e colonial.
Brasil pré-colonial e colonial.
 

Último

Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdfEXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
eltinhorg
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
ConservoConstrues
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
MarcoAurlioResende
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Demetrio Ccesa Rayme
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
jonny615148
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
MarcoAurlioResende
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
FredPaixaoeSilva
 

Último (20)

Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
 
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdfEXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
EXERCÍCIOS ARTRÓPODES E EQUINODERMAS.pdf
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
 

Estrutura social: conceitos básicos.

  • 2. 1. Viver em sociedade o Nossas vidas, conectadas numa complexa rede de relações e interações, tornam a vida em sociedade mais importante que os interesses individuais. o A dependência mútua influencia nossas escolhas individuais e nossa visão de mundo. o Indivíduos formam grupos, compartilham ideias e impõem crenças/ideologias semelhantes.
  • 3.
  • 4. Sociedade e as redes sociais Cada vez mais interagimos pelas redes sociais, excelente espaço de cooperação, expressão, manifestação e comunicação de ideias, opiniões e sentimentos: posicionamentos político/ideológicos, amor e ódio. Ao mesmo tempo que expandimos nossos círculos sociais, temos a impressão que regredimos à Idade Média e ao tribalismo.
  • 5.
  • 6. 2. Estrutura social o Compreender a estrutura social é fundamental para perceber – se como indivíduo e ser social. o O gênero homo sobreviveu e evoluiu porque desenvolveu a imaginação e aprendizagem, tornando – se produtor e transmissor de Cultura. o Viver em grupo foi essencial à produção da vida: ferramentas, alimentos, símbolos, linguagem.
  • 7.
  • 8.
  • 9. Seres sociais e políticos: o Produtores de Cultura homens e mulheres criaram mitos, religiões e sistemas políticos. o Aristóteles, filósofo grego, defendeu que o ser humano só se realiza como cidadão, pensante, racional na pólis (espaço comum), na vida política. o Para Cícero, filósofo romano, o ser político é essencialmente um ser social.
  • 10.
  • 11. Estruturas de poder: o A complexidade da vida social fez surgirem regras e padrões de convivência mais elaborados. o Grupos e lideranças assumiram o controle social e político estabelecendo relações de poder. o No Antigo Egito o Faraó representava um regime teocrático inibindo contestações à sua autoridade. o Novos interesses em estruturas mais complexas.
  • 12.
  • 13. Estrutura: o Corpo articulado com partes interligadas. Estrutura social: o Organização social formada por partes interligadas. o Cidadãos, classes, grupos, profissionais, governantes, normas, regras, leis. o A estrutura forma a previsibilidade e regularidade do comportamento social.
  • 14.
  • 15.
  • 16. Estrutura social X liberdade: o Viver em sociedade: aceitação de regras e leis. o A coerção (pressão social) atua de forma punitiva quando não há coesão (união) social. Consciência coletiva: o Crenças, sentimentos, ações compartilhados. Fato social e coerção social: o Instituições que se impõem sobre os indivíduos. o Constituição, religião, padrões.
  • 17.
  • 18. Mudanças estruturais: o Ações individuais podem pressionar as estruturas. o Mudanças estruturais podem ser lentas ou rápidas. o Estruturas primitivas se transformaram e foram criadas estruturas mais elaboradas: das tribos aos regimes democráticos. o Problemas estruturais mudam lentamente: machismo, racismo.
  • 19.
  • 20.
  • 21. Karl Marx e a dialética: Dialética na Grécia: o Diálogo, raciocínio, sustentação lógica. Dialética para Hegel: o A realidade nos contrários; tese, antítese, síntese. Marx: materialismo histórico e dialético: o Burguesia (tese) x proletariado (antítese). o Revolução, ditadura, Socialismo, Comunismo.
  • 22. 3. Status social: o Posição assumida num grupo social que confere condições de ação individual no coletivo. o Identidade social como a pessoa é reconhecida. o Todos têm status social num grupo social. o Cada status representa a função de cada um no funcionamento da estrutura social. o Exemplo: Escola e os atores que nela atuam.
  • 23.
  • 24. Status dominantes: o Liderança, patrimônio, função no grupo, etc. Status gerais (vários): o Negra, homem, pai, nerd, solteiro, casado, demitido. Status adquiridos (mérito): o Universitário, estagiário, concursado, empregado. Status atribuídos (rótulos – estereótipos – estigmas): o Negro, gay, pobre, favelado, sexista, fascista.
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29. 4. Papel social o O papel (função) social depende do status social. o O papel social implica nas expectativas sobre comportamento e ação de dados atores sociais. o O que se espera de um médico ou advogado. o O papel desempenhado nem sempre corresponde às expectativas sobre aquele ator social. o Papéis sociais são construções sociais.
  • 30.
  • 31.
  • 32.
  • 33.
  • 34.
  • 35. Papéis em conflito: o A sociedade e a Cultura são dinâmicas. o Papéis sociais e status podem mudar conforme as expectativas não sejam satisfeitas. o Múltiplos papéis (status) podem gerar tensões, conflitos, expectativas, realidades. o Status atribuídos em conflito com adquiridos. o Exemplo: homens e mulheres no mundo atual
  • 36.
  • 37.
  • 38.
  • 39.
  • 40.
  • 41.
  • 42.
  • 43.
  • 44. 5. Grupos, categorias, agregados sociais Grupos sociais: o Conjunto de pessoas que compartilham normas, valores, crenças, ideologias, interesses, expectativas. o Mantêm interação regular e organização: família, escola, time, banda, equipe, rede social. Categorias sociais (apoiadores de um político): o Compartilham status e papéis sem interação constante ou consciência de pertencimento.
  • 45.
  • 46.
  • 47. Agregados sociais: o Compartilham crenças, interesses, valores, normas e emoções sem interações constantes/duradouras. o Grupos transitórios que se desfazem rapidamente. o Podem se transformar em grupo social. o Protestos, motim, show, espetáculos. o Cultura de massa: pessoas são manipuladas pelas mídias e consomem produtos culturais.
  • 48.
  • 49.
  • 50. Grupos sociais primários: o Status e papéis sociais definidos e aceitos. o Interação pessoal, emoção, cooperação. o Longa duração: família (papel de pai, mãe). Grupos sociais secundários: o Interações formais, superficiais, impessoais. o Maiores, vínculos frágeis, pouca ação mútua. o Escola: relação com as estruturas.
  • 51.
  • 52.
  • 53. In – group e Out – group: o Ênfase no pertencimento de um grupo e o não pertencimento em outro grupo. o Amigos da escola, sexo, gênero, profissão, classe. Grupos e prestígio social: o As desigualdades criam situações de inclusão, exclusão, acesso, descenso, prestígio e poder econômicos, políticos, sociais.
  • 54.
  • 55.
  • 56. Grupos estabelecidos: o Maior prestígio, poder econômico, político. o Valorizados interesses, valores, normas e crenças. o Exemplos: Ricos, magistrados, ricos, pastores. Grupos marginalizados (outsiders): o Vítimas de preconceito, discriminação, exclusão. o Inferioridade econômica, política, social. o Exemplos: homossexuais, favelados, drogados.