SlideShare uma empresa Scribd logo
ESCALA ESPÍRITA
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
Escala Espírita – q.96-100
96. São iguais os Espíritos,
ou há entre eles qualquer
hierarquia?
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 96
DIFERENTES ORDENS DE
ESPÍRITOS
(Allan Kardec - O livro dos Espíritos - Introdução VI)
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
TERCEIRA ORDEM :
ESPÍRITOS IMPERFEITOS
Pertencerão à terceira os que ainda se acham
na parte inferior da escala: os Espíritos
imperfeitos.
A ignorância, o desejo do mal e todas as
paixões más que lhes retardam o progresso,
eis o que os caracteriza.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
SEGUNDA ORDEM:
BONS ESPÍRITOS
Formam a segunda os que chegaram
ao meio da escala:
o desejo do bem é o que neles
predomina.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
PRIMEIRA ORDEM:
ESPÍRITOS PUROS
Na primeira, colocar-se-ão os que
atingiram a perfeição máxima: os
puros Espíritos.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
Entre os Espíritos, do mesmo
modo que entre os homens, há os
muito ignorantes, de maneira que
nunca serão demais as cautelas
que se tomem contra a tendência a
crer que, por serem Espíritos,
todos devam saber tudo.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 100
ESCALA ESPÍRITA
NÃO MAIS
REENCARNAM
DEPURAM-SE E
ELEVAM-SE PELAS
PROVAS DA
REENCARNAÇÃO
Primeira ordem: Espíritos Puros
Segunda ordem: Espíritos Bons
Terceira ordem: Espíritos Imperfeitos
Escala espírita - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Escala espírita - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 101.
Predominância da matéria
sobre o espírito. Propensão
para o mal. Ignorância,
orgulho, egoísmo e todas as
paixões que lhes são
consequentes.
CARACTERES GERAIS
TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS
IMPERFEITOS
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 101.
Uns não fazem o bem nem o
mal; mas, pelo simples fato
de não fazerem o bem, já
denotam a sua inferioridade.
TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS
IMPERFEITOS
CARACTERES GERAIS
TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS
IMPERFEITOS
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 101.
CARACTERES GERAIS
A inteligência pode achar-se
neles aliada à maldade ou à
malícia; Restritos
conhecimentos têm das
coisas do mundo espírita.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 101.
Na linguagem de que usam se
lhes revela o caráter. Todo mau
pensamento que nos é sugerido
vem de um Espírito desta
ordem.
TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS
IMPERFEITOS
CARACTERES GERAIS
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 101.
Conservam a lembrança e a
percepção dos sofrimentos da
vida corpórea e essa
impressão é muitas vezes
mais penosa do que a
realidade.
TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS
IMPERFEITOS
CARACTERES GERAIS
PODEM COMPOR CINCO CLASSES
PRINCIPAIS.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 102.
DÉCIMA CLASSE. ESPÍRITOS IM
São inclinados ao mal, de que
fazem o objeto de suas
preocupações. Como Espíritos,
dão conselhos pérfidos, sopram
a discórdia e a desconfiança e se
mascaram de todas as maneiras
para melhor enganar.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 102.
Fazem o mal por prazer, as
mais das vezes sem motivo, e,
por ódio ao bem, quase sempre
escolhem suas vítimas entre as
pessoas honestas.
PODEM COMPOR CINCO CLASSES
PRINCIPAIS.
DÉCIMA CLASSE. ESPÍRITOS IM
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 103.
NONA CLASSE. ESPÍRITOS LEVI
Metem-se em tudo, a tudo
respondem, sem se
incomodarem com a verdade.
Gostam de causar pequenos
desgostos e ligeiras alegrias, de
intrigar, de induzir
maldosamente em erro, por
meio de mistificações e de
PODEM COMPOR CINCO CLASSES
PRINCIPAIS.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 104.
OITAVA CLASSE.
ESPÍRITOS PSEUDO-SÁBIOS
Dispõem de conhecimentos
bastante amplos, porém, creem
saber mais do que realmente
sabem. A linguagem deles
aparenta um cunho de
seriedade, de natureza a iludir
com respeito às suas
capacidades e luzes.
PODEM COMPOR CINCO CLASSES
PRINCIPAIS.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 105.
SÉTIMA CLASSE. ESPÍRITOS NEU
Nem bastante bons para
fazerem o bem, nem maus
para fazerem o mal, apegam-
se a bens materiais.
PODEM COMPOR CINCO CLASSES
PRINCIPAIS.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 106.
SEXTA CLASSE.
ESPÍRITOS BATEDORES E
PERTURBADORES.
Podem estar em todas as
classes, manifestam-se por
efeitos sensíveis e físicos.
PODEM COMPOR CINCO CLASSES
PRINCIPAIS.
SEGUNDA ORDEM. BONS ESPÍRITOS
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 107.
CARACTERES
GERAIS.
Predominância do Espírito
sobre a matéria; desejo do
bem. uns têm a ciência,
outros a sabedoria e a
bondade.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 107.
Quando encarnados, são
bondosos e benevolentes com
os seus semelhantes. Não os
movem o orgulho, nem o
egoísmo, ou a ambição.
SEGUNDA ORDEM. BONS ESPÍRITOS
CARACTERES
GERAIS.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 107.
A esta ordem pertencem os
Espíritos designados, nas
crenças vulgares, pelos
nomes de bons gênios,
gênios protetores, Espíritos
do bem.
SEGUNDA ORDEM. BONS ESPÍRITOS
CARACTERES
GERAIS.
PODEM SER DIVIDIDOS
EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS:
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 108.
QUINTA CLASSE.
ESPÍRITOS BENÉVOLOS.
A bondade é neles a qualidade
dominante. Apraz-lhes prestar
serviço aos homens e protegê-
los. Limitados, porém, são os
seus conhecimentos. Hão
progredido mais no sentido
moral do que no sentido
intelectual.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 109.
QUARTA CLASSE.
ESPÍRITOS SÁBIOS
Têm muito conhecimento,
menos ocupados com
questões morais, encaram
a ciência pela sua utilidade.
PODEM SER DIVIDIDOS
EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS:
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 110.
TERCEIRA CLASSE.
ESPÍRITOS DE SABEDORIA
As qualidades morais da
ordem mais elevada são o que
os caracteriza. Sem possuírem
ilimitados conhecimentos, são
dotados de uma capacidade
intelectual que lhes faculta
juízo reto sobre os homens e
as coisas.
PODEM SER DIVIDIDOS
EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS:
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 111.
SEGUNDA CLASSE.
ESPÍRITOS SUPERIORES.
Reúnem ciência, sabedoria e
bondade, só encarnam para
cumprir missões e servir de
exemplo.
PODEM SER DIVIDIDOS
EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS:
PRIMEIRA ORDEM. ESPÍRITOS PURO
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 112.
CARACTERES GERAIS.
Os Espíritos que a compõem
percorreram todos os graus da
escala e se despojaram de
todas as impurezas da
matéria.
Allan Kardec – O Livro dos Espíritos –
questões 113.
PRIMEIRA CLASSE. CLASSE
ÚNICA
Nenhuma influência da
matéria. Superioridade
intelectual e moral
absoluta, com relação aos
Espíritos das outras
ordens.
PRIMEIRA ORDEM. ESPÍRITOS PURO
ESCALA
ESPÍRITA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Roteiro 5 retorno à vida corporal - infância
Roteiro 5    retorno à vida corporal - infânciaRoteiro 5    retorno à vida corporal - infância
Roteiro 5 retorno à vida corporal - infância
Bruno Cechinel Filho
 
Escala espírita!
Escala espírita!Escala espírita!
Escala espírita!
Leonardo Pereira
 
Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!
Leonardo Pereira
 
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIODESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
Jorge Luiz dos Santos
 
Aula Perfeição Moral
Aula  Perfeição MoralAula  Perfeição Moral
Aula Perfeição Moral
Ceile Bernardo
 
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meuProgressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.
Núcleo de Promoção Humana Vinha de Luz
 
Esde módulo 03 - roteiro 01 - existência de deus
Esde    módulo 03 - roteiro 01 - existência de deusEsde    módulo 03 - roteiro 01 - existência de deus
Esde módulo 03 - roteiro 01 - existência de deus
Elysio Laroide Lugarinho
 
04 A categoria de médiuns de efeitos físicos
04   A categoria de médiuns de efeitos físicos04   A categoria de médiuns de efeitos físicos
04 A categoria de médiuns de efeitos físicos
jcevadro
 
Das ocupações e missões dos espíritos!
Das ocupações e missões dos espíritos!Das ocupações e missões dos espíritos!
Das ocupações e missões dos espíritos!
Leonardo Pereira
 
Mundos Transitórios
Mundos TransitóriosMundos Transitórios
Mundos Transitórios
igmateus
 
Aula o perispirito
Aula o perispiritoAula o perispirito
Aula o perispirito
duadv
 
Mundos de Regeneração
Mundos de RegeneraçãoMundos de Regeneração
Mundos de Regeneração
Leonardo Araújo
 
Roteiro 4 progressão dos espíritos
Roteiro  4   progressão dos espíritosRoteiro  4   progressão dos espíritos
Roteiro 4 progressão dos espíritos
Bruno Cechinel Filho
 
Retorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5hRetorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5h
home
 
Principio vital
Principio vitalPrincipio vital
Fluidos e Perispírito
Fluidos e PerispíritoFluidos e Perispírito
Fluidos e Perispírito
igmateus
 
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEASMANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
Jorge Luiz dos Santos
 
Objetivo da encarnação
Objetivo da encarnaçãoObjetivo da encarnação
Objetivo da encarnação
Izabel Cristina Fonseca
 
NECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptx
NECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptxNECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptx
NECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptx
francisco celio
 

Mais procurados (20)

Roteiro 5 retorno à vida corporal - infância
Roteiro 5    retorno à vida corporal - infânciaRoteiro 5    retorno à vida corporal - infância
Roteiro 5 retorno à vida corporal - infância
 
Escala espírita!
Escala espírita!Escala espírita!
Escala espírita!
 
Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!
 
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIODESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
DESTINO, FATALIDADE E LIVRE-ARBÍTRIO
 
Aula Perfeição Moral
Aula  Perfeição MoralAula  Perfeição Moral
Aula Perfeição Moral
 
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meuProgressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
 
Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.
 
Esde módulo 03 - roteiro 01 - existência de deus
Esde    módulo 03 - roteiro 01 - existência de deusEsde    módulo 03 - roteiro 01 - existência de deus
Esde módulo 03 - roteiro 01 - existência de deus
 
04 A categoria de médiuns de efeitos físicos
04   A categoria de médiuns de efeitos físicos04   A categoria de médiuns de efeitos físicos
04 A categoria de médiuns de efeitos físicos
 
Das ocupações e missões dos espíritos!
Das ocupações e missões dos espíritos!Das ocupações e missões dos espíritos!
Das ocupações e missões dos espíritos!
 
Mundos Transitórios
Mundos TransitóriosMundos Transitórios
Mundos Transitórios
 
Aula o perispirito
Aula o perispiritoAula o perispirito
Aula o perispirito
 
Mundos de Regeneração
Mundos de RegeneraçãoMundos de Regeneração
Mundos de Regeneração
 
Roteiro 4 progressão dos espíritos
Roteiro  4   progressão dos espíritosRoteiro  4   progressão dos espíritos
Roteiro 4 progressão dos espíritos
 
Retorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5hRetorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5h
 
Principio vital
Principio vitalPrincipio vital
Principio vital
 
Fluidos e Perispírito
Fluidos e PerispíritoFluidos e Perispírito
Fluidos e Perispírito
 
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEASMANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
 
Objetivo da encarnação
Objetivo da encarnaçãoObjetivo da encarnação
Objetivo da encarnação
 
NECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptx
NECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptxNECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptx
NECESSIDADE DA ENCARNAÇÃO.pptx
 

Semelhante a Escala espírita - Livro dos Espíritos - Allan Kardec

Escala Espírita
Escala EspíritaEscala Espírita
Escala Espírita
Graça Maciel
 
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espiritaResumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
Carlos Alberto Freire De Souza
 
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
carlos freire
 
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina EspíritaResumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Graça Maciel
 
Progressão dos Espíritos 2ª Parte
Progressão dos Espíritos 2ª ParteProgressão dos Espíritos 2ª Parte
Progressão dos Espíritos 2ª Parte
Denise Aguiar
 
Fundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.ppt
Fundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.pptFundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.ppt
Fundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.ppt
ValterDiasdeSena1
 
090107 escala espírita – livro ii, cap. 1
090107 escala espírita – livro ii, cap. 1090107 escala espírita – livro ii, cap. 1
090107 escala espírita – livro ii, cap. 1
Carlos Alberto Freire De Souza
 
Fund I Mod IV Rot 4
Fund I Mod IV Rot 4Fund I Mod IV Rot 4
Fund I Mod IV Rot 4
Shantappa Jewur
 
2.1.5 diferentes ordens de espiritos - escala espirita
2.1.5   diferentes ordens de espiritos - escala espirita2.1.5   diferentes ordens de espiritos - escala espirita
2.1.5 diferentes ordens de espiritos - escala espirita
Marta Gomes
 
O homem depois da morte
O homem depois da morte O homem depois da morte
O homem depois da morte
Graça Maciel
 
Os minerais as plantas os animais e o homem
Os minerais as plantas os animais e o homemOs minerais as plantas os animais e o homem
Os minerais as plantas os animais e o homem
Graça Maciel
 
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentosInfluência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Graça Maciel
 
Primeiro Módulo - Aula 6 - Espirítos
Primeiro Módulo - Aula 6 - EspirítosPrimeiro Módulo - Aula 6 - Espirítos
Primeiro Módulo - Aula 6 - Espirítos
CeiClarencio
 
Anjos guardiães
Anjos guardiãesAnjos guardiães
Anjos guardiães
Graça Maciel
 
Os tres reinos
Os tres reinosOs tres reinos
Os tres reinos
carlos freire
 
Evangeliza - Progressão dos Espíritos
Evangeliza - Progressão dos EspíritosEvangeliza - Progressão dos Espíritos
Evangeliza - Progressão dos Espíritos
Antonino Silva
 
Pureza
PurezaPureza
Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3
Graça Maciel
 
Afastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritosAfastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritos
Graça Maciel
 
Obsessão e suas consequências
Obsessão e suas consequênciasObsessão e suas consequências
Obsessão e suas consequências
Graça Maciel
 

Semelhante a Escala espírita - Livro dos Espíritos - Allan Kardec (20)

Escala Espírita
Escala EspíritaEscala Espírita
Escala Espírita
 
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espiritaResumo dos pontos principais da doutrina espirita
Resumo dos pontos principais da doutrina espirita
 
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
01 resumo dos pontos principais da doutrina espirita
 
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina EspíritaResumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
Resumo dos Pontos Principais Doutrina Espírita
 
Progressão dos Espíritos 2ª Parte
Progressão dos Espíritos 2ª ParteProgressão dos Espíritos 2ª Parte
Progressão dos Espíritos 2ª Parte
 
Fundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.ppt
Fundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.pptFundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.ppt
Fundamental I - Modulo IV - Roteiro 4 - [2009]Euzebio.ppt
 
090107 escala espírita – livro ii, cap. 1
090107 escala espírita – livro ii, cap. 1090107 escala espírita – livro ii, cap. 1
090107 escala espírita – livro ii, cap. 1
 
Fund I Mod IV Rot 4
Fund I Mod IV Rot 4Fund I Mod IV Rot 4
Fund I Mod IV Rot 4
 
2.1.5 diferentes ordens de espiritos - escala espirita
2.1.5   diferentes ordens de espiritos - escala espirita2.1.5   diferentes ordens de espiritos - escala espirita
2.1.5 diferentes ordens de espiritos - escala espirita
 
O homem depois da morte
O homem depois da morte O homem depois da morte
O homem depois da morte
 
Os minerais as plantas os animais e o homem
Os minerais as plantas os animais e o homemOs minerais as plantas os animais e o homem
Os minerais as plantas os animais e o homem
 
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentosInfluência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
Influência dos espíritos sobre os nossos pensamentos
 
Primeiro Módulo - Aula 6 - Espirítos
Primeiro Módulo - Aula 6 - EspirítosPrimeiro Módulo - Aula 6 - Espirítos
Primeiro Módulo - Aula 6 - Espirítos
 
Anjos guardiães
Anjos guardiãesAnjos guardiães
Anjos guardiães
 
Os tres reinos
Os tres reinosOs tres reinos
Os tres reinos
 
Evangeliza - Progressão dos Espíritos
Evangeliza - Progressão dos EspíritosEvangeliza - Progressão dos Espíritos
Evangeliza - Progressão dos Espíritos
 
Pureza
PurezaPureza
Pureza
 
Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3Refletindo com Kardec 3
Refletindo com Kardec 3
 
Afastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritosAfastamento dos maus espíritos
Afastamento dos maus espíritos
 
Obsessão e suas consequências
Obsessão e suas consequênciasObsessão e suas consequências
Obsessão e suas consequências
 

Mais de marjoriestavismeyer

Flor da honestidade - história evangelização infantil
Flor da honestidade - história evangelização infantilFlor da honestidade - história evangelização infantil
Flor da honestidade - história evangelização infantil
marjoriestavismeyer
 
Oração de São francisco de Assis
Oração de São francisco de AssisOração de São francisco de Assis
Oração de São francisco de Assis
marjoriestavismeyer
 
Eurípedes barsanulfo - biografia
Eurípedes barsanulfo - biografiaEurípedes barsanulfo - biografia
Eurípedes barsanulfo - biografia
marjoriestavismeyer
 
Parecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Parecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan KardecParecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Parecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
marjoriestavismeyer
 
Influência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Influência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan KardecInfluência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Influência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
marjoriestavismeyer
 
Perturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Perturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan KardecPerturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Perturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
marjoriestavismeyer
 
Sonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Sonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan KardecSonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Sonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
marjoriestavismeyer
 
Progressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Progressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan KardecProgressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Progressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
marjoriestavismeyer
 
Encarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Encarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan KardecEncarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Encarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
marjoriestavismeyer
 
Escolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Escolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan KardecEscolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Escolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
marjoriestavismeyer
 
Livro dos Espíritos - Pressentimentos
Livro dos Espíritos - PressentimentosLivro dos Espíritos - Pressentimentos
Livro dos Espíritos - Pressentimentos
marjoriestavismeyer
 
Letargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismoLetargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismo
marjoriestavismeyer
 
Dr. Bezerra de Menezes - Biografia
Dr. Bezerra de Menezes - BiografiaDr. Bezerra de Menezes - Biografia
Dr. Bezerra de Menezes - Biografia
marjoriestavismeyer
 

Mais de marjoriestavismeyer (13)

Flor da honestidade - história evangelização infantil
Flor da honestidade - história evangelização infantilFlor da honestidade - história evangelização infantil
Flor da honestidade - história evangelização infantil
 
Oração de São francisco de Assis
Oração de São francisco de AssisOração de São francisco de Assis
Oração de São francisco de Assis
 
Eurípedes barsanulfo - biografia
Eurípedes barsanulfo - biografiaEurípedes barsanulfo - biografia
Eurípedes barsanulfo - biografia
 
Parecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Parecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan KardecParecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Parecenças físicas e morais - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
 
Influência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Influência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan KardecInfluência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Influência do organismo - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
 
Perturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Perturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan KardecPerturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Perturbação espiritual - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
 
Sonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Sonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan KardecSonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Sonambulismo, êxtase e dupla vista - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
 
Progressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Progressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan KardecProgressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Progressão dos espíritos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
 
Encarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Encarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan KardecEncarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Encarnação nos diferentes mundos - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
 
Escolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Escolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan KardecEscolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
Escolha das provas - Livro dos Espíritos - Allan Kardec
 
Livro dos Espíritos - Pressentimentos
Livro dos Espíritos - PressentimentosLivro dos Espíritos - Pressentimentos
Livro dos Espíritos - Pressentimentos
 
Letargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismoLetargia, catalepsia e sonambulismo
Letargia, catalepsia e sonambulismo
 
Dr. Bezerra de Menezes - Biografia
Dr. Bezerra de Menezes - BiografiaDr. Bezerra de Menezes - Biografia
Dr. Bezerra de Menezes - Biografia
 

Último

10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 

Último (14)

10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 

Escala espírita - Livro dos Espíritos - Allan Kardec

  • 1. ESCALA ESPÍRITA Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – Escala Espírita – q.96-100
  • 2. 96. São iguais os Espíritos, ou há entre eles qualquer hierarquia? Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 96 DIFERENTES ORDENS DE ESPÍRITOS
  • 3. (Allan Kardec - O livro dos Espíritos - Introdução VI)
  • 4. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
  • 5. TERCEIRA ORDEM : ESPÍRITOS IMPERFEITOS Pertencerão à terceira os que ainda se acham na parte inferior da escala: os Espíritos imperfeitos. A ignorância, o desejo do mal e todas as paixões más que lhes retardam o progresso, eis o que os caracteriza. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
  • 6. SEGUNDA ORDEM: BONS ESPÍRITOS Formam a segunda os que chegaram ao meio da escala: o desejo do bem é o que neles predomina. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
  • 7. PRIMEIRA ORDEM: ESPÍRITOS PUROS Na primeira, colocar-se-ão os que atingiram a perfeição máxima: os puros Espíritos. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 97
  • 8. Entre os Espíritos, do mesmo modo que entre os homens, há os muito ignorantes, de maneira que nunca serão demais as cautelas que se tomem contra a tendência a crer que, por serem Espíritos, todos devam saber tudo. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questão 100 ESCALA ESPÍRITA
  • 9. NÃO MAIS REENCARNAM DEPURAM-SE E ELEVAM-SE PELAS PROVAS DA REENCARNAÇÃO Primeira ordem: Espíritos Puros Segunda ordem: Espíritos Bons Terceira ordem: Espíritos Imperfeitos
  • 12. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 101. Predominância da matéria sobre o espírito. Propensão para o mal. Ignorância, orgulho, egoísmo e todas as paixões que lhes são consequentes. CARACTERES GERAIS TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS IMPERFEITOS
  • 13. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 101. Uns não fazem o bem nem o mal; mas, pelo simples fato de não fazerem o bem, já denotam a sua inferioridade. TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS IMPERFEITOS CARACTERES GERAIS
  • 14. TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS IMPERFEITOS Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 101. CARACTERES GERAIS A inteligência pode achar-se neles aliada à maldade ou à malícia; Restritos conhecimentos têm das coisas do mundo espírita.
  • 15. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 101. Na linguagem de que usam se lhes revela o caráter. Todo mau pensamento que nos é sugerido vem de um Espírito desta ordem. TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS IMPERFEITOS CARACTERES GERAIS
  • 16. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 101. Conservam a lembrança e a percepção dos sofrimentos da vida corpórea e essa impressão é muitas vezes mais penosa do que a realidade. TERCEIRA ORDEM – ESPÍRITOS IMPERFEITOS CARACTERES GERAIS
  • 17. PODEM COMPOR CINCO CLASSES PRINCIPAIS. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 102. DÉCIMA CLASSE. ESPÍRITOS IM São inclinados ao mal, de que fazem o objeto de suas preocupações. Como Espíritos, dão conselhos pérfidos, sopram a discórdia e a desconfiança e se mascaram de todas as maneiras para melhor enganar.
  • 18. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 102. Fazem o mal por prazer, as mais das vezes sem motivo, e, por ódio ao bem, quase sempre escolhem suas vítimas entre as pessoas honestas. PODEM COMPOR CINCO CLASSES PRINCIPAIS. DÉCIMA CLASSE. ESPÍRITOS IM
  • 19. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 103. NONA CLASSE. ESPÍRITOS LEVI Metem-se em tudo, a tudo respondem, sem se incomodarem com a verdade. Gostam de causar pequenos desgostos e ligeiras alegrias, de intrigar, de induzir maldosamente em erro, por meio de mistificações e de PODEM COMPOR CINCO CLASSES PRINCIPAIS.
  • 20. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 104. OITAVA CLASSE. ESPÍRITOS PSEUDO-SÁBIOS Dispõem de conhecimentos bastante amplos, porém, creem saber mais do que realmente sabem. A linguagem deles aparenta um cunho de seriedade, de natureza a iludir com respeito às suas capacidades e luzes. PODEM COMPOR CINCO CLASSES PRINCIPAIS.
  • 21. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 105. SÉTIMA CLASSE. ESPÍRITOS NEU Nem bastante bons para fazerem o bem, nem maus para fazerem o mal, apegam- se a bens materiais. PODEM COMPOR CINCO CLASSES PRINCIPAIS.
  • 22. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 106. SEXTA CLASSE. ESPÍRITOS BATEDORES E PERTURBADORES. Podem estar em todas as classes, manifestam-se por efeitos sensíveis e físicos. PODEM COMPOR CINCO CLASSES PRINCIPAIS.
  • 23. SEGUNDA ORDEM. BONS ESPÍRITOS Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 107. CARACTERES GERAIS. Predominância do Espírito sobre a matéria; desejo do bem. uns têm a ciência, outros a sabedoria e a bondade.
  • 24. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 107. Quando encarnados, são bondosos e benevolentes com os seus semelhantes. Não os movem o orgulho, nem o egoísmo, ou a ambição. SEGUNDA ORDEM. BONS ESPÍRITOS CARACTERES GERAIS.
  • 25. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 107. A esta ordem pertencem os Espíritos designados, nas crenças vulgares, pelos nomes de bons gênios, gênios protetores, Espíritos do bem. SEGUNDA ORDEM. BONS ESPÍRITOS CARACTERES GERAIS.
  • 26. PODEM SER DIVIDIDOS EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS: Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 108. QUINTA CLASSE. ESPÍRITOS BENÉVOLOS. A bondade é neles a qualidade dominante. Apraz-lhes prestar serviço aos homens e protegê- los. Limitados, porém, são os seus conhecimentos. Hão progredido mais no sentido moral do que no sentido intelectual.
  • 27. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 109. QUARTA CLASSE. ESPÍRITOS SÁBIOS Têm muito conhecimento, menos ocupados com questões morais, encaram a ciência pela sua utilidade. PODEM SER DIVIDIDOS EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS:
  • 28. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 110. TERCEIRA CLASSE. ESPÍRITOS DE SABEDORIA As qualidades morais da ordem mais elevada são o que os caracteriza. Sem possuírem ilimitados conhecimentos, são dotados de uma capacidade intelectual que lhes faculta juízo reto sobre os homens e as coisas. PODEM SER DIVIDIDOS EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS:
  • 29. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 111. SEGUNDA CLASSE. ESPÍRITOS SUPERIORES. Reúnem ciência, sabedoria e bondade, só encarnam para cumprir missões e servir de exemplo. PODEM SER DIVIDIDOS EM QUATRO GRUPOS PRINCIPAIS:
  • 30. PRIMEIRA ORDEM. ESPÍRITOS PURO Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 112. CARACTERES GERAIS. Os Espíritos que a compõem percorreram todos os graus da escala e se despojaram de todas as impurezas da matéria.
  • 31. Allan Kardec – O Livro dos Espíritos – questões 113. PRIMEIRA CLASSE. CLASSE ÚNICA Nenhuma influência da matéria. Superioridade intelectual e moral absoluta, com relação aos Espíritos das outras ordens. PRIMEIRA ORDEM. ESPÍRITOS PURO