SlideShare uma empresa Scribd logo
DIREITOS HUMANOS, AMBIENTE E A
EDUCAÇÃO AMBIENTAL – FERRAMENTAS
PARA A DEFESA E PRESERVAÇÃO DO MEIO
AMBIENTE.
Isabela Battistello Espíndola
isaespindola@hotmail.com
Curso de Especialização em Educação Ambiental
Julho de 2017
2
Os direitos humanos extrapolaram os limites
do indivíduo e de grupos sociais mais restritos
para se tornarem cada vez mais abrangentes,
tornaram-se metaindividuais, envolvem a
humanidade com os direitos de solidariedade
ou fraternidade, e por se destinarem a todos,
indistintamente, também ficaram conhecidos
como direitos difusos.
3
Os direitos humanos têm na Declaração Universal
dos Direitos Humanos, do ano de 1948, o seu
respaldo internacional, pois estabeleceu parâmetros
para toda a legislação subsequente, quer em nível
interno dos Estados, quer em nível internacional,
sendo complementada, posteriormente, pelo Pacto
Internacional sobre Direitos Civis e Políticos e pelo
Pacto Internacional sobre Direitos Econômicos,
Sociais e Culturais, ambos de 1966.
DIREITOS HUMANOS E
MEIO AMBIENTE
Isabela Battistello Espíndola
isaespindola@hotmail.com
Curso de Especialização em Educação Ambiental
Julho de 2017
Direitos Humanos e Meio Ambiente?
Qual a
relação/conexão
entre os dois
temas?
Por que estudar os
dois juntos?
Os direitos humanos não devem ser vistos de
forma dissociada, num campo isolado. É
preciso pensar em sua universalidade dentro
do contexto histórico, cultural e econômico
por que passa a sociedade moderna. O olhar
interdisciplinar e crítico sobre os direitos
humanos torna-se indiscutível e necessário
frente a uma realidade de violências,
conflitos, de desvalorização do ser humano e
consequentes violações aos direitos humanos.
A relação entre direitos humanos e o direito ao meio
ambiente de qualidade, nos remete a garantia de um
desenvolvimento sustentável ou a sustentabilidade
do desenvolvimento. Essa sustentabilidade é aquela
em que deve haver a utilização racional dos recursos
naturais e dessa forma primar pela diminuição da
exploração de uns sobre outros, garantindo que o
meio ambiente fique equilibrado e que as pessoas
possam viver num espaço harmônico em meio a um
desenvolvimento que não vise apenas o lucro, mas
que prime pela responsabilidade que todos têm em
relação ao meio ambiente.
Questões sobre direitos humanos e o meio
ambiente não podem ser vistas de forma
dissociada tendo em vista que a qualidade do
meio ambiente está ligada de certa forma com a
proteção da vida humana. Em meio a tantas
violações aos direitos humanos que colocam em
risco a dignidade humana e ações que degradam
o meio ambiente é necessário discutir tais
temáticas não só em instituições de ensino, mas
em toda a sociedade.
Direitos Humanos e Meio Ambiente?
Meio ambiente é
um direito
humano
Preservar o meio
ambiente é
preservar a vida
Direitos Humanos e Meio Ambiente?
O meio ambiente
ecologicamente equilibrado
foi consagrado
constitucionalmente como
direito fundamental de
tríplice dimensão
Individual, social e
intergeracional
Direitos Humanos e Meio Ambiente?
Individual
• Enquanto pressuposto da
sadia qualidade de vida,
interessa a cada pessoa,
considerada na sua
individualidade como
detentora do direito
fundamental à vida sadia
Social
• como bem de uso comum
do povo (portanto, difuso),
o meio ambiente
ecologicamente
equilibrado integra o
patrimônio coletivo.
• Não é possível, em nome
deste direito, apropriar-se
individualmente de
parcelas do meio ambiente
para consumo privado, pois
a realização individual
deste direito fundamental
está intrinsecamente ligada
à sua realização social
Intergeracional
• geração presente,
historicamente situada no
mundo contemporâneo,
deve defender e preservar
o meio ambiente
ecologicamente
equilibrado para as futuras
gerações
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
“Há só uma Terra, mas não só um Mundo.
Todos nós dependemos de uma biosfera para
conservar nossas vidas. Mesmo assim, cada
comunidade, cada país luta pela sobrevivência
e pela prosperidade quase sem levar em
consideração o impacto que causa sobre os
demais”.
(Relatório Brundtland, Nosso Futuro Comum)
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
• A questão ambiental tornou-se mais presente em grande parte dos
fóruns de discussões internacionais, principalmente após a década de
1970-1980 com a realização da Conferência de Estocolmo em 1972 e da
divulgação do Relatório de Bruntland em 1987.
• Esse debate ambiental e, por consequência, aceitação generalizada do
meio ambiente como um tema global se baseia no reconhecimento de
que os danos ambientais têm aumentado mundialmente, sobretudo
pela intensificação do desenvolvimento tecnológico, expansão agrícola,
industrialização e aumento da população, colocando em risco a
proteção do ser humano.
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
• Todos os seres vivos, de um modo ou de outro, causam
transformações no ambiente em que vivem, mas o homem tem
sido capaz de promover alterações em escala e ritmo crescentes,
transformando paisagens, esgotando recursos naturais,
extinguindo espécies da flora e da fauna, e colocando em risco a
própria existência.
Crescente
preocupação
Desenvolvimento de
mecanismos de
regulamentação do
meio ambiente
Assinatura de
acordos, protocolos e
outros documentos
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
O meio ambiente, em seu complexo conjunto
de condições, influencia como os indivíduos
vivem e como o desenvolvimento das
sociedades evolui.
Paralelo entre a proteção do meio ambiente e
a proteção do ser humano, pois conforme os
problemas ambientais locais ou globais
aumentam e se tornam mais sérios, coloca-se
em risco a sobrevivência da espécie humana.
Preservar o meio
ambiente é
preservar a vida
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
Essencialidade, massividade, vulnerabilidade e
escassez.
Imprescindível para o funcionamento da
sociedade
Sem ele o ser humano não consegue desenvolver
grande parte de suas atividades, sejam estas
produtivas, econômicas ou simplesmente aquelas
que se referem ao seu dia-a-dia.
Recursos
naturais
estratégicos
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
Recursos naturais são centrais para uma
nação
Tanto a escassez quanto a abundância de um
recurso poderiam gerar conflitos entre os
Estados, colocando em risco à própria vida
Segurança
Ambiental
CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS
Relacionados à exploração, sobretudo, de
recursos naturais classificados como não
renováveis
Afeta diretamente o desenvolvimento dos
países, repercutindo na qualidade de vida das
comunidades
Afeta diretamente o meio ambiente, o qual
padece cada vez mais com a disseminação desses
conflitos
Meio ambiente e
conflitos
O meio ambiente é um bem
transfronteiriço e global, o que
possibilita a ocorrência de conflitos,
seja devido à disputa por recursos,
seja devido aos constrangimentos
que impõe em termos tanto das
tecnologias produtivas e do uso do
solo, como das formas de consumo
adotadas pelos países.
PROTEÇÃO AO MEIO AMBIENTE
PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE
• A preocupação com o meio ambiente aumentou a exigência de mudanças no
comportamento de modo geral, seja relativa ao Estado ou a sociedade que o compõe.
• É também pela lógica de que o meio ambiente é comum e direito fundamental de
todos, que a problemática ambiental torna-se responsabilidade de todos os seres
humanos, não se restringindo a uma só nação.
Estima que dos mais de 500
tratados internacionais
existentes em matéria
ambiental, 320 referem-se
aos regionais.
Isso mostra uma intensa
multiplicação de acordos de
instrumentalização jurídica
do meio ambiente dentre os
regimes regionais.
PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE
• Desde a divulgação do Relatório Brundtland em 1987 apresentaram-se diversas e
consideráveis críticas sobre as políticas ambientais da maioria dos países do
mundo, pois tal como o próprio Relatório ressalta, grande parte destas políticas
segrega e se afasta das esferas políticas e econômicas, ignorando que o meio
ambiente, a política e a economia são interligados.
• As primeiras normas surgiram para regular a utilização dos recursos naturais na
região, não sendo assim destinadas a proteção do meio ambiente.
• Em resposta a estas duras críticas, muitas das legislações ambientais dos Estados
têm passado por reformas, visando agregar o aspecto ambiental a áreas já
consideradas relevantes para um país .
PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE
• Nos últimos 50 anos, todos os países da América do Sul promulgaram
novas Constituições ou reformaram as que existiam, incluindo
capítulos e artigos específicos para o meio ambiente.
• Todos também contam como políticas ou leis especificas para a tutela
do meio ambiente.
• Isso reflete que o patrimônio ambiental dos países foi elevado a um
assunto de interesse nacional, necessário para a proteção da
dignidade humana e condição para a garantia do desenvolvimento
sócio econômico.
PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE
• No Brasil:
• A política nacional para o meio ambiente foi formulada em 1981, praticamente
trinta e cinco anos atrás.
• No regime constitucional brasileiro, o próprio caput do artigo 225 da Constituição
da República impõe a conclusão de que o direito ao meio ambiente é um dos
direitos humanos fundamentais.
• Assim o meio ambiente é considerado um bem de uso comum do povo e essencial
à sadia qualidade de vida.
• Isto faz com que o meio ambiente e os bens ambientais integrem-se à categoria
jurídica da res comune omnium, sendo considerados, pois, como interesses
comuns.
PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE
• Desde que foram criadas, algumas dessas leis e políticas nacionais
sofreram alterações a fim de atualiza-las e adapta-las as novas
realidades.
• Não significa que uma lei que não sofreu nenhum tipo de alteração não
seja adequada para tratar do meio ambiente.
• No entanto, existe a possibilidade de que essa lei mais antiga não
aborde ou prescreva soluções para um problema que surgiu
posteriormente, o que demonstra que as leis e políticas ambientais
devem estar em constante atualização a fim de atender e superar cada
novo desafio que surja.
PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE
• O direito ao meio ambiente converge com os direitos humanos para a promoção
de uma sadia qualidade de vida tendo em vista a proteção da dignidade humana.
Para essa sadia qualidade de vida é preciso que principalmente as atividades
humanas não degradem o meio ambiente.
Emissão de gases
poluentes com uso
de automóveis
Erosões provocadas
principalmente pelo
desrespeito aos
limites do meio
ambiente com
construções em
locais proibidos
Desperdícios
crescentes de água
Queimadas
provocadas
28
Por sua vez, o direito a um meio ambiente
saudável, equilibrado ecologicamente e
sustentável, passou a figurar no rol dos direitos
humanos de terceira geração – direitos difusos –
a partir da Conferência das Nações Unidas sobre
o Meio Ambiente Humano (Estocolmo, 1972), e
adquiriu o status de “fundamental”, justamente,
por ser imprescindível à manutenção da vida das
gerações presentes e futuras.
29
Nesse sentido, os embates conceituais
sobre o meio ambiente, no intuito de
enquadrá-lo no contexto dos direitos de
terceira geração, ocorrem sobre a ótica de
dois pontos de vista: a visão
antropocêntrica e a visão ecocêntrica.
Apesar de ambas colimarem o mesmo
objetivo – meio ambiente ecologicamente
equilibrado – seus enfoques partem de
pressupostos distintos.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
CONSIDERAÇÕES FINAIS
• O direito ao meio ambiente inclui-se no rol dos direitos fundamentais, o que lhe
confere uma proteção mais ampla, concreta e efetiva.
• A partir do momento em que o direito ao meio ambiente passou a ser entendido
como uma extensão ou corolário lógico do direito constitucional à vida, na
vertente da sadia qualidade de vida.
• É dizer, o bem jurídico vida depende, para a sua integralidade, entre outros
fatores, da proteção do meio ambiente com todos os seus consectários, sendo
dever do Poder Público e da coletividade defendê-lo e preservá-lo para presentes
e futuras gerações.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sustentabilidade e meio ambiente
Sustentabilidade e meio ambienteSustentabilidade e meio ambiente
Sustentabilidade e meio ambiente
EMEFEzequiel
 
Meio ambiente – as 17 leis ambientais do
Meio ambiente – as 17 leis ambientais doMeio ambiente – as 17 leis ambientais do
Meio ambiente – as 17 leis ambientais do
UERGS
 
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos HumanosDeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
Luci Bonini
 
Meio ambiente apresentacao final
Meio ambiente  apresentacao finalMeio ambiente  apresentacao final
Meio ambiente apresentacao final
neto Serafim
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
Jane Mary Lima Castro
 
Meio ambiente powerpoint
Meio ambiente powerpointMeio ambiente powerpoint
Meio ambiente powerpoint
Margarida Santos
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
Edvaldo S. Júnior
 
Politicas Ambientais
Politicas AmbientaisPoliticas Ambientais
Politicas Ambientais
Ezequias Guimaraes
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Educação Ambiental..pptx
Educação Ambiental..pptxEducação Ambiental..pptx
Educação Ambiental..pptx
rickriordan
 
Conceito de meio ambiente
Conceito de meio ambienteConceito de meio ambiente
Conceito de meio ambiente
Patrícia Éderson Dias
 
Aula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentávelAula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentável
Carlos Priante
 
Os princípios de direito ambiental atual
Os princípios de direito ambiental atualOs princípios de direito ambiental atual
Os princípios de direito ambiental atual
João Alfredo Telles Melo
 
Impactos do homem sobre o meio ambiente
Impactos do homem sobre o meio ambienteImpactos do homem sobre o meio ambiente
Impactos do homem sobre o meio ambiente
laiszanatta
 
Educação Ambiental e Mudanças de Hábitos
Educação Ambiental e Mudanças de HábitosEducação Ambiental e Mudanças de Hábitos
Educação Ambiental e Mudanças de Hábitos
carlosbidu
 
Slides leis ambientais
Slides leis ambientaisSlides leis ambientais
Slides leis ambientais
derlonpipcbc
 
Cidadania no brasil
Cidadania no brasilCidadania no brasil
Cidadania no brasil
Isabela Espíndola
 
Consumo e Sustentabilidade
Consumo e SustentabilidadeConsumo e Sustentabilidade
Consumo e Sustentabilidade
Vitor Vieira Vasconcelos
 
Sustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambientalSustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambiental
andreresende22051997
 
Desenvolvimento Sustentavel
Desenvolvimento SustentavelDesenvolvimento Sustentavel
Desenvolvimento Sustentavel
lupajero
 

Mais procurados (20)

Sustentabilidade e meio ambiente
Sustentabilidade e meio ambienteSustentabilidade e meio ambiente
Sustentabilidade e meio ambiente
 
Meio ambiente – as 17 leis ambientais do
Meio ambiente – as 17 leis ambientais doMeio ambiente – as 17 leis ambientais do
Meio ambiente – as 17 leis ambientais do
 
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos HumanosDeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
 
Meio ambiente apresentacao final
Meio ambiente  apresentacao finalMeio ambiente  apresentacao final
Meio ambiente apresentacao final
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
 
Meio ambiente powerpoint
Meio ambiente powerpointMeio ambiente powerpoint
Meio ambiente powerpoint
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
Politicas Ambientais
Politicas AmbientaisPoliticas Ambientais
Politicas Ambientais
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
 
Educação Ambiental..pptx
Educação Ambiental..pptxEducação Ambiental..pptx
Educação Ambiental..pptx
 
Conceito de meio ambiente
Conceito de meio ambienteConceito de meio ambiente
Conceito de meio ambiente
 
Aula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentávelAula 1 desenvolvimento sustentável
Aula 1 desenvolvimento sustentável
 
Os princípios de direito ambiental atual
Os princípios de direito ambiental atualOs princípios de direito ambiental atual
Os princípios de direito ambiental atual
 
Impactos do homem sobre o meio ambiente
Impactos do homem sobre o meio ambienteImpactos do homem sobre o meio ambiente
Impactos do homem sobre o meio ambiente
 
Educação Ambiental e Mudanças de Hábitos
Educação Ambiental e Mudanças de HábitosEducação Ambiental e Mudanças de Hábitos
Educação Ambiental e Mudanças de Hábitos
 
Slides leis ambientais
Slides leis ambientaisSlides leis ambientais
Slides leis ambientais
 
Cidadania no brasil
Cidadania no brasilCidadania no brasil
Cidadania no brasil
 
Consumo e Sustentabilidade
Consumo e SustentabilidadeConsumo e Sustentabilidade
Consumo e Sustentabilidade
 
Sustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambientalSustentabilidade ambiental
Sustentabilidade ambiental
 
Desenvolvimento Sustentavel
Desenvolvimento SustentavelDesenvolvimento Sustentavel
Desenvolvimento Sustentavel
 

Semelhante a DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE

Aula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresas
Aula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresasAula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresas
Aula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresas
Isabela Espíndola
 
Apostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutorias
Apostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutoriasApostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutorias
Apostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutorias
Neimar Albuquerque
 
MEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDF
MEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDFMEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDF
MEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDF
dreamacedo
 
Meio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptx
Meio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptxMeio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptx
Meio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptx
PatriciaDaSilvaMunho
 
A importância da auditoria ambiental
A importância da auditoria ambientalA importância da auditoria ambiental
A importância da auditoria ambiental
Universidade Federal Fluminense
 
Trabalho de Geografia colegio santa ines em santa
Trabalho de Geografia colegio santa ines em santaTrabalho de Geografia colegio santa ines em santa
Trabalho de Geografia colegio santa ines em santa
Edu Cunha
 
Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade
Maria Teixiera
 
SLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptx
SLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptxSLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptx
SLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptx
JulianePatrcia1
 
Palestra da uftm
Palestra da uftmPalestra da uftm
Palestra da uftm
Edma Catarina da Costa
 
mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'
mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'
mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'
Suellen Vitória
 
Conteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptx
Conteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptxConteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptx
Conteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptx
EugeniaGodinho
 
Treinamento Responsabilidade Social e Meio Ambiente
Treinamento Responsabilidade Social e Meio AmbienteTreinamento Responsabilidade Social e Meio Ambiente
Treinamento Responsabilidade Social e Meio Ambiente
joaobcfracassi
 
Direito ambiental impacto ambiental
Direito ambiental impacto ambientalDireito ambiental impacto ambiental
Direito ambiental impacto ambiental
Carlos Martins
 
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capituloEcologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
jaymkami
 
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capituloEcologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
jaymkami
 
Gestão ambiental e desenvolvimento sustentável
Gestão ambiental e desenvolvimento sustentávelGestão ambiental e desenvolvimento sustentável
Gestão ambiental e desenvolvimento sustentável
Mayjö .
 
Apresentação do eixo ea na eape 2014
Apresentação do eixo ea na eape 2014Apresentação do eixo ea na eape 2014
Apresentação do eixo ea na eape 2014
Cristiano Lucas Ferreira
 
Declaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICO
Declaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICODeclaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICO
Declaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICO
Larissa Chianca
 
Aula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdf
Aula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdfAula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdf
Aula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdf
CristineSantosDeSouz
 
Ecma apostila políticas públicas e demais novembro
Ecma apostila políticas públicas e demais novembroEcma apostila políticas públicas e demais novembro
Ecma apostila políticas públicas e demais novembro
Vanessa Melo
 

Semelhante a DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE (20)

Aula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresas
Aula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresasAula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresas
Aula de Legislação Ambiental no Brasil e nas empresas
 
Apostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutorias
Apostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutoriasApostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutorias
Apostila i dir_amb__historia_e_nocoes_introdutorias
 
MEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDF
MEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDFMEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDF
MEIO AMBIENTE E GESTAO AMBIENTAL.TST.PDF
 
Meio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptx
Meio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptxMeio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptx
Meio ambiente e SUSTENTABILIDADE.pptx
 
A importância da auditoria ambiental
A importância da auditoria ambientalA importância da auditoria ambiental
A importância da auditoria ambiental
 
Trabalho de Geografia colegio santa ines em santa
Trabalho de Geografia colegio santa ines em santaTrabalho de Geografia colegio santa ines em santa
Trabalho de Geografia colegio santa ines em santa
 
Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade
 
SLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptx
SLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptxSLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptx
SLIDE- Direitos Humanos X Direito Ambiental..pptx
 
Palestra da uftm
Palestra da uftmPalestra da uftm
Palestra da uftm
 
mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'
mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'
mini seminário 'Em busca da qualidade de vida'
 
Conteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptx
Conteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptxConteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptx
Conteúdo de revisão para 1ª Avaliação (1).pptx
 
Treinamento Responsabilidade Social e Meio Ambiente
Treinamento Responsabilidade Social e Meio AmbienteTreinamento Responsabilidade Social e Meio Ambiente
Treinamento Responsabilidade Social e Meio Ambiente
 
Direito ambiental impacto ambiental
Direito ambiental impacto ambientalDireito ambiental impacto ambiental
Direito ambiental impacto ambiental
 
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capituloEcologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
 
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capituloEcologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
Ecologia e-meio-ambiente-3-ano-seguranca-no-trabalho-1-capitulo
 
Gestão ambiental e desenvolvimento sustentável
Gestão ambiental e desenvolvimento sustentávelGestão ambiental e desenvolvimento sustentável
Gestão ambiental e desenvolvimento sustentável
 
Apresentação do eixo ea na eape 2014
Apresentação do eixo ea na eape 2014Apresentação do eixo ea na eape 2014
Apresentação do eixo ea na eape 2014
 
Declaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICO
Declaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICODeclaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICO
Declaração de estocolmo - TRAB. ACADÊMICO
 
Aula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdf
Aula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdfAula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdf
Aula 1 - Meio ambiente e Desenvolvimento Sustentável.pdf
 
Ecma apostila políticas públicas e demais novembro
Ecma apostila políticas públicas e demais novembroEcma apostila políticas públicas e demais novembro
Ecma apostila políticas públicas e demais novembro
 

Mais de Isabela Espíndola

Saneamento Básico e Saúde Pública
Saneamento Básico e Saúde PúblicaSaneamento Básico e Saúde Pública
Saneamento Básico e Saúde Pública
Isabela Espíndola
 
Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...
Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...
Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...
Isabela Espíndola
 
Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...
Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...
Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...
Isabela Espíndola
 
ANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAIS
ANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAISANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAIS
ANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAIS
Isabela Espíndola
 
THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA
THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA
THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA
Isabela Espíndola
 
Anais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambiental
Anais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambientalAnais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambiental
Anais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambiental
Isabela Espíndola
 
Recursos naturais na América Latina
Recursos naturais na América LatinaRecursos naturais na América Latina
Recursos naturais na América Latina
Isabela Espíndola
 
Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...
Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...
Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...
Isabela Espíndola
 
Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...
Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...
Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...
Isabela Espíndola
 
SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...
SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...
SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...
Isabela Espíndola
 
Agenda 2030, ODS e empresas
Agenda 2030, ODS e empresasAgenda 2030, ODS e empresas
Agenda 2030, ODS e empresas
Isabela Espíndola
 
Management of transboundary water resources in South America
Management of transboundary water resources in South AmericaManagement of transboundary water resources in South America
Management of transboundary water resources in South America
Isabela Espíndola
 
Agenda 2030 e os ODS
Agenda 2030 e os ODSAgenda 2030 e os ODS
Agenda 2030 e os ODS
Isabela Espíndola
 
La plata basin
La plata basinLa plata basin
La plata basin
Isabela Espíndola
 
Aula 3 - Os 70 anos da DUDH
Aula 3 - Os 70 anos da DUDHAula 3 - Os 70 anos da DUDH
Aula 3 - Os 70 anos da DUDH
Isabela Espíndola
 
Aula 2 - A luta contra a febre amarela
Aula 2 -  A luta contra a febre amarelaAula 2 -  A luta contra a febre amarela
Aula 2 - A luta contra a febre amarela
Isabela Espíndola
 
Aula 1 - Atualidades 2018
Aula 1 - Atualidades 2018Aula 1 - Atualidades 2018
Aula 1 - Atualidades 2018
Isabela Espíndola
 
Aula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon Musk
Aula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon MuskAula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon Musk
Aula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon Musk
Isabela Espíndola
 
Fuvest 2018 - comentários da prova
Fuvest 2018 - comentários da provaFuvest 2018 - comentários da prova
Fuvest 2018 - comentários da prova
Isabela Espíndola
 
Aula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulher
Aula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulherAula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulher
Aula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulher
Isabela Espíndola
 

Mais de Isabela Espíndola (20)

Saneamento Básico e Saúde Pública
Saneamento Básico e Saúde PúblicaSaneamento Básico e Saúde Pública
Saneamento Básico e Saúde Pública
 
Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...
Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...
Legal regimes for environmental protection: governance for transboundary natu...
 
Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...
Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...
Socio, economic and environmental impacts of mariana and brumadinho lessons t...
 
ANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAIS
ANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAISANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAIS
ANTROPOCENO, MEIO AMBIENTE E RELAÇÕES INTERNACIONAIS
 
THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA
THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA
THE LA PLATA BASIN AND ITS TRANSBOUNDARY WATER MANAGEMENT UNDER THE PAE AGENDA
 
Anais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambiental
Anais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambientalAnais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambiental
Anais da-iv-jornada-de-gestao-e-analise-ambiental
 
Recursos naturais na América Latina
Recursos naturais na América LatinaRecursos naturais na América Latina
Recursos naturais na América Latina
 
Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...
Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...
Transboundary waters and water conflicts - current perspectives for the manag...
 
Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...
Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...
Transboundary water issues on the contemporary International Relations betwee...
 
SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...
SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...
SIMILARITIES BETWEEN LA PLATA BASIN STATES - NATIONAL FRAMEWORKS FOR WATER GO...
 
Agenda 2030, ODS e empresas
Agenda 2030, ODS e empresasAgenda 2030, ODS e empresas
Agenda 2030, ODS e empresas
 
Management of transboundary water resources in South America
Management of transboundary water resources in South AmericaManagement of transboundary water resources in South America
Management of transboundary water resources in South America
 
Agenda 2030 e os ODS
Agenda 2030 e os ODSAgenda 2030 e os ODS
Agenda 2030 e os ODS
 
La plata basin
La plata basinLa plata basin
La plata basin
 
Aula 3 - Os 70 anos da DUDH
Aula 3 - Os 70 anos da DUDHAula 3 - Os 70 anos da DUDH
Aula 3 - Os 70 anos da DUDH
 
Aula 2 - A luta contra a febre amarela
Aula 2 -  A luta contra a febre amarelaAula 2 -  A luta contra a febre amarela
Aula 2 - A luta contra a febre amarela
 
Aula 1 - Atualidades 2018
Aula 1 - Atualidades 2018Aula 1 - Atualidades 2018
Aula 1 - Atualidades 2018
 
Aula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon Musk
Aula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon MuskAula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon Musk
Aula 1.5 - Falcon Heavy, Space X e Elon Musk
 
Fuvest 2018 - comentários da prova
Fuvest 2018 - comentários da provaFuvest 2018 - comentários da prova
Fuvest 2018 - comentários da prova
 
Aula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulher
Aula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulherAula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulher
Aula 15 - Feminicídio: a violência contra a mulher
 

DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE

  • 1. DIREITOS HUMANOS, AMBIENTE E A EDUCAÇÃO AMBIENTAL – FERRAMENTAS PARA A DEFESA E PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE. Isabela Battistello Espíndola isaespindola@hotmail.com Curso de Especialização em Educação Ambiental Julho de 2017
  • 2. 2 Os direitos humanos extrapolaram os limites do indivíduo e de grupos sociais mais restritos para se tornarem cada vez mais abrangentes, tornaram-se metaindividuais, envolvem a humanidade com os direitos de solidariedade ou fraternidade, e por se destinarem a todos, indistintamente, também ficaram conhecidos como direitos difusos.
  • 3. 3 Os direitos humanos têm na Declaração Universal dos Direitos Humanos, do ano de 1948, o seu respaldo internacional, pois estabeleceu parâmetros para toda a legislação subsequente, quer em nível interno dos Estados, quer em nível internacional, sendo complementada, posteriormente, pelo Pacto Internacional sobre Direitos Civis e Políticos e pelo Pacto Internacional sobre Direitos Econômicos, Sociais e Culturais, ambos de 1966.
  • 4. DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE Isabela Battistello Espíndola isaespindola@hotmail.com Curso de Especialização em Educação Ambiental Julho de 2017
  • 5. Direitos Humanos e Meio Ambiente? Qual a relação/conexão entre os dois temas? Por que estudar os dois juntos?
  • 6. Os direitos humanos não devem ser vistos de forma dissociada, num campo isolado. É preciso pensar em sua universalidade dentro do contexto histórico, cultural e econômico por que passa a sociedade moderna. O olhar interdisciplinar e crítico sobre os direitos humanos torna-se indiscutível e necessário frente a uma realidade de violências, conflitos, de desvalorização do ser humano e consequentes violações aos direitos humanos.
  • 7. A relação entre direitos humanos e o direito ao meio ambiente de qualidade, nos remete a garantia de um desenvolvimento sustentável ou a sustentabilidade do desenvolvimento. Essa sustentabilidade é aquela em que deve haver a utilização racional dos recursos naturais e dessa forma primar pela diminuição da exploração de uns sobre outros, garantindo que o meio ambiente fique equilibrado e que as pessoas possam viver num espaço harmônico em meio a um desenvolvimento que não vise apenas o lucro, mas que prime pela responsabilidade que todos têm em relação ao meio ambiente.
  • 8. Questões sobre direitos humanos e o meio ambiente não podem ser vistas de forma dissociada tendo em vista que a qualidade do meio ambiente está ligada de certa forma com a proteção da vida humana. Em meio a tantas violações aos direitos humanos que colocam em risco a dignidade humana e ações que degradam o meio ambiente é necessário discutir tais temáticas não só em instituições de ensino, mas em toda a sociedade.
  • 9. Direitos Humanos e Meio Ambiente? Meio ambiente é um direito humano Preservar o meio ambiente é preservar a vida
  • 10. Direitos Humanos e Meio Ambiente? O meio ambiente ecologicamente equilibrado foi consagrado constitucionalmente como direito fundamental de tríplice dimensão Individual, social e intergeracional
  • 11. Direitos Humanos e Meio Ambiente? Individual • Enquanto pressuposto da sadia qualidade de vida, interessa a cada pessoa, considerada na sua individualidade como detentora do direito fundamental à vida sadia Social • como bem de uso comum do povo (portanto, difuso), o meio ambiente ecologicamente equilibrado integra o patrimônio coletivo. • Não é possível, em nome deste direito, apropriar-se individualmente de parcelas do meio ambiente para consumo privado, pois a realização individual deste direito fundamental está intrinsecamente ligada à sua realização social Intergeracional • geração presente, historicamente situada no mundo contemporâneo, deve defender e preservar o meio ambiente ecologicamente equilibrado para as futuras gerações
  • 13. “Há só uma Terra, mas não só um Mundo. Todos nós dependemos de uma biosfera para conservar nossas vidas. Mesmo assim, cada comunidade, cada país luta pela sobrevivência e pela prosperidade quase sem levar em consideração o impacto que causa sobre os demais”. (Relatório Brundtland, Nosso Futuro Comum)
  • 15. CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS • A questão ambiental tornou-se mais presente em grande parte dos fóruns de discussões internacionais, principalmente após a década de 1970-1980 com a realização da Conferência de Estocolmo em 1972 e da divulgação do Relatório de Bruntland em 1987. • Esse debate ambiental e, por consequência, aceitação generalizada do meio ambiente como um tema global se baseia no reconhecimento de que os danos ambientais têm aumentado mundialmente, sobretudo pela intensificação do desenvolvimento tecnológico, expansão agrícola, industrialização e aumento da população, colocando em risco a proteção do ser humano.
  • 16. CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS • Todos os seres vivos, de um modo ou de outro, causam transformações no ambiente em que vivem, mas o homem tem sido capaz de promover alterações em escala e ritmo crescentes, transformando paisagens, esgotando recursos naturais, extinguindo espécies da flora e da fauna, e colocando em risco a própria existência. Crescente preocupação Desenvolvimento de mecanismos de regulamentação do meio ambiente Assinatura de acordos, protocolos e outros documentos
  • 17. CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS O meio ambiente, em seu complexo conjunto de condições, influencia como os indivíduos vivem e como o desenvolvimento das sociedades evolui. Paralelo entre a proteção do meio ambiente e a proteção do ser humano, pois conforme os problemas ambientais locais ou globais aumentam e se tornam mais sérios, coloca-se em risco a sobrevivência da espécie humana. Preservar o meio ambiente é preservar a vida
  • 18. CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS Essencialidade, massividade, vulnerabilidade e escassez. Imprescindível para o funcionamento da sociedade Sem ele o ser humano não consegue desenvolver grande parte de suas atividades, sejam estas produtivas, econômicas ou simplesmente aquelas que se referem ao seu dia-a-dia. Recursos naturais estratégicos
  • 19. CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS Recursos naturais são centrais para uma nação Tanto a escassez quanto a abundância de um recurso poderiam gerar conflitos entre os Estados, colocando em risco à própria vida Segurança Ambiental
  • 20. CONTEXTUALIZAÇÃO E CONCEITOS Relacionados à exploração, sobretudo, de recursos naturais classificados como não renováveis Afeta diretamente o desenvolvimento dos países, repercutindo na qualidade de vida das comunidades Afeta diretamente o meio ambiente, o qual padece cada vez mais com a disseminação desses conflitos Meio ambiente e conflitos O meio ambiente é um bem transfronteiriço e global, o que possibilita a ocorrência de conflitos, seja devido à disputa por recursos, seja devido aos constrangimentos que impõe em termos tanto das tecnologias produtivas e do uso do solo, como das formas de consumo adotadas pelos países.
  • 21. PROTEÇÃO AO MEIO AMBIENTE
  • 22. PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE • A preocupação com o meio ambiente aumentou a exigência de mudanças no comportamento de modo geral, seja relativa ao Estado ou a sociedade que o compõe. • É também pela lógica de que o meio ambiente é comum e direito fundamental de todos, que a problemática ambiental torna-se responsabilidade de todos os seres humanos, não se restringindo a uma só nação. Estima que dos mais de 500 tratados internacionais existentes em matéria ambiental, 320 referem-se aos regionais. Isso mostra uma intensa multiplicação de acordos de instrumentalização jurídica do meio ambiente dentre os regimes regionais.
  • 23. PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE • Desde a divulgação do Relatório Brundtland em 1987 apresentaram-se diversas e consideráveis críticas sobre as políticas ambientais da maioria dos países do mundo, pois tal como o próprio Relatório ressalta, grande parte destas políticas segrega e se afasta das esferas políticas e econômicas, ignorando que o meio ambiente, a política e a economia são interligados. • As primeiras normas surgiram para regular a utilização dos recursos naturais na região, não sendo assim destinadas a proteção do meio ambiente. • Em resposta a estas duras críticas, muitas das legislações ambientais dos Estados têm passado por reformas, visando agregar o aspecto ambiental a áreas já consideradas relevantes para um país .
  • 24. PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE • Nos últimos 50 anos, todos os países da América do Sul promulgaram novas Constituições ou reformaram as que existiam, incluindo capítulos e artigos específicos para o meio ambiente. • Todos também contam como políticas ou leis especificas para a tutela do meio ambiente. • Isso reflete que o patrimônio ambiental dos países foi elevado a um assunto de interesse nacional, necessário para a proteção da dignidade humana e condição para a garantia do desenvolvimento sócio econômico.
  • 25. PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE • No Brasil: • A política nacional para o meio ambiente foi formulada em 1981, praticamente trinta e cinco anos atrás. • No regime constitucional brasileiro, o próprio caput do artigo 225 da Constituição da República impõe a conclusão de que o direito ao meio ambiente é um dos direitos humanos fundamentais. • Assim o meio ambiente é considerado um bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida. • Isto faz com que o meio ambiente e os bens ambientais integrem-se à categoria jurídica da res comune omnium, sendo considerados, pois, como interesses comuns.
  • 26. PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE • Desde que foram criadas, algumas dessas leis e políticas nacionais sofreram alterações a fim de atualiza-las e adapta-las as novas realidades. • Não significa que uma lei que não sofreu nenhum tipo de alteração não seja adequada para tratar do meio ambiente. • No entanto, existe a possibilidade de que essa lei mais antiga não aborde ou prescreva soluções para um problema que surgiu posteriormente, o que demonstra que as leis e políticas ambientais devem estar em constante atualização a fim de atender e superar cada novo desafio que surja.
  • 27. PROTEÇÃO AO MEIOAMBIENTE • O direito ao meio ambiente converge com os direitos humanos para a promoção de uma sadia qualidade de vida tendo em vista a proteção da dignidade humana. Para essa sadia qualidade de vida é preciso que principalmente as atividades humanas não degradem o meio ambiente. Emissão de gases poluentes com uso de automóveis Erosões provocadas principalmente pelo desrespeito aos limites do meio ambiente com construções em locais proibidos Desperdícios crescentes de água Queimadas provocadas
  • 28. 28 Por sua vez, o direito a um meio ambiente saudável, equilibrado ecologicamente e sustentável, passou a figurar no rol dos direitos humanos de terceira geração – direitos difusos – a partir da Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano (Estocolmo, 1972), e adquiriu o status de “fundamental”, justamente, por ser imprescindível à manutenção da vida das gerações presentes e futuras.
  • 29. 29 Nesse sentido, os embates conceituais sobre o meio ambiente, no intuito de enquadrá-lo no contexto dos direitos de terceira geração, ocorrem sobre a ótica de dois pontos de vista: a visão antropocêntrica e a visão ecocêntrica. Apesar de ambas colimarem o mesmo objetivo – meio ambiente ecologicamente equilibrado – seus enfoques partem de pressupostos distintos.
  • 31. CONSIDERAÇÕES FINAIS • O direito ao meio ambiente inclui-se no rol dos direitos fundamentais, o que lhe confere uma proteção mais ampla, concreta e efetiva. • A partir do momento em que o direito ao meio ambiente passou a ser entendido como uma extensão ou corolário lógico do direito constitucional à vida, na vertente da sadia qualidade de vida. • É dizer, o bem jurídico vida depende, para a sua integralidade, entre outros fatores, da proteção do meio ambiente com todos os seus consectários, sendo dever do Poder Público e da coletividade defendê-lo e preservá-lo para presentes e futuras gerações.

Notas do Editor

  1. Minha apresentação e depois pedir apresentação dos alunos
  2. Lembrando da aula anterior
  3. Lembrando da aula anterior
  4. O meio ambiente ecologicamente equilibrado foi consagrado constitucionalmente como direito fundamental de tríplice dimensão: individual, social e intergeracional.
  5. O meio ambiente ecologicamente equilibrado foi consagrado constitucionalmente como direito fundamental de tríplice dimensão: individual, social e intergeracional.
  6. Perguntar se eles conhecem o relatório e se sabem a representatividade dele.
  7. Gro Harlem Brundland -  uma política, diplomata e médica norueguesa, e um líder internacional em desenvolvimento sustentável e saúde pública. Em 1974 é nomeada ministra do Ambiente, e em 1981 é nomeada Primeira Ministra da Noruega. Entre 1983 e 1987presidiu à Comissão Brundtland, da Organização das Nações Unidas, dedicada ao estudo do meio ambiente e a sua relação com o progresso.
  8. Perguntar se os alunos concordam com isso ou não.
  9. Falar da questão de segurança - vínculo que o meio ambiente possui com a temática de segurança, um polêmico e englobado assunto na agenda de defesa de praticamente todas as nações.
  10. Pedir um exemplo de recursos naturais estratégicos
  11. Meio ambiente e segurança
  12. Meio ambiente e conflitos por recursos naturais
  13. O meio ambiente é um bem jurídico que merece grande destaque. Nenhum outro interesse tem difusidade maior do que ele, que pertence a todos e a ninguém em particular; sua proteção a todos aproveita e sua degradação a todos prejudica.
  14. Ao discutirmos sobre as questões ambientais, no sentido de reconhecê-las como importantes para a vida em sociedade, estamos primando pela qualidade de vida, pela proteção ao meio ambiente e, pela proteção da vida como um direito fundamental.
  15. especialmente após as conferências ambientais internacionais, a exemplo da RIO-92, é que a legislação ambiental latino-americana passa a se voltar especificamente para a proteção e conservação do meio ambiente, atrelando setores ambientais específicos, como fauna e flora, no sistema de proteção ambiental.
  16. A inserção do meio ambiente como direito fundamental permite maior amplitude e efetividade na sua proteção. O próprio texto constitucional determina que o meio ambiente deve ser preservado não só para os atuais, como para os futuros habitantes do planeta. 
  17. Entre tantas outras atividades humanas que podem contribuir para a degradação do meio ambiente. Discutir essas questões nas escolas e nas universidades, como espaços formativos é primordial.