SlideShare uma empresa Scribd logo
Dimensões dos campos Campo de futebol de 11
EQUIPAS:  Cada equipa deve ser composta por 11 jogadores, um guarda-redes, que defende a baliza e mais 10, que jogam na frente. O guarda-redes, usa um equipamento diferente dos seus colegas de equipa, constituído por determinadas protecções como luvas e camisas com esponjas nos ombros, devido ao facto de ter de ter de defender bolas, que muitas vezes são rematadas a uma grande força. O equipamento é também diferente dos outros atletas para se distinguir dos mesmos. Os jogadores usam igualmente chuteiras com pitons por baixo para poderem ter uma melhor aderência ao campo. PAVIMENTAÇÃO DO CAMPO:  Os encontros de futebol normalmente são realizados em campos constituídos por relva natural, no entanto, existem também recintos de relva sintética. Em Portugal, por regulamentação da Liga de Clubes, as equipas da primeira e segunda divisão jogam em campos de relva. As formações da terceira divisão estão abrangidas pela regulamentação da Federação Portuguesa de Futebol, que determina que as mesmas não têm a obrigatoriedade de terem um recinto relvado no ano em que sobem de divisão. Tal obrigação, só existe a partir do momento em que, as referidas formações estiverem quatro épocas consecutivas ou cinco temporadas alternadas no terceiro escalão. Esta lei foi implementada na época de 1993/1994. No entanto, existem equipas que por uma questão financeira preferem ter um campo com relva sintética, que tem uma manutenção de custos mais barata.· DIMENSÕES DO CAMPO:  Um campo de futebol é rectangular e deve ter um comprimento mínimo de 90 m e o máximo de 120 m. A largura deverá ser de 45 m no mínimo e de 90 m no máximo. DIMENSÕES EM JOGOS INTERNACIONAIS:  Quando uma equipa tem de participar num jogo de uma competição internacional, o comprimento do campo deve ser de 100 m no mínimo e de 110 m no máximo. Neste tipo de jogos, a largura do recinto de jogo deverá ter um mínimo de 64 m e um máximo de 75 m. LIMITES DO CAMPO:  O campo de jogo é rectangular dividido por duas partes através de uma linha central. Durante a realização da partida, a bola deve ser jogada dentro dos limites do campo. No meio, existe uma circunferência com um raio de 9,15m, tendo uma pequena marca circular no centro, onde deve ser dado o pontapé de início de jogo. A BOLA:  A bola deve ter uma circunferência superior a 68 cm e inferior a 70 cm. DURAÇÃO DO JOGO:  Um encontro de futebol tem a duração de 1h30m, constituído por duas partes, em que cada uma tem a duração de 45 minutos.
Campo de futsal
Campo de futsal Aqui temos uma imagem com as marcações e respectivas medidas, de um campo de Futsal. Podemos ver que existem medidas mínimas e máximas, que nunca podem ser ultrapassadas. No caso de apenas ter uma medida, obrigatoriamente essa medida terá de ser respeitada.
Algumas notas: A chamada "Zona de substituição, é a zona limite onde se podem fazer substituições de jogadores, podendo apenas entrar o jogador substituto, após a saída do jogador a substituir. Os livres são marcados no ponto de "10 metros". O guarda-redes apenas pode agarrar a bola dentro da área, em forma de meia-lua alongada, junto ás balizas, que pode ir de 4 a 6 metros. As linhas de 3 metros, delimita a zona limite, onde os jogadores adversários se podem encontrar, na marcação de um "lançamento lateral", mais conhecido por "fora", ou de um "pontapé de canto".
Campo de futebol de praia
O  futebol de praia  ( português europeu ) ou  futebol de areia  ( português brasileiro ) é uma variante do  futebol  jogada na areia. É bastante recente enquanto desporto organizado, datando de  1992  a sua institucionalização, mas já é praticada há muitas décadas como variante de lazer do futebol. O desporto organizado pratica-se num campo com no mínimo 40cm de profundidade, e entre 35 e 37 m de comprimento por entre 26 e 28 m de largura. Os gols tem 2,20m de altura por 5,5m de extensão. A linha do meio de campo é demarcada por dois postes com  bandeiras  vermelhas. A nove metros de distância da linha do gol, uma linha imaginária, marcada desta vez por postes com bandeiras  amarelas , indicam a área de  pênalti  e portanto a marca onde as penalidades devem ser cobradas (na parte central desta linha).
E, assim como no  futsal , existe uma área para substituições ao longo da linha lateral. Apesar de ter uma circunferência idêntica a uma bola de futebol normal (entre 68 e 70 cm), uma  bola  de futebol de praia é consideravelmente mais leve. Pesando de 400 a 440 gramas, é inflada no começo do jogo com uma pressão entre 0.375 e 0.8 bars. Uma partida de futebol de areia é jogada entre dois times de cinco jogadores, e um  goleiro . Cinco jogadores adicionais são permitidos no banco de reservas. Como no futsal, um número ilimitado de substituições (incluindo os goleiros) pode ser realizado em qualquer momento do jogo. Aos jogadores de futebol de praia não é permitido jogar com qualquer tipo de calçado. Eles devem estar descalços. O goleiro pode agarrar a bola dentro de sua área e tem permissão de usar luvas e traje adequado. Cada partida tem dois juízes, ambos com igual autoridade para aplicar as leis do jogo. Em adição, um terceiro  juiz  e um responsável pela marcação do tempo ficam sentados na mesa de tempo, que fica na linha de meio de campo, ao mesmo lado da área de substituição.
Partidas são jogadas em três períodos iguais de 12  minutos  de bola rolando. O tempo é parado quando um gol é marcado, quando o juiz apita uma falta ou tiro livre direto, ou quando um time tenta fazer cera (do ponto de vista dos juizes). Há um intervalo de 3 minutos entre cada período. No caso de um empate, prorrogação de três minutos deve ser disputada, seguida de uma disputa por pênaltis, caso necessário. A bola deve ser colocada de volta em jogo seja por arremesso ou por chute a um companheiro de time. Goleiros podem apenas recomeçar o jogo com as mãos. Não existem tiros indiretos no futebol de areia. Todos os tiros livres são diretos e chutados do lugar onde a falta foi cometida, ou da linha de meio-campo (para certas ofensas como cera na área, um 2º atraso para o goleiro na mesma jogada, um goleiro recomeçar o jogo chutando a bola, etc.). Um pênalti é marcado se a falta é cometida dentro da área de pênalti. Barreiras não são permitidas nos tiros diretos. O livre é sempre batido pelo jogador que sofreu a falta, excepto se este estiver lesionado. Se se verificar uma das ofensas atrás referidas, a equipa pode escolher um jogador para marcar o livre. Na falta que for cometida em seu próprio campo, todos os outros jogadores que não o cobrador devem permanecer pelo menos a cinco metros da bola, mas não diretamente entre a bola e o  gol . Se a falta foi cometida no campo de ataque, todos os jogadores deve permanecer atrás da bola. Para faltas duras, um jogador deve receber um  cartão amarelo . Por faltas graves ou após um segundo cartão amarelo, o jogador será punido com um cartão  vermelho  e deve retornar ao vestiário imediatamente. Após dois minutos de inferioridade numérica, o time desse jogador pode colocar um novo jogador.
FIM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Futsal
Futsal Futsal
Futsal
dalilahack
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
aluisiobraga
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
smigano
 
Badminton
BadmintonBadminton
Badminton na escola
Badminton na escolaBadminton na escola
Badminton na escola
evandrolhp
 
Basquete, regras e fundamentos
Basquete, regras e fundamentosBasquete, regras e fundamentos
Basquete, regras e fundamentos
Prof. Saulo Bezerra
 
Handebol
HandebolHandebol
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
KrashovJC
 
Educação Física - Voleibol
Educação Física - VoleibolEducação Física - Voleibol
Educação Física - Voleibol
antoniavieira
 
Rugby
RugbyRugby
Transição defesa/ataque no jogo de 3
Transição defesa/ataque no jogo de 3Transição defesa/ataque no jogo de 3
Transição defesa/ataque no jogo de 3
Maria João Vasconcelos
 
Sebenta.andebol.profissional
Sebenta.andebol.profissionalSebenta.andebol.profissional
Sebenta.andebol.profissional
Maria João Vasconcelos
 
Futsal
Futsal Futsal
Regras salto em altura
Regras salto em alturaRegras salto em altura
Regras salto em altura
Paulaeines
 
Futsal
FutsalFutsal
Andebol avancado
Andebol  avancadoAndebol  avancado
Andebol avancado
Maria João Vasconcelos
 
Futebol
FutebolFutebol
Badminton
BadmintonBadminton
Badminton
Inácio Júnior
 
Basquete 1
Basquete 1Basquete 1
Basquete 1
Nilceia Sc
 
Voleibol
VoleibolVoleibol
Voleibol
Pedro R Pires
 

Mais procurados (20)

Futsal
Futsal Futsal
Futsal
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
 
Badminton
BadmintonBadminton
Badminton
 
Badminton na escola
Badminton na escolaBadminton na escola
Badminton na escola
 
Basquete, regras e fundamentos
Basquete, regras e fundamentosBasquete, regras e fundamentos
Basquete, regras e fundamentos
 
Handebol
HandebolHandebol
Handebol
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
 
Educação Física - Voleibol
Educação Física - VoleibolEducação Física - Voleibol
Educação Física - Voleibol
 
Rugby
RugbyRugby
Rugby
 
Transição defesa/ataque no jogo de 3
Transição defesa/ataque no jogo de 3Transição defesa/ataque no jogo de 3
Transição defesa/ataque no jogo de 3
 
Sebenta.andebol.profissional
Sebenta.andebol.profissionalSebenta.andebol.profissional
Sebenta.andebol.profissional
 
Futsal
Futsal Futsal
Futsal
 
Regras salto em altura
Regras salto em alturaRegras salto em altura
Regras salto em altura
 
Futsal
FutsalFutsal
Futsal
 
Andebol avancado
Andebol  avancadoAndebol  avancado
Andebol avancado
 
Futebol
FutebolFutebol
Futebol
 
Badminton
BadmintonBadminton
Badminton
 
Basquete 1
Basquete 1Basquete 1
Basquete 1
 
Voleibol
VoleibolVoleibol
Voleibol
 

Semelhante a Dimensões dos campos de várias modalidades de futebol

Trabalho Futebol FáBio E Cheila
Trabalho Futebol FáBio E CheilaTrabalho Futebol FáBio E Cheila
Trabalho Futebol FáBio E Cheila
gueste9396c
 
futebol
futebolfutebol
futebol
gueste9396c
 
Futsal apostila escola amelia poletto hepp
Futsal apostila escola amelia poletto heppFutsal apostila escola amelia poletto hepp
Futsal apostila escola amelia poletto hepp
dalilahack
 
Slide futsal
Slide futsalSlide futsal
Slide futsal
Carlos Thavares
 
Regras do futebol 2
Regras do futebol 2Regras do futebol 2
Regras do futebol 2
Estêvão Lima
 
5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras
Felipe Mago
 
5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras
Felipe Mago
 
Slide futsal
Slide futsalSlide futsal
Slide futsal
Carlos Thavares
 
ApresentaçãO1
ApresentaçãO1ApresentaçãO1
ApresentaçãO1
guestd27e84b6
 
Futebol futsal2
Futebol futsal2Futebol futsal2
Futebol futsal2
Karina Brandão
 
Slide futsal
Slide futsalSlide futsal
Slide futsal
Carlos Thavares
 
Apostila handebol
Apostila handebolApostila handebol
Apostila handebol
marcelosilveirazero1
 
Apresentação futebol.pdf
Apresentação futebol.pdfApresentação futebol.pdf
Apresentação futebol.pdf
JOÃO PEREIRA
 
Word 9 d_11
Word 9 d_11Word 9 d_11
Word 9 d_11
pedrofranciscotic
 
F u t e b o l
F u t e b o lF u t e b o l
F u t e b o l
Elza Silva
 
Regras do futebol
Regras do futebolRegras do futebol
Regras do futebol
Danilo Joenck
 
Handebol
HandebolHandebol
Handebol
Hugo Fialho
 
Andebol
AndebolAndebol
Andebol
Luis Duarte
 
Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)
Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)
Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)
jcrjpa
 
O mundo do futebol
O mundo do futebolO mundo do futebol
O mundo do futebol
joao_04
 

Semelhante a Dimensões dos campos de várias modalidades de futebol (20)

Trabalho Futebol FáBio E Cheila
Trabalho Futebol FáBio E CheilaTrabalho Futebol FáBio E Cheila
Trabalho Futebol FáBio E Cheila
 
futebol
futebolfutebol
futebol
 
Futsal apostila escola amelia poletto hepp
Futsal apostila escola amelia poletto heppFutsal apostila escola amelia poletto hepp
Futsal apostila escola amelia poletto hepp
 
Slide futsal
Slide futsalSlide futsal
Slide futsal
 
Regras do futebol 2
Regras do futebol 2Regras do futebol 2
Regras do futebol 2
 
5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras
 
5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras5ª aula de futebol regras
5ª aula de futebol regras
 
Slide futsal
Slide futsalSlide futsal
Slide futsal
 
ApresentaçãO1
ApresentaçãO1ApresentaçãO1
ApresentaçãO1
 
Futebol futsal2
Futebol futsal2Futebol futsal2
Futebol futsal2
 
Slide futsal
Slide futsalSlide futsal
Slide futsal
 
Apostila handebol
Apostila handebolApostila handebol
Apostila handebol
 
Apresentação futebol.pdf
Apresentação futebol.pdfApresentação futebol.pdf
Apresentação futebol.pdf
 
Word 9 d_11
Word 9 d_11Word 9 d_11
Word 9 d_11
 
F u t e b o l
F u t e b o lF u t e b o l
F u t e b o l
 
Regras do futebol
Regras do futebolRegras do futebol
Regras do futebol
 
Handebol
HandebolHandebol
Handebol
 
Andebol
AndebolAndebol
Andebol
 
Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)
Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)
Regra Oficial de Futebol de Mesa (Disco com goleiro móvel)
 
O mundo do futebol
O mundo do futebolO mundo do futebol
O mundo do futebol
 

Último

FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 

Dimensões dos campos de várias modalidades de futebol

  • 1. Dimensões dos campos Campo de futebol de 11
  • 2. EQUIPAS: Cada equipa deve ser composta por 11 jogadores, um guarda-redes, que defende a baliza e mais 10, que jogam na frente. O guarda-redes, usa um equipamento diferente dos seus colegas de equipa, constituído por determinadas protecções como luvas e camisas com esponjas nos ombros, devido ao facto de ter de ter de defender bolas, que muitas vezes são rematadas a uma grande força. O equipamento é também diferente dos outros atletas para se distinguir dos mesmos. Os jogadores usam igualmente chuteiras com pitons por baixo para poderem ter uma melhor aderência ao campo. PAVIMENTAÇÃO DO CAMPO: Os encontros de futebol normalmente são realizados em campos constituídos por relva natural, no entanto, existem também recintos de relva sintética. Em Portugal, por regulamentação da Liga de Clubes, as equipas da primeira e segunda divisão jogam em campos de relva. As formações da terceira divisão estão abrangidas pela regulamentação da Federação Portuguesa de Futebol, que determina que as mesmas não têm a obrigatoriedade de terem um recinto relvado no ano em que sobem de divisão. Tal obrigação, só existe a partir do momento em que, as referidas formações estiverem quatro épocas consecutivas ou cinco temporadas alternadas no terceiro escalão. Esta lei foi implementada na época de 1993/1994. No entanto, existem equipas que por uma questão financeira preferem ter um campo com relva sintética, que tem uma manutenção de custos mais barata.· DIMENSÕES DO CAMPO: Um campo de futebol é rectangular e deve ter um comprimento mínimo de 90 m e o máximo de 120 m. A largura deverá ser de 45 m no mínimo e de 90 m no máximo. DIMENSÕES EM JOGOS INTERNACIONAIS: Quando uma equipa tem de participar num jogo de uma competição internacional, o comprimento do campo deve ser de 100 m no mínimo e de 110 m no máximo. Neste tipo de jogos, a largura do recinto de jogo deverá ter um mínimo de 64 m e um máximo de 75 m. LIMITES DO CAMPO: O campo de jogo é rectangular dividido por duas partes através de uma linha central. Durante a realização da partida, a bola deve ser jogada dentro dos limites do campo. No meio, existe uma circunferência com um raio de 9,15m, tendo uma pequena marca circular no centro, onde deve ser dado o pontapé de início de jogo. A BOLA: A bola deve ter uma circunferência superior a 68 cm e inferior a 70 cm. DURAÇÃO DO JOGO: Um encontro de futebol tem a duração de 1h30m, constituído por duas partes, em que cada uma tem a duração de 45 minutos.
  • 4. Campo de futsal Aqui temos uma imagem com as marcações e respectivas medidas, de um campo de Futsal. Podemos ver que existem medidas mínimas e máximas, que nunca podem ser ultrapassadas. No caso de apenas ter uma medida, obrigatoriamente essa medida terá de ser respeitada.
  • 5. Algumas notas: A chamada "Zona de substituição, é a zona limite onde se podem fazer substituições de jogadores, podendo apenas entrar o jogador substituto, após a saída do jogador a substituir. Os livres são marcados no ponto de "10 metros". O guarda-redes apenas pode agarrar a bola dentro da área, em forma de meia-lua alongada, junto ás balizas, que pode ir de 4 a 6 metros. As linhas de 3 metros, delimita a zona limite, onde os jogadores adversários se podem encontrar, na marcação de um "lançamento lateral", mais conhecido por "fora", ou de um "pontapé de canto".
  • 6. Campo de futebol de praia
  • 7. O futebol de praia ( português europeu ) ou futebol de areia ( português brasileiro ) é uma variante do futebol jogada na areia. É bastante recente enquanto desporto organizado, datando de 1992 a sua institucionalização, mas já é praticada há muitas décadas como variante de lazer do futebol. O desporto organizado pratica-se num campo com no mínimo 40cm de profundidade, e entre 35 e 37 m de comprimento por entre 26 e 28 m de largura. Os gols tem 2,20m de altura por 5,5m de extensão. A linha do meio de campo é demarcada por dois postes com bandeiras vermelhas. A nove metros de distância da linha do gol, uma linha imaginária, marcada desta vez por postes com bandeiras amarelas , indicam a área de pênalti e portanto a marca onde as penalidades devem ser cobradas (na parte central desta linha).
  • 8. E, assim como no futsal , existe uma área para substituições ao longo da linha lateral. Apesar de ter uma circunferência idêntica a uma bola de futebol normal (entre 68 e 70 cm), uma bola de futebol de praia é consideravelmente mais leve. Pesando de 400 a 440 gramas, é inflada no começo do jogo com uma pressão entre 0.375 e 0.8 bars. Uma partida de futebol de areia é jogada entre dois times de cinco jogadores, e um goleiro . Cinco jogadores adicionais são permitidos no banco de reservas. Como no futsal, um número ilimitado de substituições (incluindo os goleiros) pode ser realizado em qualquer momento do jogo. Aos jogadores de futebol de praia não é permitido jogar com qualquer tipo de calçado. Eles devem estar descalços. O goleiro pode agarrar a bola dentro de sua área e tem permissão de usar luvas e traje adequado. Cada partida tem dois juízes, ambos com igual autoridade para aplicar as leis do jogo. Em adição, um terceiro juiz e um responsável pela marcação do tempo ficam sentados na mesa de tempo, que fica na linha de meio de campo, ao mesmo lado da área de substituição.
  • 9. Partidas são jogadas em três períodos iguais de 12 minutos de bola rolando. O tempo é parado quando um gol é marcado, quando o juiz apita uma falta ou tiro livre direto, ou quando um time tenta fazer cera (do ponto de vista dos juizes). Há um intervalo de 3 minutos entre cada período. No caso de um empate, prorrogação de três minutos deve ser disputada, seguida de uma disputa por pênaltis, caso necessário. A bola deve ser colocada de volta em jogo seja por arremesso ou por chute a um companheiro de time. Goleiros podem apenas recomeçar o jogo com as mãos. Não existem tiros indiretos no futebol de areia. Todos os tiros livres são diretos e chutados do lugar onde a falta foi cometida, ou da linha de meio-campo (para certas ofensas como cera na área, um 2º atraso para o goleiro na mesma jogada, um goleiro recomeçar o jogo chutando a bola, etc.). Um pênalti é marcado se a falta é cometida dentro da área de pênalti. Barreiras não são permitidas nos tiros diretos. O livre é sempre batido pelo jogador que sofreu a falta, excepto se este estiver lesionado. Se se verificar uma das ofensas atrás referidas, a equipa pode escolher um jogador para marcar o livre. Na falta que for cometida em seu próprio campo, todos os outros jogadores que não o cobrador devem permanecer pelo menos a cinco metros da bola, mas não diretamente entre a bola e o gol . Se a falta foi cometida no campo de ataque, todos os jogadores deve permanecer atrás da bola. Para faltas duras, um jogador deve receber um cartão amarelo . Por faltas graves ou após um segundo cartão amarelo, o jogador será punido com um cartão vermelho e deve retornar ao vestiário imediatamente. Após dois minutos de inferioridade numérica, o time desse jogador pode colocar um novo jogador.
  • 10. FIM