SlideShare uma empresa Scribd logo
Creating Smart Destinations
Apresentação Empresa
www.facebook.com/SmartTerritorium
www.delahozadvisor.com.br
CLIENTES
MISSÃO
Nossa missão centra-se na contribuição da melhoria da competitividade do
território, dando especial atenção ao aperfeiçoamento, planejamento e execução
de políticas e ações desenvolvidas pelos players.
METODOLOGIA
Apresentação Empresa
CLIENTES
1.
EMPRESAS TURÍSTICAS
2.
DESTINOS TURÍSTICOS
3.
EMPRESA FAMILIAR
4.
DEVELOPERS
5.
IMOBILIÁRIAS
CORRETORES
Diagnóstico e levantamento de necessidades,
definição de objetivos, planejamento, precisão
na execução e garantia de qualidade são os
cinco pilares nos quais se sustenta nossa
metodologia de trabalho.
Treinamento e Qualificação
PUBLICO ALVO
Investidores, associações empresariais, empresas do
ramo turístico, industrial e de serviços, prefeituras e
entidades públicas em geral responsáveis pela
dinamização turística, comercial, econômica, cultural e
esportiva do território.DESTINOS
TURÍSTICOS
DEZ CHAVES PARA UM DESTINO TURÍSTICO TER
SUCESSO DE VISITANTES NO SÉCULO XXI
Treinamento & Qualificação
Destinos Turísticos
A criação de
experiências é o veículo
para a fabrica das
emoções!
Quer ter visitantes
repetitivos que virem
seus vendedores?...
garanta o conforto deles!
Participantes Recomendados:
Investidores e Empresários com interesses e foco
sustentável no desenvolvimento do destino turístico
podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos
de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização
Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção
Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como
Representantes de Entidades Públicas e Privadas de
Promoção Turística
DINAMIZAÇÃO TURÍSTICA TERRITORIAL
COMO DIAGNOSTICAR POTENCIALIDADES TURÍSTICAS PARA CRIAR OU
DIVERSIFICAR OFERTA E COMO COLOCÁ-LAS EM VALOR COMERCIAL
Treinamento & Qualificação
Destinos Turísticos
Destinos perspicazes
capazes de criar
atrativos para captar
visitantes para
aumentar a renda dos
negócios locais
estruturados!
Participantes Recomendados:
Investidores e Empresários com interesses e foco
sustentável no desenvolvimento do destino turístico
podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos
de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização
Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção
Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como
Representantes de Entidades Públicas e Privadas de
Promoção Turística
EXCELÊNCIA EM DESTINOS TURÍSTICOS
COMO CRIAR E IMPLANTAR UM PLANO DE
QUALIDADE TURÍSTICA REGIONAL
Qualidade
Treinamento & Qualificação
Destinos Turísticos
Participantes Recomendados:
Investidores e Empresários com interesses e foco
sustentável no desenvolvimento do destino turístico
podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos
de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização
Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção
Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como
Representantes de Entidades Públicas e Privadas de
Promoção Turística
Qualidade
significa oferecer
ao visitante o que
está esperando,
surpreende-lo por
encima de suas
expectativas,
chama-se
Excelência!
POSICIONAMENTO DE MARCA EM DESTINOS TURÍSTICOS
COMO CRIAR OFERTAS E CAMPANHAS DIFERENCIADAS A PARTIR DAS
AUTENTICIDADES DO TERRITÓRIO (GASTRONOMIA, HISTÓRIA, CULTURA,
NATUREZA, FOLKLORE...)
Treinamento & Qualificação
Destinos Turísticos
De destino turístico
com popularidade
para destino turístico
com identidade
reconhecida e
autenticidade de
marca!
Participantes Recomendados:
Investidores e Empresários com interesses e foco
sustentável no desenvolvimento do destino turístico
podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos
de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização
Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção
Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como
Representantes de Entidades Públicas e Privadas de
Promoção Turística
COMO SE ESPECIALIZAR EM TURISMO FAMILIAR
CARACTERÍSTICAS QUE DEVE REUNIR UM DESTINO TURÍSTICO VOLTADO
PARA O SUCESSO NA CAPTAÇÃO DE FAMÍLIAS
Treinamento & Qualificação
Destinos Turísticos
Participantes Recomendados:
Investidores e Empresários com interesses e foco
sustentável no desenvolvimento do destino turístico
podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos
de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização
Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção
Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como
Representantes de Entidades Públicas e Privadas de
Promoção Turística
Do vale todo para a
especialização...
Famílias um
segmento em
crescimento que
abrange a
fidelização de varias
gerações!
Assessoria
PUBLICO ALVO
Confederações, Federações e Associações Empresariais,
Prefeituras, Secretarias de Turismo, Dinamização
Comercial de Promoção Econômica, Cultural, Turística e
Esportiva, assim como Entidades Públicas e Privadas de
Promoção Turística.
.DESTINOS
TURÍSTICOS
Público Alvo:
Confederações, Federações e Associações Empresariais, Prefeituras, Secretarias de Turismo,
Dinamização Comercial de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como
Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística.
CAPTAÇÃO DE INVESTIMENTO PARA O TERRITÓRIO.
Criação do plano diretor comercial do território e estabelecimento de incentivos fiscais, visando à captação de
investidores privados (turismo, indústria e serviços).
Organização de campanhas nacionais e internacionais visando à captação de investidores para o território.
Assessoria
Destinos Turísticos
MANAGEMENT E COMPETITIVIDADE TURÍSTICA.
Criação e gestão de entidades mistas de promoção e comercialização de destinos turísticos, tipo consórcios,
fundações, clubes, etc.
Criação, execução ou revisão do plano estratégico ou de marketing turístico do território.
Criação e gestão do plano de comunicação através de redes sociais, publicidade e relações com a imprensa
em um destino turístico.
MARKETING PARA DESTINOS TURÍSTICOS.
Desenvolvimento e execução do plano para dessazonalizar a temporada turística melhorando a atração de
visitantes e a ocupação hoteleira em baixa temporada.
Criação e promoção de roteiros e atividades turísticas no território para alongar a estadia e a despesa média
por visitante.
Criação ou segmentação do plano de lazer para diversificar a demanda turística: organização e criação de
propostas de lazer para visitantes com diferentes motivações e idades.
Criação do plano de fidelização de visitantes visando seu retorno ao destino, assim como promovendo ações
para que conseguir sua recomendação.
MARKETING PARA DESTINOS TURÍSTICOS.
Criação do plano de dinamização turística para promover o aumento do faturamento no comercio, o uso
responsável das praias, parques e reservas e a visita a centros históricos, entre outras possibilidades.
Realização do estudo: levantamento do grau de satisfação dos visitantes sobre o destino turístico em geral
Público Alvo:
Confederações, Federações e Associações Empresariais, Prefeituras, Secretarias de Turismo,
Dinamização Comercial de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como
Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística.
Assessoria
Destinos Turísticos
Realização do estudo: levantamento do grau de satisfação dos visitantes sobre o destino turístico em geral
e sobre seus atrativos e oferta de lazer em particular.
Realização do estudo: pesquisa sobre os atuais e potenciais mercados emissores de visitantes assim
como análise dos canais e ações mais efetivas para a venda do destino turístico.
QUALITY EM DESTINOS TURÍSITCOS.
Sistema de qualidade aplicado em um destino turístico: Definição e criação de normas e Standards de
qualidade privada e pública mediante a criação e implantação de manuais para procedimentos em cenários
tais como: a. Recepção e despedida dos visitantes, b. Contato com os visitantes, c. Nos momentos de
atendimento ao cliente, d. Quando o visitante solicita informação...
Diagnóstico e criação de signos visíveis de qualidade pública em um destino turístico.
O Ignacio Amigó Gabalda, é técnico em Empresas e Atividades Turísticas e Técnico Superior em
Marketing e Administração de Empresas pela Escola de Negócios ESMA (Barcelona). Em 1990
fundou Educatur S.L, empresa sediada em Barcelona, de âmbito internacional focada na área de
Consultoria Hoteleira e de Destinos Turísticos virando líder no mercado espanhol em
qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área
Palestrante/Consultor
qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área
turística e professor da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera” (Mallorca) e professor
colaborador da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera- UAB” (Universidade
Autônoma de Barcelona).
Em 2006 mudou-se para o Brasil e desde então tem realizado consultoria, assessoria e
intermediação de negócios hoteleiros e imobiliários para investidores nacionais e
internacionais entre os quais se destacam as empresas Invisa Internacional Hotéis, Grupo Sol
Express, Verd Hotéis, Blau Hotels, Hotusa Hotels e Palladium Hotel Group. Tem atuado como
assessor e palestrante da Associação Turística da Praia do Forte (Turisfort) e da Associação
Baiana da Indústria de Hotéis (ABIH). Durante sua etapa no Continente latino americano passou um
ano e meio no Caribe trabalhando para developers locais na República Dominicana (Grupo Metro)
e developers internacionais nas Ilhas de Saint Vincent & The Granadins e Barbados, entre outras.
Atualmente, se dedica a prestar serviço de consultoria imobiliária, hoteleira, turística e
empresarial na América Latina a investidores nacionais e internacionais através da empresa
Delahozadvisor.
Treinamento e Qualificação
PUBLICO ALVOPUBLICO ALVO
Proprietários Paes e Filhos, Diretores, Sub-
diretores, Gerentes e Funcionários de Hotéis
Independentes e Grupos Hoteleiros.
EMPRESAS
TURÍSTICAS
HOTÉIS
COMO SE ESPECIALIZAR EM TURISMO FAMILIAR
CARACTERÍSTICAS QUE DEVE REUNIR UM HOTEL VOLTADO PARA O
SUCESSO NA CAPTAÇÃO DE FAMÍLIAS
Treinamento & Qualificação
Empresas Turísticas - Hotéis
Do vale todo para a
especialização...
Famílias um
segmento em
crescimento que
abrange a
fidelização de varias
gerações!
Participantes Recomendados:
Proprietários Paes e Filhos, Diretores, Sub-
diretores, Gerentes e Responsáveis de Marketing
e Vendas de Empresas Hoteleiras e Turísticas
COMO LOTAR UM HOTEL EM ÉPOCA DE
CRISE COM INDEPENDÊNCIA DOS
INTERMEDIÁRIOS.
Treinamento & Qualificação
Empresas Turísticas - Hotéis
Ou as organizações se adaptam
aos câmbios ou o mercado
encarrega-se de varrê-las!
Quanto maior o percentual de
clientes repetitivos, menor o
esforço financeiro em
intermediação! Participantes Recomendados:
Proprietários Paes e Filhos, Diretores, Sub-
diretores, Gerentes e Responsáveis de Marketing
e Vendas de Empresas Hoteleiras e Turísticas
COMO COMBATER A QUEDA DA DIÁRIA MÉDIA NA
HOTELARIA MEDIANTE O AUMENTO DAS VENDAS
INTERNAS E A FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES.
Treinamento & Qualificação
Empresas Turísticas - Hotéis
Sem antes vivenciar, não
espere faturar mediante as
vendas internas!
Só com um plano de
treinamento baseado em
experimentar, os funcionários
se tornarão bons vendedores!
Participantes Recomendados:
Funcionários Vocacionais da hotelaria de
qualquer setor ou departamento, assim como
Diretores, Sub-diretores, Gerentes e
Responsáveis Operacionais.
10 MUDANÇAS NA CULTURA DE DIREÇÃO
HOTELEIRA QUE TODO DIRETOR DEVERIA DOMINAR
PARA CONCORRER COM EFETIVIDADE NO SÉCULO XXI
Treinamento & Qualificação
Empresas Turísticas - Hotéis
Com limitados instrumentos de
precisão, a visibilidade é nula,
para dirigir em um mercado com
excesso de intermediação digital,
ligue seus sensores!
A rotina sem emoção é inimiga da
vocação!
Participantes Recomendados:
Diretores, Sub-Diretores, Chefes de Setor a
serem Promovidos e Responsáveis
Operacionais de Hotéis Independentes e
Grupos Hoteleiros.
COMO AUMENTAR A COMPETITIVIDADE DA OFERTA
GASTRONÔMICA DO RESTAURANTE PARA
CAPTAR + CLIENTES (CARDÁPIO E BUFET)
Treinamento & Qualificação
Empresas Turísticas - Hotéis
Do oferta
tradicional em um
restaurante para o
extenso mundo
das experiências
culinárias!
Participantes Recomendados:
Diretores, Sub-Diretores, Gerentes, Chefes e
responsáveis dos Setores: Alimentação e
Bebidas, Compras, Cozinha e Restaurante,
assim como Responsáveis Operacionais de
Hotéis Independentes e Grupos Hoteleiros.
COMO FIDELIZAR CLIENTES EM
HOTELARIA E CONSEGUIR QUE NOS
RECOMENDEM ENTRE SEUS AMIGOS
Treinamento & Qualificação
Empresas Turísticas - Hotéis
Não se engane ao
respeito das
preferências do
cliente! , ele está com
mais fome de ser
reconhecido que de
comer lagosta! Participantes Recomendados:
Funcionários da hotelaria de qualquer setor ou
departamento.
Assessoria
PUBLICO ALVO
Hotéis Independentes, Grupos Hoteleiros,
Restaurantes e Grupos Econômicos do Setor da
Hospitalidade..
.
EMPRESAS
TURÍSTICAS
BUSINESS & INVESTMENT.
Criação do plano de negócio para o estabelecimento de uma parceria empresarial ou venda de
empreendimento hoteleiro.
Criação e execução de campanha para o estabelecimento de road show visando a procura de
oportunidades de administração e investimento hoteleiro.
Público Alvo:
Hotéis independentes, grupos hoteleiros, restaurantes e grupos econômicos do setor da
hospitalidade.
Assessoria
Hotéis/Restaurantes
oportunidades de administração e investimento hoteleiro.
QUALITY MANAGEMENT.
Realização de auditoria de qualidade de serviço mediante a técnica de cliente espia ou semáforo.
(Criação e implantação de plano de qualidade hoteleiro ou para empresas do ramo de restaurantes:
criação de normas, Standars, procedimentos, registros e treinamento.
SALES & REVENUE MANAGEMENT.
Criação do plano de vendas para o aumento da ocupação hoteleira em um 20% ao ano.
Análise e diagnóstico de 100 idéias para diminuir custos na hotelaria.
OPERATIONAL MANAGEMENT.
Análise e proposta de aperfeiçoamento da oferta culinária do cardápio e do Buffet: análise
qualitativa e quantitativa, definição de novas ofertas e variedade de referências, implantação de
campanhas e treinamentos para o aumento do faturamento.
Análise e aperfeiçoamento do setor de compras em um hotel ou restaurante, incluindo análise de
processos, cadastro de fornecedores, organização de almoxarifado, etc.
O Ignacio Amigó Gabalda, é técnico em Empresas e Atividades Turísticas e Técnico Superior em
Marketing e Administração de Empresas pela Escola de Negócios ESMA (Barcelona). Em 1990
fundou Educatur S.L, empresa sediada em Barcelona, de âmbito internacional focada na área de
Consultoria Hoteleira e de Destinos Turísticos virando líder no mercado espanhol em
qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área
Palestrante/Consultor
qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área
turística e professor da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera” (Mallorca) e professor
colaborador da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera- UAB” (Universidade
Autônoma de Barcelona).
Em 2006 mudou-se para o Brasil e desde então tem realizado consultoria, assessoria e
intermediação de negócios hoteleiros e imobiliários para investidores nacionais e
internacionais entre os quais se destacam as empresas Invisa Internacional Hotéis, Grupo Sol
Express, Verd Hotéis, Blau Hotels, Hotusa Hotels e Palladium Hotel Group. Tem atuado como
assessor e palestrante da Associação Turística da Praia do Forte (Turisfort) e da Associação
Baiana da Indústria de Hotéis (ABIH). Durante sua etapa no Continente latino americano passou um
ano e meio no Caribe trabalhando para developers locais na República Dominicana (Grupo Metro)
e developers internacionais nas Ilhas de Saint Vincent & The Granadins e Barbados, entre outras.
Atualmente, se dedica a prestar serviço de consultoria imobiliária, hoteleira, turística e
empresarial na América Latina a investidores nacionais e internacionais através da empresa
Delahozadvisor.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
Marketing e Turismo: aulas 17 a 19Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
Aristides Faria
 
Eventos turísticos
Eventos turísticosEventos turísticos
Eventos turísticos
Pedro Peixoto
 
Boas Práticas Internacionais no Turismo
Boas Práticas Internacionais no TurismoBoas Práticas Internacionais no Turismo
Boas Práticas Internacionais no Turismo
BMiBrasil
 
Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14
Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14
Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14
Aristides Faria
 
Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3
Vinicius Raszl
 
Interesses Turísticos
Interesses TurísticosInteresses Turísticos
Interesses Turísticos
Caah Kowalczyk
 
Modulo 9-otet-empresasnimturdesportiva
Modulo 9-otet-empresasnimturdesportivaModulo 9-otet-empresasnimturdesportiva
Modulo 9-otet-empresasnimturdesportiva
Carla Canhoto
 
Modulo 1 turismo 1
Modulo 1   turismo 1Modulo 1   turismo 1
Modulo 1 turismo 1Luis Cunha
 
Apostila fundamentos turismo
Apostila fundamentos turismoApostila fundamentos turismo
Apostila fundamentos turismo
Acrópole - História & Educação
 
Bito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo Internacional
Bito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo InternacionalBito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo Internacional
Bito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo Internacional
Sistema CNC
 
1704
17041704
1704
Pelo Siro
 
Turismo de lazer - Breve história e conceitos
Turismo de lazer - Breve história e conceitosTurismo de lazer - Breve história e conceitos
Turismo de lazer - Breve história e conceitos
Farah Serra
 
Preparar o turismo para as low cost terceira
Preparar o turismo para as low cost terceiraPreparar o turismo para as low cost terceira
Preparar o turismo para as low cost terceira
th2
 
Apresentação th2
Apresentação th2Apresentação th2
Apresentação th2
th2
 
Conhecendo o Turismo 1
Conhecendo o Turismo 1Conhecendo o Turismo 1
Conhecendo o Turismo 1
Marcelo Möass
 
Shortbrief Turismo Tendencias
Shortbrief Turismo TendenciasShortbrief Turismo Tendencias
Shortbrief Turismo Tendencias
Advank
 
Apresentação IPA
Apresentação IPAApresentação IPA
Apresentação IPA
travelplanviagens
 
Apresentação Beja 01.04.2014
Apresentação Beja 01.04.2014Apresentação Beja 01.04.2014
Apresentação Beja 01.04.2014
Luís Coito
 
Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009
Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009
Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009
EcoHospedagem
 
Conhecendo o Turismo 2
Conhecendo o Turismo 2Conhecendo o Turismo 2
Conhecendo o Turismo 2
Marcelo Möass
 

Mais procurados (20)

Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
Marketing e Turismo: aulas 17 a 19Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
Marketing e Turismo: aulas 17 a 19
 
Eventos turísticos
Eventos turísticosEventos turísticos
Eventos turísticos
 
Boas Práticas Internacionais no Turismo
Boas Práticas Internacionais no TurismoBoas Práticas Internacionais no Turismo
Boas Práticas Internacionais no Turismo
 
Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14
Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14
Fundamentos do Turismo (I): aulas 12 a 14
 
Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3Teoria e técnica profissional 3
Teoria e técnica profissional 3
 
Interesses Turísticos
Interesses TurísticosInteresses Turísticos
Interesses Turísticos
 
Modulo 9-otet-empresasnimturdesportiva
Modulo 9-otet-empresasnimturdesportivaModulo 9-otet-empresasnimturdesportiva
Modulo 9-otet-empresasnimturdesportiva
 
Modulo 1 turismo 1
Modulo 1   turismo 1Modulo 1   turismo 1
Modulo 1 turismo 1
 
Apostila fundamentos turismo
Apostila fundamentos turismoApostila fundamentos turismo
Apostila fundamentos turismo
 
Bito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo Internacional
Bito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo InternacionalBito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo Internacional
Bito - Associação Brasileira de Turismo Receptivo Internacional
 
1704
17041704
1704
 
Turismo de lazer - Breve história e conceitos
Turismo de lazer - Breve história e conceitosTurismo de lazer - Breve história e conceitos
Turismo de lazer - Breve história e conceitos
 
Preparar o turismo para as low cost terceira
Preparar o turismo para as low cost terceiraPreparar o turismo para as low cost terceira
Preparar o turismo para as low cost terceira
 
Apresentação th2
Apresentação th2Apresentação th2
Apresentação th2
 
Conhecendo o Turismo 1
Conhecendo o Turismo 1Conhecendo o Turismo 1
Conhecendo o Turismo 1
 
Shortbrief Turismo Tendencias
Shortbrief Turismo TendenciasShortbrief Turismo Tendencias
Shortbrief Turismo Tendencias
 
Apresentação IPA
Apresentação IPAApresentação IPA
Apresentação IPA
 
Apresentação Beja 01.04.2014
Apresentação Beja 01.04.2014Apresentação Beja 01.04.2014
Apresentação Beja 01.04.2014
 
Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009
Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009
Turismo acessível, conceitos, legislação e similares , mtur 2009
 
Conhecendo o Turismo 2
Conhecendo o Turismo 2Conhecendo o Turismo 2
Conhecendo o Turismo 2
 

Semelhante a De La Hoz Advisor [Modo de Compatibilidade] (1)

Oficina Mkt Destinos Turísticos
Oficina Mkt Destinos TurísticosOficina Mkt Destinos Turísticos
Oficina Mkt Destinos Turísticos
Simone Scorsato
 
Turismo de aventura
Turismo de aventuraTurismo de aventura
Turismo de aventura
Paulo Russel
 
Turismo de aventura
Turismo de aventuraTurismo de aventura
Turismo de aventura
Paulo Russel
 
Aula ejarque3
Aula ejarque3Aula ejarque3
Aula ejarque3
Janice Bernardo
 
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdfManual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
ssuserd70dab
 
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de AvaréProposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
Jaqueline Leal
 
Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09
Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09
Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09
Aristides Faria
 
Turismo de eventos
Turismo de eventosTurismo de eventos
Turismo de eventos
Cairo Aparecido Campos
 
1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf
1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf
1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf
JoseAssis9
 
Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.
EcoHospedagem
 
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Aristides Faria
 
Manual da Marca Turística de Avaré
Manual da Marca Turística de AvaréManual da Marca Turística de Avaré
Manual da Marca Turística de Avaré
Jaqueline Leal
 
FUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aula
FUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aulaFUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aula
FUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aula
Elton Rodrigues
 
Quem somos - Guia da temporada
Quem somos - Guia da temporadaQuem somos - Guia da temporada
Quem somos - Guia da temporada
Thiago
 
otet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasx
otet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasxotet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasx
otet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasx
AczaSantiago
 
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
Aristides Faria
 
Job
JobJob
Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)
Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)
Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)
Aristides Faria
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Aristides Faria
 
Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001
Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001
Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001
Ernesto São Thiago
 

Semelhante a De La Hoz Advisor [Modo de Compatibilidade] (1) (20)

Oficina Mkt Destinos Turísticos
Oficina Mkt Destinos TurísticosOficina Mkt Destinos Turísticos
Oficina Mkt Destinos Turísticos
 
Turismo de aventura
Turismo de aventuraTurismo de aventura
Turismo de aventura
 
Turismo de aventura
Turismo de aventuraTurismo de aventura
Turismo de aventura
 
Aula ejarque3
Aula ejarque3Aula ejarque3
Aula ejarque3
 
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdfManual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
Manual-Turismo-e-Empreendedorismo-Final.pdf
 
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de AvaréProposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
Proposta de Comunição e Marketing Turístico para a Estância Turística de Avaré
 
Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09
Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09
Fundamentos do Turismo (I): aulas 08 e 09
 
Turismo de eventos
Turismo de eventosTurismo de eventos
Turismo de eventos
 
1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf
1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf
1327579883_construção_gestão_programas__animação_turística.pdf
 
Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.
 
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
Disciplina Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao) (aula 05)
 
Manual da Marca Turística de Avaré
Manual da Marca Turística de AvaréManual da Marca Turística de Avaré
Manual da Marca Turística de Avaré
 
FUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aula
FUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aulaFUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aula
FUNESO - Marketing turístico - 15.08 - Planejamento de aula
 
Quem somos - Guia da temporada
Quem somos - Guia da temporadaQuem somos - Guia da temporada
Quem somos - Guia da temporada
 
otet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasx
otet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasxotet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasx
otet-manual.pdfsemprecomvidna`csiksimsjxkskkaksasx
 
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
Ecoturismo e Turismo de Aventura: aula 05
 
Job
JobJob
Job
 
Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)
Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)
Aula inaugural de Ecoturismo e Turismo de Aventura (IFSP Campus Cubatao)
 
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
Agenda Propositiva do Turismo | Baixada Santista - Apresentação de resultados...
 
Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001
Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001
Mtur (IMB) marketing de destinos parte 001
 

De La Hoz Advisor [Modo de Compatibilidade] (1)

  • 1. Creating Smart Destinations Apresentação Empresa www.facebook.com/SmartTerritorium www.delahozadvisor.com.br
  • 2. CLIENTES MISSÃO Nossa missão centra-se na contribuição da melhoria da competitividade do território, dando especial atenção ao aperfeiçoamento, planejamento e execução de políticas e ações desenvolvidas pelos players. METODOLOGIA Apresentação Empresa CLIENTES 1. EMPRESAS TURÍSTICAS 2. DESTINOS TURÍSTICOS 3. EMPRESA FAMILIAR 4. DEVELOPERS 5. IMOBILIÁRIAS CORRETORES Diagnóstico e levantamento de necessidades, definição de objetivos, planejamento, precisão na execução e garantia de qualidade são os cinco pilares nos quais se sustenta nossa metodologia de trabalho.
  • 3. Treinamento e Qualificação PUBLICO ALVO Investidores, associações empresariais, empresas do ramo turístico, industrial e de serviços, prefeituras e entidades públicas em geral responsáveis pela dinamização turística, comercial, econômica, cultural e esportiva do território.DESTINOS TURÍSTICOS
  • 4. DEZ CHAVES PARA UM DESTINO TURÍSTICO TER SUCESSO DE VISITANTES NO SÉCULO XXI Treinamento & Qualificação Destinos Turísticos A criação de experiências é o veículo para a fabrica das emoções! Quer ter visitantes repetitivos que virem seus vendedores?... garanta o conforto deles! Participantes Recomendados: Investidores e Empresários com interesses e foco sustentável no desenvolvimento do destino turístico podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Representantes de Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística
  • 5. DINAMIZAÇÃO TURÍSTICA TERRITORIAL COMO DIAGNOSTICAR POTENCIALIDADES TURÍSTICAS PARA CRIAR OU DIVERSIFICAR OFERTA E COMO COLOCÁ-LAS EM VALOR COMERCIAL Treinamento & Qualificação Destinos Turísticos Destinos perspicazes capazes de criar atrativos para captar visitantes para aumentar a renda dos negócios locais estruturados! Participantes Recomendados: Investidores e Empresários com interesses e foco sustentável no desenvolvimento do destino turístico podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Representantes de Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística
  • 6. EXCELÊNCIA EM DESTINOS TURÍSTICOS COMO CRIAR E IMPLANTAR UM PLANO DE QUALIDADE TURÍSTICA REGIONAL Qualidade Treinamento & Qualificação Destinos Turísticos Participantes Recomendados: Investidores e Empresários com interesses e foco sustentável no desenvolvimento do destino turístico podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Representantes de Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística Qualidade significa oferecer ao visitante o que está esperando, surpreende-lo por encima de suas expectativas, chama-se Excelência!
  • 7. POSICIONAMENTO DE MARCA EM DESTINOS TURÍSTICOS COMO CRIAR OFERTAS E CAMPANHAS DIFERENCIADAS A PARTIR DAS AUTENTICIDADES DO TERRITÓRIO (GASTRONOMIA, HISTÓRIA, CULTURA, NATUREZA, FOLKLORE...) Treinamento & Qualificação Destinos Turísticos De destino turístico com popularidade para destino turístico com identidade reconhecida e autenticidade de marca! Participantes Recomendados: Investidores e Empresários com interesses e foco sustentável no desenvolvimento do destino turístico podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Representantes de Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística
  • 8. COMO SE ESPECIALIZAR EM TURISMO FAMILIAR CARACTERÍSTICAS QUE DEVE REUNIR UM DESTINO TURÍSTICO VOLTADO PARA O SUCESSO NA CAPTAÇÃO DE FAMÍLIAS Treinamento & Qualificação Destinos Turísticos Participantes Recomendados: Investidores e Empresários com interesses e foco sustentável no desenvolvimento do destino turístico podendo ser consolidado ou incipiente, Gestores Públicos de Prefeituras , Secretários de Turismo e Dinamização Comercial, Profissionais e Técnicos de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Representantes de Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística Do vale todo para a especialização... Famílias um segmento em crescimento que abrange a fidelização de varias gerações!
  • 9. Assessoria PUBLICO ALVO Confederações, Federações e Associações Empresariais, Prefeituras, Secretarias de Turismo, Dinamização Comercial de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística. .DESTINOS TURÍSTICOS
  • 10. Público Alvo: Confederações, Federações e Associações Empresariais, Prefeituras, Secretarias de Turismo, Dinamização Comercial de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística. CAPTAÇÃO DE INVESTIMENTO PARA O TERRITÓRIO. Criação do plano diretor comercial do território e estabelecimento de incentivos fiscais, visando à captação de investidores privados (turismo, indústria e serviços). Organização de campanhas nacionais e internacionais visando à captação de investidores para o território. Assessoria Destinos Turísticos MANAGEMENT E COMPETITIVIDADE TURÍSTICA. Criação e gestão de entidades mistas de promoção e comercialização de destinos turísticos, tipo consórcios, fundações, clubes, etc. Criação, execução ou revisão do plano estratégico ou de marketing turístico do território. Criação e gestão do plano de comunicação através de redes sociais, publicidade e relações com a imprensa em um destino turístico. MARKETING PARA DESTINOS TURÍSTICOS. Desenvolvimento e execução do plano para dessazonalizar a temporada turística melhorando a atração de visitantes e a ocupação hoteleira em baixa temporada. Criação e promoção de roteiros e atividades turísticas no território para alongar a estadia e a despesa média por visitante. Criação ou segmentação do plano de lazer para diversificar a demanda turística: organização e criação de propostas de lazer para visitantes com diferentes motivações e idades. Criação do plano de fidelização de visitantes visando seu retorno ao destino, assim como promovendo ações para que conseguir sua recomendação.
  • 11. MARKETING PARA DESTINOS TURÍSTICOS. Criação do plano de dinamização turística para promover o aumento do faturamento no comercio, o uso responsável das praias, parques e reservas e a visita a centros históricos, entre outras possibilidades. Realização do estudo: levantamento do grau de satisfação dos visitantes sobre o destino turístico em geral Público Alvo: Confederações, Federações e Associações Empresariais, Prefeituras, Secretarias de Turismo, Dinamização Comercial de Promoção Econômica, Cultural, Turística e Esportiva, assim como Entidades Públicas e Privadas de Promoção Turística. Assessoria Destinos Turísticos Realização do estudo: levantamento do grau de satisfação dos visitantes sobre o destino turístico em geral e sobre seus atrativos e oferta de lazer em particular. Realização do estudo: pesquisa sobre os atuais e potenciais mercados emissores de visitantes assim como análise dos canais e ações mais efetivas para a venda do destino turístico. QUALITY EM DESTINOS TURÍSITCOS. Sistema de qualidade aplicado em um destino turístico: Definição e criação de normas e Standards de qualidade privada e pública mediante a criação e implantação de manuais para procedimentos em cenários tais como: a. Recepção e despedida dos visitantes, b. Contato com os visitantes, c. Nos momentos de atendimento ao cliente, d. Quando o visitante solicita informação... Diagnóstico e criação de signos visíveis de qualidade pública em um destino turístico.
  • 12. O Ignacio Amigó Gabalda, é técnico em Empresas e Atividades Turísticas e Técnico Superior em Marketing e Administração de Empresas pela Escola de Negócios ESMA (Barcelona). Em 1990 fundou Educatur S.L, empresa sediada em Barcelona, de âmbito internacional focada na área de Consultoria Hoteleira e de Destinos Turísticos virando líder no mercado espanhol em qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área Palestrante/Consultor qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área turística e professor da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera” (Mallorca) e professor colaborador da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera- UAB” (Universidade Autônoma de Barcelona). Em 2006 mudou-se para o Brasil e desde então tem realizado consultoria, assessoria e intermediação de negócios hoteleiros e imobiliários para investidores nacionais e internacionais entre os quais se destacam as empresas Invisa Internacional Hotéis, Grupo Sol Express, Verd Hotéis, Blau Hotels, Hotusa Hotels e Palladium Hotel Group. Tem atuado como assessor e palestrante da Associação Turística da Praia do Forte (Turisfort) e da Associação Baiana da Indústria de Hotéis (ABIH). Durante sua etapa no Continente latino americano passou um ano e meio no Caribe trabalhando para developers locais na República Dominicana (Grupo Metro) e developers internacionais nas Ilhas de Saint Vincent & The Granadins e Barbados, entre outras. Atualmente, se dedica a prestar serviço de consultoria imobiliária, hoteleira, turística e empresarial na América Latina a investidores nacionais e internacionais através da empresa Delahozadvisor.
  • 13. Treinamento e Qualificação PUBLICO ALVOPUBLICO ALVO Proprietários Paes e Filhos, Diretores, Sub- diretores, Gerentes e Funcionários de Hotéis Independentes e Grupos Hoteleiros. EMPRESAS TURÍSTICAS HOTÉIS
  • 14. COMO SE ESPECIALIZAR EM TURISMO FAMILIAR CARACTERÍSTICAS QUE DEVE REUNIR UM HOTEL VOLTADO PARA O SUCESSO NA CAPTAÇÃO DE FAMÍLIAS Treinamento & Qualificação Empresas Turísticas - Hotéis Do vale todo para a especialização... Famílias um segmento em crescimento que abrange a fidelização de varias gerações! Participantes Recomendados: Proprietários Paes e Filhos, Diretores, Sub- diretores, Gerentes e Responsáveis de Marketing e Vendas de Empresas Hoteleiras e Turísticas
  • 15. COMO LOTAR UM HOTEL EM ÉPOCA DE CRISE COM INDEPENDÊNCIA DOS INTERMEDIÁRIOS. Treinamento & Qualificação Empresas Turísticas - Hotéis Ou as organizações se adaptam aos câmbios ou o mercado encarrega-se de varrê-las! Quanto maior o percentual de clientes repetitivos, menor o esforço financeiro em intermediação! Participantes Recomendados: Proprietários Paes e Filhos, Diretores, Sub- diretores, Gerentes e Responsáveis de Marketing e Vendas de Empresas Hoteleiras e Turísticas
  • 16. COMO COMBATER A QUEDA DA DIÁRIA MÉDIA NA HOTELARIA MEDIANTE O AUMENTO DAS VENDAS INTERNAS E A FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES. Treinamento & Qualificação Empresas Turísticas - Hotéis Sem antes vivenciar, não espere faturar mediante as vendas internas! Só com um plano de treinamento baseado em experimentar, os funcionários se tornarão bons vendedores! Participantes Recomendados: Funcionários Vocacionais da hotelaria de qualquer setor ou departamento, assim como Diretores, Sub-diretores, Gerentes e Responsáveis Operacionais.
  • 17. 10 MUDANÇAS NA CULTURA DE DIREÇÃO HOTELEIRA QUE TODO DIRETOR DEVERIA DOMINAR PARA CONCORRER COM EFETIVIDADE NO SÉCULO XXI Treinamento & Qualificação Empresas Turísticas - Hotéis Com limitados instrumentos de precisão, a visibilidade é nula, para dirigir em um mercado com excesso de intermediação digital, ligue seus sensores! A rotina sem emoção é inimiga da vocação! Participantes Recomendados: Diretores, Sub-Diretores, Chefes de Setor a serem Promovidos e Responsáveis Operacionais de Hotéis Independentes e Grupos Hoteleiros.
  • 18. COMO AUMENTAR A COMPETITIVIDADE DA OFERTA GASTRONÔMICA DO RESTAURANTE PARA CAPTAR + CLIENTES (CARDÁPIO E BUFET) Treinamento & Qualificação Empresas Turísticas - Hotéis Do oferta tradicional em um restaurante para o extenso mundo das experiências culinárias! Participantes Recomendados: Diretores, Sub-Diretores, Gerentes, Chefes e responsáveis dos Setores: Alimentação e Bebidas, Compras, Cozinha e Restaurante, assim como Responsáveis Operacionais de Hotéis Independentes e Grupos Hoteleiros.
  • 19. COMO FIDELIZAR CLIENTES EM HOTELARIA E CONSEGUIR QUE NOS RECOMENDEM ENTRE SEUS AMIGOS Treinamento & Qualificação Empresas Turísticas - Hotéis Não se engane ao respeito das preferências do cliente! , ele está com mais fome de ser reconhecido que de comer lagosta! Participantes Recomendados: Funcionários da hotelaria de qualquer setor ou departamento.
  • 20. Assessoria PUBLICO ALVO Hotéis Independentes, Grupos Hoteleiros, Restaurantes e Grupos Econômicos do Setor da Hospitalidade.. . EMPRESAS TURÍSTICAS
  • 21. BUSINESS & INVESTMENT. Criação do plano de negócio para o estabelecimento de uma parceria empresarial ou venda de empreendimento hoteleiro. Criação e execução de campanha para o estabelecimento de road show visando a procura de oportunidades de administração e investimento hoteleiro. Público Alvo: Hotéis independentes, grupos hoteleiros, restaurantes e grupos econômicos do setor da hospitalidade. Assessoria Hotéis/Restaurantes oportunidades de administração e investimento hoteleiro. QUALITY MANAGEMENT. Realização de auditoria de qualidade de serviço mediante a técnica de cliente espia ou semáforo. (Criação e implantação de plano de qualidade hoteleiro ou para empresas do ramo de restaurantes: criação de normas, Standars, procedimentos, registros e treinamento. SALES & REVENUE MANAGEMENT. Criação do plano de vendas para o aumento da ocupação hoteleira em um 20% ao ano. Análise e diagnóstico de 100 idéias para diminuir custos na hotelaria. OPERATIONAL MANAGEMENT. Análise e proposta de aperfeiçoamento da oferta culinária do cardápio e do Buffet: análise qualitativa e quantitativa, definição de novas ofertas e variedade de referências, implantação de campanhas e treinamentos para o aumento do faturamento. Análise e aperfeiçoamento do setor de compras em um hotel ou restaurante, incluindo análise de processos, cadastro de fornecedores, organização de almoxarifado, etc.
  • 22. O Ignacio Amigó Gabalda, é técnico em Empresas e Atividades Turísticas e Técnico Superior em Marketing e Administração de Empresas pela Escola de Negócios ESMA (Barcelona). Em 1990 fundou Educatur S.L, empresa sediada em Barcelona, de âmbito internacional focada na área de Consultoria Hoteleira e de Destinos Turísticos virando líder no mercado espanhol em qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área Palestrante/Consultor qualificação e treinamento de empresários, políticos e funcionários. Foi assessor da área turística e professor da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera” (Mallorca) e professor colaborador da “Escola Universitària de Turisme i Direcció Hotelera- UAB” (Universidade Autônoma de Barcelona). Em 2006 mudou-se para o Brasil e desde então tem realizado consultoria, assessoria e intermediação de negócios hoteleiros e imobiliários para investidores nacionais e internacionais entre os quais se destacam as empresas Invisa Internacional Hotéis, Grupo Sol Express, Verd Hotéis, Blau Hotels, Hotusa Hotels e Palladium Hotel Group. Tem atuado como assessor e palestrante da Associação Turística da Praia do Forte (Turisfort) e da Associação Baiana da Indústria de Hotéis (ABIH). Durante sua etapa no Continente latino americano passou um ano e meio no Caribe trabalhando para developers locais na República Dominicana (Grupo Metro) e developers internacionais nas Ilhas de Saint Vincent & The Granadins e Barbados, entre outras. Atualmente, se dedica a prestar serviço de consultoria imobiliária, hoteleira, turística e empresarial na América Latina a investidores nacionais e internacionais através da empresa Delahozadvisor.