SlideShare uma empresa Scribd logo
DANDO UMA ESPIADA NO
FUTURO
Como homens e mulheres responsáveis não
podemos pastorear sem pensar um pouco em
nosso futuro e dos nossos netos.
OLHANDO PARA
O FUTURO
O futuro pertence àqueles
que acreditam na beleza de
seus sonhos.
Eleanor Roosevelt
Como homens e mulheres
responsáveis não podemos
pastorear sem sonhar o
nosso futuro e dos nossos
netos.
NÃO HÁ NADA COMO O SONHO
PARA CRIAR O FUTURO.
Iniciaremos o ano … 2017 2018 2019 2020 2021
Com Quantas Células (Multiplica 70%) ? 20 34 58 98 160
Quantos Supervisores Ativos ( 6 por célula) ? 3 5 10 15 25
Previsão de Quantos Membros (6 por célula) ? 120 204 348 588 960
Realizar Quantos Encontro Com Deus ? 1 1 2 2 2
Realizar Quantos Re-Encontro Com Deus ? 1 1 2 2 2
Quantos Curso Para Discipulador ? 1 2 2 3 3
Quantos Curso Para Treinamento de Líderes ? 1 2 2 3 3
PROJEÇÃO PARA OS PRÓXIMOS 5 ANOS

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Tutorial do slideshare
Tutorial do slideshareTutorial do slideshare
Tutorial do slideshare
Flavio Brim
 
Slides shalom 2016 06 28
Slides shalom 2016 06 28Slides shalom 2016 06 28
Slides shalom 2016 06 28
Flavio Brim
 
Purê de batatas 2016
Purê de batatas 2016Purê de batatas 2016
Purê de batatas 2016
Flavio Brim
 
Campanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalomCampanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalom
Flavio Brim
 
20160710 msg-osamigosqueseimportaram
20160710 msg-osamigosqueseimportaram20160710 msg-osamigosqueseimportaram
20160710 msg-osamigosqueseimportaram
Flavio Brim
 
20160815 uma igrejaacolhedora (2)
20160815 uma igrejaacolhedora (2)20160815 uma igrejaacolhedora (2)
20160815 uma igrejaacolhedora (2)
Flavio Brim
 
20160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 2
20160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 220160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 2
20160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 2
Flavio Brim
 
Linux@Ipsia08 - Introduzione al Software Libero
Linux@Ipsia08 - Introduzione al Software LiberoLinux@Ipsia08 - Introduzione al Software Libero
Linux@Ipsia08 - Introduzione al Software Libero
Manuel Dalla Lana
 

Destaque (9)

Tutorial do slideshare
Tutorial do slideshareTutorial do slideshare
Tutorial do slideshare
 
Slides shalom 2016 06 28
Slides shalom 2016 06 28Slides shalom 2016 06 28
Slides shalom 2016 06 28
 
Purê de batatas 2016
Purê de batatas 2016Purê de batatas 2016
Purê de batatas 2016
 
Campanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalomCampanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalom
 
20160710 msg-osamigosqueseimportaram
20160710 msg-osamigosqueseimportaram20160710 msg-osamigosqueseimportaram
20160710 msg-osamigosqueseimportaram
 
20160815 uma igrejaacolhedora (2)
20160815 uma igrejaacolhedora (2)20160815 uma igrejaacolhedora (2)
20160815 uma igrejaacolhedora (2)
 
20160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 2
20160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 220160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 2
20160710 Roteiro para as células - Os amigos que se importaram 2
 
Linux Accessibile
Linux AccessibileLinux Accessibile
Linux Accessibile
 
Linux@Ipsia08 - Introduzione al Software Libero
Linux@Ipsia08 - Introduzione al Software LiberoLinux@Ipsia08 - Introduzione al Software Libero
Linux@Ipsia08 - Introduzione al Software Libero
 

Semelhante a Dando uma espiada no futuro

Newsletter Interna @FO - 23 de outubro
Newsletter Interna @FO - 23 de outubroNewsletter Interna @FO - 23 de outubro
Newsletter Interna @FO - 23 de outubro
Luana Norões
 
A importância da liderança em nossa formação! demoley
A importância da liderança em nossa formação! demoleyA importância da liderança em nossa formação! demoley
A importância da liderança em nossa formação! demoley
Aderivaldo Cardoso
 
IAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício Lima
IAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício LimaIAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício Lima
IAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício Lima
IAB Brasil
 
Global Voluntário
Global Voluntário Global Voluntário
Global Voluntário
GabrielCerqueira33
 
Engajamento.pptx (1)
Engajamento.pptx (1)Engajamento.pptx (1)
Engajamento.pptx (1)
Thomaz Dantas
 
Conduza sua jornada!
Conduza sua jornada! Conduza sua jornada!
Conduza sua jornada!
Bruno Crescente
 
News EPs
News EPsNews EPs
News EPs
AIESEC_RP
 
Coaching para iniciantes com janice vassoler 30 slides
Coaching para iniciantes com janice vassoler 30 slidesCoaching para iniciantes com janice vassoler 30 slides
Coaching para iniciantes com janice vassoler 30 slides
Janice Vassoler
 
2013 INTENÇÕES PODEROSAS
2013 INTENÇÕES PODEROSAS2013 INTENÇÕES PODEROSAS
2013 INTENÇÕES PODEROSAS
CoCreation Coaching
 
Gestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à Tona
Gestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à TonaGestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à Tona
Gestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à Tona
Arthur Dambros
 
Projeto GE 2012 2013
Projeto GE 2012 2013Projeto GE 2012 2013
Projeto GE 2012 2013
candidaturamce
 
EBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o Brasil
EBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o BrasilEBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o Brasil
EBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o Brasil
Hermano Reis
 
5 maneira 2
5 maneira 25 maneira 2
5 maneira 2
Iomar Cunha
 
Avaliador de gestão 2014
Avaliador de gestão 2014Avaliador de gestão 2014
Avaliador de gestão 2014
Daniel Coimbra
 
NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015
NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015
NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015
novarevistademolayrj
 
Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015
Diego Santa Rosa Santos
 
Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015
Diego Santa Rosa Santos
 
Coaching um acelerador para o seu sucesso
Coaching um acelerador para o seu sucessoCoaching um acelerador para o seu sucesso
Coaching um acelerador para o seu sucesso
WorkPress Tecnologia em Comunicação
 
Do day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PM
Do day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PMDo day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PM
Do day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PM
Alexandre Spengler
 
[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso
[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso
[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso
Product Camp Brasil
 

Semelhante a Dando uma espiada no futuro (20)

Newsletter Interna @FO - 23 de outubro
Newsletter Interna @FO - 23 de outubroNewsletter Interna @FO - 23 de outubro
Newsletter Interna @FO - 23 de outubro
 
A importância da liderança em nossa formação! demoley
A importância da liderança em nossa formação! demoleyA importância da liderança em nossa formação! demoley
A importância da liderança em nossa formação! demoley
 
IAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício Lima
IAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício LimaIAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício Lima
IAB BRASÍLIA: Conquistadores digitais - Maurício Lima
 
Global Voluntário
Global Voluntário Global Voluntário
Global Voluntário
 
Engajamento.pptx (1)
Engajamento.pptx (1)Engajamento.pptx (1)
Engajamento.pptx (1)
 
Conduza sua jornada!
Conduza sua jornada! Conduza sua jornada!
Conduza sua jornada!
 
News EPs
News EPsNews EPs
News EPs
 
Coaching para iniciantes com janice vassoler 30 slides
Coaching para iniciantes com janice vassoler 30 slidesCoaching para iniciantes com janice vassoler 30 slides
Coaching para iniciantes com janice vassoler 30 slides
 
2013 INTENÇÕES PODEROSAS
2013 INTENÇÕES PODEROSAS2013 INTENÇÕES PODEROSAS
2013 INTENÇÕES PODEROSAS
 
Gestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à Tona
Gestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à TonaGestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à Tona
Gestão de Cultura - Trazendo o Real Propósito do MEJ à Tona
 
Projeto GE 2012 2013
Projeto GE 2012 2013Projeto GE 2012 2013
Projeto GE 2012 2013
 
EBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o Brasil
EBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o BrasilEBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o Brasil
EBzão Infinite - A importância da AIESEC entregar liderança para o Brasil
 
5 maneira 2
5 maneira 25 maneira 2
5 maneira 2
 
Avaliador de gestão 2014
Avaliador de gestão 2014Avaliador de gestão 2014
Avaliador de gestão 2014
 
NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015
NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015
NOVA REVISTA DEMOLAY RJ - Janeiro 2015
 
Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015
 
Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015Revista demolay rj janeiro 2015
Revista demolay rj janeiro 2015
 
Coaching um acelerador para o seu sucesso
Coaching um acelerador para o seu sucessoCoaching um acelerador para o seu sucesso
Coaching um acelerador para o seu sucesso
 
Do day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PM
Do day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PMDo day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PM
Do day 1 ao sucesso: 10 dicas para trilhar os seus primeiros passos como PM
 
[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso
[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso
[Product Starter] Alexandre Spengler - Do day 1 ao sucesso
 

Mais de Flavio Brim

Calendário shalom 2016
Calendário shalom 2016Calendário shalom 2016
Calendário shalom 2016
Flavio Brim
 
A parábola do semeador - roteiro da célula
A parábola do semeador - roteiro da célulaA parábola do semeador - roteiro da célula
A parábola do semeador - roteiro da célula
Flavio Brim
 
20160821 a parábola do semeador
20160821 a parábola do semeador20160821 a parábola do semeador
20160821 a parábola do semeador
Flavio Brim
 
20160815 uma igrejaacolhedora
20160815 uma igrejaacolhedora20160815 uma igrejaacolhedora
20160815 uma igrejaacolhedora
Flavio Brim
 
O manual de instrução de deus para o casamento
O manual de instrução de deus para o casamentoO manual de instrução de deus para o casamento
O manual de instrução de deus para o casamento
Flavio Brim
 
Uma igreja acolhedora
Uma igreja acolhedoraUma igreja acolhedora
Uma igreja acolhedora
Flavio Brim
 
Programações
ProgramaçõesProgramações
Programações
Flavio Brim
 
Cristãos acolhedores
Cristãos acolhedoresCristãos acolhedores
Cristãos acolhedores
Flavio Brim
 
Jornada discipulado shalom
Jornada discipulado shalomJornada discipulado shalom
Jornada discipulado shalom
Flavio Brim
 
Uma igreja exemplo
Uma igreja exemploUma igreja exemplo
Uma igreja exemplo
Flavio Brim
 
Caderno 1 VIVER - Lição 5
Caderno 1 VIVER - Lição 5 Caderno 1 VIVER - Lição 5
Caderno 1 VIVER - Lição 5
Flavio Brim
 
7 dias de oração pela salvação de 5 amigos
7 dias de oração pela salvação de 5 amigos7 dias de oração pela salvação de 5 amigos
7 dias de oração pela salvação de 5 amigos
Flavio Brim
 
Campanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalomCampanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalom
Flavio Brim
 
Roteiro para células 19 à 25 de junho 2016
Roteiro para células   19 à 25 de junho 2016Roteiro para células   19 à 25 de junho 2016
Roteiro para células 19 à 25 de junho 2016
Flavio Brim
 
Características de uma igreja baseada em estruturas e programas
Características de uma igreja baseada em estruturas e programasCaracterísticas de uma igreja baseada em estruturas e programas
Características de uma igreja baseada em estruturas e programas
Flavio Brim
 
Como nos tornamos uma igreja de programas
Como nos tornamos uma igreja de programasComo nos tornamos uma igreja de programas
Como nos tornamos uma igreja de programas
Flavio Brim
 
Princípios da igreja em células - A
Princípios da igreja em células - APrincípios da igreja em células - A
Princípios da igreja em células - A
Flavio Brim
 
Jornada do discipulado 20160604 10 20
Jornada do discipulado   20160604 10 20Jornada do discipulado   20160604 10 20
Jornada do discipulado 20160604 10 20
Flavio Brim
 
Onde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indoOnde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indo
Flavio Brim
 
A alegria do senhor kleber lucas
A alegria do senhor   kleber lucasA alegria do senhor   kleber lucas
A alegria do senhor kleber lucas
Flavio Brim
 

Mais de Flavio Brim (20)

Calendário shalom 2016
Calendário shalom 2016Calendário shalom 2016
Calendário shalom 2016
 
A parábola do semeador - roteiro da célula
A parábola do semeador - roteiro da célulaA parábola do semeador - roteiro da célula
A parábola do semeador - roteiro da célula
 
20160821 a parábola do semeador
20160821 a parábola do semeador20160821 a parábola do semeador
20160821 a parábola do semeador
 
20160815 uma igrejaacolhedora
20160815 uma igrejaacolhedora20160815 uma igrejaacolhedora
20160815 uma igrejaacolhedora
 
O manual de instrução de deus para o casamento
O manual de instrução de deus para o casamentoO manual de instrução de deus para o casamento
O manual de instrução de deus para o casamento
 
Uma igreja acolhedora
Uma igreja acolhedoraUma igreja acolhedora
Uma igreja acolhedora
 
Programações
ProgramaçõesProgramações
Programações
 
Cristãos acolhedores
Cristãos acolhedoresCristãos acolhedores
Cristãos acolhedores
 
Jornada discipulado shalom
Jornada discipulado shalomJornada discipulado shalom
Jornada discipulado shalom
 
Uma igreja exemplo
Uma igreja exemploUma igreja exemplo
Uma igreja exemplo
 
Caderno 1 VIVER - Lição 5
Caderno 1 VIVER - Lição 5 Caderno 1 VIVER - Lição 5
Caderno 1 VIVER - Lição 5
 
7 dias de oração pela salvação de 5 amigos
7 dias de oração pela salvação de 5 amigos7 dias de oração pela salvação de 5 amigos
7 dias de oração pela salvação de 5 amigos
 
Campanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalomCampanha de evangelismo da shalom
Campanha de evangelismo da shalom
 
Roteiro para células 19 à 25 de junho 2016
Roteiro para células   19 à 25 de junho 2016Roteiro para células   19 à 25 de junho 2016
Roteiro para células 19 à 25 de junho 2016
 
Características de uma igreja baseada em estruturas e programas
Características de uma igreja baseada em estruturas e programasCaracterísticas de uma igreja baseada em estruturas e programas
Características de uma igreja baseada em estruturas e programas
 
Como nos tornamos uma igreja de programas
Como nos tornamos uma igreja de programasComo nos tornamos uma igreja de programas
Como nos tornamos uma igreja de programas
 
Princípios da igreja em células - A
Princípios da igreja em células - APrincípios da igreja em células - A
Princípios da igreja em células - A
 
Jornada do discipulado 20160604 10 20
Jornada do discipulado   20160604 10 20Jornada do discipulado   20160604 10 20
Jornada do discipulado 20160604 10 20
 
Onde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indoOnde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indo
 
A alegria do senhor kleber lucas
A alegria do senhor   kleber lucasA alegria do senhor   kleber lucas
A alegria do senhor kleber lucas
 

Último

Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdfAdaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
CamilaSouza544051
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptxA Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
tamirissousa11
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdfAdaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptxA Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 

Dando uma espiada no futuro

  • 1. DANDO UMA ESPIADA NO FUTURO Como homens e mulheres responsáveis não podemos pastorear sem pensar um pouco em nosso futuro e dos nossos netos.
  • 2. OLHANDO PARA O FUTURO O futuro pertence àqueles que acreditam na beleza de seus sonhos. Eleanor Roosevelt Como homens e mulheres responsáveis não podemos pastorear sem sonhar o nosso futuro e dos nossos netos.
  • 3. NÃO HÁ NADA COMO O SONHO PARA CRIAR O FUTURO.
  • 4. Iniciaremos o ano … 2017 2018 2019 2020 2021 Com Quantas Células (Multiplica 70%) ? 20 34 58 98 160 Quantos Supervisores Ativos ( 6 por célula) ? 3 5 10 15 25 Previsão de Quantos Membros (6 por célula) ? 120 204 348 588 960 Realizar Quantos Encontro Com Deus ? 1 1 2 2 2 Realizar Quantos Re-Encontro Com Deus ? 1 1 2 2 2 Quantos Curso Para Discipulador ? 1 2 2 3 3 Quantos Curso Para Treinamento de Líderes ? 1 2 2 3 3 PROJEÇÃO PARA OS PRÓXIMOS 5 ANOS