SlideShare uma empresa Scribd logo
CULTO INFANTIL
      NOVA GERAÇÃO
  MINISTÉRIO DA FAMILIA
          2012
CULTO INFANTIL

“Deus é Espírito e importa que os seus adoradores o adorem em
  espírito e em verdade.”
                     João 4.24
• INTRODUÇÃO:

• Os olhos do Pai procuram a verdadeiros adoradores, pessoas que
  o adorem em espírito e em verdade. A Bíblia nos mostra que o Pai
  encontrou a verdadeira adoração em personagens, a saber:

• · Abel ( Gn.4.4) – Embora a Bíblia não relate qual era a idade de
  Abel no dia em que ele ofereceu ao Senhor a oferta das
  primícias, eu penso que Abel foi ensinado desde pequeno a
  ofertar ao Senhor.
CULTO INFANTIL

•   · Samuel (I Samuel c.3) – Samuel serviu ao Senhor desde menino. A
    Bíblia diz que o seu ministério prosperou muito. Creio que por esse
    motivo, Deus viu em Samuel a verdadeira adoração e o visitou em sonhos.

•   · Davi (I Samuel 16) – O menino Davi, pastor de ovelha, guerreiro
    valente e rei de Israel, moveu o coração de Deus com a sua adoração, e
    foi chamado pelo próprio Deus de um homem segundo o coração de Deus.

•   · Louvor dos pequeninos – Creio que os olhos do Senhor se encheram de
    alegria ao ouvir o louvor das criancinha em Mateus: 21-16

•   Até os nossos dias O Senhor continua a procurar os verdadeiros
    adoradores, poderá Deus encontrá-los nos cultos infantis de nossas
    igrejas.
CULTO INFANTIL

•   1) DEFINIÇÃO:

•   CULTO – Adoração ou homenagem à divindade em qualquer de suas
    formas e em qualquer religião. Modo de exteriorizar o
    culto, ritual, veneração. (Dicionário Aurélio)

•   CULTO – É a forma com que os adoradores do Senhor Jesus
    demonstram que o amam de todo o seu coração. É também a adoração
    manifestada no espírito, alma e corpo de todos os que envolvidos na
    adoração a Deus. No culto reconhecemos a santidade, a bondade e o
    amor de Deus e reverentemente dizemos isso a Deus.

•   CULTO INFANTIL – É um culto organizado conforme as necessidades
    de cada criança e sua capacidade de compreensão, e que a levará a
    prestar a Deus de maneira inteligente a verdadeira adoração.
CULTO INFANTIL

• 2) OBJETIVO:
•
• O Objetivo do culto infantil é levar as crianças a se
  tornarem verdadeiros adoradores, que se envolvem nos
  braços do Pai.
• É tributar ao Senhor glória devida ao seu nome e a sua
  santidade, conforme as palavras do Salmista – Sl. 29-2
CULTO INFANTIL

• 3) ENSINANDO AS CRIANÇAS A CULTUAREM:

• Ensinamos as crianças a cultuarem porque é um projeto de Deus.
  Projeto é algo pensado para ser permanente. Cultuaremos a Deus
  para sempre no céu.
CULTO INFANTIL

• 4) ELEMENTOS QUE NÃO PODEM FALTAR NO CULTO
  INFANTIL:

• Oração – a criança fala com Deus
• Louvor – a criança expressa a adoração, o louvor, a gratidão e o
  amor ao criador.
• Leitura da Bíblia – é o manual da criança. Acostumo a fazer a
  entrada formal da Bíblia, com uma música instrumental solene.
  Isto ajuda a criança perceber(visualizar) sua importância .
• Oferta – a criança que cultua a Deus com suas primícias
  enquanto criança não terá dificuldade de cultuar em sua vida
  adulta.
• Pregação da Palavra – as crianças recebem o alimento espiritual
• Apresentações Especiais – a criança ministra ao Senhor com
  dons e talentos (serviço)
CULTO INFANTIL

• OBSERVAÇÕES:
• O CULTO INFANTIL DEVE SER ADAPTADO DE ACORDO COM
  O CONTEXTO DA SUA IGREJA.
• A Santa Ceia pode ser inserida e servida pelas crianças, embora
  elas não comam nem bebam dela.
• A pregação é uma mensagem na linguagem infantil ministrada por
  um adulto capacitado para tal.
CULTO INFANTIL

•   5) ORGANIZAÇÃO DO CULTO:
•   a. Planejamento;
•   b. Local adequado;
•   c. Equipamentos e móveis apropriados;
•   d. Duração máxima de até 01h30min;
•   e. Músicos / Equipamento de som para o louvor
CULTO INFANTIL

 a) Planejamento:
• Escolha do tema: fazer uma relação de tudo com o ponto
    espiritual. Quanto mais claro e simples, mais didático será.
• Programar com antecipação o material de decoração,como auxilio
    para criar o ambiente apropriado. Tomar cuidado par não
    sobrecarregar de estímulos.
• Consideramos cada grupo(faixa etária, por exemplo de 4 à 6) um
    rebanho que caminha junto, por isso chamamos os rebanhos para
    participarem em grupo, evitando destacar individualidades.
    Evitamos edificar egos, orgulhos,vaidades, etc. Os desafios de
    fazerem algo sozinhos só é indicado após os 11/12 anos,
    dependendo da maturidade espiritual da criança. Pastoreio é
    fundamental.
CULTO INFANTIL

•  O início e o fim do culto devem ficar muito claro para as
  crianças. Cuidado com o convívio após o culto: o ideal é que as
  famílias saiam assim que o culto é encerrado, conduzindo as
  crianças pelas mãos, deixando bem claro que aquele espaço é um
  local de adoração. Criança não sabe ainda diferenciar, ela está
  aprendendo, por isso não é adequado que lhe seja permitido ficar
  correndo encima do palco, entre os instrumentos, após um evento
  tão importante.
• Os adultos precisam significar esse momento com boa postura e
  dando bom exemplo. Eles precisam ser alertados do importante
  papel que cumprem perante os pequenos. Lembrando que a
  criança imita as atitudes e o coração da sua comunidade e não
  somente dos pais.
CULTO INFANTIL

• Devemos lembrar que a criança, diferente do adulto tem um
  tempo menor de atenção, por isso deve-se ter muito cuidado com
  a programação do culto infantil, para que o mesmo não seja muito
  extenso e venha se tornar cansativo para a criança. É importante
  lembrar que estamos num culto com muita gente. Não apenas
  crianças, mas adultos também. O culto Infantil não é uma aula
  que se dá na Escola bíblica, onde há maior informalidade e
  descontração. O culto infantil é o meio-termo entre a
  atividade regular das crianças e a seriedade comum aos
  adultos. A ordem de culto e os momentos que o compõem são
  referentes àquilo que os adultos praticam; as músicas, a
  mensagem, sua linguagem e a duração desse momento de louvor é
  o que é comum às crianças.
CULTO INFANTIL

• 6) O QUE CULTO INFANTIL NÃO PODE SER ?
•   UM CULTINHO - as crianças não estão cultuando a um deusinho. Elas cultuam ao
    Deus vivo que as vê como verdadeiras adoradoras

•   UMA SALINHA – salinha é um lugar onde as crianças recebem papel para rabiscar e
    passar tempo. No culto infantil as crianças recebem a Palavra que as fará crianças
    fortes que escreveram grandes histórias no Evangelho de Cristo.

•   UMA ESCOLHINHA – na escolinha a crianças recebe ensinamentos que terminaram
    quando elas morrerem. O culto infantil levará as crianças a um ensinamento que as
    conduzirá para a Vida Eterna

•   UMA CRECHE – creche é um lugar onde crianças são cuidadas por babás que
    amamentam fisicamente. No culto infantil elas recebem o alimento espiritual.

•   UM LUGAR DE HENDONISMO - lugar de entretenimento infantil, onde adultos
    trabalham como ANIMADOR GOSPEL e não tem compromisso com a Palavra de Deus.
•   O apóstolo Paulo escreveu em I Coríntios 21.5 qual a verdadeira característica do
    obreiro que quer ser usado por Deus. Quem ministra no culto infantil deve ter:
    sensibilidade, prudência e humildade.
CULTO INFANTIL

• 7) ENVOLVA OS PAIS NO CULTO INFANTIL

•    Prepare atividades que as crianças possam realizar em
    família.
•    Motive pais a realizarem culto no lar.
•    Planeje uma atividade de oração em família.
•    Faça reunião com os pais com dinâmicas e distribuição das
    atividades do ministério infantil.
•    Prepare palestras com almoço, café da manhã, gincana.
•    Convide os pais para prepararem um louvor com os filhos.
CULTO INFANTIL
• CONCLUSÃO:


• Que hoje o Senhor Jesus possa me ver com os olhos
  do Pai, como Verdadeiro Adorador que conduzirá
  crianças a verdadeira adoração.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I
Itamar Freire
 
Culto com crianças
Culto com criançasCulto com crianças
Culto com crianças
Alessandra Lucas Leite Rocha
 
Primeira etapa
Primeira etapaPrimeira etapa
Primeira etapa
KellyJanurio
 
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBDPLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
Ednaldo Santos de Jesus
 
Vida de oração
Vida de oraçãoVida de oração
Vida de oração
Márcio Melânia
 
Seminário como ensinar crianças na igreja - marisa
Seminário   como ensinar crianças na igreja - marisaSeminário   como ensinar crianças na igreja - marisa
Seminário como ensinar crianças na igreja - marisa
Sergio Silva
 
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMOTREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
igrejafecrista
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Alexandre Santos
 
Planejamento ebd
Planejamento ebdPlanejamento ebd
Planejamento ebd
Lucia Verissimo
 
Visita nos lares
Visita nos laresVisita nos lares
Visita nos lares
LUIZ GUSTAVO Souza Paula
 
Departamento infantil
Departamento infantilDepartamento infantil
Departamento infantil
Priscla Silva
 
1º encontro Quem sou eu?
1º encontro   Quem sou eu?1º encontro   Quem sou eu?
1º encontro Quem sou eu?
Juliana Cristina M. Muniz
 
Apostila palestra para casais
Apostila   palestra para casaisApostila   palestra para casais
Apostila palestra para casais
Construção Edificações
 
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
Evangelismo   conteúdo, método e motivação.Evangelismo   conteúdo, método e motivação.
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
Rodrigo Ribeiro
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
BispoAlberto
 
INTIMIDADE COM DEUS
INTIMIDADE COM DEUSINTIMIDADE COM DEUS
Escola Bíblica de Férias_O amor de Deus
Escola Bíblica de Férias_O amor de DeusEscola Bíblica de Férias_O amor de Deus
Escola Bíblica de Férias_O amor de Deus
Geandre Costa Costa
 
Simpósio de EBD
Simpósio de EBDSimpósio de EBD
Simpósio de EBD
Antonio Fernandes
 
Encontros de catequese
Encontros de catequeseEncontros de catequese
Encontros de catequese
sheilajo
 
Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018
Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018
Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018
César Detinha Nunes
 

Mais procurados (20)

50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I50 Estudos Para Celulas I
50 Estudos Para Celulas I
 
Culto com crianças
Culto com criançasCulto com crianças
Culto com crianças
 
Primeira etapa
Primeira etapaPrimeira etapa
Primeira etapa
 
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBDPLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
PLANO DE AULA PARA ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL - EBD
 
Vida de oração
Vida de oraçãoVida de oração
Vida de oração
 
Seminário como ensinar crianças na igreja - marisa
Seminário   como ensinar crianças na igreja - marisaSeminário   como ensinar crianças na igreja - marisa
Seminário como ensinar crianças na igreja - marisa
 
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMOTREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
 
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na IgrejaApostila Para O Ministério Infantil na Igreja
Apostila Para O Ministério Infantil na Igreja
 
Planejamento ebd
Planejamento ebdPlanejamento ebd
Planejamento ebd
 
Visita nos lares
Visita nos laresVisita nos lares
Visita nos lares
 
Departamento infantil
Departamento infantilDepartamento infantil
Departamento infantil
 
1º encontro Quem sou eu?
1º encontro   Quem sou eu?1º encontro   Quem sou eu?
1º encontro Quem sou eu?
 
Apostila palestra para casais
Apostila   palestra para casaisApostila   palestra para casais
Apostila palestra para casais
 
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
Evangelismo   conteúdo, método e motivação.Evangelismo   conteúdo, método e motivação.
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
 
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICOAPOSTILA DISCIPULADO BASICO
APOSTILA DISCIPULADO BASICO
 
INTIMIDADE COM DEUS
INTIMIDADE COM DEUSINTIMIDADE COM DEUS
INTIMIDADE COM DEUS
 
Escola Bíblica de Férias_O amor de Deus
Escola Bíblica de Férias_O amor de DeusEscola Bíblica de Férias_O amor de Deus
Escola Bíblica de Férias_O amor de Deus
 
Simpósio de EBD
Simpósio de EBDSimpósio de EBD
Simpósio de EBD
 
Encontros de catequese
Encontros de catequeseEncontros de catequese
Encontros de catequese
 
Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018
Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018
Projeto Interno do Ministério de Louvor e Adoração – 2018
 

Destaque

Como elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantilComo elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantil
Márcio Melânia
 
SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus
SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus
SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus
Lé Souza
 
Educação bíblica Infantil
Educação bíblica  InfantilEducação bíblica  Infantil
Educação bíblica Infantil
Graça Silva
 
SLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMOR
SLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMORSLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMOR
SLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMOR
Lé Souza
 
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestreApostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Sergio Silva
 
Material crianças ebd professor
Material crianças ebd   professorMaterial crianças ebd   professor
Material crianças ebd professor
Sergio Silva
 
Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)
Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)
Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)
Sergio Silva
 
Capacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva Ribeiro
Capacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva RibeiroCapacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva Ribeiro
Capacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva Ribeiro
rosana ribeiro
 
Culto ki ds. slides
Culto ki ds. slidesCulto ki ds. slides
Culto ki ds. slides
Marly Brito
 
Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...
Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...
Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...
rosana ribeiro
 
EBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábio
EBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábioEBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábio
EBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábio
Sergio Silva
 
EBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professor
EBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professorEBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professor
EBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professor
Sergio Silva
 
Organização culto infantil evangelicos
Organização culto infantil   evangelicosOrganização culto infantil   evangelicos
Organização culto infantil evangelicos
Kidsparajesus Pra Silvana Rocha
 
O uso do lapbook no ministério infantil
O uso do lapbook no ministério infantilO uso do lapbook no ministério infantil
O uso do lapbook no ministério infantil
SOSEDUCADOR
 
A história do amor de deus
A história do amor de deusA história do amor de deus
A história do amor de deus
Marcia Willemann
 
Revista ebf 2016
Revista ebf 2016Revista ebf 2016
Revista ebf 2016
Diego Quintanilha
 
Ebf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretor
Ebf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretorEbf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretor
Ebf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretor
Valquiria Borges
 
Ebf heroi
Ebf heroiEbf heroi
Ebf heroi
carinetiahelp
 
Ebf 2012 completo
Ebf 2012   completoEbf 2012   completo
Ebf 2012 completo
carinetiahelp
 
Pregação criança vivendo em santidade
Pregação   criança vivendo em santidadePregação   criança vivendo em santidade
Pregação criança vivendo em santidade
psico25182321
 

Destaque (20)

Como elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantilComo elaborar um culto infantil
Como elaborar um culto infantil
 
SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus
SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus
SLIDES PARA CULTO INFANTIL / TEMA:Filhos de Deus
 
Educação bíblica Infantil
Educação bíblica  InfantilEducação bíblica  Infantil
Educação bíblica Infantil
 
SLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMOR
SLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMORSLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMOR
SLIDE PARA CULTINHO /TEMA :AMOR
 
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestreApostila   ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
Apostila ebd - classe kids - professor - cresça com deus - 2º quadrimestre
 
Material crianças ebd professor
Material crianças ebd   professorMaterial crianças ebd   professor
Material crianças ebd professor
 
Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)
Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)
Apostila Bimestral Kids (julho e agosto)
 
Capacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva Ribeiro
Capacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva RibeiroCapacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva Ribeiro
Capacitação de professores para o Ministério Infantil - Rosana Silva Ribeiro
 
Culto ki ds. slides
Culto ki ds. slidesCulto ki ds. slides
Culto ki ds. slides
 
Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...
Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...
Capacitação para professores do maternal no Ministério Infantil - Rosana Silv...
 
EBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábio
EBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábioEBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábio
EBD 4º Trimestre 2011 - Classe kids - Segredos para ser sábio
 
EBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professor
EBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professorEBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professor
EBD KIDS - 3º TRIMESTRE 2011 - Super Heróis da Fé - professor
 
Organização culto infantil evangelicos
Organização culto infantil   evangelicosOrganização culto infantil   evangelicos
Organização culto infantil evangelicos
 
O uso do lapbook no ministério infantil
O uso do lapbook no ministério infantilO uso do lapbook no ministério infantil
O uso do lapbook no ministério infantil
 
A história do amor de deus
A história do amor de deusA história do amor de deus
A história do amor de deus
 
Revista ebf 2016
Revista ebf 2016Revista ebf 2016
Revista ebf 2016
 
Ebf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretor
Ebf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretorEbf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretor
Ebf 2013 em jesus sou mais que vencedor -livro do diretor
 
Ebf heroi
Ebf heroiEbf heroi
Ebf heroi
 
Ebf 2012 completo
Ebf 2012   completoEbf 2012   completo
Ebf 2012 completo
 
Pregação criança vivendo em santidade
Pregação   criança vivendo em santidadePregação   criança vivendo em santidade
Pregação criança vivendo em santidade
 

Semelhante a Culto infantil 2012

CURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdf
CURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdfCURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdf
CURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdf
CristynaAnderson
 
Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10
Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10
Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10
Natalino das Neves Neves
 
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
Natalino das Neves Neves
 
Projetos para crianças
Projetos para criançasProjetos para crianças
Projetos para crianças
Nadiana Martins
 
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritualQuais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Eduardo Sousa Gomes
 
Estudo sobre ebd
Estudo sobre ebdEstudo sobre ebd
Estudo sobre ebd
Otília Leite
 
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil
Jonas Fernandes
 
Cartilha sobre o mc ajustes finais
Cartilha sobre o mc ajustes finaisCartilha sobre o mc ajustes finais
Cartilha sobre o mc ajustes finais
Carlos Junior
 
Como organizar uma escola bíblica de férias
Como organizar uma escola bíblica de fériasComo organizar uma escola bíblica de férias
Como organizar uma escola bíblica de férias
PASTORLN
 
Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015
Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015
Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015
Silas Roberto Nogueira
 
410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf
410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf
410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf
Wilma393057
 
Educação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos paisEducação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos pais
Vivaldo Linhares
 
Lição 8
Lição 8Lição 8
Lição 8
Ailton da Silva
 
Treinamento missionários de ala
Treinamento missionários de alaTreinamento missionários de ala
Treinamento missionários de ala
Pedro Caldas
 
Lição 8
Lição 8Lição 8
Lição 8
Silas Rodrigues
 
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Flavio Chaves
 
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Alice Lourenço
 
Auladaebd 090915135914-phpapp02
Auladaebd 090915135914-phpapp02Auladaebd 090915135914-phpapp02
Auladaebd 090915135914-phpapp02
Fernando Neves
 
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp01
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp017117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp01
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp01
Flavio Chaves
 
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Quenia Damata
 

Semelhante a Culto infantil 2012 (20)

CURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdf
CURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdfCURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdf
CURSO TÓPICOS TIA GÊ KIDSs.pdf
 
Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10
Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10
Pais discipuladores, filhos felizes jz 2.10
 
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
2013 - 2 tri - lição 8 - educação cristã, responsabilidade dos pais
 
Projetos para crianças
Projetos para criançasProjetos para crianças
Projetos para crianças
 
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritualQuais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
 
Estudo sobre ebd
Estudo sobre ebdEstudo sobre ebd
Estudo sobre ebd
 
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil
 
Cartilha sobre o mc ajustes finais
Cartilha sobre o mc ajustes finaisCartilha sobre o mc ajustes finais
Cartilha sobre o mc ajustes finais
 
Como organizar uma escola bíblica de férias
Como organizar uma escola bíblica de fériasComo organizar uma escola bíblica de férias
Como organizar uma escola bíblica de férias
 
Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015
Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015
Boletim cbg ano iii n° 23_7 de junho_2015
 
410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf
410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf
410192449-Apostila-de-Capelao-Clube-de-Desbravadores-Safari-pdf.pdf
 
Educação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos paisEducação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos pais
 
Lição 8
Lição 8Lição 8
Lição 8
 
Treinamento missionários de ala
Treinamento missionários de alaTreinamento missionários de ala
Treinamento missionários de ala
 
Lição 8
Lição 8Lição 8
Lição 8
 
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
 
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
Ebf2012 completo-130528071724-phpapp02
 
Auladaebd 090915135914-phpapp02
Auladaebd 090915135914-phpapp02Auladaebd 090915135914-phpapp02
Auladaebd 090915135914-phpapp02
 
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp01
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp017117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp01
7117434 guia-basico-de-evangelismo-infantil-111101212752-phpapp01
 
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
 

Culto infantil 2012

  • 1. CULTO INFANTIL NOVA GERAÇÃO MINISTÉRIO DA FAMILIA 2012
  • 2.
  • 3. CULTO INFANTIL “Deus é Espírito e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade.” João 4.24 • INTRODUÇÃO: • Os olhos do Pai procuram a verdadeiros adoradores, pessoas que o adorem em espírito e em verdade. A Bíblia nos mostra que o Pai encontrou a verdadeira adoração em personagens, a saber: • · Abel ( Gn.4.4) – Embora a Bíblia não relate qual era a idade de Abel no dia em que ele ofereceu ao Senhor a oferta das primícias, eu penso que Abel foi ensinado desde pequeno a ofertar ao Senhor.
  • 4. CULTO INFANTIL • · Samuel (I Samuel c.3) – Samuel serviu ao Senhor desde menino. A Bíblia diz que o seu ministério prosperou muito. Creio que por esse motivo, Deus viu em Samuel a verdadeira adoração e o visitou em sonhos. • · Davi (I Samuel 16) – O menino Davi, pastor de ovelha, guerreiro valente e rei de Israel, moveu o coração de Deus com a sua adoração, e foi chamado pelo próprio Deus de um homem segundo o coração de Deus. • · Louvor dos pequeninos – Creio que os olhos do Senhor se encheram de alegria ao ouvir o louvor das criancinha em Mateus: 21-16 • Até os nossos dias O Senhor continua a procurar os verdadeiros adoradores, poderá Deus encontrá-los nos cultos infantis de nossas igrejas.
  • 5. CULTO INFANTIL • 1) DEFINIÇÃO: • CULTO – Adoração ou homenagem à divindade em qualquer de suas formas e em qualquer religião. Modo de exteriorizar o culto, ritual, veneração. (Dicionário Aurélio) • CULTO – É a forma com que os adoradores do Senhor Jesus demonstram que o amam de todo o seu coração. É também a adoração manifestada no espírito, alma e corpo de todos os que envolvidos na adoração a Deus. No culto reconhecemos a santidade, a bondade e o amor de Deus e reverentemente dizemos isso a Deus. • CULTO INFANTIL – É um culto organizado conforme as necessidades de cada criança e sua capacidade de compreensão, e que a levará a prestar a Deus de maneira inteligente a verdadeira adoração.
  • 6. CULTO INFANTIL • 2) OBJETIVO: • • O Objetivo do culto infantil é levar as crianças a se tornarem verdadeiros adoradores, que se envolvem nos braços do Pai. • É tributar ao Senhor glória devida ao seu nome e a sua santidade, conforme as palavras do Salmista – Sl. 29-2
  • 7. CULTO INFANTIL • 3) ENSINANDO AS CRIANÇAS A CULTUAREM: • Ensinamos as crianças a cultuarem porque é um projeto de Deus. Projeto é algo pensado para ser permanente. Cultuaremos a Deus para sempre no céu.
  • 8. CULTO INFANTIL • 4) ELEMENTOS QUE NÃO PODEM FALTAR NO CULTO INFANTIL: • Oração – a criança fala com Deus • Louvor – a criança expressa a adoração, o louvor, a gratidão e o amor ao criador. • Leitura da Bíblia – é o manual da criança. Acostumo a fazer a entrada formal da Bíblia, com uma música instrumental solene. Isto ajuda a criança perceber(visualizar) sua importância . • Oferta – a criança que cultua a Deus com suas primícias enquanto criança não terá dificuldade de cultuar em sua vida adulta. • Pregação da Palavra – as crianças recebem o alimento espiritual • Apresentações Especiais – a criança ministra ao Senhor com dons e talentos (serviço)
  • 9. CULTO INFANTIL • OBSERVAÇÕES: • O CULTO INFANTIL DEVE SER ADAPTADO DE ACORDO COM O CONTEXTO DA SUA IGREJA. • A Santa Ceia pode ser inserida e servida pelas crianças, embora elas não comam nem bebam dela. • A pregação é uma mensagem na linguagem infantil ministrada por um adulto capacitado para tal.
  • 10. CULTO INFANTIL • 5) ORGANIZAÇÃO DO CULTO: • a. Planejamento; • b. Local adequado; • c. Equipamentos e móveis apropriados; • d. Duração máxima de até 01h30min; • e. Músicos / Equipamento de som para o louvor
  • 11. CULTO INFANTIL a) Planejamento: • Escolha do tema: fazer uma relação de tudo com o ponto espiritual. Quanto mais claro e simples, mais didático será. • Programar com antecipação o material de decoração,como auxilio para criar o ambiente apropriado. Tomar cuidado par não sobrecarregar de estímulos. • Consideramos cada grupo(faixa etária, por exemplo de 4 à 6) um rebanho que caminha junto, por isso chamamos os rebanhos para participarem em grupo, evitando destacar individualidades. Evitamos edificar egos, orgulhos,vaidades, etc. Os desafios de fazerem algo sozinhos só é indicado após os 11/12 anos, dependendo da maturidade espiritual da criança. Pastoreio é fundamental.
  • 12. CULTO INFANTIL • O início e o fim do culto devem ficar muito claro para as crianças. Cuidado com o convívio após o culto: o ideal é que as famílias saiam assim que o culto é encerrado, conduzindo as crianças pelas mãos, deixando bem claro que aquele espaço é um local de adoração. Criança não sabe ainda diferenciar, ela está aprendendo, por isso não é adequado que lhe seja permitido ficar correndo encima do palco, entre os instrumentos, após um evento tão importante. • Os adultos precisam significar esse momento com boa postura e dando bom exemplo. Eles precisam ser alertados do importante papel que cumprem perante os pequenos. Lembrando que a criança imita as atitudes e o coração da sua comunidade e não somente dos pais.
  • 13. CULTO INFANTIL • Devemos lembrar que a criança, diferente do adulto tem um tempo menor de atenção, por isso deve-se ter muito cuidado com a programação do culto infantil, para que o mesmo não seja muito extenso e venha se tornar cansativo para a criança. É importante lembrar que estamos num culto com muita gente. Não apenas crianças, mas adultos também. O culto Infantil não é uma aula que se dá na Escola bíblica, onde há maior informalidade e descontração. O culto infantil é o meio-termo entre a atividade regular das crianças e a seriedade comum aos adultos. A ordem de culto e os momentos que o compõem são referentes àquilo que os adultos praticam; as músicas, a mensagem, sua linguagem e a duração desse momento de louvor é o que é comum às crianças.
  • 14. CULTO INFANTIL • 6) O QUE CULTO INFANTIL NÃO PODE SER ? • UM CULTINHO - as crianças não estão cultuando a um deusinho. Elas cultuam ao Deus vivo que as vê como verdadeiras adoradoras • UMA SALINHA – salinha é um lugar onde as crianças recebem papel para rabiscar e passar tempo. No culto infantil as crianças recebem a Palavra que as fará crianças fortes que escreveram grandes histórias no Evangelho de Cristo. • UMA ESCOLHINHA – na escolinha a crianças recebe ensinamentos que terminaram quando elas morrerem. O culto infantil levará as crianças a um ensinamento que as conduzirá para a Vida Eterna • UMA CRECHE – creche é um lugar onde crianças são cuidadas por babás que amamentam fisicamente. No culto infantil elas recebem o alimento espiritual. • UM LUGAR DE HENDONISMO - lugar de entretenimento infantil, onde adultos trabalham como ANIMADOR GOSPEL e não tem compromisso com a Palavra de Deus. • O apóstolo Paulo escreveu em I Coríntios 21.5 qual a verdadeira característica do obreiro que quer ser usado por Deus. Quem ministra no culto infantil deve ter: sensibilidade, prudência e humildade.
  • 15. CULTO INFANTIL • 7) ENVOLVA OS PAIS NO CULTO INFANTIL • Prepare atividades que as crianças possam realizar em família. • Motive pais a realizarem culto no lar. • Planeje uma atividade de oração em família. • Faça reunião com os pais com dinâmicas e distribuição das atividades do ministério infantil. • Prepare palestras com almoço, café da manhã, gincana. • Convide os pais para prepararem um louvor com os filhos.
  • 16. CULTO INFANTIL • CONCLUSÃO: • Que hoje o Senhor Jesus possa me ver com os olhos do Pai, como Verdadeiro Adorador que conduzirá crianças a verdadeira adoração.