SlideShare uma empresa Scribd logo
Because IT matters
           Modelo Brasileiro de competitividade em TI,
Visão de trajetória da CS com ênfase em métodos ágeis
Posicionamento



      Somos uma Consultoria de TI global, e queremos ser a melhor
      empresa de SW do Brasil em Lean IT que consideramos ser o
      estado da arte da Tecnologia de Informação e consiste em:


         Desenvolver Soluções Web, Mobile & Social

         Integrar com o mundo externo utilizando Middleware

         Usar metodologias ágeis e boa engenharia de SW

         Entregar as soluções em Cloud Computing



                                                                       Concrete Solutions 2011
                                    1                               Todos os direitos reservados
Diferenciais

Foco
   Uma das principais empresas de Middleware no Brasil
   10 anos de atuação focada em Portais/B2C, EAI/SOA, WF/BPM , 6 anos de mobilidade e 2 de Cloud Computing e Social
   Networking.
   100% dos projetos dos últimos dois anos fiscais em produção
   Cerca de 800.000 horas de desenvolvimento metrificadas

Método
   Uma das pioneiras em uso corporativo de métodos ágeis (SCRUM)
   Diretoria focada em Melhoria Continuada das práticas de Engenharia de SW
   Professional SCRUM Developer Trainer (JAVA), primeira turma de instrutores do Mundo da Scrum.org
   20% do Faturamento em exportação de software (2010)

Pessoas
   Gestores e time de produção com formação acadêmica nas melhores universidades americanas e européias, Columbia,
   London Business School ,Harvard e em centros nacionais de excelência como PUC-RJ, IME, UFRJ, IBMEC e FGV
   Cultura corporativa forte, Meritocracia do Conhecimento implantada com bonificação dos melhores e mobilidade
   societária.


                                                                                                         Concrete Solutions 2011
                                                          2                                           Todos os direitos reservados
Oferta & Alianças


 Consultoria                  Soluções                           Parceiros Estratégicos
 Lean Startups                Portais & E2.0
 SCRUM                           Redes Sociais
 Infraestrutura & Operações      Varejo multi canal
   Cloud Computing               Auto Serviço
   Suporte e Monitoramento       E 2.0/ECM/WCM
   Operação e Gestão de
                              Mobilidade Empresarial
   Servidores e Aplicações
                                 M-Social Networking
                                 M-commerce
                                 M-Self-Service                  Parceiros
                                 M-Content
                                 Apps nativos
                                 (iPhone, Blackberry, Android)
                              Gestão de Processos de Negócio
                              (BPM)
                              Arquitetura Orientada a Serviços
                              (SOA)




                                                                                       Concrete Solutions 2011
                                                       3                            Todos os direitos reservados
Alguns Clientes

 Serviços Financeiros




  Telecom




  Varejo




                               Concrete Solutions 2011
                        4   Todos os direitos reservados
Alguns Clientes

 Hightech              Mídia




  Coss Indústria




  Indústria




                                  Concrete Solutions 2011
                   5           Todos os direitos reservados
Modelo Brasileiro de competitividade em TI,
Visão de trajetória da Concrete Solutions com
                     ênfase em métodos ágeis
Trajetória da Concrete - Amostra analisada
Percentual Cumulativo x HH por projeto

    100,0%



     90,0%



     80,0%
                                                         19.890 ; 77,1%
                                       15.068 ; 73,4%
     70,0%



     60,0%



     50,0%



     40,0%



     30,0%



     20,0%



     10,0%



      0,0%
             -   5.000   10.000   15.000            20.000            25.000   30.000   35.000               40.000




                                                                                                    Concrete Solutions 2011
                                                7                                                Todos os direitos reservados
Desafios do mercado de desenvolvimento de SW
Visão atual

                    Câmbio         Relação     Infra            Compras
      Impostos       Sobre         cliente     Local         Governamentais
      Sobre M.O    Valorizado    fornecedor    Cara        & sobreaquecimento




                                                                                   Desperdício
                                                                                    Insucesso
                                                                                Desindustrialização




      Cultura de    Oferta de         Inglês       Juros        Metodologias
       Projetos       M.O.                                      inadequadas
      fechados     Qualificada




                                                                                      Concrete Solutions 2011
                                               8                                   Todos os direitos reservados
Modelo Buscado no contexto brasileiro
  Modelo Buscado

                                Aquisições      Culturas                Uso Racional
  Métodos     Aquisição        De empresas    corporativas             de Open Source
   ágeis      de SW Ágil        no Exterior      Fortes                & PI licenciada




                                                                                                Modelo
                                                                                               Brasileiro
                                                                                           de competitividade
                                                                                                 Em TI




Uso Maduro
 de Clouds
             Desenvolvimento    Desoneração       Incentivo       Boas Práticas
  Públicos
               Distribuído       Tributária      Ao ciclo de      De Engenharia
                 inshore                           vida de            de SW
                                                     VC        “Silicon Valley way”




                                                                                            Concrete Solutions 2011
                                                  9                                      Todos os direitos reservados
Modelo Buscado no contexto brasileiro (1/5)
  Modelo Buscado

                                Aquisições      Culturas                Uso Racional
  Métodos     Aquisição        De empresas    corporativas             de Open Source
   ágeis      de SW Ágil        no Exterior      Fortes                & PI licenciada




                                                                                                Modelo
                                                                                               Brasileiro
                                                                                           de competitividade
                                                                                                 Em TI




Uso Maduro
 de Clouds
             Desenvolvimento    Desoneração       Incentivo       Boas Práticas
  Públicos
               Distribuído       Tributária      Ao ciclo de      De Engenharia
                 inshore                           vida de            de SW
                                                     VC        “Silicon Valley way”




                                                                                            Concrete Solutions 2011
                                                 10                                      Todos os direitos reservados
Adoção de Scrum (%) de Faturamento 2010/Trimestre
% de projetos fechados limitados a partir de Q4 a 30% do faturamento
            Relação Entre projetos SCRUM e fechados na Concrete FY2010 por quartil
     100%



     90%



     80%



     70%



     60%
                                                                                     Outsourcing
                                                                                     SCRUM
     50%
                                                                                     M&S&O
                                                                                     Licença
     40%
                                                                                     Fechado


     30%



     20%



     10%



      0%
              Q1                 Q2                  Q3                 Q4


                                                                                              Concrete Solutions 2011
                                                11                                         Todos os direitos reservados
Adoção de Scrum (%) de Faturamento 2011/Trimestre
Eliminação da venda de projetos fechados (não produtificados na empresa)
      100%



      90%



      80%



      70%



      60%
                                                                  Outsourcing
                                                                  SCRUM
      50%
                                                                  M&S&O
                                                                  Licença
      40%                                                         Fechado



      30%



      20%



      10%



       0%
               Q1            Q2            Q3           Q4



                                                                     Concrete Solutions 2011
                                     12                           Todos os direitos reservados
Adoção de Scrum % de Faturamento 2011/Contratos fechados
(69% da meta)

                                  Fechado         Licença
                    Kanban          12%             5%
                     21%




                                            Outsourcing
                                               27%


                   SCRUM
                    35%




                                                               Concrete Solutions 2011
                             13                             Todos os direitos reservados
O processo unificado (RUP) teve grande importância

•   O processo Unificado teve importante Papel no entendimento das disciplinas fundamentais.
    SCRUM e Kanban são frameworks e suas prescrições são as mínimas possíveis.

•   RUP é muito didático em fornecer pontos de checagem claros e melhor entendimento dos ciclos
    de vida dos projetos.

•   O Problema é indução ao BDUF e não explicitar o caráter empírico. O feedback é a chave, mas
    quase ninguém entendeu isso.

•   A culpa não é do RUP é da Cultura da Indústria de que fazer software pode ser prescritivo.
    Mudar Cultura é difícil.

•   Fazer software não é uma atividade linear, exige CRIATIVIDADE!

•   Gerência de Projeto que trata Atividades Criativas com alto grau de Incerteza da mesma forma
    que atividades manuais e repetitivas ainda é muito DANOSO para a Indústria. Gera conflito,
    overhead e leva a longas e penosas “Marchas para a Morte”

•   Repetição do mesmo time, mesmo domínio, mesma tecnologia e o mesmo Statement of Work
    geram previsibilidade. Caso contrário estamos vendendo uma previsibilidade que não existe.



                                                                                        Concrete Solutions 2011
                                                14                                   Todos os direitos reservados
Aquisição de SW Agil
Desafio da cultura


•   Existe um problema cultural de falta de confiança

•   A necessidade de governança ficou mais importante que o próprio software.

•   Grandes empresas levam mais tempo para elaborar uma RFP do que um projeto
    ágil leva para entregar o software em produção.

•   A estratégia de compras de escopo fechado reduz a inovação em SW em grandes
    empresas. Eventualmente quando o SW vai para produção o negócio já mudou e
    não há mais vantagem competitiva.

•   Possibilidades contratuais
    •Venda de um bloco inicial de Sprints que depois do mês X (~2 meses) o projeto deve ser renovado mensalmente
    •Lucro no final
    •Venda de um bloco inicial de Sprints que depois do mês X (~2 meses), com a Redução do Cone de Incerteza até que se
    tenham métricas e muda-se a estrutura do contrato




                                                                                                            Concrete Solutions 2011
                                                           15                                            Todos os direitos reservados
Modelo Buscado no cotexto brasileiro (2/5)
  Modelo Buscado

                                Aquisições      Culturas                Uso Racional
  Métodos     Aquisição        De empresas    corporativas             de Open Source
   ágeis      de SW Ágil        no Exterior      Fortes                & PI licenciada




                                                                                                Modelo
                                                                                               Brasileiro
                                                                                           de competitividade
                                                                                                 Em TI




Uso Maduro
 de Clouds
             Desenvolvimento    Desoneração       Incentivo       Boas Práticas
  Públicos
               Distribuído       Tributária      Ao ciclo de      De Engenharia
                 inshore                           vida de            de SW
                                                     VC        “Silicon Valley way”




                                                                                            Concrete Solutions 2011
                                                 16                                      Todos os direitos reservados
Uso Racional de Open Source & PI fechada, Práticas de
Engenharia, desenvolvimento distribuído

Usar LAMP, NOSQL, Oracle/IBM/Redhat quando fizer sentido

Linguagens de domínio adequadas para soluções Web, Mobile & Social

Ferramentas de

   Gestão de Mudança, Configuração e deployment distribuídas (Mercurial/BitBucket, Jira
   (Greenhopper), Hudson, Trac, Automated Test, Build & Deploy

   Servidores de QA e PROD virtuais e distribuídos

Usar soluões NoSQL como Appengine e SimpleDB (Google/Amazon) e tirar o máximo do cloud

Desenvolvimento distribuído inshore

   Começamos com a primeira célula em BH

         Desafios de governança são endereçados com alinhamento de interesses e transparência
   dentro dos Times e não com controles.



                                                                                   Concrete Solutions 2011
                                               17                               Todos os direitos reservados
Modelo Buscado no cotexto brasileiro (3/5)
  Modelo Buscado

                                Aquisições      Culturas                Uso Racional
  Métodos     Aquisição        De empresas    corporativas             de Open Source
   ágeis      de SW Ágil        no Exterior      Fortes                & PI licenciada




                                                                                                Modelo
                                                                                               Brasileiro
                                                                                           de competitividade
                                                                                                 Em TI




Uso Maduro
 de Clouds
             Desenvolvimento    Desoneração       Incentivo       Boas Práticas
  Públicos
               Distribuído       Tributária      Ao ciclo de      De Engenharia
                 inshore                           vida de            de SW
                                                     VC        “Silicon Valley way”




                                                                                            Concrete Solutions 2011
                                                 18                                      Todos os direitos reservados
Já temos uma parte relevante dos projetos em clouds fora do Brasil
Agregamos ao poder computacional “comodity”, a Consultoria, Arquitetura,
  Monitoramento, Manutenção, Operação e Suportes de alta qualidade e locais.
  Mantendo os clientes missão crítica e as startups de alta tecnologia no Brasil.



                                                       Cloud
                                                        23%




                             Datacenter cliente
                                   77%




                                                                        Concrete Solutions 2011
                                                  19                 Todos os direitos reservados
Modelo Buscado no cotexto brasileiro (4/5)
  Questões Macro Economicas

                                Aquisições      Culturas                Uso Racional
  Métodos     Aquisição        De empresas    corporativas             de Open Source
   ágeis      de SW Ágil        no Exterior      Fortes                & PI licenciada




                                                                                                Modelo
                                                                                               Brasileiro
                                                                                           de competitividade
                                                                                                 Em TI




Uso Maduro
 de Clouds
             Desenvolvimento    Desoneração       Incentivo       Boas Práticas
  Públicos
               Distribuído       Tributária      Ao ciclo de      De Engenharia
                 inshore                           vida de            de SW
                                                     VC        “Silicon Valley way”




                                                                                            Concrete Solutions 2011
                                                 20                                      Todos os direitos reservados
Questões Macroeconômicas
Como impedir a desindustrialização e a morte da inovação em IT no Brasil
A nossa média de exportação era 25 a 30% do faturamento

   mas este ano vamos exportar apenas 10%.

Com o dólar a 1,6R$ nós somos menos competitivos para a marioria dos cenários de serviço salvo
   nicho de grande valor agregado (vide cloud).

Um profissional senior em SP custa o mesmo que um profissional que mora em Manhatan.

Sem mudanças a desindustrialização que afetava a indústria de sapatos afetará a industria de IT.

O quê é necessário:

   Incentivo à educação

   Desonerar impostos

   Importar insumos de baixo valor agregado e processá-los no Brasil (Cloud)

   Exportação de Capital (Compra de Ativos no Interior)




                                                                                       Concrete Solutions 2011
                                               21                                   Todos os direitos reservados
Modelo Buscado no cotexto brasileiro (5/5)
  Finalmente, o capitalismo tem a cara de quem o financia

                                Aquisições      Culturas                Uso Racional
  Métodos     Aquisição        De empresas    corporativas             de Open Source
   ágeis      de SW Ágil        no Exterior      Fortes                & PI licenciada




                                                                                                Modelo
                                                                                               Brasileiro
                                                                                           de competitividade
                                                                                                 Em TI




Uso Maduro
 de Clouds
             Desenvolvimento    Desoneração       Incentivo       Boas Práticas
  Públicos
               Distribuído       Tributária      Ao ciclo de      De Engenharia
                 inshore                           vida de            de SW
                                                     VC        “Silicon Valley way”




                                                                                            Concrete Solutions 2011
                                                 22                                      Todos os direitos reservados
A inovação vem das startups de alta tecnologia
O mundo foi mudando pelo facebook e pelo tweeter, como isso tem que alimentar
  o desenvolvimento de SW em outros setores da economia.

Alinhamento total de interesses, adoção de métodos ágeis, premência causada pelo
   ciclo de financiamento e o natural senso de propósito.

Uso extensivo e integrado de WEB, Mobile e Social Media

A REGRA É CLOUD, já estamos na era de arquiteturas de nuvem “designed for
   failure” tolerantes a falha e no Brasil ainda a adoção é baixa.

Os projetos vão para produção em 3 a 4 meses e não em anos

O desperdício é visto imediatamente e combatido pelo que representa

O processo de compra normalmente é rápido e baseado num julgamento se as
   competências vão materializar e habilitar aquela visão

Finalmente, nosso ciclo de VC é limitado e lento (pela falta de opções de saída e
   competição com outras classes de ativo) ,

Desta forma as inovações entram no Brasil corporativo muito menos do que
   poderialm como deveriam e caso nada radical aconteça
                                                                               Concrete Solutions 2011
                                           23                               Todos os direitos reservados
www.concretesolutions.com.br

                      Rio de Janeiro       São Paulo
           Rua São José, 90 - Sala: 2121   Rua Flórida, 1670 - bl.2 - Sala: 51
Centro - Rio de Janeiro - CEP: 20010-020   Brooklin - São Paulo - CEP: 04565-001
                  Tel.: +55 21 2240-2030   Tel.: +55 11 4119-0449

Mais conteúdo relacionado

Destaque

RWS Apprenticeship Completion Certification
RWS Apprenticeship Completion CertificationRWS Apprenticeship Completion Certification
RWS Apprenticeship Completion Certification
Rick Sommerfeld
 
Presentacion en ingles, teoria disursiva
Presentacion en ingles, teoria disursivaPresentacion en ingles, teoria disursiva
Presentacion en ingles, teoria disursiva
duvan mesa
 
NourishingHopeForKidsCertificate
NourishingHopeForKidsCertificateNourishingHopeForKidsCertificate
NourishingHopeForKidsCertificate
Tracy Bush
 
Cameron+Aaron+Recommendation+Letter
Cameron+Aaron+Recommendation+LetterCameron+Aaron+Recommendation+Letter
Cameron+Aaron+Recommendation+Letter
Cameron Aaron
 
Diplomacy strategies you can use for negotiations
Diplomacy strategies you can use for negotiationsDiplomacy strategies you can use for negotiations
Diplomacy strategies you can use for negotiations
Aquatix Pharma
 
Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...
Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...
Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...
Nalaka Gunawardene
 
Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...
Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...
Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...
Nalaka Gunawardene
 
Hydrogen is a renewable energy source
Hydrogen is a renewable energy sourceHydrogen is a renewable energy source
Hydrogen is a renewable energy source
Sanjay Sanju
 
LRPC Junio 2016
LRPC Junio 2016LRPC Junio 2016
LRPC Junio 2016
isidromj
 
Quintaliani lezione: la Insufficienza renale
Quintaliani lezione: la Insufficienza renaleQuintaliani lezione: la Insufficienza renale
Quintaliani lezione: la Insufficienza renale
Giuseppe Quintaliani
 
Lignin Depolymerization and Conversion
Lignin Depolymerization and ConversionLignin Depolymerization and Conversion
Lignin Depolymerization and Conversion
University of Wisconsin-Madison
 

Destaque (13)

RWS Apprenticeship Completion Certification
RWS Apprenticeship Completion CertificationRWS Apprenticeship Completion Certification
RWS Apprenticeship Completion Certification
 
Presentacion en ingles, teoria disursiva
Presentacion en ingles, teoria disursivaPresentacion en ingles, teoria disursiva
Presentacion en ingles, teoria disursiva
 
20160816_210908
20160816_21090820160816_210908
20160816_210908
 
NourishingHopeForKidsCertificate
NourishingHopeForKidsCertificateNourishingHopeForKidsCertificate
NourishingHopeForKidsCertificate
 
Cameron+Aaron+Recommendation+Letter
Cameron+Aaron+Recommendation+LetterCameron+Aaron+Recommendation+Letter
Cameron+Aaron+Recommendation+Letter
 
Presentation1
Presentation1Presentation1
Presentation1
 
Diplomacy strategies you can use for negotiations
Diplomacy strategies you can use for negotiationsDiplomacy strategies you can use for negotiations
Diplomacy strategies you can use for negotiations
 
Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...
Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...
Mass Kidney Failure and Mass Media Failure in Sri Lanka - by Nalaka Gunawarde...
 
Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...
Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...
Crying Wolf in the Global Village: Managing Disaster Early Warnings in the Ag...
 
Hydrogen is a renewable energy source
Hydrogen is a renewable energy sourceHydrogen is a renewable energy source
Hydrogen is a renewable energy source
 
LRPC Junio 2016
LRPC Junio 2016LRPC Junio 2016
LRPC Junio 2016
 
Quintaliani lezione: la Insufficienza renale
Quintaliani lezione: la Insufficienza renaleQuintaliani lezione: la Insufficienza renale
Quintaliani lezione: la Insufficienza renale
 
Lignin Depolymerization and Conversion
Lignin Depolymerization and ConversionLignin Depolymerization and Conversion
Lignin Depolymerization and Conversion
 

Semelhante a Adoção de Agile e Lean na Concrete Solutions

Governança de Mobilidade - BinarioMobile
Governança de Mobilidade - BinarioMobileGovernança de Mobilidade - BinarioMobile
Governança de Mobilidade - BinarioMobile
Grupo Binário
 
Axpe Consulting
Axpe ConsultingAxpe Consulting
Axpe Consulting
mgnicoletti
 
Palestra bpo jorge tena
Palestra bpo   jorge tenaPalestra bpo   jorge tena
Case - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PM
Case - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PMCase - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PM
Case - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PM
Lilian De Munno
 
Apresentação corporativa Aventia 2012 brasil
Apresentação corporativa Aventia 2012 brasilApresentação corporativa Aventia 2012 brasil
Apresentação corporativa Aventia 2012 brasil
Aventia
 
Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...
Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...
Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...
Edivandro Conforto
 
TIBCO Now 2010 (RJ e SP) - Case Localiza
TIBCO Now 2010 (RJ e SP)  - Case Localiza TIBCO Now 2010 (RJ e SP)  - Case Localiza
TIBCO Now 2010 (RJ e SP) - Case Localiza
Mateus Morato Fantini
 
SOA - Fatos e Mitos
SOA - Fatos e MitosSOA - Fatos e Mitos
SOA - Fatos e Mitos
Claudio Acquaviva
 
Idc pme 2010
Idc pme 2010Idc pme 2010
Idc pme 2010
Rosana Novo
 
CDI Lan BPLanHouses Rio de Janeiro
CDI Lan BPLanHouses Rio de JaneiroCDI Lan BPLanHouses Rio de Janeiro
CDI Lan BPLanHouses Rio de Janeiro
Bate Papo com Lan Houses
 
Convergência tecnológica
Convergência tecnológicaConvergência tecnológica
Convergência tecnológica
Jean Rodrigues
 
uCube - Inteligência Móvel - Parte 1
uCube - Inteligência Móvel - Parte 1uCube - Inteligência Móvel - Parte 1
uCube - Inteligência Móvel - Parte 1
eberenguer
 
TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...
TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...
TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...
tdc-globalcode
 
Avaliação de Desempenho
Avaliação de DesempenhoAvaliação de Desempenho
Avaliação de Desempenho
Direct Link Consultoria
 
Desenvolvimento de Fornecedores e Distribuidores
Desenvolvimento de Fornecedores e DistribuidoresDesenvolvimento de Fornecedores e Distribuidores
Desenvolvimento de Fornecedores e Distribuidores
glau2
 
Conectt Nossa História
Conectt   Nossa HistóriaConectt   Nossa História
Conectt Nossa História
Conectt
 
App.tizer
App.tizer App.tizer
App.tizer
Dino Filho
 
Ipt fev/2006
Ipt fev/2006Ipt fev/2006
Ipt fev/2006
kleber.torres
 
Ipt processo de inovação 02.06
Ipt processo de inovação 02.06Ipt processo de inovação 02.06
Ipt processo de inovação 02.06
kleber.torres
 
Entenda & Atenda: Um Oceano de Oportunidades
Entenda & Atenda: Um Oceano de OportunidadesEntenda & Atenda: Um Oceano de Oportunidades
Entenda & Atenda: Um Oceano de Oportunidades
Grupo Binário
 

Semelhante a Adoção de Agile e Lean na Concrete Solutions (20)

Governança de Mobilidade - BinarioMobile
Governança de Mobilidade - BinarioMobileGovernança de Mobilidade - BinarioMobile
Governança de Mobilidade - BinarioMobile
 
Axpe Consulting
Axpe ConsultingAxpe Consulting
Axpe Consulting
 
Palestra bpo jorge tena
Palestra bpo   jorge tenaPalestra bpo   jorge tena
Palestra bpo jorge tena
 
Case - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PM
Case - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PMCase - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PM
Case - Business Capability Office: Integrando AN + BPM + PM
 
Apresentação corporativa Aventia 2012 brasil
Apresentação corporativa Aventia 2012 brasilApresentação corporativa Aventia 2012 brasil
Apresentação corporativa Aventia 2012 brasil
 
Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...
Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...
Inovação Disruptiva na Gestão de Projetos de Inovação - rumo à agilidade e ba...
 
TIBCO Now 2010 (RJ e SP) - Case Localiza
TIBCO Now 2010 (RJ e SP)  - Case Localiza TIBCO Now 2010 (RJ e SP)  - Case Localiza
TIBCO Now 2010 (RJ e SP) - Case Localiza
 
SOA - Fatos e Mitos
SOA - Fatos e MitosSOA - Fatos e Mitos
SOA - Fatos e Mitos
 
Idc pme 2010
Idc pme 2010Idc pme 2010
Idc pme 2010
 
CDI Lan BPLanHouses Rio de Janeiro
CDI Lan BPLanHouses Rio de JaneiroCDI Lan BPLanHouses Rio de Janeiro
CDI Lan BPLanHouses Rio de Janeiro
 
Convergência tecnológica
Convergência tecnológicaConvergência tecnológica
Convergência tecnológica
 
uCube - Inteligência Móvel - Parte 1
uCube - Inteligência Móvel - Parte 1uCube - Inteligência Móvel - Parte 1
uCube - Inteligência Móvel - Parte 1
 
TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...
TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...
TDC2018SP | Trilha ChatBots - Atendimento chatbot por voz, sera o fim do dese...
 
Avaliação de Desempenho
Avaliação de DesempenhoAvaliação de Desempenho
Avaliação de Desempenho
 
Desenvolvimento de Fornecedores e Distribuidores
Desenvolvimento de Fornecedores e DistribuidoresDesenvolvimento de Fornecedores e Distribuidores
Desenvolvimento de Fornecedores e Distribuidores
 
Conectt Nossa História
Conectt   Nossa HistóriaConectt   Nossa História
Conectt Nossa História
 
App.tizer
App.tizer App.tizer
App.tizer
 
Ipt fev/2006
Ipt fev/2006Ipt fev/2006
Ipt fev/2006
 
Ipt processo de inovação 02.06
Ipt processo de inovação 02.06Ipt processo de inovação 02.06
Ipt processo de inovação 02.06
 
Entenda & Atenda: Um Oceano de Oportunidades
Entenda & Atenda: Um Oceano de OportunidadesEntenda & Atenda: Um Oceano de Oportunidades
Entenda & Atenda: Um Oceano de Oportunidades
 

Mais de fernandodelariva

A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013
A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013
A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013
fernandodelariva
 
Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...
Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...
Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...
fernandodelariva
 
Lean startup das trincheiras20120903
Lean startup das trincheiras20120903Lean startup das trincheiras20120903
Lean startup das trincheiras20120903
fernandodelariva
 
Qcon lean startup_das trincheiras20120805
Qcon lean startup_das trincheiras20120805Qcon lean startup_das trincheiras20120805
Qcon lean startup_das trincheiras20120805
fernandodelariva
 
Tdc startup antipatterns20120706
Tdc startup antipatterns20120706Tdc startup antipatterns20120706
Tdc startup antipatterns20120706
fernandodelariva
 
QCON2011_LeanStartup_delariva
QCON2011_LeanStartup_delarivaQCON2011_LeanStartup_delariva
QCON2011_LeanStartup_delariva
fernandodelariva
 
LeanStartUps_TDC2011
LeanStartUps_TDC2011LeanStartUps_TDC2011
LeanStartUps_TDC2011
fernandodelariva
 
Fórum de Mobile + Negócios
Fórum de Mobile + NegóciosFórum de Mobile + Negócios
Fórum de Mobile + Negócios
fernandodelariva
 
Forum de comunicacao unificada
Forum de comunicacao unificadaForum de comunicacao unificada
Forum de comunicacao unificada
fernandodelariva
 

Mais de fernandodelariva (9)

A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013
A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013
A Aceleradora Corporativa, Lean innovation, Agile Trends SP, 2013
 
Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...
Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...
Lean innovation, implantando Lean Startup em corporação, a aceleradora corpor...
 
Lean startup das trincheiras20120903
Lean startup das trincheiras20120903Lean startup das trincheiras20120903
Lean startup das trincheiras20120903
 
Qcon lean startup_das trincheiras20120805
Qcon lean startup_das trincheiras20120805Qcon lean startup_das trincheiras20120805
Qcon lean startup_das trincheiras20120805
 
Tdc startup antipatterns20120706
Tdc startup antipatterns20120706Tdc startup antipatterns20120706
Tdc startup antipatterns20120706
 
QCON2011_LeanStartup_delariva
QCON2011_LeanStartup_delarivaQCON2011_LeanStartup_delariva
QCON2011_LeanStartup_delariva
 
LeanStartUps_TDC2011
LeanStartUps_TDC2011LeanStartUps_TDC2011
LeanStartUps_TDC2011
 
Fórum de Mobile + Negócios
Fórum de Mobile + NegóciosFórum de Mobile + Negócios
Fórum de Mobile + Negócios
 
Forum de comunicacao unificada
Forum de comunicacao unificadaForum de comunicacao unificada
Forum de comunicacao unificada
 

Último

RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
AlfeuBuriti1
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Renan Batista Bitcoin
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Dantas
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
InsttLcioEvangelista
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 

Último (7)

RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 

Adoção de Agile e Lean na Concrete Solutions

  • 1. Because IT matters Modelo Brasileiro de competitividade em TI, Visão de trajetória da CS com ênfase em métodos ágeis
  • 2. Posicionamento Somos uma Consultoria de TI global, e queremos ser a melhor empresa de SW do Brasil em Lean IT que consideramos ser o estado da arte da Tecnologia de Informação e consiste em: Desenvolver Soluções Web, Mobile & Social Integrar com o mundo externo utilizando Middleware Usar metodologias ágeis e boa engenharia de SW Entregar as soluções em Cloud Computing Concrete Solutions 2011 1 Todos os direitos reservados
  • 3. Diferenciais Foco Uma das principais empresas de Middleware no Brasil 10 anos de atuação focada em Portais/B2C, EAI/SOA, WF/BPM , 6 anos de mobilidade e 2 de Cloud Computing e Social Networking. 100% dos projetos dos últimos dois anos fiscais em produção Cerca de 800.000 horas de desenvolvimento metrificadas Método Uma das pioneiras em uso corporativo de métodos ágeis (SCRUM) Diretoria focada em Melhoria Continuada das práticas de Engenharia de SW Professional SCRUM Developer Trainer (JAVA), primeira turma de instrutores do Mundo da Scrum.org 20% do Faturamento em exportação de software (2010) Pessoas Gestores e time de produção com formação acadêmica nas melhores universidades americanas e européias, Columbia, London Business School ,Harvard e em centros nacionais de excelência como PUC-RJ, IME, UFRJ, IBMEC e FGV Cultura corporativa forte, Meritocracia do Conhecimento implantada com bonificação dos melhores e mobilidade societária. Concrete Solutions 2011 2 Todos os direitos reservados
  • 4. Oferta & Alianças Consultoria Soluções Parceiros Estratégicos Lean Startups Portais & E2.0 SCRUM Redes Sociais Infraestrutura & Operações Varejo multi canal Cloud Computing Auto Serviço Suporte e Monitoramento E 2.0/ECM/WCM Operação e Gestão de Mobilidade Empresarial Servidores e Aplicações M-Social Networking M-commerce M-Self-Service Parceiros M-Content Apps nativos (iPhone, Blackberry, Android) Gestão de Processos de Negócio (BPM) Arquitetura Orientada a Serviços (SOA) Concrete Solutions 2011 3 Todos os direitos reservados
  • 5. Alguns Clientes Serviços Financeiros Telecom Varejo Concrete Solutions 2011 4 Todos os direitos reservados
  • 6. Alguns Clientes Hightech Mídia Coss Indústria Indústria Concrete Solutions 2011 5 Todos os direitos reservados
  • 7. Modelo Brasileiro de competitividade em TI, Visão de trajetória da Concrete Solutions com ênfase em métodos ágeis
  • 8. Trajetória da Concrete - Amostra analisada Percentual Cumulativo x HH por projeto 100,0% 90,0% 80,0% 19.890 ; 77,1% 15.068 ; 73,4% 70,0% 60,0% 50,0% 40,0% 30,0% 20,0% 10,0% 0,0% - 5.000 10.000 15.000 20.000 25.000 30.000 35.000 40.000 Concrete Solutions 2011 7 Todos os direitos reservados
  • 9. Desafios do mercado de desenvolvimento de SW Visão atual Câmbio Relação Infra Compras Impostos Sobre cliente Local Governamentais Sobre M.O Valorizado fornecedor Cara & sobreaquecimento Desperdício Insucesso Desindustrialização Cultura de Oferta de Inglês Juros Metodologias Projetos M.O. inadequadas fechados Qualificada Concrete Solutions 2011 8 Todos os direitos reservados
  • 10. Modelo Buscado no contexto brasileiro Modelo Buscado Aquisições Culturas Uso Racional Métodos Aquisição De empresas corporativas de Open Source ágeis de SW Ágil no Exterior Fortes & PI licenciada Modelo Brasileiro de competitividade Em TI Uso Maduro de Clouds Desenvolvimento Desoneração Incentivo Boas Práticas Públicos Distribuído Tributária Ao ciclo de De Engenharia inshore vida de de SW VC “Silicon Valley way” Concrete Solutions 2011 9 Todos os direitos reservados
  • 11. Modelo Buscado no contexto brasileiro (1/5) Modelo Buscado Aquisições Culturas Uso Racional Métodos Aquisição De empresas corporativas de Open Source ágeis de SW Ágil no Exterior Fortes & PI licenciada Modelo Brasileiro de competitividade Em TI Uso Maduro de Clouds Desenvolvimento Desoneração Incentivo Boas Práticas Públicos Distribuído Tributária Ao ciclo de De Engenharia inshore vida de de SW VC “Silicon Valley way” Concrete Solutions 2011 10 Todos os direitos reservados
  • 12. Adoção de Scrum (%) de Faturamento 2010/Trimestre % de projetos fechados limitados a partir de Q4 a 30% do faturamento Relação Entre projetos SCRUM e fechados na Concrete FY2010 por quartil 100% 90% 80% 70% 60% Outsourcing SCRUM 50% M&S&O Licença 40% Fechado 30% 20% 10% 0% Q1 Q2 Q3 Q4 Concrete Solutions 2011 11 Todos os direitos reservados
  • 13. Adoção de Scrum (%) de Faturamento 2011/Trimestre Eliminação da venda de projetos fechados (não produtificados na empresa) 100% 90% 80% 70% 60% Outsourcing SCRUM 50% M&S&O Licença 40% Fechado 30% 20% 10% 0% Q1 Q2 Q3 Q4 Concrete Solutions 2011 12 Todos os direitos reservados
  • 14. Adoção de Scrum % de Faturamento 2011/Contratos fechados (69% da meta) Fechado Licença Kanban 12% 5% 21% Outsourcing 27% SCRUM 35% Concrete Solutions 2011 13 Todos os direitos reservados
  • 15. O processo unificado (RUP) teve grande importância • O processo Unificado teve importante Papel no entendimento das disciplinas fundamentais. SCRUM e Kanban são frameworks e suas prescrições são as mínimas possíveis. • RUP é muito didático em fornecer pontos de checagem claros e melhor entendimento dos ciclos de vida dos projetos. • O Problema é indução ao BDUF e não explicitar o caráter empírico. O feedback é a chave, mas quase ninguém entendeu isso. • A culpa não é do RUP é da Cultura da Indústria de que fazer software pode ser prescritivo. Mudar Cultura é difícil. • Fazer software não é uma atividade linear, exige CRIATIVIDADE! • Gerência de Projeto que trata Atividades Criativas com alto grau de Incerteza da mesma forma que atividades manuais e repetitivas ainda é muito DANOSO para a Indústria. Gera conflito, overhead e leva a longas e penosas “Marchas para a Morte” • Repetição do mesmo time, mesmo domínio, mesma tecnologia e o mesmo Statement of Work geram previsibilidade. Caso contrário estamos vendendo uma previsibilidade que não existe. Concrete Solutions 2011 14 Todos os direitos reservados
  • 16. Aquisição de SW Agil Desafio da cultura • Existe um problema cultural de falta de confiança • A necessidade de governança ficou mais importante que o próprio software. • Grandes empresas levam mais tempo para elaborar uma RFP do que um projeto ágil leva para entregar o software em produção. • A estratégia de compras de escopo fechado reduz a inovação em SW em grandes empresas. Eventualmente quando o SW vai para produção o negócio já mudou e não há mais vantagem competitiva. • Possibilidades contratuais •Venda de um bloco inicial de Sprints que depois do mês X (~2 meses) o projeto deve ser renovado mensalmente •Lucro no final •Venda de um bloco inicial de Sprints que depois do mês X (~2 meses), com a Redução do Cone de Incerteza até que se tenham métricas e muda-se a estrutura do contrato Concrete Solutions 2011 15 Todos os direitos reservados
  • 17. Modelo Buscado no cotexto brasileiro (2/5) Modelo Buscado Aquisições Culturas Uso Racional Métodos Aquisição De empresas corporativas de Open Source ágeis de SW Ágil no Exterior Fortes & PI licenciada Modelo Brasileiro de competitividade Em TI Uso Maduro de Clouds Desenvolvimento Desoneração Incentivo Boas Práticas Públicos Distribuído Tributária Ao ciclo de De Engenharia inshore vida de de SW VC “Silicon Valley way” Concrete Solutions 2011 16 Todos os direitos reservados
  • 18. Uso Racional de Open Source & PI fechada, Práticas de Engenharia, desenvolvimento distribuído Usar LAMP, NOSQL, Oracle/IBM/Redhat quando fizer sentido Linguagens de domínio adequadas para soluções Web, Mobile & Social Ferramentas de Gestão de Mudança, Configuração e deployment distribuídas (Mercurial/BitBucket, Jira (Greenhopper), Hudson, Trac, Automated Test, Build & Deploy Servidores de QA e PROD virtuais e distribuídos Usar soluões NoSQL como Appengine e SimpleDB (Google/Amazon) e tirar o máximo do cloud Desenvolvimento distribuído inshore Começamos com a primeira célula em BH Desafios de governança são endereçados com alinhamento de interesses e transparência dentro dos Times e não com controles. Concrete Solutions 2011 17 Todos os direitos reservados
  • 19. Modelo Buscado no cotexto brasileiro (3/5) Modelo Buscado Aquisições Culturas Uso Racional Métodos Aquisição De empresas corporativas de Open Source ágeis de SW Ágil no Exterior Fortes & PI licenciada Modelo Brasileiro de competitividade Em TI Uso Maduro de Clouds Desenvolvimento Desoneração Incentivo Boas Práticas Públicos Distribuído Tributária Ao ciclo de De Engenharia inshore vida de de SW VC “Silicon Valley way” Concrete Solutions 2011 18 Todos os direitos reservados
  • 20. Já temos uma parte relevante dos projetos em clouds fora do Brasil Agregamos ao poder computacional “comodity”, a Consultoria, Arquitetura, Monitoramento, Manutenção, Operação e Suportes de alta qualidade e locais. Mantendo os clientes missão crítica e as startups de alta tecnologia no Brasil. Cloud 23% Datacenter cliente 77% Concrete Solutions 2011 19 Todos os direitos reservados
  • 21. Modelo Buscado no cotexto brasileiro (4/5) Questões Macro Economicas Aquisições Culturas Uso Racional Métodos Aquisição De empresas corporativas de Open Source ágeis de SW Ágil no Exterior Fortes & PI licenciada Modelo Brasileiro de competitividade Em TI Uso Maduro de Clouds Desenvolvimento Desoneração Incentivo Boas Práticas Públicos Distribuído Tributária Ao ciclo de De Engenharia inshore vida de de SW VC “Silicon Valley way” Concrete Solutions 2011 20 Todos os direitos reservados
  • 22. Questões Macroeconômicas Como impedir a desindustrialização e a morte da inovação em IT no Brasil A nossa média de exportação era 25 a 30% do faturamento mas este ano vamos exportar apenas 10%. Com o dólar a 1,6R$ nós somos menos competitivos para a marioria dos cenários de serviço salvo nicho de grande valor agregado (vide cloud). Um profissional senior em SP custa o mesmo que um profissional que mora em Manhatan. Sem mudanças a desindustrialização que afetava a indústria de sapatos afetará a industria de IT. O quê é necessário: Incentivo à educação Desonerar impostos Importar insumos de baixo valor agregado e processá-los no Brasil (Cloud) Exportação de Capital (Compra de Ativos no Interior) Concrete Solutions 2011 21 Todos os direitos reservados
  • 23. Modelo Buscado no cotexto brasileiro (5/5) Finalmente, o capitalismo tem a cara de quem o financia Aquisições Culturas Uso Racional Métodos Aquisição De empresas corporativas de Open Source ágeis de SW Ágil no Exterior Fortes & PI licenciada Modelo Brasileiro de competitividade Em TI Uso Maduro de Clouds Desenvolvimento Desoneração Incentivo Boas Práticas Públicos Distribuído Tributária Ao ciclo de De Engenharia inshore vida de de SW VC “Silicon Valley way” Concrete Solutions 2011 22 Todos os direitos reservados
  • 24. A inovação vem das startups de alta tecnologia O mundo foi mudando pelo facebook e pelo tweeter, como isso tem que alimentar o desenvolvimento de SW em outros setores da economia. Alinhamento total de interesses, adoção de métodos ágeis, premência causada pelo ciclo de financiamento e o natural senso de propósito. Uso extensivo e integrado de WEB, Mobile e Social Media A REGRA É CLOUD, já estamos na era de arquiteturas de nuvem “designed for failure” tolerantes a falha e no Brasil ainda a adoção é baixa. Os projetos vão para produção em 3 a 4 meses e não em anos O desperdício é visto imediatamente e combatido pelo que representa O processo de compra normalmente é rápido e baseado num julgamento se as competências vão materializar e habilitar aquela visão Finalmente, nosso ciclo de VC é limitado e lento (pela falta de opções de saída e competição com outras classes de ativo) , Desta forma as inovações entram no Brasil corporativo muito menos do que poderialm como deveriam e caso nada radical aconteça Concrete Solutions 2011 23 Todos os direitos reservados
  • 25. www.concretesolutions.com.br Rio de Janeiro São Paulo Rua São José, 90 - Sala: 2121 Rua Flórida, 1670 - bl.2 - Sala: 51 Centro - Rio de Janeiro - CEP: 20010-020 Brooklin - São Paulo - CEP: 04565-001 Tel.: +55 21 2240-2030 Tel.: +55 11 4119-0449