SlideShare uma empresa Scribd logo
SOLUÇÕES EM REALIDADE AUMENTADA
PARA A PROMOÇÃO DA ACESSIBILIDADE
PARA O MUSEU DO DOCE
Edemar Dias Xavier Junior, Tatiana Aires Tavares, Desirée Nobre Salasar, Francisca
Ferreira Michelon,
Centro de Desenvolvimento Tecnológico (CDTec)
{edxavier, tatiana}@inf.ufpel.edu.br
Curso de Terapia Ocupacional, UFPEL, dedah.nobres@gmail.com
Departamento de Museologia, Conservação e Restauro, UFPEL, fmichelon.ufpel@gmail.com
Universidade Federal de Pelotas (UFPel) – Pelotas, RS – Brasil
Agenda
● Objetivo
● Realidade Virtual e Aumentada
● Museu do Doce UFPel
● Acessibilidade
● Áudio Guia para Museu do Doce
● Assistente em LIBRAS Museu do Doce
● Discussão dos Resultados
Objetivo
O objetivo deste trabalho é apresentar
os resultados da utilização de recursos
de acessibilidade que utilizam realidade
aumentada (RA) para a interação com o
Museu do Doce da Universidade Federal
de Pelotas.
Realidade Aumentada
Realidade Virtual é a imersão do usuário em um
ambiente 3D.
Realidade Virtual e Aumentada traz elementos do
mundo virtual para o real.
Ferramentas para Desenvolvimento de
Realidade Aumentada
Ferramentas para Desenvolvimento de
Realidade Aumentada
Museu do Doce
Acessibilidade
“Todos os seres humanos nascem livres e
iguais em dignidade e direitos. São dotados de
razão e consciência e devem agir em relação
uns aos outros com espírito de fraternidade”.
(Declaração Universal dos Direitos Humanos)
Acessibilidade
Rampas de acesso.
Estacionamento garantido.
Pisos podo táteis.
Acessibilidade
Áudio Guias
Áudio Guias
Áudio Guia com Realidade Aumentada
para Museu do Doce
13 Cm
11Cm
Áudio Guia com Realidade Aumentada
para Museu do Doce
• Ferramenta utilizada: Vlibras
Assistente em LIBRAS com Realidade
Aumentada para Museu do Doce
Outras Camadas
em RA no Museu do Doce
Discussão
• Validação das soluções apresentadas
através de testes com usuários típicos
e atípicos;
• Importância dos recursos de
acessibilidade em espaços públicos
(museus);
• Melhor adequação e interação com os
espaços para TODOS.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a CONLUBRA 2017 - Recursos em RA para Museu do Doce

Os novos espacos de atuacao do educador com as tecnologias
Os novos espacos de atuacao do educador com as tecnologiasOs novos espacos de atuacao do educador com as tecnologias
Os novos espacos de atuacao do educador com as tecnologias
Victor Nilu Fabiana Barros
 
Os novos espaços de atuação do educador com as tecnologias
Os novos espaços de atuação do educador com as tecnologiasOs novos espaços de atuação do educador com as tecnologias
Os novos espaços de atuação do educador com as tecnologias
Patricia Macedo
 
Projeto Uca
Projeto Uca Projeto Uca
Projeto Uca
SEDF
 
Fórum uft uca
Fórum uft  ucaFórum uft  uca
Fórum uft uca
leidianelopes1
 
Material apoio professor fundamental
Material apoio professor fundamentalMaterial apoio professor fundamental
Material apoio professor fundamental
Alessandra Nascimento
 
Mini curso professores eap
Mini curso professores eapMini curso professores eap
Mini curso professores eap
Elaine Teixeira
 
2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa
2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa
2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa
cdllusa
 
Bio eja
Bio   ejaBio   eja
Oficina conteudos digitais - nte
Oficina conteudos digitais  - nteOficina conteudos digitais  - nte
Oficina conteudos digitais - nte
Aucione Aguiar
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
guest16661f
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
guest7d64a3
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
guestdec43d
 
Ivonilda teste - curso linux
Ivonilda   teste - curso linuxIvonilda   teste - curso linux
Ivonilda teste - curso linux
ivonildamaria
 
Apresentação do relatório
Apresentação do relatórioApresentação do relatório
Apresentação do relatório
Poly Lima
 
3. Projeto LA Oficinas
3. Projeto LA Oficinas3. Projeto LA Oficinas
3. Projeto LA Oficinas
andrea oliveira
 
Plano de ação2011
Plano de ação2011Plano de ação2011
Plano de ação2011
milenafelipe
 
Coletanea de atividades mat
Coletanea de atividades matColetanea de atividades mat
Coletanea de atividades mat
Isa ...
 
apoio de matemática
apoio de matemáticaapoio de matemática
apoio de matemática
Emanuella Andrade Silva
 
ApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGioApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGio
Eliane Vieira
 
ApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGioApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGio
Eliane Vieira
 

Semelhante a CONLUBRA 2017 - Recursos em RA para Museu do Doce (20)

Os novos espacos de atuacao do educador com as tecnologias
Os novos espacos de atuacao do educador com as tecnologiasOs novos espacos de atuacao do educador com as tecnologias
Os novos espacos de atuacao do educador com as tecnologias
 
Os novos espaços de atuação do educador com as tecnologias
Os novos espaços de atuação do educador com as tecnologiasOs novos espaços de atuação do educador com as tecnologias
Os novos espaços de atuação do educador com as tecnologias
 
Projeto Uca
Projeto Uca Projeto Uca
Projeto Uca
 
Fórum uft uca
Fórum uft  ucaFórum uft  uca
Fórum uft uca
 
Material apoio professor fundamental
Material apoio professor fundamentalMaterial apoio professor fundamental
Material apoio professor fundamental
 
Mini curso professores eap
Mini curso professores eapMini curso professores eap
Mini curso professores eap
 
2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa
2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa
2015 05 15_12_18_49_bio_em_ce_v1_miolo_grafica_26-01-15_baixa
 
Bio eja
Bio   ejaBio   eja
Bio eja
 
Oficina conteudos digitais - nte
Oficina conteudos digitais  - nteOficina conteudos digitais  - nte
Oficina conteudos digitais - nte
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
 
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
RelatóRio Final Impresso Para Fapesp Corrigido Em 19 09 08
 
Ivonilda teste - curso linux
Ivonilda   teste - curso linuxIvonilda   teste - curso linux
Ivonilda teste - curso linux
 
Apresentação do relatório
Apresentação do relatórioApresentação do relatório
Apresentação do relatório
 
3. Projeto LA Oficinas
3. Projeto LA Oficinas3. Projeto LA Oficinas
3. Projeto LA Oficinas
 
Plano de ação2011
Plano de ação2011Plano de ação2011
Plano de ação2011
 
Coletanea de atividades mat
Coletanea de atividades matColetanea de atividades mat
Coletanea de atividades mat
 
apoio de matemática
apoio de matemáticaapoio de matemática
apoio de matemática
 
ApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGioApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGio
 
ApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGioApresentaçãO Do EstáGio
ApresentaçãO Do EstáGio
 

Mais de Tatiana Tavares

O Potencial da Experiência Tangível como Prática de Ensino
O Potencial da Experiência Tangível como Prática de EnsinoO Potencial da Experiência Tangível como Prática de Ensino
O Potencial da Experiência Tangível como Prática de Ensino
Tatiana Tavares
 
Museus e jogos digitais o uso das novas tecnologias na promoção cultural
Museus e jogos digitais  o uso das novas tecnologias na promoção culturalMuseus e jogos digitais  o uso das novas tecnologias na promoção cultural
Museus e jogos digitais o uso das novas tecnologias na promoção cultural
Tatiana Tavares
 
REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...
REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...
REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...
Tatiana Tavares
 
Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...
Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...
Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...
Tatiana Tavares
 
Uma proposta de interatividade para o Memorial Anglo
Uma proposta de interatividade para o Memorial AngloUma proposta de interatividade para o Memorial Anglo
Uma proposta de interatividade para o Memorial Anglo
Tatiana Tavares
 
Tecnologia assistiva uma revisão do tema
Tecnologia assistiva uma revisão do tema�Tecnologia assistiva uma revisão do tema�
Tecnologia assistiva uma revisão do tema
Tatiana Tavares
 
Design Centrado no usuário
Design Centrado no usuárioDesign Centrado no usuário
Design Centrado no usuário
Tatiana Tavares
 
Compreendendo o sentido da visão - Tecnologia Assistiva
Compreendendo o sentido da visão - Tecnologia AssistivaCompreendendo o sentido da visão - Tecnologia Assistiva
Compreendendo o sentido da visão - Tecnologia Assistiva
Tatiana Tavares
 
Compondo um pitch de produto para Tecnologia Assistiva
Compondo um pitch de produto para Tecnologia AssistivaCompondo um pitch de produto para Tecnologia Assistiva
Compondo um pitch de produto para Tecnologia Assistiva
Tatiana Tavares
 
Tecnologia Assistiva aula01
Tecnologia Assistiva aula01Tecnologia Assistiva aula01
Tecnologia Assistiva aula01
Tatiana Tavares
 
Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral
Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral�Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral�
Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral
Tatiana Tavares
 
Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...
Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...
Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...
Tatiana Tavares
 
Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...
Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...
Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...
Tatiana Tavares
 
ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...
ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...
ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...
Tatiana Tavares
 
Aula processo de reuso de software
Aula processo de reuso de softwareAula processo de reuso de software
Aula processo de reuso de software
Tatiana Tavares
 
Projeto Final da Disciplina de ES2
Projeto Final da Disciplina de ES2Projeto Final da Disciplina de ES2
Projeto Final da Disciplina de ES2
Tatiana Tavares
 
Mapping Study
Mapping Study�Mapping Study�
Mapping Study
Tatiana Tavares
 
Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)
Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)
Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)
Tatiana Tavares
 
Design da Interação
Design da Interação Design da Interação
Design da Interação
Tatiana Tavares
 
Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015
Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015
Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015
Tatiana Tavares
 

Mais de Tatiana Tavares (20)

O Potencial da Experiência Tangível como Prática de Ensino
O Potencial da Experiência Tangível como Prática de EnsinoO Potencial da Experiência Tangível como Prática de Ensino
O Potencial da Experiência Tangível como Prática de Ensino
 
Museus e jogos digitais o uso das novas tecnologias na promoção cultural
Museus e jogos digitais  o uso das novas tecnologias na promoção culturalMuseus e jogos digitais  o uso das novas tecnologias na promoção cultural
Museus e jogos digitais o uso das novas tecnologias na promoção cultural
 
REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...
REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...
REALIZAÇÃO DE OFICINAS BASEADAS EM PENSAMENTO CRIATIVO PARA CONSTRUÇÃO DE INT...
 
Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...
Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...
Smart Station: Um Sistema Pervasivo de Notificação em Paradas de Ônibus para ...
 
Uma proposta de interatividade para o Memorial Anglo
Uma proposta de interatividade para o Memorial AngloUma proposta de interatividade para o Memorial Anglo
Uma proposta de interatividade para o Memorial Anglo
 
Tecnologia assistiva uma revisão do tema
Tecnologia assistiva uma revisão do tema�Tecnologia assistiva uma revisão do tema�
Tecnologia assistiva uma revisão do tema
 
Design Centrado no usuário
Design Centrado no usuárioDesign Centrado no usuário
Design Centrado no usuário
 
Compreendendo o sentido da visão - Tecnologia Assistiva
Compreendendo o sentido da visão - Tecnologia AssistivaCompreendendo o sentido da visão - Tecnologia Assistiva
Compreendendo o sentido da visão - Tecnologia Assistiva
 
Compondo um pitch de produto para Tecnologia Assistiva
Compondo um pitch de produto para Tecnologia AssistivaCompondo um pitch de produto para Tecnologia Assistiva
Compondo um pitch de produto para Tecnologia Assistiva
 
Tecnologia Assistiva aula01
Tecnologia Assistiva aula01Tecnologia Assistiva aula01
Tecnologia Assistiva aula01
 
Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral
Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral�Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral�
Projetando jogo para Crianças com Paralisia Cerebral
 
Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...
Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...
Experiences working without borders: From the Global Laboratory in Brazil to ...
 
Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...
Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...
Cientistas sem fronteiras: um relato de experiência do programa brasileiro "...
 
ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...
ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...
ATreVEE IN: Using Natural Interaction in Procedure Simulator for Training in ...
 
Aula processo de reuso de software
Aula processo de reuso de softwareAula processo de reuso de software
Aula processo de reuso de software
 
Projeto Final da Disciplina de ES2
Projeto Final da Disciplina de ES2Projeto Final da Disciplina de ES2
Projeto Final da Disciplina de ES2
 
Mapping Study
Mapping Study�Mapping Study�
Mapping Study
 
Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)
Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)
Experiência de Usuário ( É importante? Por que?)
 
Design da Interação
Design da Interação Design da Interação
Design da Interação
 
Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015
Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015
Apresentação do Projeto Dar o Peixe ou Ensinar a Pescar na Expotec 2015
 

Último

UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
TathyLopes1
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
FernandaOliveira758273
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
Manuais Formação
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 

Último (20)

UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 

CONLUBRA 2017 - Recursos em RA para Museu do Doce