SlideShare uma empresa Scribd logo
Ciência da Informação e Web Design:
Interseções teóricas em busca de
melhores prá?cas
AUTOR:
Diogo Duarte Rodrigues
ORIENTADOR:
Prof. Dr. Ivan Capeller
Dissertação de Mestrado
Mo?vações
Forte ligação entre Ciência da
Informação e Web Design
Vivência prática e docente
em Web Design
Potencial complementaridade
teórico-prática
Questões de pesquisa
A Design Science Research
pode ser um caminho
metodológico para geração
de conhecimento científico em
projetos baseados em Ciência
da Informação e Web Design?
É possível projetar uma
relação interdisciplinar mais
forte entre Web Design e
Ciência da Informação?
Hipóteses
As hipóteses são respostas
afirmativas às questões de
pesquisa.
Ciência da
Informação
Web
Design
1.
Web
Design
2.
Ciência da
Informação
DSR
conhecimento
científico
Obje?vo geral
O objetivo geral deste trabalho é auxiliar na
consolidação da Ciência da Informação como
arcabouço teórico relevante para potenciais
pesquisas que envolvam a busca por melhores
práticas para Web Design.
Obje?vos específicos
Explorar interseções teóricas
Auxiliar nó posicionamento do Web Design também
como área de interesse para a Ciência da
Informação.
Verificar a aplicabilidade da Design Science
Research (DSR) como método capaz de construir
pesquisas que produzam conhecimento científico e
desenvolvam ou aperfeiçoem web sites e aplicações
para a web.
Metodologia
Com base em um levantamento bibliográfico preliminar, foram definidos os
conceitos a serem abordados. A pesquisa exploratória de caráter bibliográfico
tem o objetivo de gerar discussões interdisciplinares em todas as seções de
desenvolvimento da dissertação, utilizando os conceitos definidos como ponto
de partida e expondo pontos de vistas de autores dos dois campos em foco.
As consultas bibliográficas foram feitas com o auxílio dos acervos físico e
eletrônico pessoais do autor, bibliotecas físicas, bases de dados em Ciência da
Informação e mecanismos de busca na internet, além de sítios e blogs
especializados em Design, Web Design e Ciência da Informação.
Conceitos abordados
Web
Design
Ciência da
Informação
Arquitetura da
Informação
Usabilidade
Visualização da
Informação
Arquitetura da informação
Arquitetura de informação: ciência da computação, design (web design), arte
Arquitetura da informação
O arquiteto da informação é o “indivíduo que organiza padrões inerentes aos
dados, transformando o que é complexo em algo claro.”
Arquitetura da Informação é a “arte e a ciência de organizar informações para
auxiliar os indivíduos a satisfazerem as suas necessidades informacionais.”
WURMAN, 1996.
MORVILLE; ROSENFELD, 1998.
“Certamente, algumas das muitas competências que são tradicionais na
educação em ‘Library and Information Science’ estão entre aquelas
consideradas centrais em arquitetura de informação. Por exemplo, organização
da informação é o fundamento para gestão documental, assim como sistemas de
navegação em grandes web sites são para coleções de documentos impressos.”
ROBINS, 2002.
Visualização da informação
“(…) as técnicas de Visualização da Informação buscam representar
graficamente os dados de um determinado domínio de aplicação de modo que a
representação visual gerada explore a capacidade de percepção do homem e
este, a partir das relações espaciais exibidas, interprete e compreenda as
informações apresentadas e, finalmente deduza novos conhecimentos.”
FREITAS, 2001.
Modelo de Referência para Visualização. CARD; MACKINLAY; SHNEIDERMAN, 1999.
Usabilidade
“A usabilidade é um atributo de qualidade relacionado à facilidade do uso de
algo. Mais especificamente, refere-se à rapidez com que os usuários podem
aprender a usar alguma coisa, a eficiência deles ao usá-la, o quanto lembram
daquilo, seu grau de propensão a erros e o quanto gostam de utilizá-la.”
NIELSEN; LORANGER, 2007.
“a medida em que um produto pode ser usado por usuários específicos para
atingir metas específicas com eficácia, eficiência e satisfação em um contexto de
uso específico.”
ISO 9241-11, 1998.
“Um modelo de uso da informação deve englobar a totalidade da experiência
humana: os pensamentos, sentimentos, ações e o ambiente onde eles se
manifestam. Partimos da posição de que o usuário da informação é uma pessoa
cognitiva e perceptiva.”
CHOO, 2003.
Design Science Research (DSR)
Design Science Research não é o mesmo que Design.
… um paradigma de pesquisa pragmático que demanda a criação de artefatos
inovadores para resolver problemas do mundo real.”
GREGORY, 1966.
SIMON, 1996.
Tais problemas podem ser “práticos” ou “de conhecimento”.
WEIRINGA, 2009.
A Design Science Research pode ser capaz de unir a capacidade da ciência de
entender “o que é” e a do design de entender “o que pode ser”.
HEVNER; CHATTERJEE, 2010.
Design Science Research (DSR)
Natureza complementar de pesquisa em Design Science e Ciências
Comportamentais. Adaptada de HEVNER; CHATTERJEE, 2010.
Design Science Research (DSR)
“A finalidade para a qual a ciência da informação é destinada é a de facilitar o
acesso à informação desejada [...] Ela é Design Science, cuja missão é fornecer,
com a ajuda da pesquisa, as diretrizes através do qual o acesso à informação
pode ser melhorado”
VAKKARI, 2010.
“Quando dizemos que estudamos artefatos, não queremos dizer computadores
ou sistemas de computadores, mas o uso de tecnologias de informação,
concebido como uma combinação complexa e mutante de pessoas e tecnologia.
Pensar nessa combinação como um artefato significa abordá-la com uma
‘atitude de design’, fazendo perguntas como: Isso poderia ser diferente? O que
há de errado com isso? Como isso pode ser melhorado? “
DAHLBOM, 1996.
Discussão
Contexto
DRUCKER, 1999.
LIPOVETSKY, 2004.
LÉVY, 1999.
Era da
Informação
Cibercultura
Hipermodernidade
Big Data Filtro invisível
Design da informação
“a arte e ciência de preparar informação para que possa ser utilizada por seres
humanos com eficiência e eficácia. Design de informação significa comunicação
por palavras, imagens, tabelas, gráficos, mapas e desenhos, por meios
convencionais ou digitais.”
JACOBSON, 1999.
“a definição, planejamento, e modelagem dos conteúdos de uma mensagem e
do ambiente em que ela é apresentada, com a intenção de atingir objetivos
particulares em relação às necessidades dos usuários.”
I.I.D., 2007.
“Design da informação é tudo o que fazemos para tornar ideias visíveis para que
outras pessoas possam fazê-las delas próprias, e utilizá-las para suas próprias
finalidades.”
ORNA; STEVENS, 2008.
Design da informação
“Desenvolvimentos sociais, tecnológicos e econômicos tanto obrigam quanto
favorecem movimentos para o aproveitamento de uma consciência do território
partilhado entre design da informação e Ciência da Informação. Ninguém sairia
perdendo, todos os profissionais poderiam ganhar, e os usuários certamente se
beneficiariam.”
ORNA; STEVENS, 1991
“O Design da Informação é multidimensional, pois, ao equacionar aspectos
sintáticos, semânticos e pragmáticos da miríade dos sistemas de informação que
se integram cotidianamente na comunicação humana, define o planejamento e a
produção de discursos informacionais convergidos desde sempre nos processos
comunicacionais; para tal fornece ferramentas, estratégias de criação e
interação de interfaces para a comunicação, o acesso, a usabilidade e a
acessibilidade.”
JORENTE, 2015.
Discussão
Web
Design
Ciência da
Informação
Design da Informação
Arquitetura da
Informação
Usabilidade
Visualização da
Informação
Discussão
Considerações finais
Maior esclarecimento da relação teórica entre a Ciência da Informação e o Web
Design, e consequente incentivo ao desenvolvimento de pesquisas que envolvam
Web Design em programas de pós-graduação em Ciência da Informação.
É possível vislumbrar o posicionamento do Design da Informação como importante
formação, com capacidade dialógica suficiente para potencializar o aprimoramento
e concepção de artefatos informacionais junto ao Web Design, bem como nas auto-
análises processuais no decorrer do projeto de design e consequente construção de
conteúdo científico junto à Ciência da Informação.
Verificação da utilização da Design Science Research como método capaz de
produzir conhecimento em Ciência da Informação e Web Design.
Geração de novas discussões e consequentes publicações em torno da Design
Science no âmbito da Ciência da Informação.
Considerações finais
A transdisciplinaridade, latente na Ciência da Informação é capaz de permitir o
estudo da informação em abordagens teórico-práticas que prezem pelo rigor
científico e pela construção do conhecimento. Para esta área do conhecimento, este
projeto tem grande importância, uma vez que se alinha com demandas
extremamente atuais e problemas pouco abordados em publicações científicas,
ambos extremamente alinhados com as bases conceituais da ciência em questão.
Pouca exploração da relação entre as áreas que protagonizam o conteúdo
abordado até aqui, uma carência real de periódicos e até mesmo de publicações
que abordem a Design Science no Brasil.
Necessidade de um maior aprofundamento na relação entre o Web Design e o
Design da Informação de modo a permitir maior esclarecimento sobre as projeções
das duas áreas nos anos seguintes, e de uma análise formal dos currículos e das
competências trabalhadas nos programas e cursos de Web Design, Design da
Informação e Ciência da Informação e Sistemas de Informação.
Obrigado por sua atenção e seu tempo.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Молодое Имя Кубани Володя Гик
Молодое Имя Кубани Володя ГикМолодое Имя Кубани Володя Гик
Молодое Имя Кубани Володя Гик
POPOVA DIANA
 
Presentacion de quimica julieth
Presentacion de quimica juliethPresentacion de quimica julieth
Presentacion de quimica julieth
Edgar Bravo
 
IRC Presentation JRA
IRC Presentation JRAIRC Presentation JRA
IRC Presentation JRA
Jessica Ames
 
TECHATORN Portfolio.compressed(1)
TECHATORN Portfolio.compressed(1)TECHATORN Portfolio.compressed(1)
TECHATORN Portfolio.compressed(1)
Techatorn SOPATHANUNDORN
 
Oficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de Aula
Oficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de AulaOficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de Aula
Oficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de Aula
Anne Castro
 
Tower queue sequence - Hairmageddon
Tower queue sequence - HairmageddonTower queue sequence - Hairmageddon
Tower queue sequence - Hairmageddon
Stephen Poole
 
Cuadro explicativo
Cuadro explicativoCuadro explicativo
Cuadro explicativo
Cleidelmar Rojas
 
Projeto gelo
Projeto geloProjeto gelo
Projeto gelo
patronatobonanca
 
Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020
Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020
Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020
CEW Georgetown
 
Beyond the Gig Economy
Beyond the Gig EconomyBeyond the Gig Economy
Beyond the Gig Economy
Jon Lieber
 
African Americans: College Majors and Earnings
African Americans: College Majors and Earnings African Americans: College Majors and Earnings
African Americans: College Majors and Earnings
CEW Georgetown
 
Creative Traction Methodology - For Early Stage Startups
Creative Traction Methodology - For Early Stage StartupsCreative Traction Methodology - For Early Stage Startups
Creative Traction Methodology - For Early Stage Startups
Tommaso Di Bartolo
 
The Online College Labor Market
The Online College Labor MarketThe Online College Labor Market
The Online College Labor Market
CEW Georgetown
 
3 hard facts shaping higher education thinking and behavior
3 hard facts shaping higher education thinking and behavior3 hard facts shaping higher education thinking and behavior
3 hard facts shaping higher education thinking and behavior
Grant Thornton LLP
 
8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung
8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung
8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung
Edith Yeung
 
The French Revolution of 1789
The French Revolution of 1789The French Revolution of 1789
The French Revolution of 1789
Tom Richey
 
What's Trending in Talent and Learning for 2016?
What's Trending in Talent and Learning for 2016?What's Trending in Talent and Learning for 2016?
What's Trending in Talent and Learning for 2016?
Skillsoft
 
GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom
GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom
GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom
Brian Housand
 
Game Based Learning for Language Learners
Game Based Learning for Language LearnersGame Based Learning for Language Learners
Game Based Learning for Language Learners
Shelly Sanchez Terrell
 

Destaque (20)

Молодое Имя Кубани Володя Гик
Молодое Имя Кубани Володя ГикМолодое Имя Кубани Володя Гик
Молодое Имя Кубани Володя Гик
 
Presentacion de quimica julieth
Presentacion de quimica juliethPresentacion de quimica julieth
Presentacion de quimica julieth
 
Pupuk CNG ( CaNO3 )
Pupuk CNG ( CaNO3 )Pupuk CNG ( CaNO3 )
Pupuk CNG ( CaNO3 )
 
IRC Presentation JRA
IRC Presentation JRAIRC Presentation JRA
IRC Presentation JRA
 
TECHATORN Portfolio.compressed(1)
TECHATORN Portfolio.compressed(1)TECHATORN Portfolio.compressed(1)
TECHATORN Portfolio.compressed(1)
 
Oficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de Aula
Oficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de AulaOficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de Aula
Oficina de Introdução à Multimídia - Atividade Final - Plano de Aula
 
Tower queue sequence - Hairmageddon
Tower queue sequence - HairmageddonTower queue sequence - Hairmageddon
Tower queue sequence - Hairmageddon
 
Cuadro explicativo
Cuadro explicativoCuadro explicativo
Cuadro explicativo
 
Projeto gelo
Projeto geloProjeto gelo
Projeto gelo
 
Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020
Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020
Recovery: Job Growth and Education Requirements Through 2020
 
Beyond the Gig Economy
Beyond the Gig EconomyBeyond the Gig Economy
Beyond the Gig Economy
 
African Americans: College Majors and Earnings
African Americans: College Majors and Earnings African Americans: College Majors and Earnings
African Americans: College Majors and Earnings
 
Creative Traction Methodology - For Early Stage Startups
Creative Traction Methodology - For Early Stage StartupsCreative Traction Methodology - For Early Stage Startups
Creative Traction Methodology - For Early Stage Startups
 
The Online College Labor Market
The Online College Labor MarketThe Online College Labor Market
The Online College Labor Market
 
3 hard facts shaping higher education thinking and behavior
3 hard facts shaping higher education thinking and behavior3 hard facts shaping higher education thinking and behavior
3 hard facts shaping higher education thinking and behavior
 
8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung
8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung
8 Tips for Scaling Mobile Users in China by Edith Yeung
 
The French Revolution of 1789
The French Revolution of 1789The French Revolution of 1789
The French Revolution of 1789
 
What's Trending in Talent and Learning for 2016?
What's Trending in Talent and Learning for 2016?What's Trending in Talent and Learning for 2016?
What's Trending in Talent and Learning for 2016?
 
GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom
GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom
GAME ON! Integrating Games and Simulations in the Classroom
 
Game Based Learning for Language Learners
Game Based Learning for Language LearnersGame Based Learning for Language Learners
Game Based Learning for Language Learners
 

Semelhante a Ciência da Informação e Web Design: interseções teóricas em busca de melhores práticas.

Arquitetura da Informação: Conceitos e Objetivos
Arquitetura da Informação: Conceitos e ObjetivosArquitetura da Informação: Conceitos e Objetivos
Arquitetura da Informação: Conceitos e Objetivos
aiadufmg
 
Fundamentos epistemológicos da Pesquisa em Design
Fundamentos epistemológicos da Pesquisa em DesignFundamentos epistemológicos da Pesquisa em Design
Fundamentos epistemológicos da Pesquisa em Design
UTFPR
 
Dados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la ciencia
Dados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la cienciaDados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la ciencia
Dados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la ciencia
Liber UFPE
 
Design Science Research e Design Thinking
Design Science Research e Design ThinkingDesign Science Research e Design Thinking
Design Science Research e Design Thinking
Diogo Duarte
 
PROJETO DE PESQUISA
PROJETO DE PESQUISAPROJETO DE PESQUISA
PROJETO DE PESQUISA
Rafael Marinho
 
O que é Arquitetura da Informação?
O que é Arquitetura da Informação?O que é Arquitetura da Informação?
O que é Arquitetura da Informação?
heuew
 
Arquitetura da Informação (LUCIRENE)
Arquitetura da Informação (LUCIRENE)Arquitetura da Informação (LUCIRENE)
Arquitetura da Informação (LUCIRENE)
Lucirene Lanzi
 
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementosArquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Luciana Nunes
 
WIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-Rio
WIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-RioWIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-Rio
WIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-Rio
Luiz Agner
 
Apresentação - Arquitetura de Informação
Apresentação - Arquitetura de InformaçãoApresentação - Arquitetura de Informação
Apresentação - Arquitetura de Informação
Luiz Agner
 
O Arquiteto da Informação
O Arquiteto da InformaçãoO Arquiteto da Informação
O Arquiteto da Informação
Claudio Diniz - Designer Gráfico
 
Arquitetura da Informação - Origem e Desenvolvimento
Arquitetura da Informação - Origem e DesenvolvimentoArquitetura da Informação - Origem e Desenvolvimento
Arquitetura da Informação - Origem e Desenvolvimento
Claudio Diniz - Designer Gráfico
 
Arquitetura de Informação (atualizado)
Arquitetura de Informação (atualizado)Arquitetura de Informação (atualizado)
Arquitetura de Informação (atualizado)
Luiz Agner
 
Arquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas Universitárias
Arquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas UniversitáriasArquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas Universitárias
Arquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas Universitárias
Zayr Silva
 
Material 1
Material 1 Material 1
Material 1
paulacarolinejardim
 
Arquitetura de Informação sem wireframe
Arquitetura de Informação sem wireframeArquitetura de Informação sem wireframe
Arquitetura de Informação sem wireframe
Karla Cruz
 
Design didático
Design didáticoDesign didático
Design didático
MARCIASR09
 
Web 2
Web 2Web 2
Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...
Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...
Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...
Rafael Marinho
 
Arquitetura da Informação - O Arquiteto da Informação
Arquitetura da Informação - O Arquiteto da InformaçãoArquitetura da Informação - O Arquiteto da Informação
Arquitetura da Informação - O Arquiteto da Informação
aiadufmg
 

Semelhante a Ciência da Informação e Web Design: interseções teóricas em busca de melhores práticas. (20)

Arquitetura da Informação: Conceitos e Objetivos
Arquitetura da Informação: Conceitos e ObjetivosArquitetura da Informação: Conceitos e Objetivos
Arquitetura da Informação: Conceitos e Objetivos
 
Fundamentos epistemológicos da Pesquisa em Design
Fundamentos epistemológicos da Pesquisa em DesignFundamentos epistemológicos da Pesquisa em Design
Fundamentos epistemológicos da Pesquisa em Design
 
Dados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la ciencia
Dados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la cienciaDados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la ciencia
Dados abertos e curadoria digital no projeto jugando a definir la ciencia
 
Design Science Research e Design Thinking
Design Science Research e Design ThinkingDesign Science Research e Design Thinking
Design Science Research e Design Thinking
 
PROJETO DE PESQUISA
PROJETO DE PESQUISAPROJETO DE PESQUISA
PROJETO DE PESQUISA
 
O que é Arquitetura da Informação?
O que é Arquitetura da Informação?O que é Arquitetura da Informação?
O que é Arquitetura da Informação?
 
Arquitetura da Informação (LUCIRENE)
Arquitetura da Informação (LUCIRENE)Arquitetura da Informação (LUCIRENE)
Arquitetura da Informação (LUCIRENE)
 
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementosArquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
 
WIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-Rio
WIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-RioWIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-Rio
WIAD - World Information Architecture Day 2019 - MeetUp PUC-Rio
 
Apresentação - Arquitetura de Informação
Apresentação - Arquitetura de InformaçãoApresentação - Arquitetura de Informação
Apresentação - Arquitetura de Informação
 
O Arquiteto da Informação
O Arquiteto da InformaçãoO Arquiteto da Informação
O Arquiteto da Informação
 
Arquitetura da Informação - Origem e Desenvolvimento
Arquitetura da Informação - Origem e DesenvolvimentoArquitetura da Informação - Origem e Desenvolvimento
Arquitetura da Informação - Origem e Desenvolvimento
 
Arquitetura de Informação (atualizado)
Arquitetura de Informação (atualizado)Arquitetura de Informação (atualizado)
Arquitetura de Informação (atualizado)
 
Arquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas Universitárias
Arquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas UniversitáriasArquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas Universitárias
Arquitetura da Informação de Websites de Bibliotecas Universitárias
 
Material 1
Material 1 Material 1
Material 1
 
Arquitetura de Informação sem wireframe
Arquitetura de Informação sem wireframeArquitetura de Informação sem wireframe
Arquitetura de Informação sem wireframe
 
Design didático
Design didáticoDesign didático
Design didático
 
Web 2
Web 2Web 2
Web 2
 
Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...
Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...
Arquitetura de Informação: desafios do profissional bibliotecário num mercado...
 
Arquitetura da Informação - O Arquiteto da Informação
Arquitetura da Informação - O Arquiteto da InformaçãoArquitetura da Informação - O Arquiteto da Informação
Arquitetura da Informação - O Arquiteto da Informação
 

Mais de Diogo Duarte

Desafios e dicas sobre criatividade em sala de aula
Desafios e dicas sobre criatividade em sala de aulaDesafios e dicas sobre criatividade em sala de aula
Desafios e dicas sobre criatividade em sala de aula
Diogo Duarte
 
Comércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdf
Comércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdfComércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdf
Comércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdf
Diogo Duarte
 
Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...
Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...
Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...
Diogo Duarte
 
Apresentações cativantes
Apresentações cativantesApresentações cativantes
Apresentações cativantes
Diogo Duarte
 
Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)
Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)
Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)
Diogo Duarte
 
Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"
Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"
Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"
Diogo Duarte
 
Marketing na Web
Marketing na WebMarketing na Web
Marketing na Web
Diogo Duarte
 

Mais de Diogo Duarte (7)

Desafios e dicas sobre criatividade em sala de aula
Desafios e dicas sobre criatividade em sala de aulaDesafios e dicas sobre criatividade em sala de aula
Desafios e dicas sobre criatividade em sala de aula
 
Comércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdf
Comércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdfComércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdf
Comércio_Social-Social_Commerce-HDRio2018.pdf
 
Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...
Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...
Competência em informação e filtro invisível: uma análise dos assistentes int...
 
Apresentações cativantes
Apresentações cativantesApresentações cativantes
Apresentações cativantes
 
Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)
Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)
Seminário • Perspectivas em Ciência da Informação (2014)
 
Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"
Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"
Desafios da Comunicação e os "Novos Consumidores"
 
Marketing na Web
Marketing na WebMarketing na Web
Marketing na Web
 

Ciência da Informação e Web Design: interseções teóricas em busca de melhores práticas.

  • 1. Ciência da Informação e Web Design: Interseções teóricas em busca de melhores prá?cas AUTOR: Diogo Duarte Rodrigues ORIENTADOR: Prof. Dr. Ivan Capeller Dissertação de Mestrado
  • 2. Mo?vações Forte ligação entre Ciência da Informação e Web Design Vivência prática e docente em Web Design Potencial complementaridade teórico-prática
  • 3. Questões de pesquisa A Design Science Research pode ser um caminho metodológico para geração de conhecimento científico em projetos baseados em Ciência da Informação e Web Design? É possível projetar uma relação interdisciplinar mais forte entre Web Design e Ciência da Informação?
  • 4. Hipóteses As hipóteses são respostas afirmativas às questões de pesquisa. Ciência da Informação Web Design 1. Web Design 2. Ciência da Informação DSR conhecimento científico
  • 5. Obje?vo geral O objetivo geral deste trabalho é auxiliar na consolidação da Ciência da Informação como arcabouço teórico relevante para potenciais pesquisas que envolvam a busca por melhores práticas para Web Design.
  • 6. Obje?vos específicos Explorar interseções teóricas Auxiliar nó posicionamento do Web Design também como área de interesse para a Ciência da Informação. Verificar a aplicabilidade da Design Science Research (DSR) como método capaz de construir pesquisas que produzam conhecimento científico e desenvolvam ou aperfeiçoem web sites e aplicações para a web.
  • 7. Metodologia Com base em um levantamento bibliográfico preliminar, foram definidos os conceitos a serem abordados. A pesquisa exploratória de caráter bibliográfico tem o objetivo de gerar discussões interdisciplinares em todas as seções de desenvolvimento da dissertação, utilizando os conceitos definidos como ponto de partida e expondo pontos de vistas de autores dos dois campos em foco. As consultas bibliográficas foram feitas com o auxílio dos acervos físico e eletrônico pessoais do autor, bibliotecas físicas, bases de dados em Ciência da Informação e mecanismos de busca na internet, além de sítios e blogs especializados em Design, Web Design e Ciência da Informação.
  • 8. Conceitos abordados Web Design Ciência da Informação Arquitetura da Informação Usabilidade Visualização da Informação
  • 9. Arquitetura da informação Arquitetura de informação: ciência da computação, design (web design), arte
  • 10. Arquitetura da informação O arquiteto da informação é o “indivíduo que organiza padrões inerentes aos dados, transformando o que é complexo em algo claro.” Arquitetura da Informação é a “arte e a ciência de organizar informações para auxiliar os indivíduos a satisfazerem as suas necessidades informacionais.” WURMAN, 1996. MORVILLE; ROSENFELD, 1998. “Certamente, algumas das muitas competências que são tradicionais na educação em ‘Library and Information Science’ estão entre aquelas consideradas centrais em arquitetura de informação. Por exemplo, organização da informação é o fundamento para gestão documental, assim como sistemas de navegação em grandes web sites são para coleções de documentos impressos.” ROBINS, 2002.
  • 11. Visualização da informação “(…) as técnicas de Visualização da Informação buscam representar graficamente os dados de um determinado domínio de aplicação de modo que a representação visual gerada explore a capacidade de percepção do homem e este, a partir das relações espaciais exibidas, interprete e compreenda as informações apresentadas e, finalmente deduza novos conhecimentos.” FREITAS, 2001. Modelo de Referência para Visualização. CARD; MACKINLAY; SHNEIDERMAN, 1999.
  • 12. Usabilidade “A usabilidade é um atributo de qualidade relacionado à facilidade do uso de algo. Mais especificamente, refere-se à rapidez com que os usuários podem aprender a usar alguma coisa, a eficiência deles ao usá-la, o quanto lembram daquilo, seu grau de propensão a erros e o quanto gostam de utilizá-la.” NIELSEN; LORANGER, 2007. “a medida em que um produto pode ser usado por usuários específicos para atingir metas específicas com eficácia, eficiência e satisfação em um contexto de uso específico.” ISO 9241-11, 1998. “Um modelo de uso da informação deve englobar a totalidade da experiência humana: os pensamentos, sentimentos, ações e o ambiente onde eles se manifestam. Partimos da posição de que o usuário da informação é uma pessoa cognitiva e perceptiva.” CHOO, 2003.
  • 13. Design Science Research (DSR) Design Science Research não é o mesmo que Design. … um paradigma de pesquisa pragmático que demanda a criação de artefatos inovadores para resolver problemas do mundo real.” GREGORY, 1966. SIMON, 1996. Tais problemas podem ser “práticos” ou “de conhecimento”. WEIRINGA, 2009. A Design Science Research pode ser capaz de unir a capacidade da ciência de entender “o que é” e a do design de entender “o que pode ser”. HEVNER; CHATTERJEE, 2010.
  • 14. Design Science Research (DSR) Natureza complementar de pesquisa em Design Science e Ciências Comportamentais. Adaptada de HEVNER; CHATTERJEE, 2010.
  • 15. Design Science Research (DSR) “A finalidade para a qual a ciência da informação é destinada é a de facilitar o acesso à informação desejada [...] Ela é Design Science, cuja missão é fornecer, com a ajuda da pesquisa, as diretrizes através do qual o acesso à informação pode ser melhorado” VAKKARI, 2010. “Quando dizemos que estudamos artefatos, não queremos dizer computadores ou sistemas de computadores, mas o uso de tecnologias de informação, concebido como uma combinação complexa e mutante de pessoas e tecnologia. Pensar nessa combinação como um artefato significa abordá-la com uma ‘atitude de design’, fazendo perguntas como: Isso poderia ser diferente? O que há de errado com isso? Como isso pode ser melhorado? “ DAHLBOM, 1996.
  • 16. Discussão Contexto DRUCKER, 1999. LIPOVETSKY, 2004. LÉVY, 1999. Era da Informação Cibercultura Hipermodernidade Big Data Filtro invisível
  • 17. Design da informação “a arte e ciência de preparar informação para que possa ser utilizada por seres humanos com eficiência e eficácia. Design de informação significa comunicação por palavras, imagens, tabelas, gráficos, mapas e desenhos, por meios convencionais ou digitais.” JACOBSON, 1999. “a definição, planejamento, e modelagem dos conteúdos de uma mensagem e do ambiente em que ela é apresentada, com a intenção de atingir objetivos particulares em relação às necessidades dos usuários.” I.I.D., 2007. “Design da informação é tudo o que fazemos para tornar ideias visíveis para que outras pessoas possam fazê-las delas próprias, e utilizá-las para suas próprias finalidades.” ORNA; STEVENS, 2008.
  • 18. Design da informação “Desenvolvimentos sociais, tecnológicos e econômicos tanto obrigam quanto favorecem movimentos para o aproveitamento de uma consciência do território partilhado entre design da informação e Ciência da Informação. Ninguém sairia perdendo, todos os profissionais poderiam ganhar, e os usuários certamente se beneficiariam.” ORNA; STEVENS, 1991 “O Design da Informação é multidimensional, pois, ao equacionar aspectos sintáticos, semânticos e pragmáticos da miríade dos sistemas de informação que se integram cotidianamente na comunicação humana, define o planejamento e a produção de discursos informacionais convergidos desde sempre nos processos comunicacionais; para tal fornece ferramentas, estratégias de criação e interação de interfaces para a comunicação, o acesso, a usabilidade e a acessibilidade.” JORENTE, 2015.
  • 19. Discussão Web Design Ciência da Informação Design da Informação Arquitetura da Informação Usabilidade Visualização da Informação
  • 21. Considerações finais Maior esclarecimento da relação teórica entre a Ciência da Informação e o Web Design, e consequente incentivo ao desenvolvimento de pesquisas que envolvam Web Design em programas de pós-graduação em Ciência da Informação. É possível vislumbrar o posicionamento do Design da Informação como importante formação, com capacidade dialógica suficiente para potencializar o aprimoramento e concepção de artefatos informacionais junto ao Web Design, bem como nas auto- análises processuais no decorrer do projeto de design e consequente construção de conteúdo científico junto à Ciência da Informação. Verificação da utilização da Design Science Research como método capaz de produzir conhecimento em Ciência da Informação e Web Design. Geração de novas discussões e consequentes publicações em torno da Design Science no âmbito da Ciência da Informação.
  • 22. Considerações finais A transdisciplinaridade, latente na Ciência da Informação é capaz de permitir o estudo da informação em abordagens teórico-práticas que prezem pelo rigor científico e pela construção do conhecimento. Para esta área do conhecimento, este projeto tem grande importância, uma vez que se alinha com demandas extremamente atuais e problemas pouco abordados em publicações científicas, ambos extremamente alinhados com as bases conceituais da ciência em questão. Pouca exploração da relação entre as áreas que protagonizam o conteúdo abordado até aqui, uma carência real de periódicos e até mesmo de publicações que abordem a Design Science no Brasil. Necessidade de um maior aprofundamento na relação entre o Web Design e o Design da Informação de modo a permitir maior esclarecimento sobre as projeções das duas áreas nos anos seguintes, e de uma análise formal dos currículos e das competências trabalhadas nos programas e cursos de Web Design, Design da Informação e Ciência da Informação e Sistemas de Informação.
  • 23. Obrigado por sua atenção e seu tempo.