SlideShare uma empresa Scribd logo
CERIMÔNIAS União Sul Brasileira
Pessoas de todas as faixas etárias e de todas as civilizações, apreciam as cerimônias. Desde os primitivos ritos tribais até à coroação de um rei ou a tomada de posse de um Presidente, é com prazer que todos se lembram das cerimônias formais implicadas no caso.
O fato importante que deve ser lembrado ao planejar as cerimônias, é que devem ter realmente sentido para o grupo, e que não sejam simples sessões de palavreados.
Se a solenidade das boas-vindas significa a sincera e amorosa aceitação de um novo membro, ou se a cerimônia religiosa significa uma tomada ou renovação de compromissos sagrados, ou se a cerimônia do hasteamento da bandeira inspira o juvenil a ter ímpetos de bradar: "Esta é minha pátria, minha terra natal!" - então será uma cerimônia digna da participação de um desbravador.
As cerimônias provêem maneiras de reconhecer, com dignidade e seriedade, o desenvolvimento dos indivíduos. O Por Quê das Cerimônias
Provêem modos formais de abertura e término das reuniões e atividades. As cerimônias devem ser variadas, para que sejam interessantes. Envolvem, de certa maneira, todos os membros e permitem que os próprios Desbravadores tomem a direção, tanto quanto possível.
1. Mantenha a cerimônia simples, breve e digna. 2. Busque o inspirador, em vez de o exageradamente dramático. 3. Ensaie as partes da cerimônia, se preciso. 4. Se as partes faladas não forem decoradas, prepare cartõezinhos impressos ou digitados, que sejam lidos inteligentemente. Os Elementos das Cerimônias
5. Não apresse a cerimônia, mas cuide que ela se desenvolva fluentemente, sem demoras. Os Elementos das Cerimônias 6. Faça e siga uma lista dos materiais e preparativos. 7. Convide líderes da igreja e autoridades civis para assistir o programa.
8.  Fogueiras de acampamento (reais ou artificiais), iluminação especial ou velas, ajudam a criar ambiente; diminua (não apague) as luzes se forem usadas velas. Os Elementos das Cerimônias 9.  Para aumentar o estímulo e o colorido, use a Bandeira Nacional, Bandeira do Estado ou cidade e a Bandeira dos Desbravadores. 10. Faça que os que receberão honras, prêmios, etc., fiquem de frente para o grupo.
Tipos de Cerimônias
Cerimônia de Alistamento Cerimônia de Honra 1. Apresentação Especial
Cerimônia de Abertura Cerimônia de Encerramento 2. Programa Regular
Usada para dar oficialmente boas-vindas aos novos membros do Clube e suas atividades. São alistados, depois de haverem completado as condições básicas para ser um membro.  CERIMÔNIA  DE ALISTAMENTO OU ACEITAÇÃO
Deve ser realizada, mesmo que haja apenas um membro para ser recebido. CERIMÔNIA  DE ALISTAMENTO OU ACEITAÇÃO Pode ser apropriado realizar a cerimônia durante uma reunião especial, diante de toda a Igreja.
Veja para que estejam presentes os pais dos membros alistados. CERIMÔNIA  DE ALISTAMENTO OU ACEITAÇÃO Convém ter uma programa a ser seguida em todas as cerimônias.
Usa-se para demonstrar que alguém está sendo honrado, e aos espectadores a obra e prestígio envolvidos na realização.  Esta cerimônia reconhece as realizações dos membros individuais, bem como das unidades e mesmo dos membros da diretoria. Centraliza-se em torno da apresentação dos prêmios e condecorações. CERIMÔNIA DE HONRA
1. Realizações em classe 2. Apresentação de especialidades 3. Insígnia de Excelência 4. Desbravadores e Unidades do Trimestre  As áreas de reconhecimento podem ser:
5. Serviços notáveis Essas são normalmente realizadas uma vez por trimestre. Como na cerimônia de alistamento, convidem todos os pais e membros da Igreja. As áreas de reconhecimento podem ser:
É em geral calma e um pouco mais reverente Canto de um hino suave Um breve pensamento devocional do Diretor  Oração O clube em geral fica em formação Se houve um guarda da Bandeira, na cerimônia inicial, ele pode arriar a bandeira no final. Algumas indicações gerais CERIMÔNIAS DE ENCERRAMENTO
Canto de corinhos pelos Desbravadores, podendo ser acompanhados de gestos. Algumas idéias específicas Formar um círculo. Os desbravadores cruzam os braços e pegam na mão do desbravador de cada lado, formando um círculo contínuo de mãos cruzadas e unidas. Cante-se o hino dos Desbravadores ou outro cântico espiritual ou recite-se uma promessa bíblica.
Se no início da cerimônia usou-se da Bandeira Nacional, convirá retirar a bandeira. Os desbravadores podem assobiar o "Salve, lindo pendão da esperança" ao ser retirada a bandeira.
O Clube todo forma um círculo, cada qual levanta a mão direita como num juramento, a mão esquerda pega no pulso direito do companheiro ao lado. Pode-se recitar um verso bíblico, compromisso da Bíblia ou da Bandeira Cristã. Nessa posição pode-se fazer a oração final.
O espírito do Líder é contagioso.  Todo instrutor deve praticar e ensinar os seguintes princípios: 1.  Em pé ou andando, sempre estar em posição ereta. Fitar o rosto do seu grupo. 2.  Explicar os movimentos e dar ordens exatamente como se acham no manual de instruções, passo a passo. Quando Você Comanda
3. Fazer demonstrações precisas; assegurar-se de que todos podem observar. 4. Dar ordens claras, com o apropriado volume de voz, a devida inflexão, cadência e vivacidade; usar o diafragma. 5. Ser paciente, cortês e sério, nunca ridicularizar, nunca usar de sarcasmo, nunca dar a impressão de estar aborrecido.
6. Ser preciso; insistir na destreza e precisão, na execução de todos os pormenores.  7. Corrigir de imediato os erros. Ao corrigir uma pessoa, chamar primeiro o seu nome. 8. Ao ajudar os iniciantes, só usar as mãos quando necessário.
9. Fazer uma pergunta antes de chamar pelo nome uma pessoa, de modo que cada qual esteja preparado para  responder a cada uma das perguntas. 10. Permitir descansos freqüentes; não subestimar a capacidade de tempo de atenção do seu grupo.
Os princípios do Voto e da Lei dos Desbravadores são o coração dos Desbravadores e do Clube. O Voto e a Lei têm um lugar proeminente na cerimônia de investidura. Além de haverem treinado seus olhos, ouvidos, mãos e mente, conforme o preenchimento dos requisitos das classes o provam, os Desbravadores desenvolverão o caráter, e estão portanto, melhor preparados para realizarem um trabalho missionário bem sucedido para Deus. Programa de Investidura
1) Declaração e interpretação do Voto e da Lei do Desbravador pelos candidatos. 2) Desafio ao grupo quanto à sua lealdade ao Voto e à Lei e sua perfeita compreensão. 3) O líder dos Desbravadores deve declarar se está satisfeito com o aproveitamento dos candidatos e se estes preencheram satisfatoriamente os requisitos. Se assim for, ele deve testificar esse fato. Critério de Conteúdo
4) Os candidatos devem fazer uma demonstração, para provar que compreenderam perfeitamente os diferentes requisitos. 5)  O compromisso dos candidatos e a concessão das insígnias.
Possivelmente não há nada relacionado com o trabalho das Classes de Desbravadores que ofereça maior oportunidade de engrandecer o que está sendo feito perante os olhos dos membros da igreja, que a cerimônia de investidura. Por isso é importante que o serviço seja conduzido de maneira significativa, a fim de despertar em cada coração o desejo de fazer mais em favor da salvação de nossos meninos e meninas.
"Vocês acabam de concluir seu programa de estudo e de auto-aperfeiçoamento, quando estão prontos para assumirem novas responsabilidades na igreja e em sua Obra. Cada um de vocês concluiu os requisitos de uma ou mais Classes dos Desbravadores. O distintivo que estão por receber representa os mais elevados ideais dos Jovens Adventistas do Sétimo Dia.  Exortação Sugestiva
Este distintivo deve ser usado apenas enquanto vocês demonstrarem em seu viver diário os ideais representados por ele - os ideais incorporados no Voto e na Lei dos Desbravadores.  Assim, exorto-os que, pela graça de Deus, se empenhem diariamente para valorizarem esses elevados princípios e exemplificá-los em suas palavras e ações para que, ao assim procederem, demonstrem serem verdadeiros servos de Deus e amigos da humanidade.
"Se em algum momento e por algum motivo você perder de vista esses ideais e não mais os valorizar e praticar em sua vida diária, você demonstrará lealdade ao devolver o distintivo à Associação/Missão que os outorgou. Que Deus o conserve verdadeiro a Ele e aos nobres ideais do Clube dos Desbravadores".
"Vocês chegaram agora ao ponto em seu programa de estudo e auto-aperfeiçoamento, em que estão prontos para assumir um novo relacionamento com a Igreja e seu trabalho. Vocês completaram o trabalho exigido em uma das Classes dos Desbravadores. A insígnia que vocês estão para receber representa os mais elevados ideais da organização Jovem Adventista do Sétimo Dia.  O Compromisso
“ Esta insígnia deve ficar em seu poder enquanto vocês permanecerem fiéis na vida diária a esses ideais representados pela insígnia - os ideais adotados no Voto e na Lei dos Desbravadores. Portanto, pela graça de Deus, eu os responsabilizo a esforçarem-se cada dia no cultivo desses altos princípios e no cumprimento dos mesmos, através de suas palavras e lições, provando assim verdadeiros servos de Deus e amigos de todos.
“ Se por qualquer razão vocês perderem de vista estes ideais e não mais os desejarem nem o praticarem em sua vida diária, será seu dever devolver a insígnia à Associação que a concedeu. Entretanto, confio que Deus irá conservá-los fiéis a Ele e a esses ideais”.
Final da Apresentação CERIMÔNIAS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Prova de lenço (DESBRAVADORES)
Prova de lenço (DESBRAVADORES)Prova de lenço (DESBRAVADORES)
Prova de lenço (DESBRAVADORES)
titosbraga
 
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_FabricioProtuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Fabricio Kennedy
 
Download - Organograma Clube
Download - Organograma ClubeDownload - Organograma Clube
Download - Organograma Clube
APaC Elo 2
 
Caderneta da unidade
Caderneta da unidadeCaderneta da unidade
Caderneta da unidade
Emerson Silva
 
Curso de treinamento de diretoria nível básico
Curso de treinamento de diretoria  nível básicoCurso de treinamento de diretoria  nível básico
Curso de treinamento de diretoria nível básico
Alberto Lázaro Souza Junior
 
Download - Cerimonial de Abertura
Download - Cerimonial de AberturaDownload - Cerimonial de Abertura
Download - Cerimonial de Abertura
APaC Elo 2
 
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos DesbravadoresFilosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Clube de Lideres Online
 
História dos desbravadores
História dos desbravadoresHistória dos desbravadores
História dos desbravadores
Guerreiros Cristo
 
Caderno de atividades Pioneiro
Caderno de atividades PioneiroCaderno de atividades Pioneiro
Caderno de atividades Pioneiro
Feras Feras
 
Caderno de atividades Guia
Caderno de atividades GuiaCaderno de atividades Guia
Caderno de atividades Guia
Feras Feras
 
Atividades para o sábado
Atividades para o sábadoAtividades para o sábado
Atividades para o sábado
Ismael Rosa
 
Manual de líder master
Manual de líder masterManual de líder master
Manual de líder master
Ismael Rosa
 
Regulamento de Uniformes - RUD
Regulamento de Uniformes - RUDRegulamento de Uniformes - RUD
Regulamento de Uniformes - RUD
Gustavo Reis
 
Curso de capitão.pptx
Curso de capitão.pptxCurso de capitão.pptx
Curso de capitão.pptx
DiogoMachado98
 
Novo regulamento de uniformes dos Desbravadores
Novo regulamento de uniformes dos DesbravadoresNovo regulamento de uniformes dos Desbravadores
Novo regulamento de uniformes dos Desbravadores
Guerreiros Cristo
 
Manual de nós e amarras
Manual de nós e amarrasManual de nós e amarras
Manual de nós e amarras
Ismael Rosa
 
100+brincadeiras
100+brincadeiras100+brincadeiras
100+brincadeiras
Evandro Felipe
 
Caderno de atividades Excursionista
Caderno de atividades ExcursionistaCaderno de atividades Excursionista
Caderno de atividades Excursionista
Feras Feras
 
Tipos de fogueiras
Tipos de fogueirasTipos de fogueiras
Tipos de fogueiras
Ismael Rosa
 
Ordem unida
Ordem unidaOrdem unida

Mais procurados (20)

Prova de lenço (DESBRAVADORES)
Prova de lenço (DESBRAVADORES)Prova de lenço (DESBRAVADORES)
Prova de lenço (DESBRAVADORES)
 
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_FabricioProtuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
Protuario líder Master Desenvolvimento_Fabricio
 
Download - Organograma Clube
Download - Organograma ClubeDownload - Organograma Clube
Download - Organograma Clube
 
Caderneta da unidade
Caderneta da unidadeCaderneta da unidade
Caderneta da unidade
 
Curso de treinamento de diretoria nível básico
Curso de treinamento de diretoria  nível básicoCurso de treinamento de diretoria  nível básico
Curso de treinamento de diretoria nível básico
 
Download - Cerimonial de Abertura
Download - Cerimonial de AberturaDownload - Cerimonial de Abertura
Download - Cerimonial de Abertura
 
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos DesbravadoresFilosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
 
História dos desbravadores
História dos desbravadoresHistória dos desbravadores
História dos desbravadores
 
Caderno de atividades Pioneiro
Caderno de atividades PioneiroCaderno de atividades Pioneiro
Caderno de atividades Pioneiro
 
Caderno de atividades Guia
Caderno de atividades GuiaCaderno de atividades Guia
Caderno de atividades Guia
 
Atividades para o sábado
Atividades para o sábadoAtividades para o sábado
Atividades para o sábado
 
Manual de líder master
Manual de líder masterManual de líder master
Manual de líder master
 
Regulamento de Uniformes - RUD
Regulamento de Uniformes - RUDRegulamento de Uniformes - RUD
Regulamento de Uniformes - RUD
 
Curso de capitão.pptx
Curso de capitão.pptxCurso de capitão.pptx
Curso de capitão.pptx
 
Novo regulamento de uniformes dos Desbravadores
Novo regulamento de uniformes dos DesbravadoresNovo regulamento de uniformes dos Desbravadores
Novo regulamento de uniformes dos Desbravadores
 
Manual de nós e amarras
Manual de nós e amarrasManual de nós e amarras
Manual de nós e amarras
 
100+brincadeiras
100+brincadeiras100+brincadeiras
100+brincadeiras
 
Caderno de atividades Excursionista
Caderno de atividades ExcursionistaCaderno de atividades Excursionista
Caderno de atividades Excursionista
 
Tipos de fogueiras
Tipos de fogueirasTipos de fogueiras
Tipos de fogueiras
 
Ordem unida
Ordem unidaOrdem unida
Ordem unida
 

Destaque

Download - Cerimônia
Download - CerimôniaDownload - Cerimônia
Download - Cerimônia
APaC Elo 2
 
Manual de especialidades com resposta
Manual de especialidades com respostaManual de especialidades com resposta
Manual de especialidades com resposta
Ismael Rosa
 
Manual de ordem unida ACSR - OFICIAL
Manual de ordem unida ACSR - OFICIALManual de ordem unida ACSR - OFICIAL
Manual de ordem unida ACSR - OFICIAL
Gustavo Nunes Dos Reis
 
Constituição dos Desbravadores
Constituição dos DesbravadoresConstituição dos Desbravadores
Constituição dos Desbravadores
desbravadoresdorn
 
Desbra Aula06
Desbra Aula06Desbra Aula06
Evangelismo Juvenil
Evangelismo JuvenilEvangelismo Juvenil
Evangelismo Juvenil
Clube de Lideres Online
 
Perfil Do Instrutor
Perfil Do InstrutorPerfil Do Instrutor
Perfil Do Instrutor
Clube de Lideres Online
 
Treinamento para diretores
Treinamento para diretoresTreinamento para diretores
Treinamento para diretores
Ericleison Silva
 
O Capitao E O Clube
O Capitao E O ClubeO Capitao E O Clube
O Capitao E O Clube
Clube de Lideres Online
 
Sobreviventes
SobreviventesSobreviventes
Testemunhando No Clube De Desbravadores
Testemunhando No Clube De DesbravadoresTestemunhando No Clube De Desbravadores
Testemunhando No Clube De Desbravadores
Clube de Lideres Online
 
Introdução à Orientação Desbravadores
Introdução à Orientação Desbravadores Introdução à Orientação Desbravadores
Introdução à Orientação Desbravadores
Anderson Andrade
 
Disciplina
DisciplinaDisciplina
Cerimônia de posse
Cerimônia de posseCerimônia de posse
Cerimônia de posse
cejad
 
MATERIAL 5 - Como Organizar uma Reunião
MATERIAL 5 - Como Organizar uma ReuniãoMATERIAL 5 - Como Organizar uma Reunião
MATERIAL 5 - Como Organizar uma Reunião
Joanson Sousa
 
Ordem Unida
Ordem UnidaOrdem Unida
Formatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação Social
Formatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação SocialFormatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação Social
Formatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação Social
Amaury Magalhaes
 
A Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRiaA Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRia
Clube de Lideres Online
 
Classes regulares.orientações gerais
Classes regulares.orientações geraisClasses regulares.orientações gerais
Classes regulares.orientações gerais
Jeferson Jlcaruso Contabilidade
 
Regulamento Uniforme Desbravadores
Regulamento Uniforme DesbravadoresRegulamento Uniforme Desbravadores
Regulamento Uniforme Desbravadores
Jeferson Jlcaruso Contabilidade
 

Destaque (20)

Download - Cerimônia
Download - CerimôniaDownload - Cerimônia
Download - Cerimônia
 
Manual de especialidades com resposta
Manual de especialidades com respostaManual de especialidades com resposta
Manual de especialidades com resposta
 
Manual de ordem unida ACSR - OFICIAL
Manual de ordem unida ACSR - OFICIALManual de ordem unida ACSR - OFICIAL
Manual de ordem unida ACSR - OFICIAL
 
Constituição dos Desbravadores
Constituição dos DesbravadoresConstituição dos Desbravadores
Constituição dos Desbravadores
 
Desbra Aula06
Desbra Aula06Desbra Aula06
Desbra Aula06
 
Evangelismo Juvenil
Evangelismo JuvenilEvangelismo Juvenil
Evangelismo Juvenil
 
Perfil Do Instrutor
Perfil Do InstrutorPerfil Do Instrutor
Perfil Do Instrutor
 
Treinamento para diretores
Treinamento para diretoresTreinamento para diretores
Treinamento para diretores
 
O Capitao E O Clube
O Capitao E O ClubeO Capitao E O Clube
O Capitao E O Clube
 
Sobreviventes
SobreviventesSobreviventes
Sobreviventes
 
Testemunhando No Clube De Desbravadores
Testemunhando No Clube De DesbravadoresTestemunhando No Clube De Desbravadores
Testemunhando No Clube De Desbravadores
 
Introdução à Orientação Desbravadores
Introdução à Orientação Desbravadores Introdução à Orientação Desbravadores
Introdução à Orientação Desbravadores
 
Disciplina
DisciplinaDisciplina
Disciplina
 
Cerimônia de posse
Cerimônia de posseCerimônia de posse
Cerimônia de posse
 
MATERIAL 5 - Como Organizar uma Reunião
MATERIAL 5 - Como Organizar uma ReuniãoMATERIAL 5 - Como Organizar uma Reunião
MATERIAL 5 - Como Organizar uma Reunião
 
Ordem Unida
Ordem UnidaOrdem Unida
Ordem Unida
 
Formatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação Social
Formatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação SocialFormatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação Social
Formatura Anhembi Morumbi - 2010 - Comunicação Social
 
A Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRiaA Ordem Unida Na HistóRia
A Ordem Unida Na HistóRia
 
Classes regulares.orientações gerais
Classes regulares.orientações geraisClasses regulares.orientações gerais
Classes regulares.orientações gerais
 
Regulamento Uniforme Desbravadores
Regulamento Uniforme DesbravadoresRegulamento Uniforme Desbravadores
Regulamento Uniforme Desbravadores
 

Semelhante a Cerimonias

05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx
05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx
05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx
GourgelCambinda1
 
230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf
CarlosRodrigues832670
 
230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf
CarlosRodrigues832670
 
P5-Formação Espiritual.pptx
P5-Formação Espiritual.pptxP5-Formação Espiritual.pptx
P5-Formação Espiritual.pptx
Luiz Gomes
 
Curso Finanças Pessoais SUD.pdf
Curso Finanças Pessoais SUD.pdfCurso Finanças Pessoais SUD.pdf
Curso Finanças Pessoais SUD.pdf
NaiaraFreire3
 
Programa de metas tamanho normar 1 por pag
Programa de metas  tamanho normar 1 por pagPrograma de metas  tamanho normar 1 por pag
Programa de metas tamanho normar 1 por pag
Michele da Rosa dos Santos Padilha
 
Soc soc livro metas tamanho medio
Soc soc livro metas tamanho medio Soc soc livro metas tamanho medio
Soc soc livro metas tamanho medio
Michele da Rosa dos Santos Padilha
 
Oreintações gerais sobre min. recepção
Oreintações gerais sobre min. recepçãoOreintações gerais sobre min. recepção
Oreintações gerais sobre min. recepção
Ana EEverton
 
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
André Phelps
 
Treinamento embaixadores
Treinamento embaixadoresTreinamento embaixadores
Treinamento embaixadores
Raphael Antoniolli
 
Disciplina
DisciplinaDisciplina
Iniciar e melhorar meu negócio
Iniciar e melhorar meu negócioIniciar e melhorar meu negócio
Iniciar e melhorar meu negócio
Jdm Proteses
 
Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)
Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)
Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)
Igreja Nazareno
 
Como organizar uma conferência missionária
Como organizar uma conferência missionáriaComo organizar uma conferência missionária
Como organizar uma conferência missionária
Bárbara Pereira Quaresma
 
Comofazer1
Comofazer1Comofazer1
Manual lider master
Manual lider masterManual lider master
Manual lider master
Felipe_Hebert
 
Material 3 - Planejamento
Material 3 - PlanejamentoMaterial 3 - Planejamento
Material 3 - Planejamento
Joanson Sousa
 
Manual de Discipulador
Manual de DiscipuladorManual de Discipulador
Manual de Discipulador
Christian Lepelletier
 
A recompensa da honra (1)
A recompensa da honra (1)A recompensa da honra (1)
A recompensa da honra (1)
Erico Pontes Melo
 
P8 - Treinamento do Líder de Célula.pptx
P8 - Treinamento do Líder de Célula.pptxP8 - Treinamento do Líder de Célula.pptx
P8 - Treinamento do Líder de Célula.pptx
Luiz Gomes
 

Semelhante a Cerimonias (20)

05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx
05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx
05 Cerimonias do clube de desbravadores.pptx
 
230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf
 
230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf230806457-Lider-Master.pdf
230806457-Lider-Master.pdf
 
P5-Formação Espiritual.pptx
P5-Formação Espiritual.pptxP5-Formação Espiritual.pptx
P5-Formação Espiritual.pptx
 
Curso Finanças Pessoais SUD.pdf
Curso Finanças Pessoais SUD.pdfCurso Finanças Pessoais SUD.pdf
Curso Finanças Pessoais SUD.pdf
 
Programa de metas tamanho normar 1 por pag
Programa de metas  tamanho normar 1 por pagPrograma de metas  tamanho normar 1 por pag
Programa de metas tamanho normar 1 por pag
 
Soc soc livro metas tamanho medio
Soc soc livro metas tamanho medio Soc soc livro metas tamanho medio
Soc soc livro metas tamanho medio
 
Oreintações gerais sobre min. recepção
Oreintações gerais sobre min. recepçãoOreintações gerais sobre min. recepção
Oreintações gerais sobre min. recepção
 
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
 
Treinamento embaixadores
Treinamento embaixadoresTreinamento embaixadores
Treinamento embaixadores
 
Disciplina
DisciplinaDisciplina
Disciplina
 
Iniciar e melhorar meu negócio
Iniciar e melhorar meu negócioIniciar e melhorar meu negócio
Iniciar e melhorar meu negócio
 
Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)
Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)
Ministérios para Jovens (Forma do Ministério Juvenil)
 
Como organizar uma conferência missionária
Como organizar uma conferência missionáriaComo organizar uma conferência missionária
Como organizar uma conferência missionária
 
Comofazer1
Comofazer1Comofazer1
Comofazer1
 
Manual lider master
Manual lider masterManual lider master
Manual lider master
 
Material 3 - Planejamento
Material 3 - PlanejamentoMaterial 3 - Planejamento
Material 3 - Planejamento
 
Manual de Discipulador
Manual de DiscipuladorManual de Discipulador
Manual de Discipulador
 
A recompensa da honra (1)
A recompensa da honra (1)A recompensa da honra (1)
A recompensa da honra (1)
 
P8 - Treinamento do Líder de Célula.pptx
P8 - Treinamento do Líder de Célula.pptxP8 - Treinamento do Líder de Célula.pptx
P8 - Treinamento do Líder de Célula.pptx
 

Mais de Clube de Lideres Online

Avioes
AvioesAvioes
I SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem UnidaI SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem Unida
Clube de Lideres Online
 
Crescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De DesbravadoresCrescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De Desbravadores
Clube de Lideres Online
 
Autoridades E Prerrogativas
Autoridades E PrerrogativasAutoridades E Prerrogativas
Autoridades E Prerrogativas
Clube de Lideres Online
 
Comandos Por Gestos
Comandos Por GestosComandos Por Gestos
Comandos Por Gestos
Clube de Lideres Online
 
Julian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na caladaJulian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na calada
Clube de Lideres Online
 
Tres
TresTres
Uma Nova Manha
Uma Nova ManhaUma Nova Manha
Uma Nova Manha
Clube de Lideres Online
 
Tosse Salvadora
Tosse SalvadoraTosse Salvadora
Tosse Salvadora
Clube de Lideres Online
 
Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)
Clube de Lideres Online
 
Sentido Do Matrimonio
Sentido Do MatrimonioSentido Do Matrimonio
Sentido Do Matrimonio
Clube de Lideres Online
 
Perguntas.
Perguntas.Perguntas.
Receita De Nenen
Receita De NenenReceita De Nenen
Receita De Nenen
Clube de Lideres Online
 
Howfortunateweare
HowfortunateweareHowfortunateweare
Howfortunateweare
Clube de Lideres Online
 
Filosofando
FilosofandoFilosofando

Mais de Clube de Lideres Online (20)

Avioes
AvioesAvioes
Avioes
 
Apresentação Dobrar Bandeiras
Apresentação Dobrar BandeirasApresentação Dobrar Bandeiras
Apresentação Dobrar Bandeiras
 
I SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem UnidaI SemináRio De Ordem Unida
I SemináRio De Ordem Unida
 
Crescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De DesbravadoresCrescimento De Clubes De Desbravadores
Crescimento De Clubes De Desbravadores
 
Autoridades E Prerrogativas
Autoridades E PrerrogativasAutoridades E Prerrogativas
Autoridades E Prerrogativas
 
Comandos Por Gestos
Comandos Por GestosComandos Por Gestos
Comandos Por Gestos
 
ApresentaçãO Dobrar Bandeiras
ApresentaçãO Dobrar BandeirasApresentaçãO Dobrar Bandeiras
ApresentaçãO Dobrar Bandeiras
 
Bandeira Dobra
Bandeira DobraBandeira Dobra
Bandeira Dobra
 
Banderins unidade
Banderins unidadeBanderins unidade
Banderins unidade
 
Julian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na caladaJulian Beever Desenhos na calada
Julian Beever Desenhos na calada
 
Tres
TresTres
Tres
 
Uma Nova Manha
Uma Nova ManhaUma Nova Manha
Uma Nova Manha
 
Tosse Salvadora
Tosse SalvadoraTosse Salvadora
Tosse Salvadora
 
Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)Teste Dalai Lama(Amor)
Teste Dalai Lama(Amor)
 
Sentido Do Matrimonio
Sentido Do MatrimonioSentido Do Matrimonio
Sentido Do Matrimonio
 
Perguntas.
Perguntas.Perguntas.
Perguntas.
 
Receita De Nenen
Receita De NenenReceita De Nenen
Receita De Nenen
 
Inhaca
InhacaInhaca
Inhaca
 
Howfortunateweare
HowfortunateweareHowfortunateweare
Howfortunateweare
 
Filosofando
FilosofandoFilosofando
Filosofando
 

Cerimonias

  • 2. Pessoas de todas as faixas etárias e de todas as civilizações, apreciam as cerimônias. Desde os primitivos ritos tribais até à coroação de um rei ou a tomada de posse de um Presidente, é com prazer que todos se lembram das cerimônias formais implicadas no caso.
  • 3. O fato importante que deve ser lembrado ao planejar as cerimônias, é que devem ter realmente sentido para o grupo, e que não sejam simples sessões de palavreados.
  • 4. Se a solenidade das boas-vindas significa a sincera e amorosa aceitação de um novo membro, ou se a cerimônia religiosa significa uma tomada ou renovação de compromissos sagrados, ou se a cerimônia do hasteamento da bandeira inspira o juvenil a ter ímpetos de bradar: "Esta é minha pátria, minha terra natal!" - então será uma cerimônia digna da participação de um desbravador.
  • 5. As cerimônias provêem maneiras de reconhecer, com dignidade e seriedade, o desenvolvimento dos indivíduos. O Por Quê das Cerimônias
  • 6. Provêem modos formais de abertura e término das reuniões e atividades. As cerimônias devem ser variadas, para que sejam interessantes. Envolvem, de certa maneira, todos os membros e permitem que os próprios Desbravadores tomem a direção, tanto quanto possível.
  • 7. 1. Mantenha a cerimônia simples, breve e digna. 2. Busque o inspirador, em vez de o exageradamente dramático. 3. Ensaie as partes da cerimônia, se preciso. 4. Se as partes faladas não forem decoradas, prepare cartõezinhos impressos ou digitados, que sejam lidos inteligentemente. Os Elementos das Cerimônias
  • 8. 5. Não apresse a cerimônia, mas cuide que ela se desenvolva fluentemente, sem demoras. Os Elementos das Cerimônias 6. Faça e siga uma lista dos materiais e preparativos. 7. Convide líderes da igreja e autoridades civis para assistir o programa.
  • 9. 8. Fogueiras de acampamento (reais ou artificiais), iluminação especial ou velas, ajudam a criar ambiente; diminua (não apague) as luzes se forem usadas velas. Os Elementos das Cerimônias 9. Para aumentar o estímulo e o colorido, use a Bandeira Nacional, Bandeira do Estado ou cidade e a Bandeira dos Desbravadores. 10. Faça que os que receberão honras, prêmios, etc., fiquem de frente para o grupo.
  • 11. Cerimônia de Alistamento Cerimônia de Honra 1. Apresentação Especial
  • 12. Cerimônia de Abertura Cerimônia de Encerramento 2. Programa Regular
  • 13. Usada para dar oficialmente boas-vindas aos novos membros do Clube e suas atividades. São alistados, depois de haverem completado as condições básicas para ser um membro. CERIMÔNIA DE ALISTAMENTO OU ACEITAÇÃO
  • 14. Deve ser realizada, mesmo que haja apenas um membro para ser recebido. CERIMÔNIA DE ALISTAMENTO OU ACEITAÇÃO Pode ser apropriado realizar a cerimônia durante uma reunião especial, diante de toda a Igreja.
  • 15. Veja para que estejam presentes os pais dos membros alistados. CERIMÔNIA DE ALISTAMENTO OU ACEITAÇÃO Convém ter uma programa a ser seguida em todas as cerimônias.
  • 16. Usa-se para demonstrar que alguém está sendo honrado, e aos espectadores a obra e prestígio envolvidos na realização. Esta cerimônia reconhece as realizações dos membros individuais, bem como das unidades e mesmo dos membros da diretoria. Centraliza-se em torno da apresentação dos prêmios e condecorações. CERIMÔNIA DE HONRA
  • 17. 1. Realizações em classe 2. Apresentação de especialidades 3. Insígnia de Excelência 4. Desbravadores e Unidades do Trimestre As áreas de reconhecimento podem ser:
  • 18. 5. Serviços notáveis Essas são normalmente realizadas uma vez por trimestre. Como na cerimônia de alistamento, convidem todos os pais e membros da Igreja. As áreas de reconhecimento podem ser:
  • 19. É em geral calma e um pouco mais reverente Canto de um hino suave Um breve pensamento devocional do Diretor Oração O clube em geral fica em formação Se houve um guarda da Bandeira, na cerimônia inicial, ele pode arriar a bandeira no final. Algumas indicações gerais CERIMÔNIAS DE ENCERRAMENTO
  • 20. Canto de corinhos pelos Desbravadores, podendo ser acompanhados de gestos. Algumas idéias específicas Formar um círculo. Os desbravadores cruzam os braços e pegam na mão do desbravador de cada lado, formando um círculo contínuo de mãos cruzadas e unidas. Cante-se o hino dos Desbravadores ou outro cântico espiritual ou recite-se uma promessa bíblica.
  • 21. Se no início da cerimônia usou-se da Bandeira Nacional, convirá retirar a bandeira. Os desbravadores podem assobiar o "Salve, lindo pendão da esperança" ao ser retirada a bandeira.
  • 22. O Clube todo forma um círculo, cada qual levanta a mão direita como num juramento, a mão esquerda pega no pulso direito do companheiro ao lado. Pode-se recitar um verso bíblico, compromisso da Bíblia ou da Bandeira Cristã. Nessa posição pode-se fazer a oração final.
  • 23. O espírito do Líder é contagioso. Todo instrutor deve praticar e ensinar os seguintes princípios: 1. Em pé ou andando, sempre estar em posição ereta. Fitar o rosto do seu grupo. 2. Explicar os movimentos e dar ordens exatamente como se acham no manual de instruções, passo a passo. Quando Você Comanda
  • 24. 3. Fazer demonstrações precisas; assegurar-se de que todos podem observar. 4. Dar ordens claras, com o apropriado volume de voz, a devida inflexão, cadência e vivacidade; usar o diafragma. 5. Ser paciente, cortês e sério, nunca ridicularizar, nunca usar de sarcasmo, nunca dar a impressão de estar aborrecido.
  • 25. 6. Ser preciso; insistir na destreza e precisão, na execução de todos os pormenores. 7. Corrigir de imediato os erros. Ao corrigir uma pessoa, chamar primeiro o seu nome. 8. Ao ajudar os iniciantes, só usar as mãos quando necessário.
  • 26. 9. Fazer uma pergunta antes de chamar pelo nome uma pessoa, de modo que cada qual esteja preparado para responder a cada uma das perguntas. 10. Permitir descansos freqüentes; não subestimar a capacidade de tempo de atenção do seu grupo.
  • 27. Os princípios do Voto e da Lei dos Desbravadores são o coração dos Desbravadores e do Clube. O Voto e a Lei têm um lugar proeminente na cerimônia de investidura. Além de haverem treinado seus olhos, ouvidos, mãos e mente, conforme o preenchimento dos requisitos das classes o provam, os Desbravadores desenvolverão o caráter, e estão portanto, melhor preparados para realizarem um trabalho missionário bem sucedido para Deus. Programa de Investidura
  • 28. 1) Declaração e interpretação do Voto e da Lei do Desbravador pelos candidatos. 2) Desafio ao grupo quanto à sua lealdade ao Voto e à Lei e sua perfeita compreensão. 3) O líder dos Desbravadores deve declarar se está satisfeito com o aproveitamento dos candidatos e se estes preencheram satisfatoriamente os requisitos. Se assim for, ele deve testificar esse fato. Critério de Conteúdo
  • 29. 4) Os candidatos devem fazer uma demonstração, para provar que compreenderam perfeitamente os diferentes requisitos. 5) O compromisso dos candidatos e a concessão das insígnias.
  • 30. Possivelmente não há nada relacionado com o trabalho das Classes de Desbravadores que ofereça maior oportunidade de engrandecer o que está sendo feito perante os olhos dos membros da igreja, que a cerimônia de investidura. Por isso é importante que o serviço seja conduzido de maneira significativa, a fim de despertar em cada coração o desejo de fazer mais em favor da salvação de nossos meninos e meninas.
  • 31. "Vocês acabam de concluir seu programa de estudo e de auto-aperfeiçoamento, quando estão prontos para assumirem novas responsabilidades na igreja e em sua Obra. Cada um de vocês concluiu os requisitos de uma ou mais Classes dos Desbravadores. O distintivo que estão por receber representa os mais elevados ideais dos Jovens Adventistas do Sétimo Dia. Exortação Sugestiva
  • 32. Este distintivo deve ser usado apenas enquanto vocês demonstrarem em seu viver diário os ideais representados por ele - os ideais incorporados no Voto e na Lei dos Desbravadores. Assim, exorto-os que, pela graça de Deus, se empenhem diariamente para valorizarem esses elevados princípios e exemplificá-los em suas palavras e ações para que, ao assim procederem, demonstrem serem verdadeiros servos de Deus e amigos da humanidade.
  • 33. "Se em algum momento e por algum motivo você perder de vista esses ideais e não mais os valorizar e praticar em sua vida diária, você demonstrará lealdade ao devolver o distintivo à Associação/Missão que os outorgou. Que Deus o conserve verdadeiro a Ele e aos nobres ideais do Clube dos Desbravadores".
  • 34. "Vocês chegaram agora ao ponto em seu programa de estudo e auto-aperfeiçoamento, em que estão prontos para assumir um novo relacionamento com a Igreja e seu trabalho. Vocês completaram o trabalho exigido em uma das Classes dos Desbravadores. A insígnia que vocês estão para receber representa os mais elevados ideais da organização Jovem Adventista do Sétimo Dia. O Compromisso
  • 35. “ Esta insígnia deve ficar em seu poder enquanto vocês permanecerem fiéis na vida diária a esses ideais representados pela insígnia - os ideais adotados no Voto e na Lei dos Desbravadores. Portanto, pela graça de Deus, eu os responsabilizo a esforçarem-se cada dia no cultivo desses altos princípios e no cumprimento dos mesmos, através de suas palavras e lições, provando assim verdadeiros servos de Deus e amigos de todos.
  • 36. “ Se por qualquer razão vocês perderem de vista estes ideais e não mais os desejarem nem o praticarem em sua vida diária, será seu dever devolver a insígnia à Associação que a concedeu. Entretanto, confio que Deus irá conservá-los fiéis a Ele e a esses ideais”.
  • 37. Final da Apresentação CERIMÔNIAS