SlideShare uma empresa Scribd logo
Cenários Ubíquos e a Ciência
participativa
PhD Karine Pinheiro de Souza
Postdoctoral e-planning
Departamento Ciências Sociais, Política e Território –
Universidade de Aveiro.
kpinheiro.souza@ua.pt
O que há de novo na formação com TIC
As contradições do novo panóptico.
Como percebemos esse novo cenário ( VIGIAR –
EMANCIPAR)
A multiplicidade de dispositivos que pode auxiliar o
cidadão a questionar evidências, tomar decisões, buscar
dados, emitir opiniões situadas, questões éticas, sociais,
políticas trazendo suas questões para o coletivo.
O Caminho
Problemática
Quais as contribuições dos cenários ubíquos no
contexto da ciência participativa ?
“não precisamos simplesmente de um
conhecimento novo [...] necessitamos de um
novo modo de produzir conhecimento.” Aqui se
encontra o cerne do debate estabelecido nesse
artigo: a tarefa pedagógica de deixar o modelo
positivista como a única forma de fazer ciência e
ampliar o debate, muitas vezes enclausurado na
academia." Santos (2007, p. 20)
Nova hermenêutica epistemológica (SANTOS, 2007).
Objetivo
Identificar os efeitos da responsabilidade e
inovação na pesquisa - RRI na formação de
professores, na ação ciência na Praça.
Método
Estudo de campo ( Coutinho, 2011)
Coleta de dados – questionário semi-estruturado e notas
de campo
Técnica de análise dos dados – análise categorial da
webconferência. (Esteves, 2006)
Participantes : ( 20 professores, 8 estudantes do ensino
superior, 7 investigadores de universidades brasileiras e
internacionais)
Público
Ação
Exposição na Praça
Nuvem de palavras – análise das respostas – sobre o que é ciência ?
Experiência
Estudo de campo
Discussão sobre ciência & tecnologia - abordagem
inclusiva para garantir que todos atores sociais
compreendam os riscos e benefícios dos avanços.
Habilidades-chave: identificar questões
sócio-científicas, avaliar fontes, considerar
ciência e valores, argumentar opiniões &
comparar soluções.
• Devise
questions
Comunicar
• Justificar opiniões
• Criticar afirmações
• Comunicar idéias
Investigar
• Elaborar perguntas
Analisar
• Interrogar fontes
• Analisar dados
• Tirar conclusões
Solucionar
• Usar ética
• Estimar riscos
• Examinar
consequências
Abordagem do RRI -
ENGAGE
Contexto do estudo
Achados e contrapontos
- Como posso fazer algo, que não me foi ensinado
(Participante B )
Evidenciam o isolamento do modelo vigente do “fazer
ciência reproduzindo uma epistemologia tradicional. As
falas indicam a clareza de um pensamento de
questionamento, grau de criticidade. Mas destacam a
necessidade de reprodução de um modelo POSTO.
Achados e contrapontos
- Nós não temos feedback sobre as pesquisas que
são realizadas na escola (Participante. D).
Participantes Passivos x RRI
European Commission (2016); Okada (2016)
Demarca a necessidade de uma abordagem –
interroge fontes, usem a ética, examinam
consequências, estimam riscos, analisam padrões,
elaboram perguntas, comunicam ideias, conclusões.
Achados e contrapontos
Não somos formados para pesquisa, tenho a
necessidade e vou buscar outras fontes, pois só temos
a disciplina de metodologia científica, mas que não dá
conta. (Aluno 1)
Estratégias para RRI – trabalho com dilemas, formulação de
problemas com base em evidências, além de propor a tomada de
decisões responsáveis.
Okada (2016)
Desafios
Superar a invisibilização
Derrubar assimetrias
Promover o engajamento
Contribuições
Promover a ciência para fora.
Resgatar o entusiasmo por questões simples.
Mobilizar diálogos participativos sobre o fazer ciência.
Contribuições dos cenários ubíquos
Os educadores e os estudantes estavam
conectados, rompendo com as fronteiras de tempo e
espaço, o que possibilitou a bidirecionalidade e a
multirreferencialidade, ajudando a traçar novos
desafios (SOUZA et al., 2016).
Referências
Ferraz de Abreu, P.(2002) New Information Technologies in
public participation:PhD Thesis. MIT, Dept. Urban Studies and
Regional Planning, Cambridge, USA, May 2002.
Okada, A. (2015). Responsible Research and Innovation in
Science Education. The Open University UK KM.
Ratcliffe, M., & Grace (2003), M. Science Education for
Citizenship. Open University Press.
Santos, Boaventura; Mendes, José M ( 2017)
Demodiversidade: imaginar novas possibilidades
democráticas. Edições 70, 2017, 609p.
Obrigada!
Contatos :
karine.didatica@gmail.com
https://karinepinheirosouza.wordpress.com/
http://www.e-planning.org/news.html

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Ceis - BORDER CROSSINGS: TERRITÓRIOS E FRONTEIRAS EM INVESTIGAÇÃO

Book1 slideshare
Book1 slideshareBook1 slideshare
Book1 slideshare
Raquel Monteiro
 
Cesar ii seminário final
Cesar ii seminário finalCesar ii seminário final
Cesar ii seminário final
jorgellss
 
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docxProjeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
luceliaandrade8
 
Área de Projecto
Área de ProjectoÁrea de Projecto
Área de Projecto
ariomc
 
Projeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativa
Projeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativaProjeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativa
Projeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativa
Lúcia da Silveira
 
Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...
Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...
Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...
Rosane Domingues
 
Paradigmas de Investigação em Educação
Paradigmas de Investigação em EducaçãoParadigmas de Investigação em Educação
Paradigmas de Investigação em Educação
hcaixinha
 
O Uso de Reportagens científicas produzidas em um curso de Licenciatura ...
O Uso de Reportagens científicas      produzidas em um curso de Licenciatura ...O Uso de Reportagens científicas      produzidas em um curso de Licenciatura ...
O Uso de Reportagens científicas produzidas em um curso de Licenciatura ...
Seminário Latino-Americano SLIEC
 
Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)
Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)
Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)
Vinícius M. Kern
 
Pesquisa científica
Pesquisa científica Pesquisa científica
Pesquisa científica
Lilian Ismenia
 
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e InovadorasEducação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Universidade Federal de Pernambuco
 
Tendêcias Pedagógicas para 2018
Tendêcias Pedagógicas para 2018Tendêcias Pedagógicas para 2018
Tendêcias Pedagógicas para 2018
Universidade Federal de Pernambuco
 
Apresentação sapiranga escolas
Apresentação sapiranga   escolasApresentação sapiranga   escolas
Apresentação sapiranga escolas
Rodolfo Saenger
 
Apostila pesquisa participante
Apostila pesquisa participanteApostila pesquisa participante
Apostila pesquisa participante
Gleyton Gomes
 
Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...
Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...
Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...
Universidade Federal de Pernambuco
 
Poster empreenderciencia2011
Poster empreenderciencia2011Poster empreenderciencia2011
Poster empreenderciencia2011
ROSANI BORGES
 
Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...
Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...
Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...
Flávio Massa
 
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdfLINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
EricaBatistaAlmeida
 
3o encontro apresentação programa de iniciação científica
3o encontro apresentação programa de iniciação científica3o encontro apresentação programa de iniciação científica
3o encontro apresentação programa de iniciação científica
pesquisanaescolasesc
 
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Diene Eire Mello
 

Semelhante a Ceis - BORDER CROSSINGS: TERRITÓRIOS E FRONTEIRAS EM INVESTIGAÇÃO (20)

Book1 slideshare
Book1 slideshareBook1 slideshare
Book1 slideshare
 
Cesar ii seminário final
Cesar ii seminário finalCesar ii seminário final
Cesar ii seminário final
 
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docxProjeto de eletiva jovem cientista.docx
Projeto de eletiva jovem cientista.docx
 
Área de Projecto
Área de ProjectoÁrea de Projecto
Área de Projecto
 
Projeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativa
Projeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativaProjeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativa
Projeto de pesquisa: problema, objetivo e justifivativa
 
Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...
Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...
Elaboracao pesquisaqualitativa- MATERIAL MUITO BEM ELABORADO, PARABÉNS A PROF...
 
Paradigmas de Investigação em Educação
Paradigmas de Investigação em EducaçãoParadigmas de Investigação em Educação
Paradigmas de Investigação em Educação
 
O Uso de Reportagens científicas produzidas em um curso de Licenciatura ...
O Uso de Reportagens científicas      produzidas em um curso de Licenciatura ...O Uso de Reportagens científicas      produzidas em um curso de Licenciatura ...
O Uso de Reportagens científicas produzidas em um curso de Licenciatura ...
 
Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)
Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)
Ciência e métodos para a interdisciplinaridade (5o Workshop EGC/UFSC)
 
Pesquisa científica
Pesquisa científica Pesquisa científica
Pesquisa científica
 
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e InovadorasEducação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
 
Tendêcias Pedagógicas para 2018
Tendêcias Pedagógicas para 2018Tendêcias Pedagógicas para 2018
Tendêcias Pedagógicas para 2018
 
Apresentação sapiranga escolas
Apresentação sapiranga   escolasApresentação sapiranga   escolas
Apresentação sapiranga escolas
 
Apostila pesquisa participante
Apostila pesquisa participanteApostila pesquisa participante
Apostila pesquisa participante
 
Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...
Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...
Cultura de Inovação em Escolas Integrais: novos Designs e Cenários para a Sal...
 
Poster empreenderciencia2011
Poster empreenderciencia2011Poster empreenderciencia2011
Poster empreenderciencia2011
 
Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...
Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...
Um olhar sobre o ensino de estatística no curso de Biblioteconomia na UNIRIO ...
 
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdfLINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
 
3o encontro apresentação programa de iniciação científica
3o encontro apresentação programa de iniciação científica3o encontro apresentação programa de iniciação científica
3o encontro apresentação programa de iniciação científica
 
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
 

Mais de Karine Pinheiro

Educação pós-pademia
Educação pós-pademiaEducação pós-pademia
Educação pós-pademia
Karine Pinheiro
 
Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional
Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional
Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional
Karine Pinheiro
 
Oficina Escola Espaço de Reflexão
Oficina Escola Espaço de Reflexão Oficina Escola Espaço de Reflexão
Oficina Escola Espaço de Reflexão
Karine Pinheiro
 
Comunidades virtuais - Escola Espaço de reflexão
Comunidades virtuais - Escola Espaço de reflexãoComunidades virtuais - Escola Espaço de reflexão
Comunidades virtuais - Escola Espaço de reflexão
Karine Pinheiro
 
Modelo de artigo
Modelo de artigoModelo de artigo
Modelo de artigo
Karine Pinheiro
 
Avaliação de aprendizagem
Avaliação de aprendizagemAvaliação de aprendizagem
Avaliação de aprendizagem
Karine Pinheiro
 
Letramento Digital
Letramento DigitalLetramento Digital
Letramento Digital
Karine Pinheiro
 
Didatica e conhecimento
Didatica e conhecimentoDidatica e conhecimento
Didatica e conhecimento
Karine Pinheiro
 
Projetosinterdisciplinares
ProjetosinterdisciplinaresProjetosinterdisciplinares
Projetosinterdisciplinares
Karine Pinheiro
 
Palestraconatedu
PalestraconateduPalestraconatedu
Palestraconatedu
Karine Pinheiro
 
Corredores Digitais - 26å Conferência Anprotec
Corredores Digitais - 26å Conferência AnprotecCorredores Digitais - 26å Conferência Anprotec
Corredores Digitais - 26å Conferência Anprotec
Karine Pinheiro
 
Didática - retrospectiva
Didática - retrospectivaDidática - retrospectiva
Didática - retrospectiva
Karine Pinheiro
 
Cidadeeducadora1
Cidadeeducadora1Cidadeeducadora1
Cidadeeducadora1
Karine Pinheiro
 
Coempreender no Conactedu
Coempreender no ConacteduCoempreender no Conactedu
Coempreender no Conactedu
Karine Pinheiro
 
Finaljornadasfinal
FinaljornadasfinalFinaljornadasfinal
Finaljornadasfinal
Karine Pinheiro
 
Infobrasil
InfobrasilInfobrasil
Infobrasil
Karine Pinheiro
 
Carta aos professores
Carta aos professoresCarta aos professores
Carta aos professores
Karine Pinheiro
 
Oficinawebcurriculo
OficinawebcurriculoOficinawebcurriculo
Oficinawebcurriculo
Karine Pinheiro
 
Pacto e Jornada
Pacto e JornadaPacto e Jornada
Pacto e Jornada
Karine Pinheiro
 
Fórum de Orientadores CREDE
Fórum de Orientadores CREDE Fórum de Orientadores CREDE
Fórum de Orientadores CREDE
Karine Pinheiro
 

Mais de Karine Pinheiro (20)

Educação pós-pademia
Educação pós-pademiaEducação pós-pademia
Educação pós-pademia
 
Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional
Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional
Aula 2 - Reflexões críticas sobre tecnologia educacional
 
Oficina Escola Espaço de Reflexão
Oficina Escola Espaço de Reflexão Oficina Escola Espaço de Reflexão
Oficina Escola Espaço de Reflexão
 
Comunidades virtuais - Escola Espaço de reflexão
Comunidades virtuais - Escola Espaço de reflexãoComunidades virtuais - Escola Espaço de reflexão
Comunidades virtuais - Escola Espaço de reflexão
 
Modelo de artigo
Modelo de artigoModelo de artigo
Modelo de artigo
 
Avaliação de aprendizagem
Avaliação de aprendizagemAvaliação de aprendizagem
Avaliação de aprendizagem
 
Letramento Digital
Letramento DigitalLetramento Digital
Letramento Digital
 
Didatica e conhecimento
Didatica e conhecimentoDidatica e conhecimento
Didatica e conhecimento
 
Projetosinterdisciplinares
ProjetosinterdisciplinaresProjetosinterdisciplinares
Projetosinterdisciplinares
 
Palestraconatedu
PalestraconateduPalestraconatedu
Palestraconatedu
 
Corredores Digitais - 26å Conferência Anprotec
Corredores Digitais - 26å Conferência AnprotecCorredores Digitais - 26å Conferência Anprotec
Corredores Digitais - 26å Conferência Anprotec
 
Didática - retrospectiva
Didática - retrospectivaDidática - retrospectiva
Didática - retrospectiva
 
Cidadeeducadora1
Cidadeeducadora1Cidadeeducadora1
Cidadeeducadora1
 
Coempreender no Conactedu
Coempreender no ConacteduCoempreender no Conactedu
Coempreender no Conactedu
 
Finaljornadasfinal
FinaljornadasfinalFinaljornadasfinal
Finaljornadasfinal
 
Infobrasil
InfobrasilInfobrasil
Infobrasil
 
Carta aos professores
Carta aos professoresCarta aos professores
Carta aos professores
 
Oficinawebcurriculo
OficinawebcurriculoOficinawebcurriculo
Oficinawebcurriculo
 
Pacto e Jornada
Pacto e JornadaPacto e Jornada
Pacto e Jornada
 
Fórum de Orientadores CREDE
Fórum de Orientadores CREDE Fórum de Orientadores CREDE
Fórum de Orientadores CREDE
 

Último

Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Marília Pacheco
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
WilianeBarbosa2
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
FernandaOliveira758273
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 

Último (20)

Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 

Ceis - BORDER CROSSINGS: TERRITÓRIOS E FRONTEIRAS EM INVESTIGAÇÃO

  • 1. Cenários Ubíquos e a Ciência participativa PhD Karine Pinheiro de Souza Postdoctoral e-planning Departamento Ciências Sociais, Política e Território – Universidade de Aveiro. kpinheiro.souza@ua.pt
  • 2. O que há de novo na formação com TIC As contradições do novo panóptico. Como percebemos esse novo cenário ( VIGIAR – EMANCIPAR) A multiplicidade de dispositivos que pode auxiliar o cidadão a questionar evidências, tomar decisões, buscar dados, emitir opiniões situadas, questões éticas, sociais, políticas trazendo suas questões para o coletivo. O Caminho
  • 3. Problemática Quais as contribuições dos cenários ubíquos no contexto da ciência participativa ?
  • 4.
  • 5. “não precisamos simplesmente de um conhecimento novo [...] necessitamos de um novo modo de produzir conhecimento.” Aqui se encontra o cerne do debate estabelecido nesse artigo: a tarefa pedagógica de deixar o modelo positivista como a única forma de fazer ciência e ampliar o debate, muitas vezes enclausurado na academia." Santos (2007, p. 20) Nova hermenêutica epistemológica (SANTOS, 2007).
  • 6. Objetivo Identificar os efeitos da responsabilidade e inovação na pesquisa - RRI na formação de professores, na ação ciência na Praça.
  • 7. Método Estudo de campo ( Coutinho, 2011) Coleta de dados – questionário semi-estruturado e notas de campo Técnica de análise dos dados – análise categorial da webconferência. (Esteves, 2006) Participantes : ( 20 professores, 8 estudantes do ensino superior, 7 investigadores de universidades brasileiras e internacionais)
  • 10. Nuvem de palavras – análise das respostas – sobre o que é ciência ?
  • 11. Experiência Estudo de campo Discussão sobre ciência & tecnologia - abordagem inclusiva para garantir que todos atores sociais compreendam os riscos e benefícios dos avanços.
  • 12. Habilidades-chave: identificar questões sócio-científicas, avaliar fontes, considerar ciência e valores, argumentar opiniões & comparar soluções. • Devise questions Comunicar • Justificar opiniões • Criticar afirmações • Comunicar idéias Investigar • Elaborar perguntas Analisar • Interrogar fontes • Analisar dados • Tirar conclusões Solucionar • Usar ética • Estimar riscos • Examinar consequências Abordagem do RRI - ENGAGE
  • 14. Achados e contrapontos - Como posso fazer algo, que não me foi ensinado (Participante B ) Evidenciam o isolamento do modelo vigente do “fazer ciência reproduzindo uma epistemologia tradicional. As falas indicam a clareza de um pensamento de questionamento, grau de criticidade. Mas destacam a necessidade de reprodução de um modelo POSTO.
  • 15. Achados e contrapontos - Nós não temos feedback sobre as pesquisas que são realizadas na escola (Participante. D). Participantes Passivos x RRI European Commission (2016); Okada (2016) Demarca a necessidade de uma abordagem – interroge fontes, usem a ética, examinam consequências, estimam riscos, analisam padrões, elaboram perguntas, comunicam ideias, conclusões.
  • 16. Achados e contrapontos Não somos formados para pesquisa, tenho a necessidade e vou buscar outras fontes, pois só temos a disciplina de metodologia científica, mas que não dá conta. (Aluno 1) Estratégias para RRI – trabalho com dilemas, formulação de problemas com base em evidências, além de propor a tomada de decisões responsáveis. Okada (2016)
  • 17. Desafios Superar a invisibilização Derrubar assimetrias Promover o engajamento Contribuições Promover a ciência para fora. Resgatar o entusiasmo por questões simples. Mobilizar diálogos participativos sobre o fazer ciência.
  • 18. Contribuições dos cenários ubíquos Os educadores e os estudantes estavam conectados, rompendo com as fronteiras de tempo e espaço, o que possibilitou a bidirecionalidade e a multirreferencialidade, ajudando a traçar novos desafios (SOUZA et al., 2016).
  • 19. Referências Ferraz de Abreu, P.(2002) New Information Technologies in public participation:PhD Thesis. MIT, Dept. Urban Studies and Regional Planning, Cambridge, USA, May 2002. Okada, A. (2015). Responsible Research and Innovation in Science Education. The Open University UK KM. Ratcliffe, M., & Grace (2003), M. Science Education for Citizenship. Open University Press. Santos, Boaventura; Mendes, José M ( 2017) Demodiversidade: imaginar novas possibilidades democráticas. Edições 70, 2017, 609p.