SlideShare uma empresa Scribd logo
Mais conhecida como Maritaca, o Periquitão
Maracanã possuem um bico curvado, bem
característico dos Psitacídeos, que tem como
função descascar e quebrar sementes rígidas.
Sua vocalização é muito estridente apesar de seu
tamanho ser relativamente pequeno. Se
alimentam de frutas, vegetais e sementes.
Em especial a Arara Canindé quando escolhe um
parceiro é para a vida toda, sendo que pode ser
formado casal, macho com macho ou até mesmo
fêmea com fêmea. Possuem uma vocalização bem
característica e que pode ser escutada de muito
longe. É uma ave com comportamento passivo, é
possível ser domesticada com muita facilidade,
apesar de serem proibidas a utilização desses
animais como animais de estimação.
A arara grita alto, muito alto, e sua voz não é nada
afinada. Elas possuem um bico muito forte, língua
carnosa e cauda longa em forma de espada.
Alimentam-se              principalmente          de
sementes, castanhas, frutos e insetos. O bico forte
permite que elas escavem o tronco das árvores para
comer larvas de insetos. Os filhotes com 6 meses de
idade já são considerados adultos.
O Papagaio Verdadeiro é o mais comum a ser
domesticado. Um animal muito dócil e alegre,
aceita ser manuseado e aprende com facilidade
cantar e assoviar musicas inteiras. Chega a viver
40 anos com os cuidados necessários, é um
companheiro para quase toda vida. São
Psitacídeos caracterizado por seu bico curvado se
alimentando de sementes, frutos e folhas.
É uma espécie ameaçada de extinção, endêmica
das Américas. Assim como todos os papagaios eles
são muito dóceis, gostam de carinho, aceitam com
naturalidade o manuseio e também são facilmente
treinados. Chegam a viver 50 anos de idade se
forem tratados com sucesso.
A ararinha de testa vermelha vivem em casais ou
em pequenos grupos, todas as manhas e tardes
passam voando, indo dos pontos de alimentação
para os locais de dormida. Esses vôos são próximos
das árvores das matas ribeirinhas, cruzando os rios
ou os campos abertos. Seus gritos de alarme e
contato são mais suaves e baixos que as araras. Os
filhotes começam a voar com 2 meses de vida
saindo do ninho semelhante aos pais.
Os Faisões tem origem Asiática. Os machos tem
uma variação de cores bem diversificadas que tem
como função dar beleza ao macho no momento da
escolha da fêmea para o acasalamento.
Normalmente o maior e mais bonito ganha na
disputa pela fêmea e se acasalam. O padrão de
cor da fêmea serve como camuflagem e segurança
para o ninho.
É a maior ave do mundo, chegando a pesar 120kg.
Apesar de todo esse peso o avestruz pode alcançar
60km/h. Sua altura é de até 2.50m. Muitas pessoas
acham que o avestruz é brasileiro mas sua origem é
africana. Vive nas planícies e savanas do continente
africano, chegando a viver 70 anos. O macho é
quem choca os ovos da ninhada e quem faz o
ninho. No Brasil existem fazendas especializadas
em reprodução de avestruzes, pelo fato de sua
carne ser muito saborosa e seu ovo muito nutritivo.
É uma ave que está ameaçada de extinção, apesar
de sua reprodução em cativeiro ser muito rápida,
chegando a botar 2 a 4 ovos. Um animal endêmico
da América do Sul, sua caça e destruição de habitat
fez com que esse animal chegasse a ponto da
extinção. A característica marcante no macho é seu
bico amarelo e na fêmea o padrão de listas nas
penas por todo o corpo que tem função de não
chamar atenção de predadores e proteção ao ninho.
É uma ave que está ameaçada de extinção pela
destruição de seu habitat. É um animal muito
arisco, está atento a qualquer barulho. Demarcam
um território de aproximadamente 3 Km para o
acasalamento, que quando invadido por outra ave da
mesma espécie, pode haver brigas violentas. A
diferença entre o macho e a fêmea é a cor laranja do
bico do macho.
Animal de vida noturna, originário da região
amazônica. Chega a medir até 58cm de
comprimento.       Possuem        plumagem
pardacenta e a região próxima aos olhos nua
e amarelo brilhante.      Existem fazendas
especializadas em criação de Urumutum para
comercialização, sendo vendidas como ave
ornamental.
Os Pavões tem uma característica bem distinta
das outras aves. Os machos se diferenciam das
fêmeas por possuírem longas penas em sua
cauda, sendo um atrativo na conquista da fêmea
e na proteção da sua prole, já que o macho
chamará atenção do predador enquanto a fêmea
foge com os filhotes. O Pavão Branco tem a
coloração branca pela ausência de melanina.
Os Pavões tem uma característica bem distinta das
outras aves. Os machos se diferenciam das
fêmeas por possuírem longas penas em sua
cauda, sendo um atrativo na conquista da fêmea e
na proteção da sua prole, já que o macho chamará
atenção do predador enquanto a fêmea foge com
os filhotes. O que difere dos outros pavões é a
coloração verde do peito.
Os Pavões tem uma característica bem distinta
das outras aves. Os machos se diferenciam das
fêmeas por possuírem longas penas em sua
cauda, sendo um atrativo na conquista da fêmea
e na proteção da sua prole, já que o macho
chamará atenção do predador enquanto a fêmea
foge com os filhotes. O que difere dos outros
pavões é a coloração azul do peito.
É considerada uma ave de temperamento
manso, que foi abundante no Sul e Sudeste
brasileiro, sendo caçada intensamente até o
desaparecimento completo em vária partes dessas
regiões. Sua barbela vermelha destaca no
ambiente mais escuro da mata para atrair a fêmea
na época de reprodução.
Ave que tem hábitos alimentares muito diferentes
dos humanos, se alimentando de resto de animais e
carniças, porém é muito importante preservarmos
esses animais, pois atuam como “lixeiros naturais”.
O Urubu rei possui esse nome pelo fato de seu bico
e sua musculatura serem os mais fortes dentre
todos as outras espécies de urubus. São eles que
comem primeiro, pois são os únicos que conseguem
rasgar a carniça. Para manterem a temperatura
corporal estável, defecam sobre suas pernas, já que
são animais que voam em grandes altitudes.
Animal que muitas pessoas querem ter em sua
casa, por serem dóceis e fácil de manusear. Seu
bico é diferenciado das outras aves para se
alimentar das frutas onde somente os tucanos
consigam alcançar. A estrutura de seu bico é
formado    por   um    osso     chamado     osso
pneumático, são ossos leves e porosos, assim
como todo seu esqueleto que é característico das
aves.
Considerado ave de rapina, são exímios
caçadores, ágeis e velozes. Possuem imensa
destreza em relação a captura de alimentos.
Possuem garras, que quando fechadas travam e
não se abrem até a morte da presa. Seu bico
perfura e rasga com facilidade a presa. O Gavião
Carijó é um dos menores gaviões, perdendo
somente para o Gavião quiri-quiri.
Considerado ave de rapina, são exímios
caçadores, ágeis e velozes. Seu corpo é específico
para voar dentro de florestas, e não implica
dificuldade alguma por conseguirem esquivar de
galhos e árvores com perfeição. Possuem imensa
destreza em relação a captura de alimentos.
Possuem garras, que quando fechadas travam e
não se abrem até a morte da presa. Seu bico
perfura e rasga com facilidade a presa. Possui
esse nome porque possuem uma listra branca em
sua cauda.
Considerado ave de rapina, são exímios
caçadores, ágeis e velozes. Possuem imensa
destreza em relação a captura de alimentos.
Possuem garras, que quando fechadas travam e
não se abrem até a morte da presa. Seu bico
perfura e rasga com facilidade a presa. Também
são considerados limpa-estrada, alimentando-se
dos restos de animais atropelados nas rodovias.
Chegam a medir até 50 cm.
Animal Africano, vive em bandos com um macho
dominante, as fêmeas e seus filhotes. Se um macho
solitário vencer a luta com um macho dominante de
um bando, ele assume o bando e mata toda cria do
macho derrotado para que apenas os seus
descendentes sobrevivam. Um Leão solitário pode
passar 3 a 4 dias sem alimento, quando capturam
uma presa, comem de 30kg a 40kg de carne numa
única refeição. Leões rugem, e essa vocalização tem
vários significados, como demarcação de território e
da fêmea, proteção do bando e imposição da sua
presença.
A Onça Parda, também conhecida como
Suçuarana ou Puma, é um dos maiores felinos das
Américas, perdendo no tamanho somente para a
Onça Pintada. Consegue fica à vontade em cima
das árvore, equilibrando-se com a cauda felpuda
ao saltar de galho em galho. É um animal solitário
e prefere viver em regiões montanhosas. Os
adultos se comunicam por meio de uma espécie
de silvo estridente, e os filhotes ficam com as
mães até os 20 meses.
A Onça Pintada é o maior felino das Américas, seu
corpo é robusto e musculoso, um macho adulto
chega a pesar 150kg. São animais de habito
noturno e solitário, raramente caçam durante o dia.
As onças urinam com grande frequência para
demarcação de território. São ótimas saltadoras e
nadam extremamente bem, no período de
reprodução os casais caçam em conjunto, um
ajuda o outro. Sua dieta é bem diversificada se
alimentando de pequenos pássaros, mamíferos e
répteis como as tartarugas de água doce e os
jacarés.
É uma felino de médio porte, chegando a pesar
quando adulto 15kg. São ágeis e caçam durante a
noite pois enxerga muito bem na escuridão.
Animais carnívoros alimentando-se de peixes, aves
e mamíferos de pequeno porte como os roedores.
São ótimas nadadoras e escalam árvores com
muita facilidade. Foi muito caçada para venda de
sua pele, e com a destruição de seu habitat a
jaguatirica está hoje ameaçada de extinção.
Cartilha zoo atualizada 2012
Um dos oito felinos brasileiros ameaçados de
extinção devido a destruição do hábitat. Tem hábito
noturno, são ágeis e caçam com muita cautela,
principalmente em silêncio, se alimentando de
pequenos mamíferos, aves e répteis. Devido a sua
pele muito bonita, são bastantes perseguidos por
caçadores. São inofensivos ao homem, mas
defendem-se ferozmente quando ameaçados.
É a maior ave do Brasil, a segunda maior ave do
mundo. Apesar de ser uma ave ela não voa. O
macho é quem recolhe todos os ovos botados
pelas fêmeas, é ele quem choca os ovos da
ninhada além de fazer o buraco do ninho. Seu
comportamento varia por indivíduo, geralmente
os machos são mais agressivos que as fêmeas,
se mostram irritados abrindo as asas,
levantando toda sua plumagem e abrindo a
boca.
São muito frágeis, e quando filhotes apresentam
pintas ou manchas brancas para a camuflagem, e
a medida em que vão se tornando adultos essas
manchas somem, pois já são capazes de se
defender. Apenas os macho apresentam um par
de chifre. Essa espécie ficou bastante conhecida
nos desenhos animados com BAMBI.
São os menores cães silvestre do Brasil. Nos
zoológicos são construídos recintos especiais para
o cachorro vinagre, pois como tem o costume de
fazer tocas e buracos para se abrigar e se
esconder de predadores, podendo cavar um
buraco dentro do recinto com saída para fora.
Após o nascimento dos filhotes, os machos tem a
obrigação de buscar comida para a prole, visto que
a fêmea cuida dos filhotes enquanto o macho esta
fora. São carnívoros alimentando-se de capivaras,
cotias, emas e pequenos animais.
São animais territorialistas, andam em bandos como
os Bugios. Tem a característica de serem agressivos
e extremamente espertos. Galhos e pedras são
ferramentas muito úteis para essa espécie de
macaco, que usam para cortar, rasgar e defender-se
de predadores ou algo que os ameace. Quando se
movimenta, mantém a cauda para cima, enrolada
como um ponto de interrogação. Eles identificam os
companheiros pelo cheiro, mas também usam outros
sentidos. O nome Macaco Prego vem do formato de
seu pênis, muito parecido com um prego.
Os Bugios são encontrados em toda a Mata
Atlântica. Vivem sempre em bandos e existe
cooperação entre os grupos. Os filhotes tem o
costume de grudar nas costas da mãe para se
locomoverem com segurança, sendo que não
possuem muita agilidade para pular e segurar em
outro lugar. Esse animal tem como principal
característica a sua vocalização que é
extremamente forte e grave. Com a vasto
desmatamento do Mata Atlântica os Bugios estão
ameaçados de extinção.
É um réptil arborícola, ou seja, vive a maior parte
de sua vida em galhos e árvores. A Iguana tem
uma alimentação diferente quando jovem,
alimentado-se de insetos, moluscos e neonatos de
animais de pequeno porte. Quando adulta se
alimenta de frutas, folhas em geral e flores. Se
camuflam muito bem nos galhos das árvores e
possuem uma cauda extremamente poderosa.
O jabuti possui uma carapaça formada por duas
partes: casco e plastrão. Recolhe as pernas e a
cabeça no casco para se proteger. Suas patas são
específicas para movimentar-se melhor na terra do
que na água, diferente das tartarugas que
possuem nadadeiras ou membranas interdigitais.
São muito confundidos com os cágados por terem
a mesma fisionomia, mas são animais com
características muito diferentes.
São     répteis,     animais    exotérmicos,   ou
seja, dependem do sol para que seu sangue
circule pelo corpo. São agressivos quando
ameaçados, se não incomodados, são passíveis.
Possuem uma das mordidas mais fortes do reino
animal com mais ou menos 80 dentes na boca.
Se alimentam de peixes, patos, serpentes, alguns
anfíbios e filhotes de jacarés. Chegam a medir de
3.5m a 4.5m pesando 100kg.
São répteis, animais exotérmicos dependem do
sol para que seu sangue circule pelo corpo. São
agressivos quando ameaçados, se não
incomodados são passíveis. Possuem uma das
mordidas mais fortes do reino animal com mais
ou menos 80 dentes na boca. Se alimentam de
peixes, patos, serpentes, alguns anfíbios e
filhotes de jacarés. Chegam a medir de 3m a
3.5m pesando 75kg.
É o maior veado da América do Sul, é um animal
muito arisco que se assusta facilmente, tem um
chifre muito potente, esta ameaçado de extinção
devido a caça ilegal e destruição de seu habitat. A
marcação no Livro de Registro Genealógico, que
contém todas as informações do animal, é feita de
1 a 3 meses de idade, onde é colocado um brinco
com uma numeração.
Animais que possuem uma grande quantidade de
pelos grandes e densos. Suas garras longas e
fortes servem para viver em árvores, e com a
ajuda do seu focinho, em forma de
trombeta, ajudam-no a escavar por toda a parte a
procura     de    alimento.    Geralmente   tem
comportamento bem passivo e não costuma
atacar humanos. Uma curiosidade é que os índios
fazem dos Quatis seus animais de estimação, que
por sinal são muito dóceis e carinhosos.
As corujas são as únicas aves que possuem os
olhos na parte frontal da face. São ótimas
caçadoras e escutam muito bem. A coruja
buraqueira adquiriu esse nome pois vivem em
tocas e buracos feitos em beira de estrada e
gramados. São as mais encontradas na região.
Quando ameaçadas fogem, mas quando próxima
de sua toca atacam com sua garras.
Chamadas também de Coruja da Igreja, as
Suindaras é uma das espécies com maior
distribuição geográfica do mundo. Seu hábito é
totalmente noturno, durante o dia se quer abrem
os olhos. Alimentam-se de serpentes e pequenos
roedores. O formato e o desenho das penas que
cobrem seu rosto tem a função de levar o som
direto para seus ouvidos.
Apesar de seu nome ser Coruja Orelhuda, elas
não possuem orelha, mas sim ouvidos com uma
ótima audição, sendo melhor que do ser humano.
Quando ameaçadas levantam as asas e
arrepiam todas as penas, tentando mostrar
superioridade no tamanho. Costumam comer
ratos e baratas controlando a população desses
animais que são considerados pragas para o ser
humano.
É uma ave de rapina, que recebeu o nome de
Mocho Diabo por seu olhos ficarem vermelhos
ao receberem luz durante a noite. São animais
fortes e ferozes, com a visão e a audição bem
desenvolvida, que dão a certeza de que a presa
não irá fugir. Possuem hábitos noturnos, porém
quando nascem os filhotes passam a ter hábito
diurno.
São animais utilizados para a caça esportiva.
Geralmente não são tão agressivos com a
queixada. Possuem um pelo grosso e denso, a
estrutura dos dentes e a divisão do seu estômago
em compartimentos são semelhantes a de
animais ruminantes. Suas patas traseiras tem um
dedo a menos.
São animais muito agressivos e territorialistas.
Possuem uma mordida potente, e seu nome
provém do barulho que sua boca produz
batendo a maxila na mandíbula. Os homens
caçam esses animais por esporte e troféus. É o
animal mais antigo do zoológico.
Tem origem européia, mas hoje ocupa
praticamente o mundo inteiro. São animais
extremamente rápidos, ágeis e saltam com muita
precisão. São herbívoros e se reproduzem com
muita facilidade. O que diferencia a lebre do
coelho são as orelhas menores e a sua
velocidade. São bastante utilizadas como animais
de estimação e podem viver até 20 anos.
São muito dóceis e bonitos. Animais herbívoros se
alimentando de brotos, capins, verduras e
legumes. Vivem em média 5 a 7 anos. Em todo o
mundo são usados como animais de estimação.
Sua origem é Americana e não Indiana. Quando
os portugueses chegaram nas Américas pensando
ser a Índia, encontraram povos que se
alimentavam     desses     animais,    eles    se
interessaram e exportaram para a Europa dizendo
ser um animal da Índia e isso deu origem a seu
nome.
São os menores macacos que existem, se
distinguem das outras espécies pelo seu corpo
frágil e pelos dois tufos de pelo preto que tem em
cada orelha. São rigorosamente organizados
demonstrando uma hierarquia, onde um sagüi
demonstra sua superioridade em relação a outro
virando-lhe o traseiro. Dorme nas árvores durante
a noite e passa o dia procurando comida entre os
galhos. Geralmente a fêmea dá a luz à gêmeos e
os carrega nas costas e no peito.
São os menores macacos que existem, se
distinguem das outras espécies pelo seu corpo
frágil e pelos dois tufos de pêlo branco que tem
em cada orelha. São rigorosamente organizados
demonstrando uma hierarquia, onde um sagüi
demonstra sua superioridade em relação a outro
virando-lhe o traseiro. Dorme nas árvores durante
a noite e passa o dia procurando comida entre os
galhos. Geralmente a fêmea dá a luz à gêmeos e
os carrega nas costas e no peito.
São os menores macacos que existem, se
distinguem das outras espécies por suas patas
apresentarem a coloração dourada. Dorme nas
árvores durante a noite e passa o dia procurando
comida entre os galhos, alimentando-se de frutos
e insetos. Geralmente a fêmea dá a luz à
gêmeos e os carrega nas costas e no peito. É
muito procurado pelos caçadores para
artesanatos, como chaveiros com suas patas.
São extremamente ágeis e rápidos e possuem
um cheiro muito forte na urina. Tem um grito
muito agudo para chamar todo o bando. O macho
auxilia a fêmea no parto comendo sua placenta e
cortando seu cordão umbilical, e também carrega
os filhotes em suas costas.
O furão está protegido pelo seu cheiro, sua
habilidade, sua agilidade e sua ferocidade.
Defende-se com garras e dentes, além de atirar
na cara de seu perseguidor um jato de um líquido
de suas glândulas anais, ocasionando ao
predador uma perda de apetite e um ataque de
espirros. Geralmente se alimenta á noite, e tem a
fama de matador de galinhas e assaltante de
galinheiros.
Seu nome provem de suas habilidades em trepar
em árvores movendo-se com grande rapidez e
com muita agilidade lembrando uma aranha em
sua teia, não apenas usando os quatro
membros, mas também sua cauda como um
quinto membro que é preênsil, ou seja, pode
enrolar-se e desenrolar-se a fim de usar para
segurar sua própria comida como se fosse seu
braço e mão.
Vivem em bandos e são muito ariscos. Quando
dois patos entram em luta eles se atacam a
bicadas e unhadas, onde o mais fraco foge e o
vencedor toma seu lugar junto da fêmea que o
espera, afastando qualquer rival que ouse
aproximar-se. É de fácil reprodução, e o que os
distinguem dos marrecos é uma camada de carne
e pele sobre o seu bico, denominada carúncula.
Seu bico é longo, achatado e serrilhado, e seus
dedos curtos com membranas interdigitais.
Cartilha zoo atualizada 2012
Ave aquática de médio porte com comportamento
agressivo, se ameaçado pode atacar humanos.
Possuem          um          bico       pouco
curto, arredondado, forte e serrilhado e seus
dedos são curtos com membranas interdigitais.
Formam laços afetivos com sua família para a
vida toda. Andam em bandos para proteger a
família e tomar conta dos outros membros
especialmente em viagens longas. Voam em V, o
que faz que consigam voar 70% mais longe pelo
vácuo.
Não é uma ave migratória, mas percorre
grandes distâncias a procura de alimento.
Uma vez acasalados, permanecem por
toda a vida junto. Com seu grande
pescoço conseguem pegar a vegetação
aquática nos lagos poucos profundos. Os
filhotes nascem brancos, passeiam nas
costas dos pais quando pequenos e
começam a voar aos 6 meses de idade.
Apesar de muito caçado em certos locais,
ainda é comum na Amazônia meridional,
dando um encanto próprio aos rincões, onde
se ouve seu canto bucólico. Constrói seu
ninho em árvores entre 2 e 3 metros de
altura.
Pode chegar a um tamanho adulto de até 4m de
comprimento. Não é um animal peçonhento, ela
detecta as presas pela percepção do movimento e
do calor e surpreende-nas em silêncio. Mata a
presa por constrição, ou seja, envolvendo o corpo
e sufocando-a. A sua boca é bem dilatável e
apresenta dentes serrilhados nas mandíbulas. É
muito perseguida por caçadores e traficantes de
animais, pois tem um valor comercial alto como
animal de estimação.
É a maior e mais conhecida das espécies
existentes de sucuri. Não é um animal
peçonhento, ela detecta as presas pela
percepção do movimento e do calor e
surpreende-nas em silêncio. Mata a presa por
constrição, ou seja, envolvendo o corpo e
sufocando-a.
PERIQUITO DE
 ENCONTRO AMARELO
       Brotogeris chiriri
    Brasil Centro Oriental
campos de vegetação baixa, mata ciliar e
cerrado


    12 a 14 anos
  26 dias
   3a5
   100g
JACUMIRIM
MAITACA VERDE
    Penelope marail

 Nordeste da Amazônia

Florestas próximas a rios e lagos
     Solitário ou em pequenos grupos

   25 anos
 30 dias
  2a3



           Frugívoro (sementes, frutos, folhas e grãos)
MAITACA
 VERDE
   Pionus maximiliani

 Brasil Centro Oriental




 20 anos
23 dias
3a5
260g
PERIQUITO DA
     CAATINGA
      Aratinga cactorum
    Caatingas do Nordeste e Norte de Minas Gerais
Matas secas, cerrados, buritizais e áreas abertas



   30 anos
  21 dias
  6
   120g
CUTIA
      Dasyprocta aguti
   Sul da América Central e América do Sul

Florestas, cerrados, capoeira e caatingas.

     Vivem em populações
   10 a 14 anos
 104 dias
   1a3
   1,5 a 2,8 kg
PACA
       Agouti paca
   Paraguai, México e Brasil

florestas tropicais próximo de rios e lagos

       Solitário
   18 anos
 120 dias
   1
   6 a 10 Kg
Cartilha zoo atualizada 2012

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

New ppt
New pptNew ppt
Lince ibérico
Lince ibéricoLince ibérico
Lince ibérico
escolaeu4pt
 
Os Koalas
Os  KoalasOs  Koalas
Os Koalas
guest081448
 
Tiger powerpoint
Tiger powerpointTiger powerpoint
Tiger powerpoint
rsimonsen
 
Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana
Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana
Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana
PauloSergioGomes7
 
All about sloths
All about slothsAll about sloths
All about sloths
Vinay Parikh
 
Tiger extinction
Tiger extinctionTiger extinction
Tiger extinction
Anush Shenoy
 
Madagáscar
MadagáscarMadagáscar
Madagáscar
JMCDINIS
 
Ciencias naturais 2
Ciencias naturais 2Ciencias naturais 2
Ciencias naturais 2
António Teixeira
 
Red panda
Red pandaRed panda
Red panda
Clint Harris
 
Guia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da União
Guia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da UniãoGuia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da União
Guia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da União
Ministério da Pesca e Aquicultura
 
8 Most Endangered Animals - All About Wildlife
8 Most Endangered Animals - All About Wildlife8 Most Endangered Animals - All About Wildlife
8 Most Endangered Animals - All About Wildlife
pgpoonamgirn
 
Mata dos cocais
Mata dos cocaisMata dos cocais
Mata dos cocais
Hávila Said
 
Gotw4 hajar
Gotw4 hajarGotw4 hajar
Gotw4 hajar
Stockholms stad
 
Presentation on lion
Presentation on lionPresentation on lion
Presentation on lion
Dr. Md. Rakibul Hasan Rakib
 
Os biomas-brasileiros
Os biomas-brasileirosOs biomas-brasileiros
Os biomas-brasileiros
eunamahcado
 
6 viveiros-florestais
6 viveiros-florestais6 viveiros-florestais
6 viveiros-florestais
fenelon medellll
 
Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...
Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...
Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...
PNMF
 
Funções do solo
Funções do soloFunções do solo
Funções do solo
Maria Pereira
 

Mais procurados (20)

New ppt
New pptNew ppt
New ppt
 
Lince ibérico
Lince ibéricoLince ibérico
Lince ibérico
 
Os Koalas
Os  KoalasOs  Koalas
Os Koalas
 
Tiger powerpoint
Tiger powerpointTiger powerpoint
Tiger powerpoint
 
Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana
Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana
Relatório Técnico em Defesa do Rio Santana
 
All about sloths
All about slothsAll about sloths
All about sloths
 
Tiger extinction
Tiger extinctionTiger extinction
Tiger extinction
 
Madagáscar
MadagáscarMadagáscar
Madagáscar
 
Ciencias naturais 2
Ciencias naturais 2Ciencias naturais 2
Ciencias naturais 2
 
Red panda
Red pandaRed panda
Red panda
 
Guia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da União
Guia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da UniãoGuia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da União
Guia de Orientação para a Regularização da Aquicultura em Águas da União
 
8 Most Endangered Animals - All About Wildlife
8 Most Endangered Animals - All About Wildlife8 Most Endangered Animals - All About Wildlife
8 Most Endangered Animals - All About Wildlife
 
Mata dos cocais
Mata dos cocaisMata dos cocais
Mata dos cocais
 
Gotw4 hajar
Gotw4 hajarGotw4 hajar
Gotw4 hajar
 
Brunbjörn
BrunbjörnBrunbjörn
Brunbjörn
 
Presentation on lion
Presentation on lionPresentation on lion
Presentation on lion
 
Os biomas-brasileiros
Os biomas-brasileirosOs biomas-brasileiros
Os biomas-brasileiros
 
6 viveiros-florestais
6 viveiros-florestais6 viveiros-florestais
6 viveiros-florestais
 
Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...
Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...
Prevenção da entrada e manejo de pragas quarentenárias: Proposição de arranjo...
 
Funções do solo
Funções do soloFunções do solo
Funções do solo
 

Semelhante a Cartilha zoo atualizada 2012

Apresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de RecursoApresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de Recurso
Mara Almeida
 
Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"
Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"
Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"
nissiasauer
 
Animais selvagens
Animais selvagensAnimais selvagens
Animais selvagens
marecos5h
 
Apresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de RecursoApresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de Recurso
Mara Almeida
 
Animais brasileiros
Animais brasileirosAnimais brasileiros
Animais brasileiros
PESC Semed
 
Onça -2º C
Onça -2º COnça -2º C
Animais em extinçao 2
Animais em extinçao 2Animais em extinçao 2
Animais em extinçao 2
teratici
 
Trabalho a.p
Trabalho a.pTrabalho a.p
Trabalho a.p
fmpereira12
 
Trabalho a.p
Trabalho a.pTrabalho a.p
Trabalho a.p
fmpereira12
 
Aves
AvesAves
Bichosdoparana mamiferos
Bichosdoparana mamiferosBichosdoparana mamiferos
Bichosdoparana mamiferos
Andre Benedito
 
Bichosdoparana aves2
Bichosdoparana aves2Bichosdoparana aves2
Bichosdoparana aves2
Andre Benedito
 
Gato bravo 5ºA Amadeo
Gato bravo 5ºA AmadeoGato bravo 5ºA Amadeo
Gato bravo 5ºA Amadeo
grupo JFD
 
Arca de noé pub
Arca de noé pubArca de noé pub
Arca de noé pub
joao_04
 
Os animais da vida selvagem
Os animais da vida selvagemOs animais da vida selvagem
Os animais da vida selvagem
Baixa Tudo Facil
 
Gavião real-1D
Gavião real-1DGavião real-1D
Gavião real 1 d
Gavião real 1 dGavião real 1 d
Gavião real 1 d
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Bichosdoparana repteis
Bichosdoparana repteisBichosdoparana repteis
Bichosdoparana repteis
Andre Benedito
 
mundo animal
mundo animalmundo animal
mundo animal
felipemsneves
 
Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências
marquinhos1511
 

Semelhante a Cartilha zoo atualizada 2012 (20)

Apresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de RecursoApresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de Recurso
 
Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"
Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"
Projeto "A Girafa e o Mede-palmo"
 
Animais selvagens
Animais selvagensAnimais selvagens
Animais selvagens
 
Apresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de RecursoApresentação Sala de Recurso
Apresentação Sala de Recurso
 
Animais brasileiros
Animais brasileirosAnimais brasileiros
Animais brasileiros
 
Onça -2º C
Onça -2º COnça -2º C
Onça -2º C
 
Animais em extinçao 2
Animais em extinçao 2Animais em extinçao 2
Animais em extinçao 2
 
Trabalho a.p
Trabalho a.pTrabalho a.p
Trabalho a.p
 
Trabalho a.p
Trabalho a.pTrabalho a.p
Trabalho a.p
 
Aves
AvesAves
Aves
 
Bichosdoparana mamiferos
Bichosdoparana mamiferosBichosdoparana mamiferos
Bichosdoparana mamiferos
 
Bichosdoparana aves2
Bichosdoparana aves2Bichosdoparana aves2
Bichosdoparana aves2
 
Gato bravo 5ºA Amadeo
Gato bravo 5ºA AmadeoGato bravo 5ºA Amadeo
Gato bravo 5ºA Amadeo
 
Arca de noé pub
Arca de noé pubArca de noé pub
Arca de noé pub
 
Os animais da vida selvagem
Os animais da vida selvagemOs animais da vida selvagem
Os animais da vida selvagem
 
Gavião real-1D
Gavião real-1DGavião real-1D
Gavião real-1D
 
Gavião real 1 d
Gavião real 1 dGavião real 1 d
Gavião real 1 d
 
Bichosdoparana repteis
Bichosdoparana repteisBichosdoparana repteis
Bichosdoparana repteis
 
mundo animal
mundo animalmundo animal
mundo animal
 
Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências
 

Cartilha zoo atualizada 2012

  • 1. Mais conhecida como Maritaca, o Periquitão Maracanã possuem um bico curvado, bem característico dos Psitacídeos, que tem como função descascar e quebrar sementes rígidas. Sua vocalização é muito estridente apesar de seu tamanho ser relativamente pequeno. Se alimentam de frutas, vegetais e sementes.
  • 2. Em especial a Arara Canindé quando escolhe um parceiro é para a vida toda, sendo que pode ser formado casal, macho com macho ou até mesmo fêmea com fêmea. Possuem uma vocalização bem característica e que pode ser escutada de muito longe. É uma ave com comportamento passivo, é possível ser domesticada com muita facilidade, apesar de serem proibidas a utilização desses animais como animais de estimação.
  • 3. A arara grita alto, muito alto, e sua voz não é nada afinada. Elas possuem um bico muito forte, língua carnosa e cauda longa em forma de espada. Alimentam-se principalmente de sementes, castanhas, frutos e insetos. O bico forte permite que elas escavem o tronco das árvores para comer larvas de insetos. Os filhotes com 6 meses de idade já são considerados adultos.
  • 4. O Papagaio Verdadeiro é o mais comum a ser domesticado. Um animal muito dócil e alegre, aceita ser manuseado e aprende com facilidade cantar e assoviar musicas inteiras. Chega a viver 40 anos com os cuidados necessários, é um companheiro para quase toda vida. São Psitacídeos caracterizado por seu bico curvado se alimentando de sementes, frutos e folhas.
  • 5. É uma espécie ameaçada de extinção, endêmica das Américas. Assim como todos os papagaios eles são muito dóceis, gostam de carinho, aceitam com naturalidade o manuseio e também são facilmente treinados. Chegam a viver 50 anos de idade se forem tratados com sucesso.
  • 6. A ararinha de testa vermelha vivem em casais ou em pequenos grupos, todas as manhas e tardes passam voando, indo dos pontos de alimentação para os locais de dormida. Esses vôos são próximos das árvores das matas ribeirinhas, cruzando os rios ou os campos abertos. Seus gritos de alarme e contato são mais suaves e baixos que as araras. Os filhotes começam a voar com 2 meses de vida saindo do ninho semelhante aos pais.
  • 7. Os Faisões tem origem Asiática. Os machos tem uma variação de cores bem diversificadas que tem como função dar beleza ao macho no momento da escolha da fêmea para o acasalamento. Normalmente o maior e mais bonito ganha na disputa pela fêmea e se acasalam. O padrão de cor da fêmea serve como camuflagem e segurança para o ninho.
  • 8. É a maior ave do mundo, chegando a pesar 120kg. Apesar de todo esse peso o avestruz pode alcançar 60km/h. Sua altura é de até 2.50m. Muitas pessoas acham que o avestruz é brasileiro mas sua origem é africana. Vive nas planícies e savanas do continente africano, chegando a viver 70 anos. O macho é quem choca os ovos da ninhada e quem faz o ninho. No Brasil existem fazendas especializadas em reprodução de avestruzes, pelo fato de sua carne ser muito saborosa e seu ovo muito nutritivo.
  • 9. É uma ave que está ameaçada de extinção, apesar de sua reprodução em cativeiro ser muito rápida, chegando a botar 2 a 4 ovos. Um animal endêmico da América do Sul, sua caça e destruição de habitat fez com que esse animal chegasse a ponto da extinção. A característica marcante no macho é seu bico amarelo e na fêmea o padrão de listas nas penas por todo o corpo que tem função de não chamar atenção de predadores e proteção ao ninho.
  • 10. É uma ave que está ameaçada de extinção pela destruição de seu habitat. É um animal muito arisco, está atento a qualquer barulho. Demarcam um território de aproximadamente 3 Km para o acasalamento, que quando invadido por outra ave da mesma espécie, pode haver brigas violentas. A diferença entre o macho e a fêmea é a cor laranja do bico do macho.
  • 11. Animal de vida noturna, originário da região amazônica. Chega a medir até 58cm de comprimento. Possuem plumagem pardacenta e a região próxima aos olhos nua e amarelo brilhante. Existem fazendas especializadas em criação de Urumutum para comercialização, sendo vendidas como ave ornamental.
  • 12. Os Pavões tem uma característica bem distinta das outras aves. Os machos se diferenciam das fêmeas por possuírem longas penas em sua cauda, sendo um atrativo na conquista da fêmea e na proteção da sua prole, já que o macho chamará atenção do predador enquanto a fêmea foge com os filhotes. O Pavão Branco tem a coloração branca pela ausência de melanina.
  • 13. Os Pavões tem uma característica bem distinta das outras aves. Os machos se diferenciam das fêmeas por possuírem longas penas em sua cauda, sendo um atrativo na conquista da fêmea e na proteção da sua prole, já que o macho chamará atenção do predador enquanto a fêmea foge com os filhotes. O que difere dos outros pavões é a coloração verde do peito.
  • 14. Os Pavões tem uma característica bem distinta das outras aves. Os machos se diferenciam das fêmeas por possuírem longas penas em sua cauda, sendo um atrativo na conquista da fêmea e na proteção da sua prole, já que o macho chamará atenção do predador enquanto a fêmea foge com os filhotes. O que difere dos outros pavões é a coloração azul do peito.
  • 15. É considerada uma ave de temperamento manso, que foi abundante no Sul e Sudeste brasileiro, sendo caçada intensamente até o desaparecimento completo em vária partes dessas regiões. Sua barbela vermelha destaca no ambiente mais escuro da mata para atrair a fêmea na época de reprodução.
  • 16. Ave que tem hábitos alimentares muito diferentes dos humanos, se alimentando de resto de animais e carniças, porém é muito importante preservarmos esses animais, pois atuam como “lixeiros naturais”. O Urubu rei possui esse nome pelo fato de seu bico e sua musculatura serem os mais fortes dentre todos as outras espécies de urubus. São eles que comem primeiro, pois são os únicos que conseguem rasgar a carniça. Para manterem a temperatura corporal estável, defecam sobre suas pernas, já que são animais que voam em grandes altitudes.
  • 17. Animal que muitas pessoas querem ter em sua casa, por serem dóceis e fácil de manusear. Seu bico é diferenciado das outras aves para se alimentar das frutas onde somente os tucanos consigam alcançar. A estrutura de seu bico é formado por um osso chamado osso pneumático, são ossos leves e porosos, assim como todo seu esqueleto que é característico das aves.
  • 18. Considerado ave de rapina, são exímios caçadores, ágeis e velozes. Possuem imensa destreza em relação a captura de alimentos. Possuem garras, que quando fechadas travam e não se abrem até a morte da presa. Seu bico perfura e rasga com facilidade a presa. O Gavião Carijó é um dos menores gaviões, perdendo somente para o Gavião quiri-quiri.
  • 19. Considerado ave de rapina, são exímios caçadores, ágeis e velozes. Seu corpo é específico para voar dentro de florestas, e não implica dificuldade alguma por conseguirem esquivar de galhos e árvores com perfeição. Possuem imensa destreza em relação a captura de alimentos. Possuem garras, que quando fechadas travam e não se abrem até a morte da presa. Seu bico perfura e rasga com facilidade a presa. Possui esse nome porque possuem uma listra branca em sua cauda.
  • 20. Considerado ave de rapina, são exímios caçadores, ágeis e velozes. Possuem imensa destreza em relação a captura de alimentos. Possuem garras, que quando fechadas travam e não se abrem até a morte da presa. Seu bico perfura e rasga com facilidade a presa. Também são considerados limpa-estrada, alimentando-se dos restos de animais atropelados nas rodovias. Chegam a medir até 50 cm.
  • 21. Animal Africano, vive em bandos com um macho dominante, as fêmeas e seus filhotes. Se um macho solitário vencer a luta com um macho dominante de um bando, ele assume o bando e mata toda cria do macho derrotado para que apenas os seus descendentes sobrevivam. Um Leão solitário pode passar 3 a 4 dias sem alimento, quando capturam uma presa, comem de 30kg a 40kg de carne numa única refeição. Leões rugem, e essa vocalização tem vários significados, como demarcação de território e da fêmea, proteção do bando e imposição da sua presença.
  • 22. A Onça Parda, também conhecida como Suçuarana ou Puma, é um dos maiores felinos das Américas, perdendo no tamanho somente para a Onça Pintada. Consegue fica à vontade em cima das árvore, equilibrando-se com a cauda felpuda ao saltar de galho em galho. É um animal solitário e prefere viver em regiões montanhosas. Os adultos se comunicam por meio de uma espécie de silvo estridente, e os filhotes ficam com as mães até os 20 meses.
  • 23. A Onça Pintada é o maior felino das Américas, seu corpo é robusto e musculoso, um macho adulto chega a pesar 150kg. São animais de habito noturno e solitário, raramente caçam durante o dia. As onças urinam com grande frequência para demarcação de território. São ótimas saltadoras e nadam extremamente bem, no período de reprodução os casais caçam em conjunto, um ajuda o outro. Sua dieta é bem diversificada se alimentando de pequenos pássaros, mamíferos e répteis como as tartarugas de água doce e os jacarés.
  • 24. É uma felino de médio porte, chegando a pesar quando adulto 15kg. São ágeis e caçam durante a noite pois enxerga muito bem na escuridão. Animais carnívoros alimentando-se de peixes, aves e mamíferos de pequeno porte como os roedores. São ótimas nadadoras e escalam árvores com muita facilidade. Foi muito caçada para venda de sua pele, e com a destruição de seu habitat a jaguatirica está hoje ameaçada de extinção.
  • 26. Um dos oito felinos brasileiros ameaçados de extinção devido a destruição do hábitat. Tem hábito noturno, são ágeis e caçam com muita cautela, principalmente em silêncio, se alimentando de pequenos mamíferos, aves e répteis. Devido a sua pele muito bonita, são bastantes perseguidos por caçadores. São inofensivos ao homem, mas defendem-se ferozmente quando ameaçados.
  • 27. É a maior ave do Brasil, a segunda maior ave do mundo. Apesar de ser uma ave ela não voa. O macho é quem recolhe todos os ovos botados pelas fêmeas, é ele quem choca os ovos da ninhada além de fazer o buraco do ninho. Seu comportamento varia por indivíduo, geralmente os machos são mais agressivos que as fêmeas, se mostram irritados abrindo as asas, levantando toda sua plumagem e abrindo a boca.
  • 28. São muito frágeis, e quando filhotes apresentam pintas ou manchas brancas para a camuflagem, e a medida em que vão se tornando adultos essas manchas somem, pois já são capazes de se defender. Apenas os macho apresentam um par de chifre. Essa espécie ficou bastante conhecida nos desenhos animados com BAMBI.
  • 29. São os menores cães silvestre do Brasil. Nos zoológicos são construídos recintos especiais para o cachorro vinagre, pois como tem o costume de fazer tocas e buracos para se abrigar e se esconder de predadores, podendo cavar um buraco dentro do recinto com saída para fora. Após o nascimento dos filhotes, os machos tem a obrigação de buscar comida para a prole, visto que a fêmea cuida dos filhotes enquanto o macho esta fora. São carnívoros alimentando-se de capivaras, cotias, emas e pequenos animais.
  • 30. São animais territorialistas, andam em bandos como os Bugios. Tem a característica de serem agressivos e extremamente espertos. Galhos e pedras são ferramentas muito úteis para essa espécie de macaco, que usam para cortar, rasgar e defender-se de predadores ou algo que os ameace. Quando se movimenta, mantém a cauda para cima, enrolada como um ponto de interrogação. Eles identificam os companheiros pelo cheiro, mas também usam outros sentidos. O nome Macaco Prego vem do formato de seu pênis, muito parecido com um prego.
  • 31. Os Bugios são encontrados em toda a Mata Atlântica. Vivem sempre em bandos e existe cooperação entre os grupos. Os filhotes tem o costume de grudar nas costas da mãe para se locomoverem com segurança, sendo que não possuem muita agilidade para pular e segurar em outro lugar. Esse animal tem como principal característica a sua vocalização que é extremamente forte e grave. Com a vasto desmatamento do Mata Atlântica os Bugios estão ameaçados de extinção.
  • 32. É um réptil arborícola, ou seja, vive a maior parte de sua vida em galhos e árvores. A Iguana tem uma alimentação diferente quando jovem, alimentado-se de insetos, moluscos e neonatos de animais de pequeno porte. Quando adulta se alimenta de frutas, folhas em geral e flores. Se camuflam muito bem nos galhos das árvores e possuem uma cauda extremamente poderosa.
  • 33. O jabuti possui uma carapaça formada por duas partes: casco e plastrão. Recolhe as pernas e a cabeça no casco para se proteger. Suas patas são específicas para movimentar-se melhor na terra do que na água, diferente das tartarugas que possuem nadadeiras ou membranas interdigitais. São muito confundidos com os cágados por terem a mesma fisionomia, mas são animais com características muito diferentes.
  • 34. São répteis, animais exotérmicos, ou seja, dependem do sol para que seu sangue circule pelo corpo. São agressivos quando ameaçados, se não incomodados, são passíveis. Possuem uma das mordidas mais fortes do reino animal com mais ou menos 80 dentes na boca. Se alimentam de peixes, patos, serpentes, alguns anfíbios e filhotes de jacarés. Chegam a medir de 3.5m a 4.5m pesando 100kg.
  • 35. São répteis, animais exotérmicos dependem do sol para que seu sangue circule pelo corpo. São agressivos quando ameaçados, se não incomodados são passíveis. Possuem uma das mordidas mais fortes do reino animal com mais ou menos 80 dentes na boca. Se alimentam de peixes, patos, serpentes, alguns anfíbios e filhotes de jacarés. Chegam a medir de 3m a 3.5m pesando 75kg.
  • 36. É o maior veado da América do Sul, é um animal muito arisco que se assusta facilmente, tem um chifre muito potente, esta ameaçado de extinção devido a caça ilegal e destruição de seu habitat. A marcação no Livro de Registro Genealógico, que contém todas as informações do animal, é feita de 1 a 3 meses de idade, onde é colocado um brinco com uma numeração.
  • 37. Animais que possuem uma grande quantidade de pelos grandes e densos. Suas garras longas e fortes servem para viver em árvores, e com a ajuda do seu focinho, em forma de trombeta, ajudam-no a escavar por toda a parte a procura de alimento. Geralmente tem comportamento bem passivo e não costuma atacar humanos. Uma curiosidade é que os índios fazem dos Quatis seus animais de estimação, que por sinal são muito dóceis e carinhosos.
  • 38. As corujas são as únicas aves que possuem os olhos na parte frontal da face. São ótimas caçadoras e escutam muito bem. A coruja buraqueira adquiriu esse nome pois vivem em tocas e buracos feitos em beira de estrada e gramados. São as mais encontradas na região. Quando ameaçadas fogem, mas quando próxima de sua toca atacam com sua garras.
  • 39. Chamadas também de Coruja da Igreja, as Suindaras é uma das espécies com maior distribuição geográfica do mundo. Seu hábito é totalmente noturno, durante o dia se quer abrem os olhos. Alimentam-se de serpentes e pequenos roedores. O formato e o desenho das penas que cobrem seu rosto tem a função de levar o som direto para seus ouvidos.
  • 40. Apesar de seu nome ser Coruja Orelhuda, elas não possuem orelha, mas sim ouvidos com uma ótima audição, sendo melhor que do ser humano. Quando ameaçadas levantam as asas e arrepiam todas as penas, tentando mostrar superioridade no tamanho. Costumam comer ratos e baratas controlando a população desses animais que são considerados pragas para o ser humano.
  • 41. É uma ave de rapina, que recebeu o nome de Mocho Diabo por seu olhos ficarem vermelhos ao receberem luz durante a noite. São animais fortes e ferozes, com a visão e a audição bem desenvolvida, que dão a certeza de que a presa não irá fugir. Possuem hábitos noturnos, porém quando nascem os filhotes passam a ter hábito diurno.
  • 42. São animais utilizados para a caça esportiva. Geralmente não são tão agressivos com a queixada. Possuem um pelo grosso e denso, a estrutura dos dentes e a divisão do seu estômago em compartimentos são semelhantes a de animais ruminantes. Suas patas traseiras tem um dedo a menos.
  • 43. São animais muito agressivos e territorialistas. Possuem uma mordida potente, e seu nome provém do barulho que sua boca produz batendo a maxila na mandíbula. Os homens caçam esses animais por esporte e troféus. É o animal mais antigo do zoológico.
  • 44. Tem origem européia, mas hoje ocupa praticamente o mundo inteiro. São animais extremamente rápidos, ágeis e saltam com muita precisão. São herbívoros e se reproduzem com muita facilidade. O que diferencia a lebre do coelho são as orelhas menores e a sua velocidade. São bastante utilizadas como animais de estimação e podem viver até 20 anos.
  • 45. São muito dóceis e bonitos. Animais herbívoros se alimentando de brotos, capins, verduras e legumes. Vivem em média 5 a 7 anos. Em todo o mundo são usados como animais de estimação. Sua origem é Americana e não Indiana. Quando os portugueses chegaram nas Américas pensando ser a Índia, encontraram povos que se alimentavam desses animais, eles se interessaram e exportaram para a Europa dizendo ser um animal da Índia e isso deu origem a seu nome.
  • 46. São os menores macacos que existem, se distinguem das outras espécies pelo seu corpo frágil e pelos dois tufos de pelo preto que tem em cada orelha. São rigorosamente organizados demonstrando uma hierarquia, onde um sagüi demonstra sua superioridade em relação a outro virando-lhe o traseiro. Dorme nas árvores durante a noite e passa o dia procurando comida entre os galhos. Geralmente a fêmea dá a luz à gêmeos e os carrega nas costas e no peito.
  • 47. São os menores macacos que existem, se distinguem das outras espécies pelo seu corpo frágil e pelos dois tufos de pêlo branco que tem em cada orelha. São rigorosamente organizados demonstrando uma hierarquia, onde um sagüi demonstra sua superioridade em relação a outro virando-lhe o traseiro. Dorme nas árvores durante a noite e passa o dia procurando comida entre os galhos. Geralmente a fêmea dá a luz à gêmeos e os carrega nas costas e no peito.
  • 48. São os menores macacos que existem, se distinguem das outras espécies por suas patas apresentarem a coloração dourada. Dorme nas árvores durante a noite e passa o dia procurando comida entre os galhos, alimentando-se de frutos e insetos. Geralmente a fêmea dá a luz à gêmeos e os carrega nas costas e no peito. É muito procurado pelos caçadores para artesanatos, como chaveiros com suas patas.
  • 49. São extremamente ágeis e rápidos e possuem um cheiro muito forte na urina. Tem um grito muito agudo para chamar todo o bando. O macho auxilia a fêmea no parto comendo sua placenta e cortando seu cordão umbilical, e também carrega os filhotes em suas costas.
  • 50. O furão está protegido pelo seu cheiro, sua habilidade, sua agilidade e sua ferocidade. Defende-se com garras e dentes, além de atirar na cara de seu perseguidor um jato de um líquido de suas glândulas anais, ocasionando ao predador uma perda de apetite e um ataque de espirros. Geralmente se alimenta á noite, e tem a fama de matador de galinhas e assaltante de galinheiros.
  • 51. Seu nome provem de suas habilidades em trepar em árvores movendo-se com grande rapidez e com muita agilidade lembrando uma aranha em sua teia, não apenas usando os quatro membros, mas também sua cauda como um quinto membro que é preênsil, ou seja, pode enrolar-se e desenrolar-se a fim de usar para segurar sua própria comida como se fosse seu braço e mão.
  • 52. Vivem em bandos e são muito ariscos. Quando dois patos entram em luta eles se atacam a bicadas e unhadas, onde o mais fraco foge e o vencedor toma seu lugar junto da fêmea que o espera, afastando qualquer rival que ouse aproximar-se. É de fácil reprodução, e o que os distinguem dos marrecos é uma camada de carne e pele sobre o seu bico, denominada carúncula. Seu bico é longo, achatado e serrilhado, e seus dedos curtos com membranas interdigitais.
  • 54. Ave aquática de médio porte com comportamento agressivo, se ameaçado pode atacar humanos. Possuem um bico pouco curto, arredondado, forte e serrilhado e seus dedos são curtos com membranas interdigitais. Formam laços afetivos com sua família para a vida toda. Andam em bandos para proteger a família e tomar conta dos outros membros especialmente em viagens longas. Voam em V, o que faz que consigam voar 70% mais longe pelo vácuo.
  • 55. Não é uma ave migratória, mas percorre grandes distâncias a procura de alimento. Uma vez acasalados, permanecem por toda a vida junto. Com seu grande pescoço conseguem pegar a vegetação aquática nos lagos poucos profundos. Os filhotes nascem brancos, passeiam nas costas dos pais quando pequenos e começam a voar aos 6 meses de idade.
  • 56. Apesar de muito caçado em certos locais, ainda é comum na Amazônia meridional, dando um encanto próprio aos rincões, onde se ouve seu canto bucólico. Constrói seu ninho em árvores entre 2 e 3 metros de altura.
  • 57. Pode chegar a um tamanho adulto de até 4m de comprimento. Não é um animal peçonhento, ela detecta as presas pela percepção do movimento e do calor e surpreende-nas em silêncio. Mata a presa por constrição, ou seja, envolvendo o corpo e sufocando-a. A sua boca é bem dilatável e apresenta dentes serrilhados nas mandíbulas. É muito perseguida por caçadores e traficantes de animais, pois tem um valor comercial alto como animal de estimação.
  • 58. É a maior e mais conhecida das espécies existentes de sucuri. Não é um animal peçonhento, ela detecta as presas pela percepção do movimento e do calor e surpreende-nas em silêncio. Mata a presa por constrição, ou seja, envolvendo o corpo e sufocando-a.
  • 59. PERIQUITO DE ENCONTRO AMARELO Brotogeris chiriri Brasil Centro Oriental campos de vegetação baixa, mata ciliar e cerrado 12 a 14 anos 26 dias 3a5 100g
  • 60. JACUMIRIM MAITACA VERDE Penelope marail Nordeste da Amazônia Florestas próximas a rios e lagos Solitário ou em pequenos grupos 25 anos 30 dias 2a3 Frugívoro (sementes, frutos, folhas e grãos)
  • 61. MAITACA VERDE Pionus maximiliani Brasil Centro Oriental 20 anos 23 dias 3a5 260g
  • 62. PERIQUITO DA CAATINGA Aratinga cactorum Caatingas do Nordeste e Norte de Minas Gerais Matas secas, cerrados, buritizais e áreas abertas 30 anos 21 dias 6 120g
  • 63. CUTIA Dasyprocta aguti Sul da América Central e América do Sul Florestas, cerrados, capoeira e caatingas. Vivem em populações 10 a 14 anos 104 dias 1a3 1,5 a 2,8 kg
  • 64. PACA Agouti paca Paraguai, México e Brasil florestas tropicais próximo de rios e lagos Solitário 18 anos 120 dias 1 6 a 10 Kg