SlideShare uma empresa Scribd logo
Reunião PETROBRAS e ONIP
Setembro de 2005
Corporativo 2%Corporativo 2%
Distribuição 2%Distribuição 2%
Petroquímicos 4%Petroquímicos 4%
Projetos E&P no Exterior 10%Projetos E&P no Exterior 10%
GasGas & Energia 12%& Energia 12%
Transporte, Refino e Vendas 20%Transporte, Refino e Vendas 20%
E&PE&P
BrasilBrasil
50%50%
ExploraçãoExploração
Desenvolvimento daDesenvolvimento da ProdProd
TotalTotal
$ 4,1 bilhões$ 4,1 bilhões
$ 23,9 bilhões$ 23,9 bilhões
$ 28,0 bilhões$ 28,0 bilhões
Exploração e Produção no Brasil (2006-2010)
$ 1,2 bilhões$ 1,2 bilhões
$ 26,8 bilhões$ 26,8 bilhões
$ 28,0 bilhões$ 28,0 bilhões
ProjectProject FinanceFinance
Fluxo de Caixa eFluxo de Caixa e FinancFinanc. Corp.. Corp.
TotalTotal
$ 28,0$ 28,0 bilhõesbilhões
$ 6,1$ 6,1 bilhõesbilhões
$ 34,1$ 34,1 bilhõesbilhões
Projetos de Exploração e Produção (2006-2010)
U$ 56,4 bilhõesU$ 56,4 bilhões
Investimentos Planejados em E&P
No BrasilNo Brasil
InternacionalInternacional
TotalTotal
Principais Projetos Iniciando a Produção em 2005Principais Projetos Iniciando a Produção em 2005
Projeto Localização Capacidade Início
P- 48 (FPSO) Caratinga – Bacia de Campos 150 M bpd fev
UPGN III - Catu Bahia 2,5 MM m3/d gás mar
Terminal Norte-Capixaba Espírito Santo Armazenamento de 535 M barris jun
Planta de Guamaré Rio Grande do Norte 3.800 bpd de diesel e 1.500 bpd de QAV jun
Gás Natural em Terra Bahia – Bacia de Tucano Sul 500M m3/dia de gás jul
P- 47 (FPSO - Tratamento) Marlim – Bacia de Campos 150 M bpd ago
Peroá-Cangoá – Fase I Bacia do Espírito Santo 2,5 MM m3/d gás set
Piloto de Golfinho Bacia do Espírito Santo 23 M bpd – óleo leve out
P- 50 (FPSO) Albacora Leste – Bacia de Campos 180 M bpd nov
UPGN III - Guamaré Rio Grande do Norte 1,5 MM m3/d gás nov
Principais Projetos de Produção 2006-2008Principais Projetos de Produção 2006-2008
Projeto Bacia Sistema Capacidade Início
P- 34 - Fase I (Jubarte) Campos FPSO 60 M bpd 2006
Manati Camamu-Almada Pataforma Fixa 6 MM m3
/d 2006
Golfinho I Espírito Santo FPSO 100 M bpd 2006
Piranema Sergipe-Alagoas SSP 20 M bpd 2006
Golfinho II Espírito Santo FPSO 100 M bpd 2007
RJS-409 (Espadarte) Campos FPSO 100 M bpd 2007
P- 52 (Roncador) Campos SS 180 M bpd 2007
P- 54 (Roncador) Campos FPSO 180 M bpd 2007
PRA-1 Campos Plataforma Fixa 820 M bpd 2007
Peroá-Cangoá Phase II Espírito Santo Plataforma Fixa 5.5 MM m3
/d 2007
P- 51 (Marlim Sul) Campos SS 180 M bpd 2008
P- 53 (Marlim Leste) Campos FPU 180 M bpd 2008
Mexilhão (gás natural) Santos Plataforma Fixa 15 MM m3
/d 2008
Principais Projetos de Produção a Partir de 2009Principais Projetos de Produção a Partir de 2009
Projeto Bacia
P-57 - Jubarte (Fase 2)
CL
P-55 - Roncador (Módulo 3) Campos
P-56 - Marlim Sul (Módulo 3) Campos
ESS-138 (gás natural no BES-100) Espírito Santo
Marlim Sul (Módulo 4) Campos
Roncador (Módulo 4) Campos
Cachalote / Baleia Franca / Baleia Anã Campos
Baleia Azul / outras descobertas no bloco BC-60 Campos
BS-500 (gás natural e óleo leve) Santos
BC-20 Campos
ESS-130 (óleo leve no bloco BC-60) Campos
Projetos Iniciando a Produção a Partir de 2008
75%
60%
Curva de Conteúdo Local do Prominp E&PCurva de Conteúdo Local do Prominp E&P
Carteira de Investimentos da Petrobras no período 2004 - 2010Carteira de Investimentos da Petrobras no perCarteira de Investimentos da Petrobras no perííodo 2004odo 2004 -- 20102010
53,42%
57,04% 57,07%
48,11%
57,50%
0%
20%
40%
60%
80%
100%
2003 2004 2005 2006 2007
2o Fórum Nacional do Prominp em Vitória-ES
MexilhãoMexilhão
MexilhãoMexilhão
EXPORTAÇÃO:
• 145 km de dutos 34” entre
PMXL-1 e UTG (PDET)
• 13 km de dutos 6” entre
UTG e TEBAR
COLETA:
• 2 Manifolds: 8 / 6 poços
• 58 km de dutos flexíveis
• 142 km de dutos rígidos
• 103 Km de umbilicais
Instalações Submarinas - MexilhãoInstalações Submarinas - Mexilhão
Campo de RoncadorCampo de Roncador
Desenvolvimento de RoncadorDesenvolvimento de Roncador
Resumo
Módulo 1A
Fase I
Módulo 1A
Fase II
Módulo 2 Módulo 3 Módulo 4
Poços produtores 8 20 10
Poços Injetores 3 10 6
Capacidade (bpd) 90.000 180.000 180.000
Primeiro óleo 2002 2007 2007
Sistema de Produção FPSO Brasil SS P-52 FPSO P-54
API 27 to 31 27 to 31 18
Em
Projeto
Básico-
FEED
Em
estudo
viabilidade
Resumo
Módulo 1A
Fase I
Módulo 1A
Fase II
Módulo 2 Módulo 3 Módulo 4
Poços produtores 8 20 10
Poços Injetores 3 10 6
Capacidade (bpd) 90.000 180.000 180.000
Primeiro óleo 2002 2007 2007
Sistema de Produção FPSO Brasil SS P-52 FPSO P-54
API 27 to 31 27 to 31 18
Em
Projeto
Básico-
FEED
Em
estudo
viabilidadeLâmina
d’água:
1500 – 1900 m
P-52
MÓDULO
1A
MÓDULO
3MÓDULO
4
MÓDULO
2P-54
FPSO Brasil
1.500 m
1.900 m
P-55
Roncador : P-55Roncador : P-55
68 km de umbilicais de
controle
26 Risers
2 Manifolds
de gas-lift e Controle
• 114 km de linhas de 7” (rígidas e
flexíveis)
• 15 km de linhas de 4” flexíveis
Oleodutos:
47 km x 12 pol para PRA-1
18 km x 12 pol para P-54
Gasoduto:
47 km x 12 pol até MSG,
seguindo para PGP-
1/PNA-1
18 poços: 11
produtores e 7
injetores
Roncador : P-55Roncador : P-55
290 mil bpdInjeção de Água
1.790 mLDA
6,0 milhões m³/d
4,5 milhões m3/d
180 mil bpd
Compressão
Tratamento de Gás
Produção de Óleo
Desenvolvimento de JubarteDesenvolvimento de Jubarte
Resumo Piloto Fase 1 Fase 2
Poços Produtores 1 4 15
Poços Injetores
Capacidade (bpd) 20.000 60.000 180.000
Primeiro Óleo 2002 2005 2009
Sistema de Produção Seillean FPSO P-34 FPSO P-57
o
API 17 17 17
Resumo Piloto Fase 1 Fase 2
Poços Produtores 1 4 15
Poços Injetores
Capacidade (bpd) 20.000 60.000 180.000
Primeiro Óleo 2002 2005 2009
Sistema de Produção Seillean FPSO P-34 FPSO P-57
o
API 17 17 17
P-57
Lâmina d’água:
1240–1350 m
Jubarte Fase 2: P-57Jubarte Fase 2: P-57
15 - 7Poços produtores – injetores
Spread mooringAncoragem
1.250 mLDA
ContrataçãoContratação
TURBO-GERADORES
1 BID - 1 vencedor
EPC
1 BID - 2 vencedores
UEPs P55 e P57
MOTO-COMPRESSORES
1 BID - 1 vencedor
Ida ao Mercado out/05
Assinatura dos Contratos jun/06
P-57
Ida ao Mercado out/05
Assinatura dos Contratos jun/06
P-55
Mexilhão P-55 P-57
LDA 170 m 1790 m 1250 m
No. de Poços
Produção/Injeção
11 / - 11 / 7 15 / 7
Produção de Óleo/Gás 15.000.000 Nm³/d 180 mil bpd 180 mil bpd
Tipo Fixa SS(Nova) FPSO (Novo)
Conteudo Local
75 % no EPC
60% UEP
75 % no EPC
Contratos
EPC (jaqueta e
topsides) + Meio Naval
de instalação (jaqueta
e topsides)
EPC + Mód. Geração +
Mód. Compressão
EPC + Mód. Geração +
Mód. Compressão
Ida ao mercado julho 2005 outubro/2005 outubro/2006
Assinatura dos
Contratos
fevereiro 2006 junho 2006 junho 2006
Entrada em Operação junho 2008 junho 2010 junho 2010
Quadro resumo

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Cafe9 jandrade

Óleo e Gás
Óleo e GásÓleo e Gás
Estrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - Ativa
Estrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - AtivaEstrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - Ativa
Estrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - Ativa
Ativa Corretora
 
Webcast portugues finalrev
Webcast portugues finalrevWebcast portugues finalrev
Webcast portugues finalrev
Petrobras
 
Webcast portugues final
Webcast portugues finalWebcast portugues final
Webcast portugues final
Petrobras
 
Webcast portugues final_atualizada
Webcast portugues final_atualizadaWebcast portugues final_atualizada
Webcast portugues final_atualizada
Petrobras
 
DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...
DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...
DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...
HitaloSantos7
 
Webcast 1T09
Webcast 1T09Webcast 1T09
Webcast 1T09
Petrobras
 
A Indústria do Petróleo
A Indústria do PetróleoA Indústria do Petróleo
Clube Militar Marco Regulatório V
Clube  Militar    Marco  Regulatório    VClube  Militar    Marco  Regulatório    V
Clube Militar Marco Regulatório V
FatoseDados
 
Cenário naval e offshore no rs
Cenário naval e offshore no rsCenário naval e offshore no rs
Cenário naval e offshore no rs
glenmilanez
 
Apres Camara270509
Apres Camara270509Apres Camara270509
Apres Camara270509
Joaquim Leao
 
Apresentação Gabrielli Assembléia Legislativa Ceará
Apresentação Gabrielli Assembléia Legislativa CearáApresentação Gabrielli Assembléia Legislativa Ceará
Apresentação Gabrielli Assembléia Legislativa Ceará
FatoseDados
 
Resultados financeiros do 1º trimestre
Resultados financeiros do 1º trimestreResultados financeiros do 1º trimestre
Resultados financeiros do 1º trimestre
FatoseDados
 
J.gabrieli
J.gabrieliJ.gabrieli
J.gabrieli
Luis Nassif
 
Apresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da Petrobras
Apresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da PetrobrasApresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da Petrobras
Apresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da Petrobras
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Gb2013 marcelo schultz_petrobras
Gb2013 marcelo schultz_petrobrasGb2013 marcelo schultz_petrobras
Gb2013 marcelo schultz_petrobras
Galvabrasil
 
O Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-sal
O Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-salO Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-sal
O Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-sal
ANP - Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis
 
Apresentação Suape 2015
Apresentação Suape 2015Apresentação Suape 2015
Apresentação Suape 2015
ADDiper
 
Webcast 2T13
Webcast 2T13Webcast 2T13
Webcast 2T13
Petrobras
 
Apresentação no Instituto Ethos sobre o pré sal
Apresentação no Instituto Ethos sobre o pré salApresentação no Instituto Ethos sobre o pré sal
Apresentação no Instituto Ethos sobre o pré sal
FatoseDados
 

Semelhante a Cafe9 jandrade (20)

Óleo e Gás
Óleo e GásÓleo e Gás
Óleo e Gás
 
Estrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - Ativa
Estrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - AtivaEstrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - Ativa
Estrategia, Crescimento e Resultados - Petrobras - Ativa
 
Webcast portugues finalrev
Webcast portugues finalrevWebcast portugues finalrev
Webcast portugues finalrev
 
Webcast portugues final
Webcast portugues finalWebcast portugues final
Webcast portugues final
 
Webcast portugues final_atualizada
Webcast portugues final_atualizadaWebcast portugues final_atualizada
Webcast portugues final_atualizada
 
DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...
DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...
DOC_ORADOR_C_11886_K-Comissao-Permanente-CAE-20130917CNJ016_parte2460_RESULTA...
 
Webcast 1T09
Webcast 1T09Webcast 1T09
Webcast 1T09
 
A Indústria do Petróleo
A Indústria do PetróleoA Indústria do Petróleo
A Indústria do Petróleo
 
Clube Militar Marco Regulatório V
Clube  Militar    Marco  Regulatório    VClube  Militar    Marco  Regulatório    V
Clube Militar Marco Regulatório V
 
Cenário naval e offshore no rs
Cenário naval e offshore no rsCenário naval e offshore no rs
Cenário naval e offshore no rs
 
Apres Camara270509
Apres Camara270509Apres Camara270509
Apres Camara270509
 
Apresentação Gabrielli Assembléia Legislativa Ceará
Apresentação Gabrielli Assembléia Legislativa CearáApresentação Gabrielli Assembléia Legislativa Ceará
Apresentação Gabrielli Assembléia Legislativa Ceará
 
Resultados financeiros do 1º trimestre
Resultados financeiros do 1º trimestreResultados financeiros do 1º trimestre
Resultados financeiros do 1º trimestre
 
J.gabrieli
J.gabrieliJ.gabrieli
J.gabrieli
 
Apresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da Petrobras
Apresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da PetrobrasApresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da Petrobras
Apresentação Marcio Paulo Naumann - Gerente de Exploração da UO-BS da Petrobras
 
Gb2013 marcelo schultz_petrobras
Gb2013 marcelo schultz_petrobrasGb2013 marcelo schultz_petrobras
Gb2013 marcelo schultz_petrobras
 
O Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-sal
O Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-salO Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-sal
O Regime de Partilha de Produção de Petróleo do Pré-sal
 
Apresentação Suape 2015
Apresentação Suape 2015Apresentação Suape 2015
Apresentação Suape 2015
 
Webcast 2T13
Webcast 2T13Webcast 2T13
Webcast 2T13
 
Apresentação no Instituto Ethos sobre o pré sal
Apresentação no Instituto Ethos sobre o pré salApresentação no Instituto Ethos sobre o pré sal
Apresentação no Instituto Ethos sobre o pré sal
 

Cafe9 jandrade

  • 1. Reunião PETROBRAS e ONIP Setembro de 2005
  • 2. Corporativo 2%Corporativo 2% Distribuição 2%Distribuição 2% Petroquímicos 4%Petroquímicos 4% Projetos E&P no Exterior 10%Projetos E&P no Exterior 10% GasGas & Energia 12%& Energia 12% Transporte, Refino e Vendas 20%Transporte, Refino e Vendas 20% E&PE&P BrasilBrasil 50%50% ExploraçãoExploração Desenvolvimento daDesenvolvimento da ProdProd TotalTotal $ 4,1 bilhões$ 4,1 bilhões $ 23,9 bilhões$ 23,9 bilhões $ 28,0 bilhões$ 28,0 bilhões Exploração e Produção no Brasil (2006-2010) $ 1,2 bilhões$ 1,2 bilhões $ 26,8 bilhões$ 26,8 bilhões $ 28,0 bilhões$ 28,0 bilhões ProjectProject FinanceFinance Fluxo de Caixa eFluxo de Caixa e FinancFinanc. Corp.. Corp. TotalTotal $ 28,0$ 28,0 bilhõesbilhões $ 6,1$ 6,1 bilhõesbilhões $ 34,1$ 34,1 bilhõesbilhões Projetos de Exploração e Produção (2006-2010) U$ 56,4 bilhõesU$ 56,4 bilhões Investimentos Planejados em E&P No BrasilNo Brasil InternacionalInternacional TotalTotal
  • 3. Principais Projetos Iniciando a Produção em 2005Principais Projetos Iniciando a Produção em 2005 Projeto Localização Capacidade Início P- 48 (FPSO) Caratinga – Bacia de Campos 150 M bpd fev UPGN III - Catu Bahia 2,5 MM m3/d gás mar Terminal Norte-Capixaba Espírito Santo Armazenamento de 535 M barris jun Planta de Guamaré Rio Grande do Norte 3.800 bpd de diesel e 1.500 bpd de QAV jun Gás Natural em Terra Bahia – Bacia de Tucano Sul 500M m3/dia de gás jul P- 47 (FPSO - Tratamento) Marlim – Bacia de Campos 150 M bpd ago Peroá-Cangoá – Fase I Bacia do Espírito Santo 2,5 MM m3/d gás set Piloto de Golfinho Bacia do Espírito Santo 23 M bpd – óleo leve out P- 50 (FPSO) Albacora Leste – Bacia de Campos 180 M bpd nov UPGN III - Guamaré Rio Grande do Norte 1,5 MM m3/d gás nov
  • 4. Principais Projetos de Produção 2006-2008Principais Projetos de Produção 2006-2008 Projeto Bacia Sistema Capacidade Início P- 34 - Fase I (Jubarte) Campos FPSO 60 M bpd 2006 Manati Camamu-Almada Pataforma Fixa 6 MM m3 /d 2006 Golfinho I Espírito Santo FPSO 100 M bpd 2006 Piranema Sergipe-Alagoas SSP 20 M bpd 2006 Golfinho II Espírito Santo FPSO 100 M bpd 2007 RJS-409 (Espadarte) Campos FPSO 100 M bpd 2007 P- 52 (Roncador) Campos SS 180 M bpd 2007 P- 54 (Roncador) Campos FPSO 180 M bpd 2007 PRA-1 Campos Plataforma Fixa 820 M bpd 2007 Peroá-Cangoá Phase II Espírito Santo Plataforma Fixa 5.5 MM m3 /d 2007 P- 51 (Marlim Sul) Campos SS 180 M bpd 2008 P- 53 (Marlim Leste) Campos FPU 180 M bpd 2008 Mexilhão (gás natural) Santos Plataforma Fixa 15 MM m3 /d 2008
  • 5. Principais Projetos de Produção a Partir de 2009Principais Projetos de Produção a Partir de 2009 Projeto Bacia P-57 - Jubarte (Fase 2) CL P-55 - Roncador (Módulo 3) Campos P-56 - Marlim Sul (Módulo 3) Campos ESS-138 (gás natural no BES-100) Espírito Santo Marlim Sul (Módulo 4) Campos Roncador (Módulo 4) Campos Cachalote / Baleia Franca / Baleia Anã Campos Baleia Azul / outras descobertas no bloco BC-60 Campos BS-500 (gás natural e óleo leve) Santos BC-20 Campos ESS-130 (óleo leve no bloco BC-60) Campos Projetos Iniciando a Produção a Partir de 2008 75% 60%
  • 6. Curva de Conteúdo Local do Prominp E&PCurva de Conteúdo Local do Prominp E&P Carteira de Investimentos da Petrobras no período 2004 - 2010Carteira de Investimentos da Petrobras no perCarteira de Investimentos da Petrobras no perííodo 2004odo 2004 -- 20102010 53,42% 57,04% 57,07% 48,11% 57,50% 0% 20% 40% 60% 80% 100% 2003 2004 2005 2006 2007 2o Fórum Nacional do Prominp em Vitória-ES
  • 9. EXPORTAÇÃO: • 145 km de dutos 34” entre PMXL-1 e UTG (PDET) • 13 km de dutos 6” entre UTG e TEBAR COLETA: • 2 Manifolds: 8 / 6 poços • 58 km de dutos flexíveis • 142 km de dutos rígidos • 103 Km de umbilicais Instalações Submarinas - MexilhãoInstalações Submarinas - Mexilhão
  • 10. Campo de RoncadorCampo de Roncador
  • 11. Desenvolvimento de RoncadorDesenvolvimento de Roncador Resumo Módulo 1A Fase I Módulo 1A Fase II Módulo 2 Módulo 3 Módulo 4 Poços produtores 8 20 10 Poços Injetores 3 10 6 Capacidade (bpd) 90.000 180.000 180.000 Primeiro óleo 2002 2007 2007 Sistema de Produção FPSO Brasil SS P-52 FPSO P-54 API 27 to 31 27 to 31 18 Em Projeto Básico- FEED Em estudo viabilidade Resumo Módulo 1A Fase I Módulo 1A Fase II Módulo 2 Módulo 3 Módulo 4 Poços produtores 8 20 10 Poços Injetores 3 10 6 Capacidade (bpd) 90.000 180.000 180.000 Primeiro óleo 2002 2007 2007 Sistema de Produção FPSO Brasil SS P-52 FPSO P-54 API 27 to 31 27 to 31 18 Em Projeto Básico- FEED Em estudo viabilidadeLâmina d’água: 1500 – 1900 m P-52 MÓDULO 1A MÓDULO 3MÓDULO 4 MÓDULO 2P-54 FPSO Brasil 1.500 m 1.900 m P-55
  • 12. Roncador : P-55Roncador : P-55 68 km de umbilicais de controle 26 Risers 2 Manifolds de gas-lift e Controle • 114 km de linhas de 7” (rígidas e flexíveis) • 15 km de linhas de 4” flexíveis Oleodutos: 47 km x 12 pol para PRA-1 18 km x 12 pol para P-54 Gasoduto: 47 km x 12 pol até MSG, seguindo para PGP- 1/PNA-1 18 poços: 11 produtores e 7 injetores
  • 13. Roncador : P-55Roncador : P-55 290 mil bpdInjeção de Água 1.790 mLDA 6,0 milhões m³/d 4,5 milhões m3/d 180 mil bpd Compressão Tratamento de Gás Produção de Óleo
  • 14. Desenvolvimento de JubarteDesenvolvimento de Jubarte Resumo Piloto Fase 1 Fase 2 Poços Produtores 1 4 15 Poços Injetores Capacidade (bpd) 20.000 60.000 180.000 Primeiro Óleo 2002 2005 2009 Sistema de Produção Seillean FPSO P-34 FPSO P-57 o API 17 17 17 Resumo Piloto Fase 1 Fase 2 Poços Produtores 1 4 15 Poços Injetores Capacidade (bpd) 20.000 60.000 180.000 Primeiro Óleo 2002 2005 2009 Sistema de Produção Seillean FPSO P-34 FPSO P-57 o API 17 17 17 P-57 Lâmina d’água: 1240–1350 m
  • 15. Jubarte Fase 2: P-57Jubarte Fase 2: P-57 15 - 7Poços produtores – injetores Spread mooringAncoragem 1.250 mLDA
  • 16. ContrataçãoContratação TURBO-GERADORES 1 BID - 1 vencedor EPC 1 BID - 2 vencedores UEPs P55 e P57 MOTO-COMPRESSORES 1 BID - 1 vencedor Ida ao Mercado out/05 Assinatura dos Contratos jun/06 P-57 Ida ao Mercado out/05 Assinatura dos Contratos jun/06 P-55
  • 17. Mexilhão P-55 P-57 LDA 170 m 1790 m 1250 m No. de Poços Produção/Injeção 11 / - 11 / 7 15 / 7 Produção de Óleo/Gás 15.000.000 Nm³/d 180 mil bpd 180 mil bpd Tipo Fixa SS(Nova) FPSO (Novo) Conteudo Local 75 % no EPC 60% UEP 75 % no EPC Contratos EPC (jaqueta e topsides) + Meio Naval de instalação (jaqueta e topsides) EPC + Mód. Geração + Mód. Compressão EPC + Mód. Geração + Mód. Compressão Ida ao mercado julho 2005 outubro/2005 outubro/2006 Assinatura dos Contratos fevereiro 2006 junho 2006 junho 2006 Entrada em Operação junho 2008 junho 2010 junho 2010 Quadro resumo