SlideShare uma empresa Scribd logo
Redes de Computadores I-Cabeamento Estruturado 
por 
HelcioWagner da Silva
IntroduçãoTIA/EIA-568-B 
TIA/EIA-568-B.1 
Requisitos GeraisTIA/EIA-568-B.2Cabeamento baseado em cabos de Par trançado 
TIA/EIA-568-B.3 
Cabeamento baseado em cabos de 
Fibra óptica 
TIA: TelecommunicationsIndustryAssociation 
EIA: EletronicIndustries Association 
(Análogo brasileiro: 
ABNT NBR 14565)
Componentes de um Sistema de Cabeamento Estruturado 
Conector-cruzado 
Principal/intermediário 
Conector-cruzado 
Horizontal1. Entrada do Prédio2. Sala de Equipamentos 
4. Armário de 
Telecomunicações3. Cabeamentode Backbone 
3. Cabeamento Horizontal 
6. Área de Trabalho 
Distribuição do 
BackboneInter-prédios
Legenda 
•MC: Conector-cruzado Principal 
•IC: Conector-cruzado Intermediário 
•HC: Conector-cruzado Horizontal 
•ER: Sala de Equipamentos 
•TC: Armário de Telecomunicações 
•EF: Entrada do Prédio 
•S: Computador 
•O: Tomada de ComputadorS
S 
S 
S 
S 
S 
SSS 
SS 
S 
S 
S 
SER & EFER& EF 
ER 
& 
EF 
TC 
TC 
TC 
TC 
TC 
TCTC 
ER 
WA 
WA 
WA 
WA 
WA 
WAWA 
MC 
IC
Entrada do Prédio 
•Junçãoentrecabeamentoexterno(inter- prédios)einterno(intra-prédio). 
•Contémhardwaredeinterconexão,dispositosdeproteçãoeoutrosequipamentos. 
•Pontodedemarcaçãoentreoprovedordoserviçoeocabeamentodocliente.
Sala de Equipamentos 
•Abrigam: 
–MCseICs(patchpanels). 
–Demaisequipamentos(servidores,roteadoreseswitches,porexemplo). 
•Possuiacessorestrito. 
•Raramenteexperimentamudançasestruturais. 
•Emumprédio,ficanormalmentenotérreo.
Cabeamento do Backbone 
•Planejamentoparaperíodoentre3–10anos. 
•Topologiaemestrela. 
•NãomaisquedoisníveisdehierarquiadeCC. 
•Meiosdetransmissãoutilizados: 
–CabosUTPde100Ω. 
–Cabosdefibraóptica50/125μm. 
–Cabosdefibraóptica62,5/125μm. 
–Cabosdefibraópticamonomodo. 
•TambémchamadodeRedePrimária.
Cabeamento de BackboneS 
S 
S 
S 
SSPrédio # 1 
Prédio # 2 
500 m 
800 m 
800 m 
300 m 
Cabo UTP 
ER 
ER 
TC 
TC 
TC 
WA 
WA 
WA 
WAWA 
WA
Cabeamento de Backbone 
SS 
SS 
SS 
Prédio # 1 
Prédio # 2 
1.700 m 
2.000 m 
2.000 m 
300 m 
Cabo de Fibra Óptica 62,5/125 μmou 50/125 μm. ER 
ER 
TC 
TC 
WA 
WA 
WA 
WA 
WA 
WA 
TC
Cabeamento de Backbone 
S 
S 
SSS 
S 
Prédio # 1 
Prédio # 2 
2.700 m 
3.000 m 
3.000 m 
300 m 
Cabo de Fibra Óptica Monomodo 
ER 
ER 
TC 
TC 
TC 
WA 
WAWA 
WA 
WA 
WA
Armários de Telecomunicações 
•AbrigamosHCs(patchpanels)edemaisequipamentosdeinterconexão,taiscomo: 
–Servidores. 
–Roteadores. 
–Switches. 
–Hubs. 
•Possuem a mesma função que as ER, mas em menor complexidade. 
•Em um prédio, normalmente há um ou mais TCspor andar.
PatchPanels(Painéis de Conexão) 
•Intermediário entre tomadas e Equipamentos de rede. 
•Melhoram a organização dos cabos e facilitam a reconfiguraçãoda rede. 
•Construídos para fixação em racks.
PatchPanels(Painéis de Fixação) TC 
WA 
Cabeamento Horizontal 
Patchcord 
Conexão cruzada 
switchPatchpanel 
Patch 
panel
PatchPanels(Painéis de Fixação) 
TC 
WA 
Cabeamento Horizontal 
Interconexão 
Patchpanelswitch
Cabeamento Horizontal 
•Estende-sedoHCatéatomadadetelecomunicações. 
•Topologiaemestrela,centradanoHC. 
•Meiosdetransmissãoutilizados: 
–CaboUTPde100Ω. 
–Cabodefibraóptica50/125μmou62.5/125μm. 
•Mudançasestruturaisocorremcomrelativafreqüência. 
•TambémchamadodeRedeSecundária.
Cabeamento Horizontal 
90 m 
90 m 
90 m3 m3 m 
3 m 
6 m 
100 m
MUTOA 
•Multi-UserTelelecommunicationsOutletAssembly) 
–Replanejaoescritóriosemalterarocabeamentohorizontal. 
–Aplicávelemcolunas. 
–Máximode12WA. 
MUTOA 
TCA 
BC
MUTOA 
A 
B 
C 
Total 
5 
90 
5 
100 
5 
85 
9 
99 
5 
80 
13 
98 
5 
75 
17 
97 
5 
70 
22 
97 
Distâncias (em m) para cabos UTP.
Ponto de Consolidação (CP) 
•Introduzflexibilidade,masnãotantoquantooMUTOA. 
•Podeseraplicadonoteto. 
•Máximode12WA. CPTC 
6m 
90 m 
3 m
Área de Trabalho 
•Estende-sedatomadadetelecomunicaçõesatéoequipamento(computadoroutelefone). 
Cabo UTP para voz. 
Cabo UTP ou fibra óptica50/125 μmou 62.5/125 μm.
Área de Trabalho 
1. Pares trançados 
à mostra 
2. Fios separados 
3. Cabo crimpado
Área de Trabalho 
•Doisesquemasdeconexão: 
–T568A. 
–T568B. 
•Cabodireto 
–Ambasasextremidadescrimpadoscomomesmoesquema. 
–Usadasemligaçõescomputador-hub/switch/roteador. 
•Cabocruzado(oucrossover) 
–Asextremidadessãocrimpadascomesquemasdiferentes. 
–Usadoemligaçõescomputador-computadorehub- hub(cascateamento).
Área de Trabalho –T568AW/GG 
W/O 
BL 
W/BL 
O 
W/BR 
BR 
1 
2 
3 
4 
5 
6 
7 
8TR+TR- 
R+ 
Unused 
R- 
Sinais 10Base-T e 100Base-TX 
Unused 
Unused 
Unused
Área de Trabalho –T568B 
W/O 
O 
W/G 
BL 
W/BL 
G 
W/BRBR 
1 
2 
3 
4 
5 
6 
7 
8 
TR+TR- 
R+ 
UnusedR- 
Sinais 10Base-T e 100Base-TXUnusedUnused 
Unused
W/G 
G 
W/O 
BL 
W/BL 
O 
W/BR 
BR 
TR+ 
TR- 
R+ 
Unused 
R- 
T568AW/G 
G 
W/O 
BL 
W/BL 
O 
W/BR 
BR 
T568B 
Área de TrabalhoUnused 
Unused 
Unused 
TR+ 
TR- 
R+Unused 
R- 
Unused 
Unused 
Unused 
•Cabo Crossover

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ambiente wifi
Ambiente wifiAmbiente wifi
Endereçamento IP
Endereçamento IPEndereçamento IP
Endereçamento IP
Pjpilin
 
Arquitetura de Redes de Computadores
 Arquitetura de Redes de Computadores Arquitetura de Redes de Computadores
Arquitetura de Redes de Computadores
Ana Julia F Alves Ferreira
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
Paula Peres
 
Cabeamento Estruturado.pdf
Cabeamento Estruturado.pdfCabeamento Estruturado.pdf
Cabeamento Estruturado.pdf
Os Fantasmas !
 
Endereçamento ipv4 e ipv6-
 Endereçamento ipv4 e ipv6- Endereçamento ipv4 e ipv6-
Endereçamento ipv4 e ipv6-
Mariana Melo
 
Aula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadoresAula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadores
LucasMansueto
 
Modelo TCP/IP
Modelo TCP/IPModelo TCP/IP
Gerenciamento de Arquivos Nos Sistemas Operacionais
Gerenciamento de Arquivos Nos Sistemas OperacionaisGerenciamento de Arquivos Nos Sistemas Operacionais
Gerenciamento de Arquivos Nos Sistemas Operacionais
Leandro Júnior
 
Introducao as rede de computadores
Introducao as rede de computadoresIntroducao as rede de computadores
Introducao as rede de computadores
Beldo Antonio Jaime Mario
 
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e TelecomunicaçõesAulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Jocelma Rios
 
Infraestrutura e Componentes de Redes de Dados
Infraestrutura e Componentes de Redes de DadosInfraestrutura e Componentes de Redes de Dados
Infraestrutura e Componentes de Redes de Dados
tiredes
 
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fioAula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
camila_seixas
 
Redes 5 cabeamento
Redes 5 cabeamentoRedes 5 cabeamento
Redes 5 cabeamento
Mauro Pereira
 
Cabos de rede
Cabos de redeCabos de rede
Cabos de rede
Rui Ferreira
 
05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf
05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf
05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf
Rômulo Sanzio Rodrigues Xavier
 
Apresentação sobre ipv6
Apresentação sobre ipv6Apresentação sobre ipv6
Apresentação sobre ipv6
Leandro Rodrigues
 
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de ComputadoresAula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Dalton Martins
 
Cabeamento Estruturado
Cabeamento EstruturadoCabeamento Estruturado
Cabeamento Estruturado
Anderson Zardo
 
Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1
Luis Ferreira
 

Mais procurados (20)

Ambiente wifi
Ambiente wifiAmbiente wifi
Ambiente wifi
 
Endereçamento IP
Endereçamento IPEndereçamento IP
Endereçamento IP
 
Arquitetura de Redes de Computadores
 Arquitetura de Redes de Computadores Arquitetura de Redes de Computadores
Arquitetura de Redes de Computadores
 
Redes de Computadores
Redes de ComputadoresRedes de Computadores
Redes de Computadores
 
Cabeamento Estruturado.pdf
Cabeamento Estruturado.pdfCabeamento Estruturado.pdf
Cabeamento Estruturado.pdf
 
Endereçamento ipv4 e ipv6-
 Endereçamento ipv4 e ipv6- Endereçamento ipv4 e ipv6-
Endereçamento ipv4 e ipv6-
 
Aula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadoresAula 5 - Redes de computadores
Aula 5 - Redes de computadores
 
Modelo TCP/IP
Modelo TCP/IPModelo TCP/IP
Modelo TCP/IP
 
Gerenciamento de Arquivos Nos Sistemas Operacionais
Gerenciamento de Arquivos Nos Sistemas OperacionaisGerenciamento de Arquivos Nos Sistemas Operacionais
Gerenciamento de Arquivos Nos Sistemas Operacionais
 
Introducao as rede de computadores
Introducao as rede de computadoresIntroducao as rede de computadores
Introducao as rede de computadores
 
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e TelecomunicaçõesAulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
Aulas 6 e 7 - Redes e Telecomunicações
 
Infraestrutura e Componentes de Redes de Dados
Infraestrutura e Componentes de Redes de DadosInfraestrutura e Componentes de Redes de Dados
Infraestrutura e Componentes de Redes de Dados
 
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fioAula 1: Conceitos de redes sem fio
Aula 1: Conceitos de redes sem fio
 
Redes 5 cabeamento
Redes 5 cabeamentoRedes 5 cabeamento
Redes 5 cabeamento
 
Cabos de rede
Cabos de redeCabos de rede
Cabos de rede
 
05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf
05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf
05-Subsistemas de Cabeamento Estruturado.pdf
 
Apresentação sobre ipv6
Apresentação sobre ipv6Apresentação sobre ipv6
Apresentação sobre ipv6
 
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de ComputadoresAula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
Aula 01 - Introdução ao curso - Projeto de Redes de Computadores
 
Cabeamento Estruturado
Cabeamento EstruturadoCabeamento Estruturado
Cabeamento Estruturado
 
Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1Comunicação de dados - Módulo 1
Comunicação de dados - Módulo 1
 

Destaque

Cabeamento estruturado
Cabeamento estruturadoCabeamento estruturado
Cabeamento estruturado
Evandro Júnior
 
Manaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagrama
Manaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagramaManaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagrama
Manaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagrama
Thiago Huari
 
Treinamento boas práticas de instalação rev02-2011
Treinamento boas práticas de instalação   rev02-2011Treinamento boas práticas de instalação   rev02-2011
Treinamento boas práticas de instalação rev02-2011
Renan Amicuchi
 
Fibra optica
Fibra opticaFibra optica
Fibra optica
asmendes
 
Aula cabeamento estruturado Eia/Tia
Aula cabeamento  estruturado Eia/TiaAula cabeamento  estruturado Eia/Tia
Aula cabeamento estruturado Eia/Tia
Osimar Almeida
 
Fibra Óptica
Fibra ÓpticaFibra Óptica
Fibra Óptica
Maria João Silva
 

Destaque (6)

Cabeamento estruturado
Cabeamento estruturadoCabeamento estruturado
Cabeamento estruturado
 
Manaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagrama
Manaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagramaManaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagrama
Manaul de serviço cbr900 rr fireblade (2000~2001) diagrama
 
Treinamento boas práticas de instalação rev02-2011
Treinamento boas práticas de instalação   rev02-2011Treinamento boas práticas de instalação   rev02-2011
Treinamento boas práticas de instalação rev02-2011
 
Fibra optica
Fibra opticaFibra optica
Fibra optica
 
Aula cabeamento estruturado Eia/Tia
Aula cabeamento  estruturado Eia/TiaAula cabeamento  estruturado Eia/Tia
Aula cabeamento estruturado Eia/Tia
 
Fibra Óptica
Fibra ÓpticaFibra Óptica
Fibra Óptica
 

Semelhante a Cabeamento estruturado

Modulo1p5 081
Modulo1p5 081Modulo1p5 081
Modulo1p5 081
redesinforma
 
Teleco.com cabeamentoestruturado1
Teleco.com cabeamentoestruturado1Teleco.com cabeamentoestruturado1
Teleco.com cabeamentoestruturado1
robertowa
 
André tesa
André tesaAndré tesa
André tesa
André Correia
 
Ficha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petroFicha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petro
kamatozza
 
Cabos De Rede
Cabos De RedeCabos De Rede
Cabos De Rede
hallogui
 
Cabeamento 1 introdução - normas - categorias
Cabeamento 1   introdução - normas - categoriasCabeamento 1   introdução - normas - categorias
Cabeamento 1 introdução - normas - categorias
Paulo Fonseca
 
Ansieiatia568 a
Ansieiatia568 aAnsieiatia568 a
Ansieiatia568 a
rffelix
 
Imei
ImeiImei
Imei
Ivo Cuco
 
Cabeamento estruturado
Cabeamento estruturadoCabeamento estruturado
Cabeamento estruturado
João Alves
 
Rede de Computadores - Cabo Coaxial
Rede de Computadores - Cabo CoaxialRede de Computadores - Cabo Coaxial
Rede de Computadores - Cabo Coaxial
Marcelo Carvalho
 
Cab estruturado-unidade3
Cab estruturado-unidade3Cab estruturado-unidade3
Cab estruturado-unidade3
Leandro Almeida
 
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho  equipamento passivo de redeCorrecção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
baglungekanchi
 
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho  equipamento passivo de redeCorrecção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
y3vg3n
 
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede_Nikolas
Correcção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede_NikolasCorrecção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede_Nikolas
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede_Nikolas
Nikoameer
 
Controle Remoto de Residências
Controle Remoto de ResidênciasControle Remoto de Residências
Controle Remoto de Residências
Jaguaraci Silva
 
Equipamento passivo de rede petro
Equipamento passivo de rede petroEquipamento passivo de rede petro
Equipamento passivo de rede petro
kamatozza
 
Cabeamento 2 visão geral do cabeamento estuturado
Cabeamento 2   visão geral do cabeamento estuturadoCabeamento 2   visão geral do cabeamento estuturado
Cabeamento 2 visão geral do cabeamento estuturado
Paulo Fonseca
 
568 a
568 a568 a
Ficha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petroFicha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petro
kamatozza
 
CE MATERIAIS .pdf
CE MATERIAIS .pdfCE MATERIAIS .pdf
CE MATERIAIS .pdf
MARXVICTOR1
 

Semelhante a Cabeamento estruturado (20)

Modulo1p5 081
Modulo1p5 081Modulo1p5 081
Modulo1p5 081
 
Teleco.com cabeamentoestruturado1
Teleco.com cabeamentoestruturado1Teleco.com cabeamentoestruturado1
Teleco.com cabeamentoestruturado1
 
André tesa
André tesaAndré tesa
André tesa
 
Ficha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petroFicha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petro
 
Cabos De Rede
Cabos De RedeCabos De Rede
Cabos De Rede
 
Cabeamento 1 introdução - normas - categorias
Cabeamento 1   introdução - normas - categoriasCabeamento 1   introdução - normas - categorias
Cabeamento 1 introdução - normas - categorias
 
Ansieiatia568 a
Ansieiatia568 aAnsieiatia568 a
Ansieiatia568 a
 
Imei
ImeiImei
Imei
 
Cabeamento estruturado
Cabeamento estruturadoCabeamento estruturado
Cabeamento estruturado
 
Rede de Computadores - Cabo Coaxial
Rede de Computadores - Cabo CoaxialRede de Computadores - Cabo Coaxial
Rede de Computadores - Cabo Coaxial
 
Cab estruturado-unidade3
Cab estruturado-unidade3Cab estruturado-unidade3
Cab estruturado-unidade3
 
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho  equipamento passivo de redeCorrecção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
 
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho  equipamento passivo de redeCorrecção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede
 
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede_Nikolas
Correcção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede_NikolasCorrecção da ficha de trabalho  equipamento passivo de rede_Nikolas
Correcção da ficha de trabalho equipamento passivo de rede_Nikolas
 
Controle Remoto de Residências
Controle Remoto de ResidênciasControle Remoto de Residências
Controle Remoto de Residências
 
Equipamento passivo de rede petro
Equipamento passivo de rede petroEquipamento passivo de rede petro
Equipamento passivo de rede petro
 
Cabeamento 2 visão geral do cabeamento estuturado
Cabeamento 2   visão geral do cabeamento estuturadoCabeamento 2   visão geral do cabeamento estuturado
Cabeamento 2 visão geral do cabeamento estuturado
 
568 a
568 a568 a
568 a
 
Ficha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petroFicha de trabalho_2_petro
Ficha de trabalho_2_petro
 
CE MATERIAIS .pdf
CE MATERIAIS .pdfCE MATERIAIS .pdf
CE MATERIAIS .pdf
 

Cabeamento estruturado

  • 1. Redes de Computadores I-Cabeamento Estruturado por HelcioWagner da Silva
  • 2. IntroduçãoTIA/EIA-568-B TIA/EIA-568-B.1 Requisitos GeraisTIA/EIA-568-B.2Cabeamento baseado em cabos de Par trançado TIA/EIA-568-B.3 Cabeamento baseado em cabos de Fibra óptica TIA: TelecommunicationsIndustryAssociation EIA: EletronicIndustries Association (Análogo brasileiro: ABNT NBR 14565)
  • 3. Componentes de um Sistema de Cabeamento Estruturado Conector-cruzado Principal/intermediário Conector-cruzado Horizontal1. Entrada do Prédio2. Sala de Equipamentos 4. Armário de Telecomunicações3. Cabeamentode Backbone 3. Cabeamento Horizontal 6. Área de Trabalho Distribuição do BackboneInter-prédios
  • 4. Legenda •MC: Conector-cruzado Principal •IC: Conector-cruzado Intermediário •HC: Conector-cruzado Horizontal •ER: Sala de Equipamentos •TC: Armário de Telecomunicações •EF: Entrada do Prédio •S: Computador •O: Tomada de ComputadorS
  • 5. S S S S S SSS SS S S S SER & EFER& EF ER & EF TC TC TC TC TC TCTC ER WA WA WA WA WA WAWA MC IC
  • 6. Entrada do Prédio •Junçãoentrecabeamentoexterno(inter- prédios)einterno(intra-prédio). •Contémhardwaredeinterconexão,dispositosdeproteçãoeoutrosequipamentos. •Pontodedemarcaçãoentreoprovedordoserviçoeocabeamentodocliente.
  • 7. Sala de Equipamentos •Abrigam: –MCseICs(patchpanels). –Demaisequipamentos(servidores,roteadoreseswitches,porexemplo). •Possuiacessorestrito. •Raramenteexperimentamudançasestruturais. •Emumprédio,ficanormalmentenotérreo.
  • 8. Cabeamento do Backbone •Planejamentoparaperíodoentre3–10anos. •Topologiaemestrela. •NãomaisquedoisníveisdehierarquiadeCC. •Meiosdetransmissãoutilizados: –CabosUTPde100Ω. –Cabosdefibraóptica50/125μm. –Cabosdefibraóptica62,5/125μm. –Cabosdefibraópticamonomodo. •TambémchamadodeRedePrimária.
  • 9. Cabeamento de BackboneS S S S SSPrédio # 1 Prédio # 2 500 m 800 m 800 m 300 m Cabo UTP ER ER TC TC TC WA WA WA WAWA WA
  • 10. Cabeamento de Backbone SS SS SS Prédio # 1 Prédio # 2 1.700 m 2.000 m 2.000 m 300 m Cabo de Fibra Óptica 62,5/125 μmou 50/125 μm. ER ER TC TC WA WA WA WA WA WA TC
  • 11. Cabeamento de Backbone S S SSS S Prédio # 1 Prédio # 2 2.700 m 3.000 m 3.000 m 300 m Cabo de Fibra Óptica Monomodo ER ER TC TC TC WA WAWA WA WA WA
  • 12. Armários de Telecomunicações •AbrigamosHCs(patchpanels)edemaisequipamentosdeinterconexão,taiscomo: –Servidores. –Roteadores. –Switches. –Hubs. •Possuem a mesma função que as ER, mas em menor complexidade. •Em um prédio, normalmente há um ou mais TCspor andar.
  • 13. PatchPanels(Painéis de Conexão) •Intermediário entre tomadas e Equipamentos de rede. •Melhoram a organização dos cabos e facilitam a reconfiguraçãoda rede. •Construídos para fixação em racks.
  • 14. PatchPanels(Painéis de Fixação) TC WA Cabeamento Horizontal Patchcord Conexão cruzada switchPatchpanel Patch panel
  • 15. PatchPanels(Painéis de Fixação) TC WA Cabeamento Horizontal Interconexão Patchpanelswitch
  • 16. Cabeamento Horizontal •Estende-sedoHCatéatomadadetelecomunicações. •Topologiaemestrela,centradanoHC. •Meiosdetransmissãoutilizados: –CaboUTPde100Ω. –Cabodefibraóptica50/125μmou62.5/125μm. •Mudançasestruturaisocorremcomrelativafreqüência. •TambémchamadodeRedeSecundária.
  • 17. Cabeamento Horizontal 90 m 90 m 90 m3 m3 m 3 m 6 m 100 m
  • 19. MUTOA A B C Total 5 90 5 100 5 85 9 99 5 80 13 98 5 75 17 97 5 70 22 97 Distâncias (em m) para cabos UTP.
  • 20. Ponto de Consolidação (CP) •Introduzflexibilidade,masnãotantoquantooMUTOA. •Podeseraplicadonoteto. •Máximode12WA. CPTC 6m 90 m 3 m
  • 21. Área de Trabalho •Estende-sedatomadadetelecomunicaçõesatéoequipamento(computadoroutelefone). Cabo UTP para voz. Cabo UTP ou fibra óptica50/125 μmou 62.5/125 μm.
  • 22. Área de Trabalho 1. Pares trançados à mostra 2. Fios separados 3. Cabo crimpado
  • 23. Área de Trabalho •Doisesquemasdeconexão: –T568A. –T568B. •Cabodireto –Ambasasextremidadescrimpadoscomomesmoesquema. –Usadasemligaçõescomputador-hub/switch/roteador. •Cabocruzado(oucrossover) –Asextremidadessãocrimpadascomesquemasdiferentes. –Usadoemligaçõescomputador-computadorehub- hub(cascateamento).
  • 24. Área de Trabalho –T568AW/GG W/O BL W/BL O W/BR BR 1 2 3 4 5 6 7 8TR+TR- R+ Unused R- Sinais 10Base-T e 100Base-TX Unused Unused Unused
  • 25. Área de Trabalho –T568B W/O O W/G BL W/BL G W/BRBR 1 2 3 4 5 6 7 8 TR+TR- R+ UnusedR- Sinais 10Base-T e 100Base-TXUnusedUnused Unused
  • 26. W/G G W/O BL W/BL O W/BR BR TR+ TR- R+ Unused R- T568AW/G G W/O BL W/BL O W/BR BR T568B Área de TrabalhoUnused Unused Unused TR+ TR- R+Unused R- Unused Unused Unused •Cabo Crossover