SlideShare uma empresa Scribd logo
BRUXISMO:
SINTOMAS,
TRATAMENTOS E
CAUSAS
INTRODUÇÃO
• Froitman em 1931, identificou a relação do bruxismo com
problemas dentários ligados a movimentos mandibulares
anormais (PEREIRA; NEGREIROS; SCARPARO, 2006).
IDENTIFICAÇÃO
• Cêntrico (ato de apertar) ou excêntrico (ato de ranger);
• Diurno ou noturno;
• Consciente ou incosciente.
PODE SER:
CONCEITO 1
• “O bruxismo é definido como o contato estático ou dinâmico
dos dentes, em momentos outros que não aqueles que
ocorrem durante as funções normais da mastigação ou
deglutição, e está sempre associado a um estado emocional
alterado do paciente, ou seja, o stress” (RODRIGUES;
DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
CONCEITO 2
• “O bruxismo é caracterizado pelo ato
parafuncional de apertar ou ranger dos dentes, que
pode ocorrer de maneira consciente ou
inconsciente, durante o sono ou em vigília”
(PEREIRA; NEGREIROS; SCARPARO, 2006)
ETIOLOGIA
COMPLEXA E MULTIFATORIAL
E COM FREQÜÊNCIA, DIFÍCIL
DE SER IDENTIFICADA.
(RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
ETIOLOGIA E PREVALÊNCIA
• Stress emocional
• Problemas oclusais
Associada:
• Cerca de 85% a 90% das pessoas relatam episódios
de ranger de dentes ao longo dos anos de suas vidas
Epidememologia
(ALÓE; GONÇALVES; AZEVEDO, 2003; RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
FATORES ETIOLOGICOS
BRUXISMO
DENTAIS;
PSICOEMOCIONAIS;
SISTÊMICOS;
OCUPACIONAIS;
IDIOPÁTICOS;
NUTRICIONAIS
(RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
FATORES DE RISCO
ESTRESSE
IDADE
• COMUM EM CRIANÇAS SUBSTÂNCIAS
ESTIMULANTES
SINTOMAS
Ranger ou apertar os dentes
Dentes achatados, fraturados, lascados ou soltos
Esmalte dental desgastado
Durante a anamnese, o paciente
freqüentemente relata fadiga e dor
muscular causando a limitação da
abertura da boca e ruídos na ATM.
(RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK,
2006)
SINTOMAS
AUMENTO DA SENSIBILIDADE DENTÁRIA
MANDÍBULA OU DOR NA FACE
DOR NA MANDUBULA DOR QUE SE SENTE OMO SE FOSSE UMA
DOR DE OUVIDO - MAS QUE NA VERDADE É RESULTADO DE
BRUXISMO
DOR DE CABEÇA
RECUOS DE LÍNGUA
(RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
http://www.abc.med.br/fmfiles/index.asp/::abcmed::/Ima
gens/bruxismo.jpg
Transtornos alimentares
Ansiedade, irritabilidade, estresse e
tensão
Depressão
Sensação de calor ou frio nos dentes
Insônia
SINTOMAS
(RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
http://degodontologia.com.br/wp-content/uploads/2015/10/maxresdefault.jpg
DIAGNÓSTICO E EXAMES
• Desaparecimento da lâmina dura, alteração do
espaço periodontal, que tanto pode
desaparecer quanto apresentar-se aumentado,
reabsorção radicular, fraturas radiculares e
cálculos pulpares (RODRIGUES; DITTERICH;
SHINTCOVSK, 2006)
RADIOGRAFICAMENTE
ENTRE AS ESPECIALIDADES QUE
PODEM DIAGNOSTICAR BRUXISMO
ESTÃO:
•Clínica médica
•Odontologia
•Psiquiatria
•Fonoaudiologia
SEUS SINAIS E SINTOMAS DEVEM SER
DIAGNOSTICADOS EM FASE PRECOCE
UMA VEZ QUE A MAIORIA DOS DANOS
PROVOCADOS É IRREVERSÍVEL.
(RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK,
2006)
TERAPÊUTICA
MULTIDISCIPLINAR
ABRANGENDO
ASPECTOS
DENTÁRIOS
•ODONTOLOGIA
•PSICOLOGIA
•FISIOTERAPIA
•FONOAUDIOLOGIA
•MÉDICOS
•PSICOLÓGICOS
(RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
COMPLICAÇÕES POSSÍVEIS
PRODUZ REFLEXOS NO
PERIODONTO
NOS MÚSCULOS
MASTIGATÓRIOS
NA ARTICULAÇÃO
TEMPORO-
MANDIBULAR.
http://danielenobrega.com.br/wp-
content/uploads/2014/01/temporomandibular.jpg
CONCLUSÃO
• Por ser de etiologia complexa e ainda obscura, é
impossível estabelecer um tratamento padrão
para todos os pacientes.
• Entretanto, medidas importantes baseadas na
educação do paciente, controle consciente do
bruxismo, melhora na qualidade do sono e
terapias de suporte podem ter sucesso no
controle da parafunção e resolução da maioria
dos sintomas.
BIBLIOGRAFIA ESTUDADA
• PEREIRA, R.; NEGREIROS, W.; SCARPARO, H. Bruxismo e qualidade de vida.
Rev. odonto, 2006.
• GUSSON, D. Bruxismo em crianças. J. Bras. Odontopediatr. Odontol. Bebe,
1998.
• RODRIGUES, C.; DITTERICH, R.; SHINTCOVSK, R. Bruxismo: uma revisão da
literatura. Ciências Biológicas e …, 2006.
• ALÓE, F.; GONÇALVES, L.; AZEVEDO, A. Bruxismo durante o sono. Rev, 2003.
• Bruxismo - Sintomas, Tratamentos e Causas | Minha Vida. Disponível em:
<http://www.minhavida.com.br/saude/temas/bruxismo>. Acesso em: 28 nov. 2016.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Periodontia
PeriodontiaPeriodontia
Periodontia
Oyara Mello
 
Apresentação odontopediatria (2)
Apresentação   odontopediatria (2)Apresentação   odontopediatria (2)
Apresentação odontopediatria (2)
Jhonny Marques
 
Controle mecanico de placa bacteriana
Controle mecanico de placa bacterianaControle mecanico de placa bacteriana
Controle mecanico de placa bacteriana
Helane Davi
 
Endodontia (Revisão e resumo)
Endodontia (Revisão e resumo)Endodontia (Revisão e resumo)
Endodontia (Revisão e resumo)
Jonathan Cardoso Gomes Rodrigues
 
DENTES INCLUSOS E IMPACTADOS
DENTES INCLUSOS E IMPACTADOSDENTES INCLUSOS E IMPACTADOS
DENTES INCLUSOS E IMPACTADOS
Camilla Bringel
 
Princípios de oclusão e ajuste oclusal
Princípios de oclusão e ajuste oclusalPrincípios de oclusão e ajuste oclusal
Princípios de oclusão e ajuste oclusal
profguilhermeterra
 
Saude bucal1.ppt odonto soc
Saude bucal1.ppt odonto socSaude bucal1.ppt odonto soc
Saude bucal1.ppt odonto soc
Lucas Almeida Sá
 
Promoção e educação em saúde bucal
Promoção e educação em saúde bucalPromoção e educação em saúde bucal
Promoção e educação em saúde bucal
Flavia Navarro de Sousa
 
Sistema estomatognático
Sistema estomatognáticoSistema estomatognático
Sistema estomatognático
Thamyfs
 
Manutenção Espaço
Manutenção EspaçoManutenção Espaço
Manutenção Espaço
kcaurj
 
Educação em saúde bucal parte 1
Educação em saúde bucal  parte 1Educação em saúde bucal  parte 1
Educação em saúde bucal parte 1
Adélia Correia
 
Selantes odontopediatria
Selantes odontopediatriaSelantes odontopediatria
Selantes odontopediatria
Gabriella Lourenço
 
Cárie Dentária
Cárie Dentária Cárie Dentária
Cárie Dentária
Gabriella Lourenço
 
Escultura dental com auxílio do método geométrico
Escultura dental com auxílio do método geométricoEscultura dental com auxílio do método geométrico
Escultura dental com auxílio do método geométrico
profguilhermeterra
 
Proteção do complexo dentino-pulpar
Proteção do complexo dentino-pulparProteção do complexo dentino-pulpar
Proteção do complexo dentino-pulpar
profguilhermeterra
 
Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...
Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...
Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...
André Milioli Martins
 
Slides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças Periodontais
Slides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças PeriodontaisSlides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças Periodontais
Slides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças Periodontais
Vítor Genaro
 
Cárie
CárieCárie
Cárie
Lia Lia
 
Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013
Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013
Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013
Guilherme Terra
 
Clareamento dental
Clareamento dentalClareamento dental
Clareamento dental
Rayssa Mendonça
 

Mais procurados (20)

Periodontia
PeriodontiaPeriodontia
Periodontia
 
Apresentação odontopediatria (2)
Apresentação   odontopediatria (2)Apresentação   odontopediatria (2)
Apresentação odontopediatria (2)
 
Controle mecanico de placa bacteriana
Controle mecanico de placa bacterianaControle mecanico de placa bacteriana
Controle mecanico de placa bacteriana
 
Endodontia (Revisão e resumo)
Endodontia (Revisão e resumo)Endodontia (Revisão e resumo)
Endodontia (Revisão e resumo)
 
DENTES INCLUSOS E IMPACTADOS
DENTES INCLUSOS E IMPACTADOSDENTES INCLUSOS E IMPACTADOS
DENTES INCLUSOS E IMPACTADOS
 
Princípios de oclusão e ajuste oclusal
Princípios de oclusão e ajuste oclusalPrincípios de oclusão e ajuste oclusal
Princípios de oclusão e ajuste oclusal
 
Saude bucal1.ppt odonto soc
Saude bucal1.ppt odonto socSaude bucal1.ppt odonto soc
Saude bucal1.ppt odonto soc
 
Promoção e educação em saúde bucal
Promoção e educação em saúde bucalPromoção e educação em saúde bucal
Promoção e educação em saúde bucal
 
Sistema estomatognático
Sistema estomatognáticoSistema estomatognático
Sistema estomatognático
 
Manutenção Espaço
Manutenção EspaçoManutenção Espaço
Manutenção Espaço
 
Educação em saúde bucal parte 1
Educação em saúde bucal  parte 1Educação em saúde bucal  parte 1
Educação em saúde bucal parte 1
 
Selantes odontopediatria
Selantes odontopediatriaSelantes odontopediatria
Selantes odontopediatria
 
Cárie Dentária
Cárie Dentária Cárie Dentária
Cárie Dentária
 
Escultura dental com auxílio do método geométrico
Escultura dental com auxílio do método geométricoEscultura dental com auxílio do método geométrico
Escultura dental com auxílio do método geométrico
 
Proteção do complexo dentino-pulpar
Proteção do complexo dentino-pulparProteção do complexo dentino-pulpar
Proteção do complexo dentino-pulpar
 
Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...
Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...
Principais Diferenças Entre Periodontite Crônica e Periodontite Agressiva - A...
 
Slides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças Periodontais
Slides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças PeriodontaisSlides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças Periodontais
Slides de seminário: Diagnóstico e Classificações das Doenças Periodontais
 
Cárie
CárieCárie
Cárie
 
Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013
Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013
Princípios cirúrgicos e manobras fundamentais 2013
 
Clareamento dental
Clareamento dentalClareamento dental
Clareamento dental
 

Mais de JP ABNT

Criança pré escolar
Criança pré escolarCriança pré escolar
Criança pré escolar
JP ABNT
 
artrite psoríaca
artrite psoríacaartrite psoríaca
artrite psoríaca
JP ABNT
 
Sindrome de turner
Sindrome de turnerSindrome de turner
Sindrome de turner
JP ABNT
 
Arritmias Cardiacas
Arritmias CardiacasArritmias Cardiacas
Arritmias Cardiacas
JP ABNT
 
Como deve ser feita a profilaxia
Como deve ser feita a profilaxiaComo deve ser feita a profilaxia
Como deve ser feita a profilaxia
JP ABNT
 
ASMA - ALERGIAS
ASMA - ALERGIASASMA - ALERGIAS
ASMA - ALERGIAS
JP ABNT
 
REIMPLANTE DENTÁRIO
REIMPLANTE DENTÁRIO REIMPLANTE DENTÁRIO
REIMPLANTE DENTÁRIO
JP ABNT
 
COMO FAZER UM TCC
COMO FAZER UM TCCCOMO FAZER UM TCC
COMO FAZER UM TCC
JP ABNT
 
Violencia contra o idoso
Violencia contra o idosoViolencia contra o idoso
Violencia contra o idoso
JP ABNT
 
Estudo e obtenção de um material compósito de
Estudo e obtenção de um material compósito deEstudo e obtenção de um material compósito de
Estudo e obtenção de um material compósito de
JP ABNT
 
Apresentação amanda odonto_estomatologia
Apresentação amanda odonto_estomatologiaApresentação amanda odonto_estomatologia
Apresentação amanda odonto_estomatologia
JP ABNT
 
Vacinas contra a cárie
Vacinas contra a cárieVacinas contra a cárie
Vacinas contra a cárie
JP ABNT
 
Fissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruth
Fissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruthFissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruth
Fissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruth
JP ABNT
 

Mais de JP ABNT (13)

Criança pré escolar
Criança pré escolarCriança pré escolar
Criança pré escolar
 
artrite psoríaca
artrite psoríacaartrite psoríaca
artrite psoríaca
 
Sindrome de turner
Sindrome de turnerSindrome de turner
Sindrome de turner
 
Arritmias Cardiacas
Arritmias CardiacasArritmias Cardiacas
Arritmias Cardiacas
 
Como deve ser feita a profilaxia
Como deve ser feita a profilaxiaComo deve ser feita a profilaxia
Como deve ser feita a profilaxia
 
ASMA - ALERGIAS
ASMA - ALERGIASASMA - ALERGIAS
ASMA - ALERGIAS
 
REIMPLANTE DENTÁRIO
REIMPLANTE DENTÁRIO REIMPLANTE DENTÁRIO
REIMPLANTE DENTÁRIO
 
COMO FAZER UM TCC
COMO FAZER UM TCCCOMO FAZER UM TCC
COMO FAZER UM TCC
 
Violencia contra o idoso
Violencia contra o idosoViolencia contra o idoso
Violencia contra o idoso
 
Estudo e obtenção de um material compósito de
Estudo e obtenção de um material compósito deEstudo e obtenção de um material compósito de
Estudo e obtenção de um material compósito de
 
Apresentação amanda odonto_estomatologia
Apresentação amanda odonto_estomatologiaApresentação amanda odonto_estomatologia
Apresentação amanda odonto_estomatologia
 
Vacinas contra a cárie
Vacinas contra a cárieVacinas contra a cárie
Vacinas contra a cárie
 
Fissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruth
Fissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruthFissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruth
Fissuras labiais estudo bibliográfico_resumo_expandido_25_02_2015_odonto_ruth
 

Bruxismo

  • 2. INTRODUÇÃO • Froitman em 1931, identificou a relação do bruxismo com problemas dentários ligados a movimentos mandibulares anormais (PEREIRA; NEGREIROS; SCARPARO, 2006). IDENTIFICAÇÃO • Cêntrico (ato de apertar) ou excêntrico (ato de ranger); • Diurno ou noturno; • Consciente ou incosciente. PODE SER:
  • 3. CONCEITO 1 • “O bruxismo é definido como o contato estático ou dinâmico dos dentes, em momentos outros que não aqueles que ocorrem durante as funções normais da mastigação ou deglutição, e está sempre associado a um estado emocional alterado do paciente, ou seja, o stress” (RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
  • 4. CONCEITO 2 • “O bruxismo é caracterizado pelo ato parafuncional de apertar ou ranger dos dentes, que pode ocorrer de maneira consciente ou inconsciente, durante o sono ou em vigília” (PEREIRA; NEGREIROS; SCARPARO, 2006)
  • 5. ETIOLOGIA COMPLEXA E MULTIFATORIAL E COM FREQÜÊNCIA, DIFÍCIL DE SER IDENTIFICADA. (RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
  • 6. ETIOLOGIA E PREVALÊNCIA • Stress emocional • Problemas oclusais Associada: • Cerca de 85% a 90% das pessoas relatam episódios de ranger de dentes ao longo dos anos de suas vidas Epidememologia (ALÓE; GONÇALVES; AZEVEDO, 2003; RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
  • 8. FATORES DE RISCO ESTRESSE IDADE • COMUM EM CRIANÇAS SUBSTÂNCIAS ESTIMULANTES
  • 9. SINTOMAS Ranger ou apertar os dentes Dentes achatados, fraturados, lascados ou soltos Esmalte dental desgastado Durante a anamnese, o paciente freqüentemente relata fadiga e dor muscular causando a limitação da abertura da boca e ruídos na ATM. (RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
  • 10. SINTOMAS AUMENTO DA SENSIBILIDADE DENTÁRIA MANDÍBULA OU DOR NA FACE DOR NA MANDUBULA DOR QUE SE SENTE OMO SE FOSSE UMA DOR DE OUVIDO - MAS QUE NA VERDADE É RESULTADO DE BRUXISMO DOR DE CABEÇA RECUOS DE LÍNGUA (RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006) http://www.abc.med.br/fmfiles/index.asp/::abcmed::/Ima gens/bruxismo.jpg
  • 11. Transtornos alimentares Ansiedade, irritabilidade, estresse e tensão Depressão Sensação de calor ou frio nos dentes Insônia SINTOMAS (RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006) http://degodontologia.com.br/wp-content/uploads/2015/10/maxresdefault.jpg
  • 12. DIAGNÓSTICO E EXAMES • Desaparecimento da lâmina dura, alteração do espaço periodontal, que tanto pode desaparecer quanto apresentar-se aumentado, reabsorção radicular, fraturas radiculares e cálculos pulpares (RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006) RADIOGRAFICAMENTE
  • 13. ENTRE AS ESPECIALIDADES QUE PODEM DIAGNOSTICAR BRUXISMO ESTÃO: •Clínica médica •Odontologia •Psiquiatria •Fonoaudiologia SEUS SINAIS E SINTOMAS DEVEM SER DIAGNOSTICADOS EM FASE PRECOCE UMA VEZ QUE A MAIORIA DOS DANOS PROVOCADOS É IRREVERSÍVEL. (RODRIGUES; DITTERICH; SHINTCOVSK, 2006)
  • 15. COMPLICAÇÕES POSSÍVEIS PRODUZ REFLEXOS NO PERIODONTO NOS MÚSCULOS MASTIGATÓRIOS NA ARTICULAÇÃO TEMPORO- MANDIBULAR. http://danielenobrega.com.br/wp- content/uploads/2014/01/temporomandibular.jpg
  • 16. CONCLUSÃO • Por ser de etiologia complexa e ainda obscura, é impossível estabelecer um tratamento padrão para todos os pacientes. • Entretanto, medidas importantes baseadas na educação do paciente, controle consciente do bruxismo, melhora na qualidade do sono e terapias de suporte podem ter sucesso no controle da parafunção e resolução da maioria dos sintomas.
  • 17. BIBLIOGRAFIA ESTUDADA • PEREIRA, R.; NEGREIROS, W.; SCARPARO, H. Bruxismo e qualidade de vida. Rev. odonto, 2006. • GUSSON, D. Bruxismo em crianças. J. Bras. Odontopediatr. Odontol. Bebe, 1998. • RODRIGUES, C.; DITTERICH, R.; SHINTCOVSK, R. Bruxismo: uma revisão da literatura. Ciências Biológicas e …, 2006. • ALÓE, F.; GONÇALVES, L.; AZEVEDO, A. Bruxismo durante o sono. Rev, 2003. • Bruxismo - Sintomas, Tratamentos e Causas | Minha Vida. Disponível em: <http://www.minhavida.com.br/saude/temas/bruxismo>. Acesso em: 28 nov. 2016.