SlideShare uma empresa Scribd logo
1. A Revelação divina
2. Os livros da Bíblia
3. A integridade da Bíblia
4. Livros inspirados e
verdade da Bíblia
5. O cânone das Escrituras
6. Santidade e unidade de
ambos os Testamentos
7. A interpretação da Bíblia
8. As ideias mestras da
Antiga Aliança
9. A Nova Aliança de
Cristo
10. A Escritura na vida da
Igreja
Aulas previstas:
Conhecer a Bíblia
Aula 2Aula 2
Os livros da BíbliaOs livros da Bíblia
2/13
O país, os escritos e a sua história
3/13
O país da Bíblia
4/13A memória de um povo
5/13O quadro histórico dos livros da Sagrada Escritura
6/13Etapas principais na formação do AT
1. A etapa patriarcal.
2. A etapa mosaica.
3. Etapa da Monarquia.
4. Etapa do Exílio ou cativeiro da Babilónia.
5. Etapa do judaísmo
 Período persa (538-333 a.C.)
 Período helenístico (333-63 a.C.)
 Período macabeu (até ao ano 175 a.C.)
7/13Etapas principais na formação do AT
1. A etapa patriarcal.
8/13Etapas principais na formação do AT
2. A etapa mosaica.
9/13Etapas principais na formação do AT
3. Etapa da Monarquia.
Etapas principais na formação do AT
3. Etapa da Monarquia.
 É então que se põem por escrito duas grandes tradições: a Javista (J) no Reino
do Sul (século IX) e a elohista (E) no Reino do Norte (século VIII), assim chama-
das pela maneira de designar Deus, como Iavé ou Elohim, respectivamente.
 Algum tempo depois, no ano 612, quando no Sul governava o rei Josias, desco-
bre--se no Templo de Jerusalém o rolo da Lei. O livro do Deuteronómio situa-se
na confluência de três grandes correntes que inspiraram e construíram a alma de
Israel: a Tradição mosaica, o Profetismo e a Sabedoria.
 Os investigadores opinam que é nesta altura que se cristaliza aquilo que vulgar-
mente se chama a História Sagrada. Efectivamente, os redactores da tradição deuteronómica (D) entenderam a analogia, ou melhor, a continuidade que existia
entre o Israel do deserto e o reino de Judá do século VII
10/13Etapas principais na formação do AT
4. Etapa do Exílio ou cativeiro da Babilónia.
Etapas principais na formação do AT
4. Etapa do Exílio ou cativeiro da Babilónia.
 No ano 587 Jerusalém cai em poder dos babilónios, e com ela desmoronam-se os
fundamentos da vida religiosa de Israel: a dinastia de David, a «terra prometida»
e o Templo de Jerusalém.
 Os cinquenta anos do exílio vão ser a “época dourada” do livro escrito. Nestas circunstâncias históricas faz-se a redacção dos livros de Ezequiel e do Segundo Isaías.
11/13
5. Etapa do judaísmo
 Período persa (538-333 a.C.)
 Período helenístico (333-63 a.C.)
 Período macabeu (até ao ano 175 a.C.)
Etapas principais na formação do ATEtapas principais na formação do ATEtapas principais na formação do AT
5. Etapa do judaísmo
 Costuma chamar-se assim porque só voltam a Jerusalém e à «terra prometida»
um «resto dos descendentes de Judá – os que formavam o Reino do Sul – graças ao decreto libertador do rei persa Ciro.
 Nesta etapa distinguiremos três períodos: persa, helenístico e macabeu.
12/13Os livros do NT e o seu aparecimento históricoOs livros do NT e o seu aparecimento histórico O período de elaboração dos livros do NT é apenas de 50 anos (do 51 ao 100). Antes da fixação por escrito da mensagem de Jesus de Nazaré, é preciso distin-
guir duas etapas de tradição oral. A primeira corresponde aos ensinamentos, com palavras e factos, do próprio Jesus; a segunda é a tradição oral acerca de Jesus, vivida, testemunhada, celebrada e defendida pela Igreja primitiva.
 Devemos a São Paulo os primeiros escritos cristãos.
- entre os anos 51-52 escreve as duas cartas aos Tessalonicenses;
- entre 54-58, as chamadas «Grandes epístolas»; duas cartas aos Coríntios;
aos Gálatas e aos Romanos;
- à volta do ano 62 as chamadas «Cartas do Cativeiro»: Filipenses,
Colossenses, Efésios e Filemon;
- entre os anos 65-66, as «Cartas Pastorais»: as duas de Timóteo e a de Tito.
- A data mais provável para a carta aos Hebreus é à volta do ano 65.
13/13Os livros do NT e o seu aparecimento históricoOs livros do NT e o seu aparecimento histórico
Os livros do NT e o seu aparecimento histórico- A redacção definitiva dos três primeiros Evangelhos, Mateus, Marcos e Lucas,
chama dos Sinópticos, deve situar-se no período que vai do ano 65 ao 80, se
bem que prevaleça a opinião de que foram escritos antes do ano 70;
- As «Cartas católicas» têm uma data muito variável: a de Santiago entre os anos
50-60, e a de Judas à volta do ano 70; a primeira de Pedro no ano 64, enquanto
que a segunda é possível que seja por volta do ano 80.
- O livro dos Actos dos Apóstolos é situado, por uns no ano 53 e por outros no ano
80.
- E o grupo dos escritos joaninos fecha a colecção dos escritos do NT com o Apocali-
pse, três Cartas e o Quarto Evangelho entre os anos 85-100.
14/13Os livros do NT e o seu aparecimento histórico
 O Magistério da Igreja pronunciou-se em defesa da verdade histórica dos Evangel-
hos, a 21-IV-1964, com a Instrução Santa Mater Ecclesia; no nº 2 deste documento
expõem-se os três momentos básicos da redacção escrita dos Evangelhos, recolhi-
da pelo Catecismo da Igreja Católica assim: vida e ensinamentos de Jesus, tradição
oral e evangelhos escritos.
 O Magistério da Igreja pronunciou-se em defesa da verdade histórica dos Evangel-
hos, a 21-IV-1964, com a Instrução Santa Mater Ecclesia; no nº 2 deste documento
expõem-se os três momentos básicos da redacção escrita dos Evangelhos, recolhi-
da pelo Catecismo da Igreja Católica assim: vida e ensinamentos de Jesus, tradição
oral e evangelhos escritos.
Os livros do NT e o seu aparecimento histórico
15/13
ConclusõesConclusõesConclusões
 Esta rápida olhadela à história da elaboração dos livros bíblicos facilita-nos descobrir, em parte, o «mistério» da sua origem e leva-nos a concluir que as sagradas Escrituras não foram redigidas «de uma assentada», mas sim
elaboradas ao longo de um milénio. Além disto recordamos que a Bíblia não é precisamente um livro, pelo contrário é uma pequena biblioteca de 73 livros, redigida por autores muito diversos e através dos mais variados géneros
literários. A Palavra de Deus, dirigida sem excepção a todos os homens de todos os tempos e sem se despojar do selo desta dimensão universal, toma formas literárias próprias de uns autores humanos (inspirados) e do seu meio
histórico e cultural.
16/13
Ficha técnica
 Bibliografia
 Estes Guiões são baseados nos manuais da Biblioteca de Iniciación
Teológica de Editorial Rialp (editados em português pela editora Diel)
 Slides
 Originais - D. Serge Nicoloff, disponíveis em www.agea.org.es (Guiones
doctrinales actualizados)
 Tradução para português europeu - disponível em inicteol.no.sapo.pt

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apostila do novo testamento
Apostila do novo testamentoApostila do novo testamento
Apostila do novo testamento
HALAINDELON PEREIRA
 
Conhecendo a biblia lição 5 - 04-06-17
Conhecendo a biblia   lição 5 - 04-06-17Conhecendo a biblia   lição 5 - 04-06-17
Conhecendo a biblia lição 5 - 04-06-17
PIB Penha
 
0 a bíblia
0 a bíblia0 a bíblia
0 a bíblia
PIB Penha
 
Novo testamento
Novo testamentoNovo testamento
Novo testamento
António José Fonseca
 
Conhecendo a biblia lição 3 - 21-05-17
Conhecendo a biblia   lição 3 - 21-05-17Conhecendo a biblia   lição 3 - 21-05-17
Conhecendo a biblia lição 3 - 21-05-17
PIB Penha
 
O Cânone Das Escrituras
O Cânone Das EscriturasO Cânone Das Escrituras
O Cânone Das Escrituras
DimensaoCatolica
 
Conhecendo a biblia lição 6 - 11-06-17
Conhecendo a biblia   lição 6 - 11-06-17Conhecendo a biblia   lição 6 - 11-06-17
Conhecendo a biblia lição 6 - 11-06-17
PIB Penha
 
Panorama do NT - Introdução
Panorama do NT - IntroduçãoPanorama do NT - Introdução
Panorama do NT - Introdução
Respirando Deus
 
2 história do cristianismo - 2ª aula
2   história do cristianismo - 2ª aula2   história do cristianismo - 2ª aula
2 história do cristianismo - 2ª aula
PIB Penha
 
Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1
Gcom digital factory
 
30 atos
30 atos30 atos
30 atos
PIB Penha
 
Introdução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamentoIntrodução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamento
João Áquila Lima Dos Santos
 
Panorama Bíblico Novo Testamento
Panorama Bíblico Novo TestamentoPanorama Bíblico Novo Testamento
Panorama Bíblico Novo Testamento
Dagmar Wendt
 
Teologia do novo testamento
Teologia do novo testamentoTeologia do novo testamento
Teologia do novo testamento
Filipe Rhuan
 
Aula 18 a interpretação dos evangelhos
Aula 18   a interpretação dos evangelhosAula 18   a interpretação dos evangelhos
Aula 18 a interpretação dos evangelhos
Jose Ventura
 
30a atos
30a atos30a atos
30a atos
PIB Penha
 
Síntese do novo testamento I
Síntese do novo testamento ISíntese do novo testamento I
Síntese do novo testamento I
Francelia Carvalho Oliveira
 
Aula 6 - Lucas
Aula 6 - LucasAula 6 - Lucas
Aula 6 - Lucas
ibrdoamor
 
11 ise - o sagrado
11   ise - o sagrado11   ise - o sagrado
11 ise - o sagrado
Léo Mendonça
 
A historia do novo testamento
A historia do novo testamentoA historia do novo testamento
A historia do novo testamento
Alexandre Alves Rocha
 

Mais procurados (20)

Apostila do novo testamento
Apostila do novo testamentoApostila do novo testamento
Apostila do novo testamento
 
Conhecendo a biblia lição 5 - 04-06-17
Conhecendo a biblia   lição 5 - 04-06-17Conhecendo a biblia   lição 5 - 04-06-17
Conhecendo a biblia lição 5 - 04-06-17
 
0 a bíblia
0 a bíblia0 a bíblia
0 a bíblia
 
Novo testamento
Novo testamentoNovo testamento
Novo testamento
 
Conhecendo a biblia lição 3 - 21-05-17
Conhecendo a biblia   lição 3 - 21-05-17Conhecendo a biblia   lição 3 - 21-05-17
Conhecendo a biblia lição 3 - 21-05-17
 
O Cânone Das Escrituras
O Cânone Das EscriturasO Cânone Das Escrituras
O Cânone Das Escrituras
 
Conhecendo a biblia lição 6 - 11-06-17
Conhecendo a biblia   lição 6 - 11-06-17Conhecendo a biblia   lição 6 - 11-06-17
Conhecendo a biblia lição 6 - 11-06-17
 
Panorama do NT - Introdução
Panorama do NT - IntroduçãoPanorama do NT - Introdução
Panorama do NT - Introdução
 
2 história do cristianismo - 2ª aula
2   história do cristianismo - 2ª aula2   história do cristianismo - 2ª aula
2 história do cristianismo - 2ª aula
 
Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1
 
30 atos
30 atos30 atos
30 atos
 
Introdução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamentoIntrodução ao Novo testamento
Introdução ao Novo testamento
 
Panorama Bíblico Novo Testamento
Panorama Bíblico Novo TestamentoPanorama Bíblico Novo Testamento
Panorama Bíblico Novo Testamento
 
Teologia do novo testamento
Teologia do novo testamentoTeologia do novo testamento
Teologia do novo testamento
 
Aula 18 a interpretação dos evangelhos
Aula 18   a interpretação dos evangelhosAula 18   a interpretação dos evangelhos
Aula 18 a interpretação dos evangelhos
 
30a atos
30a atos30a atos
30a atos
 
Síntese do novo testamento I
Síntese do novo testamento ISíntese do novo testamento I
Síntese do novo testamento I
 
Aula 6 - Lucas
Aula 6 - LucasAula 6 - Lucas
Aula 6 - Lucas
 
11 ise - o sagrado
11   ise - o sagrado11   ise - o sagrado
11 ise - o sagrado
 
A historia do novo testamento
A historia do novo testamentoA historia do novo testamento
A historia do novo testamento
 

Semelhante a Biblia 02-os-livros

Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1
Moisés Sampaio
 
Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução Bíblica
Viva a Igreja
 
Biblia 05-o-canone
Biblia 05-o-canoneBiblia 05-o-canone
Biblia 05-o-canone
Ricardo Neves
 
Estrutura interna da bíblia
Estrutura interna da bíbliaEstrutura interna da bíblia
Estrutura interna da bíblia
Manuel Pereira Gonçalves
 
Escatologia vitoriosa
Escatologia vitoriosaEscatologia vitoriosa
Escatologia vitoriosa
André Sandiêgo Falcão
 
Biblia 03-integridade
Biblia 03-integridadeBiblia 03-integridade
Biblia 03-integridade
Ricardo Neves
 
Introdução às Sagradas Escrituras
Introdução às Sagradas EscriturasIntrodução às Sagradas Escrituras
Introdução às Sagradas Escrituras
Cursos Católicos
 
Estudos do AT.doc
Estudos do AT.docEstudos do AT.doc
Estudos do AT.doc
marco elizeu
 
Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013
Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013
Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013
kakaufig
 
Curso biblico RP
Curso biblico RPCurso biblico RP
Curso biblico RP
WebExecutivo1
 
A Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros ApócrifosA Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros Apócrifos
Robson Santana
 
Curso biblico da igreja batista adore de palhoça sc
Curso biblico da igreja batista adore de palhoça scCurso biblico da igreja batista adore de palhoça sc
Curso biblico da igreja batista adore de palhoça sc
polianysbernal
 
Curso Bíblico_Marcio Vieira
Curso Bíblico_Marcio VieiraCurso Bíblico_Marcio Vieira
Curso Bíblico_Marcio Vieira
WebExecutivo1
 
0 a bíblia
0 a bíblia0 a bíblia
0 a bíblia
Pib Penha
 
A igreja de jesus cristo
A igreja de jesus cristoA igreja de jesus cristo
A igreja de jesus cristo
Lia Porto
 
Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução Bíblica
Pastoral da Juventude
 
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdfLição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
EdilsonJanuariodeSou
 
33 trabalho de arqueologia
33 trabalho de arqueologia33 trabalho de arqueologia
33 trabalho de arqueologia
RogerioGravito85
 
Os Evangelhos - Parte I
Os Evangelhos - Parte IOs Evangelhos - Parte I
Os Evangelhos - Parte I
Paulo Magalhães
 
Como foi escrita a biblia
Como foi escrita a bibliaComo foi escrita a biblia
Como foi escrita a biblia
Paulo Sergio Lima da Silva
 

Semelhante a Biblia 02-os-livros (20)

Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1Epístolas gerais - aula 1
Epístolas gerais - aula 1
 
Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução Bíblica
 
Biblia 05-o-canone
Biblia 05-o-canoneBiblia 05-o-canone
Biblia 05-o-canone
 
Estrutura interna da bíblia
Estrutura interna da bíbliaEstrutura interna da bíblia
Estrutura interna da bíblia
 
Escatologia vitoriosa
Escatologia vitoriosaEscatologia vitoriosa
Escatologia vitoriosa
 
Biblia 03-integridade
Biblia 03-integridadeBiblia 03-integridade
Biblia 03-integridade
 
Introdução às Sagradas Escrituras
Introdução às Sagradas EscriturasIntrodução às Sagradas Escrituras
Introdução às Sagradas Escrituras
 
Estudos do AT.doc
Estudos do AT.docEstudos do AT.doc
Estudos do AT.doc
 
Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013
Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013
Evangelho de Lucas (2) - Semana Bíblica 2013
 
Curso biblico RP
Curso biblico RPCurso biblico RP
Curso biblico RP
 
A Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros ApócrifosA Questão dos Livros Apócrifos
A Questão dos Livros Apócrifos
 
Curso biblico da igreja batista adore de palhoça sc
Curso biblico da igreja batista adore de palhoça scCurso biblico da igreja batista adore de palhoça sc
Curso biblico da igreja batista adore de palhoça sc
 
Curso Bíblico_Marcio Vieira
Curso Bíblico_Marcio VieiraCurso Bíblico_Marcio Vieira
Curso Bíblico_Marcio Vieira
 
0 a bíblia
0 a bíblia0 a bíblia
0 a bíblia
 
A igreja de jesus cristo
A igreja de jesus cristoA igreja de jesus cristo
A igreja de jesus cristo
 
Introdução Bíblica
Introdução BíblicaIntrodução Bíblica
Introdução Bíblica
 
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdfLição 1 e 2 _ Edilson.pdf
Lição 1 e 2 _ Edilson.pdf
 
33 trabalho de arqueologia
33 trabalho de arqueologia33 trabalho de arqueologia
33 trabalho de arqueologia
 
Os Evangelhos - Parte I
Os Evangelhos - Parte IOs Evangelhos - Parte I
Os Evangelhos - Parte I
 
Como foi escrita a biblia
Como foi escrita a bibliaComo foi escrita a biblia
Como foi escrita a biblia
 

Mais de Ricardo Neves

Biblia atlas-didactico
Biblia atlas-didacticoBiblia atlas-didactico
Biblia atlas-didactico
Ricardo Neves
 
Biblia 10-na-vida-da-igreja
Biblia 10-na-vida-da-igrejaBiblia 10-na-vida-da-igreja
Biblia 10-na-vida-da-igreja
Ricardo Neves
 
Biblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-aliancaBiblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-alianca
Ricardo Neves
 
Biblia 08-ideias-mestras
Biblia 08-ideias-mestrasBiblia 08-ideias-mestras
Biblia 08-ideias-mestras
Ricardo Neves
 
Biblia 07-interpretacao
Biblia 07-interpretacaoBiblia 07-interpretacao
Biblia 07-interpretacao
Ricardo Neves
 
Biblia 06-santidade-e-unidade
Biblia 06-santidade-e-unidadeBiblia 06-santidade-e-unidade
Biblia 06-santidade-e-unidade
Ricardo Neves
 
Biblia 04-livros-inspirados
Biblia 04-livros-inspiradosBiblia 04-livros-inspirados
Biblia 04-livros-inspirados
Ricardo Neves
 
Biblia 01-a-revelacao
Biblia 01-a-revelacaoBiblia 01-a-revelacao
Biblia 01-a-revelacao
Ricardo Neves
 

Mais de Ricardo Neves (8)

Biblia atlas-didactico
Biblia atlas-didacticoBiblia atlas-didactico
Biblia atlas-didactico
 
Biblia 10-na-vida-da-igreja
Biblia 10-na-vida-da-igrejaBiblia 10-na-vida-da-igreja
Biblia 10-na-vida-da-igreja
 
Biblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-aliancaBiblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-alianca
 
Biblia 08-ideias-mestras
Biblia 08-ideias-mestrasBiblia 08-ideias-mestras
Biblia 08-ideias-mestras
 
Biblia 07-interpretacao
Biblia 07-interpretacaoBiblia 07-interpretacao
Biblia 07-interpretacao
 
Biblia 06-santidade-e-unidade
Biblia 06-santidade-e-unidadeBiblia 06-santidade-e-unidade
Biblia 06-santidade-e-unidade
 
Biblia 04-livros-inspirados
Biblia 04-livros-inspiradosBiblia 04-livros-inspirados
Biblia 04-livros-inspirados
 
Biblia 01-a-revelacao
Biblia 01-a-revelacaoBiblia 01-a-revelacao
Biblia 01-a-revelacao
 

Último

Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 

Último (14)

Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 

Biblia 02-os-livros

  • 1. 1. A Revelação divina 2. Os livros da Bíblia 3. A integridade da Bíblia 4. Livros inspirados e verdade da Bíblia 5. O cânone das Escrituras 6. Santidade e unidade de ambos os Testamentos 7. A interpretação da Bíblia 8. As ideias mestras da Antiga Aliança 9. A Nova Aliança de Cristo 10. A Escritura na vida da Igreja Aulas previstas: Conhecer a Bíblia Aula 2Aula 2 Os livros da BíbliaOs livros da Bíblia
  • 2. 2/13 O país, os escritos e a sua história
  • 3. 3/13 O país da Bíblia
  • 5. 5/13O quadro histórico dos livros da Sagrada Escritura
  • 6. 6/13Etapas principais na formação do AT 1. A etapa patriarcal. 2. A etapa mosaica. 3. Etapa da Monarquia. 4. Etapa do Exílio ou cativeiro da Babilónia. 5. Etapa do judaísmo  Período persa (538-333 a.C.)  Período helenístico (333-63 a.C.)  Período macabeu (até ao ano 175 a.C.)
  • 7. 7/13Etapas principais na formação do AT 1. A etapa patriarcal.
  • 8. 8/13Etapas principais na formação do AT 2. A etapa mosaica.
  • 9. 9/13Etapas principais na formação do AT 3. Etapa da Monarquia. Etapas principais na formação do AT 3. Etapa da Monarquia.  É então que se põem por escrito duas grandes tradições: a Javista (J) no Reino do Sul (século IX) e a elohista (E) no Reino do Norte (século VIII), assim chama- das pela maneira de designar Deus, como Iavé ou Elohim, respectivamente.  Algum tempo depois, no ano 612, quando no Sul governava o rei Josias, desco- bre--se no Templo de Jerusalém o rolo da Lei. O livro do Deuteronómio situa-se na confluência de três grandes correntes que inspiraram e construíram a alma de Israel: a Tradição mosaica, o Profetismo e a Sabedoria.  Os investigadores opinam que é nesta altura que se cristaliza aquilo que vulgar- mente se chama a História Sagrada. Efectivamente, os redactores da tradição deuteronómica (D) entenderam a analogia, ou melhor, a continuidade que existia entre o Israel do deserto e o reino de Judá do século VII
  • 10. 10/13Etapas principais na formação do AT 4. Etapa do Exílio ou cativeiro da Babilónia. Etapas principais na formação do AT 4. Etapa do Exílio ou cativeiro da Babilónia.  No ano 587 Jerusalém cai em poder dos babilónios, e com ela desmoronam-se os fundamentos da vida religiosa de Israel: a dinastia de David, a «terra prometida» e o Templo de Jerusalém.  Os cinquenta anos do exílio vão ser a “época dourada” do livro escrito. Nestas circunstâncias históricas faz-se a redacção dos livros de Ezequiel e do Segundo Isaías.
  • 11. 11/13 5. Etapa do judaísmo  Período persa (538-333 a.C.)  Período helenístico (333-63 a.C.)  Período macabeu (até ao ano 175 a.C.) Etapas principais na formação do ATEtapas principais na formação do ATEtapas principais na formação do AT 5. Etapa do judaísmo  Costuma chamar-se assim porque só voltam a Jerusalém e à «terra prometida» um «resto dos descendentes de Judá – os que formavam o Reino do Sul – graças ao decreto libertador do rei persa Ciro.  Nesta etapa distinguiremos três períodos: persa, helenístico e macabeu.
  • 12. 12/13Os livros do NT e o seu aparecimento históricoOs livros do NT e o seu aparecimento histórico O período de elaboração dos livros do NT é apenas de 50 anos (do 51 ao 100). Antes da fixação por escrito da mensagem de Jesus de Nazaré, é preciso distin- guir duas etapas de tradição oral. A primeira corresponde aos ensinamentos, com palavras e factos, do próprio Jesus; a segunda é a tradição oral acerca de Jesus, vivida, testemunhada, celebrada e defendida pela Igreja primitiva.  Devemos a São Paulo os primeiros escritos cristãos. - entre os anos 51-52 escreve as duas cartas aos Tessalonicenses; - entre 54-58, as chamadas «Grandes epístolas»; duas cartas aos Coríntios; aos Gálatas e aos Romanos; - à volta do ano 62 as chamadas «Cartas do Cativeiro»: Filipenses, Colossenses, Efésios e Filemon; - entre os anos 65-66, as «Cartas Pastorais»: as duas de Timóteo e a de Tito. - A data mais provável para a carta aos Hebreus é à volta do ano 65.
  • 13. 13/13Os livros do NT e o seu aparecimento históricoOs livros do NT e o seu aparecimento histórico Os livros do NT e o seu aparecimento histórico- A redacção definitiva dos três primeiros Evangelhos, Mateus, Marcos e Lucas, chama dos Sinópticos, deve situar-se no período que vai do ano 65 ao 80, se bem que prevaleça a opinião de que foram escritos antes do ano 70; - As «Cartas católicas» têm uma data muito variável: a de Santiago entre os anos 50-60, e a de Judas à volta do ano 70; a primeira de Pedro no ano 64, enquanto que a segunda é possível que seja por volta do ano 80. - O livro dos Actos dos Apóstolos é situado, por uns no ano 53 e por outros no ano 80. - E o grupo dos escritos joaninos fecha a colecção dos escritos do NT com o Apocali- pse, três Cartas e o Quarto Evangelho entre os anos 85-100.
  • 14. 14/13Os livros do NT e o seu aparecimento histórico  O Magistério da Igreja pronunciou-se em defesa da verdade histórica dos Evangel- hos, a 21-IV-1964, com a Instrução Santa Mater Ecclesia; no nº 2 deste documento expõem-se os três momentos básicos da redacção escrita dos Evangelhos, recolhi- da pelo Catecismo da Igreja Católica assim: vida e ensinamentos de Jesus, tradição oral e evangelhos escritos.  O Magistério da Igreja pronunciou-se em defesa da verdade histórica dos Evangel- hos, a 21-IV-1964, com a Instrução Santa Mater Ecclesia; no nº 2 deste documento expõem-se os três momentos básicos da redacção escrita dos Evangelhos, recolhi- da pelo Catecismo da Igreja Católica assim: vida e ensinamentos de Jesus, tradição oral e evangelhos escritos. Os livros do NT e o seu aparecimento histórico
  • 15. 15/13 ConclusõesConclusõesConclusões  Esta rápida olhadela à história da elaboração dos livros bíblicos facilita-nos descobrir, em parte, o «mistério» da sua origem e leva-nos a concluir que as sagradas Escrituras não foram redigidas «de uma assentada», mas sim elaboradas ao longo de um milénio. Além disto recordamos que a Bíblia não é precisamente um livro, pelo contrário é uma pequena biblioteca de 73 livros, redigida por autores muito diversos e através dos mais variados géneros literários. A Palavra de Deus, dirigida sem excepção a todos os homens de todos os tempos e sem se despojar do selo desta dimensão universal, toma formas literárias próprias de uns autores humanos (inspirados) e do seu meio histórico e cultural.
  • 16. 16/13 Ficha técnica  Bibliografia  Estes Guiões são baseados nos manuais da Biblioteca de Iniciación Teológica de Editorial Rialp (editados em português pela editora Diel)  Slides  Originais - D. Serge Nicoloff, disponíveis em www.agea.org.es (Guiones doctrinales actualizados)  Tradução para português europeu - disponível em inicteol.no.sapo.pt