SlideShare uma empresa Scribd logo
Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco
S. N. Eferente Motor
Fisiologia Humana I
MOTOR SOMÁTICO
• Controla os músculos ESQUELÉTICOS
• É responsável pela postura do corpo e pelos
movimentos.
Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco
Sistema Motor
• Possui 1 único neurônio que sai do SNC e se
projeta para os músculos.
• Estes neurônios são MIELINIZADOS para
facilitar a condução do sinal que precisa ser
rápida!
Comunicação Neurônio e Músculo
• Os neurônios motores fazem sinapse com as
fibras musculares em uma região chamada de
JUNÇÃO NEUROMUSCULAR
• O neurônio secreta ACh (Acetilcolina) que
excita a célula muscular.
• A célula muscular tem receptores
NICOTÍNICOS
Inervação Neurônio Motor
Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco
Junção Neuromuscular
Contração
• O receptores Nicotínicos se abre para influxo
de Na+ que despolariza (estimula) fazendo
com que aconteça efluxo de Ca2+ do
sarcoplasma para a fibra muscular que
contrai.
• A contração acontece graças ao deslizamento
das fibras de ACTINA (fina) e MIOSINA
(grossa)
CONTRAÇÃO
• As vias AUTONÔMICAS podem ser Excitatórias
ou Inibitórias, já as vias MOTORAS são sempre
EXCITATÓRIAS.
• O Músculo se CONTRAI com a estimulação e
relaxa quando não é estimulado.
Alterações
• Os neurônios fazem mais do que contrai os
músculos, eles são necessários para a saúde
deste tecido – “Use-o ou perca-o”,sem
inervação o músculo fica atrofiado!
• A MIASTENIA GRAVE é causada pela perda
dos receptores NICOTÍNICOS da JNM.
Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco
Sistema Muscular
Esquelético
Liso
Cardíaco
Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco
ESQUELÉTICO
• Está ligado ao ESQUELETO
• Realiza os Movimentos e a Postura corporal
• É voluntário e controlado pelo S.N.MOTOR
• Músc. FLEXORES = contração aproxima os ossos
• Músc. EXTENSORES = contração afasta os ossos
Flexores e Extensores
Miosina e Actina
Músculo Liso
• Presente nos órgão internos e vasos
sanguíneos
• Involuntário – Controle Autonômico e
Endócrino
• São células menores e menos organizadas
• Usam menos O2 e ATP para funcionar e se
contraem por mais tempo!
Célula LISA
Músculo Cardíaco
• Somente no Coração
• É responsável por mover o sangue pelo sistema
circulatório.
• Involuntário – Controlado pelo sistema Autonômico e
Endócrino
• Organizada como o esquelético (sarcômero) e
pequena como o liso
Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco
Sistema Cardiovascular Parte I
Visão Geral
Função:
• Transportar e distribuir substâncias essencias
para o organismo, assim como recolhe os
metabólitos produzidos.
• Faz Homeostase corporal e está envolvido em
vários mecanismos:
• Regula T(o
C) corporal
• Ajusta fornecimento de O2 e nutrientes
• Balanço de fluidos
Visão Geral
• Coração = Bomba
• Vasos = tubos coletores e distribuidores
• Capilares = relação com tecidos
• Sangue = fluído de transporte
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Vasos Sanguíneos
• ARTÉRIAS – levam sangue a partir do coração
• VEIAS – trazem sangue para o coração
SANGUE
• ARTERIAL = rico em oxigênio (deve ser
distribuído)
• VENOSO = pobre em O2 e rico em CO2 (deve
ser recolhido)
• *** As figuras usam a cor vermelha e azul para
representar os tipos de sangue!
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
CORAÇÃO
• É a BOMBA do corpo humano
• Revestido por um saco membranoso chamado
Pericárdio (protege do atrito)
• É auto excitável, ou seja, possui células
capazes de contrair o músculo cardíaco
(marcapasso)
Circulação Pulmonar
• Passagem de sangue pelos pulmões para as
TROCAS GASOSAS (O2 entra e CO2 sai)
Átrio D – Ventríc. D – Art. Pulmonares – PULMÃO – Veias Pulmonares – Átrio EÁtrio D – Ventríc. D – Art. Pulmonares – PULMÃO – Veias Pulmonares – Átrio E
Circulação Sistêmica
• Leva sangue para órgãos e tecidos com a
finalidade de nutrir os tecidos (O2, glicose e
nutriente) e recolhe metabólitos.
Átrio E – Ventrículo E – Aorta – TECIDOS – Veias Cavas – ÁtrioÁtrio E – Ventrículo E – Aorta – TECIDOS – Veias Cavas – Átrio
DD
Sangue: Fluxo Unidirecional
• A presença de VALVAS cardíacas e os ciclos
de relaxamento/contração do músculo
(Diástole/Sístole) garantem que o fluxo
sanguíneo seja unidirecional.
• Portanto, qualquer déficit de seus
funcionamento pode provocar Refluxo!
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Câmaras Cardíacas
• O Coração está dividido em 4 câmaras:
2 Átrios e 2 Ventrículo
• Divididos em Direito e Esquerdo por um
SEPTO.
• Lado D: recebe sangue dos tecidos e manda
para o pulmão.
• Lado E: recebe sangue do pulmão e bobeia
para os tecidos.
Contração Cardíaca
• 1º se contraem os ÁTRIOS e depois os
VENTRÍCULOS.
• Portanto os dois lados se contraem de modo
coordenado.
• Sístole é a Contração e Diástole o Relaxamento
dos Ventrículos.
VALVAS
• São responsáveis por impedir o refluxo.
• Atrioventriculares:
- Valva Tricúspide – entre Átrio e Ventrículo D
- Valva Bicúspide (Mitral) – entre Átrio e Ventrículo E
• Semilunares:
- Valva Aórtica – entre Ventrículo E e Art. Aorta
- Valva Pulmonar – entre Ventrículo D e Tronco Pulmonar
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Bulhas Cardíacas
• B1 “TUM” – som que identifica o fechmanto
das valvas AV (Mitral e Tricúspide) – Marca o
início da SÍSTOLE.
• B2 “TÁ” – som que identifica o fechamento
das VS (Pulmonar e Aórtica) – Marca o final da
sístole e início da DIÁSTOLE (enchimento
ventricular).
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Sistema Cardiovascular Parte II
Condutância Elétrica do Coração
Tecido Cardíaco
• Formado por 2 tipos de células:
• Miócitos = 99% do tecido, células contráteis!
• Células marcapasso = 1%, responsáveis por
gerar o sinal elétrico.
• **O coração é capaz de se contrair sem
estímulo do Sistema Nervoso!
Células Autoexcitáveis
• São chamadas de MARCAPASSO pois são
responsáveis por determinar o ritmo cardíaco
= FREQUENCIA CARDÍACA
• 1º veremos como acontece o evento de
EXCITAÇÃO-CONTRAÇÂO!
• 2º veremos como é o PA na célula cardíaca!
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
CONTRAÇÃOCONTRAÇÃO RELAXAMENTORELAXAMENTO
Contração Célula Cardíaca
1. O PA inicia-se espontaneamente nas células
marcapasso e se espalha paras células contráteis por
meio das Junções Comunicantes.
2. Em cada célula se abrem canais de Ca2+
voltagem
dependentes, O Ca2+
entra na célula (influxo).
3. Cálcio é liberado do Sarcoplasma com estímulo do Ca2+
que entrou na despolarização.
4. 4. O Ca2+
se liga nos miofilamentos (Actina e Miosina) e
realiza a contração.
Contração Célula Cardíaca
5. No relaxamento da célula, o Ca2+
volta a ser
armazenado dentro do Sarcoplasma e também
sai da célula por uma proteína transportadora
que joga Ca2+
para fora e ao mesmo tempo joga
Na+ pra dentro.
6. Para que o Potencial de Membrana fique em
repouso, a Bomba de Na+/K+/ATPase funciona
reequilibrando tudo!
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
PA no Miócito é diferente do Neurônio
Potencial de Repouso da célula cardíaca =
-90 mV
Existe uma conexão entre as células que
espalham o PA = JUNÇÃO COMUNICANTE
Este PA é mais demorado do que no neurônio!!!
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Potencial de Ação cardíaco
1. Potencial de Repouso = -90 mV
2. PA vindo das células marcapasso se espalha
pelas Junções Comunicantes
3. Abrem-se canais de Na+ (influxo)
4. Fecham canais de Na+ e abrem-se canais de
K+ (Rápidos)
5. Canais de Ca2+ se abrem e os de K+ RÁPIDOS
se fecham.
Potencial de Ação Cardíaco
6. Platô (entra e sai íon positivo ao mesmo)
7. Fecham-se os canais de Ca2+ e se abrem os
canais de K+ LENTOS
8. Retorno de Potencial de Repouso.
Potencial de Ação
• PA neurônio dura 1 a 5 ms
• PA célula cardíaca dura 200 ms
• Durante todo PA da célula cardíaca há
período REFRATÁRIO, para permitir que só
aconteça uma SÍSTOLE nova depois do fim da
DIÁSTOLE.
CONTROLE AUTONÔMICO
• SIMPÁTICO – acelera o batimento =
TAQUICARDIA
• PARASSIMPÁTICO – diminui o batimento =
BRADICARDIA
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Coração como BOMBA
• Distribuição do sinal elétrico pelas paredes
do coração:
• 1º Nó Sinoatrial (SA) - Átrio
• 2º Nó Atrioventricular – Entre Átrio-
Ventrículo
• 3º Feixe de His – desce pelo Sépto
• 4º Ramo D e Ramo E
• 5º Fibras de Purkinje
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Eletrocardiograma
• Triângulo de Einthoven
• 3 Derivações = DI, DII e DIII
• Traçado típido de ECG (ondas, segmentos e
complexos)
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Triângulo deTriângulo de
EinthovenEinthoven
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
ECG típicoECG típico.
Traçado ECG
• Onda P = despolarização dos Átrios
• Complexo QRS = onda de despolarização
progressiva do Ventriculos
• Onda T = Repolarização do Ventrículos
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Evento elétrico (PA)
em 1 célula do
miocárdio:
Evento elétrico (PA)
em 1 célula do
miocárdio:
Soma da atividade
elétrica em TODO o
Coração:
Soma da atividade
elétrica em TODO o
Coração:
Informações do ECG
• 1. Qual a FC?
• 2. Como é o Ritmo (regular ou irregular)?
• 3. Todas as ondas normais estão presentes?
• 4. Tem onda P? Seguida de QRS? Segmento PR
é constante?
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Eventos Mecânicos
• Ciclo Cardíaco = Sístole e Diástole
• Conceitos importante do funcionamento
cardiovascular:
• Frequência Cardíaca, Volume Sistólico,
Débito Cardíaco, Pré e Pós-carga.
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Frequência Cardíaca
• Normal em torno de 70 bat/min
• Pode variar de acordo com a atividade física
• É modulada pelos sistemas Simpático e
Parassimpático.
Volume (de ejeção) Sistólico (VS)
• Depende do VDF – enchimento final máximo
do ventrículo (125 ml) e VSF – menor
quantidade de sangue restante no Ventrículo
no final da Sístole (65 ml)
• Temos que:
VS = VDF – VSF
VS = 125 – 65 = 70 ml (normal)
Pré-carga
• Carga que vem para o coração antes que ele
contraia.
• Determina o quanto de força ele vai ter que
fazer para dar conta de empurrar esta carga.
• = PVC (no Átrio D), mede sobrecarga de
líquidos.
Pós-Carga
• Força que o coração tem que fazer para
impulsionar a carga.
• O Aum. da PA e a complacência da aorta
aumentam a Pós-carga fazendo Hipertrofia
do Músculo Cardíaco!
Débito Cardíaco
• Volume de sangue ejetado por 1 ventrículo
por um período de tempo.
• Serve para medir a eficiência da BOMBA!
• DC (mL/min) = FC (bat/min) X VS (mL/contração)
• Ex: FC = 72 bat/min, VS = 60 mL/bat
• Temos que: DC = 72 x 60 = 5040 mL/min
Débito Cardíaco
• Sendo que o volume médio de sangue no
corpo é 5000 mL, isso significa que todo o
sangue do corpo é bombeado por um lado do
coração em apenas 1 minuto!
• DC é o mesmo em ambos os ventrículos.
• Durante o exercício o DC pode chegar a 30-
35L/min.
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
OBRIGADA!!!!!
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula - Fisiologia renal
Aula - Fisiologia renalAula - Fisiologia renal
Aula - Fisiologia renal
Silas Gouveia
 
Aula 04 anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
Aula 04   anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..Aula 04   anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
Aula 04 anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
Hamilton Nobrega
 
Aula 10 sistema circulatório - anatomia e fisiologia
Aula 10   sistema circulatório - anatomia e fisiologiaAula 10   sistema circulatório - anatomia e fisiologia
Aula 10 sistema circulatório - anatomia e fisiologia
Hamilton Nobrega
 
Fisiologia - Sistema Cardiovascular
Fisiologia - Sistema CardiovascularFisiologia - Sistema Cardiovascular
Fisiologia - Sistema Cardiovascular
Pedro Miguel
 
Aula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso Autônomo
Aula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso AutônomoAula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso Autônomo
Aula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso Autônomo
Mauro Cunha Xavier Pinto
 
Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2
Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2 Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2
Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2
Cleanto Santos Vieira
 
Reflexos
Reflexos Reflexos
Reflexos
pauloalambert
 
04 Sistema Muscular
04   Sistema Muscular04   Sistema Muscular
04 Sistema Muscular
Maxsuell Lopes
 
Sistema cardiocirculatório
Sistema cardiocirculatório Sistema cardiocirculatório
Sistema cardiocirculatório
Raul Tomé
 
Sistema endócrino - Anatomia humana
Sistema endócrino - Anatomia humanaSistema endócrino - Anatomia humana
Sistema endócrino - Anatomia humana
Marília Gomes
 
Fisiologia Muscular
Fisiologia MuscularFisiologia Muscular
Fisiologia Muscular
Hugo Pedrosa
 
Fisiologia Humana 5 - Sistema Cardiovascular
Fisiologia Humana 5 - Sistema CardiovascularFisiologia Humana 5 - Sistema Cardiovascular
Fisiologia Humana 5 - Sistema Cardiovascular
Herbert Santana
 
Aula - Farmacologia básica - Farmacodinâmica
Aula - Farmacologia básica - FarmacodinâmicaAula - Farmacologia básica - Farmacodinâmica
Aula - Farmacologia básica - Farmacodinâmica
Mauro Cunha Xavier Pinto
 
Anatomia do sistema cardiovascular
Anatomia do sistema cardiovascularAnatomia do sistema cardiovascular
Anatomia do sistema cardiovascular
M3Direciona
 
Sistema Muscular
Sistema MuscularSistema Muscular
Sistema Muscular
Fernando Dias
 
Fisiologia do sistema gastrointestinal
Fisiologia do sistema gastrointestinalFisiologia do sistema gastrointestinal
Fisiologia do sistema gastrointestinal
Vanessa Cunha
 
Aula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e Simpatolíticos
Aula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e SimpatolíticosAula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e Simpatolíticos
Aula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e Simpatolíticos
Mauro Cunha Xavier Pinto
 
Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...
Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...
Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...
Mauro Cunha Xavier Pinto
 
Sistema sensorial - anatomia animal
Sistema sensorial - anatomia animalSistema sensorial - anatomia animal
Sistema sensorial - anatomia animal
Marília Gomes
 
Sistema Endócrino
Sistema EndócrinoSistema Endócrino
Sistema Endócrino
BarbaraLCosta
 

Mais procurados (20)

Aula - Fisiologia renal
Aula - Fisiologia renalAula - Fisiologia renal
Aula - Fisiologia renal
 
Aula 04 anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
Aula 04   anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..Aula 04   anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
Aula 04 anatomia e fisiologia do sistema ósseo e articular..
 
Aula 10 sistema circulatório - anatomia e fisiologia
Aula 10   sistema circulatório - anatomia e fisiologiaAula 10   sistema circulatório - anatomia e fisiologia
Aula 10 sistema circulatório - anatomia e fisiologia
 
Fisiologia - Sistema Cardiovascular
Fisiologia - Sistema CardiovascularFisiologia - Sistema Cardiovascular
Fisiologia - Sistema Cardiovascular
 
Aula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso Autônomo
Aula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso AutônomoAula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso Autônomo
Aula - SNA - Introdução ao Sistema Nervoso Autônomo
 
Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2
Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2 Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2
Neurofisiologia - sinapses - aula 3 capitulo 2
 
Reflexos
Reflexos Reflexos
Reflexos
 
04 Sistema Muscular
04   Sistema Muscular04   Sistema Muscular
04 Sistema Muscular
 
Sistema cardiocirculatório
Sistema cardiocirculatório Sistema cardiocirculatório
Sistema cardiocirculatório
 
Sistema endócrino - Anatomia humana
Sistema endócrino - Anatomia humanaSistema endócrino - Anatomia humana
Sistema endócrino - Anatomia humana
 
Fisiologia Muscular
Fisiologia MuscularFisiologia Muscular
Fisiologia Muscular
 
Fisiologia Humana 5 - Sistema Cardiovascular
Fisiologia Humana 5 - Sistema CardiovascularFisiologia Humana 5 - Sistema Cardiovascular
Fisiologia Humana 5 - Sistema Cardiovascular
 
Aula - Farmacologia básica - Farmacodinâmica
Aula - Farmacologia básica - FarmacodinâmicaAula - Farmacologia básica - Farmacodinâmica
Aula - Farmacologia básica - Farmacodinâmica
 
Anatomia do sistema cardiovascular
Anatomia do sistema cardiovascularAnatomia do sistema cardiovascular
Anatomia do sistema cardiovascular
 
Sistema Muscular
Sistema MuscularSistema Muscular
Sistema Muscular
 
Fisiologia do sistema gastrointestinal
Fisiologia do sistema gastrointestinalFisiologia do sistema gastrointestinal
Fisiologia do sistema gastrointestinal
 
Aula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e Simpatolíticos
Aula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e SimpatolíticosAula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e Simpatolíticos
Aula - SNA - Farmacologia Adrenérgica - Simpatomiméticos e Simpatolíticos
 
Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...
Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...
Aula - SNA - Farmacologia Colinérgica - Parassimpatomiméticos e Parassimpatol...
 
Sistema sensorial - anatomia animal
Sistema sensorial - anatomia animalSistema sensorial - anatomia animal
Sistema sensorial - anatomia animal
 
Sistema Endócrino
Sistema EndócrinoSistema Endócrino
Sistema Endócrino
 

Destaque

Fisiologia - Potencial de Ação no neurônio
Fisiologia - Potencial de Ação no neurônioFisiologia - Potencial de Ação no neurônio
Fisiologia - Potencial de Ação no neurônio
Pedro Miguel
 
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia HumanaFisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Herbert Santana
 
Potencial de ação das membranas
Potencial de ação das membranasPotencial de ação das membranas
Potencial de ação das membranas
Natha Fisioterapia
 
Potencial de ação
Potencial de açãoPotencial de ação
Potencial de ação
ednaldoj
 
Potencial de ação
Potencial de açãoPotencial de ação
Potencial de ação
delanievov
 
Introdução à Fisiologia Humana
Introdução à Fisiologia HumanaIntrodução à Fisiologia Humana
Introdução à Fisiologia Humana
Pedro Miguel
 
Introdução à Fisiologia - Fisiologia
Introdução à Fisiologia - FisiologiaIntrodução à Fisiologia - Fisiologia
Introdução à Fisiologia - Fisiologia
Fisio Unipampa
 
Fisiologia - Organização do Sistema Nervoso
Fisiologia - Organização do Sistema NervosoFisiologia - Organização do Sistema Nervoso
Fisiologia - Organização do Sistema Nervoso
Pedro Miguel
 
Potencial de membrana fij
Potencial de membrana fijPotencial de membrana fij
Potencial de membrana fij
Dalu Barreto
 
Fisiologia Humana IntroduçãO
Fisiologia Humana   IntroduçãOFisiologia Humana   IntroduçãO
Fisiologia Humana IntroduçãO
wescley20
 
Fisiologia - Sistema Endócrino 2
Fisiologia - Sistema Endócrino 2Fisiologia - Sistema Endócrino 2
Fisiologia - Sistema Endócrino 2
Pedro Miguel
 
Neurofisiologia: potencial de repouso e ação
Neurofisiologia: potencial de repouso e açãoNeurofisiologia: potencial de repouso e ação
Neurofisiologia: potencial de repouso e ação
Vanessa Cunha
 
1. aula 1 anatomia e fisiologia
1. aula 1 anatomia e fisiologia1. aula 1 anatomia e fisiologia
1. aula 1 anatomia e fisiologia
Ieda Dorneles
 
Anatomia humana slides
Anatomia humana slidesAnatomia humana slides
Anatomia humana slides
Ced Amanhecer
 
Aula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIA
Aula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIAAula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIA
Aula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIA
Leonardo Delgado
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
Tânia Reis
 
Apostila anatomia-sistema-esqueletico
Apostila anatomia-sistema-esqueleticoApostila anatomia-sistema-esqueletico
Apostila anatomia-sistema-esqueletico
thaisfml
 
Biologia - Sistema Respiratório
Biologia - Sistema RespiratórioBiologia - Sistema Respiratório
Biologia - Sistema Respiratório
Carson Souza
 
O Sistema Respiratório
O Sistema RespiratórioO Sistema Respiratório
O Sistema Respiratório
gogoulart
 
Sistema nervoso autonômico
Sistema nervoso autonômicoSistema nervoso autonômico
Sistema nervoso autonômico
Lucas Torres
 

Destaque (20)

Fisiologia - Potencial de Ação no neurônio
Fisiologia - Potencial de Ação no neurônioFisiologia - Potencial de Ação no neurônio
Fisiologia - Potencial de Ação no neurônio
 
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia HumanaFisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
 
Potencial de ação das membranas
Potencial de ação das membranasPotencial de ação das membranas
Potencial de ação das membranas
 
Potencial de ação
Potencial de açãoPotencial de ação
Potencial de ação
 
Potencial de ação
Potencial de açãoPotencial de ação
Potencial de ação
 
Introdução à Fisiologia Humana
Introdução à Fisiologia HumanaIntrodução à Fisiologia Humana
Introdução à Fisiologia Humana
 
Introdução à Fisiologia - Fisiologia
Introdução à Fisiologia - FisiologiaIntrodução à Fisiologia - Fisiologia
Introdução à Fisiologia - Fisiologia
 
Fisiologia - Organização do Sistema Nervoso
Fisiologia - Organização do Sistema NervosoFisiologia - Organização do Sistema Nervoso
Fisiologia - Organização do Sistema Nervoso
 
Potencial de membrana fij
Potencial de membrana fijPotencial de membrana fij
Potencial de membrana fij
 
Fisiologia Humana IntroduçãO
Fisiologia Humana   IntroduçãOFisiologia Humana   IntroduçãO
Fisiologia Humana IntroduçãO
 
Fisiologia - Sistema Endócrino 2
Fisiologia - Sistema Endócrino 2Fisiologia - Sistema Endócrino 2
Fisiologia - Sistema Endócrino 2
 
Neurofisiologia: potencial de repouso e ação
Neurofisiologia: potencial de repouso e açãoNeurofisiologia: potencial de repouso e ação
Neurofisiologia: potencial de repouso e ação
 
1. aula 1 anatomia e fisiologia
1. aula 1 anatomia e fisiologia1. aula 1 anatomia e fisiologia
1. aula 1 anatomia e fisiologia
 
Anatomia humana slides
Anatomia humana slidesAnatomia humana slides
Anatomia humana slides
 
Aula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIA
Aula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIAAula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIA
Aula01:INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE ANATOMIA
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Apostila anatomia-sistema-esqueletico
Apostila anatomia-sistema-esqueleticoApostila anatomia-sistema-esqueletico
Apostila anatomia-sistema-esqueletico
 
Biologia - Sistema Respiratório
Biologia - Sistema RespiratórioBiologia - Sistema Respiratório
Biologia - Sistema Respiratório
 
O Sistema Respiratório
O Sistema RespiratórioO Sistema Respiratório
O Sistema Respiratório
 
Sistema nervoso autonômico
Sistema nervoso autonômicoSistema nervoso autonômico
Sistema nervoso autonômico
 

Semelhante a Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco

Cardiovascular
CardiovascularCardiovascular
Cardiovascular
Rafael Portela
 
Fisiologia do Coração
Fisiologia do CoraçãoFisiologia do Coração
Fisiologia do Coração
Paulo Teixeira
 
Anatomia e fisiologia cardíaca
Anatomia e fisiologia cardíacaAnatomia e fisiologia cardíaca
Anatomia e fisiologia cardíaca
resenfe2013
 
aula 07 -Sistema Cardiovascular .pdf
aula 07 -Sistema Cardiovascular .pdfaula 07 -Sistema Cardiovascular .pdf
aula 07 -Sistema Cardiovascular .pdf
SONIANEIDEDESOUZA1
 
Coração & Potencial de ação cardíaco #5
Coração & Potencial de ação cardíaco #5Coração & Potencial de ação cardíaco #5
Coração & Potencial de ação cardíaco #5
icsanches
 
Sistema circulatorio.pptx
Sistema circulatorio.pptxSistema circulatorio.pptx
Sistema circulatorio.pptx
MarcelaTessalia
 
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Ricardo Pereira
 
Semiologia das arritmias
Semiologia das arritmias Semiologia das arritmias
Semiologia das arritmias
pauloalambert
 
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
PortalEnf Empregos
 
Sistema-Cardiovascular-I.ppt
Sistema-Cardiovascular-I.pptSistema-Cardiovascular-I.ppt
Sistema-Cardiovascular-I.ppt
SilvioMattos3
 
Urgência e emergências cardiovasculares
Urgência e emergências cardiovascularesUrgência e emergências cardiovasculares
Urgência e emergências cardiovasculares
judicleia silva
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
MariaJoão Agualuza
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
Andreia Gomes
 
sistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptx
sistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptxsistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptx
sistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptx
FranciscaalineBrito
 
Aula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptx
Aula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptxAula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptx
Aula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptx
AndersonMoreira538200
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascular Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
ewellem nascimento
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
César Milani
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
IsmaellyCrystynne
 
sistema cardiovascular1234567893214569.ppt
sistema cardiovascular1234567893214569.pptsistema cardiovascular1234567893214569.ppt
sistema cardiovascular1234567893214569.ppt
AssisTeixeira2
 
Aula cardio vascular - Anato Fisiologia Humana
Aula cardio vascular - Anato Fisiologia HumanaAula cardio vascular - Anato Fisiologia Humana
Aula cardio vascular - Anato Fisiologia Humana
Clovis Gurski
 

Semelhante a Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco (20)

Cardiovascular
CardiovascularCardiovascular
Cardiovascular
 
Fisiologia do Coração
Fisiologia do CoraçãoFisiologia do Coração
Fisiologia do Coração
 
Anatomia e fisiologia cardíaca
Anatomia e fisiologia cardíacaAnatomia e fisiologia cardíaca
Anatomia e fisiologia cardíaca
 
aula 07 -Sistema Cardiovascular .pdf
aula 07 -Sistema Cardiovascular .pdfaula 07 -Sistema Cardiovascular .pdf
aula 07 -Sistema Cardiovascular .pdf
 
Coração & Potencial de ação cardíaco #5
Coração & Potencial de ação cardíaco #5Coração & Potencial de ação cardíaco #5
Coração & Potencial de ação cardíaco #5
 
Sistema circulatorio.pptx
Sistema circulatorio.pptxSistema circulatorio.pptx
Sistema circulatorio.pptx
 
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
 
Semiologia das arritmias
Semiologia das arritmias Semiologia das arritmias
Semiologia das arritmias
 
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
Eletrocardiogramacompleto 140114115428-phpapp01
 
Sistema-Cardiovascular-I.ppt
Sistema-Cardiovascular-I.pptSistema-Cardiovascular-I.ppt
Sistema-Cardiovascular-I.ppt
 
Urgência e emergências cardiovasculares
Urgência e emergências cardiovascularesUrgência e emergências cardiovasculares
Urgência e emergências cardiovasculares
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
sistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptx
sistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptxsistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptx
sistemacardiovascular-120604180020-phpapp02.pptx
 
Aula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptx
Aula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptxAula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptx
Aula de Anatomia e fisiologia socorrista .pptx
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascular Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
 
sistema cardiovascular1234567893214569.ppt
sistema cardiovascular1234567893214569.pptsistema cardiovascular1234567893214569.ppt
sistema cardiovascular1234567893214569.ppt
 
Aula cardio vascular - Anato Fisiologia Humana
Aula cardio vascular - Anato Fisiologia HumanaAula cardio vascular - Anato Fisiologia Humana
Aula cardio vascular - Anato Fisiologia Humana
 

Mais de Pedro Miguel

Fisiologia - Sistema Respiratório 3
Fisiologia - Sistema Respiratório 3Fisiologia - Sistema Respiratório 3
Fisiologia - Sistema Respiratório 3
Pedro Miguel
 
Fisiologia - Sistema Respiratorio
Fisiologia - Sistema RespiratorioFisiologia - Sistema Respiratorio
Fisiologia - Sistema Respiratorio
Pedro Miguel
 
Fisiologia - Sistema Respiratório 2
Fisiologia - Sistema Respiratório 2Fisiologia - Sistema Respiratório 2
Fisiologia - Sistema Respiratório 2
Pedro Miguel
 
Fisiologia - Sistema Digestorio
Fisiologia - Sistema DigestorioFisiologia - Sistema Digestorio
Fisiologia - Sistema Digestorio
Pedro Miguel
 
Fisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema ReprodutivoFisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema Reprodutivo
Pedro Miguel
 
Fisiologia - Sistema Endócrino 1
Fisiologia - Sistema Endócrino 1Fisiologia - Sistema Endócrino 1
Fisiologia - Sistema Endócrino 1
Pedro Miguel
 
Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)
Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)
Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)
Pedro Miguel
 
Fisiologia - Sistema Nervoso Central
Fisiologia - Sistema Nervoso CentralFisiologia - Sistema Nervoso Central
Fisiologia - Sistema Nervoso Central
Pedro Miguel
 
Fisiologia da Membrana Celular
Fisiologia da Membrana CelularFisiologia da Membrana Celular
Fisiologia da Membrana Celular
Pedro Miguel
 
Aula de Epidemiologia
Aula de EpidemiologiaAula de Epidemiologia
Aula de Epidemiologia
Pedro Miguel
 
Enfermagem moderna no Brasil
Enfermagem moderna no BrasilEnfermagem moderna no Brasil
Enfermagem moderna no Brasil
Pedro Miguel
 
Entidades de classes - Enfermagem
Entidades de classes - EnfermagemEntidades de classes - Enfermagem
Entidades de classes - Enfermagem
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Genital
Anatomia - Sistema GenitalAnatomia - Sistema Genital
Anatomia - Sistema Genital
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Urinário
Anatomia - Sistema UrinárioAnatomia - Sistema Urinário
Anatomia - Sistema Urinário
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Digestório
Anatomia - Sistema Digestório Anatomia - Sistema Digestório
Anatomia - Sistema Digestório
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Respiratório
Anatomia - Sistema RespiratórioAnatomia - Sistema Respiratório
Anatomia - Sistema Respiratório
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Cardio Linfático
Anatomia - Sistema Cardio LinfáticoAnatomia - Sistema Cardio Linfático
Anatomia - Sistema Cardio Linfático
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Nervoso
Anatomia - Sistema NervosoAnatomia - Sistema Nervoso
Anatomia - Sistema Nervoso
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Muscular
Anatomia - Sistema MuscularAnatomia - Sistema Muscular
Anatomia - Sistema Muscular
Pedro Miguel
 
Anatomia - Sistema Articular
Anatomia - Sistema ArticularAnatomia - Sistema Articular
Anatomia - Sistema Articular
Pedro Miguel
 

Mais de Pedro Miguel (20)

Fisiologia - Sistema Respiratório 3
Fisiologia - Sistema Respiratório 3Fisiologia - Sistema Respiratório 3
Fisiologia - Sistema Respiratório 3
 
Fisiologia - Sistema Respiratorio
Fisiologia - Sistema RespiratorioFisiologia - Sistema Respiratorio
Fisiologia - Sistema Respiratorio
 
Fisiologia - Sistema Respiratório 2
Fisiologia - Sistema Respiratório 2Fisiologia - Sistema Respiratório 2
Fisiologia - Sistema Respiratório 2
 
Fisiologia - Sistema Digestorio
Fisiologia - Sistema DigestorioFisiologia - Sistema Digestorio
Fisiologia - Sistema Digestorio
 
Fisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema ReprodutivoFisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema Reprodutivo
 
Fisiologia - Sistema Endócrino 1
Fisiologia - Sistema Endócrino 1Fisiologia - Sistema Endócrino 1
Fisiologia - Sistema Endócrino 1
 
Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)
Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)
Fisiologia - Sistema Nervoso Periférico (Eferente)
 
Fisiologia - Sistema Nervoso Central
Fisiologia - Sistema Nervoso CentralFisiologia - Sistema Nervoso Central
Fisiologia - Sistema Nervoso Central
 
Fisiologia da Membrana Celular
Fisiologia da Membrana CelularFisiologia da Membrana Celular
Fisiologia da Membrana Celular
 
Aula de Epidemiologia
Aula de EpidemiologiaAula de Epidemiologia
Aula de Epidemiologia
 
Enfermagem moderna no Brasil
Enfermagem moderna no BrasilEnfermagem moderna no Brasil
Enfermagem moderna no Brasil
 
Entidades de classes - Enfermagem
Entidades de classes - EnfermagemEntidades de classes - Enfermagem
Entidades de classes - Enfermagem
 
Anatomia - Sistema Genital
Anatomia - Sistema GenitalAnatomia - Sistema Genital
Anatomia - Sistema Genital
 
Anatomia - Sistema Urinário
Anatomia - Sistema UrinárioAnatomia - Sistema Urinário
Anatomia - Sistema Urinário
 
Anatomia - Sistema Digestório
Anatomia - Sistema Digestório Anatomia - Sistema Digestório
Anatomia - Sistema Digestório
 
Anatomia - Sistema Respiratório
Anatomia - Sistema RespiratórioAnatomia - Sistema Respiratório
Anatomia - Sistema Respiratório
 
Anatomia - Sistema Cardio Linfático
Anatomia - Sistema Cardio LinfáticoAnatomia - Sistema Cardio Linfático
Anatomia - Sistema Cardio Linfático
 
Anatomia - Sistema Nervoso
Anatomia - Sistema NervosoAnatomia - Sistema Nervoso
Anatomia - Sistema Nervoso
 
Anatomia - Sistema Muscular
Anatomia - Sistema MuscularAnatomia - Sistema Muscular
Anatomia - Sistema Muscular
 
Anatomia - Sistema Articular
Anatomia - Sistema ArticularAnatomia - Sistema Articular
Anatomia - Sistema Articular
 

Sistema Nervoso Periférico Motor e Potencial de Ação Cardiaco

  • 2. S. N. Eferente Motor Fisiologia Humana I
  • 3. MOTOR SOMÁTICO • Controla os músculos ESQUELÉTICOS • É responsável pela postura do corpo e pelos movimentos.
  • 5. Sistema Motor • Possui 1 único neurônio que sai do SNC e se projeta para os músculos. • Estes neurônios são MIELINIZADOS para facilitar a condução do sinal que precisa ser rápida!
  • 6. Comunicação Neurônio e Músculo • Os neurônios motores fazem sinapse com as fibras musculares em uma região chamada de JUNÇÃO NEUROMUSCULAR • O neurônio secreta ACh (Acetilcolina) que excita a célula muscular. • A célula muscular tem receptores NICOTÍNICOS
  • 10. Contração • O receptores Nicotínicos se abre para influxo de Na+ que despolariza (estimula) fazendo com que aconteça efluxo de Ca2+ do sarcoplasma para a fibra muscular que contrai. • A contração acontece graças ao deslizamento das fibras de ACTINA (fina) e MIOSINA (grossa)
  • 11. CONTRAÇÃO • As vias AUTONÔMICAS podem ser Excitatórias ou Inibitórias, já as vias MOTORAS são sempre EXCITATÓRIAS. • O Músculo se CONTRAI com a estimulação e relaxa quando não é estimulado.
  • 12. Alterações • Os neurônios fazem mais do que contrai os músculos, eles são necessários para a saúde deste tecido – “Use-o ou perca-o”,sem inervação o músculo fica atrofiado! • A MIASTENIA GRAVE é causada pela perda dos receptores NICOTÍNICOS da JNM.
  • 16. ESQUELÉTICO • Está ligado ao ESQUELETO • Realiza os Movimentos e a Postura corporal • É voluntário e controlado pelo S.N.MOTOR • Músc. FLEXORES = contração aproxima os ossos • Músc. EXTENSORES = contração afasta os ossos
  • 19. Músculo Liso • Presente nos órgão internos e vasos sanguíneos • Involuntário – Controle Autonômico e Endócrino • São células menores e menos organizadas • Usam menos O2 e ATP para funcionar e se contraem por mais tempo!
  • 21. Músculo Cardíaco • Somente no Coração • É responsável por mover o sangue pelo sistema circulatório. • Involuntário – Controlado pelo sistema Autonômico e Endócrino • Organizada como o esquelético (sarcômero) e pequena como o liso
  • 24. Função: • Transportar e distribuir substâncias essencias para o organismo, assim como recolhe os metabólitos produzidos. • Faz Homeostase corporal e está envolvido em vários mecanismos: • Regula T(o C) corporal • Ajusta fornecimento de O2 e nutrientes • Balanço de fluidos
  • 25. Visão Geral • Coração = Bomba • Vasos = tubos coletores e distribuidores • Capilares = relação com tecidos • Sangue = fluído de transporte
  • 26. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 27. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 28. Vasos Sanguíneos • ARTÉRIAS – levam sangue a partir do coração • VEIAS – trazem sangue para o coração
  • 29. SANGUE • ARTERIAL = rico em oxigênio (deve ser distribuído) • VENOSO = pobre em O2 e rico em CO2 (deve ser recolhido) • *** As figuras usam a cor vermelha e azul para representar os tipos de sangue!
  • 30. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 31. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 32. CORAÇÃO • É a BOMBA do corpo humano • Revestido por um saco membranoso chamado Pericárdio (protege do atrito) • É auto excitável, ou seja, possui células capazes de contrair o músculo cardíaco (marcapasso)
  • 33. Circulação Pulmonar • Passagem de sangue pelos pulmões para as TROCAS GASOSAS (O2 entra e CO2 sai) Átrio D – Ventríc. D – Art. Pulmonares – PULMÃO – Veias Pulmonares – Átrio EÁtrio D – Ventríc. D – Art. Pulmonares – PULMÃO – Veias Pulmonares – Átrio E
  • 34. Circulação Sistêmica • Leva sangue para órgãos e tecidos com a finalidade de nutrir os tecidos (O2, glicose e nutriente) e recolhe metabólitos. Átrio E – Ventrículo E – Aorta – TECIDOS – Veias Cavas – ÁtrioÁtrio E – Ventrículo E – Aorta – TECIDOS – Veias Cavas – Átrio DD
  • 35. Sangue: Fluxo Unidirecional • A presença de VALVAS cardíacas e os ciclos de relaxamento/contração do músculo (Diástole/Sístole) garantem que o fluxo sanguíneo seja unidirecional. • Portanto, qualquer déficit de seus funcionamento pode provocar Refluxo!
  • 36. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 37. Câmaras Cardíacas • O Coração está dividido em 4 câmaras: 2 Átrios e 2 Ventrículo • Divididos em Direito e Esquerdo por um SEPTO. • Lado D: recebe sangue dos tecidos e manda para o pulmão. • Lado E: recebe sangue do pulmão e bobeia para os tecidos.
  • 38. Contração Cardíaca • 1º se contraem os ÁTRIOS e depois os VENTRÍCULOS. • Portanto os dois lados se contraem de modo coordenado. • Sístole é a Contração e Diástole o Relaxamento dos Ventrículos.
  • 39. VALVAS • São responsáveis por impedir o refluxo. • Atrioventriculares: - Valva Tricúspide – entre Átrio e Ventrículo D - Valva Bicúspide (Mitral) – entre Átrio e Ventrículo E • Semilunares: - Valva Aórtica – entre Ventrículo E e Art. Aorta - Valva Pulmonar – entre Ventrículo D e Tronco Pulmonar
  • 40. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 41. Bulhas Cardíacas • B1 “TUM” – som que identifica o fechmanto das valvas AV (Mitral e Tricúspide) – Marca o início da SÍSTOLE. • B2 “TÁ” – som que identifica o fechamento das VS (Pulmonar e Aórtica) – Marca o final da sístole e início da DIÁSTOLE (enchimento ventricular).
  • 42. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 43. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 44. Sistema Cardiovascular Parte II Condutância Elétrica do Coração
  • 45. Tecido Cardíaco • Formado por 2 tipos de células: • Miócitos = 99% do tecido, células contráteis! • Células marcapasso = 1%, responsáveis por gerar o sinal elétrico. • **O coração é capaz de se contrair sem estímulo do Sistema Nervoso!
  • 46. Células Autoexcitáveis • São chamadas de MARCAPASSO pois são responsáveis por determinar o ritmo cardíaco = FREQUENCIA CARDÍACA • 1º veremos como acontece o evento de EXCITAÇÃO-CONTRAÇÂO! • 2º veremos como é o PA na célula cardíaca!
  • 47. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn CONTRAÇÃOCONTRAÇÃO RELAXAMENTORELAXAMENTO
  • 48. Contração Célula Cardíaca 1. O PA inicia-se espontaneamente nas células marcapasso e se espalha paras células contráteis por meio das Junções Comunicantes. 2. Em cada célula se abrem canais de Ca2+ voltagem dependentes, O Ca2+ entra na célula (influxo). 3. Cálcio é liberado do Sarcoplasma com estímulo do Ca2+ que entrou na despolarização. 4. 4. O Ca2+ se liga nos miofilamentos (Actina e Miosina) e realiza a contração.
  • 49. Contração Célula Cardíaca 5. No relaxamento da célula, o Ca2+ volta a ser armazenado dentro do Sarcoplasma e também sai da célula por uma proteína transportadora que joga Ca2+ para fora e ao mesmo tempo joga Na+ pra dentro. 6. Para que o Potencial de Membrana fique em repouso, a Bomba de Na+/K+/ATPase funciona reequilibrando tudo!
  • 50. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 51. PA no Miócito é diferente do Neurônio Potencial de Repouso da célula cardíaca = -90 mV Existe uma conexão entre as células que espalham o PA = JUNÇÃO COMUNICANTE Este PA é mais demorado do que no neurônio!!!
  • 52. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 53. Potencial de Ação cardíaco 1. Potencial de Repouso = -90 mV 2. PA vindo das células marcapasso se espalha pelas Junções Comunicantes 3. Abrem-se canais de Na+ (influxo) 4. Fecham canais de Na+ e abrem-se canais de K+ (Rápidos) 5. Canais de Ca2+ se abrem e os de K+ RÁPIDOS se fecham.
  • 54. Potencial de Ação Cardíaco 6. Platô (entra e sai íon positivo ao mesmo) 7. Fecham-se os canais de Ca2+ e se abrem os canais de K+ LENTOS 8. Retorno de Potencial de Repouso.
  • 55. Potencial de Ação • PA neurônio dura 1 a 5 ms • PA célula cardíaca dura 200 ms • Durante todo PA da célula cardíaca há período REFRATÁRIO, para permitir que só aconteça uma SÍSTOLE nova depois do fim da DIÁSTOLE.
  • 56. CONTROLE AUTONÔMICO • SIMPÁTICO – acelera o batimento = TAQUICARDIA • PARASSIMPÁTICO – diminui o batimento = BRADICARDIA
  • 57. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 58. Coração como BOMBA • Distribuição do sinal elétrico pelas paredes do coração: • 1º Nó Sinoatrial (SA) - Átrio • 2º Nó Atrioventricular – Entre Átrio- Ventrículo • 3º Feixe de His – desce pelo Sépto • 4º Ramo D e Ramo E • 5º Fibras de Purkinje
  • 59. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 60. Eletrocardiograma • Triângulo de Einthoven • 3 Derivações = DI, DII e DIII • Traçado típido de ECG (ondas, segmentos e complexos)
  • 61. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn Triângulo deTriângulo de EinthovenEinthoven
  • 62. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn ECG típicoECG típico.
  • 63. Traçado ECG • Onda P = despolarização dos Átrios • Complexo QRS = onda de despolarização progressiva do Ventriculos • Onda T = Repolarização do Ventrículos
  • 64. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 65. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn Evento elétrico (PA) em 1 célula do miocárdio: Evento elétrico (PA) em 1 célula do miocárdio: Soma da atividade elétrica em TODO o Coração: Soma da atividade elétrica em TODO o Coração:
  • 66. Informações do ECG • 1. Qual a FC? • 2. Como é o Ritmo (regular ou irregular)? • 3. Todas as ondas normais estão presentes? • 4. Tem onda P? Seguida de QRS? Segmento PR é constante?
  • 67. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 68. Eventos Mecânicos • Ciclo Cardíaco = Sístole e Diástole • Conceitos importante do funcionamento cardiovascular: • Frequência Cardíaca, Volume Sistólico, Débito Cardíaco, Pré e Pós-carga.
  • 69. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 70. Frequência Cardíaca • Normal em torno de 70 bat/min • Pode variar de acordo com a atividade física • É modulada pelos sistemas Simpático e Parassimpático.
  • 71. Volume (de ejeção) Sistólico (VS) • Depende do VDF – enchimento final máximo do ventrículo (125 ml) e VSF – menor quantidade de sangue restante no Ventrículo no final da Sístole (65 ml) • Temos que: VS = VDF – VSF VS = 125 – 65 = 70 ml (normal)
  • 72. Pré-carga • Carga que vem para o coração antes que ele contraia. • Determina o quanto de força ele vai ter que fazer para dar conta de empurrar esta carga. • = PVC (no Átrio D), mede sobrecarga de líquidos.
  • 73. Pós-Carga • Força que o coração tem que fazer para impulsionar a carga. • O Aum. da PA e a complacência da aorta aumentam a Pós-carga fazendo Hipertrofia do Músculo Cardíaco!
  • 74. Débito Cardíaco • Volume de sangue ejetado por 1 ventrículo por um período de tempo. • Serve para medir a eficiência da BOMBA! • DC (mL/min) = FC (bat/min) X VS (mL/contração) • Ex: FC = 72 bat/min, VS = 60 mL/bat • Temos que: DC = 72 x 60 = 5040 mL/min
  • 75. Débito Cardíaco • Sendo que o volume médio de sangue no corpo é 5000 mL, isso significa que todo o sangue do corpo é bombeado por um lado do coração em apenas 1 minuto! • DC é o mesmo em ambos os ventrículos. • Durante o exercício o DC pode chegar a 30- 35L/min.
  • 76. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 78. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 79. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 80. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 81. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn
  • 82. Fisiologia Humana – Dee Unglaub Silverthorn

Notas do Editor

  1. [email_address]