SlideShare uma empresa Scribd logo
FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO
PROGRAMA FORMAÇÃO PELA ESCOLA
Módulo: “Censo Escolar”
CENSO ESCOLAR DA EDUCAÇÃO BÁSICA – SISTEMA
EDUCACENSO
PINTADAS
Novembro 2015
DANIELLA PEDREIRA FERNANDES CRUZ
Trabalho apresentado ao Programa
FORMAÇÃO PELA ESCOLA, como
requisito final do módulo Censo Escolar
da Educação Básica – Sistema
Educacenso. Sobre orientação da
tutora/multiplicadora Maria da Conceição
Barbosa Fagundes.
PINTADAS
Novembro 2015
INTRODUÇÃO
O Censo Escolar é uma pesquisa que busca levantar dados
estatísticos educacionais de âmbito nacional realizado todos os anos e
coordenado pelo Inep. Todos as escolas públicas e privadas participam desse
levantamento de dados com a colaboração das secretarias estaduais e
municipais de educação de todo país.
As informações prestadas abrangem informações da educação
básica, e suas diferentes etapas e modalidades: ensino regular (educação
Infantil e ensinos fundamental e médio), educação especial, educação de
jovens e adultos (EJA) e educação profissional (cursos técnicos e cursos de
formação inicial continuada ou qualificação profissional). O Censo Escolar
coleta dados sobre estabelecimentos de ensino, turmas, alunos, profissionais
escolares em sala de aula, movimento e rendimento escolar.
As informações coletadas por esse instrumento, servem de referência
para a formulação de políticas públicas e execução de programas na área da
educação, incluindo os de transferência de recursos públicos como
alimentação e transporte escolar, distribuição de livros, implantação de
bibliotecas, instalação de energia elétrica, Dinheiro Direto na Escola e Fundo
de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos
Profissionais da Educação (Fundeb).
O Programa Nacional de Formação Continuada a Distância nas Ações
do FNDE – Formação pela Escola – foi desenvolvido pelo Fundo Nacional de
Desenvolvimento da Educação (FNDE), Autarquia do Ministério da Educação
(MEC), e tem por objetivo principal capacitar os agentes, operadores, parceiros e
conselheiros envolvidos com a execução, acompanhamento, avaliação e
prestação de contas das ações e programas financiados com recursos do
orçamento do FNDE.
A oportunidade de fazer mais um curso do Programa Formação Pela
Escola nos dá chance de conhecermos melhor como funciona o Censo
Escolar. Já tinha ouvido falar deste sistema de levantamento de dados, mas
não tinha a mínima noção da sua importância para o desenvolvimento de
políticas públicas do nosso país.
O objetivo deste relato é informar o conhecimento adquirido através
da experiência de fazer um curso que visa capacitar profissionais da educação,
conselheiros e cidadãos para o correto preenchimento das informações do
Censo Escolar da Educação Básica, assim, como acompanhar e garantir que
as informações prestadas e preenchidas no sistema sejam válidas, legais e
fidedigna.
DESENVOLVIMENTO
O curso Censo Escolar da Educação Básica permite ao cursista
conhecer e aprimorar os conhecimentos já adquiridos no que diz respeito ao
preenchimento e acompanhamento do programa Educacenso. No meu caso
adquirir conhecimentos vai muito além do que apenas conhecer as informações
contidas no módulo, faz com que uma pessoa sem conhecimento prévio
adquira as habilidades necessárias para entender o funcionamento do
programa.
O módulo aborda questões desde o surgimento dos censos no
mundo até o controle social que iremos descobrir uma ferramenta
importantíssima para o bom andamento de uma sociedade organizada e
participativa.
Ao me deparar com o módulo me sentir um pouco insegura por se
tratar de um conteúdo que não tinha conhecimento algum. Após a leitura das
unidades pude verificar uma linguagem simples, direta e objetiva, que tem por
intuito capacitar profissionais da área da educação assim como todo e qualquer
cidadão que queira se inteirar e adquirir conhecimentos neste campo.
Por meio do estudo das características do processo censitário, de
seus conceitos, objetivos e das funcionalidades do Sistema Educacenso,
acredito que estarei mais preparado para colaborar, decisivamente, para o
sucesso do Censo Escolar no meu município.
Todos nós fazemos parte de uma sociedade que forma uma rede,
juntamente com gestores, técnicos, conselheiros e representantes das
comunidades escolares que estão envolvidos com o planejamento, a execução,
o acompanhamento, a avaliação e o controle social das ações e programas
educacionais brasileiros.
Enquanto sociedade civil temos um papel de suma importância para
um bom andamento das políticas públicas existentes. Muitas vezes não agimos
como deveríamos e não desempenhamos bem esse papel de cidadão
participante e consciente. Temos o poder nas mãos e podemos não só
contribuir, mas também mudar o caminho a ser percorrido. Podemos fiscalizar
e influenciar positivamente no desenvolvimento das políticas públicas no nosso
país. Conhecimento adquirido é um bem que não pode ser medido.
CONCLUSÃO
A importância do Censo Escolar vai muito além do que apenas
declarar dados de funcionamento de um sistema educacional. Por traz do
levantamento de informações estamos prestando um relevante papel no
desenvolvimento das políticas públicas existentes e contribuindo para um bom
andamento do nosso país no que diz respeito ao cumprimento das nossas
ações enquanto cidadãos.
Anualmente as informações são prestadas através do
preenchimento do sistema Educacenso, mobilizando todas as escolas públicas
e privadas da educação básica. Para que essas informações sejam priorizadas
e respeitadas é preciso que todo gestor e comunidade escolar dê a real
importância que esse levantamento tem, o objetivo deste curso é mostrar o
quanto é importante capacitar pessoas envolvidas direta e indiretamente nesse
processo.
A importância do Censo Escolar está ligada diretamente a igualdade
de distribuição de recursos para todas as escolas em qualquer lugar do país.
Programas como Merenda Escolar, Livro Didático e outros, tem os números do
Censo como parâmetros para transferências de recursos. Além de fornecer
dados sobre idade série dos alunos, podendo assim mudar e buscar
estratégias para sanar esse e outro problema na área escolar.
O censo é muito mais do que apenas dados, ele cumpre uma
importantíssima função quando falamos das políticas públicas, através desses
dados informados qualquer pessoa pode e deve acompanhar o preenchimento
e assim fiscalizar e cobrar dos governantes uma melhoria da educação da sua
cidade, estado e até mesmos do país.
REFERÊNCIAS
BRASIL. Ministério da Educação (MEC). Módulo Curso Censo Escolar da
Educação Básica – Sistema Educacenso / Fundo Nacional de
Desenvolvimento da Educação. - 1ª. ed. – Brasília: MEC, FNDE, 2015. 158
p.: il. color. – (Formação pela Escola).
http://portal.inep.gov.br/rss_censoescolar//asset_publisher/oV0H/content/id/
19937. Acessado em 14 de nov. 2015.
Anexo
Plano de Ação
Objetivo:
O Programa Nacional de Formação Continuada a Distância nas Ações
do FNDE – Formação pela Escola – foi desenvolvido pelo Fundo Nacional
de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Autarquia do Ministério da
Educação (MEC), e tem por objetivo principal capacitar os agentes,
operadores, parceiros e conselheiros envolvidos com a execução,
acompanhamento, avaliação e prestação de contas das ações e programas
financiados com recursos do orçamento do FNDE.
O Curso Censo Escolar da Educação Básica – Sistema Educacenso foi
desenvolvido em parceria com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas
Educacionais Anísio Teixeira (Inep) com o intuito de disponibilizar a você
informações que visam capacitar profissionais da educação para o correto
preenchimento das informações do Censo Escolar da Educação Básica,
bem como a conselheiros e cidadãos com a finalidade de conscientizá-los
sobre a importância do acompanhamento e do controle social para o
cuidadoso e fidedigno preenchimento dos dados.
Toda política de financiamento educacional materializada nas ações
desenvolvidas pelo FNDE possui como elemento fundamental os dados
coletados pelo Censo Escolar, por isso destaca-se a importância desse
curso para a execução dos programas de atendimento à educação básica.
Público alvo:
Comunidade escolar em geral, abrangendo todas as pessoas que fazem
parte do sistema, com foco nas secretarias escolares que fazem o
preenchimento e acompanhamento do Censo na minha cidade. Incluindo a
equipe gestora, assim como professores, pais, profissionais da educação,
conselheiros do Fundeb, assim como qualquer pessoa que queira se
inteirar do funcionamento deste sistema.
Estratégias de divulgação:
Os cursos serão divulgados por meio de reuniões com a equipe de
coordenadores escolares do município;
Participação dos ACs coletivos com todos os professores do município;
Visita ao polo UAB, onde se concentra um número significativo de
professores estudando;
Visita ao Colégio Estadual Normal de Pintadas, onde apresentaremos o
curso aos alunos do ensino médio;
Participação de reuniões com os conselhos municipais: Fundeb, merenda,
educação, entre outros;
Será usado o apoio dos recursos tecnológicos como data show,
computador, onde apresentaremos os objetivos e uma breve apresentação
do curso em power point.
Desenvolvimento do curso
O acompanhamento se dará diariamente através do moodle e a exibição de
relatórios.
Os alunos que não conhecem a temática do ambiente virtual encontrarão
dificuldades de acesso e compreensão das ferramentas disponibilizadas,
mas o tutor dará todo o suporte orientando e sanando as dúvidas
existentes, diariamente fará a verificação de dúvidas, via email ou
mensagem, todos os dias essas mensagens serão respondidas para que
eles se sintam acompanhados.
• Encaminhar mensagens de motivação para acesso ao sistema;
• Acompanhamento on-line das atividades;
• Solicitar sempre, retorno dos e-mails recebidos (feedback);
• Mandar mensagens eletrônicas e ligar para o(s) cursista(s) que não
estiver acessando as atividades;
• Lembrar aos cursistas a participação nos fóruns;
• Verificar e acompanhar as atividades respondidas pelos cursistas;
• Orientar os cursistas para a importância da realização das atividades
das unidades e atividade final;
• Lançamento da frequência eletrônica dos cursistas no SIFE;
• Lançamento dos conceitos das atividades do módulo, em controle
próprio.
• Telefonar para os cursistas que estiverem mais atrasados nos
acessos ao sistema.
Recursos:
Quadro, pincel, computador, data show, impressora, papel, lápis, caneta,
entre outros de acordo com a demanda do curso e a necessidade.
Conclusão:
O Censo Escolar tem um importante papel no desenvolvimento da
educação do nosso país. Ele não é apenas um levantamento de dados e
sim um parâmetro para aplicação dos recursos na área educacional.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Plano de ação pedagógica 2009 anandreia
Plano de ação pedagógica 2009   anandreiaPlano de ação pedagógica 2009   anandreia
Plano de ação pedagógica 2009 anandreia
COORDENADORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO VILHENA
 
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli BorgesReunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
pdescola
 
Plano de Ação - Gestão 2019-2021
Plano de Ação - Gestão 2019-2021 Plano de Ação - Gestão 2019-2021
Plano de Ação - Gestão 2019-2021
muni2014
 
Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016
Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016
Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016
QUEDMA SILVA
 
Plano de trabalho para Gestão Escolar
Plano de trabalho para Gestão EscolarPlano de trabalho para Gestão Escolar
Plano de trabalho para Gestão Escolar
Belister Paulino
 
8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...
8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...
8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...
Káttia Gonçalves
 
TRABALHO FINAL fnde
TRABALHO FINAL fndeTRABALHO FINAL fnde
TRABALHO FINAL fnde
Jeuza Pires
 
Plano de Ação participativo_vol1
Plano de Ação participativo_vol1Plano de Ação participativo_vol1
Plano de Ação participativo_vol1
sitedcoeste
 
Projeto reforço escolar
Projeto reforço escolarProjeto reforço escolar
Projeto reforço escolar
CLEAN LOURENÇO
 
Plano de Ação Pedagogo
Plano de Ação PedagogoPlano de Ação Pedagogo
Plano de Ação Pedagogo
CÉSAR TAVARES
 
Projeto páscoa cmei2009 s imone drumond
Projeto páscoa cmei2009 s imone drumondProjeto páscoa cmei2009 s imone drumond
Projeto páscoa cmei2009 s imone drumond
SimoneHelenDrumond
 
Formação Pela Escola , Curso PTE - Atividade Final
Formação Pela Escola , Curso PTE - Atividade FinalFormação Pela Escola , Curso PTE - Atividade Final
Formação Pela Escola , Curso PTE - Atividade Final
Jose Arnaldo Silva
 
Plano Anual de Ação Secretaria Escolar
Plano Anual de Ação Secretaria Escolar Plano Anual de Ação Secretaria Escolar
Plano Anual de Ação Secretaria Escolar
LOCIMAR MASSALAI
 
Sistema de coleta online do censo escolar da educação básica - Educacenso
Sistema de coleta online do censo escolar da educação básica - EducacensoSistema de coleta online do censo escolar da educação básica - Educacenso
Sistema de coleta online do censo escolar da educação básica - Educacenso
Giorgia Barreto Lima Parrião
 
Plano de ação gestão 2016 2019
Plano de ação gestão 2016 2019Plano de ação gestão 2016 2019
Plano de ação gestão 2016 2019
Lindomar Oliveira
 
Pauta planejamento 2012 1º
Pauta planejamento 2012     1ºPauta planejamento 2012     1º
Pauta planejamento 2012 1º
Nethy Marques
 
Ficha de acompanhamento bimestral do aluno por nível
Ficha de acompanhamento bimestral do aluno por nívelFicha de acompanhamento bimestral do aluno por nível
Ficha de acompanhamento bimestral do aluno por nível
Alekson Morais
 
Estagio regencia de sala
Estagio regencia de salaEstagio regencia de sala
Estagio regencia de sala
Alessandra Alves
 
Regimento escolar
 Regimento escolar Regimento escolar
Regimento escolar
Carlos Cavalcante
 
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
QUEDMA SILVA
 

Mais procurados (20)

Plano de ação pedagógica 2009 anandreia
Plano de ação pedagógica 2009   anandreiaPlano de ação pedagógica 2009   anandreia
Plano de ação pedagógica 2009 anandreia
 
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli BorgesReunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
 
Plano de Ação - Gestão 2019-2021
Plano de Ação - Gestão 2019-2021 Plano de Ação - Gestão 2019-2021
Plano de Ação - Gestão 2019-2021
 
Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016
Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016
Plano de Trabalho Gestão 2014 / 2016
 
Plano de trabalho para Gestão Escolar
Plano de trabalho para Gestão EscolarPlano de trabalho para Gestão Escolar
Plano de trabalho para Gestão Escolar
 
8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...
8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...
8149 estagio-supervisionado-de-educacao-infantil-e-anos-iniciais-do-ensino-fu...
 
TRABALHO FINAL fnde
TRABALHO FINAL fndeTRABALHO FINAL fnde
TRABALHO FINAL fnde
 
Plano de Ação participativo_vol1
Plano de Ação participativo_vol1Plano de Ação participativo_vol1
Plano de Ação participativo_vol1
 
Projeto reforço escolar
Projeto reforço escolarProjeto reforço escolar
Projeto reforço escolar
 
Plano de Ação Pedagogo
Plano de Ação PedagogoPlano de Ação Pedagogo
Plano de Ação Pedagogo
 
Projeto páscoa cmei2009 s imone drumond
Projeto páscoa cmei2009 s imone drumondProjeto páscoa cmei2009 s imone drumond
Projeto páscoa cmei2009 s imone drumond
 
Formação Pela Escola , Curso PTE - Atividade Final
Formação Pela Escola , Curso PTE - Atividade FinalFormação Pela Escola , Curso PTE - Atividade Final
Formação Pela Escola , Curso PTE - Atividade Final
 
Plano Anual de Ação Secretaria Escolar
Plano Anual de Ação Secretaria Escolar Plano Anual de Ação Secretaria Escolar
Plano Anual de Ação Secretaria Escolar
 
Sistema de coleta online do censo escolar da educação básica - Educacenso
Sistema de coleta online do censo escolar da educação básica - EducacensoSistema de coleta online do censo escolar da educação básica - Educacenso
Sistema de coleta online do censo escolar da educação básica - Educacenso
 
Plano de ação gestão 2016 2019
Plano de ação gestão 2016 2019Plano de ação gestão 2016 2019
Plano de ação gestão 2016 2019
 
Pauta planejamento 2012 1º
Pauta planejamento 2012     1ºPauta planejamento 2012     1º
Pauta planejamento 2012 1º
 
Ficha de acompanhamento bimestral do aluno por nível
Ficha de acompanhamento bimestral do aluno por nívelFicha de acompanhamento bimestral do aluno por nível
Ficha de acompanhamento bimestral do aluno por nível
 
Estagio regencia de sala
Estagio regencia de salaEstagio regencia de sala
Estagio regencia de sala
 
Regimento escolar
 Regimento escolar Regimento escolar
Regimento escolar
 
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
 

Semelhante a Atividade final-daniella-cruz

059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...
059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...
059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...
Giorgia Barreto Lima Parrião
 
Portal Qedu - Ernesto Martins Faria
 Portal Qedu - Ernesto Martins Faria   Portal Qedu - Ernesto Martins Faria
Portal Qedu - Ernesto Martins Faria
inovaDay .
 
Plano Municipal de Educação 2013 - Bom Jardim Maranhão
Plano Municipal de Educação 2013  - Bom Jardim MaranhãoPlano Municipal de Educação 2013  - Bom Jardim Maranhão
Plano Municipal de Educação 2013 - Bom Jardim Maranhão
Adilson P Motta Motta
 
Apresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptx
Apresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptxApresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptx
Apresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptx
ProfCibellePires
 
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdfcaderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
TicianeAndrade5
 
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdfcaderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
TicianeAndrade6
 
ApresentaçãO Resumo Rutedourados
ApresentaçãO Resumo RutedouradosApresentaçãO Resumo Rutedourados
ApresentaçãO Resumo Rutedourados
Rute
 
Diretrizes operacionais 2017
Diretrizes operacionais 2017Diretrizes operacionais 2017
Diretrizes operacionais 2017
UEFS
 
Atividade final curso par
Atividade final curso parAtividade final curso par
Atividade final curso par
GilnbiaMendes
 
Midias integradas
Midias integradasMidias integradas
Midias integradas
clirleygloria
 
Par 2011 2014_capacitacao 2-panambí
Par 2011 2014_capacitacao 2-panambíPar 2011 2014_capacitacao 2-panambí
Par 2011 2014_capacitacao 2-panambí
SMEC PANAMBI-RS
 
Principais resultados do_censo_ppt
Principais resultados do_censo_pptPrincipais resultados do_censo_ppt
Principais resultados do_censo_ppt
leandrobermudes
 
Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito
Governo do Estado do Ceará
 
Seminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio BritoSeminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio Brito
Governo do Estado do Ceará
 
Modulo cursista conteudo
Modulo cursista conteudoModulo cursista conteudo
Modulo cursista conteudo
tecampinasoeste
 
Versão 4 situação do aluno 2012 j risomar
Versão 4 situação do aluno 2012 j risomarVersão 4 situação do aluno 2012 j risomar
Versão 4 situação do aluno 2012 j risomar
Rafael Maximino Dos Santos
 
Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...
Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...
Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...
ANATED
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Eunice Mendes de Oliveira
 
Atividade final vilmar - yago (1)
Atividade final   vilmar - yago (1)Atividade final   vilmar - yago (1)
Atividade final vilmar - yago (1)
Vilmar Guimarães Junior
 
Caderno Pedagógico 2013. Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.
Caderno Pedagógico 2013.  Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.Caderno Pedagógico 2013.  Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.
Caderno Pedagógico 2013. Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.
Waender Soares
 

Semelhante a Atividade final-daniella-cruz (20)

059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...
059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...
059 - Sistema de coleta on-line do Censo Escolar da Educação Básica - Educace...
 
Portal Qedu - Ernesto Martins Faria
 Portal Qedu - Ernesto Martins Faria   Portal Qedu - Ernesto Martins Faria
Portal Qedu - Ernesto Martins Faria
 
Plano Municipal de Educação 2013 - Bom Jardim Maranhão
Plano Municipal de Educação 2013  - Bom Jardim MaranhãoPlano Municipal de Educação 2013  - Bom Jardim Maranhão
Plano Municipal de Educação 2013 - Bom Jardim Maranhão
 
Apresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptx
Apresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptxApresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptx
Apresentação - PPIE - Plano de Ação_101022 (1).pptx
 
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdfcaderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
 
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdfcaderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
caderno_tecnico_programa_primeira_infancia_v1.pdf
 
ApresentaçãO Resumo Rutedourados
ApresentaçãO Resumo RutedouradosApresentaçãO Resumo Rutedourados
ApresentaçãO Resumo Rutedourados
 
Diretrizes operacionais 2017
Diretrizes operacionais 2017Diretrizes operacionais 2017
Diretrizes operacionais 2017
 
Atividade final curso par
Atividade final curso parAtividade final curso par
Atividade final curso par
 
Midias integradas
Midias integradasMidias integradas
Midias integradas
 
Par 2011 2014_capacitacao 2-panambí
Par 2011 2014_capacitacao 2-panambíPar 2011 2014_capacitacao 2-panambí
Par 2011 2014_capacitacao 2-panambí
 
Principais resultados do_censo_ppt
Principais resultados do_censo_pptPrincipais resultados do_censo_ppt
Principais resultados do_censo_ppt
 
Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância: Márcio Brito
 
Seminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio BritoSeminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio Brito
Seminário Internacional Mais Infância Ceará - Márcio Brito
 
Modulo cursista conteudo
Modulo cursista conteudoModulo cursista conteudo
Modulo cursista conteudo
 
Versão 4 situação do aluno 2012 j risomar
Versão 4 situação do aluno 2012 j risomarVersão 4 situação do aluno 2012 j risomar
Versão 4 situação do aluno 2012 j risomar
 
Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...
Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...
Apontamentos sobre o curso a distância de disseminadores de educação fiscal, ...
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
 
Atividade final vilmar - yago (1)
Atividade final   vilmar - yago (1)Atividade final   vilmar - yago (1)
Atividade final vilmar - yago (1)
 
Caderno Pedagógico 2013. Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.
Caderno Pedagógico 2013.  Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.Caderno Pedagógico 2013.  Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.
Caderno Pedagógico 2013. Contribuição ao debate por uma educação de qualidade.
 

Último

Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 

Último (20)

Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 

Atividade final-daniella-cruz

  • 1. FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA FORMAÇÃO PELA ESCOLA Módulo: “Censo Escolar” CENSO ESCOLAR DA EDUCAÇÃO BÁSICA – SISTEMA EDUCACENSO PINTADAS Novembro 2015
  • 2. DANIELLA PEDREIRA FERNANDES CRUZ Trabalho apresentado ao Programa FORMAÇÃO PELA ESCOLA, como requisito final do módulo Censo Escolar da Educação Básica – Sistema Educacenso. Sobre orientação da tutora/multiplicadora Maria da Conceição Barbosa Fagundes. PINTADAS Novembro 2015
  • 3. INTRODUÇÃO O Censo Escolar é uma pesquisa que busca levantar dados estatísticos educacionais de âmbito nacional realizado todos os anos e coordenado pelo Inep. Todos as escolas públicas e privadas participam desse levantamento de dados com a colaboração das secretarias estaduais e municipais de educação de todo país. As informações prestadas abrangem informações da educação básica, e suas diferentes etapas e modalidades: ensino regular (educação Infantil e ensinos fundamental e médio), educação especial, educação de jovens e adultos (EJA) e educação profissional (cursos técnicos e cursos de formação inicial continuada ou qualificação profissional). O Censo Escolar coleta dados sobre estabelecimentos de ensino, turmas, alunos, profissionais escolares em sala de aula, movimento e rendimento escolar. As informações coletadas por esse instrumento, servem de referência para a formulação de políticas públicas e execução de programas na área da educação, incluindo os de transferência de recursos públicos como alimentação e transporte escolar, distribuição de livros, implantação de bibliotecas, instalação de energia elétrica, Dinheiro Direto na Escola e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O Programa Nacional de Formação Continuada a Distância nas Ações do FNDE – Formação pela Escola – foi desenvolvido pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Autarquia do Ministério da Educação (MEC), e tem por objetivo principal capacitar os agentes, operadores, parceiros e conselheiros envolvidos com a execução, acompanhamento, avaliação e prestação de contas das ações e programas financiados com recursos do orçamento do FNDE. A oportunidade de fazer mais um curso do Programa Formação Pela Escola nos dá chance de conhecermos melhor como funciona o Censo Escolar. Já tinha ouvido falar deste sistema de levantamento de dados, mas não tinha a mínima noção da sua importância para o desenvolvimento de políticas públicas do nosso país.
  • 4. O objetivo deste relato é informar o conhecimento adquirido através da experiência de fazer um curso que visa capacitar profissionais da educação, conselheiros e cidadãos para o correto preenchimento das informações do Censo Escolar da Educação Básica, assim, como acompanhar e garantir que as informações prestadas e preenchidas no sistema sejam válidas, legais e fidedigna.
  • 5. DESENVOLVIMENTO O curso Censo Escolar da Educação Básica permite ao cursista conhecer e aprimorar os conhecimentos já adquiridos no que diz respeito ao preenchimento e acompanhamento do programa Educacenso. No meu caso adquirir conhecimentos vai muito além do que apenas conhecer as informações contidas no módulo, faz com que uma pessoa sem conhecimento prévio adquira as habilidades necessárias para entender o funcionamento do programa. O módulo aborda questões desde o surgimento dos censos no mundo até o controle social que iremos descobrir uma ferramenta importantíssima para o bom andamento de uma sociedade organizada e participativa. Ao me deparar com o módulo me sentir um pouco insegura por se tratar de um conteúdo que não tinha conhecimento algum. Após a leitura das unidades pude verificar uma linguagem simples, direta e objetiva, que tem por intuito capacitar profissionais da área da educação assim como todo e qualquer cidadão que queira se inteirar e adquirir conhecimentos neste campo. Por meio do estudo das características do processo censitário, de seus conceitos, objetivos e das funcionalidades do Sistema Educacenso, acredito que estarei mais preparado para colaborar, decisivamente, para o sucesso do Censo Escolar no meu município. Todos nós fazemos parte de uma sociedade que forma uma rede, juntamente com gestores, técnicos, conselheiros e representantes das comunidades escolares que estão envolvidos com o planejamento, a execução, o acompanhamento, a avaliação e o controle social das ações e programas educacionais brasileiros. Enquanto sociedade civil temos um papel de suma importância para um bom andamento das políticas públicas existentes. Muitas vezes não agimos como deveríamos e não desempenhamos bem esse papel de cidadão participante e consciente. Temos o poder nas mãos e podemos não só contribuir, mas também mudar o caminho a ser percorrido. Podemos fiscalizar e influenciar positivamente no desenvolvimento das políticas públicas no nosso país. Conhecimento adquirido é um bem que não pode ser medido.
  • 6. CONCLUSÃO A importância do Censo Escolar vai muito além do que apenas declarar dados de funcionamento de um sistema educacional. Por traz do levantamento de informações estamos prestando um relevante papel no desenvolvimento das políticas públicas existentes e contribuindo para um bom andamento do nosso país no que diz respeito ao cumprimento das nossas ações enquanto cidadãos. Anualmente as informações são prestadas através do preenchimento do sistema Educacenso, mobilizando todas as escolas públicas e privadas da educação básica. Para que essas informações sejam priorizadas e respeitadas é preciso que todo gestor e comunidade escolar dê a real importância que esse levantamento tem, o objetivo deste curso é mostrar o quanto é importante capacitar pessoas envolvidas direta e indiretamente nesse processo. A importância do Censo Escolar está ligada diretamente a igualdade de distribuição de recursos para todas as escolas em qualquer lugar do país. Programas como Merenda Escolar, Livro Didático e outros, tem os números do Censo como parâmetros para transferências de recursos. Além de fornecer dados sobre idade série dos alunos, podendo assim mudar e buscar estratégias para sanar esse e outro problema na área escolar. O censo é muito mais do que apenas dados, ele cumpre uma importantíssima função quando falamos das políticas públicas, através desses dados informados qualquer pessoa pode e deve acompanhar o preenchimento e assim fiscalizar e cobrar dos governantes uma melhoria da educação da sua cidade, estado e até mesmos do país.
  • 7. REFERÊNCIAS BRASIL. Ministério da Educação (MEC). Módulo Curso Censo Escolar da Educação Básica – Sistema Educacenso / Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. - 1ª. ed. – Brasília: MEC, FNDE, 2015. 158 p.: il. color. – (Formação pela Escola). http://portal.inep.gov.br/rss_censoescolar//asset_publisher/oV0H/content/id/ 19937. Acessado em 14 de nov. 2015.
  • 8. Anexo Plano de Ação Objetivo: O Programa Nacional de Formação Continuada a Distância nas Ações do FNDE – Formação pela Escola – foi desenvolvido pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Autarquia do Ministério da Educação (MEC), e tem por objetivo principal capacitar os agentes, operadores, parceiros e conselheiros envolvidos com a execução, acompanhamento, avaliação e prestação de contas das ações e programas financiados com recursos do orçamento do FNDE. O Curso Censo Escolar da Educação Básica – Sistema Educacenso foi desenvolvido em parceria com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) com o intuito de disponibilizar a você informações que visam capacitar profissionais da educação para o correto preenchimento das informações do Censo Escolar da Educação Básica, bem como a conselheiros e cidadãos com a finalidade de conscientizá-los sobre a importância do acompanhamento e do controle social para o cuidadoso e fidedigno preenchimento dos dados. Toda política de financiamento educacional materializada nas ações desenvolvidas pelo FNDE possui como elemento fundamental os dados coletados pelo Censo Escolar, por isso destaca-se a importância desse curso para a execução dos programas de atendimento à educação básica. Público alvo: Comunidade escolar em geral, abrangendo todas as pessoas que fazem parte do sistema, com foco nas secretarias escolares que fazem o preenchimento e acompanhamento do Censo na minha cidade. Incluindo a equipe gestora, assim como professores, pais, profissionais da educação, conselheiros do Fundeb, assim como qualquer pessoa que queira se inteirar do funcionamento deste sistema. Estratégias de divulgação:
  • 9. Os cursos serão divulgados por meio de reuniões com a equipe de coordenadores escolares do município; Participação dos ACs coletivos com todos os professores do município; Visita ao polo UAB, onde se concentra um número significativo de professores estudando; Visita ao Colégio Estadual Normal de Pintadas, onde apresentaremos o curso aos alunos do ensino médio; Participação de reuniões com os conselhos municipais: Fundeb, merenda, educação, entre outros; Será usado o apoio dos recursos tecnológicos como data show, computador, onde apresentaremos os objetivos e uma breve apresentação do curso em power point. Desenvolvimento do curso O acompanhamento se dará diariamente através do moodle e a exibição de relatórios. Os alunos que não conhecem a temática do ambiente virtual encontrarão dificuldades de acesso e compreensão das ferramentas disponibilizadas, mas o tutor dará todo o suporte orientando e sanando as dúvidas existentes, diariamente fará a verificação de dúvidas, via email ou mensagem, todos os dias essas mensagens serão respondidas para que eles se sintam acompanhados. • Encaminhar mensagens de motivação para acesso ao sistema; • Acompanhamento on-line das atividades; • Solicitar sempre, retorno dos e-mails recebidos (feedback); • Mandar mensagens eletrônicas e ligar para o(s) cursista(s) que não estiver acessando as atividades; • Lembrar aos cursistas a participação nos fóruns; • Verificar e acompanhar as atividades respondidas pelos cursistas; • Orientar os cursistas para a importância da realização das atividades das unidades e atividade final;
  • 10. • Lançamento da frequência eletrônica dos cursistas no SIFE; • Lançamento dos conceitos das atividades do módulo, em controle próprio. • Telefonar para os cursistas que estiverem mais atrasados nos acessos ao sistema. Recursos: Quadro, pincel, computador, data show, impressora, papel, lápis, caneta, entre outros de acordo com a demanda do curso e a necessidade. Conclusão: O Censo Escolar tem um importante papel no desenvolvimento da educação do nosso país. Ele não é apenas um levantamento de dados e sim um parâmetro para aplicação dos recursos na área educacional.