SlideShare uma empresa Scribd logo
Controle de Freqüência
Nome: _________________________________________________________________________________ No. Prontuário: ___________________
Para registrar a freqüência usar os códigos:
CP: compareceu NC: não compareceu DS: desmarcou CPSM (Compareceu sem marcação)
Data Responsável Freqüência Observação1
Data Responsável Freqüência Observação1
Data Responsável Freqüência Observação1
1- Registrar: PA, G, TG, COL. Se consulta, preencher com um traço. Se paciente NC, especificar motivo.
PRONTUÁRIO FARMACÊUTICO
AO UTILIZAR ESSE PRONTUÁRIO FARMACÊUTICO CITAR: JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA,
RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola.
2005. 12p.
1
1
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12
DADOS GERAIS DO PACIENTE
Nome: ___________________________________________________________________________ Número: ____________ Sexo: ( ) M ( ) F
Endereço: __________________________________________________________________ Telefone: _________________________________
Data de Nascimento: __/___/___ Estado Civil: (S) (C) (D) (V) (O) Filhos: ( ) Sim ( ) Não Naturalidade: _________________________
Trabalha: ( ) Sim ( ) Não Profissão: _______________________________________________
Grau de escolaridade: ( ) analfabeto ( ) 1o
GI ( ) 1o
GC ( ) 2o
GI ( ) 2o
GC ( ) 3o
GI ( ) 3ºGC ( ) pré-vestibular
Tipo de Atendimento médico: Plano/Seguro de saúde ( ) __________________ Particular ( ) SUS ( ) Unidade Básica de Saúde:____________________
Médicos:
Nome Especialidade Telefone Nome Especialidade Telefone
Farmacêutico Responsável: ___________________________________________________________________
Limitações físicas: ( ) Sim ( ) Não. Qual (is): ________________________________________________________________________________________
História Pregressa de Intoxicação e RAM: ( ) Sim ( ) Não.
________________________________________________________________________________________________________________________________
PROCEDIMENTOS MÉDICOS
Data Procedimentos médicos
1
Data Procedimentos médicos
1
Data Procedimentos médicos
1
1 Ex.: cirurgias, exames de imagens, procedimentos invasivos.
2
2
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12
HISTÓRICA CLÍNICA
DOENÇAS DOENÇAS
Data
atendimento
Doença1,2
Data
diagnóstico
Grau de
incomodo
3
História
Atual
S/N
Grau
parentesco4
Data
atendimento
Doença1,2
Data
diagnóstico
Grau
de
incomo
do3
História
Atual
S/N
Grau
parentesco4
1 Fazer revisão por aparelhos 2 Doenças detectadas pelo farmacêutico deverão ser registradas entre parênteses e com asterisco.
3 Codificar: 1 pequeno, 2 regular,3 muito 4 Codificar: 1 mãe; 2 pai; 3 irmão(a); 4 avós; 5 filhos; 6 tios;
3
3
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
HISTÓRIA DE QUEIXAS
Data
atendimento
Descrição da queixa atual/ duração Grau de
incômodo
1
Data
atendimento
Descrição da queixa atual/ duração Grau de
incômodo
1
1 Codificar: 1 pequeno, 2 regular,3 muito.
4
4
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
REGISTRO DE USO MEDICAMENTOS
Data
atendimento
Medicamento
1
/ forma farmacêutica/ concentração Posologia da
prescrição
Data da
prescrição
Prescrição2
Como administra3
Indicação Adesão 4
1 Incluir os medicamentos prescritos, os de venda livre, homeopáticos, fitoterápico e plantas medicinais.
2 Prescrição: 1 médica, dentista; 2 indicação farmacêutico; 3 indicação de leigos; 4 indicação de balconista; 5 automedicação por continuação de prescrição; 6 automedicação.
3 Questionar também sobre dificuldade de administração. 4 Questionar se adere ao esquema proposto. Para fitoterápicos e plantas medicinais: especificar se Infuso, decocto,
tintura, xarope, comprimido, cápsula e concentração, por ex: 10 folhas para 1 copo de água e posologia, ex. xícara, copo, colher.
Perguntar sobre medicamentos usados para “dor de cabeça”, febre, “dor de garanta”, cólicas, “azia”, gripe, outros
5
5
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
Hábitos de vida
Data
atendimento
Alimentação
Horário / conteúdo
Sono
Horário/satisfação
Atividade física
Tipo/Freqüência
Água
(Qtde)
Álcool
Tipo/qtde
Tabaco
Tipo/qtde
Drogas de abuso
Tipo/qtde
6
6
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
EXAME FÍSICO
Altura:___________ m
DATA PA
(mmHg)
Pulso
(bpm)
Glicemia
1
(mg/dL)
Colesterol
(mg/dL)
Triglicérides
(mg/dL)
Peso
(Kg)
IMC
(Kg/m
2
)
Observações
1 J (jejum) C (Casual)
7
7
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
EXAMES LABORATORIAIS
DATA Exames Resultado Referência DATA Exames Resultado Referência
8
8
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
EVOLUÇÃO*
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
*Iniciar o registro sobre percepção da consulta, seguindo-se informações trazidas pelo paciente. Questionar sobre menstruação, vacinas, autos-exame de mama, exame de colo de
útero, exame de próstata
9
9
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
ORIENTAÇÃO SUPERVISAO
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
10
10
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005.
12p.
ID: identificação Ad: adesão (adere ao esquema posológico) UC: Uso correto (administra corretamente). Adaptado de: Machuca M, Fernández-Llimos F,
Faus MJ. Método Dáder: Manual de Seguimento Farmacoterapêutico.Versão em português (Brasil). Tradução: Frade F, Revisão Técnica: Correr CJ,
Rossignoli P. Granada: Universidad de Granada; 2003
ANÁLISE DA SITUAÇÃO
PROBLEMAS DE SAÚDE MEDICAMENTOS
Avaliação
Data
atendimento
Data
diagnóstico
ID Descrição de PS Inicio uso Medicamento (p.a.) / concentração Posologia Ad/UC N E S
SUSPEITA
PRM/PS
11
11
JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005.
12p.
Plano de Intervenção Avaliação
Data
atendimento
ID
Data de
Implantação
Intervenção Meta Parâmetros Freqüência Data R.11
R.22
Data
NG
1 (1) Intervenção aceita (2) Intervenção não aceita 2 (1) Evolução positiva (2) Evolução negativa
3 NG - Notificação Granada

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Atenção farmacêutica i_-_prontuário_farmacêutico

03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...
03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...
03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...
Milena Rodrigues
 
boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...
boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...
boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...
LuanMiguelCosta
 
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados FarmacêuticosMétodo Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Cassyano Correr
 
Avaliação Global da Farmacoterapia
Avaliação Global da FarmacoterapiaAvaliação Global da Farmacoterapia
Avaliação Global da Farmacoterapia
Cassyano Correr
 
1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia
1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia
1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia
Bruno Machado
 
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicadosDesprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
angelitamelo
 
Revisão e gestão da medicação oficina para franqueado
Revisão e gestão da medicação oficina para franqueadoRevisão e gestão da medicação oficina para franqueado
Revisão e gestão da medicação oficina para franqueado
farmaefarma
 
Erros de medicação
Erros de medicaçãoErros de medicação
Erros de medicação
enfanhanguera
 
Enfermagem
EnfermagemEnfermagem
Doenca inflamatoria-e-nutricao
Doenca inflamatoria-e-nutricaoDoenca inflamatoria-e-nutricao
Doenca inflamatoria-e-nutricao
Mab Davilla
 
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Viviane da Silva
 
MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2
MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2
MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2
Daniela Monteiro
 
Planejamento dos cuidados de enfermagem
Planejamento dos cuidados de enfermagemPlanejamento dos cuidados de enfermagem
Planejamento dos cuidados de enfermagem
Daniel Félix dos Santos
 
7 abdomen agudo
7 abdomen agudo7 abdomen agudo
7 abdomen agudo
Alan Kardec Zica
 
Evolução de UTI
Evolução de UTIEvolução de UTI
Evolução de UTI
Daniel Valente
 
Congresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdf
Congresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdfCongresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdf
Congresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdf
Leandro Brust
 
Pancreatite Aguda_ap hospital_final.pdf
Pancreatite Aguda_ap hospital_final.pdfPancreatite Aguda_ap hospital_final.pdf
Pancreatite Aguda_ap hospital_final.pdf
EmanuelJulioMiguel
 
Semiologia completa
Semiologia completaSemiologia completa
Semiologia completa
Jucie Vasconcelos
 
Semiologia 01 anamnese e ectoscopia
Semiologia 01   anamnese e ectoscopiaSemiologia 01   anamnese e ectoscopia
Semiologia 01 anamnese e ectoscopia
Jucie Vasconcelos
 
Semiologia anamnese e ectoscopia
Semiologia   anamnese e ectoscopiaSemiologia   anamnese e ectoscopia
Semiologia anamnese e ectoscopia
leandrosdpsi
 

Semelhante a Atenção farmacêutica i_-_prontuário_farmacêutico (20)

03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...
03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...
03 artigo uso_estimulacao_eletrica_nervosa_transcutanea_aplicado_ponto_acupun...
 
boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...
boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...
boas-praticas-recomendadas-para-o-cuidado-seguro-na-administracao-de-medicame...
 
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados FarmacêuticosMétodo Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
Método Clínico para os Cuidados Farmacêuticos
 
Avaliação Global da Farmacoterapia
Avaliação Global da FarmacoterapiaAvaliação Global da Farmacoterapia
Avaliação Global da Farmacoterapia
 
1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia
1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia
1340058717tem raciocinio clinico_sala_urgencia
 
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicadosDesprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
Desprescrição como estratégia para atendimento a pacientes polimedicados
 
Revisão e gestão da medicação oficina para franqueado
Revisão e gestão da medicação oficina para franqueadoRevisão e gestão da medicação oficina para franqueado
Revisão e gestão da medicação oficina para franqueado
 
Erros de medicação
Erros de medicaçãoErros de medicação
Erros de medicação
 
Enfermagem
EnfermagemEnfermagem
Enfermagem
 
Doenca inflamatoria-e-nutricao
Doenca inflamatoria-e-nutricaoDoenca inflamatoria-e-nutricao
Doenca inflamatoria-e-nutricao
 
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
Administração medicamentos: regras gerais e tipos de seringas
 
MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2
MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2
MTP_DanielaMonteiro_Preditores_AT_IC_V2
 
Planejamento dos cuidados de enfermagem
Planejamento dos cuidados de enfermagemPlanejamento dos cuidados de enfermagem
Planejamento dos cuidados de enfermagem
 
7 abdomen agudo
7 abdomen agudo7 abdomen agudo
7 abdomen agudo
 
Evolução de UTI
Evolução de UTIEvolução de UTI
Evolução de UTI
 
Congresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdf
Congresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdfCongresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdf
Congresso brasileiro auditoria quimioterapia oral_2013_pdf
 
Pancreatite Aguda_ap hospital_final.pdf
Pancreatite Aguda_ap hospital_final.pdfPancreatite Aguda_ap hospital_final.pdf
Pancreatite Aguda_ap hospital_final.pdf
 
Semiologia completa
Semiologia completaSemiologia completa
Semiologia completa
 
Semiologia 01 anamnese e ectoscopia
Semiologia 01   anamnese e ectoscopiaSemiologia 01   anamnese e ectoscopia
Semiologia 01 anamnese e ectoscopia
 
Semiologia anamnese e ectoscopia
Semiologia   anamnese e ectoscopiaSemiologia   anamnese e ectoscopia
Semiologia anamnese e ectoscopia
 

Último

Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 

Último (20)

Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 

Atenção farmacêutica i_-_prontuário_farmacêutico

  • 1. Controle de Freqüência Nome: _________________________________________________________________________________ No. Prontuário: ___________________ Para registrar a freqüência usar os códigos: CP: compareceu NC: não compareceu DS: desmarcou CPSM (Compareceu sem marcação) Data Responsável Freqüência Observação1 Data Responsável Freqüência Observação1 Data Responsável Freqüência Observação1 1- Registrar: PA, G, TG, COL. Se consulta, preencher com um traço. Se paciente NC, especificar motivo. PRONTUÁRIO FARMACÊUTICO AO UTILIZAR ESSE PRONTUÁRIO FARMACÊUTICO CITAR: JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p.
  • 2. 1 1 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12 DADOS GERAIS DO PACIENTE Nome: ___________________________________________________________________________ Número: ____________ Sexo: ( ) M ( ) F Endereço: __________________________________________________________________ Telefone: _________________________________ Data de Nascimento: __/___/___ Estado Civil: (S) (C) (D) (V) (O) Filhos: ( ) Sim ( ) Não Naturalidade: _________________________ Trabalha: ( ) Sim ( ) Não Profissão: _______________________________________________ Grau de escolaridade: ( ) analfabeto ( ) 1o GI ( ) 1o GC ( ) 2o GI ( ) 2o GC ( ) 3o GI ( ) 3ºGC ( ) pré-vestibular Tipo de Atendimento médico: Plano/Seguro de saúde ( ) __________________ Particular ( ) SUS ( ) Unidade Básica de Saúde:____________________ Médicos: Nome Especialidade Telefone Nome Especialidade Telefone Farmacêutico Responsável: ___________________________________________________________________ Limitações físicas: ( ) Sim ( ) Não. Qual (is): ________________________________________________________________________________________ História Pregressa de Intoxicação e RAM: ( ) Sim ( ) Não. ________________________________________________________________________________________________________________________________ PROCEDIMENTOS MÉDICOS Data Procedimentos médicos 1 Data Procedimentos médicos 1 Data Procedimentos médicos 1 1 Ex.: cirurgias, exames de imagens, procedimentos invasivos.
  • 3. 2 2 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12 HISTÓRICA CLÍNICA DOENÇAS DOENÇAS Data atendimento Doença1,2 Data diagnóstico Grau de incomodo 3 História Atual S/N Grau parentesco4 Data atendimento Doença1,2 Data diagnóstico Grau de incomo do3 História Atual S/N Grau parentesco4 1 Fazer revisão por aparelhos 2 Doenças detectadas pelo farmacêutico deverão ser registradas entre parênteses e com asterisco. 3 Codificar: 1 pequeno, 2 regular,3 muito 4 Codificar: 1 mãe; 2 pai; 3 irmão(a); 4 avós; 5 filhos; 6 tios;
  • 4. 3 3 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. HISTÓRIA DE QUEIXAS Data atendimento Descrição da queixa atual/ duração Grau de incômodo 1 Data atendimento Descrição da queixa atual/ duração Grau de incômodo 1 1 Codificar: 1 pequeno, 2 regular,3 muito.
  • 5. 4 4 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. REGISTRO DE USO MEDICAMENTOS Data atendimento Medicamento 1 / forma farmacêutica/ concentração Posologia da prescrição Data da prescrição Prescrição2 Como administra3 Indicação Adesão 4 1 Incluir os medicamentos prescritos, os de venda livre, homeopáticos, fitoterápico e plantas medicinais. 2 Prescrição: 1 médica, dentista; 2 indicação farmacêutico; 3 indicação de leigos; 4 indicação de balconista; 5 automedicação por continuação de prescrição; 6 automedicação. 3 Questionar também sobre dificuldade de administração. 4 Questionar se adere ao esquema proposto. Para fitoterápicos e plantas medicinais: especificar se Infuso, decocto, tintura, xarope, comprimido, cápsula e concentração, por ex: 10 folhas para 1 copo de água e posologia, ex. xícara, copo, colher. Perguntar sobre medicamentos usados para “dor de cabeça”, febre, “dor de garanta”, cólicas, “azia”, gripe, outros
  • 6. 5 5 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. Hábitos de vida Data atendimento Alimentação Horário / conteúdo Sono Horário/satisfação Atividade física Tipo/Freqüência Água (Qtde) Álcool Tipo/qtde Tabaco Tipo/qtde Drogas de abuso Tipo/qtde
  • 7. 6 6 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. EXAME FÍSICO Altura:___________ m DATA PA (mmHg) Pulso (bpm) Glicemia 1 (mg/dL) Colesterol (mg/dL) Triglicérides (mg/dL) Peso (Kg) IMC (Kg/m 2 ) Observações 1 J (jejum) C (Casual)
  • 8. 7 7 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. EXAMES LABORATORIAIS DATA Exames Resultado Referência DATA Exames Resultado Referência
  • 9. 8 8 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. EVOLUÇÃO* _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ _________________________________________________________________________________________________________________________________________________ *Iniciar o registro sobre percepção da consulta, seguindo-se informações trazidas pelo paciente. Questionar sobre menstruação, vacinas, autos-exame de mama, exame de colo de útero, exame de próstata
  • 10. 9 9 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. ORIENTAÇÃO SUPERVISAO _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________ _____________________________________________________________________
  • 11. 10 10 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. ID: identificação Ad: adesão (adere ao esquema posológico) UC: Uso correto (administra corretamente). Adaptado de: Machuca M, Fernández-Llimos F, Faus MJ. Método Dáder: Manual de Seguimento Farmacoterapêutico.Versão em português (Brasil). Tradução: Frade F, Revisão Técnica: Correr CJ, Rossignoli P. Granada: Universidad de Granada; 2003 ANÁLISE DA SITUAÇÃO PROBLEMAS DE SAÚDE MEDICAMENTOS Avaliação Data atendimento Data diagnóstico ID Descrição de PS Inicio uso Medicamento (p.a.) / concentração Posologia Ad/UC N E S SUSPEITA PRM/PS
  • 12. 11 11 JERONYMO K, MELO AC, NASCIMENTO YA, RENNÓ MUP. Prontuário Farmacêutico - Farmácia Escola Newton Paiva. Belo Horizonte: Farmácia Escola. 2005. 12p. Plano de Intervenção Avaliação Data atendimento ID Data de Implantação Intervenção Meta Parâmetros Freqüência Data R.11 R.22 Data NG 1 (1) Intervenção aceita (2) Intervenção não aceita 2 (1) Evolução positiva (2) Evolução negativa 3 NG - Notificação Granada