SlideShare uma empresa Scribd logo
A PROCLAMAÇÃO DAA PROCLAMAÇÃO DA
REPÚBLICA NO BRASILREPÚBLICA NO BRASIL
O MOVIMENTOO MOVIMENTO
REPUBLICANOREPUBLICANO
A FORMAÇÃO DE UMA RICA BURGUESIAA FORMAÇÃO DE UMA RICA BURGUESIA
AGRÁRIA NO SUDESTE, E O PROJETOAGRÁRIA NO SUDESTE, E O PROJETO
REPUBLICANO CONQUISTOU O APOIO DEREPUBLICANO CONQUISTOU O APOIO DE
UM SETOR SOCIAL DE PESO NA POLÍTICAUM SETOR SOCIAL DE PESO NA POLÍTICA
NACIONALNACIONAL
OS CAFEICULTORES DO OESTEOS CAFEICULTORES DO OESTE
PAULISTA PASSARAM A DEFENDER UMAPAULISTA PASSARAM A DEFENDER UMA
NOVA ORGANIZAÇÃO POLÍTICA PARA ONOVA ORGANIZAÇÃO POLÍTICA PARA O
BRASIL QUE ASSEGURASSE MAISBRASIL QUE ASSEGURASSE MAIS
PODER AS PROVÍNCIAS.PODER AS PROVÍNCIAS.
A DEFESA DE UM PODER MAIOR PARA ASA DEFESA DE UM PODER MAIOR PARA AS
PROVINCIAS ERA O PONTO CENTRAL DOPROVINCIAS ERA O PONTO CENTRAL DO
PROGRAMA DO PARTIDO REPUBLICANOPROGRAMA DO PARTIDO REPUBLICANO
PAULISTA (PRP), FUNDADO EM 1873 E FORMADOPAULISTA (PRP), FUNDADO EM 1873 E FORMADO
BASICAMENTE POR REPRESENTANTES DOSBASICAMENTE POR REPRESENTANTES DOS
CAFEICULTORES DA PROVINCIA DE SÃO PAULO.CAFEICULTORES DA PROVINCIA DE SÃO PAULO.
NAS ÁREAS URBANAS A REPÚBLICA TINHANAS ÁREAS URBANAS A REPÚBLICA TINHA
APOIO DE PROFISSIONAIS LIBERAIS E DASAPOIO DE PROFISSIONAIS LIBERAIS E DAS
ALAS MAIS JOVENS DO EXÉRCITO, QUEALAS MAIS JOVENS DO EXÉRCITO, QUE
COMBATIAM A EXTREMA CENTRALIZAÇÃO DOCOMBATIAM A EXTREMA CENTRALIZAÇÃO DO
REGIME MONÁRQUICO.REGIME MONÁRQUICO.
HAVIA GRANDE DIVERGÊNCIAS ENTRE OSHAVIA GRANDE DIVERGÊNCIAS ENTRE OS
REPUBLICANOS.O GRUPO DOMINANTEREPUBLICANOS.O GRUPO DOMINANTE
LIDERADO PELO JORNALISTA QUINTINOLIDERADO PELO JORNALISTA QUINTINO
BOCAIUVA, PREGAVA QUE A PASSAGEMBOCAIUVA, PREGAVA QUE A PASSAGEM
MONARQUIA PARA REPÚBLICA DEVERIAMONARQUIA PARA REPÚBLICA DEVERIA
ACONTECER SEM AGITAÇÕES SOCIAIS, QUEACONTECER SEM AGITAÇÕES SOCIAIS, QUE
PODERIAM AMEAÇAR A ORDEMPODERIAM AMEAÇAR A ORDEM
ESTABELECIDA.ESTABELECIDA.
OUTROS, COMO O ADVOGADO SILVA JARDIMOUTROS, COMO O ADVOGADO SILVA JARDIM
CRITICAVAM AS PROPOSTAS CONSERVADORASCRITICAVAM AS PROPOSTAS CONSERVADORAS
DA MAIORIA DOS REPUBLICANOS E DEFENDIAMDA MAIORIA DOS REPUBLICANOS E DEFENDIAM
UMA AMPLA MOBILIZAÇÃO POPULAR PARAUMA AMPLA MOBILIZAÇÃO POPULAR PARA
DERRUBAR A MONARQUIA E INSTAURAR ADERRUBAR A MONARQUIA E INSTAURAR A
REPÚBLICA.REPÚBLICA.
A SAÚDE DOA SAÚDE DO
IMPERADORIMPERADOR
OS DESENTENDIMENTOS COM OSOS DESENTENDIMENTOS COM OS
MILITARES E A CRISE GERADA PELAMILITARES E A CRISE GERADA PELA
QUESTÃO ESCRAVISTA ERAM OSQUESTÃO ESCRAVISTA ERAM OS
ÚNICOS FATORES A DESGASTAR AÚNICOS FATORES A DESGASTAR A
IMAGEMS DA MONARQUIA.IMAGEMS DA MONARQUIA.
A SAÚDE DO IMPERADOR,A SAÚDE DO IMPERADOR,
DEBILITADO POR UMA DIABETEDEBILITADO POR UMA DIABETE
AVANÇADA, O OBRIGAVA AAVANÇADA, O OBRIGAVA A
AFASTAR-SE DOS ASSUNTOSAFASTAR-SE DOS ASSUNTOS
POLÍTICOS.POLÍTICOS.
CASO D.PEDRO II MORRESSE,CASO D.PEDRO II MORRESSE,
HERDARIA O TRONO A PRINCESAHERDARIA O TRONO A PRINCESA
ISABEL, CASADA COM O CONDE D”EU,ISABEL, CASADA COM O CONDE D”EU,
UM FRANCÊS MUITO CRITICADO PELOSUM FRANCÊS MUITO CRITICADO PELOS
REPUBLICANOS.REPUBLICANOS.
A QUESTÃO MILITARA QUESTÃO MILITAR
DURANTE O GOVERNO DE D.PEDRO II, ODURANTE O GOVERNO DE D.PEDRO II, O
EXÉRCITO OCUPOU UMA POSIÇÃO MARGINALEXÉRCITO OCUPOU UMA POSIÇÃO MARGINAL
NA POLÍTICA BRASILEIRA.OS BAIXOS SOLDOS,NA POLÍTICA BRASILEIRA.OS BAIXOS SOLDOS,
A RIGÍDA DISCIPLINA DA CORPORAÇÃO E AA RIGÍDA DISCIPLINA DA CORPORAÇÃO E A
LENTIDÃO NAS PROMOÇÕESLENTIDÃO NAS PROMOÇÕES
DESENCORAJAVAM OS FILHOS DAS ELITES ADESENCORAJAVAM OS FILHOS DAS ELITES A
SEGUIR A CARREIRA MILITAR.SEGUIR A CARREIRA MILITAR.
APÓS A GUERRA DO PARAGUAI (1864APÓS A GUERRA DO PARAGUAI (1864
-1870), O EXÉRCITO SAIU FORTALECIDO-1870), O EXÉRCITO SAIU FORTALECIDO
COM A CORPORAÇÃO.COM A CORPORAÇÃO.
VITORIOSOS NO CONFLITO MUITOS OFICIAISVITORIOSOS NO CONFLITO MUITOS OFICIAIS
QUERIAM DESEMPENHAR UM PAPEL CENTRALQUERIAM DESEMPENHAR UM PAPEL CENTRAL
NA VIDA POLÍTICA. ALÉM DO DE DEFENSORNA VIDA POLÍTICA. ALÉM DO DE DEFENSOR
DAS INSTITUIÇÕES E DA SOBERANIADAS INSTITUIÇÕES E DA SOBERANIA
NACIONAL, ATRIBUIÇÕES IMPOSTAS PELANACIONAL, ATRIBUIÇÕES IMPOSTAS PELA
CONSTITUIÇÃO.CONSTITUIÇÃO.
OS CONSTANTES ENFRENTAMENTOS DESSEOS CONSTANTES ENFRENTAMENTOS DESSE
PERÍODO DESGASTARAM A RELAÇÃO ENTRE OPERÍODO DESGASTARAM A RELAÇÃO ENTRE O
EXERCÍTO E O GOVERNO E ENFRAQUECERAMEXERCÍTO E O GOVERNO E ENFRAQUECERAM
A MONARQUIA. A CADA DIA FICAVA MAISA MONARQUIA. A CADA DIA FICAVA MAIS
EVIDENTE O PROJETO DOS MILITARES DEEVIDENTE O PROJETO DOS MILITARES DE
ASSUMIR UM NOVO PAPEL NA CENA POLÍTICAASSUMIR UM NOVO PAPEL NA CENA POLÍTICA
DO BRASIL.DO BRASIL.
O GOLPE DE 15 DEO GOLPE DE 15 DE
NOVEMBRONOVEMBRO
NA MANHÃ DO DIA 15 DE NOVEMBRO DE 1989,NA MANHÃ DO DIA 15 DE NOVEMBRO DE 1989,
DEODORO DA FONSECA MARCHOU COM ASDEODORO DA FONSECA MARCHOU COM AS
TROPAS PARA O MINISTÉRIO DA GUERRA, ONDETROPAS PARA O MINISTÉRIO DA GUERRA, ONDE
SE ENCONTRAVA O PRIMEIRO MINISTRO DOSE ENCONTRAVA O PRIMEIRO MINISTRO DO
GOVERNO DE D.PEDRO II, O VICONDE DE OUROGOVERNO DE D.PEDRO II, O VICONDE DE OURO
PRETO.PRETO.
SOB PRESSÃO DOS MILITARES, OSOB PRESSÃO DOS MILITARES, O
GOVERNO MONÁRQUICOGOVERNO MONÁRQUICO
RENUNCIOU.RENUNCIOU.
O DIA 15 DE NOVEMBRO ENTÃO RESULTOUO DIA 15 DE NOVEMBRO ENTÃO RESULTOU
DE UMA AÇÃO QUASE ISOLADA DODE UMA AÇÃO QUASE ISOLADA DO
EXÉRCITO, APOIADA POR UM PEQUENOEXÉRCITO, APOIADA POR UM PEQUENO
GRUPO DE REPUBLICANOS CIVIS.GRUPO DE REPUBLICANOS CIVIS.
PARA A IMENSA MAIORIA DAPARA A IMENSA MAIORIA DA
POPULAÇÃO, ALHEIA AOS DEBATESPOPULAÇÃO, ALHEIA AOS DEBATES
POLÍTICOS, A REPÚBLICA FOI UMAPOLÍTICOS, A REPÚBLICA FOI UMA
GRANDE SURPRESA.GRANDE SURPRESA.
COM A QUEDA DA MONARQUIA EMCOM A QUEDA DA MONARQUIA EM
MENOS DE 48 HORAS A FAMÍLIA REALMENOS DE 48 HORAS A FAMÍLIA REAL
DEIXAVA O TERRITÓRIO NACIONAL ADEIXAVA O TERRITÓRIO NACIONAL A
BORDO DE UM NAVIO, EM DIREÇÃO ABORDO DE UM NAVIO, EM DIREÇÃO A
LISBOALISBOA

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Aproclamaodarepublicanobrasil 100507083511-phpapp01

Golpe de 1964 ppt
Golpe de 1964 pptGolpe de 1964 ppt
Golpe de 1964 ppt
Eraldo Fonseca
 
A república café com leite
A república café com leiteA república café com leite
A república café com leite
Isaquel Silva
 
Regime militar2
Regime militar2Regime militar2
Regime militar2
Bruno E Geyse Ornelas
 
República Velha
República VelhaRepública Velha
República Velha
Aulas de História
 
Oficinas saida de emergencia
Oficinas   saida de emergenciaOficinas   saida de emergencia
Oficinas saida de emergencia
Daniele Rubim
 
Seminário sobre Publicidade e Cidadania
Seminário sobre Publicidade e CidadaniaSeminário sobre Publicidade e Cidadania
Seminário sobre Publicidade e Cidadania
Vinicius Moreira
 
Lutas por direito. bfc setembro
Lutas por direito. bfc setembroLutas por direito. bfc setembro
Lutas por direito. bfc setembro
Ste Escola Bernardino
 
Crise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da repúblicaCrise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da república
Rodrigo Luiz
 
cuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosacuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosa
Joaquim Wilmar
 
Era Vargas (Estado Novo)
Era Vargas (Estado Novo)Era Vargas (Estado Novo)
Era Vargas (Estado Novo)
Luma Gabriella
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
dmflores21
 
Charles Kecskeméti
Charles KecskemétiCharles Kecskeméti
Charles Kecskeméti
Eduardo da Silva
 
Legalidade em quadrinhos
Legalidade em quadrinhosLegalidade em quadrinhos
Legalidade em quadrinhos
Governo do Estado do Rio Grande do Sul
 
Marketing trends março 2017
Marketing trends março 2017Marketing trends março 2017
Marketing trends março 2017
Celso Kretly Bove
 
Primeira república e crise dos anos 20
Primeira república e crise dos anos 20Primeira república e crise dos anos 20
Primeira república e crise dos anos 20
Murilo Cisalpino
 
BRASIL 05 - ERA VARGAS
BRASIL 05 - ERA VARGASBRASIL 05 - ERA VARGAS
BRASIL 05 - ERA VARGAS
Diego Bian Filo Moreira
 
Rolezinhos - Conceito e Precedentes
Rolezinhos - Conceito e PrecedentesRolezinhos - Conceito e Precedentes
Rolezinhos - Conceito e Precedentes
Guilherme Lemos
 
Governos Sarney e Collor
Governos Sarney e CollorGovernos Sarney e Collor
Governos Sarney e Collor
Marcos Mamute
 
Brasil Republica
Brasil RepublicaBrasil Republica
Brasil Republica
Zeze Silva
 
Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01
Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01
Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01
Rariana Sousa
 

Semelhante a Aproclamaodarepublicanobrasil 100507083511-phpapp01 (20)

Golpe de 1964 ppt
Golpe de 1964 pptGolpe de 1964 ppt
Golpe de 1964 ppt
 
A república café com leite
A república café com leiteA república café com leite
A república café com leite
 
Regime militar2
Regime militar2Regime militar2
Regime militar2
 
República Velha
República VelhaRepública Velha
República Velha
 
Oficinas saida de emergencia
Oficinas   saida de emergenciaOficinas   saida de emergencia
Oficinas saida de emergencia
 
Seminário sobre Publicidade e Cidadania
Seminário sobre Publicidade e CidadaniaSeminário sobre Publicidade e Cidadania
Seminário sobre Publicidade e Cidadania
 
Lutas por direito. bfc setembro
Lutas por direito. bfc setembroLutas por direito. bfc setembro
Lutas por direito. bfc setembro
 
Crise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da repúblicaCrise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da república
 
cuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosacuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosa
 
Era Vargas (Estado Novo)
Era Vargas (Estado Novo)Era Vargas (Estado Novo)
Era Vargas (Estado Novo)
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
 
Charles Kecskeméti
Charles KecskemétiCharles Kecskeméti
Charles Kecskeméti
 
Legalidade em quadrinhos
Legalidade em quadrinhosLegalidade em quadrinhos
Legalidade em quadrinhos
 
Marketing trends março 2017
Marketing trends março 2017Marketing trends março 2017
Marketing trends março 2017
 
Primeira república e crise dos anos 20
Primeira república e crise dos anos 20Primeira república e crise dos anos 20
Primeira república e crise dos anos 20
 
BRASIL 05 - ERA VARGAS
BRASIL 05 - ERA VARGASBRASIL 05 - ERA VARGAS
BRASIL 05 - ERA VARGAS
 
Rolezinhos - Conceito e Precedentes
Rolezinhos - Conceito e PrecedentesRolezinhos - Conceito e Precedentes
Rolezinhos - Conceito e Precedentes
 
Governos Sarney e Collor
Governos Sarney e CollorGovernos Sarney e Collor
Governos Sarney e Collor
 
Brasil Republica
Brasil RepublicaBrasil Republica
Brasil Republica
 
Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01
Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01
Repvelhaatesuicidio 091210082146-phpapp01
 

Mais de Paola Prudente

Ensino fundamental 3º ano (word resumido)
Ensino fundamental 3º ano (word resumido)Ensino fundamental 3º ano (word resumido)
Ensino fundamental 3º ano (word resumido)
Paola Prudente
 
Family c1
Family c1Family c1
Family c1
Paola Prudente
 
Wbt ish class rules w clip art
Wbt ish class rules w clip artWbt ish class rules w clip art
Wbt ish class rules w clip art
Paola Prudente
 
kinght
 kinght  kinght
kinght
Paola Prudente
 
Projeto - Reciclagem de garrafa Pet
Projeto - Reciclagem de garrafa PetProjeto - Reciclagem de garrafa Pet
Projeto - Reciclagem de garrafa Pet
Paola Prudente
 
Reumatologia
Reumatologia Reumatologia
Reumatologia
Paola Prudente
 

Mais de Paola Prudente (6)

Ensino fundamental 3º ano (word resumido)
Ensino fundamental 3º ano (word resumido)Ensino fundamental 3º ano (word resumido)
Ensino fundamental 3º ano (word resumido)
 
Family c1
Family c1Family c1
Family c1
 
Wbt ish class rules w clip art
Wbt ish class rules w clip artWbt ish class rules w clip art
Wbt ish class rules w clip art
 
kinght
 kinght  kinght
kinght
 
Projeto - Reciclagem de garrafa Pet
Projeto - Reciclagem de garrafa PetProjeto - Reciclagem de garrafa Pet
Projeto - Reciclagem de garrafa Pet
 
Reumatologia
Reumatologia Reumatologia
Reumatologia
 

Último

EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 

Último (20)

RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 

Aproclamaodarepublicanobrasil 100507083511-phpapp01

  • 1. A PROCLAMAÇÃO DAA PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA NO BRASILREPÚBLICA NO BRASIL
  • 3. A FORMAÇÃO DE UMA RICA BURGUESIAA FORMAÇÃO DE UMA RICA BURGUESIA AGRÁRIA NO SUDESTE, E O PROJETOAGRÁRIA NO SUDESTE, E O PROJETO REPUBLICANO CONQUISTOU O APOIO DEREPUBLICANO CONQUISTOU O APOIO DE UM SETOR SOCIAL DE PESO NA POLÍTICAUM SETOR SOCIAL DE PESO NA POLÍTICA NACIONALNACIONAL
  • 4. OS CAFEICULTORES DO OESTEOS CAFEICULTORES DO OESTE PAULISTA PASSARAM A DEFENDER UMAPAULISTA PASSARAM A DEFENDER UMA NOVA ORGANIZAÇÃO POLÍTICA PARA ONOVA ORGANIZAÇÃO POLÍTICA PARA O BRASIL QUE ASSEGURASSE MAISBRASIL QUE ASSEGURASSE MAIS PODER AS PROVÍNCIAS.PODER AS PROVÍNCIAS.
  • 5. A DEFESA DE UM PODER MAIOR PARA ASA DEFESA DE UM PODER MAIOR PARA AS PROVINCIAS ERA O PONTO CENTRAL DOPROVINCIAS ERA O PONTO CENTRAL DO PROGRAMA DO PARTIDO REPUBLICANOPROGRAMA DO PARTIDO REPUBLICANO PAULISTA (PRP), FUNDADO EM 1873 E FORMADOPAULISTA (PRP), FUNDADO EM 1873 E FORMADO BASICAMENTE POR REPRESENTANTES DOSBASICAMENTE POR REPRESENTANTES DOS CAFEICULTORES DA PROVINCIA DE SÃO PAULO.CAFEICULTORES DA PROVINCIA DE SÃO PAULO.
  • 6. NAS ÁREAS URBANAS A REPÚBLICA TINHANAS ÁREAS URBANAS A REPÚBLICA TINHA APOIO DE PROFISSIONAIS LIBERAIS E DASAPOIO DE PROFISSIONAIS LIBERAIS E DAS ALAS MAIS JOVENS DO EXÉRCITO, QUEALAS MAIS JOVENS DO EXÉRCITO, QUE COMBATIAM A EXTREMA CENTRALIZAÇÃO DOCOMBATIAM A EXTREMA CENTRALIZAÇÃO DO REGIME MONÁRQUICO.REGIME MONÁRQUICO.
  • 7. HAVIA GRANDE DIVERGÊNCIAS ENTRE OSHAVIA GRANDE DIVERGÊNCIAS ENTRE OS REPUBLICANOS.O GRUPO DOMINANTEREPUBLICANOS.O GRUPO DOMINANTE LIDERADO PELO JORNALISTA QUINTINOLIDERADO PELO JORNALISTA QUINTINO BOCAIUVA, PREGAVA QUE A PASSAGEMBOCAIUVA, PREGAVA QUE A PASSAGEM MONARQUIA PARA REPÚBLICA DEVERIAMONARQUIA PARA REPÚBLICA DEVERIA ACONTECER SEM AGITAÇÕES SOCIAIS, QUEACONTECER SEM AGITAÇÕES SOCIAIS, QUE PODERIAM AMEAÇAR A ORDEMPODERIAM AMEAÇAR A ORDEM ESTABELECIDA.ESTABELECIDA.
  • 8. OUTROS, COMO O ADVOGADO SILVA JARDIMOUTROS, COMO O ADVOGADO SILVA JARDIM CRITICAVAM AS PROPOSTAS CONSERVADORASCRITICAVAM AS PROPOSTAS CONSERVADORAS DA MAIORIA DOS REPUBLICANOS E DEFENDIAMDA MAIORIA DOS REPUBLICANOS E DEFENDIAM UMA AMPLA MOBILIZAÇÃO POPULAR PARAUMA AMPLA MOBILIZAÇÃO POPULAR PARA DERRUBAR A MONARQUIA E INSTAURAR ADERRUBAR A MONARQUIA E INSTAURAR A REPÚBLICA.REPÚBLICA.
  • 9. A SAÚDE DOA SAÚDE DO IMPERADORIMPERADOR
  • 10. OS DESENTENDIMENTOS COM OSOS DESENTENDIMENTOS COM OS MILITARES E A CRISE GERADA PELAMILITARES E A CRISE GERADA PELA QUESTÃO ESCRAVISTA ERAM OSQUESTÃO ESCRAVISTA ERAM OS ÚNICOS FATORES A DESGASTAR AÚNICOS FATORES A DESGASTAR A IMAGEMS DA MONARQUIA.IMAGEMS DA MONARQUIA.
  • 11. A SAÚDE DO IMPERADOR,A SAÚDE DO IMPERADOR, DEBILITADO POR UMA DIABETEDEBILITADO POR UMA DIABETE AVANÇADA, O OBRIGAVA AAVANÇADA, O OBRIGAVA A AFASTAR-SE DOS ASSUNTOSAFASTAR-SE DOS ASSUNTOS POLÍTICOS.POLÍTICOS.
  • 12. CASO D.PEDRO II MORRESSE,CASO D.PEDRO II MORRESSE, HERDARIA O TRONO A PRINCESAHERDARIA O TRONO A PRINCESA ISABEL, CASADA COM O CONDE D”EU,ISABEL, CASADA COM O CONDE D”EU, UM FRANCÊS MUITO CRITICADO PELOSUM FRANCÊS MUITO CRITICADO PELOS REPUBLICANOS.REPUBLICANOS.
  • 13. A QUESTÃO MILITARA QUESTÃO MILITAR
  • 14. DURANTE O GOVERNO DE D.PEDRO II, ODURANTE O GOVERNO DE D.PEDRO II, O EXÉRCITO OCUPOU UMA POSIÇÃO MARGINALEXÉRCITO OCUPOU UMA POSIÇÃO MARGINAL NA POLÍTICA BRASILEIRA.OS BAIXOS SOLDOS,NA POLÍTICA BRASILEIRA.OS BAIXOS SOLDOS, A RIGÍDA DISCIPLINA DA CORPORAÇÃO E AA RIGÍDA DISCIPLINA DA CORPORAÇÃO E A LENTIDÃO NAS PROMOÇÕESLENTIDÃO NAS PROMOÇÕES DESENCORAJAVAM OS FILHOS DAS ELITES ADESENCORAJAVAM OS FILHOS DAS ELITES A SEGUIR A CARREIRA MILITAR.SEGUIR A CARREIRA MILITAR.
  • 15. APÓS A GUERRA DO PARAGUAI (1864APÓS A GUERRA DO PARAGUAI (1864 -1870), O EXÉRCITO SAIU FORTALECIDO-1870), O EXÉRCITO SAIU FORTALECIDO COM A CORPORAÇÃO.COM A CORPORAÇÃO.
  • 16. VITORIOSOS NO CONFLITO MUITOS OFICIAISVITORIOSOS NO CONFLITO MUITOS OFICIAIS QUERIAM DESEMPENHAR UM PAPEL CENTRALQUERIAM DESEMPENHAR UM PAPEL CENTRAL NA VIDA POLÍTICA. ALÉM DO DE DEFENSORNA VIDA POLÍTICA. ALÉM DO DE DEFENSOR DAS INSTITUIÇÕES E DA SOBERANIADAS INSTITUIÇÕES E DA SOBERANIA NACIONAL, ATRIBUIÇÕES IMPOSTAS PELANACIONAL, ATRIBUIÇÕES IMPOSTAS PELA CONSTITUIÇÃO.CONSTITUIÇÃO.
  • 17. OS CONSTANTES ENFRENTAMENTOS DESSEOS CONSTANTES ENFRENTAMENTOS DESSE PERÍODO DESGASTARAM A RELAÇÃO ENTRE OPERÍODO DESGASTARAM A RELAÇÃO ENTRE O EXERCÍTO E O GOVERNO E ENFRAQUECERAMEXERCÍTO E O GOVERNO E ENFRAQUECERAM A MONARQUIA. A CADA DIA FICAVA MAISA MONARQUIA. A CADA DIA FICAVA MAIS EVIDENTE O PROJETO DOS MILITARES DEEVIDENTE O PROJETO DOS MILITARES DE ASSUMIR UM NOVO PAPEL NA CENA POLÍTICAASSUMIR UM NOVO PAPEL NA CENA POLÍTICA DO BRASIL.DO BRASIL.
  • 18. O GOLPE DE 15 DEO GOLPE DE 15 DE NOVEMBRONOVEMBRO
  • 19. NA MANHÃ DO DIA 15 DE NOVEMBRO DE 1989,NA MANHÃ DO DIA 15 DE NOVEMBRO DE 1989, DEODORO DA FONSECA MARCHOU COM ASDEODORO DA FONSECA MARCHOU COM AS TROPAS PARA O MINISTÉRIO DA GUERRA, ONDETROPAS PARA O MINISTÉRIO DA GUERRA, ONDE SE ENCONTRAVA O PRIMEIRO MINISTRO DOSE ENCONTRAVA O PRIMEIRO MINISTRO DO GOVERNO DE D.PEDRO II, O VICONDE DE OUROGOVERNO DE D.PEDRO II, O VICONDE DE OURO PRETO.PRETO.
  • 20. SOB PRESSÃO DOS MILITARES, OSOB PRESSÃO DOS MILITARES, O GOVERNO MONÁRQUICOGOVERNO MONÁRQUICO RENUNCIOU.RENUNCIOU.
  • 21. O DIA 15 DE NOVEMBRO ENTÃO RESULTOUO DIA 15 DE NOVEMBRO ENTÃO RESULTOU DE UMA AÇÃO QUASE ISOLADA DODE UMA AÇÃO QUASE ISOLADA DO EXÉRCITO, APOIADA POR UM PEQUENOEXÉRCITO, APOIADA POR UM PEQUENO GRUPO DE REPUBLICANOS CIVIS.GRUPO DE REPUBLICANOS CIVIS.
  • 22. PARA A IMENSA MAIORIA DAPARA A IMENSA MAIORIA DA POPULAÇÃO, ALHEIA AOS DEBATESPOPULAÇÃO, ALHEIA AOS DEBATES POLÍTICOS, A REPÚBLICA FOI UMAPOLÍTICOS, A REPÚBLICA FOI UMA GRANDE SURPRESA.GRANDE SURPRESA.
  • 23. COM A QUEDA DA MONARQUIA EMCOM A QUEDA DA MONARQUIA EM MENOS DE 48 HORAS A FAMÍLIA REALMENOS DE 48 HORAS A FAMÍLIA REAL DEIXAVA O TERRITÓRIO NACIONAL ADEIXAVA O TERRITÓRIO NACIONAL A BORDO DE UM NAVIO, EM DIREÇÃO ABORDO DE UM NAVIO, EM DIREÇÃO A LISBOALISBOA