SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 50
ADEQUAÇÃO AMBIENTAL DEADEQUAÇÃO AMBIENTAL DE
BACIA HIDROGRÁFICA -BACIA HIDROGRÁFICA -
MODELO COLATINAMODELO COLATINA
ENFOQUE EM RECURSOSENFOQUE EM RECURSOS
HÍDRICOSHÍDRICOS
1)1) HistóricoHistórico
• Seca de 2008Seca de 2008
31
• Criação da Comissão MunicipalCriação da Comissão Municipal
Interinstitucional (PMC/SEMDER,Interinstitucional (PMC/SEMDER,
INCAPER, IDAF, IEMA, SANEAR,INCAPER, IDAF, IEMA, SANEAR,
Polícia Ambiental, IFES- Itapina) –Polícia Ambiental, IFES- Itapina) –
Coordenada pelo MPES.Coordenada pelo MPES.
• Elaboração do TAC (São João Pequeno,Elaboração do TAC (São João Pequeno,
Baunilha e Graça Aranha)Baunilha e Graça Aranha)
REUNIÕES - TAC
REUNIÕES - TAC
Outorga ColetivaOutorga Coletiva
(IEMA/SEMDER/INCAPER)(IEMA/SEMDER/INCAPER)
Criação do Programa Municipal de Convivência com aCriação do Programa Municipal de Convivência com a
Seca (Barragens de terra, Abertura de caixas secas)Seca (Barragens de terra, Abertura de caixas secas)
2)2) EtapasEtapas
• Reuniões de conscientização com os produtoresReuniões de conscientização com os produtores
– Descrição da realidade (falta d’agua, aspersão, turno deDescrição da realidade (falta d’agua, aspersão, turno de
rega, etc)rega, etc)
– Construção de um cenário futuroConstrução de um cenário futuro
• Formação de parceriasFormação de parcerias
– Município x Produtor (50%)Município x Produtor (50%)
– MPES: Apoio institucional, aporte financeiro (R$ 30.000,00)MPES: Apoio institucional, aporte financeiro (R$ 30.000,00)
– IDAF, IEMA, Polícia Ambiental: Apoio técnico e fiscalizaçãoIDAF, IEMA, Polícia Ambiental: Apoio técnico e fiscalização
• Execução do ProgramaExecução do Programa
– Locação de serviços de máquinas (abertura de caixasLocação de serviços de máquinas (abertura de caixas
secas)secas)
– Máquinas da PMC (manutenção das caixas secas eMáquinas da PMC (manutenção das caixas secas e
costrução de barragens de terra)costrução de barragens de terra)
– Monitoramento técnico dos serviços (SEMDER, INCAPER)Monitoramento técnico dos serviços (SEMDER, INCAPER)
3)3) ResultadosResultados
1.1. Investimentos financeiros (2009 – 2011)Investimentos financeiros (2009 – 2011)
– PMC: contratadaPMC: contratada R$ 300.000,00R$ 300.000,00
maquinário própriomaquinário próprio R$ 170.000,00R$ 170.000,00
– Produtor:Produtor: R$ 300.000,00R$ 300.000,00
– MPES:MPES: R$ 30.000,00R$ 30.000,00
TOTALTOTAL R$ 800.000,00R$ 800.000,00
2.2. Número de Produtores atendidos em 3 Sub-baciasNúmero de Produtores atendidos em 3 Sub-bacias
(2009 – 2011)(2009 – 2011)
– S. J. Pequeno:S. J. Pequeno: 126126
– Baunilha:Baunilha: 6868
– Graça Aranha:Graça Aranha: 3636
TOTALTOTAL 230230
3.3. Número de caixas secas abertas (2009-2011)Número de caixas secas abertas (2009-2011)
– São João Pequeno:São João Pequeno: 3.7693.769
– Baunilha:Baunilha: 1.9051.905
– Graça Aranha:Graça Aranha: 726726
TOTALTOTAL 6.4006.400
4.4. Quantidade de carreadores e estradasQuantidade de carreadores e estradas
recuperadas (2009-2011)recuperadas (2009-2011)
trecho médio recuperado: 28 metrostrecho médio recuperado: 28 metros
– São João Pequeno:São João Pequeno: 105 km105 km
– Baunilha:Baunilha: 57 km57 km
– Graça Aranha:Graça Aranha: 20 km20 km
TOTALTOTAL 182 km182 km
5. Número de Barragens construídas5. Número de Barragens construídas
(2009-2011)(2009-2011)
– São João Pequeno:São João Pequeno: 1515
– São Pedrinho:São Pedrinho: 22
– Baunilha:Baunilha: 11
TOTALTOTAL 1818
6. Quantidade de sedimento interceptado6. Quantidade de sedimento interceptado
(m³) (2009-2011) (25%) – caixa seca(m³) (2009-2011) (25%) – caixa seca
19.200 m³ x 3(manutenções): 57.600 m³ =19.200 m³ x 3(manutenções): 57.600 m³ =
14.400 caçambas14.400 caçambas
7.7. Quantidade de água armazenada superficialmente eQuantidade de água armazenada superficialmente e
infiltrada no solo.infiltrada no solo.
Volume médio de caixa seca (m³): 12 x 6.400 x 6(rep.) =Volume médio de caixa seca (m³): 12 x 6.400 x 6(rep.) =
460.800 m³460.800 m³
Volume médio de cada barragem (m³): 12.500 x 18Volume médio de cada barragem (m³): 12.500 x 18
225.000 m³225.000 m³
Pluviometria média/ano: 1000mmPluviometria média/ano: 1000mm
Vol.médio acumulado (litros): 171.450.000,00Vol.médio acumulado (litros): 171.450.000,00 (50%)(50%)
Espaçamento (2 x 1,8): 2.778 pl/haEspaçamento (2 x 1,8): 2.778 pl/ha
Evapotranspiração (litros/dia): 5 (café) = 13.890 lts/haEvapotranspiração (litros/dia): 5 (café) = 13.890 lts/ha
Área irrigada de lavoura (ha):12.300 ha/ano ,Área irrigada de lavoura (ha):12.300 ha/ano ,
410 ha/mês410 ha/mês
B
A
R
R
A
G
E
N
S
S.
J.
P
E
Q
U
E
N
O
Sub. Bacia Baunilha
Córregos
Produtores
Atendidos
N° de Cx.
Guararema 4 35
Olho D'água 2 31
Bom Jesus 15 333
Espanhol 1 149
Seguro 3 355
Cacho. de
Baunilha
1 15
Santinho 4 132
Pov. de Baunilha 9 261
Auto Baunilha 5 93
Total 49 1599
Sub. Bacia Graça Aranha
Córregos
Produtores
Atendidos
N° de
Cx.
Stª Catarina 16 429
Inveja 3 105
Graça Aranha 3 30
Total 36 726
Sub. Bacia São João Pequeno
Córregos
Produtores
Atendidos
N° de Cx.
Jequitibá 20 444
Chapéu 8 193
São J. Pequeno 34 856
Santo Antonio 4 101
Monte Alverne 21 584
Monte Belo 15 636
Sete Volta 3 41
Germaninho 4 120
Prucoli 2 139
Marolina 8 140
Boa Vista (Balaio) 3 55
Santana 3 46
São Salvador 3 65
Farinha Seca 4 112
Ponte do Pancas 2 87
15 de Outubro 4 21
Barra S. J. Peq. 1 11
Almoço 8 60
Total 126 3769
Apresentação Daniel Araújo - Barraginhas e caixa seca - Modelo Colatina ES

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apa
Apresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apaApresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apa
Apresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apaFelipe Pinheiro
 
Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...
Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...
Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...Agência Peixe Vivo
 
Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...
Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...
Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...Palácio do Planalto
 
Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...
Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...
Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...SerieDialogos
 
Simpósio Agua Sustentável para Alto Paraíso
Simpósio Agua Sustentável para Alto ParaísoSimpósio Agua Sustentável para Alto Paraíso
Simpósio Agua Sustentável para Alto ParaísoFluxus Design Ecológico
 
Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito
Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito
Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito CBH Rio das Velhas
 
4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_bituruna
4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_bituruna4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_bituruna
4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_biturunaLorena Correia
 
Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09
Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09
Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09Agência Peixe Vivo
 
A sociedade na luta pelas águas: Gandarela - Maria Tereza Corujo
A sociedade na luta pelas águas: Gandarela -  Maria Tereza Corujo A sociedade na luta pelas águas: Gandarela -  Maria Tereza Corujo
A sociedade na luta pelas águas: Gandarela - Maria Tereza Corujo CBH Rio das Velhas
 
Apresentação ciclo de vida lc
Apresentação ciclo de vida lcApresentação ciclo de vida lc
Apresentação ciclo de vida lcJulio Rodrigues
 
Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...
Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...
Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...Mariana Klafke
 
Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...
Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...
Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...Gabriella Ribeiro
 
Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...
Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...
Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...FecomercioSP
 
Cobrança de água em 2011
Cobrança de água em 2011Cobrança de água em 2011
Cobrança de água em 2011robertobalbino
 

Mais procurados (20)

Apresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apa
Apresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apaApresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apa
Apresentação Manejo de Água em Noronha - conselho apa
 
Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...
Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...
Apresentação da AGB Peixe Vivo sobre a Carta de Petrolina na Plenária do CBH ...
 
Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...
Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...
Apresentação - Ministério da Integração - 17ª Reunião Ordinária do Conselho D...
 
Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...
Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...
Solução Compartilhada para Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos em municípios d...
 
Copasa
CopasaCopasa
Copasa
 
PES COURSE - RECIFE (Water conservation project / PAULO PEREIRA)
PES COURSE - RECIFE (Water conservation project / PAULO PEREIRA)PES COURSE - RECIFE (Water conservation project / PAULO PEREIRA)
PES COURSE - RECIFE (Water conservation project / PAULO PEREIRA)
 
Simpósio Agua Sustentável para Alto Paraíso
Simpósio Agua Sustentável para Alto ParaísoSimpósio Agua Sustentável para Alto Paraíso
Simpósio Agua Sustentável para Alto Paraíso
 
Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito
Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito
Pacto para solucao do conflito pelo uso da agua na bacia do ribeiro bonito
 
4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_bituruna
4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_bituruna4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_bituruna
4 leticia apresent_2_tibagi_seminario_bituruna
 
Apresentação AQUA
Apresentação AQUAApresentação AQUA
Apresentação AQUA
 
Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09
Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09
Termo De ReferêNcia Agb Peixe Vivo 09 09
 
Saneamento Integrado
Saneamento IntegradoSaneamento Integrado
Saneamento Integrado
 
A sociedade na luta pelas águas: Gandarela - Maria Tereza Corujo
A sociedade na luta pelas águas: Gandarela -  Maria Tereza Corujo A sociedade na luta pelas águas: Gandarela -  Maria Tereza Corujo
A sociedade na luta pelas águas: Gandarela - Maria Tereza Corujo
 
Apresentação ciclo de vida lc
Apresentação ciclo de vida lcApresentação ciclo de vida lc
Apresentação ciclo de vida lc
 
Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...
Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...
Audiência pública sobre as compensações ambientais das obras de quadruplicaçã...
 
Oficio Arrudas e Onça
Oficio Arrudas e OnçaOficio Arrudas e Onça
Oficio Arrudas e Onça
 
Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...
Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...
Variações na Composição Isotópica da Precipitação e nas Águas Subterrâneas em...
 
Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...
Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...
Fórum Aquecimento Global - Soluções Viáveis, 17/08/2009 - Apresentação de Edu...
 
Cobrança de água em 2011
Cobrança de água em 2011Cobrança de água em 2011
Cobrança de água em 2011
 
David Alves (ERSAR)
David Alves (ERSAR)David Alves (ERSAR)
David Alves (ERSAR)
 

Destaque

Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...
Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...
Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...Fábio Fernandes
 
Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...
Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...
Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...Eugênio Viana
 
Projecto construcao de represa
Projecto construcao de represaProjecto construcao de represa
Projecto construcao de represaSamito Naife
 

Destaque (7)

Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015
Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015
Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015
 
Apresentação IGAM - CTGEC CBH-DOCE - Reunião 20/03/2015
Apresentação IGAM - CTGEC CBH-DOCE - Reunião 20/03/2015Apresentação IGAM - CTGEC CBH-DOCE - Reunião 20/03/2015
Apresentação IGAM - CTGEC CBH-DOCE - Reunião 20/03/2015
 
Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Plano Emergencial d...
Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Plano Emergencial d...Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Plano Emergencial d...
Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Plano Emergencial d...
 
Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...
Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...
Declaração da Empresa Distribuidora Brazmac Ltda., de Cabedelo-PB sobre o lei...
 
Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...
Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...
Dimensionamento de açude e sistema de bombeamento de um poço artesiano para i...
 
Projecto construcao de represa
Projecto construcao de represaProjecto construcao de represa
Projecto construcao de represa
 
3 Barragens1
3 Barragens13 Barragens1
3 Barragens1
 

Semelhante a Apresentação Daniel Araújo - Barraginhas e caixa seca - Modelo Colatina ES

Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...
Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...
Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...FecomercioSP
 
Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...
Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...
Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...FecomercioSP
 
Apresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BH
Apresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BHApresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BH
Apresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BHAgência Peixe Vivo
 
Curso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao Luz
Curso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao LuzCurso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao Luz
Curso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao LuzFluxus Design Ecológico
 
Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani
Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani
Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani Instituto-5elementos
 
Cobran cobrança pelo uso da a pelo uso da água
Cobran cobrança pelo uso da a pelo uso da águaCobran cobrança pelo uso da a pelo uso da água
Cobran cobrança pelo uso da a pelo uso da águaJupira Silva
 
A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...
A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...
A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...Humanidade2012
 
Apresentação recife energia
Apresentação recife energiaApresentação recife energia
Apresentação recife energiaconfidencial
 
Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)
Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)
Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)PET Ecologia
 
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbaciasMinicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbaciasequipeagroplus
 
Tubiacanga - Proposta de Intervenção Ambiental
Tubiacanga - Proposta de Intervenção AmbientalTubiacanga - Proposta de Intervenção Ambiental
Tubiacanga - Proposta de Intervenção AmbientalRicardo Silvestre
 
Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...
Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...
Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...Amar Jardim Oceânico
 
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SCsamaerne
 
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SCclaudinor
 
João giovanni vilela alves de oliveira
João giovanni vilela alves de oliveira João giovanni vilela alves de oliveira
João giovanni vilela alves de oliveira historiaf123
 
Marielene Ramos Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidos
Marielene Ramos   Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidosMarielene Ramos   Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidos
Marielene Ramos Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidosFórum de Desenvolvimento do Rio
 
Matos palestra lodo
Matos palestra lodoMatos palestra lodo
Matos palestra lodoPET. EAA
 

Semelhante a Apresentação Daniel Araújo - Barraginhas e caixa seca - Modelo Colatina ES (20)

Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...
Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...
Seminário Resíduos Sólidos: a situação brasileira e as oportunidades, 16/06/2...
 
Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...
Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...
Resíduos sólidos: os projetos de gestão das cidades-sede, 16/04/2012 - Aprese...
 
Apresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BH
Apresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BHApresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BH
Apresentação AGB Peixe Vivo - Plenária CBH Rio São Francisco - 4 e 5 jul - BH
 
HUBER - RIO+20 rev 3
HUBER - RIO+20 rev 3HUBER - RIO+20 rev 3
HUBER - RIO+20 rev 3
 
Curso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao Luz
Curso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao LuzCurso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao Luz
Curso basico de formacao em manejo integrado de agua - Estacao Luz
 
Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani
Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani
Os Pleitos da Plataforma - Márcio Stanziani
 
Cobran cobrança pelo uso da a pelo uso da água
Cobran cobrança pelo uso da a pelo uso da águaCobran cobrança pelo uso da a pelo uso da água
Cobran cobrança pelo uso da a pelo uso da água
 
A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...
A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...
A Gestão Sustentável de Resíduos na Cidade do Rio de Janeiro - José Henrique ...
 
Apresentação recife energia
Apresentação recife energiaApresentação recife energia
Apresentação recife energia
 
Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)
Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)
Apresentação Aurélio Padovezi (TNC)
 
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbaciasMinicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
Minicurso_Noções básicas de revitalização de microbacias
 
Tubiacanga - Proposta de Intervenção Ambiental
Tubiacanga - Proposta de Intervenção AmbientalTubiacanga - Proposta de Intervenção Ambiental
Tubiacanga - Proposta de Intervenção Ambiental
 
Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...
Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...
Projeto de Recuperação Ambiental das Lagoas da Barra - Apresentação Grd. - Su...
 
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BASICO DE RIO NEGRINHO - SC
 
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SCPLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
PLANO DE SANEAMENTO BÁSICO DE RIO NEGRINHO - SC
 
Projeto 17 Ppt
Projeto 17 PptProjeto 17 Ppt
Projeto 17 Ppt
 
João giovanni vilela alves de oliveira
João giovanni vilela alves de oliveira João giovanni vilela alves de oliveira
João giovanni vilela alves de oliveira
 
Marielene Ramos Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidos
Marielene Ramos   Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidosMarielene Ramos   Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidos
Marielene Ramos Politica Estadual De DestinaçãO De ResíDuos SóLidos
 
Matos palestra lodo
Matos palestra lodoMatos palestra lodo
Matos palestra lodo
 
PES COURSE - PORTO SEGURO & RECIFE (Water producers from the state of Espírit...
PES COURSE - PORTO SEGURO & RECIFE (Water producers from the state of Espírit...PES COURSE - PORTO SEGURO & RECIFE (Water producers from the state of Espírit...
PES COURSE - PORTO SEGURO & RECIFE (Water producers from the state of Espírit...
 

Mais de Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Doce - CBH-Doce

Mais de Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Doce - CBH-Doce (20)

Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015
Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015
Ofício Circular n°11/2015/ANA - PRODES 2015
 
Apresentação GT P.22 e P.52 - CBH Suaçuí 14 05 2015
Apresentação GT P.22 e P.52 - CBH Suaçuí 14 05 2015Apresentação GT P.22 e P.52 - CBH Suaçuí 14 05 2015
Apresentação GT P.22 e P.52 - CBH Suaçuí 14 05 2015
 
Publicacao pacuera pch_fortuna_ii
Publicacao pacuera pch_fortuna_iiPublicacao pacuera pch_fortuna_ii
Publicacao pacuera pch_fortuna_ii
 
Bma gen pcaexe_for_pac_01_rev03
Bma gen pcaexe_for_pac_01_rev03Bma gen pcaexe_for_pac_01_rev03
Bma gen pcaexe_for_pac_01_rev03
 
Apresentação Lúcio IBIO AGB Doce - Dn 46/2014 - CERH- Diárias de viagem
Apresentação Lúcio IBIO AGB Doce - Dn 46/2014 - CERH- Diárias de viagemApresentação Lúcio IBIO AGB Doce - Dn 46/2014 - CERH- Diárias de viagem
Apresentação Lúcio IBIO AGB Doce - Dn 46/2014 - CERH- Diárias de viagem
 
Apresentação CPRM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...
Apresentação CPRM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...Apresentação CPRM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...
Apresentação CPRM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...
 
Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...
Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...
Apresentação IGAM - 23ª Reunião Extraordinária CBH Doce - Estiagem Bacia do R...
 
18_03 - tarde - Mesa 4\3_Rossini Matos Sena - ANA
18_03 - tarde - Mesa 4\3_Rossini Matos Sena - ANA18_03 - tarde - Mesa 4\3_Rossini Matos Sena - ANA
18_03 - tarde - Mesa 4\3_Rossini Matos Sena - ANA
 
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
18_03 - tarde - Mesa 4\2_Geraldo Silvio de Oliveira -DMAE- Uberlândia
 
18_03 - tarde - Mesa 4\1_Domingos José D’Amico
18_03 - tarde - Mesa 4\1_Domingos José D’Amico18_03 - tarde - Mesa 4\1_Domingos José D’Amico
18_03 - tarde - Mesa 4\1_Domingos José D’Amico
 
18/03 - manhã - Mesa 3\6_Suelena Carneiro Jayme
18/03 - manhã - Mesa 3\6_Suelena Carneiro Jayme18/03 - manhã - Mesa 3\6_Suelena Carneiro Jayme
18/03 - manhã - Mesa 3\6_Suelena Carneiro Jayme
 
Abc 17.03.2015
Abc   17.03.2015Abc   17.03.2015
Abc 17.03.2015
 
18_03 - manhã - Mesa 3\4_Ana Maria R. Borro Macedo
18_03 - manhã - Mesa 3\4_Ana Maria R. Borro Macedo18_03 - manhã - Mesa 3\4_Ana Maria R. Borro Macedo
18_03 - manhã - Mesa 3\4_Ana Maria R. Borro Macedo
 
Seminário ana 18mar15 tnc
Seminário ana 18mar15   tncSeminário ana 18mar15   tnc
Seminário ana 18mar15 tnc
 
18_03 - manhã - Mesa 3\1_Carolina Ximenes de Macedo
18_03 - manhã - Mesa 3\1_Carolina Ximenes de Macedo18_03 - manhã - Mesa 3\1_Carolina Ximenes de Macedo
18_03 - manhã - Mesa 3\1_Carolina Ximenes de Macedo
 
17/03 - Tarde - Mesa 2- Rinaldo de Oliveira Calheiros
17/03 - Tarde - Mesa 2- Rinaldo de Oliveira Calheiros17/03 - Tarde - Mesa 2- Rinaldo de Oliveira Calheiros
17/03 - Tarde - Mesa 2- Rinaldo de Oliveira Calheiros
 
17/03 - tarde-Mesa 2 - Eileen Acosta
17/03 - tarde-Mesa 2 - Eileen Acosta17/03 - tarde-Mesa 2 - Eileen Acosta
17/03 - tarde-Mesa 2 - Eileen Acosta
 
17/03 - Tarde - Mesa 2 - Jorge Enoch Furquim W. Lima
17/03 - Tarde - Mesa 2 - Jorge Enoch Furquim W. Lima17/03 - Tarde - Mesa 2 - Jorge Enoch Furquim W. Lima
17/03 - Tarde - Mesa 2 - Jorge Enoch Furquim W. Lima
 
17/03 - tarde_Mesa 2 - Marx Leandro Naves
17/03 - tarde_Mesa 2 - Marx Leandro Naves17/03 - tarde_Mesa 2 - Marx Leandro Naves
17/03 - tarde_Mesa 2 - Marx Leandro Naves
 
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
 

Apresentação Daniel Araújo - Barraginhas e caixa seca - Modelo Colatina ES

  • 1.
  • 2. ADEQUAÇÃO AMBIENTAL DEADEQUAÇÃO AMBIENTAL DE BACIA HIDROGRÁFICA -BACIA HIDROGRÁFICA - MODELO COLATINAMODELO COLATINA ENFOQUE EM RECURSOSENFOQUE EM RECURSOS HÍDRICOSHÍDRICOS
  • 4. 31
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10. • Criação da Comissão MunicipalCriação da Comissão Municipal Interinstitucional (PMC/SEMDER,Interinstitucional (PMC/SEMDER, INCAPER, IDAF, IEMA, SANEAR,INCAPER, IDAF, IEMA, SANEAR, Polícia Ambiental, IFES- Itapina) –Polícia Ambiental, IFES- Itapina) – Coordenada pelo MPES.Coordenada pelo MPES.
  • 11. • Elaboração do TAC (São João Pequeno,Elaboração do TAC (São João Pequeno, Baunilha e Graça Aranha)Baunilha e Graça Aranha)
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20. Criação do Programa Municipal de Convivência com aCriação do Programa Municipal de Convivência com a Seca (Barragens de terra, Abertura de caixas secas)Seca (Barragens de terra, Abertura de caixas secas)
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 31.
  • 32.
  • 33.
  • 34.
  • 35.
  • 36.
  • 37.
  • 38.
  • 39.
  • 40. 2)2) EtapasEtapas • Reuniões de conscientização com os produtoresReuniões de conscientização com os produtores – Descrição da realidade (falta d’agua, aspersão, turno deDescrição da realidade (falta d’agua, aspersão, turno de rega, etc)rega, etc) – Construção de um cenário futuroConstrução de um cenário futuro • Formação de parceriasFormação de parcerias – Município x Produtor (50%)Município x Produtor (50%) – MPES: Apoio institucional, aporte financeiro (R$ 30.000,00)MPES: Apoio institucional, aporte financeiro (R$ 30.000,00) – IDAF, IEMA, Polícia Ambiental: Apoio técnico e fiscalizaçãoIDAF, IEMA, Polícia Ambiental: Apoio técnico e fiscalização • Execução do ProgramaExecução do Programa – Locação de serviços de máquinas (abertura de caixasLocação de serviços de máquinas (abertura de caixas secas)secas) – Máquinas da PMC (manutenção das caixas secas eMáquinas da PMC (manutenção das caixas secas e costrução de barragens de terra)costrução de barragens de terra) – Monitoramento técnico dos serviços (SEMDER, INCAPER)Monitoramento técnico dos serviços (SEMDER, INCAPER)
  • 41. 3)3) ResultadosResultados 1.1. Investimentos financeiros (2009 – 2011)Investimentos financeiros (2009 – 2011) – PMC: contratadaPMC: contratada R$ 300.000,00R$ 300.000,00 maquinário própriomaquinário próprio R$ 170.000,00R$ 170.000,00 – Produtor:Produtor: R$ 300.000,00R$ 300.000,00 – MPES:MPES: R$ 30.000,00R$ 30.000,00 TOTALTOTAL R$ 800.000,00R$ 800.000,00 2.2. Número de Produtores atendidos em 3 Sub-baciasNúmero de Produtores atendidos em 3 Sub-bacias (2009 – 2011)(2009 – 2011) – S. J. Pequeno:S. J. Pequeno: 126126 – Baunilha:Baunilha: 6868 – Graça Aranha:Graça Aranha: 3636 TOTALTOTAL 230230
  • 42. 3.3. Número de caixas secas abertas (2009-2011)Número de caixas secas abertas (2009-2011) – São João Pequeno:São João Pequeno: 3.7693.769 – Baunilha:Baunilha: 1.9051.905 – Graça Aranha:Graça Aranha: 726726 TOTALTOTAL 6.4006.400 4.4. Quantidade de carreadores e estradasQuantidade de carreadores e estradas recuperadas (2009-2011)recuperadas (2009-2011) trecho médio recuperado: 28 metrostrecho médio recuperado: 28 metros – São João Pequeno:São João Pequeno: 105 km105 km – Baunilha:Baunilha: 57 km57 km – Graça Aranha:Graça Aranha: 20 km20 km TOTALTOTAL 182 km182 km
  • 43. 5. Número de Barragens construídas5. Número de Barragens construídas (2009-2011)(2009-2011) – São João Pequeno:São João Pequeno: 1515 – São Pedrinho:São Pedrinho: 22 – Baunilha:Baunilha: 11 TOTALTOTAL 1818 6. Quantidade de sedimento interceptado6. Quantidade de sedimento interceptado (m³) (2009-2011) (25%) – caixa seca(m³) (2009-2011) (25%) – caixa seca 19.200 m³ x 3(manutenções): 57.600 m³ =19.200 m³ x 3(manutenções): 57.600 m³ = 14.400 caçambas14.400 caçambas
  • 44. 7.7. Quantidade de água armazenada superficialmente eQuantidade de água armazenada superficialmente e infiltrada no solo.infiltrada no solo. Volume médio de caixa seca (m³): 12 x 6.400 x 6(rep.) =Volume médio de caixa seca (m³): 12 x 6.400 x 6(rep.) = 460.800 m³460.800 m³ Volume médio de cada barragem (m³): 12.500 x 18Volume médio de cada barragem (m³): 12.500 x 18 225.000 m³225.000 m³ Pluviometria média/ano: 1000mmPluviometria média/ano: 1000mm Vol.médio acumulado (litros): 171.450.000,00Vol.médio acumulado (litros): 171.450.000,00 (50%)(50%) Espaçamento (2 x 1,8): 2.778 pl/haEspaçamento (2 x 1,8): 2.778 pl/ha Evapotranspiração (litros/dia): 5 (café) = 13.890 lts/haEvapotranspiração (litros/dia): 5 (café) = 13.890 lts/ha Área irrigada de lavoura (ha):12.300 ha/ano ,Área irrigada de lavoura (ha):12.300 ha/ano , 410 ha/mês410 ha/mês
  • 45.
  • 47. Sub. Bacia Baunilha Córregos Produtores Atendidos N° de Cx. Guararema 4 35 Olho D'água 2 31 Bom Jesus 15 333 Espanhol 1 149 Seguro 3 355 Cacho. de Baunilha 1 15 Santinho 4 132 Pov. de Baunilha 9 261 Auto Baunilha 5 93 Total 49 1599
  • 48. Sub. Bacia Graça Aranha Córregos Produtores Atendidos N° de Cx. Stª Catarina 16 429 Inveja 3 105 Graça Aranha 3 30 Total 36 726
  • 49. Sub. Bacia São João Pequeno Córregos Produtores Atendidos N° de Cx. Jequitibá 20 444 Chapéu 8 193 São J. Pequeno 34 856 Santo Antonio 4 101 Monte Alverne 21 584 Monte Belo 15 636 Sete Volta 3 41 Germaninho 4 120 Prucoli 2 139 Marolina 8 140 Boa Vista (Balaio) 3 55 Santana 3 46 São Salvador 3 65 Farinha Seca 4 112 Ponte do Pancas 2 87 15 de Outubro 4 21 Barra S. J. Peq. 1 11 Almoço 8 60 Total 126 3769