SlideShare uma empresa Scribd logo
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

FIESP,
23/10/2013
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

O que é o eSocial ?
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Cenário
atual

• Os empregadores são obrigados a preencher
diversas declarações e documentos que possuem as
mesmas informações...

Termo de Rescisão
Seguro Desemprego
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Consequências
Dificuldades para garantir os direitos dos trabalhadores
• 2,5 milhões de trabalhadores incluídos no CNIS em 2012;
• 75% dos empregados domésticos e 30% dos autônomos na informalidade.

Complexidade para cumprimento das obrigações pelos
empregadores
• Somos o pior país do mundo no quesito: “tempo gasto para pagar impostos”,
com 2600 horas por ano (Custo Brasil).

Baixa qualidade das informações do Estado
• R$ 4 bilhões de diferença Folha de Pagamento X GFIP
• Fraudes e pagamentos indevidos de Seguro Desemprego, Abono Salarial e
Beneficios Previdenciário
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Objetivos
Garantir os direitos dos trabalhadores

Simplificar o cumprimento das obrigações pelos
empregadores reduzindo custos e informalidade
Aprimorar a qualidade das informações prestadas
ao Estado
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Premissas
Construção coletiva e gestão compartilhada

Autonomia no tratamento das informações e
utilização das informações no limite de das
atribuições e competências

Prestação única da informação sem criação de
novas obrigações
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Evento Trabalhista
 Fato + Norma = Fato jurídico
 Fato Jurídico Trabalhista - Evento Trabalhista

Registro do Evento Trabalhista
 Finalidade do Registro -> Assegurar o Direito
 Importância da Forma do Registro do Evento Trabalhista
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

O que é o eSocial ?
Uma nova forma de Registro do Evento
Trabalhista
Deverá ser eficaz para assegurar o direito dos trabalhadores

Transparência Fiscal

Deverá ser simples para simplificar o cumprimento da obrigação

Deverá ser eficiente para aprimorar a qualidade da informação
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Cenário
ideal

• Os empregadores prestam as informações de forma
unificada, simples e padronizada, eliminando erros
e reduzindo os custos operacionais!
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Como funcionará o
eSocial ?
Arquitetura do Sistema entre Empregadores, Empregados e Governo.
uma nova era nas relações



Como será feita esta “Nova Forma de
Registro do Evento Trabalhista” ?

 O Eventos Trabalhistas serão efetuados por
meio do envio de arquivos no formato XML, os
quais serão validados e armazenados em um
ambiente consorciado e depois distribuídos
aos entes partícipes.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Eventos Iniciais:
1. Cadastro do Contribuinte (Um único evento)
2. Estabelecimentos/Obras
3. Rubricas
4. Lotação
5. Cargos
6. Horário/turno de Trabalho
7. Funções
8. Processos (administrativos e Judiciais)
9. Operador Portuário
10. Cadastramento inicial de Vínculos – Contratos vigentes
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Tabelas de Rubrica, Lotação, Cargo, etc.
Tabela Única;
Permitido Excluir ou Incluir ou Alterar;
Um Evento para cada tipo de tabela;
Inclusão/Alteração e Exclusão por item
- Permite a exclusão/alteração do item, porém torna a Folha
inconsistente.
- Alteração e Exclusão de períodos anteriores marcam a folha
como inconsistente.
 Após o encerramento da folha será criada uma versão da tabela
que foi utilizada na validação dos arquivos da folha. Estas tabelas farão
parte do pacote da folha de pagamento do período, a fim de garantir a
consistência das folhas recebidas;
 Rubricas com apenas um tipo de classificação para incidência.




uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Eventos Trabalhistas Aleatórios:
1. Admissão

Até o início da atividade laboral
Dia seguinte ao
acidente

2. CAT – Comunicação de Acidente de Trabalho
3. Afastamento temporário
4. Desligamento

Até 10 dias da ocorrência

1. Alterações
2. Aviso de Férias
3. ASO – Atestado de Saúde Ocupacional
4. Atividades Desempenhadas
5. Aviso Prévio
6. Comunicação de Fato Relevante
7. Exclusão
8. Condição de Trabalho Diferenciada
9. Estabilidade

10.Trabalho sem Vínculo
11.Reintegração

Envio do evento até o
envio da folha da
competência
Aspectos Técnicos - Admissão
Início do
Recrutamento

Técnicas
de Seleção

Contratação

Admissão
Início da
Atividade

Envio do
registro
Admissão
Disponível com
30 dias de
antecedência

Permite o
Cancelamento
ou alteração
até data da
admissão
Arquitetura eSocial
Entes

Eventos Iniciais

Caixa

Sistema
Interno

Arquivo
Original

Folha de
Pagamento

Clientes:
WS e
ReceitanetBx
INSS

WS
CPF/NIS

Eventos Trabalhistas

Cadastro/Tabelas
Do Empregador

Sistema
Interno

Clientes:
WS e

RET

ReceitanetBx
MPS
WS
WS

Eventos Mensais

WS e

- Folha

ReceitanetBx

WS

Sistema
Interno

Clientes:

ReceitanetBx

MTE
Clientes:
WS e

WS

ReceitanetBx
RFB

Aplicativo Web

Clientes:

Ou
Código Acesso

Browser
Autenticador

- CNPJ
- CPF

- CNIS

WS e
ReceitanetBx
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Aspectos Técnicos

 Utilização do CPF como chave do trabalhador associado ao PIS/NIT;
 Validação na base do CNIS – CPF/PIS/Data de nascimento;
 Cadastramento inicial apenas dos vínculos ativos;
 Informações de trabalhadores sem vínculo contratados com natureza
permanente.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Eventos Mensais – Folha e Apuração:
Abertura da Folha por Empresa
Remuneração (Contra-cheque)

- Múltiplos Vínculos
- Alocação Trabalhador Simples
- Dissídios Coletivos
Serviços Prestados

Serviços Prestados Cooperativas
Serviços Tomados
Serviços Tomados Cooperativas
Aquisição de Produtos Rurais

Comercialização da Produção Rural
Recursos Recebidos ou Repassados p/ Clube de Futebol
Base de Cálculo e Valor Devido das Contribuições/FGTS e IRRF

Fechamento da Folha – Confissão de dívida e Geração dos
Documentos de arrecadação.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.


Arquitetura do Evento REMUNERAÇÃO

Evento Remuneração

Validações:

Sistema
Interno

1 - Contribuinte

Cadastro
Contribuinte

2 – Abertura da folha

3– Empregado Ativo

REC
Contribuinte

WS
4 – Cargo/função/lotação

Rubricas

5 - Rubricas
WS
6 – Conteúdo, totais, etc
Cargo
RET
Trabalhador

Aplicativo Web
Arquivos
Originais

Função

Lotação
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Eventos Iniciais
Sistema
Interno

Validação de Estrutura – Schema XML

RET
WS

Cadastro/Tabelas

CPF/NIS

Do Empregador

Eventos Trabalhistas
Sistema
Interno

GRF
FGTS

Folha de
Pagamento

WS

Eventos Mensais

- Folha
Arquivo

Sistema
Interno

WS

WS

Original

WS
ReceitanetBx
Aplicativo Web

Ou
Código Acesso

Browser
Autenticador

DCTF e DARF
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

MATRIZ x ESTABELECIMENTOS


Escrituração por empresa/ente responsável com transmissão
descentralizada:
– Abertura pela Matriz do ente;
– Estabelecimentos.
– Setores e departamentos da empresa (lotações);







Quem assina é a empresa/ente: e-CNPJ, procuradores e
representantes legais;
Controle de perfil transmissão nos sistemas de controle interno da
empresa ou órgão público;

Arquivo S-1000 – Informações do contribuinte /empregador.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Certificado digital e Procuração eletrônica


Obrigatoriedade de certificado digital ICP-Brasil: A1 ou A3
– Procuração eletrônica.
– Subestabelecimento e procuração manual.

– Utilização de ambiente RFB e ambiente Caixa;




Exceção por código de acesso: Empresas do Simples Nacional até 2
empregados, MEI e pequeno produtor rural com até 2 empregados e CI
equiparado à empresa com até 2 empregados;
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

REGIMES – COMPETÊNCIA x CAIXA




Evento Remuneração contém informação do contra-cheque
(Remuneração devida) e do pagamento dissociado da remuneração
devida no mesmo evento.
Competência – valor devido:
– Contribuição previdenciária;
– FGTS;

– IRRF (apenas a base de cálculo).


Caixa – Valor(s) efetivamente pago (regime de caxia):
– IRRF (Definição da ocorrência do FG IRRF).
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

RETIFICAÇÕES


Eventos – envio de novo arquivo;



Folha de pagamento e outras informações:
– Abertura com indicativo de retificação;
– Informação(ões) a ser(em) retificada(s);
– Encerramento.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Novos Desafios


Conscientizar a alta gestão da empresa;



Equalizar os conflitos de pápéis;



Governança de compliance;



Transformar informações de folha de pagamento, fiscais,
de medicina do trabalho, processos judiciais em processos
corporativos.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

81,8%
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

15%
38,4%

41,2%
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

21,2%

60,8%
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

SUPORTE À GERAÇÃO DO eSOCIAL
Disponibilização do aplicativo para qualificação do cadastro dos
trabalhadores existentes nas empresas – Outubro/2013 – Consulta CPF,
PIS/NIT e Data de nascimento na base do sistema CNIS.
Manual de especificação técnica do XML e conexão webservice outubro/2013.
Ambiente de testes para conexão webservice e recepção dos eventos
iniciais (pré-produção) – disponível a partir de novembro/2013.
Ambiente de testes para conexão webservice e recepção do
cadastramento inicial dos trabalhadores – disponível a partir de
março/2014.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

CRONOGRAMA ESTIMADO
Obrigatoriedade de prestar a informação via eSocial - módulo
empregador doméstico – 120 dias após a publicação da regulamentação
da EC 72/2013.
Implantação do eSocial por fases para o primeiro grupo de empresas –
Empresas do Lucro Real: Até 30/04/2014 – Cadastramento inicial; A
partir da competência 05/2014 – Envio dos eventos de mensais de folha
e apuração dos tributos. A partir da competência 07/2014 –
substituição da GFIP
Implantação do eSocial com Recolhimento unificado – MEI e Pequeno
Produtor Rural – final do 1º semestre de 2014
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

CRONOGRAMA ESTIMADO
Implantação do eSocial por fases para o segundo grupo de empresas –
Empresas do Lucro Presumido e Simples Nacional: Até 30/09/2014 –
Cadastramento inicial; A partir da competência 10/2014 – Envio dos
eventos de mensais de folha e apuração dos tributos. A partir da
competência 11/2014 – substituição da GFIP.
Entes públicos – Administração Direta, Autárquica e Fundacional da
União, Estados, Distrito Federal e Municípios - Cadastramento inicial a
partir de 01/12/2014 até 31/01/2015. Entrega da primeira competência
do eSocial (01/2015) – até 07/02/2015.
Substituição da DIRF, RAIS, CAGED e outras informações acessórias – A
partir de 01/2015.
Entrada do módulo da reclamatória trabalhista – 01/2015.
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Bom para o trabalhador!
Bom para o empregador!
Bom para o Estado!

Melhor para o Brasil!
uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.

Obrigado!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação eSocial
Apresentação eSocialApresentação eSocial
Apresentação eSocial
esocialmetadados
 
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executivaeSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
Roberto Dias Duarte
 
A implantação do e – social e seus Desafios para Organizações Contábeis
A implantação do e – social  e seus Desafios  para Organizações ContábeisA implantação do e – social  e seus Desafios  para Organizações Contábeis
A implantação do e – social e seus Desafios para Organizações Contábeis
Erlandia Pimentel
 
Curso eSocial - Sped Folha de Pagamento Digital
Curso eSocial - Sped Folha de Pagamento DigitalCurso eSocial - Sped Folha de Pagamento Digital
Curso eSocial - Sped Folha de Pagamento Digital
Infofisco
 
eSocial
eSocialeSocial
eSocial
EYBrasil
 
eSocial - 2.2
eSocial - 2.2eSocial - 2.2
eSocial - 2.2
Marcelo Cruz
 
Perguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocialPerguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocial
Jaqueline Chaves
 
Conferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BA
Conferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BAConferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BA
Conferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BA
Sistema FIEB
 
Apresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocialApresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocial
esocialmetadados
 
eSocial por Filemon Oliveira
eSocial por Filemon OliveiraeSocial por Filemon Oliveira
eSocial por Filemon Oliveira
Roberto Dias Duarte
 
Apresentação III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto
Apresentação  III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto Apresentação  III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto
Apresentação III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto
Tania Gurgel
 
Humanus eSocial - Apresentação
Humanus eSocial - ApresentaçãoHumanus eSocial - Apresentação
Humanus eSocial - Apresentação
Humanus Tecnologia para Gestão de RH
 
eSocial: O Desafio Já Começou
eSocial: O Desafio Já ComeçoueSocial: O Desafio Já Começou
eSocial: O Desafio Já Começou
ASIS Projetos
 
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
TecnoSpeed TI
 
Webinar | eSocial
Webinar | eSocialWebinar | eSocial
Conect eSocial (Versão em Português)
Conect eSocial (Versão em Português)Conect eSocial (Versão em Português)
Conect eSocial (Versão em Português)
EmployerRH
 
Wde aula 01
Wde   aula 01Wde   aula 01
Palestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABAT
Palestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABATPalestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABAT
Palestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABAT
Tania Gurgel
 
E social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamento
E social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamentoE social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamento
E social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamento
Prof Hamilton Marin
 
Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014
Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014
Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014
Roberto Dias Duarte
 

Mais procurados (20)

Apresentação eSocial
Apresentação eSocialApresentação eSocial
Apresentação eSocial
 
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executivaeSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
eSocial: O quê, por quê e como – Uma abordagem executiva
 
A implantação do e – social e seus Desafios para Organizações Contábeis
A implantação do e – social  e seus Desafios  para Organizações ContábeisA implantação do e – social  e seus Desafios  para Organizações Contábeis
A implantação do e – social e seus Desafios para Organizações Contábeis
 
Curso eSocial - Sped Folha de Pagamento Digital
Curso eSocial - Sped Folha de Pagamento DigitalCurso eSocial - Sped Folha de Pagamento Digital
Curso eSocial - Sped Folha de Pagamento Digital
 
eSocial
eSocialeSocial
eSocial
 
eSocial - 2.2
eSocial - 2.2eSocial - 2.2
eSocial - 2.2
 
Perguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocialPerguntas e respostas esocial
Perguntas e respostas esocial
 
Conferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BA
Conferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BAConferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BA
Conferência eSocial - José Honorino de Macedo Neto - MTE/SRTE-BA
 
Apresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocialApresentação Evento eSocial
Apresentação Evento eSocial
 
eSocial por Filemon Oliveira
eSocial por Filemon OliveiraeSocial por Filemon Oliveira
eSocial por Filemon Oliveira
 
Apresentação III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto
Apresentação  III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto Apresentação  III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto
Apresentação III - Fórum ABAT - SPED eSocial Paulo Magarotto
 
Humanus eSocial - Apresentação
Humanus eSocial - ApresentaçãoHumanus eSocial - Apresentação
Humanus eSocial - Apresentação
 
eSocial: O Desafio Já Começou
eSocial: O Desafio Já ComeçoueSocial: O Desafio Já Começou
eSocial: O Desafio Já Começou
 
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
10 pontos que você precisa saber sobre eSocial - princípios básicos
 
Webinar | eSocial
Webinar | eSocialWebinar | eSocial
Webinar | eSocial
 
Conect eSocial (Versão em Português)
Conect eSocial (Versão em Português)Conect eSocial (Versão em Português)
Conect eSocial (Versão em Português)
 
Wde aula 01
Wde   aula 01Wde   aula 01
Wde aula 01
 
Palestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABAT
Palestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABATPalestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABAT
Palestra eSocial - Daniel Belmiro - evento na ABAT
 
E social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamento
E social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamentoE social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamento
E social - versão 2.0 - apresentação implantação e mapeamento
 
Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014
Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014
Slides da palestra: eSocial - uma abordagem executiva - julho/2014
 

Destaque

Resumo da palestra de esocial outubro_2013 1ª semana
Resumo da palestra de esocial   outubro_2013 1ª semana Resumo da palestra de esocial   outubro_2013 1ª semana
Resumo da palestra de esocial outubro_2013 1ª semana
Tania Gurgel
 
Panorama Brasil - Argentina (2)
Panorama Brasil - Argentina (2)Panorama Brasil - Argentina (2)
Panorama Brasil - Argentina (2)
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Panorama Defesa Comercial - Fiesp
Panorama Defesa Comercial - FiespPanorama Defesa Comercial - Fiesp
Panorama Defesa Comercial - Fiesp
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014
Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014
Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Boletim Especial da Sustentabilidade - Fiesp
Boletim Especial da Sustentabilidade - FiespBoletim Especial da Sustentabilidade - Fiesp
Boletim Especial da Sustentabilidade - Fiesp
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
José Ricardo Roriz Coelho - FIESP
José Ricardo Roriz Coelho - FIESPJosé Ricardo Roriz Coelho - FIESP
José Ricardo Roriz Coelho - FIESP
auspin
 
Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Diagnóstico de Obra Centro Cultural FIESP
Diagnóstico de Obra Centro Cultural FIESPDiagnóstico de Obra Centro Cultural FIESP
Diagnóstico de Obra Centro Cultural FIESP
Marta Moraes
 
Brasil Food Trends - Antonio Carlos - DEAGRO/FIESP
Brasil Food Trends - Antonio Carlos -  DEAGRO/FIESP Brasil Food Trends - Antonio Carlos -  DEAGRO/FIESP
Brasil Food Trends - Antonio Carlos - DEAGRO/FIESP
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Imposto de Renda Pessoa Física
Imposto de Renda Pessoa FísicaImposto de Renda Pessoa Física
Imposto de Renda Pessoa Física
Sarti Contabilidade
 
IRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte
IRRF - Imposto de Renda Retido na FonteIRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte
IRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte
Lucas Gheller
 
Informativo DEREX - novembro/2016
Informativo DEREX - novembro/2016Informativo DEREX - novembro/2016
Informativo DEREX - novembro/2016
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Slide curso irpf imposto de renda pessoa fisica - 2014
Slide curso irpf   imposto de renda pessoa fisica - 2014Slide curso irpf   imposto de renda pessoa fisica - 2014
Slide curso irpf imposto de renda pessoa fisica - 2014
Unichristus Centro Universitário
 
trabalho Imposto de renda
trabalho Imposto de rendatrabalho Imposto de renda
trabalho Imposto de renda
Junior Sousa
 
Imposto de Renda Pessoa Física 2016
Imposto de Renda Pessoa Física 2016Imposto de Renda Pessoa Física 2016
Imposto de Renda Pessoa Física 2016
Adecont Assessoria
 
Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...
Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...
Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...
CPFL Energia
 

Destaque (17)

Resumo da palestra de esocial outubro_2013 1ª semana
Resumo da palestra de esocial   outubro_2013 1ª semana Resumo da palestra de esocial   outubro_2013 1ª semana
Resumo da palestra de esocial outubro_2013 1ª semana
 
Panorama Brasil - Argentina (2)
Panorama Brasil - Argentina (2)Panorama Brasil - Argentina (2)
Panorama Brasil - Argentina (2)
 
Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio-X dos Investimentos - Janeiro 2015 - Fiesp
 
Panorama Defesa Comercial - Fiesp
Panorama Defesa Comercial - FiespPanorama Defesa Comercial - Fiesp
Panorama Defesa Comercial - Fiesp
 
Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014
Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014
Panorama Defesa Comercial - Fiesp - Novembro 2014
 
Boletim Especial da Sustentabilidade - Fiesp
Boletim Especial da Sustentabilidade - FiespBoletim Especial da Sustentabilidade - Fiesp
Boletim Especial da Sustentabilidade - Fiesp
 
José Ricardo Roriz Coelho - FIESP
José Ricardo Roriz Coelho - FIESPJosé Ricardo Roriz Coelho - FIESP
José Ricardo Roriz Coelho - FIESP
 
Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp
Raio X China e Brasil - Janeiro 2015 - Fiesp
 
Diagnóstico de Obra Centro Cultural FIESP
Diagnóstico de Obra Centro Cultural FIESPDiagnóstico de Obra Centro Cultural FIESP
Diagnóstico de Obra Centro Cultural FIESP
 
Brasil Food Trends - Antonio Carlos - DEAGRO/FIESP
Brasil Food Trends - Antonio Carlos -  DEAGRO/FIESP Brasil Food Trends - Antonio Carlos -  DEAGRO/FIESP
Brasil Food Trends - Antonio Carlos - DEAGRO/FIESP
 
Imposto de Renda Pessoa Física
Imposto de Renda Pessoa FísicaImposto de Renda Pessoa Física
Imposto de Renda Pessoa Física
 
IRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte
IRRF - Imposto de Renda Retido na FonteIRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte
IRRF - Imposto de Renda Retido na Fonte
 
Informativo DEREX - novembro/2016
Informativo DEREX - novembro/2016Informativo DEREX - novembro/2016
Informativo DEREX - novembro/2016
 
Slide curso irpf imposto de renda pessoa fisica - 2014
Slide curso irpf   imposto de renda pessoa fisica - 2014Slide curso irpf   imposto de renda pessoa fisica - 2014
Slide curso irpf imposto de renda pessoa fisica - 2014
 
trabalho Imposto de renda
trabalho Imposto de rendatrabalho Imposto de renda
trabalho Imposto de renda
 
Imposto de Renda Pessoa Física 2016
Imposto de Renda Pessoa Física 2016Imposto de Renda Pessoa Física 2016
Imposto de Renda Pessoa Física 2016
 
Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...
Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...
Workshop EE 2014 - 03. Ruy Bottesi - A Visão da Fiesp Sobre Eficiência Ener...
 

Semelhante a Apresentação sobre eSocial realizada na FIESP em 22.10.2013

Palestra - Jeziel
Palestra - JezielPalestra - Jeziel
Palestra - Jeziel
esocialmetadados
 
02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE
02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE
02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE
Luiz Gustavo Santos
 
Sp caixa - marcia
Sp   caixa - marciaSp   caixa - marcia
Sp caixa - marcia
esocialmetadados
 
3 apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]
3  apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]3  apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]
3 apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]
Luiz Gustavo Santos
 
Barueri receita - paulo
Barueri   receita - pauloBarueri   receita - paulo
Barueri receita - paulo
esocialmetadados
 
Sp receita federal - paulo
Sp   receita federal - pauloSp   receita federal - paulo
Sp receita federal - paulo
esocialmetadados
 
Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)
Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)
Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)
decision-it
 
eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014
eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014
eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014
Roberto Dias Duarte
 
Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...
Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...
Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...
decision-it
 
CIEE - Rezende - Caixa
CIEE - Rezende - CaixaCIEE - Rezende - Caixa
CIEE - Rezende - Caixa
esocialmetadados
 
Apresentações CISPED 2013 - Consolidadas
Apresentações CISPED 2013 - ConsolidadasApresentações CISPED 2013 - Consolidadas
Apresentações CISPED 2013 - Consolidadas
Luiz Gustavo Santos
 
Apresentações CISPED 2013 todas consolidadas
Apresentações CISPED 2013   todas consolidadasApresentações CISPED 2013   todas consolidadas
Apresentações CISPED 2013 todas consolidadas
Luiz Gustavo Santos
 
Conferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do Brasil
Conferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do BrasilConferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do Brasil
Conferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do Brasil
Sistema FIEB
 
Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014
Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014
Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014
Roberto Dias Duarte
 
José Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TIC
José Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TICJosé Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TIC
José Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TIC
Brasscom
 
Sp caixa - dalton
Sp  caixa - daltonSp  caixa - dalton
Sp caixa - dalton
esocialmetadados
 
1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt
1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt
1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt
ErivaldoMatos
 
Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014
Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014
Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014
Personality Contabilidade
 
Cartilha e social
Cartilha e socialCartilha e social
Cartilha e social
Everton Retore Teixeira
 
Como viabilizar a adequação dos processos ao eSocial
Como viabilizar a adequação dos processos ao eSocialComo viabilizar a adequação dos processos ao eSocial
Como viabilizar a adequação dos processos ao eSocial
EloGroup
 

Semelhante a Apresentação sobre eSocial realizada na FIESP em 22.10.2013 (20)

Palestra - Jeziel
Palestra - JezielPalestra - Jeziel
Palestra - Jeziel
 
02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE
02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE
02 José Alberto Maia – Coordenador do Projeto eSOCIAL – MTE
 
Sp caixa - marcia
Sp   caixa - marciaSp   caixa - marcia
Sp caixa - marcia
 
3 apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]
3  apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]3  apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]
3 apresentação e social cisped 11 2013 [reparado]
 
Barueri receita - paulo
Barueri   receita - pauloBarueri   receita - paulo
Barueri receita - paulo
 
Sp receita federal - paulo
Sp   receita federal - pauloSp   receita federal - paulo
Sp receita federal - paulo
 
Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)
Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)
Fórum SPED Porto Alegre 2014: A Visão do MTE sobre o eSocial (Jose alberto maia)
 
eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014
eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014
eSocial: Palestra da Receita Federal realizada em 25/02/2014
 
Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...
Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...
Apresentação 3° Fórum SPED |José Alberto Maia: eSocial: a nova Era das relaçõ...
 
CIEE - Rezende - Caixa
CIEE - Rezende - CaixaCIEE - Rezende - Caixa
CIEE - Rezende - Caixa
 
Apresentações CISPED 2013 - Consolidadas
Apresentações CISPED 2013 - ConsolidadasApresentações CISPED 2013 - Consolidadas
Apresentações CISPED 2013 - Consolidadas
 
Apresentações CISPED 2013 todas consolidadas
Apresentações CISPED 2013   todas consolidadasApresentações CISPED 2013   todas consolidadas
Apresentações CISPED 2013 todas consolidadas
 
Conferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do Brasil
Conferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do BrasilConferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do Brasil
Conferência eSocial - José de Oliveira Novais - Receita Federal do Brasil
 
Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014
Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014
Apresentação sobre eSocial por Daniel Belmiro em 10 de abril de 2014
 
José Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TIC
José Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TICJosé Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TIC
José Alberto Maia - Desafios e Demandas em TI e TIC
 
Sp caixa - dalton
Sp  caixa - daltonSp  caixa - dalton
Sp caixa - dalton
 
1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt
1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt
1.3_FOPAG_-_Eventos_periódicos.ppt
 
Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014
Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014
Palestra sobre E Social Apras Londrina 06/2014
 
Cartilha e social
Cartilha e socialCartilha e social
Cartilha e social
 
Como viabilizar a adequação dos processos ao eSocial
Como viabilizar a adequação dos processos ao eSocialComo viabilizar a adequação dos processos ao eSocial
Como viabilizar a adequação dos processos ao eSocial
 

Mais de Roberto Dias Duarte

Planejamento estratégico para escritórios de contabilidade
Planejamento estratégico para escritórios de contabilidadePlanejamento estratégico para escritórios de contabilidade
Planejamento estratégico para escritórios de contabilidade
Roberto Dias Duarte
 
Contabildade é um bom negócio?
Contabildade é um bom negócio?Contabildade é um bom negócio?
Contabildade é um bom negócio?
Roberto Dias Duarte
 
Programa de imersão empreendedora em Orlando/Flórida
Programa de imersão empreendedora em Orlando/FlóridaPrograma de imersão empreendedora em Orlando/Flórida
Programa de imersão empreendedora em Orlando/Flórida
Roberto Dias Duarte
 
RGPD para PME's e gabinetes de contabilidade
RGPD para PME's e gabinetes de contabilidadeRGPD para PME's e gabinetes de contabilidade
RGPD para PME's e gabinetes de contabilidade
Roberto Dias Duarte
 
O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)
O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)
O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)
Roberto Dias Duarte
 
Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"
Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"
Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"
Roberto Dias Duarte
 
Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!
Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!
Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!
Roberto Dias Duarte
 
The future of accounting services is now!
The future of accounting services is now!The future of accounting services is now!
The future of accounting services is now!
Roberto Dias Duarte
 
Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...
Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...
Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...
Roberto Dias Duarte
 
Descubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade Digital
Descubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade DigitalDescubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade Digital
Descubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade Digital
Roberto Dias Duarte
 
Como criar uma experiência fantástica para seus clientes
Como criar uma experiência fantástica para seus clientesComo criar uma experiência fantástica para seus clientes
Como criar uma experiência fantástica para seus clientes
Roberto Dias Duarte
 
Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017
Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017
Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017
Roberto Dias Duarte
 
5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
5 desafios imediatos para as empresas brasileiras5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
Roberto Dias Duarte
 
5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo
5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo
5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo
Roberto Dias Duarte
 
8 passos para excelência no empreendedorismo contábil
  8 passos para excelência no empreendedorismo contábil  8 passos para excelência no empreendedorismo contábil
8 passos para excelência no empreendedorismo contábil
Roberto Dias Duarte
 
Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais
Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais
Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais
Roberto Dias Duarte
 
5 passos para excelência em serviços contábeis!
5 passos para excelência em serviços contábeis!5 passos para excelência em serviços contábeis!
5 passos para excelência em serviços contábeis!
Roberto Dias Duarte
 
Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
Roberto Dias Duarte
 
Palestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeito
Palestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeitoPalestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeito
Palestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeito
Roberto Dias Duarte
 
Palestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crise
Palestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crisePalestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crise
Palestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crise
Roberto Dias Duarte
 

Mais de Roberto Dias Duarte (20)

Planejamento estratégico para escritórios de contabilidade
Planejamento estratégico para escritórios de contabilidadePlanejamento estratégico para escritórios de contabilidade
Planejamento estratégico para escritórios de contabilidade
 
Contabildade é um bom negócio?
Contabildade é um bom negócio?Contabildade é um bom negócio?
Contabildade é um bom negócio?
 
Programa de imersão empreendedora em Orlando/Flórida
Programa de imersão empreendedora em Orlando/FlóridaPrograma de imersão empreendedora em Orlando/Flórida
Programa de imersão empreendedora em Orlando/Flórida
 
RGPD para PME's e gabinetes de contabilidade
RGPD para PME's e gabinetes de contabilidadeRGPD para PME's e gabinetes de contabilidade
RGPD para PME's e gabinetes de contabilidade
 
O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)
O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)
O futuro dos serviços de contabilidade começa agora! (nova versão)
 
Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"
Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"
Palestra "O Futuro dos Serviços de Contabilidade"
 
Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!
Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!
Por que seu escritório vai para nuvem? Você querendo, ou não!
 
The future of accounting services is now!
The future of accounting services is now!The future of accounting services is now!
The future of accounting services is now!
 
Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...
Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...
Whitepaper para você perceber o nível de experiência que seu escritório está ...
 
Descubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade Digital
Descubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade DigitalDescubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade Digital
Descubra as diferenças entre a Contabilidade Online e a Contabilidade Digital
 
Como criar uma experiência fantástica para seus clientes
Como criar uma experiência fantástica para seus clientesComo criar uma experiência fantástica para seus clientes
Como criar uma experiência fantástica para seus clientes
 
Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017
Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017
Slides da Palestra realizada no CONEXÃO SPED 2017
 
5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
5 desafios imediatos para as empresas brasileiras5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
 
5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo
5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo
5 passos para vendas de soluções Microsoft, utilizando marketing de conteúdo
 
8 passos para excelência no empreendedorismo contábil
  8 passos para excelência no empreendedorismo contábil  8 passos para excelência no empreendedorismo contábil
8 passos para excelência no empreendedorismo contábil
 
Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais
Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais
Canvas, modelo de negócios muda estratégias empresariais
 
5 passos para excelência em serviços contábeis!
5 passos para excelência em serviços contábeis!5 passos para excelência em serviços contábeis!
5 passos para excelência em serviços contábeis!
 
Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
Os 5 desafios imediatos para as empresas brasileiras
 
Palestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeito
Palestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeitoPalestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeito
Palestra Contador 2.0 - Modelo de negócios mais que perfeito
 
Palestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crise
Palestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crisePalestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crise
Palestra Contador 2.0: Estratégias inovadoras para vencer a crise
 

Apresentação sobre eSocial realizada na FIESP em 22.10.2013

  • 1. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. FIESP, 23/10/2013
  • 2. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. O que é o eSocial ?
  • 3. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Cenário atual • Os empregadores são obrigados a preencher diversas declarações e documentos que possuem as mesmas informações... Termo de Rescisão Seguro Desemprego
  • 4. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Consequências Dificuldades para garantir os direitos dos trabalhadores • 2,5 milhões de trabalhadores incluídos no CNIS em 2012; • 75% dos empregados domésticos e 30% dos autônomos na informalidade. Complexidade para cumprimento das obrigações pelos empregadores • Somos o pior país do mundo no quesito: “tempo gasto para pagar impostos”, com 2600 horas por ano (Custo Brasil). Baixa qualidade das informações do Estado • R$ 4 bilhões de diferença Folha de Pagamento X GFIP • Fraudes e pagamentos indevidos de Seguro Desemprego, Abono Salarial e Beneficios Previdenciário
  • 5. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Objetivos Garantir os direitos dos trabalhadores Simplificar o cumprimento das obrigações pelos empregadores reduzindo custos e informalidade Aprimorar a qualidade das informações prestadas ao Estado
  • 6. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Premissas Construção coletiva e gestão compartilhada Autonomia no tratamento das informações e utilização das informações no limite de das atribuições e competências Prestação única da informação sem criação de novas obrigações
  • 7. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Evento Trabalhista  Fato + Norma = Fato jurídico  Fato Jurídico Trabalhista - Evento Trabalhista Registro do Evento Trabalhista  Finalidade do Registro -> Assegurar o Direito  Importância da Forma do Registro do Evento Trabalhista
  • 8. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. O que é o eSocial ? Uma nova forma de Registro do Evento Trabalhista Deverá ser eficaz para assegurar o direito dos trabalhadores Transparência Fiscal Deverá ser simples para simplificar o cumprimento da obrigação Deverá ser eficiente para aprimorar a qualidade da informação
  • 9. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Cenário ideal • Os empregadores prestam as informações de forma unificada, simples e padronizada, eliminando erros e reduzindo os custos operacionais!
  • 10. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Como funcionará o eSocial ?
  • 11. Arquitetura do Sistema entre Empregadores, Empregados e Governo. uma nova era nas relações  Como será feita esta “Nova Forma de Registro do Evento Trabalhista” ?  O Eventos Trabalhistas serão efetuados por meio do envio de arquivos no formato XML, os quais serão validados e armazenados em um ambiente consorciado e depois distribuídos aos entes partícipes.
  • 12. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Eventos Iniciais: 1. Cadastro do Contribuinte (Um único evento) 2. Estabelecimentos/Obras 3. Rubricas 4. Lotação 5. Cargos 6. Horário/turno de Trabalho 7. Funções 8. Processos (administrativos e Judiciais) 9. Operador Portuário 10. Cadastramento inicial de Vínculos – Contratos vigentes
  • 13. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Tabelas de Rubrica, Lotação, Cargo, etc. Tabela Única; Permitido Excluir ou Incluir ou Alterar; Um Evento para cada tipo de tabela; Inclusão/Alteração e Exclusão por item - Permite a exclusão/alteração do item, porém torna a Folha inconsistente. - Alteração e Exclusão de períodos anteriores marcam a folha como inconsistente.  Após o encerramento da folha será criada uma versão da tabela que foi utilizada na validação dos arquivos da folha. Estas tabelas farão parte do pacote da folha de pagamento do período, a fim de garantir a consistência das folhas recebidas;  Rubricas com apenas um tipo de classificação para incidência.    
  • 14. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Eventos Trabalhistas Aleatórios: 1. Admissão Até o início da atividade laboral Dia seguinte ao acidente 2. CAT – Comunicação de Acidente de Trabalho 3. Afastamento temporário 4. Desligamento Até 10 dias da ocorrência 1. Alterações 2. Aviso de Férias 3. ASO – Atestado de Saúde Ocupacional 4. Atividades Desempenhadas 5. Aviso Prévio 6. Comunicação de Fato Relevante 7. Exclusão 8. Condição de Trabalho Diferenciada 9. Estabilidade 10.Trabalho sem Vínculo 11.Reintegração Envio do evento até o envio da folha da competência
  • 15. Aspectos Técnicos - Admissão Início do Recrutamento Técnicas de Seleção Contratação Admissão Início da Atividade Envio do registro Admissão Disponível com 30 dias de antecedência Permite o Cancelamento ou alteração até data da admissão
  • 16. Arquitetura eSocial Entes Eventos Iniciais Caixa Sistema Interno Arquivo Original Folha de Pagamento Clientes: WS e ReceitanetBx INSS WS CPF/NIS Eventos Trabalhistas Cadastro/Tabelas Do Empregador Sistema Interno Clientes: WS e RET ReceitanetBx MPS WS WS Eventos Mensais WS e - Folha ReceitanetBx WS Sistema Interno Clientes: ReceitanetBx MTE Clientes: WS e WS ReceitanetBx RFB Aplicativo Web Clientes: Ou Código Acesso Browser Autenticador - CNPJ - CPF - CNIS WS e ReceitanetBx
  • 17. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Aspectos Técnicos  Utilização do CPF como chave do trabalhador associado ao PIS/NIT;  Validação na base do CNIS – CPF/PIS/Data de nascimento;  Cadastramento inicial apenas dos vínculos ativos;  Informações de trabalhadores sem vínculo contratados com natureza permanente.
  • 18. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Eventos Mensais – Folha e Apuração: Abertura da Folha por Empresa Remuneração (Contra-cheque) - Múltiplos Vínculos - Alocação Trabalhador Simples - Dissídios Coletivos Serviços Prestados Serviços Prestados Cooperativas Serviços Tomados Serviços Tomados Cooperativas Aquisição de Produtos Rurais Comercialização da Produção Rural Recursos Recebidos ou Repassados p/ Clube de Futebol Base de Cálculo e Valor Devido das Contribuições/FGTS e IRRF Fechamento da Folha – Confissão de dívida e Geração dos Documentos de arrecadação.
  • 19. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.  Arquitetura do Evento REMUNERAÇÃO Evento Remuneração Validações: Sistema Interno 1 - Contribuinte Cadastro Contribuinte 2 – Abertura da folha 3– Empregado Ativo REC Contribuinte WS 4 – Cargo/função/lotação Rubricas 5 - Rubricas WS 6 – Conteúdo, totais, etc Cargo RET Trabalhador Aplicativo Web Arquivos Originais Função Lotação
  • 20. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Eventos Iniciais Sistema Interno Validação de Estrutura – Schema XML RET WS Cadastro/Tabelas CPF/NIS Do Empregador Eventos Trabalhistas Sistema Interno GRF FGTS Folha de Pagamento WS Eventos Mensais - Folha Arquivo Sistema Interno WS WS Original WS ReceitanetBx Aplicativo Web Ou Código Acesso Browser Autenticador DCTF e DARF
  • 21. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. MATRIZ x ESTABELECIMENTOS  Escrituração por empresa/ente responsável com transmissão descentralizada: – Abertura pela Matriz do ente; – Estabelecimentos. – Setores e departamentos da empresa (lotações);    Quem assina é a empresa/ente: e-CNPJ, procuradores e representantes legais; Controle de perfil transmissão nos sistemas de controle interno da empresa ou órgão público; Arquivo S-1000 – Informações do contribuinte /empregador.
  • 22. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Certificado digital e Procuração eletrônica  Obrigatoriedade de certificado digital ICP-Brasil: A1 ou A3 – Procuração eletrônica. – Subestabelecimento e procuração manual. – Utilização de ambiente RFB e ambiente Caixa;   Exceção por código de acesso: Empresas do Simples Nacional até 2 empregados, MEI e pequeno produtor rural com até 2 empregados e CI equiparado à empresa com até 2 empregados;
  • 23. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. REGIMES – COMPETÊNCIA x CAIXA   Evento Remuneração contém informação do contra-cheque (Remuneração devida) e do pagamento dissociado da remuneração devida no mesmo evento. Competência – valor devido: – Contribuição previdenciária; – FGTS; – IRRF (apenas a base de cálculo).  Caixa – Valor(s) efetivamente pago (regime de caxia): – IRRF (Definição da ocorrência do FG IRRF).
  • 24. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. RETIFICAÇÕES  Eventos – envio de novo arquivo;  Folha de pagamento e outras informações: – Abertura com indicativo de retificação; – Informação(ões) a ser(em) retificada(s); – Encerramento.
  • 25. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
  • 26. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Novos Desafios  Conscientizar a alta gestão da empresa;  Equalizar os conflitos de pápéis;  Governança de compliance;  Transformar informações de folha de pagamento, fiscais, de medicina do trabalho, processos judiciais em processos corporativos.
  • 27. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
  • 28. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
  • 29. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
  • 30. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. 81,8%
  • 31. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo.
  • 32. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. 15% 38,4% 41,2%
  • 33. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. 21,2% 60,8%
  • 34. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. SUPORTE À GERAÇÃO DO eSOCIAL Disponibilização do aplicativo para qualificação do cadastro dos trabalhadores existentes nas empresas – Outubro/2013 – Consulta CPF, PIS/NIT e Data de nascimento na base do sistema CNIS. Manual de especificação técnica do XML e conexão webservice outubro/2013. Ambiente de testes para conexão webservice e recepção dos eventos iniciais (pré-produção) – disponível a partir de novembro/2013. Ambiente de testes para conexão webservice e recepção do cadastramento inicial dos trabalhadores – disponível a partir de março/2014.
  • 35. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. CRONOGRAMA ESTIMADO Obrigatoriedade de prestar a informação via eSocial - módulo empregador doméstico – 120 dias após a publicação da regulamentação da EC 72/2013. Implantação do eSocial por fases para o primeiro grupo de empresas – Empresas do Lucro Real: Até 30/04/2014 – Cadastramento inicial; A partir da competência 05/2014 – Envio dos eventos de mensais de folha e apuração dos tributos. A partir da competência 07/2014 – substituição da GFIP Implantação do eSocial com Recolhimento unificado – MEI e Pequeno Produtor Rural – final do 1º semestre de 2014
  • 36. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. CRONOGRAMA ESTIMADO Implantação do eSocial por fases para o segundo grupo de empresas – Empresas do Lucro Presumido e Simples Nacional: Até 30/09/2014 – Cadastramento inicial; A partir da competência 10/2014 – Envio dos eventos de mensais de folha e apuração dos tributos. A partir da competência 11/2014 – substituição da GFIP. Entes públicos – Administração Direta, Autárquica e Fundacional da União, Estados, Distrito Federal e Municípios - Cadastramento inicial a partir de 01/12/2014 até 31/01/2015. Entrega da primeira competência do eSocial (01/2015) – até 07/02/2015. Substituição da DIRF, RAIS, CAGED e outras informações acessórias – A partir de 01/2015. Entrada do módulo da reclamatória trabalhista – 01/2015.
  • 37. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Bom para o trabalhador! Bom para o empregador! Bom para o Estado! Melhor para o Brasil!
  • 38. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Obrigado!