SlideShare uma empresa Scribd logo
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 1 
Visão Geral
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 2 
O que é sincronia labial 
É o processo de ajuste do movimento da boca e da face com o som das palavras expressadas pelo personagem. 
Patmore (2004).
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 3 
O som no cinema 
1927 
Warner Brothers lançam 
The Jazz Singer introduzindo o som combinado com imagens. 
www.youtube.com/watch?v=gdK37odGSEo&list=PL4264EA1596B55F14&index=8
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 4 
1928 
Walt Disney (EUA), considerado o pai da animação comercial, cria Mickey Mouse. 
Steamboat Williefoi o primeiro desenho animado com som sincronizado 
O som na animação 
https://www.youtube.com/watch?v=BBgghnQF6E4
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 5 
1930 
Ising e Harman criam o primeiro desenho animado da história com diálogo sincronizado ao movimento. 
https://www.youtube.com/watch?v=5kPhP3ZNw6A 
O som na animação
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 6 
•O movimento da fala do personagem é composto pela abertura labial, movimento da face e pela pronúncia do som. 
•Portanto, o movimento pode variar conforme os sons característicos de cada língua diferente. 
•O nível de realismo das falas dependerá do estilo da animação. 
Patmore (2004). 
A sincronia labial | composição
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 7 
De acordo com os personagens criados para a animação, para cada um deles conforme sua forma e anatomia é preparado um mapa de bocas. 
A sincronia labial
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 8 
A sincronia labial
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 9 
A sincronia labial
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 10 
A sincronia labial
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 11 
A sincronia labial
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 12 
A sincronia labial 
É muito mais que apenas sincronizar os lábios com a diálogo. (Williams, 2009) 
•Accents 
•Phrasing 
•Flexibilidade do rosto
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 13 
A sincronia labial 
Consoantes= posições de boca fechada 
Vogais= Para um bom diálogo devem aparecer em destaque 
(Williams, 2009)
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 14 
A sincronia labial 
Oquenãofazer| Williams, 2009
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 15 
A sincronia labial 
Como fazer | Williams, 2009
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 16 
Exemplos de expressões que acompanham o movimento de boca. 
A sincronia labial
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 17 
Exposure Sheet 
NOTAS: 
NFT: 
Número do Fotograma 
VOZ: 
Anotação da falas que serão 
medidas no bar sheet. 
FD: 
Fundo 
N5 até FD: 
Níveis da Animação 
Câmera: 
Especificações de câmera
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 18 
Exposure Sheet
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 19 
http://www.oddcast.com/home/demos/tts/tts_example.php 
Softwares
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 20 
Desenhar seu personagem falando alguma palavra, a quantidade de palavra é dada por equipe: 
•Equipe de 1 pessoa: 1 palavra 
•Equipe de 2 pessoas: 3 palavras 
•Equipe de 3 pessoas: 4 palavras 
•Equipe de 4 pessoas: 5 palavras 
•Equipe de 5 pessoas: 6 palavras 
Exercício
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 21 
(Williams, 2009) 
(Patmore, 2004) 
Conceitos | Referências
LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola 
Animação II | Sincronização 
20| 22 
Conceitos | Referências 
http://www.animationpost.co.uk/doping/dope-frame.htm 
Apostila de Animação 
Eliseu de Souza Lopes Filho 
2005

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pré produção audiovisual
Pré produção audiovisualPré produção audiovisual
Pré produção audiovisual
Marcioveras
 
Guião Literário
Guião LiterárioGuião Literário
Guião Literário
JoanaRodriguesCM
 
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdfPRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdf
UNIP. Universidade Paulista
 
Animação 1 - Personagens - Expressões e Posturas
Animação 1 - Personagens - Expressões e PosturasAnimação 1 - Personagens - Expressões e Posturas
Animação 1 - Personagens - Expressões e Posturas
profealbattaiola
 
Planos para filmagem
Planos para filmagemPlanos para filmagem
Planos para filmagem
Ejavorski
 
08 pre impressao_problemas
08 pre impressao_problemas08 pre impressao_problemas
08 pre impressao_problemas
Leandro Canabrava
 
Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)
Mauricio Mallet Duprat
 
Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)
Mauricio Mallet Duprat
 
A arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa Silva
A arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa SilvaA arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa Silva
A arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa Silva
Teresa Silva
 
Introdução à linguagem audiovisual
Introdução à linguagem audiovisualIntrodução à linguagem audiovisual
Introdução à linguagem audiovisual
Thiago Assumpção
 
O que é um documentário.
O que é um documentário.O que é um documentário.
O que é um documentário.
FArlete
 
Planejamento visual gráfico
Planejamento visual gráficoPlanejamento visual gráfico
Planejamento visual gráfico
Rubem Santana
 
Storyboard
StoryboardStoryboard
Storyboard
Erico Fileno
 
Guia de como elaborar um projeto para documentario
Guia de como elaborar um projeto para documentarioGuia de como elaborar um projeto para documentario
Guia de como elaborar um projeto para documentario
Tihee
 
Produção em TV
Produção em TVProdução em TV
Produção em TV
Júlio Rocha
 
Cinema
CinemaCinema
Aula 4 Griffith
Aula 4 GriffithAula 4 Griffith
Aula 4 Griffith
ismaelfurtado
 
Roteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitárioRoteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitário
Josué Brazil
 
WORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTE
WORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTEWORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTE
WORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTE
RICARDO BARROS DE MIRANDA
 
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdfPRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdf
UNIP. Universidade Paulista
 

Mais procurados (20)

Pré produção audiovisual
Pré produção audiovisualPré produção audiovisual
Pré produção audiovisual
 
Guião Literário
Guião LiterárioGuião Literário
Guião Literário
 
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdfPRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL - Etapas da Produção pdf
 
Animação 1 - Personagens - Expressões e Posturas
Animação 1 - Personagens - Expressões e PosturasAnimação 1 - Personagens - Expressões e Posturas
Animação 1 - Personagens - Expressões e Posturas
 
Planos para filmagem
Planos para filmagemPlanos para filmagem
Planos para filmagem
 
08 pre impressao_problemas
08 pre impressao_problemas08 pre impressao_problemas
08 pre impressao_problemas
 
Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 2 (Ângulos e Efeitos Psicológicos)
 
Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)
Elementos narrativos do cinema - Parte 1 (Planos e enquadramentos)
 
A arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa Silva
A arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa SilvaA arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa Silva
A arte do cinema: Como se faz um filme - Teresa Silva
 
Introdução à linguagem audiovisual
Introdução à linguagem audiovisualIntrodução à linguagem audiovisual
Introdução à linguagem audiovisual
 
O que é um documentário.
O que é um documentário.O que é um documentário.
O que é um documentário.
 
Planejamento visual gráfico
Planejamento visual gráficoPlanejamento visual gráfico
Planejamento visual gráfico
 
Storyboard
StoryboardStoryboard
Storyboard
 
Guia de como elaborar um projeto para documentario
Guia de como elaborar um projeto para documentarioGuia de como elaborar um projeto para documentario
Guia de como elaborar um projeto para documentario
 
Produção em TV
Produção em TVProdução em TV
Produção em TV
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Aula 4 Griffith
Aula 4 GriffithAula 4 Griffith
Aula 4 Griffith
 
Roteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitárioRoteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitário
 
WORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTE
WORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTEWORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTE
WORKSHOP DIREÇÃO DE PROGRAMAS DE TV 2ª PARTE
 
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdfPRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdf
PRODUÇÃO AUDIOVISUAL Processos de produção audiovisual pdf
 

Destaque

Anim2 aula10 softwares
Anim2 aula10 softwaresAnim2 aula10 softwares
Anim2 aula10 softwares
profealbattaiola
 
Anim2 Aula04 Ciclo de Caminhada
Anim2 Aula04 Ciclo de CaminhadaAnim2 Aula04 Ciclo de Caminhada
Anim2 Aula04 Ciclo de Caminhada
profealbattaiola
 
Anim2 Aula03 truques
Anim2 Aula03 truquesAnim2 Aula03 truques
Anim2 Aula03 truques
profealbattaiola
 
Anim2 Aula07 Temporizacao
Anim2 Aula07 TemporizacaoAnim2 Aula07 Temporizacao
Anim2 Aula07 Temporizacao
profealbattaiola
 
Anim2 aula0809 Cores_Background
Anim2 aula0809 Cores_BackgroundAnim2 aula0809 Cores_Background
Anim2 aula0809 Cores_Background
profealbattaiola
 
Anim2 Aula11 Preço_Custo
Anim2 Aula11 Preço_CustoAnim2 Aula11 Preço_Custo
Anim2 Aula11 Preço_Custo
profealbattaiola
 
Anim2 Aula05 Planejamento
Anim2 Aula05 PlanejamentoAnim2 Aula05 Planejamento
Anim2 Aula05 Planejamento
profealbattaiola
 
30561
3056130561
Anim2 aula02 tecnicas2
Anim2 aula02 tecnicas2Anim2 aula02 tecnicas2
Anim2 aula02 tecnicas2
profealbattaiola
 
Anim2 Aula01 Percepcao
Anim2 Aula01 PercepcaoAnim2 Aula01 Percepcao
Anim2 Aula01 Percepcao
profealbattaiola
 
AULA 2: História da Animação
AULA 2: História da AnimaçãoAULA 2: História da Animação
AULA 2: História da Animação
Dra. Camila Hamdan
 
Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)
Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)
Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)
Mauricio Mallet Duprat
 
Movimentos de Luta (Animação 3D) by Victor Kallahan
Movimentos de Luta (Animação 3D) by  Victor Kallahan Movimentos de Luta (Animação 3D) by  Victor Kallahan
Movimentos de Luta (Animação 3D) by Victor Kallahan
Dra. Camila Hamdan
 
NormasLegis - (2) Direito de Autor
NormasLegis - (2) Direito de AutorNormasLegis - (2) Direito de Autor
NormasLegis - (2) Direito de Autor
profealbattaiola
 
Modelos artisticos
Modelos artisticosModelos artisticos
Modelos artisticos
fmusarra
 
Descoberta da Técnica da Animação
Descoberta da Técnica da AnimaçãoDescoberta da Técnica da Animação
Descoberta da Técnica da Animação
fmusarra
 
NormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã Zuleide
NormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã ZuleideNormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã Zuleide
NormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã Zuleide
profealbattaiola
 
Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho
Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho
Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho
Dra. Camila Hamdan
 
Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015
Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015
Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015
Dra. Camila Hamdan
 
GTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza Bagano
GTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza BaganoGTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza Bagano
GTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza Bagano
Dra. Camila Hamdan
 

Destaque (20)

Anim2 aula10 softwares
Anim2 aula10 softwaresAnim2 aula10 softwares
Anim2 aula10 softwares
 
Anim2 Aula04 Ciclo de Caminhada
Anim2 Aula04 Ciclo de CaminhadaAnim2 Aula04 Ciclo de Caminhada
Anim2 Aula04 Ciclo de Caminhada
 
Anim2 Aula03 truques
Anim2 Aula03 truquesAnim2 Aula03 truques
Anim2 Aula03 truques
 
Anim2 Aula07 Temporizacao
Anim2 Aula07 TemporizacaoAnim2 Aula07 Temporizacao
Anim2 Aula07 Temporizacao
 
Anim2 aula0809 Cores_Background
Anim2 aula0809 Cores_BackgroundAnim2 aula0809 Cores_Background
Anim2 aula0809 Cores_Background
 
Anim2 Aula11 Preço_Custo
Anim2 Aula11 Preço_CustoAnim2 Aula11 Preço_Custo
Anim2 Aula11 Preço_Custo
 
Anim2 Aula05 Planejamento
Anim2 Aula05 PlanejamentoAnim2 Aula05 Planejamento
Anim2 Aula05 Planejamento
 
30561
3056130561
30561
 
Anim2 aula02 tecnicas2
Anim2 aula02 tecnicas2Anim2 aula02 tecnicas2
Anim2 aula02 tecnicas2
 
Anim2 Aula01 Percepcao
Anim2 Aula01 PercepcaoAnim2 Aula01 Percepcao
Anim2 Aula01 Percepcao
 
AULA 2: História da Animação
AULA 2: História da AnimaçãoAULA 2: História da Animação
AULA 2: História da Animação
 
Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)
Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)
Conceitos Básicos da Animação (p.2/3)
 
Movimentos de Luta (Animação 3D) by Victor Kallahan
Movimentos de Luta (Animação 3D) by  Victor Kallahan Movimentos de Luta (Animação 3D) by  Victor Kallahan
Movimentos de Luta (Animação 3D) by Victor Kallahan
 
NormasLegis - (2) Direito de Autor
NormasLegis - (2) Direito de AutorNormasLegis - (2) Direito de Autor
NormasLegis - (2) Direito de Autor
 
Modelos artisticos
Modelos artisticosModelos artisticos
Modelos artisticos
 
Descoberta da Técnica da Animação
Descoberta da Técnica da AnimaçãoDescoberta da Técnica da Animação
Descoberta da Técnica da Animação
 
NormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã Zuleide
NormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã ZuleideNormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã Zuleide
NormasLegis - (3) Fotografia - Caso Putz e Irmã Zuleide
 
Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho
Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho
Trabalhos Sortidos (montagem) by Vinícius Carvalho
 
Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015
Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015
Modelo para Apresentação (Avaliacao 1): Modelagem 3D_1o. semestre 2015
 
GTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza Bagano
GTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza BaganoGTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza Bagano
GTA Lego (Animação em Stop Motion) by Icaro Souza Bagano
 

Mais de profealbattaiola

NormasLegis - (4) Música - Plágio
NormasLegis - (4) Música - PlágioNormasLegis - (4) Música - Plágio
NormasLegis - (4) Música - Plágio
profealbattaiola
 
NormasLegis - (1) Criações Intelectuais
NormasLegis - (1) Criações IntelectuaisNormasLegis - (1) Criações Intelectuais
NormasLegis - (1) Criações Intelectuais
profealbattaiola
 
Ementa hd714 2013
Ementa hd714 2013Ementa hd714 2013
Ementa hd714 2013
profealbattaiola
 
NormasLegis - (6) Contrato
NormasLegis - (6) ContratoNormasLegis - (6) Contrato
NormasLegis - (6) Contrato
profealbattaiola
 
NormasLegis - (5) Questoes Juridicas
NormasLegis - (5) Questoes JuridicasNormasLegis - (5) Questoes Juridicas
NormasLegis - (5) Questoes Juridicas
profealbattaiola
 
Animação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / Personagem
Animação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / PersonagemAnimação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / Personagem
Animação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / Personagem
profealbattaiola
 
Animação 1 - Roteiro (2) Roteiro Literário
Animação 1 - Roteiro (2) Roteiro LiterárioAnimação 1 - Roteiro (2) Roteiro Literário
Animação 1 - Roteiro (2) Roteiro Literário
profealbattaiola
 
Animação 1 - Roteiro (1) Narrativa
Animação 1 - Roteiro (1) NarrativaAnimação 1 - Roteiro (1) Narrativa
Animação 1 - Roteiro (1) Narrativa
profealbattaiola
 
Animação 1 - Arquetipos
Animação 1 - ArquetiposAnimação 1 - Arquetipos
Animação 1 - Arquetipos
profealbattaiola
 
Estágio - Regras de Apresentacao
Estágio - Regras de ApresentacaoEstágio - Regras de Apresentacao
Estágio - Regras de Apresentacao
profealbattaiola
 
Estágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leisEstágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leis
profealbattaiola
 
Estágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPR
Estágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPREstágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPR
Estágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPR
profealbattaiola
 
HQ - Resumo Conceitos
HQ - Resumo ConceitosHQ - Resumo Conceitos
HQ - Resumo Conceitos
profealbattaiola
 

Mais de profealbattaiola (13)

NormasLegis - (4) Música - Plágio
NormasLegis - (4) Música - PlágioNormasLegis - (4) Música - Plágio
NormasLegis - (4) Música - Plágio
 
NormasLegis - (1) Criações Intelectuais
NormasLegis - (1) Criações IntelectuaisNormasLegis - (1) Criações Intelectuais
NormasLegis - (1) Criações Intelectuais
 
Ementa hd714 2013
Ementa hd714 2013Ementa hd714 2013
Ementa hd714 2013
 
NormasLegis - (6) Contrato
NormasLegis - (6) ContratoNormasLegis - (6) Contrato
NormasLegis - (6) Contrato
 
NormasLegis - (5) Questoes Juridicas
NormasLegis - (5) Questoes JuridicasNormasLegis - (5) Questoes Juridicas
NormasLegis - (5) Questoes Juridicas
 
Animação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / Personagem
Animação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / PersonagemAnimação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / Personagem
Animação 1 - Roteiro (3) Documento de Criação de Narrativa / Personagem
 
Animação 1 - Roteiro (2) Roteiro Literário
Animação 1 - Roteiro (2) Roteiro LiterárioAnimação 1 - Roteiro (2) Roteiro Literário
Animação 1 - Roteiro (2) Roteiro Literário
 
Animação 1 - Roteiro (1) Narrativa
Animação 1 - Roteiro (1) NarrativaAnimação 1 - Roteiro (1) Narrativa
Animação 1 - Roteiro (1) Narrativa
 
Animação 1 - Arquetipos
Animação 1 - ArquetiposAnimação 1 - Arquetipos
Animação 1 - Arquetipos
 
Estágio - Regras de Apresentacao
Estágio - Regras de ApresentacaoEstágio - Regras de Apresentacao
Estágio - Regras de Apresentacao
 
Estágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leisEstágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leis
 
Estágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPR
Estágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPREstágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPR
Estágio - Informações Núcleo de Estágios da UFPR
 
HQ - Resumo Conceitos
HQ - Resumo ConceitosHQ - Resumo Conceitos
HQ - Resumo Conceitos
 

Último

Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Luzia Gabriele
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa CivilSeminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
EduardoLealSilva
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 

Último (20)

Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa CivilSeminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 

Anim2 Aula06 Sincronia

  • 1. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 1 Visão Geral
  • 2. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 2 O que é sincronia labial É o processo de ajuste do movimento da boca e da face com o som das palavras expressadas pelo personagem. Patmore (2004).
  • 3. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 3 O som no cinema 1927 Warner Brothers lançam The Jazz Singer introduzindo o som combinado com imagens. www.youtube.com/watch?v=gdK37odGSEo&list=PL4264EA1596B55F14&index=8
  • 4. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 4 1928 Walt Disney (EUA), considerado o pai da animação comercial, cria Mickey Mouse. Steamboat Williefoi o primeiro desenho animado com som sincronizado O som na animação https://www.youtube.com/watch?v=BBgghnQF6E4
  • 5. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 5 1930 Ising e Harman criam o primeiro desenho animado da história com diálogo sincronizado ao movimento. https://www.youtube.com/watch?v=5kPhP3ZNw6A O som na animação
  • 6. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 6 •O movimento da fala do personagem é composto pela abertura labial, movimento da face e pela pronúncia do som. •Portanto, o movimento pode variar conforme os sons característicos de cada língua diferente. •O nível de realismo das falas dependerá do estilo da animação. Patmore (2004). A sincronia labial | composição
  • 7. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 7 De acordo com os personagens criados para a animação, para cada um deles conforme sua forma e anatomia é preparado um mapa de bocas. A sincronia labial
  • 8. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 8 A sincronia labial
  • 9. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 9 A sincronia labial
  • 10. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 10 A sincronia labial
  • 11. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 11 A sincronia labial
  • 12. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 12 A sincronia labial É muito mais que apenas sincronizar os lábios com a diálogo. (Williams, 2009) •Accents •Phrasing •Flexibilidade do rosto
  • 13. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 13 A sincronia labial Consoantes= posições de boca fechada Vogais= Para um bom diálogo devem aparecer em destaque (Williams, 2009)
  • 14. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 14 A sincronia labial Oquenãofazer| Williams, 2009
  • 15. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 15 A sincronia labial Como fazer | Williams, 2009
  • 16. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 16 Exemplos de expressões que acompanham o movimento de boca. A sincronia labial
  • 17. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 17 Exposure Sheet NOTAS: NFT: Número do Fotograma VOZ: Anotação da falas que serão medidas no bar sheet. FD: Fundo N5 até FD: Níveis da Animação Câmera: Especificações de câmera
  • 18. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 18 Exposure Sheet
  • 19. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 19 http://www.oddcast.com/home/demos/tts/tts_example.php Softwares
  • 20. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 20 Desenhar seu personagem falando alguma palavra, a quantidade de palavra é dada por equipe: •Equipe de 1 pessoa: 1 palavra •Equipe de 2 pessoas: 3 palavras •Equipe de 3 pessoas: 4 palavras •Equipe de 4 pessoas: 5 palavras •Equipe de 5 pessoas: 6 palavras Exercício
  • 21. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 21 (Williams, 2009) (Patmore, 2004) Conceitos | Referências
  • 22. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Sincronização 20| 22 Conceitos | Referências http://www.animationpost.co.uk/doping/dope-frame.htm Apostila de Animação Eliseu de Souza Lopes Filho 2005