SlideShare uma empresa Scribd logo
Administração Sistemas de Informação Sistema de Informações Gerenciais – SIG
Gerencial Gerencial é o processo administrativo (planejamento, organização, direção e controle) voltado para resultados.
Definições Existem várias definições para a expressão Sistema de Informações Gerenciais – SIG, como por exemplo:
Definições Sistema de informações gerenciais é um sistema integrado homem-máquina que provê informações para dar suporte às funções de operação, administração e tomada de decisão na empresa (Davis, 1982:11)
Definições Sistema de informações gerenciais é um sistema voltado para a coleta, armazenagem, recuperação e processamento de informação que é usada ou desejada, por um ou mais executivos no desempenho de suas atividades (Ein-Dor e Segev; 1983:14)
Definições Levando-se em consideração as várias definições podemos definir Sistema de Informações Gerencias como sendo:
Definições Sistema de Informações Gerenciais (SIG) é o processo de transformação de dados em informações que são utilizadas na estrutura decisória da empresa, proporcionando, ainda, a sustentação administrativa para otimizar os resultados esperados.
Abordagem O SIG aborda apenas uma parte das informações globais da empresa.
Sistema de Informações Gerenciais – SIG O SIG é um sistema projetado para oferecer informações seguras ao executivo, para suas tomadas de decisões sólidas resultando na concretização dos objetivos previamente estabelecidos.
Sistema de Informações Gerenciais – SIG Podemos dizer que o SIG não deve ser encarado como modismo em administração. Modismos (idéias prontas e acabadas) se enquadram nos chamados pacotes, que se seguido a risca podem levar as empresas ao caos.
Ações para os Momentos de Crise Podemos dizer que ao longo de sua existência a empresa pode passar por várias crises, tendo como causas: Externas (ambiente) e Internas
Ações para os Momentos de Crise Em momentos de crise o executivo deve promover ações, como:
Ações para os Momentos de Crise Na área operacional, promover: Estudo e racionalização dos produtos existentes; Desenvolvimento de novos produtos; Estudo para racionalização dos fluxos de produção; Controle mais rigoroso de qualidade dos produtos; e Controle e eliminação de perdas de produção.  Na área mercadológica, promover: Estudo e identificação das necessidades de mercado; Desenvolvimento de novos mercados; Acompanhamento das atividades dos principais concorrentes; Estudos dos custos promocionais e seu grau de efetividade; e Controle e análise detalhada de cada mercado e cliente.
Ações para os Momentos de Crise Na área financeira, promover: Identificação da estrutura mais adequada de capital; Controle de prazos e rotação de valores; Otimização das melhores fontes de financiamento; Controle do capital de giro; e Controle efetivo do fluxo de caixa da empresa. Na área administrativa, promover: Otimização dos sistemas de controle administrativo; Otimização dos sistemas contábil e orçamentário; Otimização dos sistemas de apuração de custos; Otimização dos sistemas de controle computadorizado; e Otimização dos sistemas de informação gerencial.
Pontos Básicos O desenvolvimento e a implementação do SIG deve possuir efetiva colaboração na adequação das empresas perante os pontos básicos que são inerentes a uma provável economia nacional e interancional.
Pontos Básicos Capacidade para investir gradualmente; Capacidade para produzir volumes crescentes; Produtividade em termos de qualidade, custos, tecnologia e recursos humanos; Capacidade tecnológica (informação, engenharia de produto e de produção); Capacidade logística de distribuição; Desenvolvimento de inovações (novos processos, produtos e serviços); Capacidade de agregar serviços valorizados a produtos; comunicação segmentada eficiente; Eficácia mercadológica (marketing orientado); e Flexibilidade empresarial.
Nível de Criatividade O desenvolvimento do SIG envolve elevado nível de criatividade e realização das pessoas envolvidas. Isto porque, a partir de um problema identificado, o executivo deve explicitar elevada criatividade para chegar até a decisão a ser operacionalizada. E a sua realização como profissional pode ocorrer no momento de o processo decisório apresentar os resultados.
Nível de Criatividade
Importância dos sistemas de informações gerenciais para as empresas Há uma certa dificuldade em avaliar, de forma quantitativa, o efetivo benefício de um SIG, isto é, a melhoria do processo decisório. Pode-se trabalhar com base numa lista de hipóteses sobre os impactos dos SIG’s na empresa o que propicia ao executivo um entendimento, mesmo que genérico de sua importância.
Benefícios do SIG Melhoria na produtividade, tanto setorial quanto global; Melhoria nos serviços realizados e oferecidos; Melhoria na tomada de decisões, através do fornecimento de informações mais rápidas e precisas; Estímulo de maior interação entre os tomadores de decisão; Fornecimento de melhores projeções dos efeitos das decisões; Melhoria na estrutura organizacional, por facilitar o fluxo de informações; Melhoria na estrutura de poder, propiciando maior poder para aqueles que entendem e controlam o sistema; Redução do grau de centralização de decisões na empresa;
Benefícios do SIG Melhoria na adaptação da empresa para enfrentar os acontecimentos não previstos, a partir das constantes mutações nos fatores ambientais; Otimização na prestação dos seus serviços aos clientes; Melhor interação com os seus fornecedores; Melhoria nas atitudes e atividades dos funcionários da empresa; Aumento do nível de motivação das pessoas envolvidas; Redução dos custos operacionais; Redução da mão-de-obra burocrática; e Redução dos níveis hierárquicos.
Geração de Informações Decisóriais Os sistemas informativos através da geração de informações decisóriais contribuem para a eficácia do executivo no exercício das funções de planejamento, organização, direção e controle na gestão das empresas, pressupondo:
Geração de Informações Decisóriais A predisposição de um esquema de planejamento em seus níveis estratégico, tático e operacional, contemplando todos os centros de responsabilidade da empresa; O levantamento contínuo e imediato dos resultados da gestão empresarial;
Geração de Informações Decisóriais A comparação dos resultados efetivos com os dados previstos, constantes do processo de planejamento; e A análise das variações entre os resultados apresentados e o planejamento efetuado, bem como a regularização dos desvios, através do funcionamento dos centros de responsabilidade da empresa.
Aspectos a serem observados Para que a empresa possa usufruir das vantagens Básicas do SIG é necessário se observar alguns aspectos:
Aspectos a serem observados O envolvimento adequado da Alta e Média Administração com o SIG; A competência por parte das pessoas envolvidas no SIG; O uso de um plano-mestre; A atenção específica ao fator humano da empresa; A habilidade dos executivos da empresa em identificar a necessidade de informações; A habilidade dos executivos da empresa para tomarem decisões com base em informações;
Aspectos a serem observados O apoio global dos vários planejamentos da empresa; O apoio de adequada estrutura organizacional e das normas e dos procedimentos inerentes aos sistemas; O apoio catalisador de um sistema de controladoria (contabilidade, custos e orçamentos); O conhecimento e a confiança no sistema de informações gerenciais; A existência de dados/informações relevantes e atualizados; e A adequada relação custo x beneficio
Valor efetivo da informação Deve ser considerado o valor efetivo das informações, que pode resultar em: O impacto que a informação provoca nas decisões dos executivos; e A utilidade desta informação, tendo em vista o seu tempo de utilização pela empresa.
Valor efetivo da informação
Suposições Comuns e Erradas Segundo Ackoff O executivo necessita muito de informações mais relevantes; O executivo precisa das informações que deseja; Entregues ao executivo as informações que ele necessita, suas decisões melhorarão; Mais comunicação significa desempenho melhor; e Um executivo não tem que saber como funciona um sistema de informações, mas apenas como usá-lo.
SIG Eficiente Segundo Ronchi Significância das informações transmitidas; Rapidez com que as informações fluem dos pontos sensores aos centros de decisão; e Características do processo de decisão (periodicidade das decisões, grau de análise das informações com base nas quais é tomada a decisão, grau de coordenação).
Questões Defina gerencial? Segundo Davis (1982: 11), qual a definição de sistema de informações gerenciais? Levando-se em consideração as várias definições de sistemas de informações gerenciais, apresentadas como podemos defini-la? As empresas passam por vários momentos de crise ao longo de sua existência, sendo que as causas podem ser tanto externas (ambientais) como internas e nestes momentos os executivos devem promover algumas ações, em quais áreas devem ser promovidas? O SIG deve ser muito bem desenvolvido e implementado e ter efetiva colaboração na adequação das empresas perante os pontos básicos inerentes a um cenário provável para a economia nacional e internacional. Quais são estes pontos?
Questões O que deve pressupor os sistemas informativos através da geração de informações decisoriais que contribuem para a eficácia do executivo no exercício das funções de planejamento, organização, direção e controle na gestão das empresas? Quais são as cinco suposições comuns e erradas que têm levado os SIG a fracassar como solução para todo tipo de solução empresarial, que Ackoff (1974: 79) chama a atenção? Quais são os elementos evidenciados para que um sistema de informações gerenciais seja eficiente, segundo Ronchi (1977:69)?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencialSistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencial
Denilson Sousa
 
Introdução à Sistemas de Informação
Introdução à Sistemas de InformaçãoIntrodução à Sistemas de Informação
Introdução à Sistemas de Informação
Álvaro Farias Pinheiro
 
Sistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação GerencialSistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação Gerencial
Loham Silva
 
Sistemas de Informações Gerenciais - SIG
Sistemas de Informações Gerenciais - SIGSistemas de Informações Gerenciais - SIG
Sistemas de Informações Gerenciais - SIG
MúsicaParaense.Org
 
SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)
SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)
SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)
Mauricio Mota da Silva
 
7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade
Virginia Gonçalves
 
ERP
ERPERP
Principios de gestão da qualidade
Principios de gestão da qualidadePrincipios de gestão da qualidade
Principios de gestão da qualidade
Gilson Adao
 
Sistemas de apoio à decisão - SAD
Sistemas de apoio à decisão - SADSistemas de apoio à decisão - SAD
Sistemas de apoio à decisão - SAD
José Luiz Wollinger
 
Administração aula 1
Administração aula 1Administração aula 1
Administração aula 1
Rodrigo Dilio Said
 
SIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RH
SIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RHSIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RH
SIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RH
Antonio Pinto Pereira
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
toni984
 
Sistema de Informação na Empresa
Sistema de Informação na EmpresaSistema de Informação na Empresa
Sistema de Informação na Empresa
Adeildo Telles
 
A importância dos sistemas de informação nas organizações slideshare
A importância dos sistemas de informação nas organizações slideshareA importância dos sistemas de informação nas organizações slideshare
A importância dos sistemas de informação nas organizações slideshare
Faculdade Evangélica de Brasília
 
Gestão Da Informação
Gestão Da InformaçãoGestão Da Informação
Gestão Da Informação
Felipe Goulart
 
Clima organizacional
Clima organizacionalClima organizacional
Clima organizacional
Larissa Estevão
 
Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)
Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)
Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)
Gustavo Zimmermann
 
Sistema de Apoio a Decisao
Sistema de Apoio a DecisaoSistema de Apoio a Decisao
Sistema de Apoio a Decisao
Denilson Sousa
 
Aula 3 - Dimensão 1 - Estrutura Organizacional
Aula 3 - Dimensão 1 - Estrutura OrganizacionalAula 3 - Dimensão 1 - Estrutura Organizacional
Aula 3 - Dimensão 1 - Estrutura Organizacional
Prof. Leonardo Rocha
 
Teoria geral da administração
Teoria geral da administraçãoTeoria geral da administração
Teoria geral da administração
Denis Carlos Sodré
 

Mais procurados (20)

Sistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencialSistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencial
 
Introdução à Sistemas de Informação
Introdução à Sistemas de InformaçãoIntrodução à Sistemas de Informação
Introdução à Sistemas de Informação
 
Sistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação GerencialSistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação Gerencial
 
Sistemas de Informações Gerenciais - SIG
Sistemas de Informações Gerenciais - SIGSistemas de Informações Gerenciais - SIG
Sistemas de Informações Gerenciais - SIG
 
SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)
SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)
SCM - Supply Chain Management (Gestão da cadeia de suprimentos)
 
7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade
 
ERP
ERPERP
ERP
 
Principios de gestão da qualidade
Principios de gestão da qualidadePrincipios de gestão da qualidade
Principios de gestão da qualidade
 
Sistemas de apoio à decisão - SAD
Sistemas de apoio à decisão - SADSistemas de apoio à decisão - SAD
Sistemas de apoio à decisão - SAD
 
Administração aula 1
Administração aula 1Administração aula 1
Administração aula 1
 
SIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RH
SIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RHSIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RH
SIG - Sistema de Informação Gerencial - Técnico em RH
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
 
Sistema de Informação na Empresa
Sistema de Informação na EmpresaSistema de Informação na Empresa
Sistema de Informação na Empresa
 
A importância dos sistemas de informação nas organizações slideshare
A importância dos sistemas de informação nas organizações slideshareA importância dos sistemas de informação nas organizações slideshare
A importância dos sistemas de informação nas organizações slideshare
 
Gestão Da Informação
Gestão Da InformaçãoGestão Da Informação
Gestão Da Informação
 
Clima organizacional
Clima organizacionalClima organizacional
Clima organizacional
 
Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)
Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)
Noções de Administração: Funções da Administração (aula 1)
 
Sistema de Apoio a Decisao
Sistema de Apoio a DecisaoSistema de Apoio a Decisao
Sistema de Apoio a Decisao
 
Aula 3 - Dimensão 1 - Estrutura Organizacional
Aula 3 - Dimensão 1 - Estrutura OrganizacionalAula 3 - Dimensão 1 - Estrutura Organizacional
Aula 3 - Dimensão 1 - Estrutura Organizacional
 
Teoria geral da administração
Teoria geral da administraçãoTeoria geral da administração
Teoria geral da administração
 

Semelhante a Administração Sistemas de Informação - Sistema de Informações Gerenciais – SIG

Tecnologia De Tomada De Decisão
Tecnologia De Tomada De DecisãoTecnologia De Tomada De Decisão
Tecnologia De Tomada De Decisão
Cleiton Fernandes
 
Orçamento Empresarial
Orçamento EmpresarialOrçamento Empresarial
Orçamento Empresarial
Acies Consultoria Empresarial
 
Fsi 03 - capitulo 02
Fsi  03 -  capitulo 02Fsi  03 -  capitulo 02
Fsi 03 - capitulo 02
Caroline Raquel Rodrigues
 
Business Intelligence
Business Intelligence  Business Intelligence
Business Intelligence
Helter Siqueira
 
Adm sistemas 01_novo
Adm sistemas 01_novoAdm sistemas 01_novo
Adm sistemas 01_novo
Caroline Raquel Rodrigues
 
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo  ads - 6. semestre enviarPortfolio em grupo  ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
edinaldo lopes da cr lopes
 
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII FatecBusiness Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
LarissaGutierrez2
 
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
edinaldo lopes da cr lopes
 
Artigo sig
Artigo sigArtigo sig
Artigo sig
azrael1313
 
Analise_processos_com_foco_em_Riscos
Analise_processos_com_foco_em_RiscosAnalise_processos_com_foco_em_Riscos
Analise_processos_com_foco_em_Riscos
Vitor Flisch Cavalanti
 
ERP - Sistema de Gestão Empresarial
ERP - Sistema de Gestão EmpresarialERP - Sistema de Gestão Empresarial
ERP - Sistema de Gestão Empresarial
Thiago Silveira
 
Sig
SigSig
Sistema de informações gerenciais - SIG
Sistema de informações gerenciais - SIGSistema de informações gerenciais - SIG
Sistema de informações gerenciais - SIG
David Marcus Mápelli
 
Gestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócioGestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócio
Joyce Paiva
 
Sig
SigSig
Sig i
Sig iSig i
Apresentação infinity acies
Apresentação infinity   aciesApresentação infinity   acies
Apresentação infinity acies
ALEstrategico
 
1a aula conceitos
1a aula   conceitos1a aula   conceitos
1a aula conceitos
Elbaborgess
 
Sistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencialSistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencial
Nayron Fernandes
 
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e EstratégicosSistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Claudio Barbosa
 

Semelhante a Administração Sistemas de Informação - Sistema de Informações Gerenciais – SIG (20)

Tecnologia De Tomada De Decisão
Tecnologia De Tomada De DecisãoTecnologia De Tomada De Decisão
Tecnologia De Tomada De Decisão
 
Orçamento Empresarial
Orçamento EmpresarialOrçamento Empresarial
Orçamento Empresarial
 
Fsi 03 - capitulo 02
Fsi  03 -  capitulo 02Fsi  03 -  capitulo 02
Fsi 03 - capitulo 02
 
Business Intelligence
Business Intelligence  Business Intelligence
Business Intelligence
 
Adm sistemas 01_novo
Adm sistemas 01_novoAdm sistemas 01_novo
Adm sistemas 01_novo
 
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo  ads - 6. semestre enviarPortfolio em grupo  ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
 
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII FatecBusiness Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
Business Intelligence aplicado à Gestão Empresarial - TGII Fatec
 
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
 
Artigo sig
Artigo sigArtigo sig
Artigo sig
 
Analise_processos_com_foco_em_Riscos
Analise_processos_com_foco_em_RiscosAnalise_processos_com_foco_em_Riscos
Analise_processos_com_foco_em_Riscos
 
ERP - Sistema de Gestão Empresarial
ERP - Sistema de Gestão EmpresarialERP - Sistema de Gestão Empresarial
ERP - Sistema de Gestão Empresarial
 
Sig
SigSig
Sig
 
Sistema de informações gerenciais - SIG
Sistema de informações gerenciais - SIGSistema de informações gerenciais - SIG
Sistema de informações gerenciais - SIG
 
Gestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócioGestão de indicadores de negócio
Gestão de indicadores de negócio
 
Sig
SigSig
Sig
 
Sig i
Sig iSig i
Sig i
 
Apresentação infinity acies
Apresentação infinity   aciesApresentação infinity   acies
Apresentação infinity acies
 
1a aula conceitos
1a aula   conceitos1a aula   conceitos
1a aula conceitos
 
Sistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencialSistema de informação gerencial
Sistema de informação gerencial
 
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e EstratégicosSistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
 

Mais de Cursos Profissionalizantes

Hiv o início
Hiv o inícioHiv o início
Atendimento Ao Cliente Na Nova Economia
Atendimento Ao Cliente Na Nova EconomiaAtendimento Ao Cliente Na Nova Economia
Atendimento Ao Cliente Na Nova Economia
Cursos Profissionalizantes
 
Curso de Administração Geral
Curso de Administração GeralCurso de Administração Geral
Curso de Administração Geral
Cursos Profissionalizantes
 
Marketing de Serviços
Marketing de ServiçosMarketing de Serviços
Marketing de Serviços
Cursos Profissionalizantes
 
Técnicas de Recrutamento
Técnicas de RecrutamentoTécnicas de Recrutamento
Técnicas de Recrutamento
Cursos Profissionalizantes
 
Administração Geral
Administração GeralAdministração Geral
Administração Geral
Cursos Profissionalizantes
 
Marketing Pessoal
Marketing PessoalMarketing Pessoal
Marketing Pessoal
Cursos Profissionalizantes
 
Atendimento ao Cliente na Nova economia
Atendimento ao Cliente na Nova economiaAtendimento ao Cliente na Nova economia
Atendimento ao Cliente na Nova economia
Cursos Profissionalizantes
 
Então é natal
Então é natalEntão é natal
Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?
Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?
Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?
Cursos Profissionalizantes
 
Elaboração de projetos acadêmicos
Elaboração de projetos acadêmicosElaboração de projetos acadêmicos
Elaboração de projetos acadêmicos
Cursos Profissionalizantes
 
Como escrever teses
Como escrever tesesComo escrever teses
Como escrever teses
Cursos Profissionalizantes
 
Como escrever dissertações
Como escrever dissertaçõesComo escrever dissertações
Como escrever dissertações
Cursos Profissionalizantes
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
Cursos Profissionalizantes
 
Comunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentaçãoComunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentação
Cursos Profissionalizantes
 
Comunicação empresarial parte 1
Comunicação empresarial parte 1Comunicação empresarial parte 1
Comunicação empresarial parte 1
Cursos Profissionalizantes
 
Comunicação empresarial Parte 2
Comunicação empresarial Parte 2Comunicação empresarial Parte 2
Comunicação empresarial Parte 2
Cursos Profissionalizantes
 
Aulão de redação -Resumo de redação
Aulão de redação -Resumo de redaçãoAulão de redação -Resumo de redação
Aulão de redação -Resumo de redação
Cursos Profissionalizantes
 
Apresentação de plano de negócios
Apresentação de plano de negóciosApresentação de plano de negócios
Apresentação de plano de negócios
Cursos Profissionalizantes
 
Marketing
MarketingMarketing

Mais de Cursos Profissionalizantes (20)

Hiv o início
Hiv o inícioHiv o início
Hiv o início
 
Atendimento Ao Cliente Na Nova Economia
Atendimento Ao Cliente Na Nova EconomiaAtendimento Ao Cliente Na Nova Economia
Atendimento Ao Cliente Na Nova Economia
 
Curso de Administração Geral
Curso de Administração GeralCurso de Administração Geral
Curso de Administração Geral
 
Marketing de Serviços
Marketing de ServiçosMarketing de Serviços
Marketing de Serviços
 
Técnicas de Recrutamento
Técnicas de RecrutamentoTécnicas de Recrutamento
Técnicas de Recrutamento
 
Administração Geral
Administração GeralAdministração Geral
Administração Geral
 
Marketing Pessoal
Marketing PessoalMarketing Pessoal
Marketing Pessoal
 
Atendimento ao Cliente na Nova economia
Atendimento ao Cliente na Nova economiaAtendimento ao Cliente na Nova economia
Atendimento ao Cliente na Nova economia
 
Então é natal
Então é natalEntão é natal
Então é natal
 
Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?
Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?
Trabalhos acadêmicos, o que são? como faze-los?
 
Elaboração de projetos acadêmicos
Elaboração de projetos acadêmicosElaboração de projetos acadêmicos
Elaboração de projetos acadêmicos
 
Como escrever teses
Como escrever tesesComo escrever teses
Como escrever teses
 
Como escrever dissertações
Como escrever dissertaçõesComo escrever dissertações
Como escrever dissertações
 
Técnicas de negociação
Técnicas de negociaçãoTécnicas de negociação
Técnicas de negociação
 
Comunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentaçãoComunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentação
 
Comunicação empresarial parte 1
Comunicação empresarial parte 1Comunicação empresarial parte 1
Comunicação empresarial parte 1
 
Comunicação empresarial Parte 2
Comunicação empresarial Parte 2Comunicação empresarial Parte 2
Comunicação empresarial Parte 2
 
Aulão de redação -Resumo de redação
Aulão de redação -Resumo de redaçãoAulão de redação -Resumo de redação
Aulão de redação -Resumo de redação
 
Apresentação de plano de negócios
Apresentação de plano de negóciosApresentação de plano de negócios
Apresentação de plano de negócios
 
Marketing
MarketingMarketing
Marketing
 

Último

Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
 

Administração Sistemas de Informação - Sistema de Informações Gerenciais – SIG

  • 1. Administração Sistemas de Informação Sistema de Informações Gerenciais – SIG
  • 2. Gerencial Gerencial é o processo administrativo (planejamento, organização, direção e controle) voltado para resultados.
  • 3. Definições Existem várias definições para a expressão Sistema de Informações Gerenciais – SIG, como por exemplo:
  • 4. Definições Sistema de informações gerenciais é um sistema integrado homem-máquina que provê informações para dar suporte às funções de operação, administração e tomada de decisão na empresa (Davis, 1982:11)
  • 5. Definições Sistema de informações gerenciais é um sistema voltado para a coleta, armazenagem, recuperação e processamento de informação que é usada ou desejada, por um ou mais executivos no desempenho de suas atividades (Ein-Dor e Segev; 1983:14)
  • 6. Definições Levando-se em consideração as várias definições podemos definir Sistema de Informações Gerencias como sendo:
  • 7. Definições Sistema de Informações Gerenciais (SIG) é o processo de transformação de dados em informações que são utilizadas na estrutura decisória da empresa, proporcionando, ainda, a sustentação administrativa para otimizar os resultados esperados.
  • 8. Abordagem O SIG aborda apenas uma parte das informações globais da empresa.
  • 9. Sistema de Informações Gerenciais – SIG O SIG é um sistema projetado para oferecer informações seguras ao executivo, para suas tomadas de decisões sólidas resultando na concretização dos objetivos previamente estabelecidos.
  • 10. Sistema de Informações Gerenciais – SIG Podemos dizer que o SIG não deve ser encarado como modismo em administração. Modismos (idéias prontas e acabadas) se enquadram nos chamados pacotes, que se seguido a risca podem levar as empresas ao caos.
  • 11. Ações para os Momentos de Crise Podemos dizer que ao longo de sua existência a empresa pode passar por várias crises, tendo como causas: Externas (ambiente) e Internas
  • 12. Ações para os Momentos de Crise Em momentos de crise o executivo deve promover ações, como:
  • 13. Ações para os Momentos de Crise Na área operacional, promover: Estudo e racionalização dos produtos existentes; Desenvolvimento de novos produtos; Estudo para racionalização dos fluxos de produção; Controle mais rigoroso de qualidade dos produtos; e Controle e eliminação de perdas de produção. Na área mercadológica, promover: Estudo e identificação das necessidades de mercado; Desenvolvimento de novos mercados; Acompanhamento das atividades dos principais concorrentes; Estudos dos custos promocionais e seu grau de efetividade; e Controle e análise detalhada de cada mercado e cliente.
  • 14. Ações para os Momentos de Crise Na área financeira, promover: Identificação da estrutura mais adequada de capital; Controle de prazos e rotação de valores; Otimização das melhores fontes de financiamento; Controle do capital de giro; e Controle efetivo do fluxo de caixa da empresa. Na área administrativa, promover: Otimização dos sistemas de controle administrativo; Otimização dos sistemas contábil e orçamentário; Otimização dos sistemas de apuração de custos; Otimização dos sistemas de controle computadorizado; e Otimização dos sistemas de informação gerencial.
  • 15. Pontos Básicos O desenvolvimento e a implementação do SIG deve possuir efetiva colaboração na adequação das empresas perante os pontos básicos que são inerentes a uma provável economia nacional e interancional.
  • 16. Pontos Básicos Capacidade para investir gradualmente; Capacidade para produzir volumes crescentes; Produtividade em termos de qualidade, custos, tecnologia e recursos humanos; Capacidade tecnológica (informação, engenharia de produto e de produção); Capacidade logística de distribuição; Desenvolvimento de inovações (novos processos, produtos e serviços); Capacidade de agregar serviços valorizados a produtos; comunicação segmentada eficiente; Eficácia mercadológica (marketing orientado); e Flexibilidade empresarial.
  • 17. Nível de Criatividade O desenvolvimento do SIG envolve elevado nível de criatividade e realização das pessoas envolvidas. Isto porque, a partir de um problema identificado, o executivo deve explicitar elevada criatividade para chegar até a decisão a ser operacionalizada. E a sua realização como profissional pode ocorrer no momento de o processo decisório apresentar os resultados.
  • 19. Importância dos sistemas de informações gerenciais para as empresas Há uma certa dificuldade em avaliar, de forma quantitativa, o efetivo benefício de um SIG, isto é, a melhoria do processo decisório. Pode-se trabalhar com base numa lista de hipóteses sobre os impactos dos SIG’s na empresa o que propicia ao executivo um entendimento, mesmo que genérico de sua importância.
  • 20. Benefícios do SIG Melhoria na produtividade, tanto setorial quanto global; Melhoria nos serviços realizados e oferecidos; Melhoria na tomada de decisões, através do fornecimento de informações mais rápidas e precisas; Estímulo de maior interação entre os tomadores de decisão; Fornecimento de melhores projeções dos efeitos das decisões; Melhoria na estrutura organizacional, por facilitar o fluxo de informações; Melhoria na estrutura de poder, propiciando maior poder para aqueles que entendem e controlam o sistema; Redução do grau de centralização de decisões na empresa;
  • 21. Benefícios do SIG Melhoria na adaptação da empresa para enfrentar os acontecimentos não previstos, a partir das constantes mutações nos fatores ambientais; Otimização na prestação dos seus serviços aos clientes; Melhor interação com os seus fornecedores; Melhoria nas atitudes e atividades dos funcionários da empresa; Aumento do nível de motivação das pessoas envolvidas; Redução dos custos operacionais; Redução da mão-de-obra burocrática; e Redução dos níveis hierárquicos.
  • 22. Geração de Informações Decisóriais Os sistemas informativos através da geração de informações decisóriais contribuem para a eficácia do executivo no exercício das funções de planejamento, organização, direção e controle na gestão das empresas, pressupondo:
  • 23. Geração de Informações Decisóriais A predisposição de um esquema de planejamento em seus níveis estratégico, tático e operacional, contemplando todos os centros de responsabilidade da empresa; O levantamento contínuo e imediato dos resultados da gestão empresarial;
  • 24. Geração de Informações Decisóriais A comparação dos resultados efetivos com os dados previstos, constantes do processo de planejamento; e A análise das variações entre os resultados apresentados e o planejamento efetuado, bem como a regularização dos desvios, através do funcionamento dos centros de responsabilidade da empresa.
  • 25. Aspectos a serem observados Para que a empresa possa usufruir das vantagens Básicas do SIG é necessário se observar alguns aspectos:
  • 26. Aspectos a serem observados O envolvimento adequado da Alta e Média Administração com o SIG; A competência por parte das pessoas envolvidas no SIG; O uso de um plano-mestre; A atenção específica ao fator humano da empresa; A habilidade dos executivos da empresa em identificar a necessidade de informações; A habilidade dos executivos da empresa para tomarem decisões com base em informações;
  • 27. Aspectos a serem observados O apoio global dos vários planejamentos da empresa; O apoio de adequada estrutura organizacional e das normas e dos procedimentos inerentes aos sistemas; O apoio catalisador de um sistema de controladoria (contabilidade, custos e orçamentos); O conhecimento e a confiança no sistema de informações gerenciais; A existência de dados/informações relevantes e atualizados; e A adequada relação custo x beneficio
  • 28. Valor efetivo da informação Deve ser considerado o valor efetivo das informações, que pode resultar em: O impacto que a informação provoca nas decisões dos executivos; e A utilidade desta informação, tendo em vista o seu tempo de utilização pela empresa.
  • 29. Valor efetivo da informação
  • 30. Suposições Comuns e Erradas Segundo Ackoff O executivo necessita muito de informações mais relevantes; O executivo precisa das informações que deseja; Entregues ao executivo as informações que ele necessita, suas decisões melhorarão; Mais comunicação significa desempenho melhor; e Um executivo não tem que saber como funciona um sistema de informações, mas apenas como usá-lo.
  • 31. SIG Eficiente Segundo Ronchi Significância das informações transmitidas; Rapidez com que as informações fluem dos pontos sensores aos centros de decisão; e Características do processo de decisão (periodicidade das decisões, grau de análise das informações com base nas quais é tomada a decisão, grau de coordenação).
  • 32. Questões Defina gerencial? Segundo Davis (1982: 11), qual a definição de sistema de informações gerenciais? Levando-se em consideração as várias definições de sistemas de informações gerenciais, apresentadas como podemos defini-la? As empresas passam por vários momentos de crise ao longo de sua existência, sendo que as causas podem ser tanto externas (ambientais) como internas e nestes momentos os executivos devem promover algumas ações, em quais áreas devem ser promovidas? O SIG deve ser muito bem desenvolvido e implementado e ter efetiva colaboração na adequação das empresas perante os pontos básicos inerentes a um cenário provável para a economia nacional e internacional. Quais são estes pontos?
  • 33. Questões O que deve pressupor os sistemas informativos através da geração de informações decisoriais que contribuem para a eficácia do executivo no exercício das funções de planejamento, organização, direção e controle na gestão das empresas? Quais são as cinco suposições comuns e erradas que têm levado os SIG a fracassar como solução para todo tipo de solução empresarial, que Ackoff (1974: 79) chama a atenção? Quais são os elementos evidenciados para que um sistema de informações gerenciais seja eficiente, segundo Ronchi (1977:69)?