SlideShare uma empresa Scribd logo
1
Europa Ocidental -> Final do feudalismo - Surgimento da burguesia
Territorial
Monetária
Unificação Sistemas de pesos e medidas
Jurídico
Linguístico
Administrativo
Fortalece o rei  Enfraquece os
senhores feudais
Jogo de interesses Rei
Burguesia: Apoio Povo: Proteção Nobreza: Apoio
Benefícios Trabalho
RUMOS DO ABSOLUTISMO...
ABSOLUTISMO
INGLÊS:
TUDOR E STUART
TUDOR: HENRIQUE VIII E
ELIZABETH I
4
Henrique VIII (1509/1547) introduz
o protestantismo na Inglaterra.
Para reforçar o poder central, ele
precisava se livrar da Igreja Católica
1527
Henrique VIII pede autorização papa Clemente VII
para se divorciar de Catarina de Aragão Negado
1533
O monarca desobedece a Igreja e casa-se com sua
Amante, Ana Bolena O rei é excomungado
1534
Parlamento inglês aprova a separação da igreja do
Estado Os bens da igreja são considerados e os
mosteiros
são dissolvidos
Henrique VIII funda a Igreja anglicana e torna-se seu
chefe sua filha Elisabeth I (1558/1603) consolida o
Anglicanismo
Retrato da Rainha Elizabeth I
Fonte: National Portrait Gallery
ELIZABETH I
• Criam estratégias para garantir a boa
convivência com o Parlamento;
• Mantém a tradição de respeitar as leis
criadas pelo Parlamento;
• Investem e incentivam o
desenvolvimento econômico burguês;
• Mantém o nacionalismo religioso inglês –
“Deus é inglês”/associação da rainha
virgem ao divino.
TUDOR – Boa convivência com o
Parlamento!
STUART: JAIME I, CARLOS I, JAIME II E
CARLOS II.
STUART – conflitos com o Parlamento!
• Assumem o trono após a morte da rainha Elizabeht I;
• Criam estratégias para burlar o parlamento – fazer valer
suas “declarações públicas”(imposição de poder);
• Diminuem o poder do parlamento – “bem público é
assunto do Estado e deve ser tratado somente pelo rei”;
• Reprimiam indivíduos que questionassem suas decisões
• Suspenderam leis penais;
• Não respeitam o Habeas Corpus a não ser que fosse da
vontade do rei;
• Nesse período, o absolutismo inglês aproxima-se do
absolutismo francês.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tema 3: El origen de la industrialización
Tema 3: El origen de la industrializaciónTema 3: El origen de la industrialización
Tema 3: El origen de la industrialización
Ricardo Santamaría Pérez
 
Absolutismo MonáRquico
Absolutismo MonáRquicoAbsolutismo MonáRquico
Absolutismo MonáRquico
Lucas Nunes de Souza
 
La Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRica
La Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRicaLa Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRica
La Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRica
Francisco Javier Fernández Robles
 
O Imperialismo
O ImperialismoO Imperialismo
O Imperialismo
Wladmir Coelho
 
Colonização inglesa francesa holandesa
Colonização  inglesa francesa holandesaColonização  inglesa francesa holandesa
Colonização inglesa francesa holandesa
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
Brasil pré colonial
Brasil pré colonialBrasil pré colonial
Brasil pré colonial
Rose Vital
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
O Absolutismo e o Mercantilismo
O Absolutismo e o MercantilismoO Absolutismo e o Mercantilismo
O Absolutismo e o Mercantilismo
Patrícia Costa Grigório
 
Estados nacionais absolutismo-mercantilismo
Estados nacionais absolutismo-mercantilismoEstados nacionais absolutismo-mercantilismo
Estados nacionais absolutismo-mercantilismo
vr1a2011
 
Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020
Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020
Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
O absolutismo monarquico 7
O absolutismo monarquico 7O absolutismo monarquico 7
O absolutismo monarquico 7
Rita Cunha
 
3° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 01
3° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 013° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 01
3° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 01
Daniel Alves Bronstrup
 
Tema 1-El Antiguo Régimen
Tema 1-El Antiguo RégimenTema 1-El Antiguo Régimen
Tema 1-El Antiguo Régimen
smerino
 
Civilização pre colombiana
Civilização pre colombianaCivilização pre colombiana
Civilização pre colombiana
Adriana Gomes Messias
 
Absolutismo e Mercantilismo
Absolutismo e MercantilismoAbsolutismo e Mercantilismo
Absolutismo e Mercantilismo
Thiago Bro
 
172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes
172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes
172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes
cristianoperinpissolato
 
Brasil: Expansão Territorial 2020
Brasil: Expansão Territorial 2020Brasil: Expansão Territorial 2020
Brasil: Expansão Territorial 2020
Celso Firmino História, Filosofia, Sociologia
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
Nelia Salles Nantes
 
Inglaterra nos séculos XVII e XVIII
Inglaterra nos séculos XVII e XVIIIInglaterra nos séculos XVII e XVIII
Inglaterra nos séculos XVII e XVIII
Elton Zanoni
 
A conquista da América
A conquista da América A conquista da América
A conquista da América
Isaquel Silva
 

Mais procurados (20)

Tema 3: El origen de la industrialización
Tema 3: El origen de la industrializaciónTema 3: El origen de la industrialización
Tema 3: El origen de la industrialización
 
Absolutismo MonáRquico
Absolutismo MonáRquicoAbsolutismo MonáRquico
Absolutismo MonáRquico
 
La Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRica
La Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRicaLa Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRica
La Baja Edad Media En La PeníNsula IbéRica
 
O Imperialismo
O ImperialismoO Imperialismo
O Imperialismo
 
Colonização inglesa francesa holandesa
Colonização  inglesa francesa holandesaColonização  inglesa francesa holandesa
Colonização inglesa francesa holandesa
 
Brasil pré colonial
Brasil pré colonialBrasil pré colonial
Brasil pré colonial
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
 
O Absolutismo e o Mercantilismo
O Absolutismo e o MercantilismoO Absolutismo e o Mercantilismo
O Absolutismo e o Mercantilismo
 
Estados nacionais absolutismo-mercantilismo
Estados nacionais absolutismo-mercantilismoEstados nacionais absolutismo-mercantilismo
Estados nacionais absolutismo-mercantilismo
 
Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020
Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020
Brasiil: invasões estrangeiras (francesas e holandesas) 2020
 
O absolutismo monarquico 7
O absolutismo monarquico 7O absolutismo monarquico 7
O absolutismo monarquico 7
 
3° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 01
3° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 013° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 01
3° ano EM - Antigo Egito - antiguidade oriental 01
 
Tema 1-El Antiguo Régimen
Tema 1-El Antiguo RégimenTema 1-El Antiguo Régimen
Tema 1-El Antiguo Régimen
 
Civilização pre colombiana
Civilização pre colombianaCivilização pre colombiana
Civilização pre colombiana
 
Absolutismo e Mercantilismo
Absolutismo e MercantilismoAbsolutismo e Mercantilismo
Absolutismo e Mercantilismo
 
172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes
172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes
172 abcd brasil colonial 1580 1644 dominio espanhol, brasil holandes
 
Brasil: Expansão Territorial 2020
Brasil: Expansão Territorial 2020Brasil: Expansão Territorial 2020
Brasil: Expansão Territorial 2020
 
A independência da américa espanhola
A independência da américa espanholaA independência da américa espanhola
A independência da américa espanhola
 
Inglaterra nos séculos XVII e XVIII
Inglaterra nos séculos XVII e XVIIIInglaterra nos séculos XVII e XVIII
Inglaterra nos séculos XVII e XVIII
 
A conquista da América
A conquista da América A conquista da América
A conquista da América
 

Destaque

Absolutismo inglês
Absolutismo inglêsAbsolutismo inglês
Absolutismo inglês
Eveline de Melo
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
Nelia Salles Nantes
 
Absolutismo ingles resumen
Absolutismo ingles   resumenAbsolutismo ingles   resumen
Absolutismo ingles resumen
Andrelu5
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
historiando
 
Absolutismo
AbsolutismoAbsolutismo
Absolutismo
Paulo Alexandre
 
O Absolutismo Inglês - 8o ano
O Absolutismo Inglês - 8o anoO Absolutismo Inglês - 8o ano
O Absolutismo Inglês - 8o ano
Lucas Degiovani
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
Nelia Salles Nantes
 
El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)
El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)
El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)
English Student
 
Absolutismo en España
Absolutismo en EspañaAbsolutismo en España
Absolutismo en España
Adrian Cabrera
 
Concepto de orden
Concepto de ordenConcepto de orden
Concepto de orden
Gerard Murillo
 
Absolutismo y Mercantilismo
Absolutismo y MercantilismoAbsolutismo y Mercantilismo
Absolutismo y Mercantilismo
fer
 
Hegel y marxismo
Hegel y marxismoHegel y marxismo
Hegel y marxismo
AcaFilos Iztapalapa
 
Absolutismo Monárquico
Absolutismo MonárquicoAbsolutismo Monárquico
Absolutismo Monárquico
Diego Andrés Rojas González
 
Absolutismo
AbsolutismoAbsolutismo
Absolutismo
campos21
 

Destaque (14)

Absolutismo inglês
Absolutismo inglêsAbsolutismo inglês
Absolutismo inglês
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
Absolutismo ingles resumen
Absolutismo ingles   resumenAbsolutismo ingles   resumen
Absolutismo ingles resumen
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
Absolutismo
AbsolutismoAbsolutismo
Absolutismo
 
O Absolutismo Inglês - 8o ano
O Absolutismo Inglês - 8o anoO Absolutismo Inglês - 8o ano
O Absolutismo Inglês - 8o ano
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)
El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)
El Absolutismo en el GOB. de Carlos I (Carlos V)
 
Absolutismo en España
Absolutismo en EspañaAbsolutismo en España
Absolutismo en España
 
Concepto de orden
Concepto de ordenConcepto de orden
Concepto de orden
 
Absolutismo y Mercantilismo
Absolutismo y MercantilismoAbsolutismo y Mercantilismo
Absolutismo y Mercantilismo
 
Hegel y marxismo
Hegel y marxismoHegel y marxismo
Hegel y marxismo
 
Absolutismo Monárquico
Absolutismo MonárquicoAbsolutismo Monárquico
Absolutismo Monárquico
 
Absolutismo
AbsolutismoAbsolutismo
Absolutismo
 

Semelhante a Absolutismo inglês

O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
historiando
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
Nelia Salles Nantes
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
Nelia Salles Nantes
 
161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo
161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo
161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo
cristianoperinpissolato
 
Reformas e Reformadores
Reformas e ReformadoresReformas e Reformadores
Reformas e Reformadores
Dalton Lopes Reis Jr.
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
Nelia Salles Nantes
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
Nelia Salles Nantes
 
Reforma anglicana
Reforma anglicanaReforma anglicana
Reforma anglicana
Cris Chaves
 
Revisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSA
Revisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSARevisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSA
Revisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSA
Janaína Bindá
 
O absolutismo
O absolutismoO absolutismo
O absolutismo
Nelia Salles Nantes
 
O absolutismo
O absolutismoO absolutismo
O absolutismo
Nelia Salles Nantes
 
O absolutismo
O absolutismoO absolutismo
O absolutismo
Nelia Salles Nantes
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
Nelia Salles Nantes
 
Absolutismo na inglaterra
Absolutismo na inglaterraAbsolutismo na inglaterra
Absolutismo na inglaterra
Matheus Jacomen
 
Revoluções Burguesas - Inglaterra
Revoluções Burguesas -  InglaterraRevoluções Burguesas -  Inglaterra
Revoluções Burguesas - Inglaterra
Daniel Alves Bronstrup
 
O ab solutismo
O ab solutismoO ab solutismo
O ab solutismo
historiando
 
Revolução inglesa.pptx
Revolução inglesa.pptxRevolução inglesa.pptx
Revolução inglesa.pptx
JosinoNunes
 
Revolução inglesa 8 ano
Revolução inglesa   8 anoRevolução inglesa   8 ano
Revolução inglesa 8 ano
Alcidon Cunha
 
Apresentação a outra
Apresentação   a outraApresentação   a outra
Apresentação a outra
Luan Golembiewski
 
Aula 11 reformas e reformadores
Aula 11   reformas e reformadoresAula 11   reformas e reformadores
Aula 11 reformas e reformadores
Profdaltonjunior
 

Semelhante a Absolutismo inglês (20)

O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo
161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo
161 abcd reforma e contrareforma anglicanismo
 
Reformas e Reformadores
Reformas e ReformadoresReformas e Reformadores
Reformas e Reformadores
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
Reforma anglicana
Reforma anglicanaReforma anglicana
Reforma anglicana
 
Revisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSA
Revisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSARevisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSA
Revisão 7º ano ASSUNTO: REFORMA E CONTRARREFORMA RELIGIOSA
 
O absolutismo
O absolutismoO absolutismo
O absolutismo
 
O absolutismo
O absolutismoO absolutismo
O absolutismo
 
O absolutismo
O absolutismoO absolutismo
O absolutismo
 
O absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterraO absolutismo na inglaterra
O absolutismo na inglaterra
 
Absolutismo na inglaterra
Absolutismo na inglaterraAbsolutismo na inglaterra
Absolutismo na inglaterra
 
Revoluções Burguesas - Inglaterra
Revoluções Burguesas -  InglaterraRevoluções Burguesas -  Inglaterra
Revoluções Burguesas - Inglaterra
 
O ab solutismo
O ab solutismoO ab solutismo
O ab solutismo
 
Revolução inglesa.pptx
Revolução inglesa.pptxRevolução inglesa.pptx
Revolução inglesa.pptx
 
Revolução inglesa 8 ano
Revolução inglesa   8 anoRevolução inglesa   8 ano
Revolução inglesa 8 ano
 
Apresentação a outra
Apresentação   a outraApresentação   a outra
Apresentação a outra
 
Aula 11 reformas e reformadores
Aula 11   reformas e reformadoresAula 11   reformas e reformadores
Aula 11 reformas e reformadores
 

Mais de Bruna Camargo

EUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; Imperialismo
EUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; ImperialismoEUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; Imperialismo
EUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; Imperialismo
Bruna Camargo
 
éTica e moral enem 2014
éTica e moral enem 2014éTica e moral enem 2014
éTica e moral enem 2014
Bruna Camargo
 
Feliz dia dos professores!
Feliz dia dos professores!Feliz dia dos professores!
Feliz dia dos professores!
Bruna Camargo
 
GRANDES NAVEGAÇÕES
GRANDES NAVEGAÇÕESGRANDES NAVEGAÇÕES
GRANDES NAVEGAÇÕES
Bruna Camargo
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
Bruna Camargo
 
Jk e janio correção de atividades
Jk e janio correção de atividadesJk e janio correção de atividades
Jk e janio correção de atividades
Bruna Camargo
 
áFrica diversidade e grandes realizações
áFrica diversidade e grandes realizaçõesáFrica diversidade e grandes realizações
áFrica diversidade e grandes realizações
Bruna Camargo
 
Brasil império
Brasil impérioBrasil império
Brasil império
Bruna Camargo
 
Enem história e imagem
Enem história e imagemEnem história e imagem
Enem história e imagem
Bruna Camargo
 
Década de 60 anos rebeldes
Década de 60 anos rebeldesDécada de 60 anos rebeldes
Década de 60 anos rebeldes
Bruna Camargo
 
Antecedentes do golpe de 1964
Antecedentes do golpe de 1964Antecedentes do golpe de 1964
Antecedentes do golpe de 1964
Bruna Camargo
 
Mercantilismo
MercantilismoMercantilismo
Mercantilismo
Bruna Camargo
 
Brasil republica
Brasil republicaBrasil republica
Brasil republica
Bruna Camargo
 
Brasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicos
Brasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicosBrasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicos
Brasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicos
Bruna Camargo
 
SÉCULO XIX
SÉCULO XIXSÉCULO XIX
SÉCULO XIX
Bruna Camargo
 
Socialismo utópico
Socialismo utópicoSocialismo utópico
Socialismo utópico
Bruna Camargo
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
Bruna Camargo
 
Islã
IslãIslã

Mais de Bruna Camargo (18)

EUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; Imperialismo
EUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; ImperialismoEUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; Imperialismo
EUA: Expansão territorial; Guerra de Secessão; Imperialismo
 
éTica e moral enem 2014
éTica e moral enem 2014éTica e moral enem 2014
éTica e moral enem 2014
 
Feliz dia dos professores!
Feliz dia dos professores!Feliz dia dos professores!
Feliz dia dos professores!
 
GRANDES NAVEGAÇÕES
GRANDES NAVEGAÇÕESGRANDES NAVEGAÇÕES
GRANDES NAVEGAÇÕES
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
Jk e janio correção de atividades
Jk e janio correção de atividadesJk e janio correção de atividades
Jk e janio correção de atividades
 
áFrica diversidade e grandes realizações
áFrica diversidade e grandes realizaçõesáFrica diversidade e grandes realizações
áFrica diversidade e grandes realizações
 
Brasil império
Brasil impérioBrasil império
Brasil império
 
Enem história e imagem
Enem história e imagemEnem história e imagem
Enem história e imagem
 
Década de 60 anos rebeldes
Década de 60 anos rebeldesDécada de 60 anos rebeldes
Década de 60 anos rebeldes
 
Antecedentes do golpe de 1964
Antecedentes do golpe de 1964Antecedentes do golpe de 1964
Antecedentes do golpe de 1964
 
Mercantilismo
MercantilismoMercantilismo
Mercantilismo
 
Brasil republica
Brasil republicaBrasil republica
Brasil republica
 
Brasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicos
Brasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicosBrasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicos
Brasil e europa no seculo XIX e movimentos messiânicos
 
SÉCULO XIX
SÉCULO XIXSÉCULO XIX
SÉCULO XIX
 
Socialismo utópico
Socialismo utópicoSocialismo utópico
Socialismo utópico
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
 
Islã
IslãIslã
Islã
 

Último

A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
EsterGabriiela1
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 

Último (20)

A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 

Absolutismo inglês

  • 1. 1 Europa Ocidental -> Final do feudalismo - Surgimento da burguesia Territorial Monetária Unificação Sistemas de pesos e medidas Jurídico Linguístico Administrativo Fortalece o rei  Enfraquece os senhores feudais Jogo de interesses Rei Burguesia: Apoio Povo: Proteção Nobreza: Apoio Benefícios Trabalho RUMOS DO ABSOLUTISMO...
  • 3. TUDOR: HENRIQUE VIII E ELIZABETH I
  • 4. 4 Henrique VIII (1509/1547) introduz o protestantismo na Inglaterra. Para reforçar o poder central, ele precisava se livrar da Igreja Católica 1527 Henrique VIII pede autorização papa Clemente VII para se divorciar de Catarina de Aragão Negado 1533 O monarca desobedece a Igreja e casa-se com sua Amante, Ana Bolena O rei é excomungado 1534 Parlamento inglês aprova a separação da igreja do Estado Os bens da igreja são considerados e os mosteiros são dissolvidos Henrique VIII funda a Igreja anglicana e torna-se seu chefe sua filha Elisabeth I (1558/1603) consolida o Anglicanismo Retrato da Rainha Elizabeth I Fonte: National Portrait Gallery ELIZABETH I
  • 5. • Criam estratégias para garantir a boa convivência com o Parlamento; • Mantém a tradição de respeitar as leis criadas pelo Parlamento; • Investem e incentivam o desenvolvimento econômico burguês; • Mantém o nacionalismo religioso inglês – “Deus é inglês”/associação da rainha virgem ao divino. TUDOR – Boa convivência com o Parlamento!
  • 6. STUART: JAIME I, CARLOS I, JAIME II E CARLOS II.
  • 7. STUART – conflitos com o Parlamento! • Assumem o trono após a morte da rainha Elizabeht I; • Criam estratégias para burlar o parlamento – fazer valer suas “declarações públicas”(imposição de poder); • Diminuem o poder do parlamento – “bem público é assunto do Estado e deve ser tratado somente pelo rei”; • Reprimiam indivíduos que questionassem suas decisões • Suspenderam leis penais; • Não respeitam o Habeas Corpus a não ser que fosse da vontade do rei; • Nesse período, o absolutismo inglês aproxima-se do absolutismo francês.