SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO Um Retrato Social: A Velhice Ana Oliveira - Estudante nº 903325 - Turma 5
Velhice em Portugal No Portugal de hoje a velhice surge na nossa  sociedade como um problema inédito que se coloca ás famílias, em tantos anos de história. A velhice actual é um centro de preocupações devido á dependência tida pelos mais idosos relativamente aos filhos, netos ou familiares… Ana Oliveira
Ideias do senso comum face á velhice Imagem de um idoso: Não são úteis, só estorvam São curvados e usam bengala Doentes Reformados Ana Oliveira
A velhice aparece como uma desgraça A velhice aparece como uma desgraça: mesmo nas pessoas que consideramos conservadas, a decadência física que ela traz salta aos olhos. Pois a espécie humana é aquela em que as mudanças causadas pelos anos são as mais espectaculares.”  Ana Oliveira
A “Velhice, isso não existe! A “Velhice, isso não existe! Há apenas pessoas menos jovens do que as outras, e nada mais. A Biologia descreve algumas etapas que fazem parte do desenvolvimento humano como: concepção, desenvolvimento intra-uterino, nascimento, infância, adolescência, maturidade, velhice e morte. Cada etapa tem um desenvolvimento determinado por perdas ou ganhos em nossa qualidade de vida Ana Oliveira
Hoje em dia as coisas começam, em certos aspectos, a ser diferentes Não na prática, nesse olhar preconceituoso que exclui a velhice da vida activa e normal, mas sim a nível da ideia que se tem do que pode realmente significar a velhice sem a falsear e portanto no encarar o envelhecimento como uma coisa digna. Não podemos esquecer que todos nós um dia seremos envelhecidos… Ana Oliveira
A Velhice é uma etapa da vida! Cada pessoa que chega a uma idade avançada compôs a sua própria história, de uma ou de outra forma, deixará a sua marca e poderá servir de referência e ser convívio saudável para os familiares mais jovens. Sentir a velhice pelo lado positivo poderá ajudar à longevidade e uma vida com tranquilidade e alegria Sentir respeito e apreço pelos idosos será uma forma saudável deles se sentirem dignos e respeitados Ana Oliveira
Um breve olhar… Sentir respeito e apreço pelos idosos será uma forma saudável deles se sentirem dignos e respeitados A velhice é como Inverno. A neve branca do Inverno que amacia a terra lembram os cabelos brancos que temperam as emoções. Ana Oliveira
A velhice existe? Todos nós estamos matriculados na escola da vida, onde o Mestre é o Tempo.  A vida só pode ser compreendida se olharmos para trás. Mas só pode ser vivida se olharmos para frente. Nos olhos do jovem arde a chama, nos do velho brilha a luz. Sendo assim, não existe idade, somos nós que a criamos.  Ana Oliveira
Referencias bibliográficasManual de Psicologia do desenvolvimento e aprendizagem, Jose tavares et al, porto editora, lda. Porto,2007http://umbreveolhar.blogs.sapo.pthttp://www.google.pt/images Ana Oliveira

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Saber envelhecer (2)
Saber envelhecer (2)Saber envelhecer (2)
Saber envelhecer (2)
manuela
 
7.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.2
7.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.27.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.2
7.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.2
Bruniiinha
 
Estereótipos da velhice
Estereótipos da velhiceEstereótipos da velhice
Estereótipos da velhice
Sonia Sousa
 
Test Drive CURSO DE DEMÊNCIAS
Test Drive CURSO DE DEMÊNCIASTest Drive CURSO DE DEMÊNCIAS
Test Drive CURSO DE DEMÊNCIAS
Cuidar de Idosos
 
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Luan Costa Souza
 
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa   manualAcompanhamento e animação da pessoa idosa   manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
Margarida Pires
 
Psicologia do desenvolvimento, é folio c
Psicologia do desenvolvimento, é folio cPsicologia do desenvolvimento, é folio c
Psicologia do desenvolvimento, é folio c
Cristina Silva
 
Curso Envelhecimento Aula 1
Curso Envelhecimento   Aula 1Curso Envelhecimento   Aula 1
Curso Envelhecimento Aula 1
Cuidar de Idosos
 
Slides semana do idoso
Slides semana do idosoSlides semana do idoso
Slides semana do idoso
Vânia Sampaio
 

Mais procurados (20)

Saber envelhecer (2)
Saber envelhecer (2)Saber envelhecer (2)
Saber envelhecer (2)
 
7.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.2
7.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.27.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.2
7.psicologia+e+saude+ +adulto+idoso+2010.2
 
Estereótipos da velhice
Estereótipos da velhiceEstereótipos da velhice
Estereótipos da velhice
 
Test Drive CURSO DE DEMÊNCIAS
Test Drive CURSO DE DEMÊNCIASTest Drive CURSO DE DEMÊNCIAS
Test Drive CURSO DE DEMÊNCIAS
 
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)Terceira idade desenvolvimento ii (1)
Terceira idade desenvolvimento ii (1)
 
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa   manualAcompanhamento e animação da pessoa idosa   manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
 
Cartilha cuidado idoso
Cartilha cuidado idosoCartilha cuidado idoso
Cartilha cuidado idoso
 
Trabalho power point
Trabalho power pointTrabalho power point
Trabalho power point
 
Envelhecimento
EnvelhecimentoEnvelhecimento
Envelhecimento
 
ApresentaçãO A Velhice Psicologia Desenvolvimento Estudante 901559
ApresentaçãO A Velhice Psicologia Desenvolvimento   Estudante 901559ApresentaçãO A Velhice Psicologia Desenvolvimento   Estudante 901559
ApresentaçãO A Velhice Psicologia Desenvolvimento Estudante 901559
 
Cuidador de Idoso
Cuidador de Idoso Cuidador de Idoso
Cuidador de Idoso
 
ASSISTÊNCIA E ORIENTAÇÃO ÀS FAMÍLIAS DE IDOSOS
ASSISTÊNCIA E ORIENTAÇÃO ÀS FAMÍLIAS DE IDOSOSASSISTÊNCIA E ORIENTAÇÃO ÀS FAMÍLIAS DE IDOSOS
ASSISTÊNCIA E ORIENTAÇÃO ÀS FAMÍLIAS DE IDOSOS
 
Ppt iefp ufcd 3536
Ppt iefp ufcd 3536Ppt iefp ufcd 3536
Ppt iefp ufcd 3536
 
Cuidadores de Idosos - VR Medcare
Cuidadores de Idosos - VR MedcareCuidadores de Idosos - VR Medcare
Cuidadores de Idosos - VR Medcare
 
Psicologia do desenvolvimento, é folio c
Psicologia do desenvolvimento, é folio cPsicologia do desenvolvimento, é folio c
Psicologia do desenvolvimento, é folio c
 
Aceitar a velhice
Aceitar a velhiceAceitar a velhice
Aceitar a velhice
 
A velhice
A velhiceA velhice
A velhice
 
Curso Envelhecimento Aula 1
Curso Envelhecimento   Aula 1Curso Envelhecimento   Aula 1
Curso Envelhecimento Aula 1
 
Terceira idade
Terceira idadeTerceira idade
Terceira idade
 
Slides semana do idoso
Slides semana do idosoSlides semana do idoso
Slides semana do idoso
 

Destaque (10)

Manual Segurança Sanitária para Instituições de Longa Permanência para Idosos
Manual Segurança Sanitária para Instituições de Longa Permanência para IdososManual Segurança Sanitária para Instituições de Longa Permanência para Idosos
Manual Segurança Sanitária para Instituições de Longa Permanência para Idosos
 
Trabalho sobre Saúde do Idoso
Trabalho sobre Saúde do IdosoTrabalho sobre Saúde do Idoso
Trabalho sobre Saúde do Idoso
 
QUALIDADE DE VIDA geriatria e gerontologia
 QUALIDADE DE VIDA geriatria e gerontologia  QUALIDADE DE VIDA geriatria e gerontologia
QUALIDADE DE VIDA geriatria e gerontologia
 
07 hospital
07 hospital07 hospital
07 hospital
 
CUIDAR DE IDOSOS EM ILPIs - ASSISTÊNCIA SOCIAL
CUIDAR DE IDOSOS EM ILPIs - ASSISTÊNCIA SOCIALCUIDAR DE IDOSOS EM ILPIs - ASSISTÊNCIA SOCIAL
CUIDAR DE IDOSOS EM ILPIs - ASSISTÊNCIA SOCIAL
 
Idoso
IdosoIdoso
Idoso
 
Curso Cuidador de Idoso (slides)
Curso Cuidador de Idoso (slides)Curso Cuidador de Idoso (slides)
Curso Cuidador de Idoso (slides)
 
Fases do desenvolvimento humano - Velhice
Fases do desenvolvimento humano - VelhiceFases do desenvolvimento humano - Velhice
Fases do desenvolvimento humano - Velhice
 
Terceira Idade
Terceira IdadeTerceira Idade
Terceira Idade
 
Manual para cuidadores de idosos
Manual para cuidadores de idososManual para cuidadores de idosos
Manual para cuidadores de idosos
 

Semelhante a A velhice - um retrato social

Entender a velhice aluna 700481
Entender a velhice   aluna 700481Entender a velhice   aluna 700481
Entender a velhice aluna 700481
Maria João Gomes
 
E folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soaresE folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soares
Lidia soares
 
E folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soaresE folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soares
Lidia soares
 
E folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soaresE folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soares
Lidia soares
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
paulalmeida
 
E folio c
E folio cE folio c
E folio c
gania11
 
Auto-reflexão sobre os idosos
Auto-reflexão sobre os idososAuto-reflexão sobre os idosos
Auto-reflexão sobre os idosos
Helena13dias
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
Kuita
 
avelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdf
avelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdfavelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdf
avelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdf
herika26
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
Kuita
 
7. CaracteríSticas Dos Idosos
7. CaracteríSticas Dos Idosos7. CaracteríSticas Dos Idosos
7. CaracteríSticas Dos Idosos
susana12345
 

Semelhante a A velhice - um retrato social (20)

Entender a velhice aluna 700481
Entender a velhice   aluna 700481Entender a velhice   aluna 700481
Entender a velhice aluna 700481
 
E folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soaresE folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soares
 
E folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soaresE folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soares
 
E folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soaresE folio c psicologiapower point lidia soares
E folio c psicologiapower point lidia soares
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
 
E folio c
E folio cE folio c
E folio c
 
Sociedade e velhice ana viana
Sociedade e velhice ana vianaSociedade e velhice ana viana
Sociedade e velhice ana viana
 
Auto-reflexão sobre os idosos
Auto-reflexão sobre os idososAuto-reflexão sobre os idosos
Auto-reflexão sobre os idosos
 
Efolio 900965
Efolio 900965Efolio 900965
Efolio 900965
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
 
Boletim Informativo Nº 3 Junho/Julho
Boletim Informativo Nº 3 Junho/Julho Boletim Informativo Nº 3 Junho/Julho
Boletim Informativo Nº 3 Junho/Julho
 
avelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdf
avelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdfavelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdf
avelhice-100531081858-phpapp02 (1).pdf
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
 
U. c. p.d aluna 900962 - e-fólio c
U. c. p.d aluna 900962 - e-fólio cU. c. p.d aluna 900962 - e-fólio c
U. c. p.d aluna 900962 - e-fólio c
 
7. CaracteríSticas Dos Idosos
7. CaracteríSticas Dos Idosos7. CaracteríSticas Dos Idosos
7. CaracteríSticas Dos Idosos
 
Ser feliz na velhice!
Ser feliz na velhice!Ser feliz na velhice!
Ser feliz na velhice!
 
Ser feliz na velhice!
Ser feliz na velhice!Ser feliz na velhice!
Ser feliz na velhice!
 
A velhice
A velhiceA velhice
A velhice
 
A velhice
A velhiceA velhice
A velhice
 
A velhice
A velhiceA velhice
A velhice
 

Último

Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
andreaLisboa7
 
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
azulassessoria9
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
VALMIRARIBEIRO1
 

Último (20)

MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfSistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 

A velhice - um retrato social

  • 1. PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO Um Retrato Social: A Velhice Ana Oliveira - Estudante nº 903325 - Turma 5
  • 2. Velhice em Portugal No Portugal de hoje a velhice surge na nossa sociedade como um problema inédito que se coloca ás famílias, em tantos anos de história. A velhice actual é um centro de preocupações devido á dependência tida pelos mais idosos relativamente aos filhos, netos ou familiares… Ana Oliveira
  • 3. Ideias do senso comum face á velhice Imagem de um idoso: Não são úteis, só estorvam São curvados e usam bengala Doentes Reformados Ana Oliveira
  • 4. A velhice aparece como uma desgraça A velhice aparece como uma desgraça: mesmo nas pessoas que consideramos conservadas, a decadência física que ela traz salta aos olhos. Pois a espécie humana é aquela em que as mudanças causadas pelos anos são as mais espectaculares.” Ana Oliveira
  • 5. A “Velhice, isso não existe! A “Velhice, isso não existe! Há apenas pessoas menos jovens do que as outras, e nada mais. A Biologia descreve algumas etapas que fazem parte do desenvolvimento humano como: concepção, desenvolvimento intra-uterino, nascimento, infância, adolescência, maturidade, velhice e morte. Cada etapa tem um desenvolvimento determinado por perdas ou ganhos em nossa qualidade de vida Ana Oliveira
  • 6. Hoje em dia as coisas começam, em certos aspectos, a ser diferentes Não na prática, nesse olhar preconceituoso que exclui a velhice da vida activa e normal, mas sim a nível da ideia que se tem do que pode realmente significar a velhice sem a falsear e portanto no encarar o envelhecimento como uma coisa digna. Não podemos esquecer que todos nós um dia seremos envelhecidos… Ana Oliveira
  • 7. A Velhice é uma etapa da vida! Cada pessoa que chega a uma idade avançada compôs a sua própria história, de uma ou de outra forma, deixará a sua marca e poderá servir de referência e ser convívio saudável para os familiares mais jovens. Sentir a velhice pelo lado positivo poderá ajudar à longevidade e uma vida com tranquilidade e alegria Sentir respeito e apreço pelos idosos será uma forma saudável deles se sentirem dignos e respeitados Ana Oliveira
  • 8. Um breve olhar… Sentir respeito e apreço pelos idosos será uma forma saudável deles se sentirem dignos e respeitados A velhice é como Inverno. A neve branca do Inverno que amacia a terra lembram os cabelos brancos que temperam as emoções. Ana Oliveira
  • 9. A velhice existe? Todos nós estamos matriculados na escola da vida, onde o Mestre é o Tempo. A vida só pode ser compreendida se olharmos para trás. Mas só pode ser vivida se olharmos para frente. Nos olhos do jovem arde a chama, nos do velho brilha a luz. Sendo assim, não existe idade, somos nós que a criamos. Ana Oliveira
  • 10. Referencias bibliográficasManual de Psicologia do desenvolvimento e aprendizagem, Jose tavares et al, porto editora, lda. Porto,2007http://umbreveolhar.blogs.sapo.pthttp://www.google.pt/images Ana Oliveira