SlideShare uma empresa Scribd logo
A RECONSTRUÇÃO DA CIDADE
Conceber
Analisar
Trabalhar
Finalizar
Jerusalém em
ruínas. Oração de
Neemias
Pra. Sandra Dias
Resumo:
Neemias era um hebreu na Pérsia quando escutou que o
Templo de Jerusalém estava sendo reconstruído. Ele
ficou ansioso por saber que não havia nenhum muro
para proteger a cidade. Neemias pediu a Deus que o
usasse para salvar a cidade. Deus respondeu à sua
oração ao AMOLECER o coração do rei persa
Artaxerxes, que não só deu a sua benção, mas também
material para ser usado no projeto. Neemias recebe
permissão do rei para regressar a Jerusalém, onde se
tornou governador.
Pra. Sandra Dias
Enfrentamos oposições
Apesar da oposição e das acusações, o muro foi
construído e os inimigos silenciados.
O povo, inspirado por Neemias, deu o dízimo de muito
dinheiro, material e mão de obra para concluir o muro
em um notável período de 52 dias, apesar de muita
oposição.
Este esforço unido é de curta duração, entretanto,
porque Jerusalém retorna à apostasia quando Neemias
sai por um tempo?.
Pra. Sandra Dias
PESSOAS FRACAS
Depois de 12 anos, ele voltou e
encontrou as paredes fortes, mas as
pessoas fracas.
Ele não mediu palavras as começar a
tarefa de ensinar as pessoas sobre
moral.
Pra. Sandra Dias
Ele restabelece a
verdadeira adoração
através de oração e ao
encorajar as pessoas à
RESTAURAÇÃO através
da leitura e da adesão à
Palavra de Deus.
Pra. Sandra Dias
Neemias era um homem de
oração e orou fervorosamente
pelo seu povo (Neemias 1). Sua
intercessão zelosa pelo povo de
Deus prefigura o nosso grande
intercessor, Jesus Cristo, que
orou fervorosamente pelo Seu
povo em Sua oração sacerdotal de
João 17. Ambos Neemias e Jesus
tinham um amor ardente pelo
povo de Deus que eles
derramavam em oração,
intercedendo por eles diante do
trono.
Pra. Sandra Dias
Aplicação Prática:
Neemias liderou os israelitas a um grande
respeito e amor pelo texto da Escritura.
Neemias, por causa de seu amor por Deus e
seu desejo de ver Deus honrado e glorificado,
conduziu os israelitas à fé e obediência que o
Senhor havia desejado para eles por tanto
tempo. Da mesma forma, os Cristãos devem
amar e respeitar as verdades da Escritura,
memorizá-la, nela meditar de dia e de noite e
dela depender para o cumprimento de todas
as necessidades espirituais.
LER II
Timóteo
3:16
Pra. Sandra Dias
VeRdAdE
Há pessoas que nada fazem e esperam
algum tipo de vitória nas batalhas
da vida.
O triunfo, porém, é dos que lutam,
dos que confiam em Deus o suficiente
para fazer alguma coisa.
Pra. Sandra Dias
CARACTERÍSTICAS ?
Característica é o traço, atributo ou
marca que identifica um objeto,
distingue um ser de outro, particulariza
um indivíduo. O homem de Deus tem
atributos específicos por pertencer ao
Senhor.
Pra. Sandra Dias
TRÊS CARACTERÍSTICAS DE NEEMIAS
1. Neemias não deu ouvidos
a vozes estranhas
2. Neemias confiou em Deus
3. Neemias não fugiu da batalha
Pra. Sandra Dias
Neemias, notável articulador e líder político, um
exemplo disso:
Ne 6: 1-11.
Mesmo estando em cativeiro, na Babilônia, fez o
necessário para obter os meios e a permissão para
reconstruir Jerusalém.
Ne 1: 1-9.
Além de soldados e construtores, contou com a
ajuda de Esdras, o escriba e líder religioso.
Pra. Sandra Dias
1. Neemias não deu ouvidos a vozes estranhas
A voz é necessária para a comunicação e, no dia-a-dia, há
diversas vozes que tentam alcançar nossos ouvidos. Vamos
destacar três delas.
A voz do homem pode parecer bonita, mas não significa que
fale a vontade de Deus. Por isso, temos de tomar cuidado. Há
muitas vozes que falam conosco dizendo ser de Deus, mas
não são. São vozes humanas que manifestam o desejo do
coração humano.
Pra. Sandra Dias
2. Neemias confiou em Deus
Confiar implica em depositar toda a sua
esperança nas mãos de alguém. Na vida
cristã, significa entregar-se totalmente
nas mãos de Deus, principalmente
naqueles momentos em que imaginamos
que temos a solução para um problema.
Pra. Sandra Dias
3. Neemias não fugiu da batalha
A vida é uma guerra constante e a vitória só
pertence àqueles que perseveram até o fim.
Não é fácil, mas é necessário. Aqueles que
viram as costas para seu inimigo
demonstram medo e podem ser alvejados
com facilidade, sem nenhuma chance de se
desviar das setas lançadas. Por isso, o
melhor caminho é sempre enfrentá-los.
Pra. Sandra Dias
A RECONSTRUÇÃO DA CIDADE
Jerusalém em ruínas. Oração de Neemias
Capítulo 1
Neemias sabendo do triste estado de
Jerusalém, com seus muros fendidos e
Suas portas queimadas a fogo. Chorou e
se lamentou na presença do Deus todos
poderoso
(veja v. 3-11)
Pra. Sandra Dias
Missão de Neemias.
Resistências
Capítulo 2 v.1-10
Artaxexes permite a Neemias ir a Jerusalém e
edificar os muros, Neemias foi em silêncio há
Jerusalém para reedificar os muros assolados e as
portas do monturo que estavam queimadas, sem
que soubessem o que ele iria fazer.
SEGREDO é a do sucesso.
Pra. Sandra Dias
PORTAS DO MONTURO ?
A porta do monturo era por onde se processava a remoção do lixo de Jerusalém, essas portas
representavam a limpeza que deveria haver na cidade de Deus. Por elas saíam todas as
impurezas, como que a indicar que a cidade santa deveria estar sempre limpa, assim como seu
próprio espírito deve estar!
As portas são tanto para abrir como para fechar, Trata-se do aspecto individual da sua vida
interior e nela existem muitas coisas, cada um tem sua vida não pública, sua vida secreta ou
talvez bem escondida, só Deus a conhece, e ali o Senhor Jesus quer tratar com você, você não
pode fugir do tratamento de Deus, esse você está fazendo isso está fechando a Porta do
Monturo, esta porta é para jogar todo o lixo para fora da vida da sua vida e por conseguinte
também da igreja pois você é a igreja de Jesus Cristo.
Jesus Cristo através da cruz deseja tratar com todos os elementos negativos e maligno na sua
vida. Então, a porta do monturo significa deixar-se ser tratado pelo Senhor Jesus.
Então o significado espiritual da Porta do Monturo é LIMPEZA ESPIRITUAL!
Pra. Sandra Dias
Inspeção clandestina das ruínas dos muros
V. 11-15 Neemias não
declarou a ninguém o
que Deus o mandou
fazer, há ninguém
nada declarou
Pra. Sandra Dias
Início da reconstrução
• V. 16-20
...18 Eu lhes contei como a mão bondosa de Deus
me tinha protegido e lhes comuniquei as palavras
que o rei me tinha dito, e eles me responderam: “Sim,
vamos reconstruir!” E iniciaram com
coragem a boa obra...
Pra. Sandra Dias
Relação dos reconstrutores
• Capítulo 3 v. 1-32
OS QUE TRABALHAM NA RECONSTRUÇÃO DOS MUROS
1- Elisabe Sumo Sacerdote, com seus irmãos os Sacerdotes,
edificaram a porta do Gado.
É a porta da Salvação (sacrifício) e da consagração.
Construída pelos sacerdotes, simboliza consagração, sacrifício (Rm
12:1).
Mais tarde recebeu o nome de porta das ovelhas. Ficava no lado
norte, e dava para os fundos do templo e do tanque de Betesda.
Pra. Sandra Dias
O livro de Neemias, menciona as doze portas da cidade com os
seus primitivos nomes
1 – Porta do Gado
2 – Porta do Peixe (Porta de Damasco)
3 – Porta Velha (Porta de Jafa)
4 – Porta do Vale
5 – Porta do Monturo
6 – Porta da Fonte
7 – Porta do Cárcere
8 – Porta das Águas
9 – Porta dos Cavalos
10 – Porta Oriental
11 – Porta de Mifcade (Guarda)
12 – Porta de Efraim
Pra. Sandra Dias
SIGNIFICADO DE PORTAS
As Portas de Jerusalém fazem uma analogia com a Igreja; suas
entradas e saídas, vias de acesso, proteção e defesa do povo
de Deus em um ambiente comum.
Assim como Jerusalém, a Igreja hoje é o lugar onde se
encontra o
povo de Deus. De forma semelhante a Igreja não pode viver
completamente isolada do mundo, ela tem portas que
permitem algum tipo de comunicação e de contato com o
universo exterior.
As portas da Igreja são 'portas espirituais' e todo cristão deve
saber a finalidade de cada uma delas e utilizá-las da melhor
forma.
Pra. Sandra Dias
1. A Porta do Gado/Ovelhas (Ne 3.1) – ENTRADA
Era a menor entre as doze portas e não foi feita para
passagens de homens e sim das ovelhas, pois por ela era
que os animais passavam.
Sob o ponto de vista espiritual era a porta mais importante,
pois de nenhuma outra a Bíblia diz que foi consagrada,
somente esta!
É a porta de encontro com o Cordeiro de Deus que tira o
pecado do mundo!
(Jo 10.7,9). O Senhor disse: "Eu sou a porta; aquele que
entrar por mim, será salvo".
Pra. Sandra Dias
Esta porta representa o sacrifício
perfeito de Jesus pela humanidade,
ensinando que devemos morrer
para o mundo, para que também a
vida de Jesus se manifeste em
nossa carne mortal, pois devemos
com Ele morrer, para que também
com Ele tenhamos a vida eterna.
Pra. Sandra Dias
2. A Porta dos Peixes (DAMASCO) (Ne 3.3)
“E a porta do peixe edificaram os filhos de Senaa, a qual emadeiraram, e
levantaram as suas portas com as suas fechaduras e os seus ferrolhos”.
É a porta dos pescadores, porta da dedicação na obra de Deus; fala-nos de
trabalho, de crescimento e de reprodução.
Lembra-nos dos pescadores do mar da Galiléia chamados por Deus para
serem seus discípulos, tornando-se então, pescadores de homens (Mt 4.18-
22).
 Representa para nós a missão de pregar o evangelho para toda
criatura, pois os peixes representam as almas que precisam ser salvas
para o Reino de Deus.
Pra. Sandra Dias
3. A Porta Velha (Ne 3.6)
A porta velha simbolizava a tradição e a história
falada dos hebreus, o tesouro antigo, acerca das
gerações de sua origem.
Fala das tradições, dos marcos antigos, ensina-
nos a não ignorar as raízes de nossas igrejas e
os bons costumes das mesmas.
Jeremias 6:16
Pra. Sandra Dias
A porta Velha se refere a voltar
para o princípio. Isso é o que o
Senhor quer.
Voltar para o modelo original
de Deus, à igreja tal como está
no livro de Atos.
LER: Atos 2:42:
Pra. Sandra Dias
4. A Porta do Vale (Ne 2.13)
Esta porta fala das provações, das dificuldades.
A porta do vale era por onde passavam os esgotos, as
águas que se projetavam no vale do Cedrom (Tg 4.8).
Esta porta do Vale nos fala a respeito da humildade.
Quando nós chegamos na vida da igreja, vamos com
muitas presunções, com vontades de buscar
posições. Trazemos muitas coisas, muita altivez,
procurando influências, introduzimos políticas, e esta
porta do Vale fala disso.
Pra. Sandra Dias
LER
Isaías 40:4
 Lucas 14:11
A vida da igreja não é edificada a não ser com
sofrimentos, edifica-se através da negação do eu e pelo
tomar a cruz a cada dia. Aqui a porta do Vale significa isso,
que quando entramos na vida da igreja somos ovelhas,
somos
pescadores de homens, passamos pela porta Velha e
entramos pelos caminhos antigos; recuperamos a Palavra,
a doutrina e o ensino dos apóstolos.
Pra. Sandra Dias
5. A Porta do Monturo (Ne 3.13)
Era de onde saia o lixo da cidade, nos ensina que deve haver
uma porta aberta para sair toda sujeira de nossa vida espiritual
(Cl 3:8-9).
Era uma porta cuja saída era para o vale de Hinom, à Geena. Era
o vale onde se lançava o lixo de Jerusalém.
Essa porta refere-se ao aspecto individual tanto como no coletivo,
a nossa vida interior. Em nossa vida interior há muitas coisas.
Cada um de nós tem uma vida secreta, bem escondida. Não é
pública, só Deus a conhece, e ali o
Senhor está tratando conosco.
Pra. Sandra Dias
6. A Porta da Fonte (Ne 3.15)
A porta da fonte simbolizava a bênção divina
constante a brotar na nascente.
Essa porta ficava ao sul de Jerusalém perto da fonte
de Siloé, onde o cego
de nascença foi curado por Jesus! (Jo 9.10,11).
Fala das bênçãos divinas em nossas vidas (Js.
15:19).
A Porta da Fonte representa para nós a necessidade
da presença do Espírito Santo.
Pra. Sandra Dias
7. A Porta do Pátio do Cárcere (Ne 3.25)
O cárcere era uma prisão subterrânea que havia em
Jerusalém, fora dela havia um pátio fechado onde os
detidos saiam para caminhar e pegar sol.
Neste pátio o profeta Jeremias esteve preso (Jr 32.2).
Espiritualmente simboliza “as cadeias” ou “prisões”
que imobiliza o crente que se descuida da vigilância
(Jo 8.32,36). As prisões podem ser quebradas pelo
pode de Deus (At 16.26).
Pra. Sandra Dias
8. A Porta das Águas (Ne 3.26)
Esta porta proporcionava suprimento de água para
a cidade.
Espiritualmente, esta porta simboliza o sustento
básico do cristão. Sua sobrevivência depende da
água viva, do Espírito Santo que deve regar
continuamente o arraial dos santos, a igreja do
Senhor (Sl 63.1).
Pra. Sandra Dias
9. A Porta dos Cavalos (Ne 3.28)
Naqueles dias, os cavalos eram peças essenciais nas
guerras, sem os quais os carros não poderiam andar. Os
cavalos simbolizavam as guerras, as batalhas, as lutas,
enfim, as conquistas dos povos!
Ficava junto ao muro oriental .Esta porta se refere à
batalha espiritual.
LER:
Pv 21:31 - Sl 18:10 – Ap 19:11 - II Timóteo 4:7
Pra. Sandra Dias
10. A Porta Oriental (Ne 3.29)
Acredita-se que esta é a porta pela qual Jesus entrou
em Jerusalém, e que hoje se encontra lacrada! Espera-
se que o Messias entre por ela em sua
segunda vinda.
LER: Ez 44.2 - Ap 22.20 – 1ª Ts 5.23.
Esta porta por representar a volta do Senhor, significa que
devemos estar prontos para o grande dia, onde iremos nos
encontrar com o Senhor nos ares.
Pra. Sandra Dias
11. A Porta de Mifcade/Guarda [Atribuição] (Ne
3.31) – ENTRADA E SAÍDA
Significado: Guardar e vigiar.
Devemos guardar a fé, a santidade e a Palavra de Deus
em nosso coração para não pecarmos contra Ele,
vigiando e orando em todo o tempo, para que não
venhamos a cair em tentação, pois o espírito está
pronto mas a carne é fraca.
Pra. Sandra Dias
A Porta da Guarda significa o lugar onde se
defende posições já conquistadas. Existe um
território que você já conquistou através de
guerra espiritual, mas este território precisa ser
guardado. Precisamos restaurar a Porta da
guarda para não perdemos para o Inimigo o que
já foi conquistado.
Pra. Sandra Dias
12. A Porta de Efraim (Ne 8.16)
Efraim significa “fruto dobrado”.
Porção dobrada da herança era um
direito de primogenitura (Hb 12.12).
Bênçãos.
LER: Jo 15:16
Pra. Sandra Dias
4. OS INIMIGOS PRETENDEM RETARDAR A EDIFICAÇÃO DOS
MUROS
Capítulo 4 v. 1-23 Uma mão na enxada, outra na espada .
Ne 4:18 E os edificadores cada um trazia a sua espada
cingida aos lombos, e edificavam; e o que tocava a
trombeta estava junto comigo.
Pra. Sandra Dias
5. Os pobres murmuravam contra os ricos
Ne 5:8
E disse-lhes: Nós resgatamos os judeus, nossos irmãos,
que foram vendidos às nações, segundo nossas posses; e
vós outra vez venderíeis a vossos irmãos, ou vender-se-
iam a nós? Então se calaram, e não acharam que
responder.
Ne 5:11 Restituí-lhes hoje, vos peço, as suas terras, as
suas vinhas, os seus olivais e as suas casas; como
também a centésima parte do dinheiro, do trigo, do mosto
e do azeite, que vós exigis deles.
Pra. Sandra Dias
6. Os inimigos conspiram para surpreender e
intimidar Neemias
Ne 6:1
SUCEDEU que, ouvindo Sambalate, Tobias, Gesém, o
árabe, e o resto dos nossos inimigos, que eu tinha
edificado o muro, e que nele já não havia brecha
alguma, ainda que até este tempo não tinha posto as
portas nos portais,
Pra. Sandra Dias
7. Neemias estabelece guardas
Ne 7:1 SUCEDEU que, depois que o muro foi edificado, eu
levantei as portas; e foram estabelecidos os porteiros, os
cantores e os levitas.
Ne 7:4 E era a cidade larga de espaço, e grande, porém
pouco povo havia dentro dela; e ainda as casas não
estavam edificadas.
Ne 7:73 E habitaram os sacerdotes, os levitas, os porteiros,
os cantores, alguns do povo, os servidores do templo, e
todo o Israel nas suas cidades.
Pra. Sandra Dias
8. Esdras lê a Lei diante do povo
Ne 8:5 E Esdras abriu o livro perante à vista de todo o povo; porque
estava acima de todo o povo; e, abrindo-o ele, todo o povo se pôs em
pé.
Ne 8:6 E Esdras louvou ao SENHOR, o grande Deus; e todo o povo
respondeu: Amém, Amém! levantando as suas mãos; e inclinaram
suas cabeças, e adoraram ao SENHOR, com os rostos em terra.
Ne 8:7 E Jesuá, Bani, Serebias, Jamim, Acube, Sabetai, Hodias,
Maaséias, Quelita, Azarias, Jozabade, Hanã, Pelaías, e os levitas
ensinavam o povo na lei; e o povo estava no seu lugar.
Ne 8:8 E leram no livro, na lei de Deus; e declarando, e explicando o
sentido, faziam que, lendo, se entendesse.
Pra. Sandra Dias
9. Arrependimento e a confissão do pecado
v.1-38
Sem arrependimento e confissão de pecados não pode ser
restaurados os muros de sua vida e as portas continuaram
queimada, e serão assoladas por chacais (demônios)
atormentando sua vida sem parar.
Ne 9:38 E, todavia fizemos uma firme aliança, e o escrevemos;
e selaram-no os nossos príncipes, os nossos levitas e os
nossos sacerdotes.
Pra. Sandra Dias
11. Restante da obra de Neemias –
O povoamento de Jerusalém
1 Os Príncipes do povo moravam em Jerusalém. Quanto
ao restante do povo, um em cada dez
foi designado por sorteio para mudar-se também para a
cidade santa de Jerusalém, enquanto
nove sobre dez podiam ficar nas cidades. 2 Entretanto o
povo felicitava os homens que de
livre vontade quisessem estabelecer-se em Jerusalém.
Pra. Sandra Dias
12. Os Sacerdotes vieram para Jerusalém com
Zorobabel
• Ler 12:1-26
A INAUGURAÇÃO DOS MUROS
Os Sacerdotes e os levitas foram convocados para se
purificarem (santificarem) e logo purificaram o povo e
selaram os muros e as portas para que não fossem
novamente contaminados.
Pra. Sandra Dias
13. Neemias remove diversos abusos
 Exclusão dos estrangeiros (v1-14)
 Observância do sábado (v. 15-22)
 Casamentos com estrangeiras (v. 23-31).
Com isso restaura Neemias os muros e portas de
Jerusalém, o povo fica protegido e volta e vida com Deus
em Jerusalém.
Pra. Sandra Dias
CONCLUSÃO
• Em toda a história da vida cristã, Deus sempre tem dado
estratégias para resgate do Seu povo, que mesmo em vista
de tantos milagres e prodígios e sinais e maravilhas sempre
voltavam para o Egito e para Babilônia.
Deus anseia por um dia em que Seu povo permanecerá
firme em Jerusalém, para que seu FILHO amado possa levar
para a nova Jerusalém Sua noiva limpa e adornada.
F I M
Pra. Sandra Dias

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de Fé
Lição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de FéLição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de Fé
Lição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de Fé
Éder Tomé
 
Aula 3 e 4 samuel
Aula 3 e 4 samuelAula 3 e 4 samuel
Aula 3 e 4 samuel
Edilson Januario de Sousa
 
Escola bíblica dominical
Escola bíblica dominicalEscola bíblica dominical
Escola bíblica dominical
Vilmar Nascimento
 
Panorama do AT - Salmos
Panorama do AT - SalmosPanorama do AT - Salmos
Panorama do AT - Salmos
Respirando Deus
 
Lição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de Deus
Lição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de DeusLição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de Deus
Lição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de Deus
Éder Tomé
 
30. O Livro do profeta Jeremias
30. O Livro do  profeta Jeremias30. O Livro do  profeta Jeremias
30. O Livro do profeta Jeremias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Éder Tomé
 
Homiletica
HomileticaHomiletica
Homiletica
Janderson Pedro
 
Lição 11 - A IGREJA E A POLÍTICA
Lição 11 - A IGREJA E A POLÍTICALição 11 - A IGREJA E A POLÍTICA
Lição 11 - A IGREJA E A POLÍTICA
Erberson Pinheiro
 
Meus esboços 1
Meus esboços 1Meus esboços 1
Meus esboços 1
Carlos Allvarenga
 
Lição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os Demônios
Lição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os DemôniosLição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os Demônios
Lição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os Demônios
Éder Tomé
 
A armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completaA armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completa
Anderson Silvério
 
26. Os poéticos: Eclesiastes
26. Os poéticos: Eclesiastes26. Os poéticos: Eclesiastes
26. Os poéticos: Eclesiastes
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Palestra maturidade cristã
Palestra   maturidade cristãPalestra   maturidade cristã
Palestra maturidade cristã
Junior Cesar Santiago
 
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstataLição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Sergio Silva
 
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de JesusSermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Geziel Diocreciano de Jesus
 
O que são alianças espirituais
O que são alianças espirituaisO que são alianças espirituais
O que são alianças espirituais
Valdinar Portela
 
HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)
HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)
HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Aula 11 - Livros Poéticos
Aula 11 - Livros PoéticosAula 11 - Livros Poéticos
Aula 11 - Livros Poéticos
Gustavo Zimmermann
 

Mais procurados (20)

Lição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de Fé
Lição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de FéLição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de Fé
Lição 11 - A Importância da Bíblia como única regra de Fé
 
Aula 3 e 4 samuel
Aula 3 e 4 samuelAula 3 e 4 samuel
Aula 3 e 4 samuel
 
Escola bíblica dominical
Escola bíblica dominicalEscola bíblica dominical
Escola bíblica dominical
 
Panorama do AT - Salmos
Panorama do AT - SalmosPanorama do AT - Salmos
Panorama do AT - Salmos
 
Lição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de Deus
Lição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de DeusLição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de Deus
Lição 12 - Nossas atitudes diante da Palavra de Deus
 
30. O Livro do profeta Jeremias
30. O Livro do  profeta Jeremias30. O Livro do  profeta Jeremias
30. O Livro do profeta Jeremias
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
 
Homiletica
HomileticaHomiletica
Homiletica
 
Lição 11 - A IGREJA E A POLÍTICA
Lição 11 - A IGREJA E A POLÍTICALição 11 - A IGREJA E A POLÍTICA
Lição 11 - A IGREJA E A POLÍTICA
 
Meus esboços 1
Meus esboços 1Meus esboços 1
Meus esboços 1
 
Lição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os Demônios
Lição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os DemôniosLição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os Demônios
Lição 4 - O Poder de Jesus Cristo sobre os Demônios
 
A armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completaA armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completa
 
26. Os poéticos: Eclesiastes
26. Os poéticos: Eclesiastes26. Os poéticos: Eclesiastes
26. Os poéticos: Eclesiastes
 
Palestra maturidade cristã
Palestra   maturidade cristãPalestra   maturidade cristã
Palestra maturidade cristã
 
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstataLição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
Lição 08 - Laodicéia a igreja apóstata
 
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de JesusSermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
 
O que são alianças espirituais
O que são alianças espirituaisO que são alianças espirituais
O que são alianças espirituais
 
HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)
HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)
HERESIOLOGIA (AULA 01-1 - BÁSICO - IBADEP)
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
 
Aula 11 - Livros Poéticos
Aula 11 - Livros PoéticosAula 11 - Livros Poéticos
Aula 11 - Livros Poéticos
 

Destaque

Livro de Neemias cap. 1 a 13
Livro de Neemias cap. 1 a 13Livro de Neemias cap. 1 a 13
Livro de Neemias cap. 1 a 13
Pr. Eli Rocha Silva
 
Lição 3 aprendendo com as portas de jerusalém
Lição 3   aprendendo com as portas de jerusalémLição 3   aprendendo com as portas de jerusalém
Lição 3 aprendendo com as portas de jerusalém
Sergio Silva
 
3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém
3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém
3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém
Ailton da Silva
 
Porta do monturo
Porta do monturoPorta do monturo
Porta do monturo
Cleusa Reis
 
Porta da fonte
Porta da fontePorta da fonte
Porta da fonte
Cleusa Reis
 
Neemias - Tempo de Edificar
Neemias - Tempo de EdificarNeemias - Tempo de Edificar
Neemias - Tempo de Edificar
Pr Rafa Carmo
 
Mulheres que tocam o coração de deus
Mulheres que tocam o coração de deusMulheres que tocam o coração de deus
Mulheres que tocam o coração de deus
Sandra Dias
 
Ebd central aula portas de jerusalem
Ebd central   aula portas de jerusalemEbd central   aula portas de jerusalem
Ebd central aula portas de jerusalem
ugleybson
 
Neemias realizando sonhos impossíveis
Neemias realizando sonhos impossíveisNeemias realizando sonhos impossíveis
Neemias realizando sonhos impossíveis
Rogerio Zafalão
 
35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese
35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese
35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese
Ping Ponga
 
21. o livro de neemias
21. o livro de neemias21. o livro de neemias
21. o livro de neemias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Neemias - O poder da oração
Neemias - O poder da oraçãoNeemias - O poder da oração
Neemias - O poder da oração
Rogerio Zafalão
 
A NATUREZA DA IGREJA DE JESUS
A NATUREZA DA IGREJA DE JESUSA NATUREZA DA IGREJA DE JESUS
A NATUREZA DA IGREJA DE JESUS
Sandra Dias
 
Os livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e NeemiasOs livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e Neemias
mbrandao7
 
A formação do caráter cristão jorge himitian
A formação do caráter  cristão   jorge himitianA formação do caráter  cristão   jorge himitian
A formação do caráter cristão jorge himitian
Ebenézer Ximenes de Melo
 
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINALIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
Polícia Militar do Estado do Tocantins
 
Proverbios 18
Proverbios 18Proverbios 18
Proverbios 18
Mensagens Virtuais
 
O que Deus fala sobre comer e beber?
O que Deus fala sobre comer e beber?O que Deus fala sobre comer e beber?
O que Deus fala sobre comer e beber?
Vanderlei Ricken
 
Vale
ValeVale
Caráter ep (mpc)
Caráter   ep (mpc)Caráter   ep (mpc)
Caráter ep (mpc)
Elsen Portugal
 

Destaque (20)

Livro de Neemias cap. 1 a 13
Livro de Neemias cap. 1 a 13Livro de Neemias cap. 1 a 13
Livro de Neemias cap. 1 a 13
 
Lição 3 aprendendo com as portas de jerusalém
Lição 3   aprendendo com as portas de jerusalémLição 3   aprendendo com as portas de jerusalém
Lição 3 aprendendo com as portas de jerusalém
 
3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém
3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém
3 - Aprendendo com as portas de Jerusalém
 
Porta do monturo
Porta do monturoPorta do monturo
Porta do monturo
 
Porta da fonte
Porta da fontePorta da fonte
Porta da fonte
 
Neemias - Tempo de Edificar
Neemias - Tempo de EdificarNeemias - Tempo de Edificar
Neemias - Tempo de Edificar
 
Mulheres que tocam o coração de deus
Mulheres que tocam o coração de deusMulheres que tocam o coração de deus
Mulheres que tocam o coração de deus
 
Ebd central aula portas de jerusalem
Ebd central   aula portas de jerusalemEbd central   aula portas de jerusalem
Ebd central aula portas de jerusalem
 
Neemias realizando sonhos impossíveis
Neemias realizando sonhos impossíveisNeemias realizando sonhos impossíveis
Neemias realizando sonhos impossíveis
 
35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese
35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese
35 A grande muralha de Neemias / 35 the great wall of nehemiah portuguese
 
21. o livro de neemias
21. o livro de neemias21. o livro de neemias
21. o livro de neemias
 
Neemias - O poder da oração
Neemias - O poder da oraçãoNeemias - O poder da oração
Neemias - O poder da oração
 
A NATUREZA DA IGREJA DE JESUS
A NATUREZA DA IGREJA DE JESUSA NATUREZA DA IGREJA DE JESUS
A NATUREZA DA IGREJA DE JESUS
 
Os livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e NeemiasOs livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e Neemias
 
A formação do caráter cristão jorge himitian
A formação do caráter  cristão   jorge himitianA formação do caráter  cristão   jorge himitian
A formação do caráter cristão jorge himitian
 
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINALIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
 
Proverbios 18
Proverbios 18Proverbios 18
Proverbios 18
 
O que Deus fala sobre comer e beber?
O que Deus fala sobre comer e beber?O que Deus fala sobre comer e beber?
O que Deus fala sobre comer e beber?
 
Vale
ValeVale
Vale
 
Caráter ep (mpc)
Caráter   ep (mpc)Caráter   ep (mpc)
Caráter ep (mpc)
 

Semelhante a A RESTAURAÇÃO ESPIRITUAL - NEEMIAS

Neemias
NeemiasNeemias
Neemias
NeemiasNeemias
Neemias
NeemiasNeemias
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)
Éder Tomé
 
Lição 2 - O valor do planejamento na vida do cristão
Lição 2 - O valor do planejamento na vida do cristãoLição 2 - O valor do planejamento na vida do cristão
Lição 2 - O valor do planejamento na vida do cristão
Éder Tomé
 
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao SenhorLição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor
Éder Tomé
 
13404842 neemias-o-restaurador2
13404842 neemias-o-restaurador213404842 neemias-o-restaurador2
13404842 neemias-o-restaurador2
antonio ferreira
 
07. como deus nos fala
07. como deus nos fala07. como deus nos fala
07. como deus nos fala
pohlos
 
Ebook 197
Ebook 197Ebook 197
Ebook 197
Luiza Dayana
 
Mensagem 31.12 e lema 2013
Mensagem 31.12 e lema 2013Mensagem 31.12 e lema 2013
Mensagem 31.12 e lema 2013
חגי חאמד
 
Doze portas de Jerusalém, Neemias.pdf
Doze portas de Jerusalém, Neemias.pdfDoze portas de Jerusalém, Neemias.pdf
Doze portas de Jerusalém, Neemias.pdf
Cassiannesantosrocha
 
Estudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdf
Estudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdfEstudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdf
Estudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdf
jaciaradamasceno36
 
❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR
❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR
❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR
Gerson G. Ramos
 
Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)
Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)
Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)
Éder Tomé
 
A Brecha.pdf
A Brecha.pdfA Brecha.pdf
A Brecha.pdf
Pastor Robson Colaço
 
06 filadelfia
06 filadelfia06 filadelfia
06 filadelfia
Junior Miranda
 
Jeremias, o incansável ferreiro de Deus
Jeremias, o incansável ferreiro de DeusJeremias, o incansável ferreiro de Deus
Jeremias, o incansável ferreiro de Deus
Juraci Rocha
 
Slide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aula
Slide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aulaSlide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aula
Slide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aula
Vilma Longuini
 
Lição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua Palavra
Lição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua PalavraLição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua Palavra
Lição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua Palavra
Éder Tomé
 
Neemias, uma liderança para ser imitada em todos os tempos
Neemias, uma liderança para ser imitada em todos os temposNeemias, uma liderança para ser imitada em todos os tempos
Neemias, uma liderança para ser imitada em todos os tempos
Juraci Rocha
 

Semelhante a A RESTAURAÇÃO ESPIRITUAL - NEEMIAS (20)

Neemias
NeemiasNeemias
Neemias
 
Neemias
NeemiasNeemias
Neemias
 
Neemias
NeemiasNeemias
Neemias
 
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor (Windscreen)
 
Lição 2 - O valor do planejamento na vida do cristão
Lição 2 - O valor do planejamento na vida do cristãoLição 2 - O valor do planejamento na vida do cristão
Lição 2 - O valor do planejamento na vida do cristão
 
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao SenhorLição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor
Lição 4 - A Fidelidade do cristão ao Senhor
 
13404842 neemias-o-restaurador2
13404842 neemias-o-restaurador213404842 neemias-o-restaurador2
13404842 neemias-o-restaurador2
 
07. como deus nos fala
07. como deus nos fala07. como deus nos fala
07. como deus nos fala
 
Ebook 197
Ebook 197Ebook 197
Ebook 197
 
Mensagem 31.12 e lema 2013
Mensagem 31.12 e lema 2013Mensagem 31.12 e lema 2013
Mensagem 31.12 e lema 2013
 
Doze portas de Jerusalém, Neemias.pdf
Doze portas de Jerusalém, Neemias.pdfDoze portas de Jerusalém, Neemias.pdf
Doze portas de Jerusalém, Neemias.pdf
 
Estudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdf
Estudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdfEstudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdf
Estudo-acerca-das-12-portas-no-livro-de-Neemias-Joanessa (2).pdf
 
❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR
❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR
❉ Respostas 12 - Paulo: missão e mensagem_GGR
 
Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)
Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)
Lição 6 - O Cristão e o Cuidado de Deus (Windscreen)
 
A Brecha.pdf
A Brecha.pdfA Brecha.pdf
A Brecha.pdf
 
06 filadelfia
06 filadelfia06 filadelfia
06 filadelfia
 
Jeremias, o incansável ferreiro de Deus
Jeremias, o incansável ferreiro de DeusJeremias, o incansável ferreiro de Deus
Jeremias, o incansável ferreiro de Deus
 
Slide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aula
Slide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aulaSlide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aula
Slide aula licao 8 2 trim 2019 o lugar santissimo para a aula
 
Lição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua Palavra
Lição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua PalavraLição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua Palavra
Lição 12 - A adoração a Deus precisa estar de acordo com a Sua Palavra
 
Neemias, uma liderança para ser imitada em todos os tempos
Neemias, uma liderança para ser imitada em todos os temposNeemias, uma liderança para ser imitada em todos os tempos
Neemias, uma liderança para ser imitada em todos os tempos
 

Mais de Sandra Dias

INTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISE
INTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISEINTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISE
INTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISE
Sandra Dias
 
A IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZA
A IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZAA IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZA
A IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZA
Sandra Dias
 
Sobrevivendo aos ataques do inimigo
Sobrevivendo aos ataques do inimigoSobrevivendo aos ataques do inimigo
Sobrevivendo aos ataques do inimigo
Sandra Dias
 
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊCASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
Sandra Dias
 
O destino da igreja pra sandra dias
O destino da igreja pra sandra diasO destino da igreja pra sandra dias
O destino da igreja pra sandra dias
Sandra Dias
 
Transformação do nosso dna - Mutação Genética
Transformação do nosso dna - Mutação GenéticaTransformação do nosso dna - Mutação Genética
Transformação do nosso dna - Mutação Genética
Sandra Dias
 
Intercessão
Intercessão Intercessão
Intercessão
Sandra Dias
 
Principios biblicos sobre finanças
Principios biblicos sobre finançasPrincipios biblicos sobre finanças
Principios biblicos sobre finanças
Sandra Dias
 
Arrebatamento de igreja
Arrebatamento de igreja Arrebatamento de igreja
Arrebatamento de igreja
Sandra Dias
 
Fechando as brechas
Fechando as brechasFechando as brechas
Fechando as brechas
Sandra Dias
 
O PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANA
O PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANAO PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANA
O PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANA
Sandra Dias
 

Mais de Sandra Dias (11)

INTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISE
INTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISEINTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISE
INTEGRIDADE E CORAGEM EM TEMPOS DE CRISE
 
A IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZA
A IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZAA IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZA
A IGREJA DE CRISTO E SUA NATUREZA
 
Sobrevivendo aos ataques do inimigo
Sobrevivendo aos ataques do inimigoSobrevivendo aos ataques do inimigo
Sobrevivendo aos ataques do inimigo
 
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊCASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
CASA DIVIDIDA, CONCERTE O QUE ESTÁ QUEBRADO EM VOCÊ
 
O destino da igreja pra sandra dias
O destino da igreja pra sandra diasO destino da igreja pra sandra dias
O destino da igreja pra sandra dias
 
Transformação do nosso dna - Mutação Genética
Transformação do nosso dna - Mutação GenéticaTransformação do nosso dna - Mutação Genética
Transformação do nosso dna - Mutação Genética
 
Intercessão
Intercessão Intercessão
Intercessão
 
Principios biblicos sobre finanças
Principios biblicos sobre finançasPrincipios biblicos sobre finanças
Principios biblicos sobre finanças
 
Arrebatamento de igreja
Arrebatamento de igreja Arrebatamento de igreja
Arrebatamento de igreja
 
Fechando as brechas
Fechando as brechasFechando as brechas
Fechando as brechas
 
O PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANA
O PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANAO PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANA
O PERIGO DA BUSCA PELA AUTORREALIZAÇÃO HUMANA
 

Último

9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 

Último (14)

9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 

A RESTAURAÇÃO ESPIRITUAL - NEEMIAS

  • 1. A RECONSTRUÇÃO DA CIDADE Conceber Analisar Trabalhar Finalizar Jerusalém em ruínas. Oração de Neemias Pra. Sandra Dias
  • 2. Resumo: Neemias era um hebreu na Pérsia quando escutou que o Templo de Jerusalém estava sendo reconstruído. Ele ficou ansioso por saber que não havia nenhum muro para proteger a cidade. Neemias pediu a Deus que o usasse para salvar a cidade. Deus respondeu à sua oração ao AMOLECER o coração do rei persa Artaxerxes, que não só deu a sua benção, mas também material para ser usado no projeto. Neemias recebe permissão do rei para regressar a Jerusalém, onde se tornou governador. Pra. Sandra Dias
  • 3. Enfrentamos oposições Apesar da oposição e das acusações, o muro foi construído e os inimigos silenciados. O povo, inspirado por Neemias, deu o dízimo de muito dinheiro, material e mão de obra para concluir o muro em um notável período de 52 dias, apesar de muita oposição. Este esforço unido é de curta duração, entretanto, porque Jerusalém retorna à apostasia quando Neemias sai por um tempo?. Pra. Sandra Dias
  • 4. PESSOAS FRACAS Depois de 12 anos, ele voltou e encontrou as paredes fortes, mas as pessoas fracas. Ele não mediu palavras as começar a tarefa de ensinar as pessoas sobre moral. Pra. Sandra Dias
  • 5. Ele restabelece a verdadeira adoração através de oração e ao encorajar as pessoas à RESTAURAÇÃO através da leitura e da adesão à Palavra de Deus. Pra. Sandra Dias
  • 6. Neemias era um homem de oração e orou fervorosamente pelo seu povo (Neemias 1). Sua intercessão zelosa pelo povo de Deus prefigura o nosso grande intercessor, Jesus Cristo, que orou fervorosamente pelo Seu povo em Sua oração sacerdotal de João 17. Ambos Neemias e Jesus tinham um amor ardente pelo povo de Deus que eles derramavam em oração, intercedendo por eles diante do trono. Pra. Sandra Dias
  • 7. Aplicação Prática: Neemias liderou os israelitas a um grande respeito e amor pelo texto da Escritura. Neemias, por causa de seu amor por Deus e seu desejo de ver Deus honrado e glorificado, conduziu os israelitas à fé e obediência que o Senhor havia desejado para eles por tanto tempo. Da mesma forma, os Cristãos devem amar e respeitar as verdades da Escritura, memorizá-la, nela meditar de dia e de noite e dela depender para o cumprimento de todas as necessidades espirituais. LER II Timóteo 3:16 Pra. Sandra Dias
  • 8. VeRdAdE Há pessoas que nada fazem e esperam algum tipo de vitória nas batalhas da vida. O triunfo, porém, é dos que lutam, dos que confiam em Deus o suficiente para fazer alguma coisa. Pra. Sandra Dias
  • 9. CARACTERÍSTICAS ? Característica é o traço, atributo ou marca que identifica um objeto, distingue um ser de outro, particulariza um indivíduo. O homem de Deus tem atributos específicos por pertencer ao Senhor. Pra. Sandra Dias
  • 10. TRÊS CARACTERÍSTICAS DE NEEMIAS 1. Neemias não deu ouvidos a vozes estranhas 2. Neemias confiou em Deus 3. Neemias não fugiu da batalha Pra. Sandra Dias
  • 11. Neemias, notável articulador e líder político, um exemplo disso: Ne 6: 1-11. Mesmo estando em cativeiro, na Babilônia, fez o necessário para obter os meios e a permissão para reconstruir Jerusalém. Ne 1: 1-9. Além de soldados e construtores, contou com a ajuda de Esdras, o escriba e líder religioso. Pra. Sandra Dias
  • 12. 1. Neemias não deu ouvidos a vozes estranhas A voz é necessária para a comunicação e, no dia-a-dia, há diversas vozes que tentam alcançar nossos ouvidos. Vamos destacar três delas. A voz do homem pode parecer bonita, mas não significa que fale a vontade de Deus. Por isso, temos de tomar cuidado. Há muitas vozes que falam conosco dizendo ser de Deus, mas não são. São vozes humanas que manifestam o desejo do coração humano. Pra. Sandra Dias
  • 13. 2. Neemias confiou em Deus Confiar implica em depositar toda a sua esperança nas mãos de alguém. Na vida cristã, significa entregar-se totalmente nas mãos de Deus, principalmente naqueles momentos em que imaginamos que temos a solução para um problema. Pra. Sandra Dias
  • 14. 3. Neemias não fugiu da batalha A vida é uma guerra constante e a vitória só pertence àqueles que perseveram até o fim. Não é fácil, mas é necessário. Aqueles que viram as costas para seu inimigo demonstram medo e podem ser alvejados com facilidade, sem nenhuma chance de se desviar das setas lançadas. Por isso, o melhor caminho é sempre enfrentá-los. Pra. Sandra Dias
  • 15. A RECONSTRUÇÃO DA CIDADE Jerusalém em ruínas. Oração de Neemias Capítulo 1 Neemias sabendo do triste estado de Jerusalém, com seus muros fendidos e Suas portas queimadas a fogo. Chorou e se lamentou na presença do Deus todos poderoso (veja v. 3-11) Pra. Sandra Dias
  • 16. Missão de Neemias. Resistências Capítulo 2 v.1-10 Artaxexes permite a Neemias ir a Jerusalém e edificar os muros, Neemias foi em silêncio há Jerusalém para reedificar os muros assolados e as portas do monturo que estavam queimadas, sem que soubessem o que ele iria fazer. SEGREDO é a do sucesso. Pra. Sandra Dias
  • 17. PORTAS DO MONTURO ? A porta do monturo era por onde se processava a remoção do lixo de Jerusalém, essas portas representavam a limpeza que deveria haver na cidade de Deus. Por elas saíam todas as impurezas, como que a indicar que a cidade santa deveria estar sempre limpa, assim como seu próprio espírito deve estar! As portas são tanto para abrir como para fechar, Trata-se do aspecto individual da sua vida interior e nela existem muitas coisas, cada um tem sua vida não pública, sua vida secreta ou talvez bem escondida, só Deus a conhece, e ali o Senhor Jesus quer tratar com você, você não pode fugir do tratamento de Deus, esse você está fazendo isso está fechando a Porta do Monturo, esta porta é para jogar todo o lixo para fora da vida da sua vida e por conseguinte também da igreja pois você é a igreja de Jesus Cristo. Jesus Cristo através da cruz deseja tratar com todos os elementos negativos e maligno na sua vida. Então, a porta do monturo significa deixar-se ser tratado pelo Senhor Jesus. Então o significado espiritual da Porta do Monturo é LIMPEZA ESPIRITUAL! Pra. Sandra Dias
  • 18. Inspeção clandestina das ruínas dos muros V. 11-15 Neemias não declarou a ninguém o que Deus o mandou fazer, há ninguém nada declarou Pra. Sandra Dias
  • 19. Início da reconstrução • V. 16-20 ...18 Eu lhes contei como a mão bondosa de Deus me tinha protegido e lhes comuniquei as palavras que o rei me tinha dito, e eles me responderam: “Sim, vamos reconstruir!” E iniciaram com coragem a boa obra... Pra. Sandra Dias
  • 20. Relação dos reconstrutores • Capítulo 3 v. 1-32 OS QUE TRABALHAM NA RECONSTRUÇÃO DOS MUROS 1- Elisabe Sumo Sacerdote, com seus irmãos os Sacerdotes, edificaram a porta do Gado. É a porta da Salvação (sacrifício) e da consagração. Construída pelos sacerdotes, simboliza consagração, sacrifício (Rm 12:1). Mais tarde recebeu o nome de porta das ovelhas. Ficava no lado norte, e dava para os fundos do templo e do tanque de Betesda. Pra. Sandra Dias
  • 21. O livro de Neemias, menciona as doze portas da cidade com os seus primitivos nomes 1 – Porta do Gado 2 – Porta do Peixe (Porta de Damasco) 3 – Porta Velha (Porta de Jafa) 4 – Porta do Vale 5 – Porta do Monturo 6 – Porta da Fonte 7 – Porta do Cárcere 8 – Porta das Águas 9 – Porta dos Cavalos 10 – Porta Oriental 11 – Porta de Mifcade (Guarda) 12 – Porta de Efraim Pra. Sandra Dias
  • 22. SIGNIFICADO DE PORTAS As Portas de Jerusalém fazem uma analogia com a Igreja; suas entradas e saídas, vias de acesso, proteção e defesa do povo de Deus em um ambiente comum. Assim como Jerusalém, a Igreja hoje é o lugar onde se encontra o povo de Deus. De forma semelhante a Igreja não pode viver completamente isolada do mundo, ela tem portas que permitem algum tipo de comunicação e de contato com o universo exterior. As portas da Igreja são 'portas espirituais' e todo cristão deve saber a finalidade de cada uma delas e utilizá-las da melhor forma. Pra. Sandra Dias
  • 23. 1. A Porta do Gado/Ovelhas (Ne 3.1) – ENTRADA Era a menor entre as doze portas e não foi feita para passagens de homens e sim das ovelhas, pois por ela era que os animais passavam. Sob o ponto de vista espiritual era a porta mais importante, pois de nenhuma outra a Bíblia diz que foi consagrada, somente esta! É a porta de encontro com o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo! (Jo 10.7,9). O Senhor disse: "Eu sou a porta; aquele que entrar por mim, será salvo". Pra. Sandra Dias
  • 24. Esta porta representa o sacrifício perfeito de Jesus pela humanidade, ensinando que devemos morrer para o mundo, para que também a vida de Jesus se manifeste em nossa carne mortal, pois devemos com Ele morrer, para que também com Ele tenhamos a vida eterna. Pra. Sandra Dias
  • 25. 2. A Porta dos Peixes (DAMASCO) (Ne 3.3) “E a porta do peixe edificaram os filhos de Senaa, a qual emadeiraram, e levantaram as suas portas com as suas fechaduras e os seus ferrolhos”. É a porta dos pescadores, porta da dedicação na obra de Deus; fala-nos de trabalho, de crescimento e de reprodução. Lembra-nos dos pescadores do mar da Galiléia chamados por Deus para serem seus discípulos, tornando-se então, pescadores de homens (Mt 4.18- 22).  Representa para nós a missão de pregar o evangelho para toda criatura, pois os peixes representam as almas que precisam ser salvas para o Reino de Deus. Pra. Sandra Dias
  • 26. 3. A Porta Velha (Ne 3.6) A porta velha simbolizava a tradição e a história falada dos hebreus, o tesouro antigo, acerca das gerações de sua origem. Fala das tradições, dos marcos antigos, ensina- nos a não ignorar as raízes de nossas igrejas e os bons costumes das mesmas. Jeremias 6:16 Pra. Sandra Dias
  • 27. A porta Velha se refere a voltar para o princípio. Isso é o que o Senhor quer. Voltar para o modelo original de Deus, à igreja tal como está no livro de Atos. LER: Atos 2:42: Pra. Sandra Dias
  • 28. 4. A Porta do Vale (Ne 2.13) Esta porta fala das provações, das dificuldades. A porta do vale era por onde passavam os esgotos, as águas que se projetavam no vale do Cedrom (Tg 4.8). Esta porta do Vale nos fala a respeito da humildade. Quando nós chegamos na vida da igreja, vamos com muitas presunções, com vontades de buscar posições. Trazemos muitas coisas, muita altivez, procurando influências, introduzimos políticas, e esta porta do Vale fala disso. Pra. Sandra Dias
  • 29. LER Isaías 40:4  Lucas 14:11 A vida da igreja não é edificada a não ser com sofrimentos, edifica-se através da negação do eu e pelo tomar a cruz a cada dia. Aqui a porta do Vale significa isso, que quando entramos na vida da igreja somos ovelhas, somos pescadores de homens, passamos pela porta Velha e entramos pelos caminhos antigos; recuperamos a Palavra, a doutrina e o ensino dos apóstolos. Pra. Sandra Dias
  • 30. 5. A Porta do Monturo (Ne 3.13) Era de onde saia o lixo da cidade, nos ensina que deve haver uma porta aberta para sair toda sujeira de nossa vida espiritual (Cl 3:8-9). Era uma porta cuja saída era para o vale de Hinom, à Geena. Era o vale onde se lançava o lixo de Jerusalém. Essa porta refere-se ao aspecto individual tanto como no coletivo, a nossa vida interior. Em nossa vida interior há muitas coisas. Cada um de nós tem uma vida secreta, bem escondida. Não é pública, só Deus a conhece, e ali o Senhor está tratando conosco. Pra. Sandra Dias
  • 31. 6. A Porta da Fonte (Ne 3.15) A porta da fonte simbolizava a bênção divina constante a brotar na nascente. Essa porta ficava ao sul de Jerusalém perto da fonte de Siloé, onde o cego de nascença foi curado por Jesus! (Jo 9.10,11). Fala das bênçãos divinas em nossas vidas (Js. 15:19). A Porta da Fonte representa para nós a necessidade da presença do Espírito Santo. Pra. Sandra Dias
  • 32. 7. A Porta do Pátio do Cárcere (Ne 3.25) O cárcere era uma prisão subterrânea que havia em Jerusalém, fora dela havia um pátio fechado onde os detidos saiam para caminhar e pegar sol. Neste pátio o profeta Jeremias esteve preso (Jr 32.2). Espiritualmente simboliza “as cadeias” ou “prisões” que imobiliza o crente que se descuida da vigilância (Jo 8.32,36). As prisões podem ser quebradas pelo pode de Deus (At 16.26). Pra. Sandra Dias
  • 33. 8. A Porta das Águas (Ne 3.26) Esta porta proporcionava suprimento de água para a cidade. Espiritualmente, esta porta simboliza o sustento básico do cristão. Sua sobrevivência depende da água viva, do Espírito Santo que deve regar continuamente o arraial dos santos, a igreja do Senhor (Sl 63.1). Pra. Sandra Dias
  • 34. 9. A Porta dos Cavalos (Ne 3.28) Naqueles dias, os cavalos eram peças essenciais nas guerras, sem os quais os carros não poderiam andar. Os cavalos simbolizavam as guerras, as batalhas, as lutas, enfim, as conquistas dos povos! Ficava junto ao muro oriental .Esta porta se refere à batalha espiritual. LER: Pv 21:31 - Sl 18:10 – Ap 19:11 - II Timóteo 4:7 Pra. Sandra Dias
  • 35. 10. A Porta Oriental (Ne 3.29) Acredita-se que esta é a porta pela qual Jesus entrou em Jerusalém, e que hoje se encontra lacrada! Espera- se que o Messias entre por ela em sua segunda vinda. LER: Ez 44.2 - Ap 22.20 – 1ª Ts 5.23. Esta porta por representar a volta do Senhor, significa que devemos estar prontos para o grande dia, onde iremos nos encontrar com o Senhor nos ares. Pra. Sandra Dias
  • 36. 11. A Porta de Mifcade/Guarda [Atribuição] (Ne 3.31) – ENTRADA E SAÍDA Significado: Guardar e vigiar. Devemos guardar a fé, a santidade e a Palavra de Deus em nosso coração para não pecarmos contra Ele, vigiando e orando em todo o tempo, para que não venhamos a cair em tentação, pois o espírito está pronto mas a carne é fraca. Pra. Sandra Dias
  • 37. A Porta da Guarda significa o lugar onde se defende posições já conquistadas. Existe um território que você já conquistou através de guerra espiritual, mas este território precisa ser guardado. Precisamos restaurar a Porta da guarda para não perdemos para o Inimigo o que já foi conquistado. Pra. Sandra Dias
  • 38. 12. A Porta de Efraim (Ne 8.16) Efraim significa “fruto dobrado”. Porção dobrada da herança era um direito de primogenitura (Hb 12.12). Bênçãos. LER: Jo 15:16 Pra. Sandra Dias
  • 39. 4. OS INIMIGOS PRETENDEM RETARDAR A EDIFICAÇÃO DOS MUROS Capítulo 4 v. 1-23 Uma mão na enxada, outra na espada . Ne 4:18 E os edificadores cada um trazia a sua espada cingida aos lombos, e edificavam; e o que tocava a trombeta estava junto comigo. Pra. Sandra Dias
  • 40. 5. Os pobres murmuravam contra os ricos Ne 5:8 E disse-lhes: Nós resgatamos os judeus, nossos irmãos, que foram vendidos às nações, segundo nossas posses; e vós outra vez venderíeis a vossos irmãos, ou vender-se- iam a nós? Então se calaram, e não acharam que responder. Ne 5:11 Restituí-lhes hoje, vos peço, as suas terras, as suas vinhas, os seus olivais e as suas casas; como também a centésima parte do dinheiro, do trigo, do mosto e do azeite, que vós exigis deles. Pra. Sandra Dias
  • 41. 6. Os inimigos conspiram para surpreender e intimidar Neemias Ne 6:1 SUCEDEU que, ouvindo Sambalate, Tobias, Gesém, o árabe, e o resto dos nossos inimigos, que eu tinha edificado o muro, e que nele já não havia brecha alguma, ainda que até este tempo não tinha posto as portas nos portais, Pra. Sandra Dias
  • 42. 7. Neemias estabelece guardas Ne 7:1 SUCEDEU que, depois que o muro foi edificado, eu levantei as portas; e foram estabelecidos os porteiros, os cantores e os levitas. Ne 7:4 E era a cidade larga de espaço, e grande, porém pouco povo havia dentro dela; e ainda as casas não estavam edificadas. Ne 7:73 E habitaram os sacerdotes, os levitas, os porteiros, os cantores, alguns do povo, os servidores do templo, e todo o Israel nas suas cidades. Pra. Sandra Dias
  • 43. 8. Esdras lê a Lei diante do povo Ne 8:5 E Esdras abriu o livro perante à vista de todo o povo; porque estava acima de todo o povo; e, abrindo-o ele, todo o povo se pôs em pé. Ne 8:6 E Esdras louvou ao SENHOR, o grande Deus; e todo o povo respondeu: Amém, Amém! levantando as suas mãos; e inclinaram suas cabeças, e adoraram ao SENHOR, com os rostos em terra. Ne 8:7 E Jesuá, Bani, Serebias, Jamim, Acube, Sabetai, Hodias, Maaséias, Quelita, Azarias, Jozabade, Hanã, Pelaías, e os levitas ensinavam o povo na lei; e o povo estava no seu lugar. Ne 8:8 E leram no livro, na lei de Deus; e declarando, e explicando o sentido, faziam que, lendo, se entendesse. Pra. Sandra Dias
  • 44. 9. Arrependimento e a confissão do pecado v.1-38 Sem arrependimento e confissão de pecados não pode ser restaurados os muros de sua vida e as portas continuaram queimada, e serão assoladas por chacais (demônios) atormentando sua vida sem parar. Ne 9:38 E, todavia fizemos uma firme aliança, e o escrevemos; e selaram-no os nossos príncipes, os nossos levitas e os nossos sacerdotes. Pra. Sandra Dias
  • 45. 11. Restante da obra de Neemias – O povoamento de Jerusalém 1 Os Príncipes do povo moravam em Jerusalém. Quanto ao restante do povo, um em cada dez foi designado por sorteio para mudar-se também para a cidade santa de Jerusalém, enquanto nove sobre dez podiam ficar nas cidades. 2 Entretanto o povo felicitava os homens que de livre vontade quisessem estabelecer-se em Jerusalém. Pra. Sandra Dias
  • 46. 12. Os Sacerdotes vieram para Jerusalém com Zorobabel • Ler 12:1-26 A INAUGURAÇÃO DOS MUROS Os Sacerdotes e os levitas foram convocados para se purificarem (santificarem) e logo purificaram o povo e selaram os muros e as portas para que não fossem novamente contaminados. Pra. Sandra Dias
  • 47. 13. Neemias remove diversos abusos  Exclusão dos estrangeiros (v1-14)  Observância do sábado (v. 15-22)  Casamentos com estrangeiras (v. 23-31). Com isso restaura Neemias os muros e portas de Jerusalém, o povo fica protegido e volta e vida com Deus em Jerusalém. Pra. Sandra Dias
  • 48. CONCLUSÃO • Em toda a história da vida cristã, Deus sempre tem dado estratégias para resgate do Seu povo, que mesmo em vista de tantos milagres e prodígios e sinais e maravilhas sempre voltavam para o Egito e para Babilônia. Deus anseia por um dia em que Seu povo permanecerá firme em Jerusalém, para que seu FILHO amado possa levar para a nova Jerusalém Sua noiva limpa e adornada. F I M Pra. Sandra Dias