SlideShare uma empresa Scribd logo
Diocese de Estância
Forania de Estância - Sergipe
Instituto de Teologia São João XXIII
Disciplina: Bíblia II
Docente: Padre Fagner de Oliveira
A Queda Original
Discentes: Aída, Daniela, Janice, Juliana, Marcos Roberto e Paulo César
2º Período – Bacharelado em Teologia
A Queda Original
• A Queda Original é narrada no livro
do Genesis 3, 1 – 24, onde sob a
influência maligna da serpente, Eva
convence Adão a comer o Fruto da
Árvore do Bem e do Mal, e com isso
são expulsos do Paraíso, ou seja, do
convívio íntimo com Deus.
A criação de Eva – Michelângelo – Detalhe da Capela Sistina
Reflitamos:
• 1) Qual a Mensagem do Texto?
A mensagem diz que Deus vai em busca do homem, que
se escondeu, e o chama; não amaldiçoa o homem nem
a mulher, mas a serpente. E anuncia de modo
misterioso a salvação, que compreenderemos tão
somente à luz de Cristo Senhor, ou seja, pelo pecado de
Adão somos privados desde o princípio da graça de
origem mas em Cristo retornamos ao convívio íntimo
com Deus.
02) O que é o Pecado Original?
O Pecado Original é o pecado que está na origem do
homem e que é fruto da soberba do primeiro homem –
Adão, retirando das gerações seguintes a graça da
santidade original.
03) À luz da doutrina do Pecado Original, como entender
uma criança que não pediu para nascer, mas, no entanto,
já nasce marcada pelo pecado das origens? Seria Deus
vingativo?
A criança quando nasce não possui, por óbvio, qualquer
pecado pessoal, mas nasce mergulhada no pecado
original que a priva desde o ventre materno da graça da
santidade original, e não há nisso qualquer indício de
vingança de Deus, apenas revela a herança da soberba do
primeiro homem em desejar equiparar-se à Deus.
Desde sua concepção – e não a partir do nascimento, a
criança sofre as consequências do pecado original, ou
seja, o sofrimento e a morte.
Conclusão
• Foi somente no madeiro da cruz que Nosso
Senhor Jesus Cristo lava-nos, com seu
Sagradíssimo Sangue, do Pecado Original,
elevando o homem à primitiva filiação divina e
contemplando a graça da santidade que nos
torna íntimos de Deus na contemplação da Sua
Santíssima Face.
Clero da Diocese de Estância, sob o liderança do Bispo Dom Giovanni Crippa.Clero da Diocese de Estância, sob o liderança do Bispo Dom Giovanni Crippa.
Foto disponibilizada na page da Diocese de Estância no Facebook.Foto disponibilizada na page da Diocese de Estância no Facebook.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Credo parte 7
Credo parte 7Credo parte 7
Sacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveisSacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveis
Paulo Kuke
 
Os sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianos
Os sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianosOs sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianos
Os sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianos
Presentepravoce SOS
 
1º encontro Familia e Oração
1º encontro Familia e Oração1º encontro Familia e Oração
1º encontro Familia e Oração
Catequese Anjos dos Céus
 
5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…
5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…
5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…
Bernadetecebs .
 
Sacramento do crisma
Sacramento do crismaSacramento do crisma
Sacramento do crisma
JMVSobreiro
 
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
Catequese Anjos dos Céus
 
P1301 a vida _venceu_a_morte
P1301 a vida _venceu_a_morteP1301 a vida _venceu_a_morte
P1301 a vida _venceu_a_morte
Paroquia Arronches
 
Credo parte 4
Credo parte 4Credo parte 4
O que é ser cristão crisma
O que é ser cristão crismaO que é ser cristão crisma
O que é ser cristão crisma
Luciana Carneiro
 
Maria mae da divina misericordia
Maria mae da divina misericordiaMaria mae da divina misericordia
Maria mae da divina misericordia
Rosa Silva
 
Curso de batismo
Curso de batismoCurso de batismo
Curso de batismo
Melonita
 
Credo parte 3
Credo parte 3Credo parte 3
A CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhosA CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhos
Catequista Josivaldo
 
C1220 assuncao
C1220 assuncaoC1220 assuncao
C1220 assuncao
José Luiz Silva Pinto
 
O sacramento do Crisma
O sacramento do CrismaO sacramento do Crisma
O sacramento do Crisma
António José Fonseca
 
Credo parte 5
Credo parte 5Credo parte 5
01 identidade-da-rcc
01 identidade-da-rcc01 identidade-da-rcc
01 identidade-da-rcc
Ministério Paraná
 
Credo parte 6
Credo parte 6Credo parte 6
Crisma - Slide formativo
Crisma - Slide formativoCrisma - Slide formativo
Crisma - Slide formativo
Rafael Maciel
 

Mais procurados (20)

Credo parte 7
Credo parte 7Credo parte 7
Credo parte 7
 
Sacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveisSacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveis
 
Os sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianos
Os sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianosOs sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianos
Os sacramentos-de-iniciação-cristã-salesianos
 
1º encontro Familia e Oração
1º encontro Familia e Oração1º encontro Familia e Oração
1º encontro Familia e Oração
 
5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…
5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…
5 ra terceira semana para envio- Retiro de Advento/Natal 2013…
 
Sacramento do crisma
Sacramento do crismaSacramento do crisma
Sacramento do crisma
 
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
21º Encontro - Sacramentos e Sacramentos da iniciação
 
P1301 a vida _venceu_a_morte
P1301 a vida _venceu_a_morteP1301 a vida _venceu_a_morte
P1301 a vida _venceu_a_morte
 
Credo parte 4
Credo parte 4Credo parte 4
Credo parte 4
 
O que é ser cristão crisma
O que é ser cristão crismaO que é ser cristão crisma
O que é ser cristão crisma
 
Maria mae da divina misericordia
Maria mae da divina misericordiaMaria mae da divina misericordia
Maria mae da divina misericordia
 
Curso de batismo
Curso de batismoCurso de batismo
Curso de batismo
 
Credo parte 3
Credo parte 3Credo parte 3
Credo parte 3
 
A CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhosA CRISMA Catequese para pais e padrinhos
A CRISMA Catequese para pais e padrinhos
 
C1220 assuncao
C1220 assuncaoC1220 assuncao
C1220 assuncao
 
O sacramento do Crisma
O sacramento do CrismaO sacramento do Crisma
O sacramento do Crisma
 
Credo parte 5
Credo parte 5Credo parte 5
Credo parte 5
 
01 identidade-da-rcc
01 identidade-da-rcc01 identidade-da-rcc
01 identidade-da-rcc
 
Credo parte 6
Credo parte 6Credo parte 6
Credo parte 6
 
Crisma - Slide formativo
Crisma - Slide formativoCrisma - Slide formativo
Crisma - Slide formativo
 

Semelhante a A queda original

2 mariologia
2 mariologia2 mariologia
2 mariologia
Cursos Católicos
 
Estudos doutrinários no metodismo
Estudos doutrinários no metodismoEstudos doutrinários no metodismo
Estudos doutrinários no metodismo
Paulo Dias Nogueira
 
SLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdf
SLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdfSLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdf
SLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdf
carlos junior carlos
 
Clases catecismo
Clases catecismoClases catecismo
Clases catecismo
clasesteologia
 
Lição 11 hebreus
Lição 11   hebreusLição 11   hebreus
Lição 11 hebreus
Escola Bíblica Sem Fronteiras
 
A bíblia condena o espiritismo
A bíblia condena o espiritismoA bíblia condena o espiritismo
A bíblia condena o espiritismo
Alexandra Azevedo Lima
 
C1210 minha mae
C1210 minha maeC1210 minha mae
C1210 minha mae
José Luiz Silva Pinto
 
Epa
Epa Epa
Formação de intercessão
Formação de intercessãoFormação de intercessão
Formação de intercessão
Cassio Felipe
 
Formação de intercessão
Formação de intercessãoFormação de intercessão
Formação de intercessão
Cassio Felipe
 
3 doutrina social da igreja a pessoa humana
3 doutrina social da igreja   a pessoa humana3 doutrina social da igreja   a pessoa humana
3 doutrina social da igreja a pessoa humana
Jorge Eduardo Brandán
 
Sacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveisSacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveis
Paulo Kuke
 
Lição 11 - O processo de formação do discípulo I
Lição 11 - O processo de formação do discípulo ILição 11 - O processo de formação do discípulo I
Lição 11 - O processo de formação do discípulo I
Éder Tomé
 
Pe. Emmanuel-André - O Naturalismo
Pe. Emmanuel-André - O NaturalismoPe. Emmanuel-André - O Naturalismo
Pe. Emmanuel-André - O Naturalismo
Tradição Católica no Brasil
 
Espiritualidade crista
Espiritualidade cristaEspiritualidade crista
Espiritualidade crista
Paulo Cesar Machado
 
Os sacramento do batismo
Os sacramento do batismoOs sacramento do batismo
Os sacramento do batismo
torrasko
 
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humanaLição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Éder Tomé
 
Catecismo cica
Catecismo cicaCatecismo cica
Catecismo cica
Fábio Soares
 
Sacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveisSacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveis
Paulo Kuke
 
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
IvairCampos1
 

Semelhante a A queda original (20)

2 mariologia
2 mariologia2 mariologia
2 mariologia
 
Estudos doutrinários no metodismo
Estudos doutrinários no metodismoEstudos doutrinários no metodismo
Estudos doutrinários no metodismo
 
SLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdf
SLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdfSLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdf
SLIDES - EBD - Lição 2 para dados religiosos e da criação.pdf
 
Clases catecismo
Clases catecismoClases catecismo
Clases catecismo
 
Lição 11 hebreus
Lição 11   hebreusLição 11   hebreus
Lição 11 hebreus
 
A bíblia condena o espiritismo
A bíblia condena o espiritismoA bíblia condena o espiritismo
A bíblia condena o espiritismo
 
C1210 minha mae
C1210 minha maeC1210 minha mae
C1210 minha mae
 
Epa
Epa Epa
Epa
 
Formação de intercessão
Formação de intercessãoFormação de intercessão
Formação de intercessão
 
Formação de intercessão
Formação de intercessãoFormação de intercessão
Formação de intercessão
 
3 doutrina social da igreja a pessoa humana
3 doutrina social da igreja   a pessoa humana3 doutrina social da igreja   a pessoa humana
3 doutrina social da igreja a pessoa humana
 
Sacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveisSacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveis
 
Lição 11 - O processo de formação do discípulo I
Lição 11 - O processo de formação do discípulo ILição 11 - O processo de formação do discípulo I
Lição 11 - O processo de formação do discípulo I
 
Pe. Emmanuel-André - O Naturalismo
Pe. Emmanuel-André - O NaturalismoPe. Emmanuel-André - O Naturalismo
Pe. Emmanuel-André - O Naturalismo
 
Espiritualidade crista
Espiritualidade cristaEspiritualidade crista
Espiritualidade crista
 
Os sacramento do batismo
Os sacramento do batismoOs sacramento do batismo
Os sacramento do batismo
 
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humanaLição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
 
Catecismo cica
Catecismo cicaCatecismo cica
Catecismo cica
 
Sacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveisSacrametos sinais visiveis
Sacrametos sinais visiveis
 
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
 

Mais de Paulo César dos Santos

Escritos joaninos e epístolas católicas
Escritos joaninos e epístolas católicasEscritos joaninos e epístolas católicas
Escritos joaninos e epístolas católicas
Paulo César dos Santos
 
A reforma universitária de 1968 25 anos depois
A reforma universitária de 1968 25 anos depoisA reforma universitária de 1968 25 anos depois
A reforma universitária de 1968 25 anos depois
Paulo César dos Santos
 
História e crise dos paradigmas
História e crise dos paradigmasHistória e crise dos paradigmas
História e crise dos paradigmas
Paulo César dos Santos
 
At pentateuco e históricos (apostila 1)
At pentateuco e históricos (apostila 1)At pentateuco e históricos (apostila 1)
At pentateuco e históricos (apostila 1)
Paulo César dos Santos
 
Bíblia I -introdução e História de Israel
Bíblia I -introdução e História de Israel Bíblia I -introdução e História de Israel
Bíblia I -introdução e História de Israel
Paulo César dos Santos
 
2º swinga fest
2º swinga fest2º swinga fest
2º swinga fest
Paulo César dos Santos
 
Metodologia da pesquisa científica
Metodologia da pesquisa científicaMetodologia da pesquisa científica
Metodologia da pesquisa científica
Paulo César dos Santos
 

Mais de Paulo César dos Santos (7)

Escritos joaninos e epístolas católicas
Escritos joaninos e epístolas católicasEscritos joaninos e epístolas católicas
Escritos joaninos e epístolas católicas
 
A reforma universitária de 1968 25 anos depois
A reforma universitária de 1968 25 anos depoisA reforma universitária de 1968 25 anos depois
A reforma universitária de 1968 25 anos depois
 
História e crise dos paradigmas
História e crise dos paradigmasHistória e crise dos paradigmas
História e crise dos paradigmas
 
At pentateuco e históricos (apostila 1)
At pentateuco e históricos (apostila 1)At pentateuco e históricos (apostila 1)
At pentateuco e históricos (apostila 1)
 
Bíblia I -introdução e História de Israel
Bíblia I -introdução e História de Israel Bíblia I -introdução e História de Israel
Bíblia I -introdução e História de Israel
 
2º swinga fest
2º swinga fest2º swinga fest
2º swinga fest
 
Metodologia da pesquisa científica
Metodologia da pesquisa científicaMetodologia da pesquisa científica
Metodologia da pesquisa científica
 

Último

Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Alexandre Isaac Bueno
 
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
supremusmaster1
 
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídiaDivulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
N G
 
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptxFRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
consultarapidakmorai
 
Divulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídiaDivulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídia
N G
 
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concursoGEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
IagoSoares13
 

Último (6)

Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
 
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
 
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídiaDivulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
 
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptxFRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
 
Divulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídiaDivulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídia
 
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concursoGEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
 

A queda original

  • 1. Diocese de Estância Forania de Estância - Sergipe Instituto de Teologia São João XXIII Disciplina: Bíblia II Docente: Padre Fagner de Oliveira A Queda Original Discentes: Aída, Daniela, Janice, Juliana, Marcos Roberto e Paulo César 2º Período – Bacharelado em Teologia
  • 2. A Queda Original • A Queda Original é narrada no livro do Genesis 3, 1 – 24, onde sob a influência maligna da serpente, Eva convence Adão a comer o Fruto da Árvore do Bem e do Mal, e com isso são expulsos do Paraíso, ou seja, do convívio íntimo com Deus.
  • 3. A criação de Eva – Michelângelo – Detalhe da Capela Sistina
  • 4. Reflitamos: • 1) Qual a Mensagem do Texto? A mensagem diz que Deus vai em busca do homem, que se escondeu, e o chama; não amaldiçoa o homem nem a mulher, mas a serpente. E anuncia de modo misterioso a salvação, que compreenderemos tão somente à luz de Cristo Senhor, ou seja, pelo pecado de Adão somos privados desde o princípio da graça de origem mas em Cristo retornamos ao convívio íntimo com Deus.
  • 5. 02) O que é o Pecado Original? O Pecado Original é o pecado que está na origem do homem e que é fruto da soberba do primeiro homem – Adão, retirando das gerações seguintes a graça da santidade original.
  • 6. 03) À luz da doutrina do Pecado Original, como entender uma criança que não pediu para nascer, mas, no entanto, já nasce marcada pelo pecado das origens? Seria Deus vingativo? A criança quando nasce não possui, por óbvio, qualquer pecado pessoal, mas nasce mergulhada no pecado original que a priva desde o ventre materno da graça da santidade original, e não há nisso qualquer indício de vingança de Deus, apenas revela a herança da soberba do primeiro homem em desejar equiparar-se à Deus. Desde sua concepção – e não a partir do nascimento, a criança sofre as consequências do pecado original, ou seja, o sofrimento e a morte.
  • 7. Conclusão • Foi somente no madeiro da cruz que Nosso Senhor Jesus Cristo lava-nos, com seu Sagradíssimo Sangue, do Pecado Original, elevando o homem à primitiva filiação divina e contemplando a graça da santidade que nos torna íntimos de Deus na contemplação da Sua Santíssima Face.
  • 8. Clero da Diocese de Estância, sob o liderança do Bispo Dom Giovanni Crippa.Clero da Diocese de Estância, sob o liderança do Bispo Dom Giovanni Crippa. Foto disponibilizada na page da Diocese de Estância no Facebook.Foto disponibilizada na page da Diocese de Estância no Facebook.