SlideShare uma empresa Scribd logo
A importância dos jogos na
aprendizagem matemática
Introdução
As crianças possuem uma grande capacidade de
raciocinar e colocar em prática sua capacidade de resolver
situações-problemas, caracterizando objetos e buscando
soluções próprias. Neste processo, a discussão sobre a
importância dos jogos no ensino da Matemática vem se
acentuando cada vez mais.
Os jogos em sala de aula surge como uma oportunidade
de socializar os alunos, trabalhar a cooperação mútua,
participação da equipe, num esforço concentrado para
elucidar os problemas propostos. Para que esse recurso
apresente resultado eficaz, o educador precisa de um
planejamento organizado e de selecionar jogos que
incitem, estimulem o aluno na busca pelo resultado.
Para Schwartz (1966), a noção de
jogo aplicado à educação
desenvolveu-se de forma vagarosa e
chegou tardiamente, no âmbito
escolar. Mas, de acordo com o autor,
apesar de ser sistematizada com
atraso, trouxe significativas
transformações, fazendo com que a
aprendizagem se tornasse eficaz,
além divertida.
A importância dos jogos no ensino da Matemática vem
sendo debatida há algum tempo, sendo bastante
questionado o fato de a criança realmente aprender
Matemática brincando e a intervenção do professor. Por
isso, ao optar por trabalhar a Matemática por meio dos
jogos, o professor deve levar em conta a importância da
definição dos conteúdos e das habilidades presentes nas
brincadeiras e o planejamento de sua ação com o objetivo
de o jogo não se tornar mero lazer.
Para muitos alunos, a Matemática se torna um problema, pois
muitos se “fecham”, ou tem vergonha de perguntar e esclarecer
suas dúvidas sobre determinados conteúdos.
Cabe ao professor lançar mão desse valioso recurso na busca
por um ensino e aprendizagem eficaz, transformando aquilo que
poderia ser sofrido e traumático em muitos casos, em situações
de ludicidade e aprendizagem.
Material Dourado Montessori
Idealizados pela médica e educadora italiana Maria
Montessori.
Destina-se à atividades que auxiliam o ensino e a aprendizagem
do sistema de numeração decimal-posicional e dos métodos para
efetuar as operações fundamentais (algoritmos).
No ensino tradicional, as crianças "dominam" os algoritmos a
partir de treinos cansativos, mas sem compreender o que fazem.
Com o Material Dourado, as relações numéricas abstratas
passam a ter uma imagem concreta, facilitando a compreensão,
desenvolvendo raciocínio e proporcionando aprendizado mais
agradável.
Blocos Lógicos
Pequenas peças geométricas, criadas na década de 50 pelo
matemático húngaro Zoltan Paul Dienes.
Foram utilizados de modo sistemático com crianças pelo
psicólogo russo Vygotsky (1890-1934), quando ele estudava a
formação dos conceitos infantis.
Os blocos lógicos constituem-se de caixas contendo 48 peças
divididas. Os atributos são: três cores (vermelho, amarelo e
azul), dois tamanhos (pequeno e grande), duas espessuras (fino
e grosso), quatro formas (retangular, quadrada, triangular e
circular).
Função: Dar aos alunos ideias das primeiras operações lógicas,
como correspondência e classificação. Essa importância atribuída
aos materiais concretos tem raiz nas pesquisas do psicólogo
suíço Jean Piaget (1896-1980).
Segundo Piaget, a aprendizagem da Matemática envolve o
conhecimento físico e o lógico-matemático. No caso dos blocos, o
conhecimento físico ocorre quando o aluno manuseia, observa e
identifica os atributos de cada peça.
O lógico-matemático se dá quando ela usa esses atributos sem
ter o material em mãos (raciocínio abstrato).
ATIVIDADE: Desenhe no quadro-negro uma tabela para fazer
juntamente com os estudantes a classificação dos Blocos
Lógicos.
AIVIDADE: JOGO DO NUNCA 10
Em grupos de 3 ou 4 alunos.Material necessário:
1 dado, os cubinhos, as barras e as placas do Material Dourado
Regras
1. Decidam quem começa a jogar e qual a ordem dos jogadores.
2. Cada um, na sua vez, joga o dado e pega a quantidade de cubinhos
que corresponde ao número de pontos que saiu no dado.
3. Nas próximas jogadas, os pontos vão se somando ao resultado
anterior.
4. A regra é NUNCA DEZ! Cada vez que um jogador conseguir 10
cubinhos, deve trocar por uma barra,e , quando tiver 10 barras, deve
trocar por uma placa (centena).
5. Ganha quem primeiro conseguir a placa.
possível formar várias figuras, utilizando todas elas, colocando-
as lado a lado sem sobrepô-las. É possível montar mais de
1700 figuras entre animais, plantas, pessoas, objetos, letras,
números, figuras geométricas e outros.
Conhecido como jogo das sete peças, é utilizado como
instrumento facilitador da compreensão das formas geométricas.
Desenvolve a criatividade e o raciocínio lógico.
Atividade Trabalhar a identificação, comparação,
descrição, classificação e desenho de formas geométricas
planas, visão e aspectos de figuras planas, exploração de
transformações geométricas através de decomposição e
composição de figuras, abrangência das propriedades das figuras
geométricas planas, reprodução e resolução de problemas
usando padrões geométricos. Ao final de cada etapa, debater as
soluções encontradas, para estabelecer analogias e na
construção de outras figuras.
ÉÉ um quebra-cabeça chinês, de
origem milenar formado por apenas
A importância dos jogos na aprendizagem matemática
CUBO DE FRAÇÕES
Os cubos de frações são constituídos por
93 peças, todas são partes de um inteiro (o
cubo referência cor de madeira).
Ele foi elaborado para se trabalhar frações
contínuas, isto é, frações em que a unidade é
divisível em partes menores que a unidade.
Conseguimos com este material visualizar a
relação de equivalência de frações e com isso
explorar as operações aritméticas.
Os cubos de frações são constituídos por
93 peças, todas são partes de um inteiro (o
cubo referência cor de madeira).
Foi elaborado para se trabalhar frações contínuas, isto é,
frações em que a unidade é divisível em partes menores que a
unidade. Conseguimos com este material visualizar a relação de
equivalência de frações e com isso explorar as operações
aritméticas.
ATIVIDADE
Para fazermos a adição de frações
com denominadores diferentes é
necessário compararmos duas frações
com mesmo denominador, como
iremos observar no exemplo a seguir
Na figura 1, temos a representação da classe de
equivalência de
Figura 1
Na figura 2, temos a representação da classe de equivalência de
Figura 2
Na figura 3 temos a identificação das frações equivalentes à
Um denominador comum.
Figura 3
Assim, a figura 4, tem-se a transformação das parcelas
em frações equivalentes com denominador comum.
Figura 4
Por último, na figura 5, tem-se o resultado da adição
das frações a partir do agrupamento das parcelas.
Figura 5
O que observamos que o resultado obtido será de
Na subtração, a forma de raciocínio é semelhante
ao da operação de adição, exceto, que em vez de
somar iremos subtrair. Assim, observemos o
exemplo a seguir
Na figura 6, temos a representação da classe de
equivalência de
Figura 6
Na figura 7, temos a representação da classe de equivalência de
Figura 7
Figura 8
Assim, a figura 9, temos a identificação das frações
equivalentes a com um denominador comum.
Por último, na figura 10, tem-se o resultado da subtração das
frações.
Figura 10O que observamos que o resultado
obtido será de
desenvolvimento cognitivo da criança. Não
é apenas um momento de brincadeira e
não pode ser confundido com momento de
desordem e indisciplina. A criança precisa
saber que é um momento em que usará
seus conhecimentos e suas experiências
para participar, argumentar, propor
soluções na busca de chegar aos
resultados.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aprendendo operações jogando
Aprendendo operações jogandoAprendendo operações jogando
Aprendendo operações jogando
Aline Manzini
 
jogos matemáticos
jogos matemáticosjogos matemáticos
jogos matemáticos
home
 
Plano de aula matemática
Plano de aula   matemáticaPlano de aula   matemática
Plano de aula matemática
Amanda Freitas
 
Alfabetização e letramento matemático pnaic
Alfabetização e letramento matemático pnaicAlfabetização e letramento matemático pnaic
Alfabetização e letramento matemático pnaic
Magda Marques
 
Brinquedos e brincadeiras na educação infantil
Brinquedos e brincadeiras na educação infantilBrinquedos e brincadeiras na educação infantil
Brinquedos e brincadeiras na educação infantil
SimoneHelenDrumond
 
Caixa Matemática
Caixa MatemáticaCaixa Matemática
Caixa Matemática
Eliane Rocha
 
1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica
1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica
1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica
Adriana De Almeida Braga
 
Alfabetização Matemática ll PNAIC
Alfabetização Matemática ll PNAIC Alfabetização Matemática ll PNAIC
Alfabetização Matemática ll PNAIC
Marlene de Fátima Gonçalves
 
Seminário de Letramento Matemático
Seminário de Letramento MatemáticoSeminário de Letramento Matemático
Seminário de Letramento Matemático
Andréa Thees
 
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTILLUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ritagatti
 
Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professores
vanessaveloso05
 
Ed. física 3ª série
Ed. física 3ª sérieEd. física 3ª série
Ed. física 3ª série
GERALDOGOMESDEBARROS
 
Aprender e ensinar Matemática no Ensino Fundamental
Aprender e  ensinar Matemática no Ensino FundamentalAprender e  ensinar Matemática no Ensino Fundamental
Aprender e ensinar Matemática no Ensino Fundamental
valdivina
 
1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de pais1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de pais
Colmanetti
 
Projeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de Itabaiana
Projeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de ItabaianaProjeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de Itabaiana
Projeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de Itabaiana
guest913e1d6
 
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
orientadoresdeestudopaic
 
Campo multiplicativo. Jogos e atividades
Campo multiplicativo. Jogos e atividadesCampo multiplicativo. Jogos e atividades
Campo multiplicativo. Jogos e atividades
Aline Manzini
 
A matemática na rotina a educação infantil
A matemática na rotina a educação infantilA matemática na rotina a educação infantil
A matemática na rotina a educação infantil
Beatriz Dornelas
 
Lúdico
LúdicoLúdico
Lúdico
estercotrim
 
Projeto: Brincando Também se Aparende Matemática /5º ano
Projeto:   Brincando Também se Aparende Matemática /5º anoProjeto:   Brincando Também se Aparende Matemática /5º ano
Projeto: Brincando Também se Aparende Matemática /5º ano
Mary Alvarenga
 

Mais procurados (20)

Aprendendo operações jogando
Aprendendo operações jogandoAprendendo operações jogando
Aprendendo operações jogando
 
jogos matemáticos
jogos matemáticosjogos matemáticos
jogos matemáticos
 
Plano de aula matemática
Plano de aula   matemáticaPlano de aula   matemática
Plano de aula matemática
 
Alfabetização e letramento matemático pnaic
Alfabetização e letramento matemático pnaicAlfabetização e letramento matemático pnaic
Alfabetização e letramento matemático pnaic
 
Brinquedos e brincadeiras na educação infantil
Brinquedos e brincadeiras na educação infantilBrinquedos e brincadeiras na educação infantil
Brinquedos e brincadeiras na educação infantil
 
Caixa Matemática
Caixa MatemáticaCaixa Matemática
Caixa Matemática
 
1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica
1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica
1 encontro caderno 1 Pnaic Matematica
 
Alfabetização Matemática ll PNAIC
Alfabetização Matemática ll PNAIC Alfabetização Matemática ll PNAIC
Alfabetização Matemática ll PNAIC
 
Seminário de Letramento Matemático
Seminário de Letramento MatemáticoSeminário de Letramento Matemático
Seminário de Letramento Matemático
 
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTILLUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
 
Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professores
 
Ed. física 3ª série
Ed. física 3ª sérieEd. física 3ª série
Ed. física 3ª série
 
Aprender e ensinar Matemática no Ensino Fundamental
Aprender e  ensinar Matemática no Ensino FundamentalAprender e  ensinar Matemática no Ensino Fundamental
Aprender e ensinar Matemática no Ensino Fundamental
 
1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de pais1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de pais
 
Projeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de Itabaiana
Projeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de ItabaianaProjeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de Itabaiana
Projeto Olimpiada De Matematica da Rede Municipal de Ensino de Itabaiana
 
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
 
Campo multiplicativo. Jogos e atividades
Campo multiplicativo. Jogos e atividadesCampo multiplicativo. Jogos e atividades
Campo multiplicativo. Jogos e atividades
 
A matemática na rotina a educação infantil
A matemática na rotina a educação infantilA matemática na rotina a educação infantil
A matemática na rotina a educação infantil
 
Lúdico
LúdicoLúdico
Lúdico
 
Projeto: Brincando Também se Aparende Matemática /5º ano
Projeto:   Brincando Também se Aparende Matemática /5º anoProjeto:   Brincando Também se Aparende Matemática /5º ano
Projeto: Brincando Também se Aparende Matemática /5º ano
 

Semelhante a A importância dos jogos na aprendizagem matemática

Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Rute Pereira
 
Jogosemateriaismanipulativos
JogosemateriaismanipulativosJogosemateriaismanipulativos
Jogosemateriaismanipulativos
Osias de Barros Anunciação
 
Matematica material dourado
Matematica material douradoMatematica material dourado
Matematica material dourado
Beatrix Algrave
 
Apostila+escala+de+cuisenaire
Apostila+escala+de+cuisenaireApostila+escala+de+cuisenaire
Apostila+escala+de+cuisenaire
Rosario Lacerda
 
plano de aula muito bom
plano de aula muito bomplano de aula muito bom
plano de aula muito bom
Marcia Duarte
 
Trangram cuisenaire
Trangram cuisenaireTrangram cuisenaire
Trangram cuisenaire
João Alberto
 
10.brincando se aprende matemática
10.brincando se aprende matemática10.brincando se aprende matemática
10.brincando se aprende matemática
Giselda morais rodrigues do
 
Seminario cuisenaire
Seminario cuisenaireSeminario cuisenaire
Seminario cuisenaire
Rosario Lacerda
 
Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...
Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...
Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...
L Fernando F Pinto
 
Oficina 15 – sistema de numeração
Oficina 15 – sistema de numeraçãoOficina 15 – sistema de numeração
Oficina 15 – sistema de numeração
Professora Cida
 
Circuito de Atividades: Sistema Decimal Posicional
Circuito de Atividades: Sistema Decimal PosicionalCircuito de Atividades: Sistema Decimal Posicional
Circuito de Atividades: Sistema Decimal Posicional
Joelma Santos
 
slide formação.pptx
slide formação.pptxslide formação.pptx
slide formação.pptx
ssuser928f80
 
OT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª série
OT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª sérieOT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª série
OT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª série
inechidias
 
Geometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizandoGeometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizando
Aline Manzini
 
Atpsfundaments
AtpsfundamentsAtpsfundaments
Atpsfundaments
Joselinacardoso
 
Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01
Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01
Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01
Joselinacardoso
 
Contagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte I
Contagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte IContagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte I
Contagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte I
Joelma Santos
 
Material Dourado Ago08
Material Dourado Ago08Material Dourado Ago08
Material Dourado Ago08
wtedeschi
 
Materiais concretos
Materiais concretosMateriais concretos
Materiais concretos
Marcio Vilhena
 
Atividades cuisenaire
Atividades cuisenaireAtividades cuisenaire
Atividades cuisenaire
Graça Sousa
 

Semelhante a A importância dos jogos na aprendizagem matemática (20)

Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
 
Jogosemateriaismanipulativos
JogosemateriaismanipulativosJogosemateriaismanipulativos
Jogosemateriaismanipulativos
 
Matematica material dourado
Matematica material douradoMatematica material dourado
Matematica material dourado
 
Apostila+escala+de+cuisenaire
Apostila+escala+de+cuisenaireApostila+escala+de+cuisenaire
Apostila+escala+de+cuisenaire
 
plano de aula muito bom
plano de aula muito bomplano de aula muito bom
plano de aula muito bom
 
Trangram cuisenaire
Trangram cuisenaireTrangram cuisenaire
Trangram cuisenaire
 
10.brincando se aprende matemática
10.brincando se aprende matemática10.brincando se aprende matemática
10.brincando se aprende matemática
 
Seminario cuisenaire
Seminario cuisenaireSeminario cuisenaire
Seminario cuisenaire
 
Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...
Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...
Projeto jogos- NA MATEMÁTICA- PROFª CLÁUDIA LATARINI -EE PROF. ANÍBAL DE FREI...
 
Oficina 15 – sistema de numeração
Oficina 15 – sistema de numeraçãoOficina 15 – sistema de numeração
Oficina 15 – sistema de numeração
 
Circuito de Atividades: Sistema Decimal Posicional
Circuito de Atividades: Sistema Decimal PosicionalCircuito de Atividades: Sistema Decimal Posicional
Circuito de Atividades: Sistema Decimal Posicional
 
slide formação.pptx
slide formação.pptxslide formação.pptx
slide formação.pptx
 
OT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª série
OT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª sérieOT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª série
OT Avaliação Diagnóstica 6ºano/5ª série
 
Geometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizandoGeometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizando
 
Atpsfundaments
AtpsfundamentsAtpsfundaments
Atpsfundaments
 
Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01
Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01
Atpsfundamentosdematematica 131208143806-phpapp01
 
Contagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte I
Contagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte IContagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte I
Contagem com o Sistema Decimal Posicional - Parte I
 
Material Dourado Ago08
Material Dourado Ago08Material Dourado Ago08
Material Dourado Ago08
 
Materiais concretos
Materiais concretosMateriais concretos
Materiais concretos
 
Atividades cuisenaire
Atividades cuisenaireAtividades cuisenaire
Atividades cuisenaire
 

Mais de Lakalondres

planejamento_3o_ano.pptx
planejamento_3o_ano.pptxplanejamento_3o_ano.pptx
planejamento_3o_ano.pptx
Lakalondres
 
Projeto O Grande Rabanete
Projeto O Grande RabaneteProjeto O Grande Rabanete
Projeto O Grande Rabanete
Lakalondres
 
Escadinha maria aparecida
Escadinha maria aparecidaEscadinha maria aparecida
Escadinha maria aparecida
Lakalondres
 
Encontros vocálicos
Encontros vocálicosEncontros vocálicos
Encontros vocálicos
Lakalondres
 
Encontros vocálicos (2)
Encontros vocálicos (2)Encontros vocálicos (2)
Encontros vocálicos (2)
Lakalondres
 
Em cima-embaixo
Em cima-embaixoEm cima-embaixo
Em cima-embaixo
Lakalondres
 
Educa+º+úo do campo unidade 4
Educa+º+úo do campo unidade 4Educa+º+úo do campo unidade 4
Educa+º+úo do campo unidade 4
Lakalondres
 
Dia das-crianas3553
Dia das-crianas3553Dia das-crianas3553
Dia das-crianas3553
Lakalondres
 
Curso de informatica
Curso de informaticaCurso de informatica
Curso de informatica
Lakalondres
 
Copa do mundo 2010 matematica
Copa do mundo 2010  matematicaCopa do mundo 2010  matematica
Copa do mundo 2010 matematica
Lakalondres
 
Combinados
Combinados Combinados
Combinados
Lakalondres
 
Cinderelaindigena
CinderelaindigenaCinderelaindigena
Cinderelaindigena
Lakalondres
 
Ceciliameirelesquemmecompraumjardim
CeciliameirelesquemmecompraumjardimCeciliameirelesquemmecompraumjardim
Ceciliameirelesquemmecompraumjardim
Lakalondres
 
Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...
Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...
Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...
Lakalondres
 
Cartilha hinos brasileitos
Cartilha hinos brasileitosCartilha hinos brasileitos
Cartilha hinos brasileitos
Lakalondres
 
Cartilha e a sua historia
Cartilha e a sua historiaCartilha e a sua historia
Cartilha e a sua historia
Lakalondres
 
Carnava .
Carnava .Carnava .
Carnava .
Lakalondres
 
Caderno de leitura poesias
Caderno de leitura poesias Caderno de leitura poesias
Caderno de leitura poesias
Lakalondres
 
Bianca
BiancaBianca
Bianca
Lakalondres
 

Mais de Lakalondres (20)

planejamento_3o_ano.pptx
planejamento_3o_ano.pptxplanejamento_3o_ano.pptx
planejamento_3o_ano.pptx
 
Projeto O Grande Rabanete
Projeto O Grande RabaneteProjeto O Grande Rabanete
Projeto O Grande Rabanete
 
Escadinha maria aparecida
Escadinha maria aparecidaEscadinha maria aparecida
Escadinha maria aparecida
 
Encontros vocálicos
Encontros vocálicosEncontros vocálicos
Encontros vocálicos
 
Encontros vocálicos (2)
Encontros vocálicos (2)Encontros vocálicos (2)
Encontros vocálicos (2)
 
Em cima-embaixo
Em cima-embaixoEm cima-embaixo
Em cima-embaixo
 
Educa+º+úo do campo unidade 4
Educa+º+úo do campo unidade 4Educa+º+úo do campo unidade 4
Educa+º+úo do campo unidade 4
 
Dia das-crianas3553
Dia das-crianas3553Dia das-crianas3553
Dia das-crianas3553
 
Curso de informatica
Curso de informaticaCurso de informatica
Curso de informatica
 
Copa do mundo 2010 matematica
Copa do mundo 2010  matematicaCopa do mundo 2010  matematica
Copa do mundo 2010 matematica
 
Contra dengue
Contra dengueContra dengue
Contra dengue
 
Combinados
Combinados Combinados
Combinados
 
Cinderelaindigena
CinderelaindigenaCinderelaindigena
Cinderelaindigena
 
Ceciliameirelesquemmecompraumjardim
CeciliameirelesquemmecompraumjardimCeciliameirelesquemmecompraumjardim
Ceciliameirelesquemmecompraumjardim
 
Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...
Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...
Cdocumentsandsettingsglauciaaparecidadesktopparalelacicloiiport 100706111554-...
 
Cartilha hinos brasileitos
Cartilha hinos brasileitosCartilha hinos brasileitos
Cartilha hinos brasileitos
 
Cartilha e a sua historia
Cartilha e a sua historiaCartilha e a sua historia
Cartilha e a sua historia
 
Carnava .
Carnava .Carnava .
Carnava .
 
Caderno de leitura poesias
Caderno de leitura poesias Caderno de leitura poesias
Caderno de leitura poesias
 
Bianca
BiancaBianca
Bianca
 

A importância dos jogos na aprendizagem matemática

  • 1. A importância dos jogos na aprendizagem matemática
  • 2. Introdução As crianças possuem uma grande capacidade de raciocinar e colocar em prática sua capacidade de resolver situações-problemas, caracterizando objetos e buscando soluções próprias. Neste processo, a discussão sobre a importância dos jogos no ensino da Matemática vem se acentuando cada vez mais. Os jogos em sala de aula surge como uma oportunidade de socializar os alunos, trabalhar a cooperação mútua, participação da equipe, num esforço concentrado para elucidar os problemas propostos. Para que esse recurso apresente resultado eficaz, o educador precisa de um planejamento organizado e de selecionar jogos que incitem, estimulem o aluno na busca pelo resultado.
  • 3. Para Schwartz (1966), a noção de jogo aplicado à educação desenvolveu-se de forma vagarosa e chegou tardiamente, no âmbito escolar. Mas, de acordo com o autor, apesar de ser sistematizada com atraso, trouxe significativas transformações, fazendo com que a aprendizagem se tornasse eficaz, além divertida.
  • 4. A importância dos jogos no ensino da Matemática vem sendo debatida há algum tempo, sendo bastante questionado o fato de a criança realmente aprender Matemática brincando e a intervenção do professor. Por isso, ao optar por trabalhar a Matemática por meio dos jogos, o professor deve levar em conta a importância da definição dos conteúdos e das habilidades presentes nas brincadeiras e o planejamento de sua ação com o objetivo de o jogo não se tornar mero lazer. Para muitos alunos, a Matemática se torna um problema, pois muitos se “fecham”, ou tem vergonha de perguntar e esclarecer suas dúvidas sobre determinados conteúdos. Cabe ao professor lançar mão desse valioso recurso na busca por um ensino e aprendizagem eficaz, transformando aquilo que poderia ser sofrido e traumático em muitos casos, em situações de ludicidade e aprendizagem.
  • 5. Material Dourado Montessori Idealizados pela médica e educadora italiana Maria Montessori. Destina-se à atividades que auxiliam o ensino e a aprendizagem do sistema de numeração decimal-posicional e dos métodos para efetuar as operações fundamentais (algoritmos). No ensino tradicional, as crianças "dominam" os algoritmos a partir de treinos cansativos, mas sem compreender o que fazem. Com o Material Dourado, as relações numéricas abstratas passam a ter uma imagem concreta, facilitando a compreensão, desenvolvendo raciocínio e proporcionando aprendizado mais agradável.
  • 6. Blocos Lógicos Pequenas peças geométricas, criadas na década de 50 pelo matemático húngaro Zoltan Paul Dienes. Foram utilizados de modo sistemático com crianças pelo psicólogo russo Vygotsky (1890-1934), quando ele estudava a formação dos conceitos infantis. Os blocos lógicos constituem-se de caixas contendo 48 peças divididas. Os atributos são: três cores (vermelho, amarelo e azul), dois tamanhos (pequeno e grande), duas espessuras (fino e grosso), quatro formas (retangular, quadrada, triangular e circular). Função: Dar aos alunos ideias das primeiras operações lógicas, como correspondência e classificação. Essa importância atribuída aos materiais concretos tem raiz nas pesquisas do psicólogo suíço Jean Piaget (1896-1980).
  • 7. Segundo Piaget, a aprendizagem da Matemática envolve o conhecimento físico e o lógico-matemático. No caso dos blocos, o conhecimento físico ocorre quando o aluno manuseia, observa e identifica os atributos de cada peça. O lógico-matemático se dá quando ela usa esses atributos sem ter o material em mãos (raciocínio abstrato). ATIVIDADE: Desenhe no quadro-negro uma tabela para fazer juntamente com os estudantes a classificação dos Blocos Lógicos.
  • 8. AIVIDADE: JOGO DO NUNCA 10 Em grupos de 3 ou 4 alunos.Material necessário: 1 dado, os cubinhos, as barras e as placas do Material Dourado Regras 1. Decidam quem começa a jogar e qual a ordem dos jogadores. 2. Cada um, na sua vez, joga o dado e pega a quantidade de cubinhos que corresponde ao número de pontos que saiu no dado. 3. Nas próximas jogadas, os pontos vão se somando ao resultado anterior. 4. A regra é NUNCA DEZ! Cada vez que um jogador conseguir 10 cubinhos, deve trocar por uma barra,e , quando tiver 10 barras, deve trocar por uma placa (centena). 5. Ganha quem primeiro conseguir a placa.
  • 9. possível formar várias figuras, utilizando todas elas, colocando- as lado a lado sem sobrepô-las. É possível montar mais de 1700 figuras entre animais, plantas, pessoas, objetos, letras, números, figuras geométricas e outros. Conhecido como jogo das sete peças, é utilizado como instrumento facilitador da compreensão das formas geométricas. Desenvolve a criatividade e o raciocínio lógico. Atividade Trabalhar a identificação, comparação, descrição, classificação e desenho de formas geométricas planas, visão e aspectos de figuras planas, exploração de transformações geométricas através de decomposição e composição de figuras, abrangência das propriedades das figuras geométricas planas, reprodução e resolução de problemas usando padrões geométricos. Ao final de cada etapa, debater as soluções encontradas, para estabelecer analogias e na construção de outras figuras. ÉÉ um quebra-cabeça chinês, de origem milenar formado por apenas
  • 11. CUBO DE FRAÇÕES Os cubos de frações são constituídos por 93 peças, todas são partes de um inteiro (o cubo referência cor de madeira). Ele foi elaborado para se trabalhar frações contínuas, isto é, frações em que a unidade é divisível em partes menores que a unidade. Conseguimos com este material visualizar a relação de equivalência de frações e com isso explorar as operações aritméticas. Os cubos de frações são constituídos por 93 peças, todas são partes de um inteiro (o cubo referência cor de madeira). Foi elaborado para se trabalhar frações contínuas, isto é, frações em que a unidade é divisível em partes menores que a unidade. Conseguimos com este material visualizar a relação de equivalência de frações e com isso explorar as operações aritméticas.
  • 12. ATIVIDADE Para fazermos a adição de frações com denominadores diferentes é necessário compararmos duas frações com mesmo denominador, como iremos observar no exemplo a seguir Na figura 1, temos a representação da classe de equivalência de Figura 1 Na figura 2, temos a representação da classe de equivalência de Figura 2 Na figura 3 temos a identificação das frações equivalentes à Um denominador comum. Figura 3
  • 13. Assim, a figura 4, tem-se a transformação das parcelas em frações equivalentes com denominador comum. Figura 4 Por último, na figura 5, tem-se o resultado da adição das frações a partir do agrupamento das parcelas. Figura 5 O que observamos que o resultado obtido será de Na subtração, a forma de raciocínio é semelhante ao da operação de adição, exceto, que em vez de somar iremos subtrair. Assim, observemos o exemplo a seguir Na figura 6, temos a representação da classe de equivalência de Figura 6
  • 14. Na figura 7, temos a representação da classe de equivalência de Figura 7 Figura 8 Assim, a figura 9, temos a identificação das frações equivalentes a com um denominador comum. Por último, na figura 10, tem-se o resultado da subtração das frações. Figura 10O que observamos que o resultado obtido será de
  • 15. desenvolvimento cognitivo da criança. Não é apenas um momento de brincadeira e não pode ser confundido com momento de desordem e indisciplina. A criança precisa saber que é um momento em que usará seus conhecimentos e suas experiências para participar, argumentar, propor soluções na busca de chegar aos resultados.