SlideShare uma empresa Scribd logo
- Expositor: Gil Braga.
- Psicólogo e Professor.
COMUNHÃO ESPÍRITA de BRASÍLIA - CESB
DIRETORIA da INFÂNCIA e JUVENTUDE - DIEF – Grupo de Pais
Local: Auditório Eurípedes Barsanulfo
Sábado - 16.03.2024 - Horários: 14:30 e 15:45 horas.
01
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Música - Ich Liebe Dich (Eu Te Amo) - André Rieu.
- Sede Perfeitos - Item 3 - O Homem de Bem - Capítulo XVII
- O Evangelho Segundo o Espiritismo
- Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB.
- Bem aventurados aqueles que são Brandos e pacíficos
- Cap. IX - Item 10 - Hahnemann
- O Evangelho Segundo o Espiritismo
- Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB.
- Palestra Virtual desenvolvida pelas Irmãs Martha Beier e Carla Gemmel
- Frases de Esperança, Fé e Sabedoria. - Autores Diversos.
- Minutos de Sabedoria - Mensagem nº 181.
Autoria de: Carlos Torres Pastorino.
Editora : Vozes.
A importância da Formação Moral
Cristã na Infância
02
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Item 3 - O Homem de Bem
- O verdadeiro homem de bem é aquele que pratica a lei da justiça, de
amor e da caridade em sua maior pureza. Se interroga a consciência sobre
seus próprios atos, pergunta a si mesmo senão violou essa lei; se não fez o
mal e se fez todo o bem que podia; se negligenciou voluntariamente uma
ocasião de ser útil, se ninguém tem o que reclamar dele; enfim, se fez a
outrem tudo o que quereria que se fizesse para com ele.
Tem fé em Deus, em sua bondade, em sua justiça e em sua sabedoria;
sabe que nada ocorre sem sua permissão e se submete, em todas as coisas,
à sua vontade.
Tem fé no futuro; por isso, coloca os bens espirituais acima os bens
temporais. ...
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
- Sede Perfeitos
- Capítulo XVII - Evangelho Segundo o Espiritismo.
- Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB.
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
03
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Item 10 - (Hahnemann - Paris, 1863)
... O homem que é disforme não pode se tornar direito porque o Espírito
nada tem com isso, mas pode modificar o que é do Espírito quando tem
uma vontade firme.
A experiência não vos prova, espíritas, até onde pode ir o poder da
vontade, pelas transformações verdadeiramente miraculosas que vedes se
operar?
Dizei-vos, pois, que o homem não permanece vicioso senão porque o
quer permanecer vicioso; mas aquele que quer se corrigir sempre o pode,
de outra forma a Lei do Progresso não existiria para o homem.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
- Bem Aventurados Aqueles que são Brandos e Pacíficos.
Capítulo IX - Evangelho Segundo o Espiritismo.
Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB.
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
04
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Considerações Iniciais
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
- O que é o conceito de EDUCAÇÃO?
- Educação é uma prática social que objetiva o
desenvolvimento do ser humano, de suas
potencialidades, habilidades e competências.
- A educação, portanto, não se restringe à escola.
Ela é direito de todos e visa o pleno desenvolvimento
humano, por meio do processo ensino aprendizagem.
05
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Considerações Iniciais
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
Continuação...
- Qual é o verdadeiro significado do vocábulo EDUCAR?
- EDUCAR é estimular, desenvolver e orientar as
aptidões do indivíduo, de acordo com os ideais de
uma sociedade determinada.
É aperfeiçoar, aprimorar e desenvolver as
faculdades físicas, intelectuais e morais, é preparar o
cidadão para a vida.
06
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
- A educação tem por finalidade desenvolver as
pontencialidades do educando, assegurar-lhe a
formação indispensável para o exercício da
cidadania (tornar-se um Homem de BEM) e fornecer-lhe
meios para progredir no trabalho e em estudos
posteriores.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Continuação...
- Qual é a finalidade da educação?
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
Considerações Iniciais
07
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Considerações Iniciais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
- A criança, na visão de Pestalozzi, se desenvolve
de dentro para fora - ideia oposta à concepção de que
a função do ensino é preenchê-la de informação.
- Para o pensador suíço, um dos cuidados principais
do professor deveria ser respeitar os estágios de
desenvolvimento pelos quais a criança passa.
- Quais as principais ideias de Pestalozzi para a Educação?
Continuação...
08
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
- Carla: Frequenta o Centro Espírita Cristófilos, no Rio de Janeiro.
Trabalho junto ao Lar Fabiano de Cristo no setor da Evangelização
onde desenvolve um trabalho voltado para a Educação do Ser Integral.
Martha: É pedagoga, psicomotricista, frequenta o Centro Espírita
Amor, Caridade e Esperança, no Rio de Janeiro.
- Este trabalho está fundamentado em Palestra Virtual
desenvolvida pelas Irmãs Martha Beier e Carla Gemmel
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
- Palestra Virtual:
- Promovida pelo IRC – Espiritismo - http://www.irc-espiritismo.org.br
- Palestrantes: Martha Beier e Carla Gemmal - Rio de Janeiro -
09
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A FORMAÇÃO DA MORAL CRISTÃ NA INFÂNCIA
- A tarefa da divulgação da Doutrina Kardecista é de
real importância, como o é também, o estudo espírita
em nossas vidas, e por isso necessitamos da
sustentação e do amparo Espiritual, para que possamos
perseverar nesta tarefa que nos faz tanto bem.
Que possamos direcionar nossas melhores energias
para todos Trabalhadores da Seara do Bem.
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
10
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
- Aos amigos que nos auxiliam nesta tarde, com tanto
carinho, trazendo o melhor de si, em benefício da causa espírita.
Que os Espíritos Fraternos possam nos intuir, de modo a que
possamos desenvolver nosso estudo vespertino da forma mais
apropriada possível.
Que em Teu nome, Senhor, em nome dos Espíritos Amigos,
dirigentes do nosso trabalho, mas sobretudo em nome de Deus,
possamos dar por iniciada mais um Momento de Sublimes e
Esclarecedores Ensinamentos na tarde de hoje. Que assim seja!
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Continuação...
A FORMAÇÃO DA MORAL CRISTÃ NA INFÂNCIA
11
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
- Levando-se em consideração que a criança é um ser
eterno, ou seja, um viajor da eternidade, faz-se necessário
despertar valores latentes.
Allan Kardec, no livro "Obras Póstumas", no Capítulo
"Credo Espírita", afirma: “Os males da Humanidade provêm
da imperfeição dos homens. (...) É pela educação, mais do
que pela instrução, que se transformará a Humanidade“.
Podemos dizer, portanto, que a formação moral da nova
geração que chega é fator essencial para o aprimoramento da
sociedade humana como um todo.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
- Infância é o período mais propício do processo educativo.
12
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Continua Kardec, ainda na mesma obra:
"O progresso geral é o resultado de todos os
progressos individuais, mas o progresso individual não
consiste apenas no desenvolvimento da inteligência. (...)
e sim no melhoramento moral, na depuração do Espírito,
na extirpação dos maus germens que em nós existem.
Esse o verdadeiro progresso, o único que pode
garantir a felicidade ao gênero humano."
- Infância é o período mais propício do processo educativo.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
Continuação...
13
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
- Segundo Pestalozzi, a educação começa no ventre. Nós,
espíritas, também acreditamos nisso, visto que o Ser Espiritual
inicia sua ligação com seu novo corpo físico a partir da
concepção.
A fase até os 7 anos é sem dúvida especial, dado que o
processo físico da reencarnação se efetiva nessa idade.
Não vemos, entretanto, essa idade como um limite para a
educação moral, que deve se processar durante toda a vida do
Espírito.
1 - Costuma-se dizer no meio espírita que a faixa etária
ideal para a formação moral de nossas crianças se situa entre
0 e 7 anos. Isto é correto? Por quê?
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
A Formação da Moral
Cristã na Infância
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
14
4
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
- Dar limites de maneira coerente e principalmente
através do seu próprio exemplo.
Como exigir que uma criança não minta se ela vê seus
pais falseando, dizendo inverdades?
Como requisitar de uma criança que não seja agressiva
se convive com a hostilidade dentro do seu próprio lar?
Como pretender serenidade se jamais ela viu
tranquilidade no agir de seus pais?
O lar é a primeira escola e é fundamental que a criança
tenha bases sólidas onde irá fortalecer seu crescimento moral.
2 - Muitas crianças demonstram uma certa tendência má desde
a mais tenra idade. Como os pais devem agir, ao perceberem este
tipo de comportamento em um de seus filhos?
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
15
4
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
- Reprimir por reprimir não traz consequência favorável
alguma, pois a repressão é uma maneira de sufocar sem dar
a oportunidade da reflexão.
Com amor, envolvimento e perseverança, os pais devem
indicar novos rumos, alimentar novos hábitos, e redirecionar
essas tendências. Estar atento àquilo que as crianças têm acesso
através dos meios de informação, por exemplo, colegas, internet, jogos,
televisão. O afeto, a atenção, o diálogo e o sentimento de proteção
são as melhores maneiras de superar essas dificuldades.
2 ”a” - Muitas crianças demonstram uma certa tendência
má desde a mais tenra idade. Ao perceberem os pais, este
tipo de comportamento em um seus filhos será que reprimir é
o correto?
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
16
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
3 - E quando temos dois filhos com características morais
completamente diferentes, como agir? Devemos tratá-los de
maneira diferenciada? E como agir sob o questionamento de uma
das crianças que se considera injustiçada por ser mais cobrada do
que a outra?
- É fundamental jamais comparar um com o outro. O
tratamento deve, sim, ser diferenciado, pois lidamos com
individualidades com experiências próprias.
Os pais devem, em primeiro lugar, fazer uma autoanálise, se
isso realmente está ocorrendo, ouvindo a criança e reavaliar os seus
procedimentos.
Tente avaliar quanto tempo (preocupação, investimento, etc.) é
despendido com cada uma delas e terá uma noção prática da
situação.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
17
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
4 - Costumamos ouvir que muito mal se faz para a formação do
caráter da criança, uma série de programas televisivos que abusam
da violência e até mesmo da sensualidade. O que seria o ideal:
proibi-las de assistirem a tais programas? E quando os coleguinhas
da escola comentam sobre esses programas? O que fazer?
- Dependendo da condição de maturidade da criança proibir sim,
pois é responsabilidade dos pais todo o acesso de informações que a
criança tenha. Caso você julgue que a criança pode acompanhar o
programa, o ideal é que assistam juntos e que você vá conversando e
esclarecendo a criança sobre aquilo que está se passando, colocando
seu ponto de vista e ouvindo-a. Cada ser que está sob a nossa
responsabilidade nos foi confiado por Deus e a Ele prestaremos contas.
Quando a criança se sente segura quanto às orientações dos pais, ela
mesma se incumbirá de formular suas próprias respostas sem
constrangimento.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
18
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
5 - Sabemos dos benefícios da evangelização infantil nas
lides espíritas, para a formação da moral na infância. Porém,
algumas crianças se mostram refratárias em comparecerem
às aulas. Qual deve ser a postura dos pais, quando isso
acontece? Devem obrigá-las a frequentarem, mesmo
contrariadas?
- Obrigá-las não. Convencê-las da melhor maneira. O próprio
exemplo é uma das melhores maneiras de se trazer a criança à Casa
Espírita e, realçar os diversos benefícios de que seremos alvos.
Ouvir os motivos da criança, pois a evangelização infantil deve
se esforçar para trazer o assunto de forma interessante. Os pais
devem ser participantes-atuantes desse importante processo que é a
Evangelização Espírita Infantil.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
19
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
6 - Nos dias de hoje, já não temos mais aquele modelo
antigo de família, onde a mãe, que não trabalhava fora, podia
acompanhar mais de perto os passos de seus filhos. Como
encarar o desafio atual, onde os pais ficam a maior parte do
tempo longe de seus filhos, tendo que dar acompanhamento à
sua formação moral?
- O fato é que não é importante a quantidade de tempo
dedicada à criança, mas sim a qualidade desses momentos. É
perfeitamente possível que um pai ou uma mãe que trabalhem fora
cumpram o seu papel de forma eficaz se, ao chegarem em casa
tenham em mente que existe ali um ser à sua espera que necessita
do seu amor, sua atenção e dedicação de forma, neste momento,
integral. Se ele não tiver o apoio dentro do Lar, irá procurar fora. E
nem sempre o que está lá fora é o melhor.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
20
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
- Sendo o Espiritismo o Cristianismo Redivivo, ou seja, que
traz os ensinos do Mestre sem os dogmas que cercearam a
evolução humana por tanto tempo, seria incoerente não colocar
os princípios norteadores da Doutrina Espírita, caso contrário, as
palavras de Jesus ainda seriam interpretadas à letra, como por
exemplo a questão do inferno.
Não concebemos o Espiritismo sem o Cristo, como não
vemos razão do Cristo sem o esclarecimento do Espiritismo para
a formação moral do indivíduo.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
7 - Será correto afirmar que a Evangelização Infantil deve
ensinar somente a Moral Cristã ou devemos também falar de
Espiritismo para as crianças?
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
21
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Ao contrário do que se pensa, o Espiritismo não traz
aos ensinos de Jesus complexidades, mas
simplificações, lógica e coerência, que fazem com que
sejam mais facilmente compreendidas pelo Espírito que
reencarna como criança.
Atendendo às devidas adaptações pedagógicas
(faixa etária).
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
7 “a” - Será correto afirmar que a Evangelização
Infantil deve ensinar somente a Moral Cristã ou devemos
também falar de Espiritismo para as crianças?
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
22
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
8 - E a participação das crianças em tarefas de ação
social patrocinadas pelas casas espíritas?
Isto deve ser estimulado?
Como fazer com que elas se sintam úteis nestas
tarefas?
- Bastante válido estimular a participação das crianças
no auxílio ao próximo. Convém perguntarmo-nos: de onde
nasceria algum impedimento que dificultasse essa
participação?
Conforme a faixa etária, poderiam ser engajadas nas
diversas tarefas de auxílio ao próximo patrocinadas pela
Casa Espírita.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
23
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
9 - É possível à criança ter uma formação adequada
quando o pai ou a mãe estão ausentes, ou seja, quero
dizer, quando a criança vive só com o pai ou só com a
mãe?
- Sim, desde que o presente assuma de forma
integral a formação deste ser. Jamais fazendo juízo de
valor para com o que está ausente, seja qual for a
situação, pois isso abalaria significativamente a
estrutura psicológica dessa criança.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
24
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
10 - Como educar os filhos quando o casamento
está em crise, ou melhor, como deve ser o papel dos
pais para não falharem na educação de seus filhos?
- Jamais colocar suas contendas frente aos filhos. Estes
devem ser preservados de situações constrangedoras,
agressivas, onde o emocional esteja aflorado.
Todo e qualquer diálogo deve ser mantido com os filhos
de forma madura, dando a eles a ciência dos
acontecimentos.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
25
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
11 - É possível uma formação moral adequada em
casais homossexuais?
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
- Acreditamos que a formação moral transcende a
opção sexual.
26
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
12 - Num mundo onde o materialismo é muito valorizado,
como fazer chegar às nossas crianças a noção do necessário e
do supérfluo?
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
- O Espiritismo veio libertar o homem do ciclo e da
dependência materialista, dando a ele maiores condições de
discernir entre o que lhe é realmente necessário e o que é
supérfluo. Essa consciência deve ser levada também à
criança.
O consumismo é um fator de suprir carências. À medida
que o homem se sentir um Ser Integral, completo, essa
necessidade se extinguirá.
O foco é transferido do "ter" para o "ser".
27
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
13 - Se somos portadores de condição financeira
abastada, mas portadores do conhecimento espírita, devemos
dar somente o necessário ao nosso filho, quando seu
coleguinha de escola possui o supérfluo?
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
- A criança que cresce escrava da noção consumista será,
sem dúvida, um adulto inseguro e dependente do contexto
social.
Não queremos dizer, com isso, que os bens materiais
sejam todos supérfluos.
Essa noção é relativa, de acordo com a função mais ou
menos útil que se dará a esses bens.
28
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
01 - Nada acontece por acaso, em tudo
Deus tem um propósito.
02 - Quando não é para o nosso bem, Deus
afasta.
03 – Acreditar que tudo tem uma solução
não é otimismo, é fé.
- Frases de esperança, fé e sabedoria.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
29
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
04 - Quem tem fé em Deus sabe que ele
não nos dá um fardo maior do que você pode
carregar.
05 - Quando você se concentra na dor,
você sofre. Quando você se concentra na
lição, você evolui.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
- Frases de esperança, fé e sabedoria.
30
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
NÂO perca seu equilíbrio interno.
Por maior que seja a tempestade que o envolve, não perca seu
equilíbrio.
Todas as tempestades passam.
Se soubermos recebe-las com serenidade, nenhum mal nos
causarão.
Jesus dormia no fundo da barca...
Quando os discípulos o chamaram, nervosos, ele acalmou tudo.
Faça o mesmo.
Recorra ao Mestre Divino, para que as tempestades se acalmem
a seu lado.
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Mensagem 181
- ”Minutos de Sabedoria”.
- Carlos Torres Pastorino
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
31
Expositor: Gil Braga.
Psicólogo e Professor
Considerações finais:
Elaboração de Slides:
Agarb Lig
Comunhão Espírita de Brasília - CESB
DIJ - DIEF - Grupo de Pais
A Formação da Moral
Cristã na Infância
- É necessário educar o sentimento e
cultivar a ciência do coração.
Nunca como hoje foi necessário o dizer de
Jesus:
"Amai-vos uns aos outros.
FIM.
- AMAR É EDUCAR.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16.03.2024 - Gil Braga.pptx

Listadelivrossugeridos
ListadelivrossugeridosListadelivrossugeridos
Listadelivrossugeridos
Wálmada Santos da Silva
 
Educação e Evangelização
Educação e Evangelização Educação e Evangelização
Educação e Evangelização
Ponte de Luz ASEC
 
G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.
G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.
G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.
Carlos Alberto Monteiro
 
Jornal ha esperença 13 final.corrigido
Jornal ha esperença 13 final.corrigidoJornal ha esperença 13 final.corrigido
Jornal ha esperença 13 final.corrigido
Edson Rodrigues
 
Eficácia da prece
Eficácia da prece Eficácia da prece
Eficácia da prece
grupodepaisceb
 
Eae 94 - estrutura da aliança
Eae   94 - estrutura da aliançaEae   94 - estrutura da aliança
Eae 94 - estrutura da aliança
Norberto Scavone Augusto
 
Boletim o pae julho 2017
Boletim o pae   julho 2017Boletim o pae   julho 2017
Boletim o pae julho 2017
O PAE PAE
 
Boletim 78
Boletim 78Boletim 78
Boletim 78
CEJG
 
Subsídios às-ações-da-juventude-espírita-documento
Subsídios às-ações-da-juventude-espírita-documentoSubsídios às-ações-da-juventude-espírita-documento
Subsídios às-ações-da-juventude-espírita-documento
dijfergs
 
# Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]
#   Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]#   Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]
# Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Deixai vir a mim os pequeninos
Deixai vir a mim os pequeninosDeixai vir a mim os pequeninos
Deixai vir a mim os pequeninos
Henrique Vieira
 
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos FilhosLição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Natalino das Neves Neves
 
Chama de luz 95
Chama de luz 95Chama de luz 95
Chama de luz 95
Neusa Brotto
 
Diretriz evangelizacao juventude
Diretriz evangelizacao juventudeDiretriz evangelizacao juventude
Diretriz evangelizacao juventude
Alice Lirio
 
(2) pastoreando o coração da criança
(2) pastoreando o coração da criança(2) pastoreando o coração da criança
(2) pastoreando o coração da criança
Bruno Fauth Bertoluci
 
Aprendendo a lidar com o adolescente
Aprendendo a lidar com o adolescenteAprendendo a lidar com o adolescente
Aprendendo a lidar com o adolescente
Sou filha do REI
 
APRESENTAÇÃO OFICIAL
APRESENTAÇÃO OFICIALAPRESENTAÇÃO OFICIAL
APRESENTAÇÃO OFICIAL
Markson Cézar
 
Palestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadores
Palestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadoresPalestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadores
Palestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadores
Semente de Esperança
 
EDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptx
EDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptxEDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptx
EDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptx
Marcelo Cleto Chagas
 
Evangelizacao espirita infantil (fatima)
Evangelizacao espirita infantil (fatima)Evangelizacao espirita infantil (fatima)
Evangelizacao espirita infantil (fatima)
Fatima Carvalho
 

Semelhante a A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16.03.2024 - Gil Braga.pptx (20)

Listadelivrossugeridos
ListadelivrossugeridosListadelivrossugeridos
Listadelivrossugeridos
 
Educação e Evangelização
Educação e Evangelização Educação e Evangelização
Educação e Evangelização
 
G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.
G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.
G12 Estudos e Reflexoes sobre o movimento.
 
Jornal ha esperença 13 final.corrigido
Jornal ha esperença 13 final.corrigidoJornal ha esperença 13 final.corrigido
Jornal ha esperença 13 final.corrigido
 
Eficácia da prece
Eficácia da prece Eficácia da prece
Eficácia da prece
 
Eae 94 - estrutura da aliança
Eae   94 - estrutura da aliançaEae   94 - estrutura da aliança
Eae 94 - estrutura da aliança
 
Boletim o pae julho 2017
Boletim o pae   julho 2017Boletim o pae   julho 2017
Boletim o pae julho 2017
 
Boletim 78
Boletim 78Boletim 78
Boletim 78
 
Subsídios às-ações-da-juventude-espírita-documento
Subsídios às-ações-da-juventude-espírita-documentoSubsídios às-ações-da-juventude-espírita-documento
Subsídios às-ações-da-juventude-espírita-documento
 
# Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]
#   Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]#   Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]
# Flavio mendonça - o cuidado com nossos filhos - [ espiritismo]
 
Deixai vir a mim os pequeninos
Deixai vir a mim os pequeninosDeixai vir a mim os pequeninos
Deixai vir a mim os pequeninos
 
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos FilhosLição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
 
Chama de luz 95
Chama de luz 95Chama de luz 95
Chama de luz 95
 
Diretriz evangelizacao juventude
Diretriz evangelizacao juventudeDiretriz evangelizacao juventude
Diretriz evangelizacao juventude
 
(2) pastoreando o coração da criança
(2) pastoreando o coração da criança(2) pastoreando o coração da criança
(2) pastoreando o coração da criança
 
Aprendendo a lidar com o adolescente
Aprendendo a lidar com o adolescenteAprendendo a lidar com o adolescente
Aprendendo a lidar com o adolescente
 
APRESENTAÇÃO OFICIAL
APRESENTAÇÃO OFICIALAPRESENTAÇÃO OFICIAL
APRESENTAÇÃO OFICIAL
 
Palestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadores
Palestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadoresPalestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadores
Palestra fabiano curso capacitação técnico pedagógica para evangelizadores
 
EDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptx
EDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptxEDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptx
EDUCAÇÃO CRISTÃ CETADEB 1 e 2.pptx
 
Evangelizacao espirita infantil (fatima)
Evangelizacao espirita infantil (fatima)Evangelizacao espirita infantil (fatima)
Evangelizacao espirita infantil (fatima)
 

Último

Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
ProfessoraSilmaraArg
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 

Último (20)

Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 

A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16.03.2024 - Gil Braga.pptx

  • 1. - Expositor: Gil Braga. - Psicólogo e Professor. COMUNHÃO ESPÍRITA de BRASÍLIA - CESB DIRETORIA da INFÂNCIA e JUVENTUDE - DIEF – Grupo de Pais Local: Auditório Eurípedes Barsanulfo Sábado - 16.03.2024 - Horários: 14:30 e 15:45 horas. 01 Elaboração de Slides: Agarb Lig Música - Ich Liebe Dich (Eu Te Amo) - André Rieu. - Sede Perfeitos - Item 3 - O Homem de Bem - Capítulo XVII - O Evangelho Segundo o Espiritismo - Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB. - Bem aventurados aqueles que são Brandos e pacíficos - Cap. IX - Item 10 - Hahnemann - O Evangelho Segundo o Espiritismo - Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB. - Palestra Virtual desenvolvida pelas Irmãs Martha Beier e Carla Gemmel - Frases de Esperança, Fé e Sabedoria. - Autores Diversos. - Minutos de Sabedoria - Mensagem nº 181. Autoria de: Carlos Torres Pastorino. Editora : Vozes. A importância da Formação Moral Cristã na Infância
  • 2. 02 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Item 3 - O Homem de Bem - O verdadeiro homem de bem é aquele que pratica a lei da justiça, de amor e da caridade em sua maior pureza. Se interroga a consciência sobre seus próprios atos, pergunta a si mesmo senão violou essa lei; se não fez o mal e se fez todo o bem que podia; se negligenciou voluntariamente uma ocasião de ser útil, se ninguém tem o que reclamar dele; enfim, se fez a outrem tudo o que quereria que se fizesse para com ele. Tem fé em Deus, em sua bondade, em sua justiça e em sua sabedoria; sabe que nada ocorre sem sua permissão e se submete, em todas as coisas, à sua vontade. Tem fé no futuro; por isso, coloca os bens espirituais acima os bens temporais. ... Elaboração de Slides: Agarb Lig - Sede Perfeitos - Capítulo XVII - Evangelho Segundo o Espiritismo. - Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB. Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 3. 03 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Item 10 - (Hahnemann - Paris, 1863) ... O homem que é disforme não pode se tornar direito porque o Espírito nada tem com isso, mas pode modificar o que é do Espírito quando tem uma vontade firme. A experiência não vos prova, espíritas, até onde pode ir o poder da vontade, pelas transformações verdadeiramente miraculosas que vedes se operar? Dizei-vos, pois, que o homem não permanece vicioso senão porque o quer permanecer vicioso; mas aquele que quer se corrigir sempre o pode, de outra forma a Lei do Progresso não existiria para o homem. Elaboração de Slides: Agarb Lig - Bem Aventurados Aqueles que são Brandos e Pacíficos. Capítulo IX - Evangelho Segundo o Espiritismo. Allan Kardec - Federação Espírita Brasileira - FEB. Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 4. 04 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Considerações Iniciais Elaboração de Slides: Agarb Lig A Formação da Moral Cristã na Infância Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais - O que é o conceito de EDUCAÇÃO? - Educação é uma prática social que objetiva o desenvolvimento do ser humano, de suas potencialidades, habilidades e competências. - A educação, portanto, não se restringe à escola. Ela é direito de todos e visa o pleno desenvolvimento humano, por meio do processo ensino aprendizagem.
  • 5. 05 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Considerações Iniciais Elaboração de Slides: Agarb Lig A Formação da Moral Cristã na Infância Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais Continuação... - Qual é o verdadeiro significado do vocábulo EDUCAR? - EDUCAR é estimular, desenvolver e orientar as aptidões do indivíduo, de acordo com os ideais de uma sociedade determinada. É aperfeiçoar, aprimorar e desenvolver as faculdades físicas, intelectuais e morais, é preparar o cidadão para a vida.
  • 6. 06 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor - A educação tem por finalidade desenvolver as pontencialidades do educando, assegurar-lhe a formação indispensável para o exercício da cidadania (tornar-se um Homem de BEM) e fornecer-lhe meios para progredir no trabalho e em estudos posteriores. Elaboração de Slides: Agarb Lig A Formação da Moral Cristã na Infância Continuação... - Qual é a finalidade da educação? Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais Considerações Iniciais
  • 7. 07 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Elaboração de Slides: Agarb Lig Considerações Iniciais A Formação da Moral Cristã na Infância Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais - A criança, na visão de Pestalozzi, se desenvolve de dentro para fora - ideia oposta à concepção de que a função do ensino é preenchê-la de informação. - Para o pensador suíço, um dos cuidados principais do professor deveria ser respeitar os estágios de desenvolvimento pelos quais a criança passa. - Quais as principais ideias de Pestalozzi para a Educação? Continuação...
  • 8. 08 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor - Carla: Frequenta o Centro Espírita Cristófilos, no Rio de Janeiro. Trabalho junto ao Lar Fabiano de Cristo no setor da Evangelização onde desenvolve um trabalho voltado para a Educação do Ser Integral. Martha: É pedagoga, psicomotricista, frequenta o Centro Espírita Amor, Caridade e Esperança, no Rio de Janeiro. - Este trabalho está fundamentado em Palestra Virtual desenvolvida pelas Irmãs Martha Beier e Carla Gemmel Elaboração de Slides: Agarb Lig A Formação da Moral Cristã na Infância Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais - Palestra Virtual: - Promovida pelo IRC – Espiritismo - http://www.irc-espiritismo.org.br - Palestrantes: Martha Beier e Carla Gemmal - Rio de Janeiro -
  • 9. 09 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Elaboração de Slides: Agarb Lig A FORMAÇÃO DA MORAL CRISTÃ NA INFÂNCIA - A tarefa da divulgação da Doutrina Kardecista é de real importância, como o é também, o estudo espírita em nossas vidas, e por isso necessitamos da sustentação e do amparo Espiritual, para que possamos perseverar nesta tarefa que nos faz tanto bem. Que possamos direcionar nossas melhores energias para todos Trabalhadores da Seara do Bem. Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 10. 10 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Elaboração de Slides: Agarb Lig - Aos amigos que nos auxiliam nesta tarde, com tanto carinho, trazendo o melhor de si, em benefício da causa espírita. Que os Espíritos Fraternos possam nos intuir, de modo a que possamos desenvolver nosso estudo vespertino da forma mais apropriada possível. Que em Teu nome, Senhor, em nome dos Espíritos Amigos, dirigentes do nosso trabalho, mas sobretudo em nome de Deus, possamos dar por iniciada mais um Momento de Sublimes e Esclarecedores Ensinamentos na tarde de hoje. Que assim seja! Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância Continuação... A FORMAÇÃO DA MORAL CRISTÃ NA INFÂNCIA
  • 11. 11 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor - Levando-se em consideração que a criança é um ser eterno, ou seja, um viajor da eternidade, faz-se necessário despertar valores latentes. Allan Kardec, no livro "Obras Póstumas", no Capítulo "Credo Espírita", afirma: “Os males da Humanidade provêm da imperfeição dos homens. (...) É pela educação, mais do que pela instrução, que se transformará a Humanidade“. Podemos dizer, portanto, que a formação moral da nova geração que chega é fator essencial para o aprimoramento da sociedade humana como um todo. Elaboração de Slides: Agarb Lig A Formação da Moral Cristã na Infância Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais - Infância é o período mais propício do processo educativo.
  • 12. 12 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Continua Kardec, ainda na mesma obra: "O progresso geral é o resultado de todos os progressos individuais, mas o progresso individual não consiste apenas no desenvolvimento da inteligência. (...) e sim no melhoramento moral, na depuração do Espírito, na extirpação dos maus germens que em nós existem. Esse o verdadeiro progresso, o único que pode garantir a felicidade ao gênero humano." - Infância é o período mais propício do processo educativo. Elaboração de Slides: Agarb Lig A Formação da Moral Cristã na Infância Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais Continuação...
  • 13. 13 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor - Segundo Pestalozzi, a educação começa no ventre. Nós, espíritas, também acreditamos nisso, visto que o Ser Espiritual inicia sua ligação com seu novo corpo físico a partir da concepção. A fase até os 7 anos é sem dúvida especial, dado que o processo físico da reencarnação se efetiva nessa idade. Não vemos, entretanto, essa idade como um limite para a educação moral, que deve se processar durante toda a vida do Espírito. 1 - Costuma-se dizer no meio espírita que a faixa etária ideal para a formação moral de nossas crianças se situa entre 0 e 7 anos. Isto é correto? Por quê? Elaboração de Slides: Agarb Lig A Formação da Moral Cristã na Infância Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais
  • 14. 14 4 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor - Dar limites de maneira coerente e principalmente através do seu próprio exemplo. Como exigir que uma criança não minta se ela vê seus pais falseando, dizendo inverdades? Como requisitar de uma criança que não seja agressiva se convive com a hostilidade dentro do seu próprio lar? Como pretender serenidade se jamais ela viu tranquilidade no agir de seus pais? O lar é a primeira escola e é fundamental que a criança tenha bases sólidas onde irá fortalecer seu crescimento moral. 2 - Muitas crianças demonstram uma certa tendência má desde a mais tenra idade. Como os pais devem agir, ao perceberem este tipo de comportamento em um de seus filhos? Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 15. 15 4 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor - Reprimir por reprimir não traz consequência favorável alguma, pois a repressão é uma maneira de sufocar sem dar a oportunidade da reflexão. Com amor, envolvimento e perseverança, os pais devem indicar novos rumos, alimentar novos hábitos, e redirecionar essas tendências. Estar atento àquilo que as crianças têm acesso através dos meios de informação, por exemplo, colegas, internet, jogos, televisão. O afeto, a atenção, o diálogo e o sentimento de proteção são as melhores maneiras de superar essas dificuldades. 2 ”a” - Muitas crianças demonstram uma certa tendência má desde a mais tenra idade. Ao perceberem os pais, este tipo de comportamento em um seus filhos será que reprimir é o correto? Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 16. 16 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 3 - E quando temos dois filhos com características morais completamente diferentes, como agir? Devemos tratá-los de maneira diferenciada? E como agir sob o questionamento de uma das crianças que se considera injustiçada por ser mais cobrada do que a outra? - É fundamental jamais comparar um com o outro. O tratamento deve, sim, ser diferenciado, pois lidamos com individualidades com experiências próprias. Os pais devem, em primeiro lugar, fazer uma autoanálise, se isso realmente está ocorrendo, ouvindo a criança e reavaliar os seus procedimentos. Tente avaliar quanto tempo (preocupação, investimento, etc.) é despendido com cada uma delas e terá uma noção prática da situação. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 17. 17 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 4 - Costumamos ouvir que muito mal se faz para a formação do caráter da criança, uma série de programas televisivos que abusam da violência e até mesmo da sensualidade. O que seria o ideal: proibi-las de assistirem a tais programas? E quando os coleguinhas da escola comentam sobre esses programas? O que fazer? - Dependendo da condição de maturidade da criança proibir sim, pois é responsabilidade dos pais todo o acesso de informações que a criança tenha. Caso você julgue que a criança pode acompanhar o programa, o ideal é que assistam juntos e que você vá conversando e esclarecendo a criança sobre aquilo que está se passando, colocando seu ponto de vista e ouvindo-a. Cada ser que está sob a nossa responsabilidade nos foi confiado por Deus e a Ele prestaremos contas. Quando a criança se sente segura quanto às orientações dos pais, ela mesma se incumbirá de formular suas próprias respostas sem constrangimento. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 18. 18 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 5 - Sabemos dos benefícios da evangelização infantil nas lides espíritas, para a formação da moral na infância. Porém, algumas crianças se mostram refratárias em comparecerem às aulas. Qual deve ser a postura dos pais, quando isso acontece? Devem obrigá-las a frequentarem, mesmo contrariadas? - Obrigá-las não. Convencê-las da melhor maneira. O próprio exemplo é uma das melhores maneiras de se trazer a criança à Casa Espírita e, realçar os diversos benefícios de que seremos alvos. Ouvir os motivos da criança, pois a evangelização infantil deve se esforçar para trazer o assunto de forma interessante. Os pais devem ser participantes-atuantes desse importante processo que é a Evangelização Espírita Infantil. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 19. 19 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 6 - Nos dias de hoje, já não temos mais aquele modelo antigo de família, onde a mãe, que não trabalhava fora, podia acompanhar mais de perto os passos de seus filhos. Como encarar o desafio atual, onde os pais ficam a maior parte do tempo longe de seus filhos, tendo que dar acompanhamento à sua formação moral? - O fato é que não é importante a quantidade de tempo dedicada à criança, mas sim a qualidade desses momentos. É perfeitamente possível que um pai ou uma mãe que trabalhem fora cumpram o seu papel de forma eficaz se, ao chegarem em casa tenham em mente que existe ali um ser à sua espera que necessita do seu amor, sua atenção e dedicação de forma, neste momento, integral. Se ele não tiver o apoio dentro do Lar, irá procurar fora. E nem sempre o que está lá fora é o melhor. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 20. 20 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor - Sendo o Espiritismo o Cristianismo Redivivo, ou seja, que traz os ensinos do Mestre sem os dogmas que cercearam a evolução humana por tanto tempo, seria incoerente não colocar os princípios norteadores da Doutrina Espírita, caso contrário, as palavras de Jesus ainda seriam interpretadas à letra, como por exemplo a questão do inferno. Não concebemos o Espiritismo sem o Cristo, como não vemos razão do Cristo sem o esclarecimento do Espiritismo para a formação moral do indivíduo. Elaboração de Slides: Agarb Lig 7 - Será correto afirmar que a Evangelização Infantil deve ensinar somente a Moral Cristã ou devemos também falar de Espiritismo para as crianças? Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 21. 21 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Ao contrário do que se pensa, o Espiritismo não traz aos ensinos de Jesus complexidades, mas simplificações, lógica e coerência, que fazem com que sejam mais facilmente compreendidas pelo Espírito que reencarna como criança. Atendendo às devidas adaptações pedagógicas (faixa etária). Elaboração de Slides: Agarb Lig 7 “a” - Será correto afirmar que a Evangelização Infantil deve ensinar somente a Moral Cristã ou devemos também falar de Espiritismo para as crianças? Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 22. 22 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 8 - E a participação das crianças em tarefas de ação social patrocinadas pelas casas espíritas? Isto deve ser estimulado? Como fazer com que elas se sintam úteis nestas tarefas? - Bastante válido estimular a participação das crianças no auxílio ao próximo. Convém perguntarmo-nos: de onde nasceria algum impedimento que dificultasse essa participação? Conforme a faixa etária, poderiam ser engajadas nas diversas tarefas de auxílio ao próximo patrocinadas pela Casa Espírita. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 23. 23 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 9 - É possível à criança ter uma formação adequada quando o pai ou a mãe estão ausentes, ou seja, quero dizer, quando a criança vive só com o pai ou só com a mãe? - Sim, desde que o presente assuma de forma integral a formação deste ser. Jamais fazendo juízo de valor para com o que está ausente, seja qual for a situação, pois isso abalaria significativamente a estrutura psicológica dessa criança. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 24. 24 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 10 - Como educar os filhos quando o casamento está em crise, ou melhor, como deve ser o papel dos pais para não falharem na educação de seus filhos? - Jamais colocar suas contendas frente aos filhos. Estes devem ser preservados de situações constrangedoras, agressivas, onde o emocional esteja aflorado. Todo e qualquer diálogo deve ser mantido com os filhos de forma madura, dando a eles a ciência dos acontecimentos. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 25. 25 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 11 - É possível uma formação moral adequada em casais homossexuais? Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância - Acreditamos que a formação moral transcende a opção sexual.
  • 26. 26 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 12 - Num mundo onde o materialismo é muito valorizado, como fazer chegar às nossas crianças a noção do necessário e do supérfluo? Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância - O Espiritismo veio libertar o homem do ciclo e da dependência materialista, dando a ele maiores condições de discernir entre o que lhe é realmente necessário e o que é supérfluo. Essa consciência deve ser levada também à criança. O consumismo é um fator de suprir carências. À medida que o homem se sentir um Ser Integral, completo, essa necessidade se extinguirá. O foco é transferido do "ter" para o "ser".
  • 27. 27 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 13 - Se somos portadores de condição financeira abastada, mas portadores do conhecimento espírita, devemos dar somente o necessário ao nosso filho, quando seu coleguinha de escola possui o supérfluo? Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância - A criança que cresce escrava da noção consumista será, sem dúvida, um adulto inseguro e dependente do contexto social. Não queremos dizer, com isso, que os bens materiais sejam todos supérfluos. Essa noção é relativa, de acordo com a função mais ou menos útil que se dará a esses bens.
  • 28. 28 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 01 - Nada acontece por acaso, em tudo Deus tem um propósito. 02 - Quando não é para o nosso bem, Deus afasta. 03 – Acreditar que tudo tem uma solução não é otimismo, é fé. - Frases de esperança, fé e sabedoria. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 29. 29 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor 04 - Quem tem fé em Deus sabe que ele não nos dá um fardo maior do que você pode carregar. 05 - Quando você se concentra na dor, você sofre. Quando você se concentra na lição, você evolui. Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância - Frases de esperança, fé e sabedoria.
  • 30. 30 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor NÂO perca seu equilíbrio interno. Por maior que seja a tempestade que o envolve, não perca seu equilíbrio. Todas as tempestades passam. Se soubermos recebe-las com serenidade, nenhum mal nos causarão. Jesus dormia no fundo da barca... Quando os discípulos o chamaram, nervosos, ele acalmou tudo. Faça o mesmo. Recorra ao Mestre Divino, para que as tempestades se acalmem a seu lado. Elaboração de Slides: Agarb Lig Mensagem 181 - ”Minutos de Sabedoria”. - Carlos Torres Pastorino Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância
  • 31. 31 Expositor: Gil Braga. Psicólogo e Professor Considerações finais: Elaboração de Slides: Agarb Lig Comunhão Espírita de Brasília - CESB DIJ - DIEF - Grupo de Pais A Formação da Moral Cristã na Infância - É necessário educar o sentimento e cultivar a ciência do coração. Nunca como hoje foi necessário o dizer de Jesus: "Amai-vos uns aos outros. FIM. - AMAR É EDUCAR.